A Linguagem Corporal

10.918 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia, Turismo
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
10.918
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
82
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A Linguagem Corporal

  1. 1. A linguagem Corporal DEDOS Contar nos dedos Pessoa lógica e sensata, separando os fatos na mente antes de apresentá-los. Contar a partir do polegar Indica uma apresentação forçada Contar a partir do dedo mínimo Um meio mais suave de apresentar suas idéias Manter os dedos esticados enquanto conta Pessoa que tem os planos bem claros e sabe onde quer chagar com eles Polegares Indicam força de caráter e personalidade, são utilizados para indicar domínio, superioridade e até agressão. Braços Cruzados com polegares para cima Sinal duplo com atitude negativa ou defensiva (braços cruzados) mas a atitude de superioridade (polegares para cima). Pode ser entendido também como demonstração de autoconfiança (polegares para cima) com os braços cruzados proporcionando uma sensação de proteção. MÃOS Mãos sobre a mesa Dedicado aos negócios. Querendo negociar. “Vamos direto ao assunto.” Mãos Abertas Demonstração de sinceridade e honestidade. Gesto primitivo e refinado, indicando que “não tenho nada para jogar em você”. Mãos juntas sobre o colo ou estômago Um gesto de proteção Mãos nos quadris Provocativo ou duro, entretido ou ansioso para entrar no assunto principal. Esse gesto pode indicar antagonismo ou desafio. Mãos nos bolsos Estar em contato com o próprio corpo. Ter as mãos enfiadas num pequeno vão é reconfortador. Busca de equilíbrio frente a uma possível insegurança. APERTO DE MÃO Palma da mão inclinada para baixo Quando uma das palmas das mãos que se cumprimentam estiver totalmente ou parcialmente inclinada para baixo, demonstra que quer assumir o controle da conversa.
  2. 2. Palmas de mãos na posição vertical Indica que ambas estão passando um sentimento de respeito e harmonia. Esfregar as mãos Indica que está esperando algo. Expectativas positivas. MÃOS NO ROSTO Qualquer dos gestos de mãos no rosto indica que um pensamento negativo penetrou a mente da pessoa e poderá representar dúvida, falsidade, incerteza, exagero, apreensão ou mentira. A proteção da boca Reprimindo as palavras falsas que estão sendo ditas. Este gesto da boca também pode ser representado por dedos colocados sobre a boca ou pela mão fechada, porém com o mesmo significado. O toque no nariz Controlando um pensamento negativo ou mentira. Pode ser uma ligeira esfregada ou um toque rápido e quase imperceptível. A mentira causa formigamento nos delicados terminais nervosos do nariz, provocando o toque no nariz. Esfregar o olho Tentativa de bloquear a falsidade, dúvida ou mentira que vê, ou evitar olhar no rosto da pessoa para quem está contando a mentira. Neste último caso, olha- se para o lado ou para o chão. Segurando o queixo Demonstra falta de interesse, tédio. Quando forem sinais emitidos pelo ouvinte. Mão fechada sobre a face, mas sem servir de apoio para a cabeça, com o dedo indicador apontando para cima Indica uma avaliação interessante. Esfregar o queixo Indica que o ouvinte está tomando uma decisão. Mãos entrelaçada em posição vertical. Gesto de frustração, retendo uma atitude negativa. Demonstra, pela posição elevada das mãos, uma certa intensidade de humor negativo. Mãos entrelaçadas na direção da cintura Retendo uma atitude negativa, porém com menor intensidade do humor negativo da posição anterior. Mãos para trás segurando o pulso Demonstra superioridade, confiança e destemor, expondo aos outros seu estômago vulnerável e as regiões do coração e garganta.
  3. 3. Mãos para trás segurando acima do pulso Sinal de frustração e uma tentativa de autocontrole. Quanto mais para cima, nas costas, a mão e levada, mais zangada a pessoa se torna. Pode ser usada para disfarçar o nervosismo BRAÇOS Cruzados na

×