Geoterapia Prof: Sonia Mantovani 
GEOTERAPIA 
1 
_____________________________________________________________________ 
Un...
Geoterapia Prof: Sonia Mantovani 
mantê-la dentro d´água, pronta para uso, desde que seja em recipiente apropriado e expos...
Geoterapia Prof: Sonia Mantovani 
. Promove efeitos tipo tanino nos tratamentos contra diarréias (precipita a proteína 
da...
Geoterapia Prof: Sonia Mantovani 
. Descrição do preparo para uso externo e interno: 
4 
_________________________________...
Geoterapia Prof: Sonia Mantovani 
3. Não se deve começar um tratamento, caso não haja possibilidade de manter um ritmo e u...
Geoterapia Prof: Sonia Mantovani 
6 
_____________________________________________________________________ 
Universidade L...
Geoterapia Prof: Sonia Mantovani 
secará. O mesmo acontecerá nas picadas de insetos em pancadas, tumores e artrites. A reg...
Geoterapia Prof: Sonia Mantovani 
8 
_____________________________________________________________________ 
Universidade L...
Geoterapia Prof: Sonia Mantovani 
acelerando o processo de cicatrização, amenizando cicatrizes e manchas, como também 
eli...
Geoterapia Prof: Sonia Mantovani 
ARGILAS VERDE E BRANCA NA ESTÉTICA 
A Argila mãe Terra um dos melhores remédios que exis...
Geoterapia Prof: Sonia Mantovani 
Ação desintoxicante 
A argila funciona como desintoxicante metabólico capilar. Facial e ...
Geoterapia Prof: Sonia Mantovani 
2 – Esfoliante; para remoção de células mortas promover movimentos rotativos e retirar c...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Geoterapia sonia mantovani

600 visualizações

Publicada em

Geoterapia

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
600
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
24
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Geoterapia sonia mantovani

  1. 1. Geoterapia Prof: Sonia Mantovani GEOTERAPIA 1 _____________________________________________________________________ Universidade Livre Casa de Bruxa R. Almirante Protogenes, 281 – Jardim – Santo André SP - Fone : 4994.9734 www.casadebruxa.com.br - Breve Histórico da Argila Todo o conhecimento sobre o uso terapêutico da argila nos foi legado pelos primeiros povos da nossa era. Os egípcios, por exemplo, utilizaram as lamas do rio Nilo em vários setores do cotidiano como na conservação dos manuscritos, na estética, na mumificação e, sobretudo na cura. O romano Plínio citou a argila no seu livro História Natural e Aristóteles a exaltou tanto para conservar a saúde como para trata-la. Jesus a utilizou durante sua peregrinação e seu discípulo João mencionou várias vezes a argila como o Anjo da Terra. Graças a Gandhi e alguns naturopatas do início do século XX como Strumpt, Luis Kuhne, Adolf Just e Kneipp, importantes registros foram deixados sobre tratamentos com argila; este impulso foi fundamental para que países da Europa a adotassem na Medicina oficial para a cura de doenças, em especial a da tuberculose. Seguindo esta orientação, algumas casas de Saúde e centros de tratamento especializados desenvolvem terapias com metodologia naturista. - Conceito e Função A argila é uma rocha sedimentar originária da lenta erosão dos granitos, isto é, do envelhecimento natural dos cristais. Ela é basicamente formada de silicato de alumínio hidratado. Possui uma diversidade de minerais acessórios característicos da região onde é encontrados, notadamente os óxidos e hidróxidos de ferro e alumínio. As cargas elétricas que misteriosamente a argila traz dentro de si é que asseguram a sua estabilidade e possibilitam a existência de uma enorme variedade na sua estrutura física, composição e cores. A composição das estruturas argilosas sempre vai interessar por contribuir nos tratamentos específicos, e, geralmente, a sua cor denuncia a espécie majoritária que a compõe. Poe exemplo: a quantidade de ferro-ferroso determinará uma cor cinza, creme ou esverdeada; o ferro-férrico, cor avermelhada, laranja: com alumínio e magnésio vai predominar a cor branca amarelada. A argila tem um grão microscópio que mede cerca de 2 microns estas partículas minúsculas é que contribuem para seu grande poder de absorção. - Os Cuidados com a Manipulação O cheiro da argila é característico e deve ser agradável. A cor sempre será brilhante e uma vez