SlideShare uma empresa Scribd logo
CERRADO BRASILEIRO
Introdução e Características
CERRADO BRASILEIRO


É a segunda maior formação vegetal brasileira



Estendia-se originalmente por uma área de 2
milhões de km², abrangendo dez estados do Brasil
Central.



Hoje restam menos de 20%
CERRADO BRASILEIRO


Encontra- se nos estados do Mato Grosso, Mato
Grosso do Sul, Goiás, Distrito Federal e Tocantins,
oeste de Minas Gerais e sul do Maranhão e Piauí.



O cerrado é o sistema ambiental brasileiro que
mais sofreu alteração com a ocupação humana.
Atualmente, vivem ali cerca de 20 milhões de
pessoas.



Preservado desde a colonização do Brasil, passa a
ser explorado sem controle com a construção de
Brasília
FITOFISIONOMIAS DO CERRADO


CERRADO TÍPICO (SENTIDO RESTRITO)

•

árvores baixas, inclinadas, tortuosas, com
ramificações irregulares e retorcidas, e geralmente
com evidências de queimadas;
FITOFISIONOMIAS DO CERRADO


CAMPO SUJO

•

são constituídas por indivíduos menos desenvolvidos das espécies
arbóreas do Cerrado sentido restrito.
FITOFISIONOMIAS DO CERRADO


CERRADÃO

•

Cerradão é uma formação florestal com aspectos xeromórficos
(resistência à seca), com árvores altas e mata fechada. É a floresta
do centro oeste.
FITOFISIONOMIAS DO CERRADO


CERRADO RUPESTRE

•

Caracteriza-se por ocorrer em solos rochosos, com a predominância
de árvores arbustivas, pequenas e tortas.
FITOFISIONOMIAS DO CERRADO


VEREDA

•

A Vereda é a fitofisionomia com a palmeira do Buriti (Mauritia
flexuosa), são comuns numa posição intermediária do terreno,
próximo as nascentes (olhos d'água), ou na borda de matas de
galeria. A concorrência da Vereda condiciona-se ao afloramento do
lençol freático.
FITOFISIONOMIAS DO CERRADO


MATA RIPÁRIA

•

Na definição, Mata Ripária pode ser subdividida em duas categorias,
Mata Ciliar e Mata de Galeria.
FAUNA


um dos biomas mais importantes do mundo, contendo 5% da
biodiversidade do planeta, aproximadamente 7.000 espécies de
plantas, 1.200 de peixes, 150 de anfíbios, 180 de répteis, 837 de
aves e 199 de mamíferos
FLORA


As savanas tropicais estão distribuídas pela América do Sul, África e
Ásia. Destas o Cerrado brasileiro é a maior e mais rica savana do
mundo, e possivelmente a mais ameaçada.
IPÊS
Ipê Amarelo: desabrocham em dias secos e anunciam a proximidade
da primavera, se destaca facilmente na mata no inverno. Em 1961,
Jânio Quadros declarou o Ipê amarelo como a flor nacional (Ipê é uma
palavra de origem tupi, que significa árvore cascuda).
IPÊS
Outros ipês:
Rosa



Branco

Roxo
QUESTÃO HÍDRICA


O Cerrado encontra-se em um altiplano, donde
escorrem as águas aqui nascidas para o restante
do Brasil e América Latina; por isso é chamado de



Berço das Águas
QUESTÃO HÍDRICA
CONSERVAÇÃO


SISNAMA – SISTEMA NACIONAL DE MEIO AMBIENTE



SNUC – SISTEMA NACIONAL DE UNIDADES DE CONSERVAÇÃO



SDUC – SISTEMA DISTRITAL DE UNIDADES DE
CONSEREVAÇÃO
UNIDADES DE CONSERVAÇÃO


As principais do DF:



Estação Ecológica de Águas Emendadas – ESEC-AE



Parque Nacional de Brasília – PNB



Estação Ecológica do Jardim Botânico de Brasília – EEJBB



Fundação Jardim Zoológico de Brasília - FJZB

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Pampa
PampaPampa
APRESENTAÇÃO SOBRE O BIOMA PANTANAL
APRESENTAÇÃO SOBRE O BIOMA PANTANALAPRESENTAÇÃO SOBRE O BIOMA PANTANAL
APRESENTAÇÃO SOBRE O BIOMA PANTANAL
Ceber Alves
 
