Marketing online
Informações de comércio eletrônico
Pesquisa e Usabilidade
Apoio
Fevereiro/2005
Raio-X Ano de 2004
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
2
www.ebitempresa.com.br
Índice
O que é o Web Shoppers ..........................
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
3
www.ebitempresa.com.br
O que é o Web Shoppers
Uma iniciativa da e-bit, o Web...
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
4
www.ebitempresa.com.br
§ Velobit – O Velobit permite à sua empresa enviar e ...
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
5
www.ebitempresa.com.br
Dados Web Shoppers: metodologia
O Web Shoppers, em su...
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
6
www.ebitempresa.com.br
Pesquisa Expectativa de Consumo
§ Desde Julho de 2002...
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
7
www.ebitempresa.com.br
Estrutura do Relatório
PARTE I
PARTE II
Raio-X de 200...
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
8
www.ebitempresa.com.br
PARTE I
Raio-X de 2004
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
9
www.ebitempresa.com.br
Homens
66%
Acompanhando o crescimento do setor de e-c...
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
10
www.ebitempresa.com.br
0
500.000
1.000.000
1.500.000
2.000.000
2.500.000
3....
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
11
www.ebitempresa.com.br
Homens
66%
Analisando cada ano do setor desde 2001 é...
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
12
www.ebitempresa.com.br
350 400 430
570
0
200
400
600
800
1.000
1° Trimestre...
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
13
www.ebitempresa.com.br
Homens
66%
O Tíquete Médio representa o valor médio ...
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
14
www.ebitempresa.com.br
Homens
66%
Os picos são localizados nos meses mais a...
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
15
www.ebitempresa.com.br
Homens
66%
A evolução acelerada do e-commerce nos an...
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
16
www.ebitempresa.com.br
PARTE II
Natal 2004
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
17
www.ebitempresa.com.br
Homens
66%
A principal época do ano tanto para o var...
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
18
www.ebitempresa.com.br
2.2 – Comparativo Natal 2004 – 2003
Fonte: Grupo de ...
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
19
www.ebitempresa.com.br
Homens
66%
Desde o início das vendas pela Internet, ...
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
20
www.ebitempresa.com.br
PARTE III
Pesquisa de comportamento Jovens X
Maiores...
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
21
www.ebitempresa.com.br
Homens
66%
Desde seu surgimento a Internet vem fican...
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
22
www.ebitempresa.com.br
Os resultados demonstraram que a maioria dos interna...
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
23
www.ebitempresa.com.br
Homens
66%
Em relação ao acesso à internet cada perf...
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
24
www.ebitempresa.com.br
Considerando os serviços disponíveis na Internet, a ...
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
25
www.ebitempresa.com.br
Sites mais utilizados pelos jovens
44%
35%
51%
UOL T...
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
26
www.ebitempresa.com.br
3.3 - E o futuro?
No aspecto pessoal os planos futur...
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
27
www.ebitempresa.com.br
Fonte: Grupo de pesquisas e-bit
Base amostral: 6.196...
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
28
www.ebitempresa.com.br
PARTE IV
Perspectivas para 2005
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
29
www.ebitempresa.com.br
Se o resultado de 2004 surpreendeu e superou a expec...
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
30
www.ebitempresa.com.br
Em segundo lugar estão os produtos eletrônicos, que ...
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
31
www.ebitempresa.com.br
O cenário de estabilidade econômica, vivido em 2004,...
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
32
www.ebitempresa.com.br
Sobre a e-bit
A e-bit é uma empresa de pesquisa e ma...
Apoio:
e-bit - Todos os direitos reservados
33
www.ebitempresa.com.br
Sobre a Camara-e.net
Sobre a Camara-e.net
A Camara B...
Contatos
www.ebitempresa.com.br
Pedro Guasti
negocios@ebit.com.br
55 11 3040-3737 - r. 40
www.camara-e.net
Gastão Mattos
i...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

WebShoppers 11ª Edição

268 visualizações

Publicada em

11ª edição do relatório WebShoppers gerado pela E-bit.
