OficinaCriando um Plano de Captação deRecursos personalizado para sua          organização           ONG Brasil           ...
FONTE        VOLUME INVESTIDO           POTENCIAL DE         OBSERVAÇÕES                         POR ANO                CR...
Doadores Individuais     Quanto menor a renda,maior a parte dedicada à doação Variação nas doações mensais per capita (ent...
Empresas  resultados do estudo recente IDIS  • 1º. Lugar – Credibilidade da Organização;  • 2º. Lugar – Qualidade Técnica ...
0,33% do PIB – AUMENTAR!        FONTE           VOLUME INVESTIDO              POTENCIAL DE         OBSERVAÇÕES            ...
A pirâmide de doações e o processo de cultivo ao doador20+                                           Fundo                ...
O modelo 80/20 de uma tabela de doações para uma   Campanha de Captação de RecursosCategoria de Doações                  P...
INTERESSEVÍNCULOCAPACIDADE
Exercício para reflexão:• Quais são as fontes de recursos de sua organização  (empresas, indivíduos, geração de receitas, ...
Critérios de seleção estratégicaIndicador     Critério                   Descrição                                        ...
Avaliação de EstratégiasPontuação                                 0 nulo                                 1 fraco          ...
rodrigo@resource-alliance.org
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Criando um plano de captação de recursos personalizado para sua organização.

1.222 visualizações

Publicada em

Publicada em: Negócios
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.222
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
28
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
71
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Criando um plano de captação de recursos personalizado para sua organização.