BIOMA: MATA ATLÂNTICA
BIOMA: MATA ATLÂNTICA BIOMA: MATA ATLÂNTICA
BIOMA: MATA ATLÂNTICA
Hávila Said
 
Bioma pampa
Bioma pampaBioma pampa
Bioma pampa
Ted Fernandes
 
Mata Atlântica - Biomas
Mata Atlântica - BiomasMata Atlântica - Biomas
Mata Atlântica - Biomas
Beatriz Monteiro
 
As consequências do Desmatamento da Amazônia
As consequências do Desmatamento da AmazôniaAs consequências do Desmatamento da Amazônia
As consequências do Desmatamento da Amazônia
Thalita Maciel de Melo
 
Vegetação Litorânea
Vegetação Litorânea Vegetação Litorânea
Vegetação Litorânea
Maria Olandina Machado
 
Amazônia
AmazôniaAmazônia
Amazônia
Marlos Cesar
 
Os biomas brasileiros
Os biomas brasileirosOs biomas brasileiros
Os biomas brasileiros
Portal do Vestibulando
 
Bioma da Mata Atlântica
Bioma da Mata AtlânticaBioma da Mata Atlântica
Bioma da Mata Atlântica
Anderson Silva
 
Mata atlântica
Mata atlânticaMata atlântica
Mata atlântica
Edmar Souza
 
Biomas: Pantanal
Biomas: PantanalBiomas: Pantanal
Biomas: Pantanal
Guimattosrp
 
Área de Preservação Permanente e Reserva Legal - novembro-2009
Área de Preservação Permanente e Reserva Legal - novembro-2009Área de Preservação Permanente e Reserva Legal - novembro-2009
Área de Preservação Permanente e Reserva Legal - novembro-2009
Fabricio Soler
 
mata atlântica
mata atlânticamata atlântica
mata atlântica
Jade
 
Trabalho de geo CERRADO
Trabalho de geo CERRADOTrabalho de geo CERRADO
Trabalho de geo CERRADO
William Barcellos
 
Trabalho de Ecologia - Bioma Pampa
Trabalho de Ecologia - Bioma PampaTrabalho de Ecologia - Bioma Pampa
Trabalho de Ecologia - Bioma Pampa
Jean Leão
 
Bioma Caatinga
Bioma CaatingaBioma Caatinga
Bioma Caatinga
William Santos
 
Queimadas: causas, danos e prevenção
Queimadas: causas, danos e prevençãoQueimadas: causas, danos e prevenção
Queimadas: causas, danos e prevenção
Acrópole - História & Educação
 
Bioma amazônico
Bioma amazônicoBioma amazônico
Bioma amazônico
Leonaci Rios
 
Slide Bioma Pampa
Slide Bioma PampaSlide Bioma Pampa

Mais procurados (20)

Pampa
PampaPampa
Pampa
 
APRESENTAÇÃO SOBRE O BIOMA PANTANAL
APRESENTAÇÃO SOBRE O BIOMA PANTANALAPRESENTAÇÃO SOBRE O BIOMA PANTANAL
APRESENTAÇÃO SOBRE O BIOMA PANTANAL
 
BIOMA: MATA ATLÂNTICA
BIOMA: MATA ATLÂNTICA BIOMA: MATA ATLÂNTICA
BIOMA: MATA ATLÂNTICA
 
Bioma pampa
Bioma pampaBioma pampa
Bioma pampa
 
Mata Atlântica - Biomas
Mata Atlântica - BiomasMata Atlântica - Biomas
Mata Atlântica - Biomas
 
As consequências do Desmatamento da Amazônia
As consequências do Desmatamento da AmazôniaAs consequências do Desmatamento da Amazônia
As consequências do Desmatamento da Amazônia
 