pressionada pelo polegar, quando úmida, ela deve ceder e deixar uma marca. Caso ela não possua essa característica, não a utiliza para fins terapêuticos, principalmente se o cheiro for desagradável, pois é provável que seja sinal de contaminação ou de mistura. Depois de retirada do solo em qualquer quantidade, deve-se colocá-la em pedaços ao sol para secá-la. Durante o processamento, é muito importante expor a argila á luz do sol para que ela absorva sua radiação (magnetismo, eletricidade) e, quando em posterior contato com o corpo físico, possa distribuir toda força e vitalidade adquirida. Manter a argila em contato com o sol significa mantê-la viva por todo o tempo. Para guardá-la, após tê-la secada, deve-se fazer sempre uso de materiais não metálicos e limpos. Nuca deve-se guardá-la em armário por muito tempo. Outra maneira de conservar sua propriedade é
  2. 2. Geoterapia Prof: Sonia Mantovani mantê-la dentro d´água, pronta para uso, desde que seja em recipiente apropriado e exposta à luz solar. Quando a argila secar, basta acrescentar água que ela virará lama novamente. 2 _____________________________________________________________________ Universidade Livre Casa de Bruxa R. Almirante Protogenes, 281 – Jardim – Santo André SP - Fone : 4994.9734 www.casadebruxa.com.br - As Propriedades Curativas A argila é dotada de uma força extraordinária que contribui para um processo de transformação positiva do organismo. Porém, o resultado do seu uso depende de vários fatores como a atitude evolutiva do indivíduo em relação à própria vida e com aceitação do elemento terra em contato direto com o corpo. Por pertencer ao reino mineral, a argila é um elemento que tem grande capacidade para absorver energias negativas o que torna um importante instrumento de harmonização e cura quando em contato com o organismo. Essa propriedade requer de quem manipula um acurado grau de pureza magnética. Tal pureza também é requerida no ambiente onde ela é processada, pois, caso contrário, ela pode ser contaminada, o que limitaria seu potencial. Para que se entenda melhor o poder curativo da argila é preciso conhecer suas propriedades. Independentemente da cor e do local onde é encontrada, a argila possui propriedades que variam em intensidade e capacidade de absorção conforme sua granulometria. O estudo das propriedades deu lugar a múltiplos trabalhos científicos que permitem explicar a ação das rochas argilosas. São elas: . Absorventes – Absorve toda espécie de veneno, pus, tumores, mau cheiro, gases, fluidos, toxinas, secreções digestivas, ácidos biliares conjugados etc. Elimina do organismo os micróbios patogênicos e tudo o que está putrefeito ou em decomposição. . Adsorventes – É uma forma de absorção que se dá na superfície de um corpo sólido (usada como mascáras). . Bactericida – Exerce rapidamente ação antibacteriana nas feridas e no aparelho digestivo. Protege a revitaliza áreas fragilizadas do organismo. . Anti-séptica - A argila não agride os tecidos nos quais age, o que lhe confere vantagem sobre o anti-sépticos químicos correntemente usados. Promove limpeza das feridas e drena as secreções em feridas de todos os tipos. . Radioativa - A radioatividade é a propriedade que certos metais possuem de irradiar energia de forma contínua. Ao mesmo tempo em que a argila absorve os corpos prejudiciais ao organismo, ela irradia e revitaliza a parte doente com energia benéfica. . Analgésica – Possui ação sedativa, relaxa e acalma as áreas traumatizadas de forma rápida. Alivia dores nas contusões, queimaduras, picadas, etc. . Cicatrizante – O silicato de alumínio, um dos componentes da argila, é um eficaz cicatrizante que atua por meio da estimulação e regeneração dos tecidos, o que evita marcas e cicatrizes. O silício é o “cimento” da Natureza. . Desodorizante – Reduz odores desagradáveis do hálito, do suor, das axilas e pés, das genitais e das fezes. . Catalisador – Estimula o metabolismo em geral e funciona como elemento catalisador. A argila também: . Potencializa o sistema imunológico. . Não possui toxidade. . Dá força e vitalidade no trajeto da boca ao estômago. . Contribui para a digestão e a assimilação dos nutrientes. . Estimula os movimentos intestinais e aumenta o volume das fezes. . Ajuda na eliminação de alguns vermes.
