SlideShare uma empresa Scribd logo
Kanban Avançado
  Além de Visualizações e Limites

           Rodrigo Yoshima
                 @rodrigoy
Kanban Básico
valor | fluxo | sistemas puxados | visualizações | wip


       (presumo que você sabe esses assuntos)
O que é um
sistema kanban...
geração
de valor
visualização
sistema
puxado
limitado
pessoas!
kanban                      Kanban
 system                      Method
pull | limites | valor   transição | kaizen | gestão
Kanban Method princípios
 começe com o que você já faz hoje


 concorde em buscar uma abordagem evolucionária
 para mudança


 inicialmente respeite papéis, responsabilidades e
 cargos estabelecidos
Kanban Method                      propriedades

 visualize

 limite o trabalho em progresso

 meça e gerencie o fluxo

 torne as políticas do processo explícitas

 implemente mecanismos de feedback

 melhore colaborativamente com métodos científicos
Kanban Avançado
transição | kaizen | systems thinking | métricas

variabilidade | políticas explícitas | perfis de risco
Por que Kanban?
                                   Novo Status Quo
Capacidade




             Status Quo

                                  Revolução
                                  “Kaikaku”



                          Tempo
Por que Kanban?
                                       Novo Status Quo


                   Evolução
                   “Kaizen”
Capacidade




             Status Quo

                                      Revolução
                                      “Kaikaku”



                              Tempo
Levantamento
                          Implementação   Qualidade   Aguardando
Próximas    com usuário
Demandas                                               Produção




   Primeiro Kaizen
Levantamento
                          Implementação   Qualidade   Aguardando
Próximas    com usuário
Demandas                                               Produção
Levantamento
                          Implementação   Qualidade   Aguardando
Próximas    com usuário
Demandas                                               Produção




               WIP ALTO
Levantamento
                           Implementação   Qualidade   Aguardando
Próximas    com usuário
Demandas                                                Produção




                          SILOS
Levantamento
                          Implementação   Qualidade   Aguardando
Próximas    com usuário
Demandas                                               Produção




                   GARGALO
Levantamento
                          Implementação   Qualidade   Aguardando
Próximas    com usuário
Demandas                                               Produção




             DEMANDA
             DE FALHA
Throughput (itens entregues por semana)
           Levantamento
                             Implementação    Qualidade    Aguardando
Próximas    com usuário
   9
Demandas                                                    Produção

   8

   7

   6                                             ALTA
   5                                         VARIABILIDADE
   4

   3

   2

   1


       01 02 03 04 05 06 07 08 09 10
Por que inicialmente
com Kanban não mexemos
 nada no processo atual?
Primeiro, observe o propósito do sistema.


        Systems Thinking
  observação | propósito | relacionamentos | dança
Elementos
                  Propósito




Relacionamentos
Elementos
                     Propósito


   Padrões comuns:

A. Fábrica de Bug
B. Software Inútil
C. Empresa de “RH”
D. Entrega Valor


Relacionamentos
Deixe o sistema se revelar...


“...conhecereis a verdade,
 e a verdade vos libertará.”
                 João 8:32
Elementos
                     Propósito


   Padrões comuns:

A. a
 K Fábrica de Bug
    nb
B. Software Inútil
      an
C. Empresa de “RH”
D. Entrega Valor


Relacionamentos
Por que
mudanças são
tão difíceis?
“Pessoas não resistem mudar,
elas resistem serem mudadas”

                 Peter Senge
Kanban:
 Como a água...


 Se encontrar resistência emocional,
   crie um sistema de forma que os
problemas se tornem visíveis e engaje
o grupo emocionalmente na mudança.
Levantamento
                          Implementação   Qualidade   Aguardando
Próximas    com usuário
Demandas                                               Produção




  O objetivo do Kanban é tornar
  problemas explícitos e engajar
      pessoas na mudança
Todo jogo é
   mais divertido
quando as regras
      são claras
Levantamento
                            Implementação   Qualidade   Aguardando
Próximas      com usuário
Demandas                                                 Produção




           Políticas Explícitas


   - Times são silos

   - Não limitamos WIP

   - Deploy só às quintas

   - Reunião de status
   toda segunda
Políticas Explícitas
no Kanban governam
o comportamento da
        equipe.
Levantamento
                          Implementação   Qualidade   Aguardando
Próximas    com usuário
Demandas                                               Produção




  Segundo Kaizen
4
 2            4               4
                              6              4
           Levantamento
Próximas                  Implementação   Qualidade   Aguardando
            com usuário
Demandas                                               Produção
4
 2              4               4
                                6              4
             Levantamento
Próximas                    Implementação   Qualidade   Aguardando
              com usuário
Demandas                                                 Produção




           Políticas Explícitas


   - Times são silos

   - Nós limitamos WIP
   - Deploy só às quintas

   - Reunião de status
   toda segunda
4
 2            4               4
                              6              4
           Levantamento
Próximas                  Implementação   Qualidade   Aguardando
            com usuário
Demandas                                               Produção




                             WIP é um Estoque.
                            Estoques não somem!
NOVAS POLITICAS




                    LIMITES
                  RESPEITADOS
SISTEMA MAIS
PREVISIVEL E ESTÁVEL
4
 2                4                  4
                                     6               4
                              Throughput (itens entregues por semana)
               Levantamento
   9
Próximas                         Implementação    Qualidade    Aguardando
                com usuário
Demandas                                                        Produção
   8

   7

   6

   5

   4

   3

   2

   1


           04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19
           WIP limitado:
 Menor variabilidade no Throughput
4
 2            4               4
                              6              4
           Levantamento
Próximas                  Implementação   Qualidade   Aguardando
            com usuário
Demandas                                               Produção




      WIP baixo torna tudo mais simples!!
4
 2            4               4
                              6              4
           Levantamento
Próximas                  Implementação   Qualidade   Aguardando
            com usuário
Demandas                                               Produção
    WIP baixo tem o mesmo efeito sistêmico do
  Timebox, porém, sem tanta resistência emocional
4
 2                4                  4
                                     6              4
                              Throughput (itens entregues por semana)
   9           Levantamento      Políticas geralmente são
                                 Implementação
                                            Qualidade Aguardando
Próximas
Demandas
   8
                com usuário
                                  mudadas por eventos  Produção


   7
                                           Kaizen
   6
            Políticas Explícitas
   5

   4
   - Times são silos
   3

   - Nós limitamos WIP
   2

   1
   - Deploy só às quintas
           04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19
   - Reunião de status
   toda segunda
- Tenha um PO
- Tenha um SM
- Use Timeboxes
- Use Plannings/Reviews
- Faça Retrospectivas
- Time se auto-organiza
- Faça Reuniões Diárias
É Agile colocar todas
                    essas políticas de
                        uma vez?


- Tenha um PO
- Tenha um SM
- Use Timeboxes
- Use Plannings/Reviews
- Faça Retrospectivas
- Time se auto-organiza
- Faça Reuniões Diárias
Levantamento
                            Implementação   Qualidade   Aguardando
Próximas      com usuário
Demandas                    Como assim um Kanban         Produção


                                sem limites?