Vegetação Litorânea
Vegetação Litorânea Vegetação Litorânea
Vegetação Litorânea
 
Amazônia
AmazôniaAmazônia
Amazônia
 
Os biomas brasileiros
Os biomas brasileirosOs biomas brasileiros
Os biomas brasileiros
 
Bioma da Mata Atlântica
Bioma da Mata AtlânticaBioma da Mata Atlântica
Bioma da Mata Atlântica
 
Mata atlântica
Mata atlânticaMata atlântica
Mata atlântica
 
Biomas: Pantanal
Biomas: PantanalBiomas: Pantanal
Biomas: Pantanal
 
Área de Preservação Permanente e Reserva Legal - novembro-2009
Área de Preservação Permanente e Reserva Legal - novembro-2009Área de Preservação Permanente e Reserva Legal - novembro-2009
Área de Preservação Permanente e Reserva Legal - novembro-2009
 
mata atlântica
mata atlânticamata atlântica
mata atlântica
 
Trabalho de geo CERRADO
Trabalho de geo CERRADOTrabalho de geo CERRADO
Trabalho de geo CERRADO
 
Trabalho de Ecologia - Bioma Pampa
Trabalho de Ecologia - Bioma PampaTrabalho de Ecologia - Bioma Pampa
Trabalho de Ecologia - Bioma Pampa
 
Bioma Caatinga
Bioma CaatingaBioma Caatinga
Bioma Caatinga
 
Queimadas: causas, danos e prevenção
Queimadas: causas, danos e prevençãoQueimadas: causas, danos e prevenção
Queimadas: causas, danos e prevenção
 
Bioma amazônico
Bioma amazônicoBioma amazônico
Bioma amazônico
 
Slide Bioma Pampa
Slide Bioma PampaSlide Bioma Pampa
Slide Bioma Pampa
 

Destaque

Cerrado 4
Cerrado 4Cerrado 4
Biomas cerrado-2
Biomas   cerrado-2Biomas   cerrado-2
Biomas cerrado-2
Vinícius Nonato
 
Cerrado
CerradoCerrado
Bioma: Cerrado
Bioma: CerradoBioma: Cerrado
Bioma: Cerrado
Malu Anacleto
 
Cerrado Brasileiro
Cerrado BrasileiroCerrado Brasileiro
Cerrado Brasileiro
ecsette
 
Flora e fauna do cerrado brasileiro
Flora e fauna do cerrado brasileiroFlora e fauna do cerrado brasileiro
Flora e fauna do cerrado brasileiro
LeilocaTavares
 
A vegetação nativa e os animais silvestres-Professora Joelma
A vegetação nativa e os animais silvestres-Professora JoelmaA vegetação nativa e os animais silvestres-Professora Joelma
A vegetação nativa e os animais silvestres-Professora Joelma
Joelma Araujo
 
Biomas
BiomasBiomas
Binca
BincaBinca
VegetaçãO Brasileira 4° e 5º ano Ensino Fundamental
VegetaçãO Brasileira 4° e 5º ano Ensino FundamentalVegetaçãO Brasileira 4° e 5º ano Ensino Fundamental
VegetaçãO Brasileira 4° e 5º ano Ensino Fundamental
Coraci Machado Araújo
 
Unesco Agua Vegetacao E Solo Pdf
Unesco Agua Vegetacao E Solo PdfUnesco Agua Vegetacao E Solo Pdf
Unesco Agua Vegetacao E Solo Pdf
Wanessa de Castro
 
Biomas brasileiros
Biomas brasileirosBiomas brasileiros
Biomas brasileiros
segundomanhaluce
 
Bioma Cerrado
Bioma   CerradoBioma   Cerrado
Bioma Cerrado
Jade
 
O Cerrado; conceito e vegetação
O Cerrado; conceito e vegetaçãoO Cerrado; conceito e vegetação
O Cerrado; conceito e vegetação
UESPI - PI
 