  3. 3. Geoterapia Prof: Sonia Mantovani . Promove efeitos tipo tanino nos tratamentos contra diarréias (precipita a proteína da mucosa intestinal). . Equilibra a atividade hormonal tanto na hiperestimulação quanto na inibição de glândulas. . Age sobre a coagulação sangüínea. . Purifica e enriquece o sangue graças a grande quantidade de enzima (diastases e oxidases) têm a capacidade de fixar o oxigênio livre no sangue. . Protege a mucosa gastrintestinal, ao absorver o excedente de substâncias ácidas e alcalinas. Regulariza o PH sangüíneo e o mantém estável para o equilíbrio da flora intestinal. . Combate a anemia, pois após 21 dias de uso interno, verifica-se o aumento de glóbulos vermelhos no sangue. . Possui pureza magnética. Embora não seja uma propriedade aceita por todos os cientistas, sabemos que a argila tem capacidade de absorver energias estranhas ao organismo, como é o caso da radiação proveniente das explosões nucleares que se precipita da atmosfera sobre o planeta. A argila possui outras propriedades que podem ser destacadas: . No uso doméstico, a argila pode funcionar como um excelente absorvente de odores desagradáveis. Dentro da geladeira, coloca-se um pires com um pouco de lama. Nos quartos dos doentes, mantém-se uma tigela com lama embaixo da cama ou num dos cantos do aposento. . Para uso veterinário, as aplicações de argila devem ser administradas da mesma forma que nos seres humanos tanto no uso interno quanto no externo. . Na agricultura, enriquece os solos, mantém a taxa de umidade e melhora a terra ácida. Limpa e cura ferida das árvores e é cicatrizante na ocasião das podas. . Quadro descritivo resumido dos efeitos medicinais USO INTERNO USO EXTERNO 3 _____________________________________________________________________ Universidade Livre Casa de Bruxa R. Almirante Protogenes, 281 – Jardim – Santo André SP - Fone : 4994.9734 www.casadebruxa.com.br Antiinflamatório Anti-séptico Antiinflamatório Absorvente Cicatrizante Antiinfeccioso Absorvente (combate os gases intestinais) Antitraumático Anticatarral (combate o catarro intestinal) Anti-tumoral Desintoxicante Cicatrizante Vermífugo Antitóxico Normalizador da digestão e da evacuação Emoliente Anti-diarrético Estimulante Analgésico Refrescante, Tonificador, Vitalizante
  4. 4. Geoterapia Prof: Sonia Mantovani . Descrição do preparo para uso externo e interno: 4 _____________________________________________________________________ Universidade Livre Casa de Bruxa R. Almirante Protogenes, 281 – Jardim – Santo André SP - Fone : 4994.9734 www.casadebruxa.com.br Uso externo: O recipiente em que será feita a umidificação da argila (lama) não deve ser de metal, e sim, de madeira, ágata, barro, pedra ou qualquer material natural que não altere a sua estrutura física. A argila deve ser colocada no recipiente e depois adiciona-se água aos poucos. Mexe-se sempre com uma colher de madeira, até obter-se uma mistura com a consistência de massa de bolo. Dessa forma, é possível utiliza-la para várias técnicas, conforme a necessidade de cada caso. A água ideal a ser misturada deve ser pouco mineralizada e não clorada. A argila deve ser utilizada na temperatura fria ou ambiente, principalmente na região do abdômen. Ela só deve estar aquecida ou ter água amornada quando for aplicada em pessoas idosas, debilitadas ou também em ambiente com clima frio. A experiência provou que, assim como os legumes e as verduras perdem princípios ativos ao serem cozidos, a argila, quando exposta ao calor ou fogo. Também perde seu princípio radioativo e tem seu poder de absorção diminuído. Caso haja algum desconforto com a lama fria sobre o corpo, é recomendável aplicar um saco de água quente no local ou nos pés. . Material necessário para aplicação: - Vasilha de material neutro. - Colher de pau. - Garrafa térmica com chá ou água quente. - Pote com água fria. - Panos em diversos tamanhos. Pode-se dar um melhor aproveitamento ao tratamento, quando se utiliza água com ervas. O chá escolhido deve possuir propriedades adequadas ao combate do sintoma em questão. Geralmente, utiliza-se apenas a argila, pois mesmo sem aditivos, ela proporciona excelente resultado. Observações: 1. As pessoas, geralmente, se sentem mais à vontade ao fazer uso externo da argila, o que pode complementar um tratamento já prescrito. Por exemplo: no caso de úlcera no estômago, mesmo com o uso de medicamentos alopáticos, a aplicação da argila sobre o estômago pode ser benéfica para aliviar as dores, tonificar a área e contribuir para o processo mais rápido de cicatrização. Nos locais onde houver incômodos ou dores, pode-se aplicar a argila externamente. 2. Na esfera digestiva, setor onde a argila atua muito bem, a resposta a uma aplicação é, em geral, imediata, pois proporciona alivio da dor. Ressalva-se que, se essa pessoa ao ficar curada, retornar aos velhos hábitos alimentares e as mesmas atividades que contribuíram para o desenvolvimento da doença e não tentar modificar a causa de sua enfermidade, a cura completa e definitiva será difícil. Por isso, é fundamental, ouvir a opinião de um médico ou terapeuta para tratar uma doença grave. O uso externo da argila poderá acontecer, sem, todavia, impedir o uso de remédios. A argila nunca deve atrapalhar, e sim contribuir como tratamento.