           Políticas Explícitas


   - Times são silos

   - Não limitamos WIP

   - Deploy só às quintas

   - Reunião de status
   toda segunda
Kanban não é sobre “certo ou errado”

visualize                                   raso
limite o trabalho em progresso

meça e gerencie o fluxo

torne as políticas do processo explícitas

implemente mecanismos de feedback

melhore colaborativamente com métodos científicos

                                     profundo
There's no judgement
in Kanban
David J. Anderson
4
 2             4                  4
                                  6               4
                           Throughput (itens entregues por semana)
            Levantamento
   9
Próximas                      Implementação    Qualidade    Aguardando
             com usuário
Demandas                                                     Produção
   8

   7

   6

   5

   4

   3

   2

   1

        WIP limitado,10 11 12 13 14
        04 05 06 07 08 09
                          menor               15 16 17 18 19
       Variabilidade. Por que?
Little's Law



               Work-in-progress
Throughput =
                  Leadtime


               Work-in-progress
 Leadtime =
                 Throughput
É sério que não há estimativas
         no Kanban?
Se o sistema é complexo é besteira
  tentar prever o comportamento dele.

  No Kanban a previsibilidade é obtida
através do comportamento observado do
               sistema.
Como usar o Lead Time Control Chart

  9

  8

  7

  6

  5

  4

  3

  2

  1

Dias
Como usar o Lead Time Control Chart

  9

  8

  7

  6

  5

  4

  3

  2

  1    Lead Time médio: 4 dias
Dias
4
 2            4                4
                               6              4
           Levantamento
Próximas                   Implementação   Qualidade   Aguardando
            com usuário
Demandas                                                Produção




            Vai estar lá
             em 4 dias
O que geralmente causa
          variabilidade no Lead Time?
  9

  8

  7

  6

  5

  4

  3

  2
       - WIP não limitado
  1
       - Bloqueios
Dias
       - Tipo da Demanda
Como usar o Throughput

   9

   8

   7

   6

   5

   4

   3

   2

   1

Itens
        01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 Semana
Como usar o Throughput

   9

   8
                                  Por se tratar de trabalho do
   7                              conhecimento o Throughput
   6                              costuma variar, mesmo com
   5
                                          WIP limitado
   4

   3

   2

   1

Itens
        01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 Semana
Como usar o Throughput

   9

   8

   7

   6

   5

   4

   3

   2

   1

Itens
        01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 Semana
Como usar o Throughput

   9

   8

   7

   6

   5

   4

   3

   2

   1

Itens
        01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 Semana
4
 2            4               4
                              6               4
           Levantamento
Próximas                  Implementação    Qualidade   Aguardando
            com usuário
Demandas                                                Produção




               Hum... 3 itens por semana com
                 90% de confiança. Se meu
               Backlog tem 33 itens, então são
                  11 semanas de projeto.
O que causa a variabilidade do
                  Throughput?
   9

   8

   7

   6

   5

   4

   3

   2
        - WIP não limitado
   1
        - Variabilidade no Tamanho dos Lotes
Itens   - Especialização10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 Semana
          01 02 03 04 05 06 07 08 09
                                     (Silos)
        - Indisponibilidades Temporárias
4
 2            4               4
                              6              4
           Levantamento
Próximas                  Implementação   Qualidade   Aguardando
            com usuário
Demandas                                               Produção




           Se for possível, tente trabalhar com
            um tamanho padrão e observe a
                      variabilidade.
4
       2          4               4
                                  6            4
                Levantamento
                                                           Ou...
     Próximas                  Implementação   Qualidade   Aguardando
                 com usuário
     Demandas                                               Produção



G2

M5

P9
4
 2              4               4
                                6               4
             Levantamento
Próximas                    Implementação    Qualidade   Aguardando
              com usuário
Demandas                                                  Produção



                                            Uma política como
           Políticas Explícitas               essa introduz
                                             variabilidade no
                                               Throughput
   - Times são silos

   - Nós limitamos WIP
   - Deploy só às quintas
   - Reunião de status
   toda segunda
4
 2              4               4
                                6                4
             Levantamento
Próximas                    Implementação     Qualidade   Aguardando
              com usuário
Demandas                                                   Produção


                                            Uma política como
                                               essa introduz
           Políticas Explícitas             variabilidade tanto
                                            no Lead Time como
                                              no Throughput
   - Times são silos

   - Nós limitamos WIP
   - Deploy só às quintas
   - Reunião de status
   toda segunda
Lidando com a Variabilidade
4
 2            4               4
                              6              4
           Levantamento
Próximas                  Implementação   Qualidade   Aguardando
            com usuário
Demandas                                               Produção




Visualizações, Métricas e Kaizen vão puxar
 comportamentos mais nobres na equipe
            como SWARMING
Lead Time e Throughput são as métricas
       mais básicas de Kanban...
Como convencer a equipe de boas práticas
          de programação?
15%
             35%


      65%!


45%
Capacidade
             Demanda
Mercado
             Posicionamento


                  Gestão do
                    Risco


               Reduzir Carga
                 de Falha




Capacidade
                 Demanda
Minha empresa precisa de
mudanças mais profundas...
Economical Model for Lean

                      Custo de Coordenação
Custo de Transação




                                              Custo de Transação
                        Geração de Valor




                             Carga de Falha
Custo de Coordenação
Custo de Transação




                                                    Custo de Transação
                     Geração de Valor




                                   Carga de Falha
Custo de Coordenação




                                                Transação
Transação




                                                 Custo de
 Custo de




            Geração de Valor



                               Carga de Falha
Custo de Coordenação
Custo de Transação




                                             Custo de Transação
                       Geração de Valor




                            Carga de Falha
Custo de Coordenação
Custo de Transação




                                                      Custo de Transação
                       Geração de Valor




                                     Carga de Falha
O que queremos?

                       Custo de Coordenação
Custo de Transação




                                               Custo de Transação
                         Geração de Valor




                              Carga de Falha
4
 2            4               4
                              6              4
           Levantamento
Próximas                  Implementação   Qualidade   Aguardando
            com usuário
Demandas                                               Produção




Com o fluxo estabelecido aquilo que entra
   no Kanban é uma decisão crítica!
Tempo é Dinheiro.
Expedite

Custo




                   Tempo
Fixed-date

Custo




                     Tempo
Normal

Custo




                 Tempo
Mercado
     Arquitetura               ●   Table Stakes
 ●   Arroz/Feijão              ●   Spoiler
 ●   Já fizeram, tem cases     ●   Differentiator
 ●   Já fizeram, sei lá como   ●   Cost Saver
 ●   Nunca tentado em TI

                                       Cost-of-delay
                                   ●   Expedite
     Outros...                     ●   Fixed-date
                                   ●   Normal
Kanban: Perfis da demanda
para lidar com o risco
                                   ●   Intangible
O que eu faço   Práticas Ágeis
    hoje         (by the book)
O que eu faço    Práticas Ágeis
    hoje              (by the book)

