DESAFIOSENAI DE PROJETOS INTEGRADORES
PROJETOBIOAÇÀO
NOVAFRIBURGO- RJ
VISITATÉCNICAÀ INDUSTRIADE BEBIDAS
BRASIL KIRIN LOCALIZADAEM CACHOERASDE MACACU, RJ
ALUNOSINTEGRANTESDO PROJETOBIOAÇÃO
PESQUISA DECAMPO SOBRE REAPROVEITAMENTODE RESÍDUOS INDUSTRIAIS
GRANDEQUANTIDADEDE GARRAFAS VAZIAS ESTOCADAS
Garrafas long neck
armazenadas para descarte
GALPÃODE RESIDUOS
Matéria prima coletada que poderá
ser usada no projeto
VISITAPRODUTIVAA BRASILKIRIN
PARCEIRO CHAVE PARA INICIAR O PROJETO
FOTOS DOSPROTÓTIPOSPRODUZIDOS NA
UNIDADEOPERACIONAL DO SENAI DE NOVAFRIBURGO
CORTADEIRA DE GARRAFAS LIXADEIRA ELÉTRICA
ING...
MATERIAPUBLICADAEM REPORTAGEMJORNALISTICA
Alunos do Senai em Friburgo aprimoram armadilha contra
mosquito da dengue
Projet...
CONTEUDODA MATERIADOJORNALDASERRA
O descarte indevido de garrafas de vidro de cervejas e refrigerantes conhecidas como lon...
ENTREVISTAPARA A TV ZOOM, NOVAFRIBURGO
https://youtu.be/8x1UeMqhZEc
Orientadores:
Roberto Pagnoncelli
Casemiro Batista
Alunos:
Marcos A. Tavares
Gleison Lima
Igor Latufo
Marcio Barbosa
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Projeto Bioação- Desafio SENAI Projetos Integradores

161 visualizações

Publicada em

Ideia em desenvolvimento para o concurso nacional Desafio SENAI de Projetos Integradores desenvolvido na Unidade Educacional de Nova Friburgo- RJ.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
161
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Projeto Bioação- Desafio SENAI Projetos Integradores