  5. 5. Geoterapia Prof: Sonia Mantovani 3. Não se deve começar um tratamento, caso não haja possibilidade de manter um ritmo e uma continuidade. Em geral, as pessoas costumam interromper as aplicações quando melhoram. Entretanto, mesmo que as aparências indiquem que a enfermidade foi curada, muitas vezes ela ainda não foi completamente eliminada e pode até retornar com mais força. A argila realiza uma possante drenagem e atrai para si as substâncias prejudiciais ao organismo. Ela funciona como um imã sobre a pele e todas as toxinas das áreas próximas à sua aplicação se encaminha para o local onde ela está agindo. Tais toxinas devem ser eliminadas antes que o tratamento seja dado por terminado. Portanto, nunca se deve abandonar um tratamento com argila antes do tempo previsto pelo terapeuta ou que se tenha certeza da cura. 4. Não se deve insistir no tratamento se o paciente não se sentir bem com as aplicações. Há pessoas que se sentem desconfortáveis e não suportam, principalmente, o uso de cataplasmas de argila, que são pesados. O mesmo vale para o uso interno. O preconceito em “beber terra” é ainda grande e a argila encapsulada poderá ser mais adequada. 5 _____________________________________________________________________ Universidade Livre Casa de Bruxa R. Almirante Protogenes, 281 – Jardim – Santo André SP - Fone : 4994.9734 www.casadebruxa.com.br Técnicas de Aplicação Cataplasma: A aplicação de cataplasma é uma técnica que tem por objetivo atuar em áreas mais aprofundadas do organismo. Ela é indicada em casos crônicos ou que exijam continuidade no tratamento. Requer uma camada espessa de argila com um a dois centímetros. O tempo ideal para a ação da cataplasma sobre o corpo é de duas horas. Durante esse período, a argila realiza o seguinte processo: primeiro ela absorve o calor excessivo do corpo, os seus gases e líquidos, se aquece em, no máximo, meia hora; depois de mais ou menos duas horas ela começa a esfriar, o que indica a finalização do procedimento. Se a aplicação objetiva somente vitalizar determinada região, retira-se a cataplasma antes de esfriar. No entanto, não é preciso se preocupar com a atuação da argila, pois ela tem uma “inteligência” em relação ao trabalho necessário a realizar: seja ele sedar, tonificar, absorver, etc. A cataplasma deve estar firmemente fixada ao corpo, porém, não muito apertada para não dificultar a circulação do sangue. Como a camada de argila da cataplasma é espessa e pesada, é difícil mantê-la amarrada ao corpo em movimento ou posição vertical. A posição deitada será a mais indicada para o paciente receber esta modalidade de tratamento, e, de preferência, a pessoa deve ficar em recolhimento. Quando se retira a cataplasma, passa-se um pano úmido ou lava-se a região tratada e joga-se fora a argila utilizada. Em nenhuma hipótese a argila deverá ser reaproveitada. Convém lembrar que, quanto mais espessa for a camada da argila, mais profundo serão os órgãos e regiões atingidas. Para não sobrecarregar o paciente nunca se deve aplicar uma cataplasma em dois órgãos ao mesmo tempo nem após uma refeição, pois perturba o processo digestivo. O mesmo cuidado se deve ter ao aplicar uma cataplasma na região das costas, principalmente na área do pulmão e dos rins. Há casos em que as pessoas não resistem ao peso da cataplasma e sentem-se desconfortáveis. Em outros, a argila provoca coceira na pele ou calor incomodativo. Sempre que essas reações, que são raras, ocorrerem, derrama-se bastante água sobre a área afetada. Cataplasma – (vide fig. 1)
  6. 6. Geoterapia Prof: Sonia Mantovani 6 _____________________________________________________________________ Universidade Livre Casa de Bruxa R. Almirante Protogenes, 281 – Jardim – Santo André SP - Fone : 4994.9734 www.casadebruxa.com.br Compressa Geralmente, as compressas são feitas com uma fina camada de argila que permanece por pouco tempo sobre o corpo. Essa técnica é realizada com mais freqüência, pois é indicada para casos de dores repentinas ou febre e que não exijam tratamento prolongado. Apenas uma tira de pano é suficiente pra fixar a argila ao corpo. Deve-se utilizar sempre argila fria em áreas inchadas, quentes, doloridas ou feridas. Antes da aplicação, deve-se providenciar pedaços de panos (maiores do que a área do corpo a ser tratada) para manter a lama firmemente colada ao corpo. Já no caso de queimaduras, as folhas de bananeira ou de repolho podem ser utilizadas sobre