         Cargo Cult
O que é
          melhor no meu
            Contexto



O que eu faço
    hoje
                Práticas Ágeis
                 (by the book)
O que é
          melhor no meu
            Contexto


           n
         ba
       an
      K

O que eu faço
    hoje
                Práticas Ágeis
                 (by the book)
Obrigado!                               Rodrigo Yoshima
                                        blog.aspercom.com.br
                                        @rodrigoy




Promoção Agile Brazil!
Accredited Lean-Kanban University Training
Brasília, São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre e Recife

Preços especiais de lançamento.
Passe no nosso stand!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Scrumban
ScrumbanScrumban
Intro to Kanban - AgileDayChile2011 Keynote
Intro to Kanban - AgileDayChile2011 KeynoteIntro to Kanban - AgileDayChile2011 Keynote
Intro to Kanban - AgileDayChile2011 Keynote
ChileAgil
 
Kanban introduction
Kanban introductionKanban introduction
Kanban introduction
Ahmed Hammad
 
The Agile Adoption Roadmap (Keynote by Tim Abbott)
The Agile Adoption Roadmap  (Keynote by Tim Abbott)The Agile Adoption Roadmap  (Keynote by Tim Abbott)
The Agile Adoption Roadmap (Keynote by Tim Abbott)
Agile Days Middle East
 
Métricas para times Ágeis usando Estatística Básica
Métricas para times Ágeis usando Estatística BásicaMétricas para times Ágeis usando Estatística Básica
Métricas para times Ágeis usando Estatística Básica
Diego Eis
 
Kanban Brazil 2022
Kanban Brazil 2022Kanban Brazil 2022
Kanban Brazil 2022
Anderson Silveira
 
Guia do Papel e Responsabilidade do Scrum Master
Guia do Papel e Responsabilidade do Scrum MasterGuia do Papel e Responsabilidade do Scrum Master
Guia do Papel e Responsabilidade do Scrum Master
Paulo Lomanto
 
Scrum In Ten Slides (v2.0) 2018
Scrum In Ten Slides (v2.0) 2018Scrum In Ten Slides (v2.0) 2018
Scrum In Ten Slides (v2.0) 2018
pmengal
 
Agile 2013 - Lean Change for Enabling Agile Transformations
Agile 2013 - Lean Change for Enabling Agile TransformationsAgile 2013 - Lean Change for Enabling Agile Transformations
Agile 2013 - Lean Change for Enabling Agile Transformations
Alexis Hui
 
Backlog Refinement 101 & 202
Backlog Refinement 101 & 202Backlog Refinement 101 & 202
Backlog Refinement 101 & 202
David Hanson
 
Cost of delay (WSJF) - Roni Tamari
Cost of delay (WSJF) - Roni TamariCost of delay (WSJF) - Roni Tamari
Cost of delay (WSJF) - Roni Tamari
AgileSparks
 
Kanban vs Scrum: What's the difference, and which should you use?
Kanban vs Scrum: What's the difference, and which should you use?Kanban vs Scrum: What's the difference, and which should you use?
Kanban vs Scrum: What's the difference, and which should you use?
Arun Kumar
 
Scrum to Scrumban Migration
Scrum to Scrumban MigrationScrum to Scrumban Migration
Scrum to Scrumban Migration
Skills Matter
 
Synerzip Agile Cheat Sheet
Synerzip Agile Cheat SheetSynerzip Agile Cheat Sheet
Synerzip Agile Cheat Sheet
jillfrank12
 
The Kanban Retrospective
The Kanban RetrospectiveThe Kanban Retrospective
The Kanban Retrospective
Colleen Johnson
 
Scrum Training (One Day)
Scrum Training (One Day)Scrum Training (One Day)
Scrum Training (One Day)
beLithe
 
Os 7 Princípios do desenvolvimento Lean de Software
Os 7 Princípios do desenvolvimento Lean de SoftwareOs 7 Princípios do desenvolvimento Lean de Software
Os 7 Princípios do desenvolvimento Lean de Software
Lucas Oliveira
 
Certified Scrum Product Owner: class desk, posters and photos
Certified Scrum Product Owner: class desk, posters and photosCertified Scrum Product Owner: class desk, posters and photos
Certified Scrum Product Owner: class desk, posters and photos
Alexey Krivitsky
 
Metricas ageis
Metricas ageisMetricas ageis
Entendendo o Kanban Maturity Model
Entendendo o Kanban Maturity ModelEntendendo o Kanban Maturity Model
Entendendo o Kanban Maturity Model
Rodrigo Yoshima
 

Mais procurados (20)

Scrumban
ScrumbanScrumban
Scrumban
 
Intro to Kanban - AgileDayChile2011 Keynote
Intro to Kanban - AgileDayChile2011 KeynoteIntro to Kanban - AgileDayChile2011 Keynote
Intro to Kanban - AgileDayChile2011 Keynote
 
Kanban introduction
Kanban introductionKanban introduction
Kanban introduction
 
The Agile Adoption Roadmap (Keynote by Tim Abbott)
The Agile Adoption Roadmap  (Keynote by Tim Abbott)The Agile Adoption Roadmap  (Keynote by Tim Abbott)
The Agile Adoption Roadmap (Keynote by Tim Abbott)
 
Métricas para times Ágeis usando Estatística Básica
Métricas para times Ágeis usando Estatística BásicaMétricas para times Ágeis usando Estatística Básica
Métricas para times Ágeis usando Estatística Básica
 
Kanban Brazil 2022
Kanban Brazil 2022Kanban Brazil 2022
Kanban Brazil 2022
 
Guia do Papel e Responsabilidade do Scrum Master
Guia do Papel e Responsabilidade do Scrum MasterGuia do Papel e Responsabilidade do Scrum Master
Guia do Papel e Responsabilidade do Scrum Master
 
Scrum In Ten Slides (v2.0) 2018
Scrum In Ten Slides (v2.0) 2018Scrum In Ten Slides (v2.0) 2018
Scrum In Ten Slides (v2.0) 2018
 
Agile 2013 - Lean Change for Enabling Agile Transformations
Agile 2013 - Lean Change for Enabling Agile TransformationsAgile 2013 - Lean Change for Enabling Agile Transformations
Agile 2013 - Lean Change for Enabling Agile Transformations
 
Backlog Refinement 101 & 202
Backlog Refinement 101 & 202Backlog Refinement 101 & 202
Backlog Refinement 101 & 202
 
Cost of delay (WSJF) - Roni Tamari
Cost of delay (WSJF) - Roni TamariCost of delay (WSJF) - Roni Tamari
Cost of delay (WSJF) - Roni Tamari
 
Kanban vs Scrum: What's the difference, and which should you use?
Kanban vs Scrum: What's the difference, and which should you use?Kanban vs Scrum: What's the difference, and which should you use?
Kanban vs Scrum: What's the difference, and which should you use?
 
