Simulado de história do brasil república

2.341 visualizações

Publicada em

Simulado de História do Brasil República

Publicada em: Educação
  • Muito obrigada por postar este simulado.
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Simulado de história do brasil república

  1. 1. Simulado de História do Brasil República - Ano 2015 - COM GABARITO - Pré-vestibular Comunitário Ganga Zumba Prof: Ricardo Jorge Exercício 1. (UFMG) Leia o texto: Na Bruzundanga, como no Brasil, todos os representantes do povo, desde o vereador até o presidente da República, eram eleitos por sufrágio universal e, lá, como aqui, de há muito que os políticos tinham conseguido quase totalmente eliminar do aparelho eleitoral este elemento perturbador – “o voto”. Julgavam os chefes e capatazes políticos que apurar os votos dos seus concidadãos era anarquizar a instituição e provocar um trabalho infernal na apuração porquanto cada qual votava em um nome, visto que, em geral, os eleitores têm a tendência de votar em conhecidos ou amigos. Cada cabeça, cada sentença; e para obviar os inconvenientes de semelhante fato, os mesários de Bruzundanga lavravam as atas conforme entendiam e davam votações aos candidatos conforme queriam. (…) às vezes semelhantes eleitores votavam até com nome de mortos, cujos diplomas apresentavam aos mesários solenes e hieráticos que nem sacerdotes de antigas religiões. (BARRETO, Lima. Os Bruzundangas. Rio de Janeiro: Ediouro, s.d. p. 65-66.) Todas as alternativas contêm informações que confirmam o comportamento eleitoral criticado na sátira de Lima Barreto, exceto em: A) o domínio político dos coronéis rurais garantia a mecânica eleitoral fraudulenta operada através do o interesse das elites agrárias e a exclusão das demais classes sociais da política estavam garantidos nesse sistema político eleitoral. B) o sistema eleitoral descrito como corrupto estava na base da política dos governadores, posta em prática pelas oligarquias na chamada República Velha. C) o sistema eleitoral fraudulento foi consolidado, no fim dos anos 20, através da ação decisiva da Aliança Liberal. D) o voto de cabresto era uma forma de manipulação de eleitorado, seja através da compra de voto, seja através da troca do voto por favores. RESPOSTA: D Exercício 2. (FACULDADES OBJETIVO) A partir da Revolução de 1930, desenvolveu-se definitivamente um novo setor na economia brasileira: A) café B) indústria urbana C) indústria do açúcar D) exportação E) n.d.a. RESPOSTA: B Simulado de História do Brasil República - Ano 2015 Página - 1
  2. 2. Exercício 3. Qual foi o período da República Velha? A) 1889-1910 B) 1964-1982 C) 1889-1930 D) 1930-1999 RESPOSTA: C Exercício 4. (PUC) O tenentismo constituiu um dos elementos básicos: A) Da revolução brasileira de 1930; B) Da guerra contra Rosas e Oribe; C) Da guerra do Paraguai; D) Da Questão Militar do II Reinado; E) n.d.a. RESPOSTA: A Exercício 5. Em relação a Revolta da Vacina, qual foi a reação dos cariocas em meio a obrigatoriedade imposta pelo médico sanitarista Dr. Oswaldo Cruz? A) Aceitaram muito bem a ideia do Dr. Oswaldo Cruz. B) Agradeceram ao Doutor, pois reconheceram a importância de sua imposição. C) Os cariocas reagiram com muita violência. Prédios e lojas foram atacados e depredados, trilhos foram retirados e bondes foram virados. D) Atacaram o médico e apedrejaram a casa dele. RESPOSTA: C Exercício 6. A chamada “Política dos Governadores”, instituída a partir do governo de Campos Salles, caracterizava-se por: A) permitir que a escolha do Presidente da República fosse resultado de um consenso entre os governadores e desta forma manter o grupo político no poder. B) tornar os governadores um mero instrumento do poder do Presidente da República e impedir a formação de novas lideranças contrárias ao governo federal. C) acordo político que consistia na troca de favores entre os governos federal, estadual e municipal para manter os grupos políticos no poder. D) tornar os governadores representantes de um federalismo liberal e democrático com objetivo de renovar as lideranças políticas. E) promover, através