a argila, para manter a sua umidade. Nos casos de febre e dos de barriga (diarréia, gases), aplica-se a compressa e retira-se quando ela se aquece. Repete-se esse processo várias vezes até esfriar a região tratada. Essa técnica é especialmente benéfica para a região dos olhos. A aplicação deve ser feita em um olho de cada vez. Deve-se proteger o olho com uma gaze antes de cobri-lo com lama, para poder depois ser retirada por inteiro e com facilidade. As áreas que exigem repouso completo para aplicação da compressa são os pés, os joelhos, as costas e a cabeça. Recomenda-se o mesmo critério para a cataplasma. Em regiões com pêlos, nos olhos e ouvidos, deve-se sempre aplicar a argila sobre a gaze, isto é, primeiro a gaze, segundo a argila, e por ultimo um pano para cobrir. Compressa (vide fig. 2) Umectação É uma técnica antiga e muito eficiente para o tratamento das queimaduras, alergias, feridas expostas, coceiras, inchaços e contusões. Trata-se de molhar um algodão ou uma gaze em água argilosa e espremer suavemente sobre o local afetado. Com isso, cria-se uma camada bem fina de argila sobre a pele, mantendo-se a área úmida para evitar que se segue. Quando seca, lava-se abundantemente a região com água muito pura ou algum chá específico. Esse procedimento é recomendável e eficaz para bebês, idosos e pessoas de pele muito sensível. Máscaras ou Coberturas A técnica de aplicação das máscaras funciona para lesões superficiais ou áreas de difícil fixação de compressa e pode ser executada em qualquer área do corpo, sem contra indicações. Para as artroses nos dedos, tendinites, punho dolorido, ou região de difícil fixação da argila, utiliza-se coberturas de lama como luvas ou botas e aplica-se sempre além da área comprometida. À noite, estas regiões poderão continuar sob tratamento, desde que sejam envolvidas em panos, para que se mantenha a umidade no local. Nessa técnica é interessante observar que as áreas comprometidas, isto é, machucadas ou alteradas, são as últimas a secar. Por vezes nem secar e assim evidenciam uma radiografia natural onde o problema se apresenta. Por exemplo: na máscara feita para ajudar a combater a sinusite, pode-se observar com clareza a região que se encontra inflamada, pois esta se manterá úmida, não
  7. 7. Geoterapia Prof: Sonia Mantovani secará. O mesmo acontecerá nas picadas de insetos em pancadas, tumores e artrites. A região afetada vai se revelar por meio da máscara. A argila, quando estiver seca no corpo, não exerce mais nenhuma função terapêutica. Nesse momento do processo ela já realizou sua tarefa. A seguir, deve-se lavar o local e, se julgar necessário, aplica-se uma outra cobertura. É importante lembrar que, nas pessoas de pele seca, deve-se passar um óleo ou creme após a sessão, e nas de pele oleosa, deve-se aplicar sumo fraco de limão. No caso das máscaras, não se pode prever o tempo de atuação da argila. O tempo de secagem, ou seja, o tempo de sua retirada vai depender de cada pessoa e de cada caso individualmente considerado. 7 _____________________________________________________________________ Universidade Livre Casa de Bruxa R. Almirante Protogenes, 281 – Jardim – Santo André SP - Fone : 4994.9734 www.casadebruxa.com.br Mascara ou coberturas (vide fig. 3) Fricção Nos casos de artrite, artrose, reumatismo, paralisias e tuberculose, emprega-se a lama friccionando-a de forma suave no início, para somente depois aumentar a pressão. A fricção deve ser feita de uma extremidade á outra da região afetada e mantém-se sempre o mesmo ritmo. O movimento deve ser feito de baixo para cima nos braços e pernas, e de forma circular, nas articulações e costas. Pode-se aplicar essa técnica várias vezes ao dia, conforme o caso. E, para dissolver a congestão da área, recomenda-se acrescentar gengibre ralado à lama. Depois da fricção, é aconselhável fazer cobertura e deixar a argila secar naturalmente. Se não houver tempo para tanto, a fricção por si só já é um método eficiente. Esta técnica exige atenção e cuidados especiais com pessoas de pele delicada. Nunca se deve friccionar áreas inchadas, abertas ou feridas, ou mesmo nas áreas próximas a elas. Deve-se utilizar a fricção apenas em peles firmes. Nas áreas maiores do corpo, como nas costas, usar pouca argila e friccionar para aquecer a pele. Movimentos sempre circulares. Nas extremidades, movimentos de dentro para fora, de cima para baixo. Fricção ( vide fig. 4) Talco O pó de argila bem