Scrum to Scrumban Migration
Scrum to Scrumban MigrationScrum to Scrumban Migration
Scrum to Scrumban Migration
 
Synerzip Agile Cheat Sheet
Synerzip Agile Cheat SheetSynerzip Agile Cheat Sheet
Synerzip Agile Cheat Sheet
 
The Kanban Retrospective
The Kanban RetrospectiveThe Kanban Retrospective
The Kanban Retrospective
 
Scrum Training (One Day)
Scrum Training (One Day)Scrum Training (One Day)
Scrum Training (One Day)
 
Os 7 Princípios do desenvolvimento Lean de Software
Os 7 Princípios do desenvolvimento Lean de SoftwareOs 7 Princípios do desenvolvimento Lean de Software
Os 7 Princípios do desenvolvimento Lean de Software
 
Certified Scrum Product Owner: class desk, posters and photos
Certified Scrum Product Owner: class desk, posters and photosCertified Scrum Product Owner: class desk, posters and photos
Certified Scrum Product Owner: class desk, posters and photos
 
Metricas ageis
Metricas ageisMetricas ageis
Metricas ageis
 
Entendendo o Kanban Maturity Model
Entendendo o Kanban Maturity ModelEntendendo o Kanban Maturity Model
Entendendo o Kanban Maturity Model
 

Destaque

Kanban
KanbanKanban
Lidando de forma eficaz com mentalidade legada
Lidando de forma eficaz com mentalidade legadaLidando de forma eficaz com mentalidade legada
Lidando de forma eficaz com mentalidade legada
Rodrigo Yoshima
 
7 Ways To Track Lead-Time
7 Ways To Track Lead-Time7 Ways To Track Lead-Time
7 Ways To Track Lead-Time
Paulo Caroli
 
Treinamento kanban-avanado-29761
Treinamento kanban-avanado-29761Treinamento kanban-avanado-29761
Treinamento kanban-avanado-29761
ISMAR FEITOSA
 
Métricas e Indicadores em Projetos Ágeis
Métricas e Indicadores em Projetos ÁgeisMétricas e Indicadores em Projetos Ágeis
Métricas e Indicadores em Projetos Ágeis
Vitor Pelizza
 
Kanban
KanbanKanban
Fighting the cost monster
Fighting the cost monsterFighting the cost monster
Fighting the cost monster
Rodrigo Yoshima
 
Management and Change - avoiding the rocks
Management and Change - avoiding the rocksManagement and Change - avoiding the rocks
Management and Change - avoiding the rocks
Rodrigo Yoshima
 
Kanban: Aplicando TDD à melhoria contínua do seu processo
Kanban: Aplicando TDD à melhoria contínua do seu processoKanban: Aplicando TDD à melhoria contínua do seu processo
Kanban: Aplicando TDD à melhoria contínua do seu processo
Rodrigo Yoshima
 
Mapeamento do fluxo de valor tcc
Mapeamento do fluxo de valor tccMapeamento do fluxo de valor tcc
Mapeamento do fluxo de valor tcc
Romante Rodrigues
 
Kanban: agilidade para ambientes conservadores
Kanban: agilidade para ambientes conservadoresKanban: agilidade para ambientes conservadores
Kanban: agilidade para ambientes conservadores
Rodrigo Yoshima
 
Porque estimar e porque deixar de estimar
Porque estimar e porque deixar de estimarPorque estimar e porque deixar de estimar
Porque estimar e porque deixar de estimar
Rodrigo Yoshima
 
Treinamento Kanban Avan�ado
Treinamento Kanban Avan�adoTreinamento Kanban Avan�ado
Treinamento Kanban Avan�ado
ogerente
 
Liderança e Kanban
Liderança e KanbanLiderança e Kanban
Liderança e Kanban
Rodrigo Yoshima
 
Apresentação e guerra dos métodos 2.0
Apresentação e guerra dos métodos 2.0Apresentação e guerra dos métodos 2.0
Apresentação e guerra dos métodos 2.0
Rodrigo Yoshima
 
Value stream mapping
Value stream mappingValue stream mapping
Value stream mapping
Jose Donizetti Moraes
 
Cost of delay - Comunicando o impacto do tempo no valor
Cost of delay - Comunicando o impacto do tempo no valorCost of delay - Comunicando o impacto do tempo no valor
Cost of delay - Comunicando o impacto do tempo no valor
Rodrigo Yoshima
 
Kanban e a análise de negócios
Kanban e a análise de negóciosKanban e a análise de negócios
Kanban e a análise de negócios
Rodrigo Yoshima
 
O que é agilidade sob as lentes do kanban
O que é agilidade sob as lentes do kanbanO que é agilidade sob as lentes do kanban
O que é agilidade sob as lentes do kanban
Rodrigo Yoshima
 
O programador lean
O programador leanO programador lean
O programador lean
Rodrigo Yoshima
 

Destaque (20)

Kanban
KanbanKanban
Kanban
 
Lidando de forma eficaz com mentalidade legada
Lidando de forma eficaz com mentalidade legadaLidando de forma eficaz com mentalidade legada
Lidando de forma eficaz com mentalidade legada
 
7 Ways To Track Lead-Time
7 Ways To Track Lead-Time7 Ways To Track Lead-Time
7 Ways To Track Lead-Time
 
Treinamento kanban-avanado-29761
Treinamento kanban-avanado-29761Treinamento kanban-avanado-29761
Treinamento kanban-avanado-29761
 
Métricas e Indicadores em Projetos Ágeis
Métricas e Indicadores em Projetos ÁgeisMétricas e Indicadores em Projetos Ágeis
Métricas e Indicadores em Projetos Ágeis
 
Kanban
KanbanKanban
Kanban
 
Fighting the cost monster
Fighting the cost monsterFighting the cost monster
Fighting the cost monster
 
Management and Change - avoiding the rocks
Management and Change - avoiding the rocksManagement and Change - avoiding the rocks
Management and Change - avoiding the rocks
 
Kanban: Aplicando TDD à melhoria contínua do seu processo
Kanban: Aplicando TDD à melhoria contínua do seu processoKanban: Aplicando TDD à melhoria contínua do seu processo
Kanban: Aplicando TDD à melhoria contínua do seu processo
 
Mapeamento do fluxo de valor tcc
Mapeamento do fluxo de valor tccMapeamento do fluxo de valor tcc
Mapeamento do fluxo de valor tcc
 
Kanban: agilidade para ambientes conservadores
Kanban: agilidade para ambientes conservadoresKanban: agilidade para ambientes conservadores
Kanban: agilidade para ambientes conservadores
 
Porque estimar e porque deixar de estimar
Porque estimar e porque deixar de estimarPorque estimar e porque deixar de estimar
Porque estimar e porque deixar de estimar
 
Treinamento Kanban Avan�ado
Treinamento Kanban Avan�adoTreinamento Kanban Avan�ado
Treinamento Kanban Avan�ado
 