  1. 1. OficinaCriando um Plano de Captação deRecursos personalizado para sua organização ONG Brasil 16/12/2011 Rodrigo Alvarez
  2. 2. FONTE VOLUME INVESTIDO POTENCIAL DE OBSERVAÇÕES POR ANO CRESCIMENTOEMPRESAS E R$ 7 -10 bilhões Médio Forte crescimento do interesse das empresas nos anosFUNDAÇÕES 90/2000. Hoje: RSP + ISP =EMPRESARIAIS SustentabilidadeINDIVÍDUOS R$ 5,2 – 6 bilhões Alto Boas perspectivas, considerando o crescimento da classe média e desenvolvimento econômicoCOOPERAÇÃO R$ 0,5 bilhão (?) Baixo “Diminuição de recursos”, Mudança de temática e regiãoINTERNACIONALGOVERNO FEDERAL R$ 12 bilhões (?) Baixo/? Crise Governo Dilma expõe o limite dos riscos da dependência de recursos governamentais;Recursos Próprios R$ 35 bilhões (?) Baixo/? ?
  3. 3. Doadores Individuais Quanto menor a renda,maior a parte dedicada à doação Variação nas doações mensais per capita (entre 2003 e 2010) (valor médio doado) (10%) 17,13 A B C D E (5%) (5%) 31,43 (9%) 8,31(13,5%) 9,4063,34 Fonte: Pesquisa realizada pelo Fundo Cristão e Rgarber, com dados do POF 2003 e 2009 e dados preliminares do Censo 2010
  4. 4. Empresas resultados do estudo recente IDIS • 1º. Lugar – Credibilidade da Organização; • 2º. Lugar – Qualidade Técnica do Projeto; • 3º. Lugar – Sinergia com a linha de investimento social das empresasInteresse do NegócioPolítica de Rsocial Credibilidade EMPRESA OSC Qualidade TécnicaInteresse geográfico+ Incentivos Fiscais RELACIONAMENTO PARCERIAS PERSONALIZADAS CONSTRUÍDAS AO LONGO DO TEMPO
  5. 5. 0,33% do PIB – AUMENTAR! FONTE VOLUME INVESTIDO POTENCIAL DE OBSERVAÇÕES POR ANO CRESCIMENTOEMPRESAS E R$ 7 -10 bilhões Médio Forte crescimento do interesse das empresas nos anosFUNDAÇÕES 90/2000. Hoje: RSP + ISP =EMPRESARIAIS SustentabilidadeINDIVÍDUOS R$ 5,2 – 6 bilhões Alto Boas perspectivas, considerando o crescimento da classe média e desenvolvimento econômicoCOOPERAÇÃO R$ 0,5 bilhão (?) Baixo “Diminuição de recursos”, Mudança de temática e regiãoINTERNACIONALGOVERNO FEDERAL R$ 12 bilhões (?) Baixo/? Crise Governo Dilma expõe o limite dos riscos da dependência de recursos governamentais;Recursos Próprios R$ 35 bilhões (?) Baixo/? ? QUALIFICAR! SE CONFORMAR!
  6. 6. A pirâmide de doações e o processo de cultivo ao doador20+ Fundo Fundo Patrimonial, Heranças e legados anos de relacionamento Patrimonial Campanha Patrocínio de instalações, Ampliação de Programas, Capital Criação de Fundos Especiais Sócios Mantenedores, Patrocinadores de Programas, Campanha Anual Eventos especiais, Doações Pontuais Doações online pontuais, cofrinhos, eventos0 “Social try-sumers”: eventos, concursos, experiências, voluntariado, assinantes de petições, cyberativistas
  7. 7. O modelo 80/20 de uma tabela de doações para uma Campanha de Captação de RecursosCategoria de Doações Potenciais a serem(em USD mil) No de Doações contactados Total da Categoria Total Acumulado 300 2 10 600 600 200 5 25 1000 1600 150 8 40 1200 2800 75 10 40 750 3550 50 15 60 750 4300 10 30 90 300 4600 5 60 180 300 4900 1 100 300 100 5000 230 745 5000
  8. 8. INTERESSEVÍNCULOCAPACIDADE
  9. 9. Exercício para reflexão:• Quais são as fontes de recursos de sua organização (empresas, indivíduos, geração de receitas, governo)• Qual a maior dependência de uma só fonte de recursos? Essa distribuição de recursos tem mudado em relação ao tempo?• Que aspectos gostaria de modificar para 2012?• Como gostaria que sua torta de financiamento fosse em 2015? Empresas Fundações Governo Indivíduos
  10. 10. Critérios de seleção estratégicaIndicador Critério Descrição Avaliar a estratégia em função da experiência que a instituição possui (se foi positiva ou 1. Experiência prévia negativa). Se a organização conta com pessoas comCapacidade capacidade para impulsionar a estratégiainterna considerada, tomar decisões e resolver os 2. Capacidade gerencial problemas que se apresentarem. Qualidade e quantidade de contatos com potencial de aporte ou colaboração relativos à 3. Contatos existentes estratégia. Existe potencial comprovado no mercado, verificado a partir das experiências de organizações semelhantes, de dados confiáveisOportunidade 4. Potencial de mercado de mercado ou da percepção da equipe?de Mercado Possibilidade de obter resultado negativo em 5. Risco Econômico relação ao que se pretendia (prejuízo ou Financeiro resultado muito inexpressivo). Necessidade de investimento inicial adequado àAlinhamento 6. Investimento Inicial capacidade da organização.estratégico Está alinhado aos objetivos estratégicos. 7. Objetivos estratégico Conexão a missão e visão
  11. 11. Avaliação de EstratégiasPontuação 0 nulo 1 fraco 3 razoável 5 ótimo Capacidade Interna Total CI Oportunidade de Mercado Total OM Alinhamento Estratégico Total AE Nota Final Experiência Capacidade Contatos Potencial de Risco Econ investimento ObjetivosESTRATÉGIAS Prévia Gerencial Existentes Mercado Financeiro Inicial EstratégicosIndivíduos (pequenos doadores) 1 3 1 1,67 5 1 3,00 3 5 4 2,89Indivíduos (grandes doadores) 0 3 3 2,00 3 3 3,00 5 5 5 3,33Empresas 5 5 3 4,33 3 1 2,00 5 3 4 3,44Governo 5 5 3 4,33 1 3 2,00 5 3 4 3,44Fundações Internacionais 0 1 0 0,33 1 5 3,00 5 5 5 2,78Atividade Comercial 5 1 3 3,00 5 1 3,00 1 5 3 3,00
  12. 12. rodrigo@resource-alliance.org

×