dos governadores, a desarticulação das oligarquias locais e promover a renovação dos grupos políticos e lideranças locais. RESPOSTA: C Exercício 7. (PUC) A base da economia brasileira durante a Primeira República foi o café e isto se deveu: A) À mudança de regime político, à liberdade de ação dada aos proprietários pela Constituição e aos assalariados italianos; B) Ao incentivo dado aos plantadores de café, á aceitação do nosso produto pela Inglaterra e à libertação dos escravos; C) À decadência da industrialização, à Guerra de Secessão dos Estados Unidos e à decadência da mineração; Simulado de História do Brasil República - Ano 2015 Página - 2
  3. 3. D) À qualidade das terras, ao clima favorável, à imigração européia e à aceitação do nosso produto no mercado externo. E) n.d.a. RESPOSTA: D Exercício 8. Analise os fatos da História do Brasil que estão indicados abaixo. 02)Tenentismo. 04)Política do Café-com-Leite. 06) Produção da Borracha na Amazônia. 08) Guerra de Canudos. 10) Balaiada. A partir do que foi exposto, indique a alternativa que expõe corretamente a somatória dos números que precedem as afirmativas que se referem a eventos históricos ocorridos durante a República Velha. A) 10 B) 30 C) 20 D) 16 E) 12 RESPOSTA: C Exercício 9. Voto do Cabresto era uma característica de que grupo da República Velha? A) Governadores B) Jagunços C) Coronéis (grandes latifundiários) D) Fazendeiros RESPOSTA: C Exercício 10. “Conhecido como o navegante negro; Tinha a dignidade de um mestre-sala; …” O fragmento acima é da música de João Bosco e Aldir Blanc, “O mestre-sala dos mares”, numa homenagem ao “Almirante Negro” que liderou a revolta dos marinheiros em 1910 contra os castigos físicos e a discriminação por parte dos oficiais. O líder e a revolta a que se refere o texto, são, respectivamente: A) João Cândido e a Revolta da Chibata; B) Osvaldo Cruz e a Revolta da Vacina; C) o beato José Maria e a Revolta do Contestado; D) Lampião e a Revolta de Juazeiro; E) Giuseppe Garibaldi e as greves operárias de São Paulo. RESPOSTA: A Exercício 11. (Unitau) No governo Rodrigues Alves (1902-1906), ocorreu a revolta da vacina, que estava contextualizada: A) na modernização e no saneamento do Rio de Janeiro. B) na modernização e no saneamento do Brasil como um todo. C) no combate às doenças epidêmicas promovido pela ONU. D) na recepção aos imigrantes. E) na oposição entre os setores rural e urbano. RESPOSTA: A Exercício 12. A Primeira República ou República Velha foi um período da História Simulado de História do Brasil República - Ano 2015 Página - 3
  4. 4. política do Brasil que se caracterizou pelo afastamento do ideal da República. O que deveria ser um governo para todos na prática era um governo de poucos. Sobre os fatos com os quais podemos caracterizar a Primeira República estão: I. Com o “voto de cabresto” os coronéis dominavam as clientelas rurais e manipulavam as eleições; II. A política dos governadores consagrava a troca de apoio entre o governo federal e as oligarquias estaduais mantendo o mesmo grupo político no poder. III. A política do café com leite foi o domínio da sucessão presidencial pelos grandes fazendeiros de Minas Gerais e São Paulo, principalmente os representantes dos cafeicultores paulistas, alternando-se na presidência da República. IV. O Movimento dos Tenentes – o Tenentismo – que possuía caráter militar contribuiu para consolidar os governos da Primeira República. V. As fraudes eleitorais eram exceção e não regra neste período, devido ao rigoroso trabalho de fiscalização do processo eleitorado efetuado pela Comissão de Verificação. Assinale a alternativa verdadeira: A) Apenas a alternativa I, está correta. B) As alternativas I,II,III estão corretas. C) As alternativas I,II,IV e V estão corretas. D) As alternativas II,III e IV estão corretas. E) Apenas a alternativa V está incorreta. RESPOSTA: B Exercício 13. (FMU) Rui Barbosa teve atuação destacada como ministro da Fazenda do Governo Provisório. Entre as medidas que implantou salienta-se: A) Ampliação do crédito à lavoura, com indenização aos donos de