Liderança e Kanban
Liderança e KanbanLiderança e Kanban
Liderança e Kanban
 
Apresentação e guerra dos métodos 2.0
Apresentação e guerra dos métodos 2.0Apresentação e guerra dos métodos 2.0
Apresentação e guerra dos métodos 2.0
 
Value stream mapping
Value stream mappingValue stream mapping
Value stream mapping
 
Cost of delay - Comunicando o impacto do tempo no valor
Cost of delay - Comunicando o impacto do tempo no valorCost of delay - Comunicando o impacto do tempo no valor
Cost of delay - Comunicando o impacto do tempo no valor
 
Kanban e a análise de negócios
Kanban e a análise de negóciosKanban e a análise de negócios
Kanban e a análise de negócios
 
O que é agilidade sob as lentes do kanban
O que é agilidade sob as lentes do kanbanO que é agilidade sob as lentes do kanban
O que é agilidade sob as lentes do kanban
 
O programador lean
O programador leanO programador lean
O programador lean
 

Semelhante a Kanban Avançado - Além de Visualizações e Limites

Lean, Kanban e Kaizen para sua área de Tecnologia
Lean, Kanban e Kaizen para sua área de TecnologiaLean, Kanban e Kaizen para sua área de Tecnologia
Lean, Kanban e Kaizen para sua área de Tecnologia
Rodrigo Yoshima
 
Kanban: Em busca de ritmo sustentável
Kanban: Em busca de ritmo sustentávelKanban: Em busca de ritmo sustentável
Kanban: Em busca de ritmo sustentável
Alisson Vale
 
Aferindo a qualidade do serviço com testes de desempenho - MVP Virtual Confer...
Aferindo a qualidade do serviço com testes de desempenho - MVP Virtual Confer...Aferindo a qualidade do serviço com testes de desempenho - MVP Virtual Confer...
Aferindo a qualidade do serviço com testes de desempenho - MVP Virtual Confer...
Igor Abade
 
Introdução de Kanban para Equipes Scrum
Introdução de Kanban para Equipes ScrumIntrodução de Kanban para Equipes Scrum
Introdução de Kanban para Equipes Scrum
Camilo Almendra
 
Webinar DevOps - Encontros Ágeis
Webinar DevOps - Encontros ÁgeisWebinar DevOps - Encontros Ágeis
Webinar DevOps - Encontros Ágeis
Rodrigo R Garcia, PMP
 
Continuous delivery principios e praticas - Knowledge21
Continuous delivery   principios e praticas - Knowledge21Continuous delivery   principios e praticas - Knowledge21
Continuous delivery principios e praticas - Knowledge21
Carlos Felippe Cardoso
 
Testes automatizados - Agile Day
Testes automatizados -  Agile DayTestes automatizados -  Agile Day
Testes automatizados - Agile Day
Carlos Felippe Cardoso
 
Pipelines para CI/CD com kubernetes - Entregue valor ao cliente
Pipelines para CI/CD com kubernetes - Entregue valor ao clientePipelines para CI/CD com kubernetes - Entregue valor ao cliente
Pipelines para CI/CD com kubernetes - Entregue valor ao cliente
Carlos Santana
 
Testes de Performance: Por Onde Começar?
Testes de Performance: Por Onde Começar?Testes de Performance: Por Onde Começar?
Testes de Performance: Por Onde Começar?
Alan Cafruni Gularte
 
Kanban pragmático
Kanban pragmáticoKanban pragmático
Kanban pragmático
Paulo Rebelo, MSc, PMP, CSP
 
[Agile Brazil] Entrega Contínua na Infoglobo: gerando valor em 2 horas
[Agile Brazil] Entrega Contínua na Infoglobo:  gerando valor em 2 horas[Agile Brazil] Entrega Contínua na Infoglobo:  gerando valor em 2 horas
[Agile Brazil] Entrega Contínua na Infoglobo: gerando valor em 2 horas
Samanta Cicilia
 
Just java 2011
Just java   2011Just java   2011
Just java 2011
Alex Barbosa Coqueiro
 
Slides do vt1 kanban
Slides do vt1 kanbanSlides do vt1 kanban
Slides do vt1 kanban
Jônatas Ferreira
 
QAOps - O QA com pézinho em DevOps (Ministry of Testing Floripa 2019)
QAOps - O QA com pézinho em DevOps (Ministry of Testing Floripa 2019)QAOps - O QA com pézinho em DevOps (Ministry of Testing Floripa 2019)
QAOps - O QA com pézinho em DevOps (Ministry of Testing Floripa 2019)
Mayara Fernandes
 
Team System - Metodologias ágeis e conceitos - scrum, msf, xp (TechDays 2007)
Team System - Metodologias ágeis e conceitos - scrum, msf, xp  (TechDays 2007)Team System - Metodologias ágeis e conceitos - scrum, msf, xp  (TechDays 2007)
Team System - Metodologias ágeis e conceitos - scrum, msf, xp (TechDays 2007)
Bruno Camara
 
Gerenciamento de Escopo em Projetos
Gerenciamento de Escopo em ProjetosGerenciamento de Escopo em Projetos
Gerenciamento de Escopo em Projetos
Paulo Rogério Antiquera
 
Bate papo sobre Lean Kanban em times de tecnologia - Mais todos
Bate papo sobre Lean Kanban em times de tecnologia - Mais todosBate papo sobre Lean Kanban em times de tecnologia - Mais todos
Bate papo sobre Lean Kanban em times de tecnologia - Mais todos
Hugo Penna
 
Implantando continuous delivery e seus oito principios
Implantando continuous delivery e seus oito principiosImplantando continuous delivery e seus oito principios
Implantando continuous delivery e seus oito principios
Carlos Felippe Cardoso
 
Liderança Lean
Liderança LeanLiderança Lean
Liderança Lean
Carlos Frederico Pinto
 
Show Me Your Board (#SuperTrends2016)
Show Me Your Board (#SuperTrends2016)Show Me Your Board (#SuperTrends2016)
Show Me Your Board (#SuperTrends2016)
Rodrigo Yoshima
 

Semelhante a Kanban Avançado - Além de Visualizações e Limites (20)

Lean, Kanban e Kaizen para sua área de Tecnologia
Lean, Kanban e Kaizen para sua área de TecnologiaLean, Kanban e Kaizen para sua área de Tecnologia
Lean, Kanban e Kaizen para sua área de Tecnologia
 
Kanban: Em busca de ritmo sustentável
Kanban: Em busca de ritmo sustentávelKanban: Em busca de ritmo sustentável
Kanban: Em busca de ritmo sustentável
 
Aferindo a qualidade do serviço com testes de desempenho - MVP Virtual Confer...
Aferindo a qualidade do serviço com testes de desempenho - MVP Virtual Confer...Aferindo a qualidade do serviço com testes de desempenho - MVP Virtual Confer...
Aferindo a qualidade do serviço com testes de desempenho - MVP Virtual Confer...
 