fino pode ser aplicado ao corpo, em substituição ao talco comum. Ótimo anti-séptico, ele pode ser polvilhado sobre feridas, os cortes, as doenças de pele e, também, nas áreas de excessiva transpiração e fortes odores. Para pessoas que trabalham fora de casa, o talco é uma ótima opção para manter o tratamento com argila sem ter que utilizar a lama. Nos casos de catarro e sinusite, há quem se adapte muito bem à introdução do pó fino da argila pelo nariz, pois ele é um potente descongestionante. Absorvente Higiênico Utiliza-se para transtornos no baixo ventre, útero, bexiga, próstata, rins, reto e uretra. Aplica-se uma quantidade suficiente de argila para cobrir um pedaço de pano do tamanho da área que vai do ânus á uretra. Deve-se cobrir toda a região. Coloca-se a argila entre um pano e uma gaze, com o lado da gaze em contato com o corpo. Ao esquentar a região, retira-se o absorvente que pode ser aplicado várias vezes ao dia, desde que se renove a argila. O alívio é imediato. O absorvente é eficaz nos casos de calor, coceiras e odores na área genital, mesmo que esses sintomas sejam efeitos colaterais de outros tratamentos. Essa técnica pode ser aplicada em crianças, homens e mulheres.
  8. 8. Geoterapia Prof: Sonia Mantovani 8 _____________________________________________________________________ Universidade Livre Casa de Bruxa R. Almirante Protogenes, 281 – Jardim – Santo André SP - Fone : 4994.9734 www.casadebruxa.com.br Banhos Os banhos com argila são muito recomendados para limpar e renovar o organismo daqueles que se sentem estressados, cometem muitos excessos, estão desanimados e cansados. Podem ser feitos em casa ou em qualquer local onde haja água corrente, da seguinte maneira: Na banheira, adiciona-se três colheres de sopa de argila em pó. Essa quantidade é suficiente para um banho de vinte minutos. Para o banho no chuveiro, acrescenta-se uma quantidade de argila em uma bucha vegetal previamente umedecida e esfrega-se por todo corpo. Em seguida, procede-se o enxágüe. Caso haja espaço ao ar livre, cobre-se todo corpo com uma camada fina de lama, deita-se por vinte minutos e enxágua-se. É aconselhável que se faça um repouso de, no mínimo, dez minutos. Tal procedimento é relaxante No caso de dores nos pés e nos tornozelos, frieiras, varizes, doenças dos ossos, do baixo ventre, dos rins e das pernas, coloca-se os membros inferiores mergulhados o mais profundamente possível em uma bacia com água argilosa e morna, por quinze minutos. Alterna-se os banhos de assento por mais quinze minutos, Nos casos crônicos, esse procedimento pode ser realizado duas vezes ao dia para suavizar os sintomas. Cromoterapia Podemos aplicar também a cromoterapia em todas as situações acima descritas sendo que usaremos: - Vermelho: O vermelho estimula o corpo físico a agir. Força, coragem, resolução, saúde, vigor e sexualidade são atributos diretamente ligados a cor vermelha, que pode ser extremamente revitalizante e estimulante nos casos de inércia, depressão, medo ou melancolia. É rica em raios caloríficos, aquece e estimula a circulação, levando calor às artérias. Tem a capacidade de aumentar a pressão sangüínea e acelerar a respiração, ativando a circulação, também estimula a decomposição de sal ferroso aumentando os glóbulos vermelhos. Laranja: É uma combinação do vermelho e do amarelo. Seu poder de cura é maior que as das duas cores isoladamente, Possui efeito anti-espasmódico, sendo,portanto aplicados a casos de espasmos musculares e cãibras de qualquer natureza. O laranja é uma cor acolhedora, estimulante. É a cor da felicidade, a cor social, estimula o otimismo, expansividade, equilíbrio emocional, confiança, automotivação, mudanças, entusiasmo e além da vitalidade física, proporciona também o rejuvenescimento. Amarelo: O amarelo é a mistura da luz vermelha com a luz verde, por isso, contém metade da força estimulante do vermelho e metade da capacidade regenerativa do verde. Tem capacidade tanto de estimular como de restaurar as células debilitadas. O raio amarelo é responsável pela condução do fluxo magnético positivo que além de fortalecer os nervos, ajuda o cérebro. Utiliza-se o amarelo como purificador de todo sistema, mas é particularmente na pele que se manifestam suas poderosas propriedades curativas, estimulando a regeneração dos tecidos,