escravos, em conseqüência da abolição; B) Reforma do sistema de crédito, com incentivo ao setor industrial; C) Política tarifária, estimulando a importação de bens de consumo interno; D) Organização da legislação de sociedades anônimas, visando atrair investimentos estrangeiros no setor industrial. RESPOSTA: B Exercício 14. (Enem 2010) A serraria construía ramais ferroviários que adentravam as grandes matas, onde grandes locomotivas com guindastes e correntes gigantescas de mais de 100 metros arrastavam, para as composições de trem, as toras que jaziam abatidas por equipes de trabalhadores que anteriormente passavam pelo local. Quando o guindaste arrastava as grandes toras em direção à composição de trem, os ervais nativos que existiam em meio às matas eram destruídos por este deslocamento. MACHADO P. P. Lideranças do Contestado. Campinas: Unicamp. 2004 (adaptado). No início do século XX, uma série de empreendimentos capitalistas chegou à região do meio-oeste de Santa Catarina – ferrovias, serrarias e projetos de colonização. Os impactos sociais gerados por esse processo estão na origem da chamada Guerra do Contestado. Entre tais impactos, encontrava-se A) a absorção dos trabalhadores rurais como trabalhadores da serraria, resultando em um processo de êxodo Simulado de História do Brasil República - Ano 2015 Página - 4
  5. 5. rural. B) o desemprego gerado pela introdução das novas máquinas, que diminuíam a necessidade de mão de obra. C) a desorganização da economia tradicional, que sustentava os posseiros e os trabalhadores rurais da região. D) a diminuição do poder dos grandes coronéis da região, que passavam disputar o poder político com os novos agentes. E) o crescimento dos conflitos entre os operários empregados nesses empreendimentos e os seus proprietários, ligados ao capital internacional. RESPOSTA: C Exercício 15. O coronelismo foi uma peça importante da engrenagem que impedia a representatividade política da maioria da população, principalmente a parcela da sociedade mais carente. Podemos definir o coronelismo como: A) Sistema de poder cujo grupo político que se alternava no poder federal como forma de garantir a manutenção dos privilégios aos seus respectivos Estados. B) Sistema de poder que consistia na troca de favores entre o poder estadual e municipal a fim de garantir seus interesses políticos utilizando práticas fraudulentas para vencer as eleições. C) Sistema de poder no qual o coronel era uma peça secundária e sua participação era ofuscada pela Comissão de Verificação, pois na prática era esta quem declarava os candidatos eleitos. D) Sistema de poder baseado no coronel o líder político local, grande proprietário de terras que usava jagunços para formar os currais eleitorais, através de práticas de intimidação ao eleitor. E) Sistema de poder político que arregimentava grande número de seguidores a partir de suas pregações religiosas que convenciam os mais pobres a se submeterem ao seu controle. RESPOSTA: D Exercício 16. Sobre a República Oligárquica, responda: A) Foi um período compreendido entre a Proclamação da República, em 1889, e a eclosão da revolução de 1930. B) Foi dividida em dois momentos: a República da Espada e a República Velha. C) Foi um período marcado por crises econômicas, como a do Encilhamento, e por conflitos entre as elites brasileiras, como a Revolução Federalista e a Revolta Armada. D) Foi marcada pelo controle público exercido sobre o governo federal pela oligarquia cafeeira paulista e pela elite rural mineira, na conhecida “Política do café com leite”. RESPOSTA: D Exercício 17. (Enem 2010) O artigo 402 do Código penal Brasileiro de 1890 dizia: Fazer nas ruas e praças públicas exercícios de agilidade e destreza corporal, conhecidos pela denominação de capoeiragem: andar em correrias, com armas ou instrumentos capazes de produzir uma lesão corporal, provocando tumulto ou desordens. Pena: Prisão de dois a seis meses. SOARES, C. Simulado de História do Brasil República - Ano 2015 Página - 5