Dados do mercado online

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
268
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

WebShoppers 11ª Edição

  1. 1. Marketing online Informações de comércio eletrônico Pesquisa e Usabilidade Apoio Fevereiro/2005 Raio-X Ano de 2004
  2. 2. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 2 www.ebitempresa.com.br Índice O que é o Web Shoppers ....................................................................................................... Dados dos Web Shoppers........................................................................................................ Estrutura do Relatório ........................................................................................................... Parte I – Raio-X de 2004 ........................................................................................................ 1.1 – Em 2004 o e-commerce continua crescendo; 1.2 – Os quatro anos de e-commerce (segundo o acompanhamento da e-bit); 1.3 – 2004 atinge recorde de tíquete médio; 1.4 – Satisfação dos e-consumidores estabilizada em 2004. Parte II – Natal 2004 ............................................................................................................. 2.1 – Resultado do Natal; 2.2 – Comparativo Natal 2004 – 2003; 2.3 – Eletrônicos assumem a segunda posição dos itens mais vendidos. Parte III – Pesquisa de comportamento Jovens X Maiores de 50 anos ................................... 3.1 – Perfil ; 3.2 – Quanto a Internet ; 3.3 – E o futuro? Parte IV –Perspectivas para 2005........................................................................................... 4.1 – Expectativa de consumo; 4.2 – Conclusões; Sobre a e-bit ......................................................................................................................... Sobre a Camara-e.net ........................................................................................................... Contatos ............................................................................................................................... 3 5 7 8 16 20 28 32 33 34 Nessa 11º edição, você encontra no Web Shoppers:
  3. 3. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 3 www.ebitempresa.com.br O que é o Web Shoppers Uma iniciativa da e-bit, o Web Shoppers tem como objetivo difundir informações essenciais para o entendimento do comportamento dos internautas e sua relação com o e-commerce. O Web Shoppers analisa as evoluções do comércio eletrônico, as mudanças de comportamento e preferências dos e-consumidores e também procura encontrar pontos a serem melhorados no desenvolvimento do e-commerce brasileiro. A e-bit Empresa de pesquisa, marketing e tecnologia online, a e-bit foi criada para auxiliar empresas a atrair, manter e rentabilizar clientes, aumentando a utilização da Internet como canal de relacionamento. Através de um sofisticado sistema de coleta de dados, a e-bit gera diariamente informações detalhadas sobre o comércio eletrônico, a partir de dados do próprio consumidor online após a efetivação de compras em cerca de 400 lojas virtuais. Desde janeiro de 2000, a e-bit já coletou mais de 1,9 milhões de questionários de avaliações de e- consumidores. Além de avaliações de lojas virtuais e informações do comércio eletrônico, a e-bit também presta serviços de pesquisa de mercado online e e-mail marketing por meio de uma série de produtos inovadores como: § Investigação de Usabilidade de Websites – A Investigação de Usabilidade é um instrumento que gera informações e orienta sua empresa na construção ou atualização de seu site. Tudo isso a partir da análise do comportamento das pessoas diante do site de sua empresa com o objetivo de proporcionar uma navegação mais simples, clara e objetiva, o que, conseqüentemente, proporciona o aumento da conversão de visitantes em clientes e incremento das vendas.
  4. 4. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 4 www.ebitempresa.com.br § Velobit – O Velobit permite à sua empresa enviar e administrar campanhas de e-mail marketing personalizadas, com rapidez e eficiência. Com o Velobit, você pode fidelizar seu cliente, convidando-os a visitar sua empresa, a comprar de você, a recomendá-lo para outros clientes e controlar as ações destes clientes. Disponível também na versão online, o Velobit proporciona gerenciamento total das campanhas pela Internet § bitMail – O bitMail permite que você se comunique com um público altamente qualificado, de alto poder aquisitivo e que está acostumado a comprar e utilizar a Internet como meio de comunicação, obtendo altas taxas de retorno em suas ações, como promoções, vendas e campanhas específicas. § bitSurvey – As pesquisas de Mercado são ferramentas de marketing valiosas na hora da tomada de decisão de sua empresa. Fazê-las pela Internet torna o processo mais rápido, barato e fácil de segmentar, atingindo respostas confiáveis de maneira mais ágil. § Inteligência de Mercado – Os relatórios de Inteligência de Mercado permitem que sua empresa esteja sempre à frente de novas oportunidades de negócios, tomando decisões rápidas e certeiras. § bitConsumidor – Programa gratuito de avaliação de sites. O sistema da e-bit funciona sete dias por semana, 24 horas por dia e permite que você conheça a opinião dos seus consumidores a respeito de seu site. A e-bit comemora esta Décima Primeira edição do Web Shoppers e espera contribuir para as iniciativas das empresas que já tenham ou que virão a ter presença na Internet, e para o desenvolvimento do comércio eletrônico no Brasil. Boa Leitura Equipe e-bit
  5. 5. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 5 www.ebitempresa.com.br Dados Web Shoppers: metodologia O Web Shoppers, em sua 11ª edição, utiliza informações provenientes das pesquisas realizadas pela e-bit junto de cerca de 400 lojas virtuais e ao seu painel de e-consumidores. Pesquisa bitConsumidor § Desde Abril de 2000 a e-bit já coletou mais de um 1,9 milhões de questionários respondidos após o processo de compras online pelo sistema bitConsumidor. § Mensalmente agrega a este volume mais de 45.000 novos questionários. § Os dados da e-bit são coletados junto aos compradores online, imediatamente após sua experiência de compra. Essas informações, compiladas, geram mensalmente relatórios de Inteligência de Mercado. Pesquisa de Comportamento Jovens X Acima de 50 anos § A e-bit enviou por e-mail convites para seus associados, de 15 a 30 anos e maiores de 50 anos, responderem uma pesquisa sobre seus hábitos de utilização da Internet. § Incentivados pela moeda virtual da e-bit, os bits (programa de fidelidade que oferece oportunidades de prêmios a partir de apostas no site da e-bit – www.ebit.com.br), cerca de 6.272 pessoas, em um período de uma semana (entre 05/01/2005 a 12/01/2005) responderam ao questionário. § Essas respostas serviram como base para conhecer alguns hábitos de utilização da Internet dos e- consumidores de diferentes faixas etárias.