Bioma Amazônia
Bioma AmazôniaBioma Amazônia
Bioma Amazônia
Joemille Leal
 
Domínios Brasileiros - Campos Sulinos - Pampas Gaúchos
Domínios Brasileiros - Campos Sulinos - Pampas GaúchosDomínios Brasileiros - Campos Sulinos - Pampas Gaúchos
Domínios Brasileiros - Campos Sulinos - Pampas Gaúchos
Gabriel Nogueira
 
Cerrado
CerradoCerrado
Cerrado
ntegraca
 
Sistema nacional de unidades de conservação
Sistema nacional de unidades de conservaçãoSistema nacional de unidades de conservação
Sistema nacional de unidades de conservação
guest0a95ab
 
Trabalho Cerrado - 3* ANO
Trabalho Cerrado - 3* ANOTrabalho Cerrado - 3* ANO
Trabalho Cerrado - 3* ANO
Jhonatas Neves
 
Cerrado
CerradoCerrado
Cerrado
Carol Almeida
 

Destaque (20)

Cerrado 4
Cerrado 4Cerrado 4
Cerrado 4
 
Biomas cerrado-2
Biomas   cerrado-2Biomas   cerrado-2
Biomas cerrado-2
 
Cerrado
CerradoCerrado
Cerrado
 
Bioma: Cerrado
Bioma: CerradoBioma: Cerrado
Bioma: Cerrado
 
Cerrado Brasileiro
Cerrado BrasileiroCerrado Brasileiro
Cerrado Brasileiro
 
Flora e fauna do cerrado brasileiro
Flora e fauna do cerrado brasileiroFlora e fauna do cerrado brasileiro
Flora e fauna do cerrado brasileiro
 
A vegetação nativa e os animais silvestres-Professora Joelma
A vegetação nativa e os animais silvestres-Professora JoelmaA vegetação nativa e os animais silvestres-Professora Joelma
A vegetação nativa e os animais silvestres-Professora Joelma
 
Biomas
BiomasBiomas
Biomas
 
Binca
BincaBinca
Binca
 
VegetaçãO Brasileira 4° e 5º ano Ensino Fundamental
VegetaçãO Brasileira 4° e 5º ano Ensino FundamentalVegetaçãO Brasileira 4° e 5º ano Ensino Fundamental
VegetaçãO Brasileira 4° e 5º ano Ensino Fundamental
 
Unesco Agua Vegetacao E Solo Pdf
Unesco Agua Vegetacao E Solo PdfUnesco Agua Vegetacao E Solo Pdf
Unesco Agua Vegetacao E Solo Pdf
 
Biomas brasileiros
Biomas brasileirosBiomas brasileiros
Biomas brasileiros
 
Bioma Cerrado
Bioma   CerradoBioma   Cerrado
Bioma Cerrado
 
O Cerrado; conceito e vegetação
O Cerrado; conceito e vegetaçãoO Cerrado; conceito e vegetação
O Cerrado; conceito e vegetação
 
Bioma Amazônia
Bioma AmazôniaBioma Amazônia
Bioma Amazônia
 
Domínios Brasileiros - Campos Sulinos - Pampas Gaúchos
Domínios Brasileiros - Campos Sulinos - Pampas GaúchosDomínios Brasileiros - Campos Sulinos - Pampas Gaúchos
Domínios Brasileiros - Campos Sulinos - Pampas Gaúchos
 
Cerrado
CerradoCerrado
Cerrado
 
Sistema nacional de unidades de conservação
Sistema nacional de unidades de conservaçãoSistema nacional de unidades de conservação
Sistema nacional de unidades de conservação
 
Trabalho Cerrado - 3* ANO
Trabalho Cerrado - 3* ANOTrabalho Cerrado - 3* ANO
Trabalho Cerrado - 3* ANO
 
Cerrado
CerradoCerrado
Cerrado
 

Semelhante a Palestra cerrado brasileiro

Biomas brasileiros completo (1)
Biomas brasileiros completo (1)Biomas brasileiros completo (1)
Biomas brasileiros completo (1)
norivalfp
 
Apresentação power point sobre biomas
Apresentação power point sobre biomasApresentação power point sobre biomas
Apresentação power point sobre biomas
norivalfp
 
