Pedro InêS Palestra A K M

1.026 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.026
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Pedro InêS Palestra A K M

  1. 1. D.Inês e D.Pedro <br /> Um parte da História <br />
  2. 2. D.Afonso IV Beatriz (irmã de Afonso XI de Castela)<br />Teresa Lourenço D.Pedro I Constança Manuel<br /> (o cruel ou <br /> o justiceiro) <br /> Inês de Castro <br />D.João Mestre D.Fernando<br />De Avis <br /> D.João D.Dinis D.Beatriz<br /> Casamento<br /> Ligação Amorosa<br />
  3. 3. Os problemas da vida de D.Pedro<br />Michaela<br />
  4. 4. D. Pedro casou com D. Branca, mas o casamento foi desfeito, por esta ser atrasada mental e infértil.<br />Casou com D. Constança (1336), que veio para Portugal em 1340. Com ela veio D. Inês de Castro.<br />D. Pedro era gago, mas D. Inês tinha muita paciência. Na festa do casamento, D. Pedro esteve sempre a conversar com D. Inês de Castro. E dançaram juntos… Tal deu nas vistas.<br />
  5. 5. D. Inês de Castro foi mandada para a casa da tia (a infanta D. Maria), em Albuquerque, pelo rei (D. Afonso IV). <br />D. Pedro vai a Albuquerque buscá-la. <br />Havia um paço de caça, na Serra El Rei, que D. Pedro habitou. D. Inês ficou perto, no paço de Moledo.<br />Eles encontravam-se nesse palácio (que não pertencia à rainha). <br />Andreia<br />
  6. 6. É provável que em Moledo nascessem os três infantes, filhos dos amores do casal.<br /> D. Afonso quer casar outra vez D. Pedro, com alguém de sangue real.<br /> D. Pedro decide levar D. Inês e seus filhos para o Norte (Canidelo, Vila Nova de Gaia), onde a mãe de D. Inês teria terras (por parte do pai).<br /> Depois, D. Pedro resolve ir para Coimbra, para junto da Corte, e instala-se no paço de Santa Clara-a-Velha, com D. Inês e os filhos. <br />Andreia<br />
  7. 7. Estando em Coimbra, junto da corte, foi o centro de atenções, e começaram a pressionar D. Afonso IV para acabar com tal relação. Receavam a influência do poder dos Castros junto de D. Pedro.<br />O Conselho do Rei, reunido em Montemor-o-Velho, decide pela morte de D. Inês.<br />Segundo a lenda, ela é apunhalada por nobres. Na realidade é degolada por um carrasco.<br />
  8. 8. D. Pedro revoltou–se contra o seu pai, o rei D. Afonso IV, e começou a invadir as terras deste.<br />D. Beatriz, a rainha, procura fazer as pazes entre o marido e o filho, e essas pazes são conseguidas. D. Pedro promete à mãe perdoar os que atacaram D. Inês. Mas a promessa foi quebrada: D. Pedro “matou” dois dos nobres em Santarém. <br />Já rei mandou fazer os túmulos, no mosteiro de Alcobaça, onde se encontram os dois amantes sepultados. <br />
  9. 9. Bibliografia <br /><ul><li> Informações recolhidas a partir da palestra do Sr. Rui Cipriano, investigador da história da Lourinhã.</li></li></ul><li>Trabalho realizado por:<br />Katharina Marteleira<br />Andreia Conceição<br />Michaela Cruz<br />6º B<br />

×