  6. 6. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 6 www.ebitempresa.com.br Pesquisa Expectativa de Consumo § Desde Julho de 2002 a e-bit identifica a expectativa de consumo dos e-consumidores para cada trimestre do ano juntamente com o PROVAR (Programa de Administração de Varejo) da Fundação Instituto de Administração – FIA da USP. § Esta pesquisa foi realizada no último trimestre de 2004 com e-consumidores residentes na cidade de São Paulo e mostra a intenção de compras para o primeiro trimestre de 2005 em relação a 11 categorias de produto, entre elas CD´s, DVD´s, Livros, linha branca, eletrônicos, etc....
  7. 7. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 7 www.ebitempresa.com.br Estrutura do Relatório PARTE I PARTE II Raio-X de 2004 Natal de 2004 PARTE III Pesquisa de comportamento Jovens X Maiores de 50 anos PARTE IV Perspectivas para 2005
  8. 8. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 8 www.ebitempresa.com.br PARTE I Raio-X de 2004
  9. 9. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 9 www.ebitempresa.com.br Homens 66% Acompanhando o crescimento do setor de e-commerce brasileiro durante os anos de 2001, 2002 e 2003, foi possível, no começo de 2004, fazer uma previsão de que ao final do ano as vendas do setor chegariam à casa dos 1,6 bi de Reais. O resultado, porém, superou as expectativas. O e-commerce B2C brasileiro (números não contabilizam a venda de automóveis, passagens aéreas e sites de leilão) fechou 2004 com 1,75 bi de Reais. Em Junho o faturamento já havia ultrapassado o valor registrado em todo o ano de 2001 e em Novembro já estava quase ultrapassando o valor previsto para o fechamento do ano. O crescimento registrado foi de 47% em relação a 2003. Dezembro e Novembro foram os meses com maior representatividade sendo responsáveis por quase um quarto do faturamento total do ano. Já os meses de Janeiro e Fevereiro foram os meses com menor movimento no comércio eletrônico somando pouco mais de 10%, fato que se repete todos os anos, devido ao desaquecimento do varejo após o período de férias. Um dos fatores que contribuem para o crescimento do faturamento é o aumento da quantidade de adeptos às compra pela Internet e a quantidade de produtos que são adquiridos por este meio. A evolução do volume de vendas em 2004 representa 30% em relação a 2003 e mais de 100% em relação a 2001, quando a e-bit começou a acompanhar o setor. 1.1 – Em 2004 o e-commerce continua crescendo
  10. 10. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 10 www.ebitempresa.com.br 0 500.000 1.000.000 1.500.000 2.000.000 2.500.000 3.000.000 3.500.000 nov/03 dez/03 jan/04 fev/04 m ar/04 abr/04 m ai/04 jun/04 jul/04 ago/04 set/04 out/04 nov/04 dez/04 Quantidade de e-consumidores: Crescimento Fonte: Grupo de pesquisas e-bit Novembro de 2003 a Dezembro de 2004 (www.ebitempresa.com.br) Além disso, no início de 2004, tínhamos pouco mais de 2,5 milhões de pessoas com pelo menos uma experiência de compra pela Internet. Ao final do ano, com um advento de cerca de 30% o número de e- consumidores passou para cerca de 3,25 milhões. Nesta edição você verá os gráficos do acompanhamento da e-bit sobre os vários aspectos do e- commerce brasileiro.
  11. 11. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 11 www.ebitempresa.com.br Homens 66% Analisando cada ano do setor desde 2001 é possível observar que o faturamento está em constante crescimento devido a três principais fatores, o aumento do volume de vendas, o aumento do tíquete médio e aumento na quantidade de e-consumidores. Esta comparação indica que os e-consumidores estão cada vez mais confiantes no comércio virtual e se sentem mais seguros para comprar mais e efetuar compras de produtos com maior valor agregado, como por exemplo, eletroeletrônicos. Para 2005, a previsão de crescimento está na casa dos 30% e, o faturamento do setor deve chegar a R$2,3 bi. O aumento do faturamento é conseqüência direta do aumento no número de pedidos... 1.2 – Os quatro anos de e-commerce (segundo o acompanhamento da e-bit) Fonte: Grupo de pesquisas e-bit / Base amostral: 1.293.495 Janeiro de 2001 a Dezembro de 2004 (www.ebitempresa.com.br) Evolução do Faturamento R$ 2,3 bi R$ 1,75 bi R$ 1,2 mi R$ 850 mi R$ 549mi 2001 2002 2003 2004 2005 (previsão) Quantidade de Pedidos 2.589.838 3.646.263 5.600.350 4.332.238 2001 2002 2003 2004
  12. 12. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 12 www.ebitempresa.com.br 350 400 430 570 0 200 400 600 800 1.000 1° Trimestre 2° Trimestre 3° Trimestre 4° Trimestre Fonte: Grupo de pesquisas e-bit Base amostral: 439.408 Janeiro de 2004 a Dezembro de 2004 (www.ebitempresa.com.br) Faturamento por trimestres em 2004 (em milhões de Reais) ...o e-commerce segue o padrão do varejo tradicional, com maior concentração de vendas e, conseqüentemente, de faturamento nos dois últimos trimestres do ano.