Trabalho de geografia..pptx kelen 8º d
Trabalho de geografia..pptx kelen 8º dTrabalho de geografia..pptx kelen 8º d
Trabalho de geografia..pptx kelen 8º d
norivalfp
 
Os biomas brasileiros
Os biomas brasileirosOs biomas brasileiros
Os biomas brasileiros
Gustavo Silva de Souza
 
Vegetacao brasileira
Vegetacao brasileiraVegetacao brasileira
Vegetacao brasileira
Rosemildo Lima
 
Os biomas-brasileiros
Os biomas-brasileirosOs biomas-brasileiros
Os biomas-brasileiros
eunamahcado
 
Os biomas brasileiros
Os biomas brasileirosOs biomas brasileiros
Os biomas brasileiros
Karen Carvalho
 
Biomas brasileiros
Biomas brasileirosBiomas brasileiros
PAISAGENS / BIOMAS DO BRASIL
PAISAGENS / BIOMAS DO BRASILPAISAGENS / BIOMAS DO BRASIL
PAISAGENS / BIOMAS DO BRASIL
jopago2012
 
Cerrado Joao Paulo
Cerrado    Joao PauloCerrado    Joao Paulo
Cerrado Joao Paulo
valdeniDinamizador
 
SAVANAS E FLORESTAS SUBTROPICAIS
SAVANAS E FLORESTAS SUBTROPICAISSAVANAS E FLORESTAS SUBTROPICAIS
SAVANAS E FLORESTAS SUBTROPICAIS
Conceição Fontolan
 
Biomas Do Brasil
Biomas Do BrasilBiomas Do Brasil
os_biomas_brasileiros.ppt
os_biomas_brasileiros.pptos_biomas_brasileiros.ppt
os_biomas_brasileiros.ppt
AdelsonSales2
 
MATA ATLÂNTICA - ESP. MÍDIAS NA EDUCAÇÃO (UFOP) - LUAN HENRIQUE
MATA ATLÂNTICA  - ESP. MÍDIAS NA EDUCAÇÃO (UFOP) - LUAN HENRIQUEMATA ATLÂNTICA  - ESP. MÍDIAS NA EDUCAÇÃO (UFOP) - LUAN HENRIQUE
MATA ATLÂNTICA - ESP. MÍDIAS NA EDUCAÇÃO (UFOP) - LUAN HENRIQUE
Luan Henrique Alves
 
AULA os_biomas_brasileiros.ppt
AULA os_biomas_brasileiros.pptAULA os_biomas_brasileiros.ppt
AULA os_biomas_brasileiros.ppt
LinoReis1
 
Fauna brasileira
Fauna brasileiraFauna brasileira
Fauna brasileira
cjopa
 
Bioma 6ªresumo
Bioma 6ªresumoBioma 6ªresumo
Bioma 6ªresumo
edna2
 
Mata Atlântica
Mata AtlânticaMata Atlântica
Mata Atlântica
Ana Cristina de Jesus
 
Principais ecossistemas brasileiros
Principais ecossistemas brasileirosPrincipais ecossistemas brasileiros
Principais ecossistemas brasileiros
Patricia Alcantara
 
Biomas do Brasil (Ecossistemas terrestres) e Ecossistemas Aquáticos
Biomas do Brasil (Ecossistemas terrestres) e Ecossistemas Aquáticos Biomas do Brasil (Ecossistemas terrestres) e Ecossistemas Aquáticos
Biomas do Brasil (Ecossistemas terrestres) e Ecossistemas Aquáticos
Adna Myrella
 

Semelhante a Palestra cerrado brasileiro (20)

Biomas brasileiros completo (1)
Biomas brasileiros completo (1)Biomas brasileiros completo (1)
Biomas brasileiros completo (1)
 
Apresentação power point sobre biomas
Apresentação power point sobre biomasApresentação power point sobre biomas
Apresentação power point sobre biomas
 
Trabalho de geografia..pptx kelen 8º d
Trabalho de geografia..pptx kelen 8º dTrabalho de geografia..pptx kelen 8º d
Trabalho de geografia..pptx kelen 8º d
 