Introdução de Kanban para Equipes Scrum
Introdução de Kanban para Equipes ScrumIntrodução de Kanban para Equipes Scrum
Introdução de Kanban para Equipes Scrum
 
Webinar DevOps - Encontros Ágeis
Webinar DevOps - Encontros ÁgeisWebinar DevOps - Encontros Ágeis
Webinar DevOps - Encontros Ágeis
 
Continuous delivery principios e praticas - Knowledge21
Continuous delivery   principios e praticas - Knowledge21Continuous delivery   principios e praticas - Knowledge21
Continuous delivery principios e praticas - Knowledge21
 
Testes automatizados - Agile Day
Testes automatizados -  Agile DayTestes automatizados -  Agile Day
Testes automatizados - Agile Day
 
Pipelines para CI/CD com kubernetes - Entregue valor ao cliente
Pipelines para CI/CD com kubernetes - Entregue valor ao clientePipelines para CI/CD com kubernetes - Entregue valor ao cliente
Pipelines para CI/CD com kubernetes - Entregue valor ao cliente
 
Testes de Performance: Por Onde Começar?
Testes de Performance: Por Onde Começar?Testes de Performance: Por Onde Começar?
Testes de Performance: Por Onde Começar?
 
Kanban pragmático
Kanban pragmáticoKanban pragmático
Kanban pragmático
 
[Agile Brazil] Entrega Contínua na Infoglobo: gerando valor em 2 horas
[Agile Brazil] Entrega Contínua na Infoglobo:  gerando valor em 2 horas[Agile Brazil] Entrega Contínua na Infoglobo:  gerando valor em 2 horas
[Agile Brazil] Entrega Contínua na Infoglobo: gerando valor em 2 horas
 
Just java 2011
Just java   2011Just java   2011
Just java 2011
 
Slides do vt1 kanban
Slides do vt1 kanbanSlides do vt1 kanban
Slides do vt1 kanban
 
QAOps - O QA com pézinho em DevOps (Ministry of Testing Floripa 2019)
QAOps - O QA com pézinho em DevOps (Ministry of Testing Floripa 2019)QAOps - O QA com pézinho em DevOps (Ministry of Testing Floripa 2019)
QAOps - O QA com pézinho em DevOps (Ministry of Testing Floripa 2019)
 
Team System - Metodologias ágeis e conceitos - scrum, msf, xp (TechDays 2007)
Team System - Metodologias ágeis e conceitos - scrum, msf, xp  (TechDays 2007)Team System - Metodologias ágeis e conceitos - scrum, msf, xp  (TechDays 2007)
Team System - Metodologias ágeis e conceitos - scrum, msf, xp (TechDays 2007)
 
Gerenciamento de Escopo em Projetos
Gerenciamento de Escopo em ProjetosGerenciamento de Escopo em Projetos
Gerenciamento de Escopo em Projetos
 
Bate papo sobre Lean Kanban em times de tecnologia - Mais todos
Bate papo sobre Lean Kanban em times de tecnologia - Mais todosBate papo sobre Lean Kanban em times de tecnologia - Mais todos
Bate papo sobre Lean Kanban em times de tecnologia - Mais todos
 
Implantando continuous delivery e seus oito principios
Implantando continuous delivery e seus oito principiosImplantando continuous delivery e seus oito principios
Implantando continuous delivery e seus oito principios
 
Liderança Lean
Liderança LeanLiderança Lean
Liderança Lean
 
Show Me Your Board (#SuperTrends2016)
Show Me Your Board (#SuperTrends2016)Show Me Your Board (#SuperTrends2016)
Show Me Your Board (#SuperTrends2016)
 

Mais de Rodrigo Yoshima

Kanban: O Método preferido para Desenvolvedores de Alta Performance
Kanban: O Método preferido para Desenvolvedores de Alta PerformanceKanban: O Método preferido para Desenvolvedores de Alta Performance
Kanban: O Método preferido para Desenvolvedores de Alta Performance
Rodrigo Yoshima
 
Como o KMM pode ajudar o Agile Coach?
Como o KMM pode ajudar o Agile Coach?Como o KMM pode ajudar o Agile Coach?
Como o KMM pode ajudar o Agile Coach?
Rodrigo Yoshima
 
Introduzindo o Kanban Maturity Model
Introduzindo o Kanban Maturity ModelIntroduzindo o Kanban Maturity Model
Introduzindo o Kanban Maturity Model
Rodrigo Yoshima
 
Workshop STATIK - Caipira Ágil 2017
Workshop STATIK - Caipira Ágil 2017Workshop STATIK - Caipira Ágil 2017
Workshop STATIK - Caipira Ágil 2017
Rodrigo Yoshima
 
Além do Agile Coaching
Além do Agile CoachingAlém do Agile Coaching
Além do Agile Coaching
Rodrigo Yoshima
 
Leading The Antifragile Tribe
Leading The Antifragile TribeLeading The Antifragile Tribe
Leading The Antifragile Tribe
Rodrigo Yoshima
 
Como cultivar uma cultura Kaizen?
Como cultivar uma cultura Kaizen?Como cultivar uma cultura Kaizen?
Como cultivar uma cultura Kaizen?
Rodrigo Yoshima
 
O que é Kanban e porque se importar com ele
O que é Kanban e porque se importar com eleO que é Kanban e porque se importar com ele
O que é Kanban e porque se importar com ele
Rodrigo Yoshima
 
Implantando Scrum, experiências de um Agile Coach
Implantando Scrum, experiências de um Agile CoachImplantando Scrum, experiências de um Agile Coach
Implantando Scrum, experiências de um Agile Coach
Rodrigo Yoshima
 
Auto OrganizaçãO E Gestão Por Metas Flexíveis
Auto OrganizaçãO E Gestão Por Metas FlexíveisAuto OrganizaçãO E Gestão Por Metas Flexíveis
Auto OrganizaçãO E Gestão Por Metas Flexíveis
Rodrigo Yoshima
 
Scrum para Desenvolvimento Interno e Produtos de Software
Scrum para Desenvolvimento Interno e Produtos de SoftwareScrum para Desenvolvimento Interno e Produtos de Software
Scrum para Desenvolvimento Interno e Produtos de Software
Rodrigo Yoshima
 

Mais de Rodrigo Yoshima (11)

Kanban: O Método preferido para Desenvolvedores de Alta Performance
Kanban: O Método preferido para Desenvolvedores de Alta PerformanceKanban: O Método preferido para Desenvolvedores de Alta Performance
Kanban: O Método preferido para Desenvolvedores de Alta Performance
 
Como o KMM pode ajudar o Agile Coach?
Como o KMM pode ajudar o Agile Coach?Como o KMM pode ajudar o Agile Coach?
Como o KMM pode ajudar o Agile Coach?
 