  13. 13. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 13 www.ebitempresa.com.br Homens 66% O Tíquete Médio representa o valor médio gasto pelo e-consumidor em cada compra. Desde 2001 este valor vem aumentando, ou seja, ano após ano, os valores gastos pelos e-consumidores (como costumamos chamar os adeptos das compras virtuais) é cada vez maior. A maturidade do canal – e conseqüentemente de seus próprios “clientes” – aumenta a confiabilidade de se adquirir produtos pela Internet. Mais confiantes, consumidores passam a se sentir mais seguros para efetuar pagamentos de valores cada vez mais altos pela Internet. Quanto maior a segurança do e-consumidor maior é a possibilidade dele adquirir produtos com valor agregado mais alto. Por isso, é importante que as lojas e entidades representativas do setor realizem campanhas para mostrar as vantagens da comodidade e segurança de se comprar sem sair de casa por meio do computador. Uma boa experiência de compra para os clientes, tanto na venda quanto no pós-venda, significa conquistar e fidelizar clientes, fazendo com que suas compras e gastos pelo canal aumentem de maneira significativa. 1.3 - 2004 atinge recorde de tíquete médio Conforme podemos observar no gráfico de evolução do Tíquete Médio, há um crescimento significativo desde 2001 até 2004. Enquanto a média de gasto dos e-consumidores em 2001 foi de R$205, em 2004, eles gastaram em cada compra de 2004 uma média de R$308. R$ 308,00 R$ 284,00 R$ 230,00 R$ 205,00 R$ 100 R$ 300 R$ 500 2001 2002 2003 2004 Média anual do Tíquete Médio Fonte: Grupo de pesquisas e-bit Base Amostral: 439.408 Janeiro de 2004 a Dezembro de 2004 (www.ebitempresa.com.br)
  14. 14. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 14 www.ebitempresa.com.br Homens 66% Os picos são localizados nos meses mais aquecidos do varejo. Em Maio de 2004, por exemplo, mês que se comemora o Dia das Mães, o Tíquete Médio foi de R$ 310,00. Novembro e Dezembro do mesmo ano foram os meses que registraram os mais altos valores de Tíquete Médio desde 2001, sendo respectivamente R$ 324,00 e R$ 330,00. Para 2005, a perspectiva é que exista pequena margem de crescimento para o Tíquete Médio, já que seu valor se encontra acima à casa do US$ 100,00.
  15. 15. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 15 www.ebitempresa.com.br Homens 66% A evolução acelerada do e-commerce nos anos anteriores a 2004, criaram para o setor uma relativa maturidade em certos aspectos. Consumidores, mais certos de seus direitos e conhecedores do serviço prestado pelas lojas virtuais se tornaram mais exigentes. Isso se refletiu no grau de satisfação apontado pelo índice e-bit / PwC (PricewaterhouseCoopers). Em 2004 houve pequena oscilação no grau de satisfação do e-consumidor. Durante os 12 meses do ano, entre 86% e 87% das pessoas que compraram produtos pela Internet revelaram estar satisfeitos com suas compras. O mês em que o índice e-bit / PwC atingiu seu maior nível foi o de Novembro, com 87,4% de clientes satisfeitos. Mesmo assim, o maior índice foi apresentado em dezembro de 2003, com 87,7%. Por isso, fica evidente que ainda há muito trabalho para as lojas virtuais. Os principais pontos de atenção continuam sendo a melhora na experiência de navegação dos sites (tanto em performance quanto em Usabilidade), no atendimento e no pós-venda – principalmente no sistema de embalagem e entrega dos produtos. Segundo o acompanhamento da e-bit, cerca de 12% das compras tinham sua entrega atrasada em Dezembro. 1.4 – Satisfação dos e-consumidores estabilizada em 2004 Fonte: Grupo de pesquisas e-bit Base amostral: 439.408 Janeiro de 2004 a Dezembro de 2004 (www.ebitempresa.com.br) 12% 9% 10% 10% 11% 7% 9% 10%9%9%10%9% 0 0 0 Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Evolução de Índice de Entrega Atrasada ao longo de 2004
  16. 16. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 16 www.ebitempresa.com.br PARTE II Natal 2004