Os biomas brasileiros
Os biomas brasileirosOs biomas brasileiros
Os biomas brasileiros
 
Vegetacao brasileira
Vegetacao brasileiraVegetacao brasileira
Vegetacao brasileira
 
Os biomas-brasileiros
Os biomas-brasileirosOs biomas-brasileiros
Os biomas-brasileiros
 
Os biomas brasileiros
Os biomas brasileirosOs biomas brasileiros
Os biomas brasileiros
 
Biomas brasileiros
Biomas brasileirosBiomas brasileiros
Biomas brasileiros
 
PAISAGENS / BIOMAS DO BRASIL
PAISAGENS / BIOMAS DO BRASILPAISAGENS / BIOMAS DO BRASIL
PAISAGENS / BIOMAS DO BRASIL
 
Cerrado Joao Paulo
Cerrado    Joao PauloCerrado    Joao Paulo
Cerrado Joao Paulo
 
SAVANAS E FLORESTAS SUBTROPICAIS
SAVANAS E FLORESTAS SUBTROPICAISSAVANAS E FLORESTAS SUBTROPICAIS
SAVANAS E FLORESTAS SUBTROPICAIS
 
Biomas Do Brasil
Biomas Do BrasilBiomas Do Brasil
Biomas Do Brasil
 
os_biomas_brasileiros.ppt
os_biomas_brasileiros.pptos_biomas_brasileiros.ppt
os_biomas_brasileiros.ppt
 
MATA ATLÂNTICA - ESP. MÍDIAS NA EDUCAÇÃO (UFOP) - LUAN HENRIQUE
MATA ATLÂNTICA  - ESP. MÍDIAS NA EDUCAÇÃO (UFOP) - LUAN HENRIQUEMATA ATLÂNTICA  - ESP. MÍDIAS NA EDUCAÇÃO (UFOP) - LUAN HENRIQUE
MATA ATLÂNTICA - ESP. MÍDIAS NA EDUCAÇÃO (UFOP) - LUAN HENRIQUE
 
AULA os_biomas_brasileiros.ppt
AULA os_biomas_brasileiros.pptAULA os_biomas_brasileiros.ppt
AULA os_biomas_brasileiros.ppt
 
Fauna brasileira
Fauna brasileiraFauna brasileira
Fauna brasileira
 
Bioma 6ªresumo
Bioma 6ªresumoBioma 6ªresumo
Bioma 6ªresumo
 
Mata Atlântica
Mata AtlânticaMata Atlântica
Mata Atlântica
 
Principais ecossistemas brasileiros
Principais ecossistemas brasileirosPrincipais ecossistemas brasileiros
Principais ecossistemas brasileiros
 
Biomas do Brasil (Ecossistemas terrestres) e Ecossistemas Aquáticos
Biomas do Brasil (Ecossistemas terrestres) e Ecossistemas Aquáticos Biomas do Brasil (Ecossistemas terrestres) e Ecossistemas Aquáticos
Biomas do Brasil (Ecossistemas terrestres) e Ecossistemas Aquáticos
 

Último

Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdfCaderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
enpfilosofiaufu
 
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptxAula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
edivirgesribeiro1
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
MateusTavares54
 
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptxSlides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Professor Belinaso
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
AurelianoFerreirades2
 
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdfEspecialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
DanielCastro80471
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
joseanesouza36
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
Pastor Robson Colaço
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Mary Alvarenga
 
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdflivro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
cmeioctaciliabetesch
 
Sinais de pontuação
Sinais de pontuaçãoSinais de pontuação
Sinais de pontuação
Mary Alvarenga
 
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do AssaréFamílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
profesfrancleite
 
Forças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptx
Forças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptxForças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptx
Forças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptx
Danielle Fernandes Amaro dos Santos
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
LucianaCristina58
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
AntnioManuelAgdoma
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
TomasSousa7
 
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmenteeducação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
DeuzinhaAzevedo
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 

Último (20)

Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdfCaderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
 
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptxAula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
 
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptxSlides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
 
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdfEspecialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
 
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdflivro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
 
