Aula 02 eia_crea_meio_fisico_romulo

708 visualizações

Publicada em

2ª Parte do Curso sobre Elaboração de EIA/RIMA - 2008 - Meio Físico - Ministrado no CREA/DF - Organização IBNT

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
708
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
151
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula 02 eia_crea_meio_fisico_romulo

  1. 1. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro Meio Físico
  2. 2. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro ITEM ASPECTOS AMBIENTAIS 1 FÍSICOS SUB COMPONENTES Clima -Precipitação -Temperatura -Umidade -Insolação -Direção e velocidade dos ventos Geomorfologia -Formas de relevo -Zonas propensas a desastres naturais
  3. 3. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro
  4. 4. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro
  5. 5. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro
  6. 6. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro
  7. 7. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro
  8. 8. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro
  9. 9. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro ITEM ASPECTOS AMBIENTAIS 1 FÍSICOS SUB COMPONENTES Hidrografia -Escoamento superficial -Recursos hídricos superficiais e subterrâneos -Áreas de recarga -Vazões de escoamento -Volumes de armazenamento -Áreas sujeitas a inundações das bacias hidrográficas
  10. 10. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro
  11. 11. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro
  12. 12. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro
  13. 13. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro ITEM ASPECTOS AMBIENTAIS 1 FÍSICOS SUB COMPONENTES Solos -Tipos e características de solos -Problemas dos solos, erosão Topografia -Declividade do terreno -Posição de vales e elevações Geologia -Regional -Local
  14. 14. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro
  15. 15. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro
  16. 16. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro
  17. 17. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro Estimativa de taxas de erosão, segundo diferentes categorias de uso do solo Tipo de uso, Local Perda de solo (t/ha/ano) Contexto Geomorfológico e Pedológico Floresta Amazônica primária, Roraima 150 Vertente com declividade de 20%; Latossolo vermelho-amarelo Pastagem de Brachiaria em antiga área de floresta primária, Roraima 1.128 Vertente com declividade de 20%; Latossolo vermelho-amarelo Floresta Amazônica primária, Rondônia 330 -- Pastagem, Rondônia 3.556 -- Mata, Goiânia 32 Vertente com declividade de 16%; Latossolo vermelho-amarelo Pastagem de capim napier, Goiânia 230 Vertente com declividade de 14%; Latossolo vermelho-amarelo Cultivo de arroz, Goiânia 51.655 Vertente com declividade de 11%; Latossolo vermelho-amarelo Áreas urbanas, Quadrilátero Ferrífero, Minas Gerais 170.000 Solos de alteração de filitos, xistos e itabiritos, bacias hidrográficas com vertentes íngremes Área de mineração, Quadrilátero Ferrífero, Minas Gerais 700.000 Solos de alteração de filitos, xistos e itabiritos, bacias hidrográficas com vertentes íngremes
  18. 18. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro
  19. 19. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro
  20. 20. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro
  21. 21. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro
  22. 22. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro Geologia Regional
  23. 23. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro
  24. 24. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro A escala em que um mapa é desenhado é o fator mais importante de influência na quantidade e na precisão dos detalhes mostrados. A escala está relacionada com a resolução espacial do mapa. Escala é a razão entre as dimensões de um elemento representado no mapa e as dimensões do mesmo no terreno. De maneira sucinta, define-se escala (E) como sendo a proporção entre uma medição feita no mapa (d) e a sua dimensão real correspondente no terreno (D). Uma escala de 1:100.000 é menor que uma escala de 1:50.000. Um mapa em escala pequena não pode ser impresso em escala maior, o inverso é possível. Escala
  25. 25. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro A seguir estão alguns lembretes para resumir os aspetos das escalas qualitativas: 1) Quanto maior o denominador de uma escala numa fração representativa, menor ela é. A escala de 1:50.000, por exemplo, é somente um quinto da escala de 1:10.000. 2) Quanto menor o denominador, maior é a escala. A escala de 1:2.000 é cinco vezes maior que a de 1:10.000. 3) Se um mapa numa escala, por exemplo, de 1:50.000 for ampliado para uma escala de 1:10.000, passará a ser cinco vezes mais extenso e cinco vezes mais largo. O novo mapa terá vinte e cinco vezes o tamanho da folha requerida para o mapa originalmente numa escala menor. 4) Quanto maior for a escala do mapa, menor será a porção da superfície da Terra que pode ser representada numa folha de tamanho conveniente, porém maior o número de detalhes (número de características, etc.) podem ser apresentados. Escala
  26. 26. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro 5) Quanto menor a escala, maior a porção da superfície terrestre que pode ser representada numa folha do tamanho conveniente, porém, será menor o número de detalhes que poderão ser apresentados. 6) Os padrões mundiais devem certamente ser representados numa escala pequena, porque o propósito é mostrar a distribuição de fenômeno em toda a superfície terrestre. 7) Os detalhes da topografia ou a configuração da superfície de qualquer região podem ser mostrados satisfatoriamente nos mapas de escala de 1:100.000 ou maiores. Escala
  27. 27. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro
  28. 28. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro
  29. 29. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro
  30. 30. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro
  31. 31. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro
  32. 32. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro
  33. 33. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro
  34. 34. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro
  35. 35. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro
  36. 36. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro
  37. 37. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro
  38. 38. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro
  39. 39. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental - EIA-RIMA Diagnóstico Ambiental Prof. Dr. Rômulo Ribeiro

×