  17. 17. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 17 www.ebitempresa.com.br Homens 66% A principal época do ano tanto para o varejo tradicional como para o virtual é o Natal. Neste período é importante investir no bom atendimento e na fidelização de clientes para enfrentar Janeiro e Fevereiro que costumam ser meses de movimento mais fraco. Em 2004, o período do Natal que vai de 15/11 a 23/12 para as lojas virtuais, foi responsável por 16% do faturamento anual e contabilizou uma receita no valor de R$ 284 mi. O valor do tíquete médio registrou R$ 326,00. Na época mais “agitada” do varejo muitos consumidores deixaram de ir aos shoppings e experimentaram a comodidade de pesquisar e comprar o produto desejado nas lojas virtuais e encontraram diversas opções de preços, pagamentos e entrega. Assim o e-commerce brasileiro conseguiu conquistar muitos novos consumidores. No período de festas, cerca de 20% das pessoas realizaram sua 1ª compra pela Internet. 2.1 – Resultado do Natal Balanço do Natal 2004 pela Internet Faturamento: R$284 milhões Tíquete Médio: R$326,00 Participação no Faturamento Anual: 16% Crescimento em relação a 2003: 39% Fonte:Grupo de pesquisas e-bit / Base amostral: 69.597 De 15 de Novembro de 2004 a 23 de Dezembro de 2004 (www.ebitempresa.com.br)
  18. 18. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 18 www.ebitempresa.com.br 2.2 – Comparativo Natal 2004 – 2003 Fonte: Grupo de pesquisas e-bit / Base amostral: 127.185 De 15 de Novembro de 2003 a 23 de Dezembro de 2003 E de 15 de Novembro de 2004 a 23 de Dezembro de 2004 (www.ebitempresa.com.br) Comparando o período de Natal de 2003 com 2004, houve crescimento de quase 40% em relação ao faturamento e o Tíquete Médio passou de R$ 309,00 para R$ 326,00. Esses fatores indicam que no período de Natal, os e-consumidores escolheram produtos com maior valor agregado para presentear amigos, familiares, etc. Fato que pode ser comprovado pelo aumento da participação dos produtos eletrônicos no final de 2004. Além disso, durante o Natal de 2004 os clientes das lojas virtuais compraram 17% a mais do que em 2003. Mais de 870 mil pedidos foram efetivados. O incremento no número de e-consumidores e o aumento no valor do tíquete médio foram os grandes responsáveis pelo resultado positivo do Natal de 2004. Natal 2003 Natal 2004 Faturamento R$ 204 Mi R$ 284 Mi Tíquete Médio R$ 309,00 R$ 326,00 Representatividade no ano 17% 16% Crescimento sobre o ano anterior 55% 39% Crescimento no volume de vendas sobre o ano anterior 39% 17% Comparação entre Natal de 2003 e 2004
  19. 19. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 19 www.ebitempresa.com.br Homens 66% Desde o início das vendas pela Internet, os campões de vendas sempre foram os títulos em CDs, DVDs e Vídeos. Em 2004 não foi diferente, esta linha de produtos representou 27% das vendas do ano e 29% das vendas do Natal. Outro produto bastante vendido nas lojas virtuais são os Livros, Revistas e Jornais. Há bastante tempo esta categoria ocupava o 2º lugar no ranking dos mais vendidos, porém neste Natal o segundo lugar foi dos eletrônicos, que representaram 14%, dois pontos percentuais a mais do que os Livros, Revistas e Jornais. A categoria dos eletrônicos é composta por aparelhos de TV, aparelhos de som, câmeras digitais, aparelhos de DVD, etc que e em sua maioria possuem um alto valor agregado. O crescimento destes itens da categoria eletrônicos é o principal responsável pelo aumento do valor do Tíquete Médio. 2.3 - Eletrônicos assumem a segunda posição dos itens mais vendidos Fonte: Grupo de pesquisas e-bit / Base amostral: 90.549 De 15 de Novembro de 2003 a 23 de Dezembro de 2003 E de 15 de Novembro de 2004 a 23 de Dezembro de 2004 (www.ebitempresa.com.br) Participação por produto durante o Natal 4% 3% 16% 11% 33% 6% 6% 13% 14% 29% Eletrodomésticos Saúde e Beleza: perfumes,cosméticos,remédios, etc. Livros, Revistas e Jornais Eletrônicos-TV,vídeo,som,etc Títulos de CD, DVD e Vídeo 2003 2004
  20. 20. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 20 www.ebitempresa.com.br PARTE III Pesquisa de comportamento Jovens X Maiores de 50 anos
  21. 21. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 21 www.ebitempresa.com.br Homens 66% Desde seu surgimento a Internet vem ficando cada vez mais importante na vida de seus usuários e conquistando novos internautas. Segundo o IBOPE eRatings, atualmente temos no Brasil, mais de 30 milhões de pessoas com acesso a web. Tanto no aspecto pessoal quanto no profissional, o acesso à rede mundial de computadores tem se tornado imprescindível para muitas profissões e para o convívio social. A e-bit aplicou, em janeiro uma pesquisa em sua base de associados (na grande maioria e-consumidores) com o objetivo de traçar o perfil de duas faixas etárias bem distintas. A faixa etária dos jovens engloba internautas de 15 a 30 anos e a segunda faixa etária corresponde aos internautas com mais de 50 anos. A pesquisa, enviada para mais de 20 mil pessoas por e-mail, foi respondida por mais de 6 mil internautas compreendidos entre as faixas etárias selecionadas, e definiu alguns padrões demográficos e os principais hábitos de cada faixa em relação à Internet. 3.1 – Perfil Fonte: Grupo de pesquisas e-bit / Base amostral: 4.596 Coleta feita entre 05/Jan/2005 e 12/Jan/2005 (www.ebitempresa.com.br) Perfil do público jovem Demografia 47% 16% 13% 24% Grande São Paulo Interior de São Paulo Rio de Janeiro Outros Sexo 46% 54% Feminino Masculino Fonte: Grupo de pesquisas e-bit / Base amostral: 4.708 Coleta feita entre 05/Jan/2005 e 12/Jan/2005 (www.ebitempresa.com.br)