Introduzindo o Kanban Maturity Model
Introduzindo o Kanban Maturity ModelIntroduzindo o Kanban Maturity Model
Introduzindo o Kanban Maturity Model
 
Workshop STATIK - Caipira Ágil 2017
Workshop STATIK - Caipira Ágil 2017Workshop STATIK - Caipira Ágil 2017
Workshop STATIK - Caipira Ágil 2017
 
Além do Agile Coaching
Além do Agile CoachingAlém do Agile Coaching
Além do Agile Coaching
 
Leading The Antifragile Tribe
Leading The Antifragile TribeLeading The Antifragile Tribe
Leading The Antifragile Tribe
 
Como cultivar uma cultura Kaizen?
Como cultivar uma cultura Kaizen?Como cultivar uma cultura Kaizen?
Como cultivar uma cultura Kaizen?
 
O que é Kanban e porque se importar com ele
O que é Kanban e porque se importar com eleO que é Kanban e porque se importar com ele
O que é Kanban e porque se importar com ele
 
Implantando Scrum, experiências de um Agile Coach
Implantando Scrum, experiências de um Agile CoachImplantando Scrum, experiências de um Agile Coach
Implantando Scrum, experiências de um Agile Coach
 
Auto OrganizaçãO E Gestão Por Metas Flexíveis
Auto OrganizaçãO E Gestão Por Metas FlexíveisAuto OrganizaçãO E Gestão Por Metas Flexíveis
Auto OrganizaçãO E Gestão Por Metas Flexíveis
 
Scrum para Desenvolvimento Interno e Produtos de Software
Scrum para Desenvolvimento Interno e Produtos de SoftwareScrum para Desenvolvimento Interno e Produtos de Software
Scrum para Desenvolvimento Interno e Produtos de Software
 