  6. 6. E. L. A Negregada instituição: os capoeiras no Rio de Janeiro: 1850-1890. Rio de Janeiro: Secretaria Municipal de Cultura, 1994 (adaptado). O artigo do primeiro Código Penal Republicano naturaliza medidas socialmente excludentes. Nesse contexto, tal regulamento expressava A) a manutenção de parte da legislação do Império com vistas ao controle da criminalidade urbana. B) a defesa do retorno do cativeiro e escravidão pelos primeiros governos do período republicano. C) o caráter disciplinador de uma sociedade industrializada, desejosa de um equilíbrio entre progresso e civilização. D) a criminalização de práticas culturais e a persistência de valores que vinculavam certos grupos ao passado de escravidão. E) o poder do regime escravista, que mantinha os negros como categoria social inferior, discriminada e segregada. RESPOSTA: D Exercício 18. (Mackenzie) “Num momento em que a Marinha se reforma e tenta assimilar as técnicas modernas, seu elemento humano e seu mecanismo disciplinar ainda são regulados por códigos dos séculos XVIII e XIX. Os maus-tratos se somam à freqüência dos castigos corporais. O trabalho é duro e excessivo.” (Edgard Carone - “A República Velha”) O texto acima diz respeito: A) à Revolta da Armada do Almirante Custódio de Melo, que derrubou Deodoro da Fonseca. B) à expedição que se dirigia à Bahia para combater Canudos. C) à modernização da Marinha pelo Almirante Cochrane e eliminação dos maus-tratos. D) às reclamações trabalhistas e por melhores condições de trabalho dos oficiais da Marinha. E) à rebelião dos marinheiros chamada “Revolta da Chibata”, comandada pelo “Almirante Negro”, João Cândido. RESPOSTA: E Exercício 19. (Unesp) A República Brasileira, na última década do Século XIX, caminhava para a consolidação da oligarquia dos coronéis- fazendeiros. A crise econômico-financeira agravava as condições de vida na cidade e no campo. A rebelião de Canudos pode ser entendida como movimento de: A) hesitação dos mandatários políticos em desfechar medidas repressivas contra a gente oprimida. B) tensão social agravada pela expulsão dos camponeses que atuavam nas frentes pioneiras catarinenses e paranaenses. C) resistência da população sertaneja contra a estrutura agrário-latifundiária e as medidas repressivas oficiais. D) descontentamento dos fanáticos que buscavam efetivar práticas liberais burguesas. E) rebeldia dos jagunços que se opunham à rede de açudes e às campanhas de combate às secas. RESPOSTA: C Exercício 20. (Adaptada) (Pucsp) “(O Simulado de História do Brasil República - Ano 2015 Página - 6
  7. 7. movimento) não se rendeu… resistiu até o esmagamento completo. Expugnado palmo a palmo, na precisão integral do termo, caiu no dia 5 ao entardecer, quando caíram seus últimos defensores, que todos morreram. Eram quatro apenas: um velho, dois homens feitos e uma criança, à frente dos quais rugiam raivosamente cinco mil soldados.” As mortes empreendidas pelo Exército em 1897, no interior do Nordeste, e com a qual o leitor de “Os Sertões”, de Euclides da Cunha, entra em contato, tem uma de suas explicações: A) na necessidade, por parte do governo, de afirmar a irreversibilidade do projeto republicano. B) no fato de que o movimento seria uma extensão do Cangaço na região, provocando a reação dos latifundiários C) no objetivo do Estado republicano em conter quaisquer manifestações socialistas que inculcassem ideologias revolucionárias nos camponeses. D) na tentativa do Exército de impedir que os tenentes desertores continuassem sua pregação pelo interior do país. E) na pressão exercida, pelo Vaticano, sobre as Forças Armadas, com o objetivo de barrar o crescimento de igrejas alternativas. RESPOSTA: A Fontes: • http://www.coladaweb.com/exercicios-resolvidos/exercicios-resolvidos-de-historia/a- republica-velha-2 • http://historiademestre.blogspot.com.br/2010/04/prezados-alunos.html • http://exercicios.brasilescola.com/exercicios-historia-do-brasil/exercicios-sobre-sociedade- na-republica-velha-1889-1930.htm • http://educacao.globo.com/ • http://historiacsd.blogspot.com.br/2012/10/revoltas-na-republica-velha-oligarquica_12.html Simulado de História do Brasil República - Ano 2015 Página - 7

×