  22. 22. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 22 www.ebitempresa.com.br Os resultados demonstraram que a maioria dos internautas mais jovens está localizada na Grande São Paulo (47%) e no Interior de São Paulo (16%), enquanto os mais velhos estão concentrados na Grande São Paulo (48%) e Rio de Janeiro (21%). Os homens são maioria em ambas as faixas sendo 54% dos jovens e 60% dos acima de 50 anos. Esse dado revela que, com o passar dos anos, a participação das mulheres no universo de Internautas e também nas vendas do comércio eletrônico deve aumentar significativamente. Outra informação apurada é em relação ao estado civil. Nesse quesito os dois públicos apresentam grande diferença. Cerca de 75% dos jovens é de solteiros, e a maioria dos mais velhos casados, 68%. Perfil do público com mais de 50 anos Demografia 48% 11% 21% 20% Grande São Paulo Interior de São Paulo Rio de Janeiro Outros Sexo 40% 60% Feminino Masculino Fonte: Grupo de pesquisas e-bit / Base amostral: 1.534 Coleta feita entre 05/Jan/2005 e 12/Jan/2005 (www.ebitempresa.com.br) Fonte: Grupo de pesquisas e-bit / Base amostral: 1.542 Coleta feita entre 05/Jan/2005 e 12/Jan/2005 (www.ebitempresa.com.br)
  23. 23. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 23 www.ebitempresa.com.br Homens 66% Em relação ao acesso à internet cada perfil tem sua singularidade e algumas características em comum. Dois terços de ambos os grupos disseram que a Internet traz mais tempo para fazer outras atividades, pois provê acesso rápido à várias informações. Cerca de 30% dos mais jovens utilizam a Internet durante 30 ou mais horas por semana e cerca de 22% dos mais velhos utilizam a Internet pelo mesmo período de tempo. Embora os mais velhos acessem durante menos tempo a maioria desfruta da comodidade de ter acesso via banda larga, cerca de 83%. Entre os jovens cerca de 75% têm acesso à Internet por este mesmo meio. 3.2 - Quanto a Internet Perfil do público com mais de 50 anos Fonte: Grupo de pesquisas e-bit Base amostral: 4.629 Coleta feita entre 05/Jan/2005 e 12/Jan/2005 (www.ebitempresa.com.br) Fonte: Grupo de pesquisas e-bit Base amostral: 1.538 Coleta feita entre 05/Jan/2005 e 12/Jan/2005 (www.ebitempresa.com.br) Jovens 25% 75% discado banda larga Mais de 50 anos 17% 83% discado banda larga
  24. 24. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 24 www.ebitempresa.com.br Considerando os serviços disponíveis na Internet, a utilização do e-mail lidera o ranking dos mais utilizados em ambas as faixas, sendo utilizado por 96% dos jovens e 91% dos mais velhos. Os itens ‘sites de busca’ e ‘jornais e revistas online’ também estão entre os mais utilizados em ambas as faixas, porém com porcentagens diferentes. Serviços mais utilizados pelos jovens 96% 73% 41% 40% 40% E-mail Sites de busca Pesquisas profissionais/comerciais Jornais/Revistas online Messenger/MSN/ICQ/serviços de mensagem em tempo real Serviços mais utilizados pelos maiores de 50 anos 91% 63% 58% 40% 37% E-mail Internet Banking Sites de busca Jornais/Revistas online Pesquisas de preço Fonte: Grupo de pesquisas e-bit Base amostral: 23.052 Coleta feita entre 05/Jan/2005 e 12/Jan/2005 (www.ebitempresa.com.br) Fonte: Grupo de pesquisas e-bit Base amostral: 7.461 Coleta feita entre 05/Jan/2005 e 12/Jan/2005 (www.ebitempresa.com.br)
  25. 25. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 25 www.ebitempresa.com.br Sites mais utilizados pelos jovens 44% 35% 51% UOL TERRA YAHOO Sites mais utilizados pelos maiores de 50 anos 56% 47% 42% Sites de busca UOL TERRA Fonte: Grupo de pesquisas e-bit Base amostral: 4.531 Coleta feita entre 05/Jan/2005 e 12/Jan/2005 (www.ebitempresa.com.br) Fonte: Grupo de pesquisas e-bit Base amostral: 1.544 Coleta feita entre 05/Jan/2005 e 12/Jan/2005 (www.ebitempresa.com.br) Ranking dos portais mais utilizados Há diferença também entre os portais mais utilizados em cada uma das faixas. O UOL é acessado por 51% dos jovens e os sites de busca lideram a utilização pelos mais velhos de acordo com 56% deles.