  1. 1. DESAFIOSENAI DE PROJETOS INTEGRADORES PROJETOBIOAÇÀO NOVAFRIBURGO- RJ
  2. 2. VISITATÉCNICAÀ INDUSTRIADE BEBIDAS BRASIL KIRIN LOCALIZADAEM CACHOERASDE MACACU, RJ
  3. 3. ALUNOSINTEGRANTESDO PROJETOBIOAÇÃO
  4. 4. PESQUISA DECAMPO SOBRE REAPROVEITAMENTODE RESÍDUOS INDUSTRIAIS
  5. 5. GRANDEQUANTIDADEDE GARRAFAS VAZIAS ESTOCADAS Garrafas long neck armazenadas para descarte
  6. 6. GALPÃODE RESIDUOS Matéria prima coletada que poderá ser usada no projeto
  7. 7. VISITAPRODUTIVAA BRASILKIRIN PARCEIRO CHAVE PARA INICIAR O PROJETO
  8. 8. FOTOS DOSPROTÓTIPOSPRODUZIDOS NA UNIDADEOPERACIONAL DO SENAI DE NOVAFRIBURGO CORTADEIRA DE GARRAFAS LIXADEIRA ELÉTRICA INGREDIENTES PROTÓTIPOS
  9. 9. MATERIAPUBLICADAEM REPORTAGEMJORNALISTICA Alunos do Senai em Friburgo aprimoram armadilha contra mosquito da dengue Projeto propõe solução para indústria e pode beneficiar meio ambiente e saúde da população no momento em que Brasil enfrenta epidemia JORNAL DA SERRA, TERÇA-FEIRA, 19 DE MAIO DE 2015 POR ALERRANDRE BARROS Os quatro alunos integrantes do grupo, a pedagoga Catarina Wermelinger e os orientadores José Casimiro Batista e Roberto Pagnoncelli (Divulgação) Link da publicação: http://avozdaserra.com.br/noticias/alunos-do- senai-em-friburgo-aprimoram-armadilha- contra-mosquito-da-dengue
  10. 10. CONTEUDODA MATERIADOJORNALDASERRA O descarte indevido de garrafas de vidro de cervejas e refrigerantes conhecidas como long necks nas ruas de Nova Friburgo despertou no estudante Marcos Tavares, de 18 anos, uma ideia que pode contribuir para o combate ao mosquito transmissor da dengue, no momento em que pelos menos sete estados do país enfrentam uma epidemia da doença, segundo o Ministério da Saúde. O projeto desenvolvido por ele e por mais três estudantes dos cursos técnicos de eletrotécnica e segurança do trabalho do Senai está em fase inicial e propõe às empresas transformar as garrafas que não podem ser reaproveitadas em armadilha que atrai os mosquitos e aprisionam os ovos do Aedes Aegypti com borra de café. A ideia de transformar garrafas em “mosquiteiros” fora criada pelo professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Maulori Cabral, usando-se garrafas PET. Qualquer pessoa pode construir a armadilha seguindo orientações disponíveis na internet. “Mas na long neck o sistema funciona melhor, porque o calor dura mais nesse tipo de garrafa. A gente sabe que o mosquito é atraído pelo vapor. Inclusive, as garrafas de vidro escuras atraem os mosquitos para a desova, pois comprovadamente o mosquito evita claridade”, explicou Marcos. Seu projeto — em parceria com os estudantes Gleison Lima, Igor Lotufo e Marcio Barbosa, todos de 19 anos — pode ser uma solução para o setor empresarial de bebidas, que precisa reaproveitar ou dar uma destinação ambientalmente adequada às garrafas. “É a chamada logística reversa, uma forma de retirar parte desse material do meio ambiente, seguindo determinação da Política Nacional de Resíduos Sólidos”, explicou o arquiteto e instrutor do Senai, Roberto Pagnoncelli, um dos orientadores do projeto. A sugestão dos estudantes para a indústria pode beneficiar o meio ambiente com a redução do descarte inapropriado das garrafas — e, é claro, a saúde pública. Segundo a Fundação Oswaldo Cruz, estudos científicos comprovam a eficácia dos mosquiteiros. No primeiro trimestre deste ano, o número de casos de pacientes infectados com o vírus da dengue aumentou no Acre, Tocantins, Rio Grande do Norte, São Paulo, Paraná, Mato Grosso do Sul e Goiás — esses estados brasileiros estão em situação de epidemia, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS). Na semana passada, o Ministério da Saúde divulgou que o Brasil registrou 745,9 mil casos de dengue entre 1º de janeiro e 18 de abril deste ano. O total é 234,2% maior em relação ao mesmo período do ano passado. Segundo o relatório, 229 pessoas morreram por causa da doença nas 15 primeiras semanas do ano, um aumento de 44,9% em relação ao mesmo período de 2014. No estado do Rio de Janeiro, o governo registrou 22.484 casos. Em Nova Friburgo, 33 pessoas contraíram a doença neste ano. A iniciativa dos quatro estudantes faz parte de um projeto que estimula alunos dos cursos técnicos do Senai, em todo o Brasil, a desenvolveram soluções para a sociedade e a indústria, em quatro áreas: resíduos industriais, energia renovável, mobilidade urbana e otimização da água. “O projeto funciona numa plataforma na internet que conta com a contribuição de alunos do Senai e de qualquer pessoa que se cadastra no site. São quase 600 ideias na plataforma. No final, serão escolhidos quatro ideias vencedoras do projeto”, explica a pedagoga Catarina Wermelinger. Em Nova Friburgo, outros nove projetos de alunos do Senai estão participando do desafio nacional. Na primeira etapa do concurso, os estudantes publicaram um escopo da ideia no site www.inovemaispr.com.br. Cada projeto possui uma página exclusiva na plataforma com informações sobre a ideia, que registra as visualizações e também possibilita a interação, por meio de comentários e “curtidas”. Esses fatores são considerados da avaliação. Em maio, os alunos devem aprimorar a ideia e desenvolver um protótipo, que será apresentado em junho a uma banca de avaliadores. Os estudantes dos quatro projetos vencedores do desafio ganharão uma semana de imersão em uma grande empresa que atue na área de pesquisa dos projetos. A garrafa é recolhida e cortada mecanicamente na altura do gargalo. Uma tela de microtule é presa à boca da garrafa, que ficará submersa na água com borra de café, dentro da outra parte da garrafa. “A gente sabe que o mosquito se adapta bem a vários recipientes e que ele detecta o local ideal pelo vapor da água. Ele será atraído, vai depositar os ovos, mas eles não sobreviveram por causa da cafeína”, explicou Marcos. De acordo com Pagnoncelli, “a borra de café inibe o processo final do desenvolvimento do mosquito. Ele desova na garrafa e a cafeína altera enzimas dos ovos dos mosquitos, enzimas responsáveis por processos fisiológicos fundamentais, como o metabolismo hormonal e o da reprodução do mosquito. Esse procedimento mata a larva e impossibilita seu desenvolvimento em pupa, que posteriormente vira o mosquito”, disse o instrutor do Senai.
  11. 11. ENTREVISTAPARA A TV ZOOM, NOVAFRIBURGO https://youtu.be/8x1UeMqhZEc
  12. 12. Orientadores: Roberto Pagnoncelli Casemiro Batista Alunos: Marcos A. Tavares Gleison Lima Igor Latufo Marcio Barbosa

×