  9. 9. Geoterapia Prof: Sonia Mantovani acelerando o processo de cicatrização, amenizando cicatrizes e manchas, como também eliminando as impurezas dos poros. Portanto é recomendado nos casos de espinhas, cravos, furúnculos. Verde: Possui efeito calmante, refrescante e suavizante em todo organismo, agindo como regenerador e balanceador dos órgãos e sistemas. O verde é fundamental para tratamento de estresse, é a energia da juventude, do crescimento físico, da fertilidade, da esperança e da vida nova. Desperta a necessidade de uma diretriz sólida, promovendo a segurança. Azul: É a cor de maior propriedade terapêutica. De todas as cores, esta é a que mais possui efeito curativo. Produz efeito calmante, refrescante, absorvente e analgésico em todos os órgãos e sistemas do corpo humano. Possui intensa ação purificadora que limpa impurezas do organismo. Tem efeito anti-séptico, bactericida e estabilizador. Turquesa: O turquesa tem a capacidade de acalmar e é uma excelente cor para utilizar em casos de tensão nervosa e combater infecções. Magenta: O magenta é benéfico para casos de quistos benignos e deslocamento de retina. Pedras Preciosas : . Erupções na Pele – Aventurina, topázio, granada, pérola e zircônia. . Inflamações - Topázio e espinélio. . Coceiras - Malaquita, azurita e dolomita. . Alergias - Zircônia . Eczemas - Safira e aventurina. . Feridas - Granada , rubi, aventurina, ametista e quartzo. . Queimaduras - Crisoprásio, jadeíta, esmeralda, cítrino, hematita. 9 _____________________________________________________________________ Universidade Livre Casa de Bruxa R. Almirante Protogenes, 281 – Jardim – Santo André SP - Fone : 4994.9734 www.casadebruxa.com.br
  10. 10. Geoterapia Prof: Sonia Mantovani ARGILAS VERDE E BRANCA NA ESTÉTICA A Argila mãe Terra um dos melhores remédios que existe na natureza. A Argila proporciona uma drenagem natural das toxinas do organismo e permite que as células se restabeleçam regularizando suas funções e cedendo aos tecidos o seu conteúdo em sais minerais. A Argila absorve os princípios vitais do sol, da água e do ar, constituindo-se em um poderoso agente de recuperação física. Esta técnica melhora a circulação local, aumentando a oxigenação, a nutrição e a taxa de ATP (trifosfato de adenosina), que elimina os restos metabólicos e acelera a reprodução de substâncias albuminóides (colágeno, elastina e reticulina), sendo portanto desintoxicante e tonificante. Os minerais e oligoelementos atuam com eletrólitos que rompem a ligação química que une as células gordurosas, atuando como despolarizante ( na celulite), liberando as toxinas acumuladas. Com a drenagem de líquidos extras e intracelulares temos a diminuição da taxa de água acumulada nos adipócitos, uma despolarização da substância fundamental amorfa que está em estado de gel, reduzindo assim as medidas. Devido a eliminação de toxinas, temos um aumento da produção de colágeno, elastina e reticulina, o que promove em nível final uma excelente melhora da flacidez dérmica com efeito tensor e tonificante. Rica em Oligoelementos Oxigênio: Silício, alumínio, ferro, cálcio, sódio, potássio e magnésio. Hidrogênio: Titânio, cloro, fósforo, carbono, manganês e enxofre. Esta composição participa da síntese do colágeno, tem propriedades queratolíticas e energia para processos celulares e anti-sépticos. 10 _____________________________________________________________________ Universidade Livre Casa de Bruxa R. Almirante Protogenes, 281 – Jardim – Santo André SP - Fone : 4994.9734 www.casadebruxa.com.br Mecanismo de Ação das Argilas - Favorece a reprodução celular integral afinando e clareando a pele. - Estimula a circulação sangüínea e linfática. - Efeito depurativo dos tecidos por absorção (absorve toxinas e impurezas). - Estimula a atividade orgânica da pele (promove aquecimento). - Possui sais minerais e oligoelementos necessários e essenciais. - Promove a reconstituição do tecido. - Transmite energia e estimula as funções dos órgãos. - Tem efeito bactericida e fungicida. - Combate inflamação e edema. - Psoríase, ajuda a melhorar a aparência estática da pele por sua ação cicatrizante e regeneradora. - Melhora a microcirculação irrigando o panículo adiposo. - Ajuda na compactação de tecidos. Ação estimulante da circulação sangüínea Quando aplicada a pele, promove um aumento da circulação superficial, favorecendo um maior aporte de oxigênio e nutrientes necessários ao metabolismo celular trazendo benefícios a diversos tratamentos em estética como celulite, flacidez, gordura, envelhecimento cutâneo, acne, etc.