  26. 26. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 26 www.ebitempresa.com.br 3.3 - E o futuro? No aspecto pessoal os planos futuros destas faixas são bem diferentes. Enquanto a maioria dos jovens deseja conquistar nos próximos anos reconhecimento profissional, a maioria dos mais velhos deseja viajar e conhecer o Brasil. Porém, para mais de 50% de ambas as faixas o obstáculo que dificulta a realização deste objetivo é a falta de dinheiro. Em último lugar na lista de planos para os próximos anos está o item ‘construir fortuna e ganhar muito dinheiro’ em ambas as faixas. Quanto a visão do futuro da Internet a maioria entre as duas faixas está confiante e diz acreditar que a Internet será cada vez mais rápida e com muito mais informações. Fonte: Grupo de pesquisas e-bit Base amostral: 6.196 Coleta feita entre 05/Jan/2005 e 12/Jan/2005 (www.ebitempresa.com.br) Jovens Mais de 50 anos A maioria quer Reconhecimento profissional (52%) Viajar pelo Brasil (36%) A minoria quer Construir fortuna e ganhar muito dinheiro (19%) Construir fortuna e ganhar muito dinheiro (13%) Planos para o futuro
  27. 27. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 27 www.ebitempresa.com.br Fonte: Grupo de pesquisas e-bit Base amostral: 6.196 Coleta feita entre 05/Jan/2005 e 12/Jan/2005 (www.ebitempresa.com.br) Influências da Internet Jovens Mais de 50 anos Trabalho Aumentará as oportunidades (40%) Torna o trabalho mais simples/fácil (51%) Lazer Facilitará a busca por atividades diferentes (48%) Facilita a busca por atividades diferentes (50%) Família Não influenciará (40%) Torna meu relacionamento com meus familiares mais fácil em função do contato por e-mail, serviços de mensagens instantâneas e contatos por imagem e voz (44%) Porém há algumas opiniões bem divergentes em relação à influência da Internet sobre as relações familiares. Como por exemplo, em relação à família, cerca de 40% dos jovens acreditam que a Internet não influenciará em nada, já 44% dos mais velhos acreditam que a Internet tornará o relacionamento com os familiares mais fácil em função do contato por e-mail, serviços de mensagens instantâneas e contatos por imagem e voz.
  28. 28. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 28 www.ebitempresa.com.br PARTE IV Perspectivas para 2005
  29. 29. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 29 www.ebitempresa.com.br Se o resultado de 2004 surpreendeu e superou a expectativa apontada no começo do ano passado, a perspectiva para 2005 também é muito otimista. Para esse ano, é esperado um crescimento na casa dos 30%. Em se confirmando esse percentual para 2005, o faturamento total das empresas que vendem produtos diretamente ao consumidor final pela Internet deve chegar à casa dos R$2,3 bi (os dados não contabilizam a venda de automóveis, turismo e sites de leilão). Essa previsão pode ser confirmada pelo resultado do primeiro relatório de Expectativa de Consumo do ano, realizado em parceria pela e-bit e pelo Programa de Administração de Varejo – PROVAR, da Fundação Instituto de Administração – FIA da USP. O estudo, realizado desde Julho de 2002, procura encontrar, dentro do público que faz suas compras pela Internet, qual a intenção de compras pelo canal para o trimestre subseqüente de cerca de 11 categorias de produtos, entre elas, CD´s e DVD´s, informática, linha-branca, eletrônicos, telefonia e celulares, viagem e turismo entre outros. O primeiro relatório do ano surpreendeu as expectativas. Apenas 0,5% dos entrevistados afirmou que não tem intenção de adquirir produto algum nos meses de Janeiro, Fevereiro e Março. Além de ser um percentual muito baixo, o dado impressiona mais, pois os primeiros meses do ano são, tradicionalmente meses de menor consumo. Para se ter idéia, no início do ano passado, 7,9% dos respondentes afirmaram que não tinham planos de fazer compras pela Internet. Liderando a intenção de consumo estão os produtos recordistas de vendas na Internet. A compra de Livros, CD´s e DVD´s figuram nos planos de cerca de 70,5% dos entrevistados. 4.2 - Expectativa de Consumo
  30. 30. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 30 www.ebitempresa.com.br Em segundo lugar estão os produtos eletrônicos, que registram grande crescimento em 2004 e chegaram a ficar em segundo lugar na lista dos mais vendidos pela Internet no último Natal. Top of Mind Outro dado levantado na pesquisa é em relação às empresas que vêem em primeiro, segundo e terceiro lugar na cabeça do consumidor no momento em que ele for realizar suas compras. No primeiro relatório de 2005, para o item Turismo, a loja virtual que apareceu na maioria das respostas foi a GOL (www.voegol.com.br) com 21,0% das respostas, seguida da CVC (www.cvc.com.br) com 15,8%. Fonte: Grupo de pesquisas e-bit Base amostral: 1.854 respondentes em Janeiro de 2004 e 1.082 respondentes em Dezembro de 2004 (www.ebitempresa.com.br) Intenção de consumo – 1º trimestre 2004 2005 Não pretendem comprar 7,9% 0,5% Pretendem comprar pelo menos 1 item 92,1% 99,5% 1º Trimestre 2005 Qual é a primeira loja virtual cujo nome lhe vem à mente para fazer compra de itens de Turismo 1o. 2o. 3o. GOL - 21% CVC - 15,8% Decolar - 11,3%