Kanban Avançado - Além de Visualizações e Limites

  • 1. Kanban Avançado Além de Visualizações e Limites Rodrigo Yoshima @rodrigoy
  • 2. Kanban Básico valor | fluxo | sistemas puxados | visualizações | wip (presumo que você sabe esses assuntos)
  • 3.
  • 4. O que é um sistema kanban...
  • 10. kanban Kanban system Method pull | limites | valor transição | kaizen | gestão
  • 11. Kanban Method princípios começe com o que você já faz hoje concorde em buscar uma abordagem evolucionária para mudança inicialmente respeite papéis, responsabilidades e cargos estabelecidos
  • 12. Kanban Method propriedades visualize limite o trabalho em progresso meça e gerencie o fluxo torne as políticas do processo explícitas implemente mecanismos de feedback melhore colaborativamente com métodos científicos
  • 13. Kanban Avançado transição | kaizen | systems thinking | métricas variabilidade | políticas explícitas | perfis de risco
  • 14. Por que Kanban? Novo Status Quo Capacidade Status Quo Revolução “Kaikaku” Tempo
  • 15. Por que Kanban? Novo Status Quo Evolução “Kaizen” Capacidade Status Quo Revolução “Kaikaku” Tempo
  • 16. Levantamento Implementação Qualidade Aguardando Próximas com usuário Demandas Produção Primeiro Kaizen
  • 17. Levantamento Implementação Qualidade Aguardando Próximas com usuário Demandas Produção
  • 18. Levantamento Implementação Qualidade Aguardando Próximas com usuário Demandas Produção WIP ALTO
  • 19. Levantamento Implementação Qualidade Aguardando Próximas com usuário Demandas Produção SILOS
  • 20. Levantamento Implementação Qualidade Aguardando Próximas com usuário Demandas Produção GARGALO
  • 21. Levantamento Implementação Qualidade Aguardando Próximas com usuário Demandas Produção DEMANDA DE FALHA
  • 22. Throughput (itens entregues por semana) Levantamento Implementação Qualidade Aguardando Próximas com usuário 9 Demandas Produção 8 7 6 ALTA 5 VARIABILIDADE 4 3 2 1 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10
  • 23. Por que inicialmente com Kanban não mexemos nada no processo atual?
  • 24. Primeiro, observe o propósito do sistema. Systems Thinking observação | propósito | relacionamentos | dança
  • 25. Elementos Propósito Relacionamentos
  • 26. Elementos Propósito Padrões comuns: A. Fábrica de Bug B. Software Inútil C. Empresa de “RH” D. Entrega Valor Relacionamentos
  • 27. Deixe o sistema se revelar... “...conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará.” João 8:32
  • 28. Elementos Propósito Padrões comuns: A. a K Fábrica de Bug nb B. Software Inútil an C. Empresa de “RH” D. Entrega Valor Relacionamentos
  • 30.
  • 31.
  • 32. “Pessoas não resistem mudar, elas resistem serem mudadas” Peter Senge
  • 33. Kanban: Como a água... Se encontrar resistência emocional, crie um sistema de forma que os problemas se tornem visíveis e engaje o grupo emocionalmente na mudança.
  • 34. Levantamento Implementação Qualidade Aguardando Próximas com usuário Demandas Produção O objetivo do Kanban é tornar problemas explícitos e engajar pessoas na mudança
  • 35. Todo jogo é mais divertido quando as regras são claras
  • 36. Levantamento Implementação Qualidade Aguardando Próximas com usuário Demandas Produção Políticas Explícitas - Times são silos - Não limitamos WIP - Deploy só às quintas - Reunião de status toda segunda
  • 37. Políticas Explícitas no Kanban governam o comportamento da equipe.
  • 38. Levantamento Implementação Qualidade Aguardando Próximas com usuário Demandas Produção Segundo Kaizen
  • 39. 4 2 4 4 6 4 Levantamento Próximas Implementação Qualidade Aguardando com usuário Demandas Produção
  • 40. 4 2 4 4 6 4 Levantamento Próximas Implementação Qualidade Aguardando com usuário Demandas Produção Políticas Explícitas - Times são silos - Nós limitamos WIP - Deploy só às quintas - Reunião de status toda segunda
  • 41. 4 2 4 4 6 4 Levantamento Próximas Implementação Qualidade Aguardando com usuário Demandas Produção WIP é um Estoque. Estoques não somem!
  • 42.
  • 43. NOVAS POLITICAS LIMITES RESPEITADOS
  • 45. 4 2 4 4 6 4 Throughput (itens entregues por semana) Levantamento 9 Próximas Implementação Qualidade Aguardando com usuário Demandas Produção 8 7 6 5 4 3 2 1 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 WIP limitado: Menor variabilidade no Throughput
  • 46. 4 2 4 4 6 4 Levantamento Próximas Implementação Qualidade Aguardando com usuário Demandas Produção WIP baixo torna tudo mais simples!!
  • 47. 4 2 4 4 6 4 Levantamento Próximas Implementação Qualidade Aguardando com usuário Demandas Produção WIP baixo tem o mesmo efeito sistêmico do Timebox, porém, sem tanta resistência emocional
  • 48. 4 2 4 4 6 4 Throughput (itens entregues por semana) 9 Levantamento Políticas geralmente são Implementação Qualidade Aguardando Próximas Demandas 8 com usuário mudadas por eventos Produção 7 Kaizen 6 Políticas Explícitas 5 4 - Times são silos 3 - Nós limitamos WIP 2 1 - Deploy só às quintas 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 - Reunião de status toda segunda
  • 49. - Tenha um PO - Tenha um SM - Use Timeboxes - Use Plannings/Reviews - Faça Retrospectivas - Time se auto-organiza - Faça Reuniões Diárias
  • 50. É Agile colocar todas essas políticas de uma vez? - Tenha um PO - Tenha um SM - Use Timeboxes - Use Plannings/Reviews - Faça Retrospectivas - Time se auto-organiza - Faça Reuniões Diárias
  • 51. Levantamento Implementação Qualidade Aguardando Próximas com usuário Demandas Como assim um Kanban Produção sem limites? Políticas Explícitas - Times são silos - Não limitamos WIP - Deploy só às quintas - Reunião de status toda segunda
  • 52. Kanban não é sobre “certo ou errado” visualize raso limite o trabalho em progresso meça e gerencie o fluxo torne as políticas do processo explícitas implemente mecanismos de feedback melhore colaborativamente com métodos científicos profundo
  • 53. There's no judgement in Kanban David J. Anderson
  • 54. 4 2 4 4 6 4 Throughput (itens entregues por semana) Levantamento 9 Próximas Implementação Qualidade Aguardando com usuário Demandas Produção 8 7 6 5 4 3 2 1 WIP limitado,10 11 12 13 14 04 05 06 07 08 09 menor 15 16 17 18 19 Variabilidade. Por que?
  • 55. Little's Law Work-in-progress Throughput = Leadtime Work-in-progress Leadtime = Throughput
  • 56. É sério que não há estimativas no Kanban?
  • 57. Se o sistema é complexo é besteira tentar prever o comportamento dele. No Kanban a previsibilidade é obtida através do comportamento observado do sistema.
  • 58. Como usar o Lead Time Control Chart 9 8 7 6 5 4 3 2 1 Dias
  • 59. Como usar o Lead Time Control Chart 9 8 7 6 5 4 3 2 1 Lead Time médio: 4 dias Dias
  • 60. 4 2 4 4 6 4 Levantamento Próximas Implementação Qualidade Aguardando com usuário Demandas Produção Vai estar lá em 4 dias
  • 61. O que geralmente causa variabilidade no Lead Time? 9 8 7 6 5 4 3 2 - WIP não limitado 1 - Bloqueios Dias - Tipo da Demanda
  • 62. Como usar o Throughput 9 8 7 6 5 4 3 2 1 Itens 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 Semana
  • 63. Como usar o Throughput 9 8 Por se tratar de trabalho do 7 conhecimento o Throughput 6 costuma variar, mesmo com 5 WIP limitado 4 3 2 1 Itens 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 Semana
  • 64. Como usar o Throughput 9 8 7 6 5 4 3 2 1 Itens 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 Semana
  • 65. Como usar o Throughput 9 8 7 6 5 4 3 2 1 Itens 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 Semana
  • 66. 4 2 4 4 6 4 Levantamento Próximas Implementação Qualidade Aguardando com usuário Demandas Produção Hum... 3 itens por semana com 90% de confiança. Se meu Backlog tem 33 itens, então são 11 semanas de projeto.
  • 67. O que causa a variabilidade do Throughput? 9 8 7 6 5 4 3 2 - WIP não limitado 1 - Variabilidade no Tamanho dos Lotes Itens - Especialização10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 Semana 01 02 03 04 05 06 07 08 09 (Silos) - Indisponibilidades Temporárias
  • 68. 4 2 4 4 6 4 Levantamento Próximas Implementação Qualidade Aguardando com usuário Demandas Produção Se for possível, tente trabalhar com um tamanho padrão e observe a variabilidade.
  • 69. 4 2 4 4 6 4 Levantamento Ou... Próximas Implementação Qualidade Aguardando com usuário Demandas Produção G2 M5 P9
  • 70. 4 2 4 4 6 4 Levantamento Próximas Implementação Qualidade Aguardando com usuário Demandas Produção Uma política como Políticas Explícitas essa introduz variabilidade no Throughput - Times são silos - Nós limitamos WIP - Deploy só às quintas - Reunião de status toda segunda
  • 71. 4 2 4 4 6 4 Levantamento Próximas Implementação Qualidade Aguardando com usuário Demandas Produção Uma política como essa introduz Políticas Explícitas variabilidade tanto no Lead Time como no Throughput - Times são silos - Nós limitamos WIP - Deploy só às quintas - Reunião de status toda segunda
  • 72. Lidando com a Variabilidade
  • 73. 4 2 4 4 6 4 Levantamento Próximas Implementação Qualidade Aguardando com usuário Demandas Produção Visualizações, Métricas e Kaizen vão puxar comportamentos mais nobres na equipe como SWARMING
  • 74. Lead Time e Throughput são as métricas mais básicas de Kanban...
  • 75. Como convencer a equipe de boas práticas de programação?
  • 76.
  • 77. 15% 35% 65%! 45%
  • 78.
  • 79. Capacidade Demanda
  • 80. Mercado Posicionamento Gestão do Risco Reduzir Carga de Falha Capacidade Demanda
  • 81. Minha empresa precisa de mudanças mais profundas...
  • 82. Economical Model for Lean Custo de Coordenação Custo de Transação Custo de Transação Geração de Valor Carga de Falha
  • 83. Custo de Coordenação Custo de Transação Custo de Transação Geração de Valor Carga de Falha
  • 84. Custo de Coordenação Transação Transação Custo de Custo de Geração de Valor Carga de Falha
  • 85. Custo de Coordenação Custo de Transação Custo de Transação Geração de Valor Carga de Falha
  • 86. Custo de Coordenação Custo de Transação Custo de Transação Geração de Valor Carga de Falha
  • 87. O que queremos? Custo de Coordenação Custo de Transação Custo de Transação Geração de Valor Carga de Falha
  • 88. 4 2 4 4 6 4 Levantamento Próximas Implementação Qualidade Aguardando com usuário Demandas Produção Com o fluxo estabelecido aquilo que entra no Kanban é uma decisão crítica!
  • 90. Expedite Custo Tempo
  • 92. Normal Custo Tempo
  • 93. Mercado Arquitetura ● Table Stakes ● Arroz/Feijão ● Spoiler ● Já fizeram, tem cases ● Differentiator ● Já fizeram, sei lá como ● Cost Saver ● Nunca tentado em TI Cost-of-delay ● Expedite Outros... ● Fixed-date ● Normal Kanban: Perfis da demanda para lidar com o risco ● Intangible
  • 94. O que eu faço Práticas Ágeis hoje (by the book)
  • 95. O que eu faço Práticas Ágeis hoje (by the book) Cargo Cult
  • 96. O que é melhor no meu Contexto O que eu faço hoje Práticas Ágeis (by the book)
  • 97. O que é melhor no meu Contexto n ba an K O que eu faço hoje Práticas Ágeis (by the book)
  • 98. Obrigado! Rodrigo Yoshima blog.aspercom.com.br @rodrigoy Promoção Agile Brazil! Accredited Lean-Kanban University Training Brasília, São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre e Recife Preços especiais de lançamento. Passe no nosso stand!