Quimioterápicos

6.062 visualizações

Publicada em

Artigo sobre quimioterápicos e um pouco sobre a estrutura química deles.

Publicada em: Educação
0 comentários
9 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
6.062
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
9
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Quimioterápicos

  1. 1. Quimioterapia é o tratamento feito com substâncias químicas nocombate ao câncer. Essas substâncias são medicamentosconhecidos como quimioterápicos. Por atuarem na redução docrescimento anormal das células cancerígenas são substânciasdenominadas antineoplásicas (anti= contra, neo=novo, plasia =formação).Como agem os quimioterápicos?Essas substâncias agem modificando a estrutura doDNA da célula para impedir sua replicação e atranscrição, inibindo enzimas ou atuando nosprocessos metabólicos envolvidos na formação dascélulas cancerosas. Embora estas células sejammais susceptíveis a atuação dosquimioterápicos, infelizmente eles afetam também ascélulas saudáveis, causando os efeitos colateraisindesejáveis como perda de cabelos e pelos docorpo, vômitos, enjoos, baixa imunidade, entreoutros. A intensidade desses efeitos colaterais podevariar de pessoa para pessoa. Normalmente sãousados outros medicamentos para atenuar estesefeitos. Por isso é importante que o paciente que sesubmete a quimioterapia tenha uma vida saudável. Os quimioterápicos estão disponíveis na forma de comprimidos, cápsulas ou líquidos. São usadas mais de um tipo de quimioterápico durante o tratamento e podem ser administrados por via oral, intravenosa, subcutânea, tópica, intramuscular e menos frequentemente por via intracraneal, ou seja, aplicado na espinha dorsal.
  2. 2. Uma das substâncias usadas emquimioterapia é a cisplatina, oucis-diaminodicloroplatina (II). Ela éum composto metálico chamadode complexo, formada por um íonmetálico e a ele, íons ou grupos deíons ou moléculas chamados deligantes.Ela é usada no tratamento de vários cânceres, como o detestículo e o do colo do útero. A atuação deste quimioterápicose dá da seguinte maneira: a cisplatina reage com o DNA dacélula, se ligando a ele e causando uma alteração naestrutura, a partir da formação de ligações entre os ligantescloreto com os átomos de nitrogênio das purinas (basesnitrogenadas heterocíclicas derivadas de aminoácidos).Isso impede a replicação e a transcrição do DNA, o que leva ascélulas a apoptose, que é uma morte celular programada. Noentanto, a cisplatina não afeta apenas as célulascancerosas, mas também as células saudáveis. Sua estruturainfluencia na eficácia no combate ao câncer. Seu isômero, atransplatina, não é eficaz como quimioterápico.
  3. 3. Outras substâncias usadas como medicamentosquimioterápicos são moléculas que possuem vários gruposfuncionais e a partir deles, podemos identificar algumasfunções orgânicas como aminas, amidas, fenóis, cetonas, etc.Observe algumas moléculas e suas aplicações nos diferentestipos de câncer:

×