  31. 31. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 31 www.ebitempresa.com.br O cenário de estabilidade econômica, vivido em 2004, em comparação a 2002 e 2003, e a promessa, ainda não vivida, do “espetáculo” do crescimento, trouxeram para o e-commerce brasileiro uma situação muito favorável. A entrada de novos consumidores e o crescimento do tíquete médio em 2004, devido a uma maior participação nas vendas de itens com alto valor agregado, como os eletrônicos, proporcionaram para o ano passado um crescimento acima da expectativa. Para 2005, a perspectiva é de que o maior esforço dos varejistas virtuais do Brasil deve se concentrar mais na conquista de novos clientes. Hoje, num universo de 30 milhões de internautas, temos cerca de 3.250 mil compradores. Ou seja, existe um enorme mercado potencial que ainda não foi convencido da conveniência e segurança do canal para adquirir seus produtos. Além disso, em 2005, o valor do tíquete médio deve se manter estável, já que atingiu patamar muito superior aos U$100. Por isso, além das campanhas publicitárias, as lojas precisam se esforçar para dar o “marinheiro de primeira” viagem, uma ótima experiência de compra. Nesse caso, experiência de compra começa no momento em que o consumidor entra no site da loja, encontra facilmente o que procura, consegue concluir sem problemas e dificuldade a compra, solicita informações ao atendimento e recebe tudo o que comprou dentro da data prometida, Se isso acontecer, certamente mais uma vez o e-commerce nacional vai superar a previsão do início do ano. 4.2 - Conclusões
  32. 32. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 32 www.ebitempresa.com.br Sobre a e-bit A e-bit é uma empresa de pesquisa e marketing online fundada com a missão de auxiliar empresas a atrair, manter e rentabilizar seus clientes, alavancando a utilização da Internet como um poderoso canal de relacionamento. As informações sobre e-commerce da e-bit são coletadas junto a consumidores após realizarem compras em aproximadamente 400 lojas virtuais. De Abril de 2.000 a Fevereiro de 2005, a e-bit já coletou mais de 1,9 mi de avaliações de e-consumidores. Além de avaliações de lojas virtuais, cuja classificação é divulgada em seu site (www.ebit.com.br), a e-bit também presta serviços de pesquisa quantitativas e qualitativas, gerenciamento de campanhas de e-mail marketing, além de relatórios de Inteligência de Mercado e Investigação de Usabilidade. Para saber mais sobre os serviços da e-bit, consulte o site www.ebitempresa.com.br . Principais Clientes VIVOTicket ServiçosTerra TecBanSul América SegurosSubmarino Somlivre.com Previ Pão de Açúcar MasterCard Extra.com Citibank Banco Banespa Santander Americanas.com SiemensShoptime PhilipsPfizer NaturaMotorola Livraria CulturaGimba Editora AbrilCredicard BraskemBradesco Banco RealBanco do Brasil American ExpressAdvanstar
  33. 33. Apoio: e-bit - Todos os direitos reservados 33 www.ebitempresa.com.br Sobre a Camara-e.net Sobre a Camara-e.net A Camara Brasileira de Comércio Eletrônico foi fundada em 07 de Maio de 2001 por 100 das principais empresas do Brasil. Camara-e.net tem como missão discutir, posicionar, promover, representar e defender os interesses coletivos de empresas, entidades e usuários associados, envolvidos em atividades de comércio, relações e negócios por meios eletrônicos. Nesse sentido, comércio eletrônico significa investimentos em tecnologia da informação aplicada à modernização das relações econômicas e ao aumento de produtividade e competitividade em todos os níveis. A Camara-e.net já é a principal entidade multi-setorial da Economia Digital no Brasil e América Latina, voltada ao comércio eletrônico como fator estratégico de desenvolvimento econômico na era do conhecimento. Participe da Camara Brasileira de Comércio Eletrônico. Influencie o presente e o futuro do comércio eletrônico no Brasil. www.camara-e.net
  34. 34. Contatos www.ebitempresa.com.br Pedro Guasti negocios@ebit.com.br 55 11 3040-3737 - r. 40 www.camara-e.net Gastão Mattos info@camara-e.net 55 11 3026-9111 Apoio

×