  11. 11. Geoterapia Prof: Sonia Mantovani Ação desintoxicante A argila funciona como desintoxicante metabólico capilar. Facial e corporal devido a sua capacidade de absorção de toxinas. Quando aplicada a superfície cutânea, estabelece um sistema de troca, onde retira as impurezas da profundidade da pele e cede em troca seus elementos naturais e indispensáveis ao metabolismo orgânico. Tem ação depurativa e desintoxicante. Faz a quebra da lipólise. 11 _____________________________________________________________________ Universidade Livre Casa de Bruxa R. Almirante Protogenes, 281 – Jardim – Santo André SP - Fone : 4994.9734 www.casadebruxa.com.br Argila Verde Contém oligoelementos, estimulante celular, desintoxicante, estimula a microcirculação, eficaz máscara tensora, rica em minerais, termo lipo redutora. Efeitos fisiológicos Aumenta a circulação sangüínea, aumentando o fornecimentos de oxigênio (energia) para os elementos celulares, nutrientes, oligoelementos, água, vitaminas, sais minerais, glóbulos brancos e anticorpos (defesa). Este é um efeito com grandes benefícios nos tratamentos celulite, adiposidade, de envelhecimento cutâneo, acne, flacidez da face, pescoço, coxas, glúteos, braços, mamas e abdômen. Argila Verde tem um poder de desintoxição local. Ocorre através de um processo de dupla troca iônica que sempre ocorre quando ativada com água mineral. Retira impurezas e cedem em troca, íons necessários ao metabolismo local, como silícios, Magnésio, Cálcio (são catalíticos – aumento da velocidade das reações químicas). Argila Branca Contém propriedades hidratantes, nutritivas, estimulante, tonificante, remineralizante e principalmente a desinfiltração do tecido conjuntivo com isso sendo uma grande aliada na celulite, principalmente a edematosa, e para melhorar nosso tratamento associamos outras técnicas para também atacarmos a gordura localizada. Efeitos fisiológicos Utilizamos na desintoxicação metabólica é um tratamento indicado para perda de medidas, baseada na ação sinérgica da Argila Branca e do Óleo de Limão ou Laranja, que possuem aromas cítricos intenso e penetrante e com propriedades anti-sépticas, adstringentes e desintoxicantes. É potencializador de efeitos dos tratamentos associados para a HLDG. Protocolo de Tratamento Redutor com Argila Branca ou Argila Verde Orientação para Tratamento Fazer em dias alternados a máscara de argilas Protocolo: 1 – Leite de Limpeza Corporal: Borrifar sobre a superfície a tratar, realizando movimentos circulares ascendentes . Limpar os resíduos com água.
  12. 12. Geoterapia Prof: Sonia Mantovani 2 – Esfoliante; para remoção de células mortas promover movimentos rotativos e retirar com água. 3 - Creme Redutor ou Termo Redutor: Promover movimentos rotatórios e massoterapia; 4 – Mascara de Argila Branca ou Argila Verde, preparo: 2 colheres de sopa de Argila 2 colheres de sopa de Gel redutor (sem cânfora) 1 colher de sopa de sal de magnésio Adicionar água mineral (morna) para dar consistência a mistura (leite condensado) Aplicar 12 _____________________________________________________________________ Universidade Livre Casa de Bruxa R. Almirante Protogenes, 281 – Jardim – Santo André SP - Fone : 4994.9734 www.casadebruxa.com.br com pincel nas regiões a serem tratadas. 20 gotas de óleo essencial de Limão ou Laranja; Bibliografia: . Medicina Natural – Dr. Mario Bomtempo – Editora Nova Cultural . Argila, a essência da terra – Coleção Polêmica – Editora Moderna . Manual da Energia Curativa – Editora Eko . Argila, um santo remédio e outros tratamentos compatíveis – Editora Paulina . Apostila de Geoterapia – Fernando Moura Garcia . Sons da Natureza – Edição TOP Um abraço carinhoso e Sucesso, Sonia Mantovani

×