Sinais de pontuação
Sinais de pontuaçãoSinais de pontuação
Sinais de pontuação
 
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do AssaréFamílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
 
Forças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptx
Forças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptxForças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptx
Forças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptx
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
 
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmenteeducação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 

Palestra cerrado brasileiro

  • 2. CERRADO BRASILEIRO  É a segunda maior formação vegetal brasileira  Estendia-se originalmente por uma área de 2 milhões de km², abrangendo dez estados do Brasil Central.  Hoje restam menos de 20%
  • 3. CERRADO BRASILEIRO  Encontra- se nos estados do Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás, Distrito Federal e Tocantins, oeste de Minas Gerais e sul do Maranhão e Piauí.  O cerrado é o sistema ambiental brasileiro que mais sofreu alteração com a ocupação humana. Atualmente, vivem ali cerca de 20 milhões de pessoas.  Preservado desde a colonização do Brasil, passa a ser explorado sem controle com a construção de Brasília
  • 4.
  • 5. FITOFISIONOMIAS DO CERRADO  CERRADO TÍPICO (SENTIDO RESTRITO) • árvores baixas, inclinadas, tortuosas, com ramificações irregulares e retorcidas, e geralmente com evidências de queimadas;
  • 6. FITOFISIONOMIAS DO CERRADO  CAMPO SUJO • são constituídas por indivíduos menos desenvolvidos das espécies arbóreas do Cerrado sentido restrito.
  • 7. FITOFISIONOMIAS DO CERRADO  CERRADÃO • Cerradão é uma formação florestal com aspectos xeromórficos (resistência à seca), com árvores altas e mata fechada. É a floresta do centro oeste.
  • 8. FITOFISIONOMIAS DO CERRADO  CERRADO RUPESTRE • Caracteriza-se por ocorrer em solos rochosos, com a predominância de árvores arbustivas, pequenas e tortas.
  • 9. FITOFISIONOMIAS DO CERRADO  VEREDA • A Vereda é a fitofisionomia com a palmeira do Buriti (Mauritia flexuosa), são comuns numa posição intermediária do terreno, próximo as nascentes (olhos d'água), ou na borda de matas de galeria. A concorrência da Vereda condiciona-se ao afloramento do lençol freático.
  • 10. FITOFISIONOMIAS DO CERRADO  MATA RIPÁRIA • Na definição, Mata Ripária pode ser subdividida em duas categorias, Mata Ciliar e Mata de Galeria.
  • 11. FAUNA  um dos biomas mais importantes do mundo, contendo 5% da biodiversidade do planeta, aproximadamente 7.000 espécies de plantas, 1.200 de peixes, 150 de anfíbios, 180 de répteis, 837 de aves e 199 de mamíferos
  • 12. FLORA  As savanas tropicais estão distribuídas pela América do Sul, África e Ásia. Destas o Cerrado brasileiro é a maior e mais rica savana do mundo, e possivelmente a mais ameaçada.
  • 13. IPÊS Ipê Amarelo: desabrocham em dias secos e anunciam a proximidade da primavera, se destaca facilmente na mata no inverno. Em 1961, Jânio Quadros declarou o Ipê amarelo como a flor nacional (Ipê é uma palavra de origem tupi, que significa árvore cascuda).
  • 15. QUESTÃO HÍDRICA  O Cerrado encontra-se em um altiplano, donde escorrem as águas aqui nascidas para o restante do Brasil e América Latina; por isso é chamado de  Berço das Águas
  • 17. CONSERVAÇÃO  SISNAMA – SISTEMA NACIONAL DE MEIO AMBIENTE  SNUC – SISTEMA NACIONAL DE UNIDADES DE CONSERVAÇÃO  SDUC – SISTEMA DISTRITAL DE UNIDADES DE CONSEREVAÇÃO
  • 18. UNIDADES DE CONSERVAÇÃO  As principais do DF:  Estação Ecológica de Águas Emendadas – ESEC-AE  Parque Nacional de Brasília – PNB  Estação Ecológica do Jardim Botânico de Brasília – EEJBB  Fundação Jardim Zoológico de Brasília - FJZB