1
DRE – Parte I
Estoque Inicial, Compras e Estoque Final – de onde vêm esses valores?
1 - Estoque Inicial
Soma todo o sald...
2
No exemplo acima o cálculo do saldo considerará somente os movimentos com
data inferior ao dia 01/06/2015, ou seja, serã...
3
Vendas
Número da
venda
Código do
produto
Quantidade
vendida
Data
1 1 1 01/06/2015
4 2 1 05/06/2015
5 2 1 05/06/2015
Tota...
4
Qual o saldo de estoque do produto código 1 até 31/05/2015? Cinco (entrada
número 2). Qual o preço de compra que está in...
5
Vendas
Número da
venda
Código do
produto
Quantidade
vendida
Data
1 1 1 01/06/2015
4 2 1 05/06/2015
5 2 1 05/06/2015
Tota...
6
Como se trata de saldo do período o sistema tem de subtrair o estoque inicial, que
é um saldo anterior. Desse modo, 16.6...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

DRE InfoTotal - Parte 1

261 visualizações

Publicada em

DRE - Infobrasil

Publicada em: Software
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
261
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

DRE InfoTotal - Parte 1

  1. 1. 1 DRE – Parte I Estoque Inicial, Compras e Estoque Final – de onde vêm esses valores? 1 - Estoque Inicial Soma todo o saldo de estoque e multiplica pelo preço escolhido no filtro “PREÇO TOTALIZADOR”. O preço totalizador é selecionado antes de visualizar a listagem, ainda no formulário de filtro (Imagem 2). O sistema subtrai o total das quantidades de todos os movimentos cuja operação é entrada pelo total das quantidades de todos os movimentos cuja operação é saída. Dessa subtração é gerado o saldo (em quantidade). Imagem 2 – campo preço totalizador. Imagem 1 – listagem DRE - cabeçalho. 1 2 3 E como o sistema calcula esse saldo?
  2. 2. 2 No exemplo acima o cálculo do saldo considerará somente os movimentos com data inferior ao dia 01/06/2015, ou seja, serão contabilizados os movimentos do dia 31/05/2015 para trás. Por que do dia 31/05/2015 para trás? Porque a ideia é que essa seção “Estoque Inicial” carregue o saldo anterior de estoque (em valor), isto é, o saldo de estoque antes do período. Por questões didáticas, lançamos 3 entradas com datas diferentes e 3 vendas. No entanto, salientamos que o sistema vasculha todas as movimentações além de vendas e entradas, tais como transferência de mercadorias e acertos de estoque. Clicando em “OK”, no formulário, visualizamos o relatório conforme a imagem 4. Total de entradas (quantidade) – Total de saídas (quantidade) = Saldo Imagem 3 – campo DATA INICIAL e campo DATA FINAL. Imagem 4 – visualização da DRE (cabeçalho). Custo fiscal como parâmetro no campo “PRECO TOTALIZADOR”. Importante Esse cálculo é feito considerando os movimentos com data inferior ao período informado no campo “DATA INICIAL”, do formulário de filtro da listagem. Veja a imagem 3.
  3. 3. 3 Vendas Número da venda Código do produto Quantidade vendida Data 1 1 1 01/06/2015 4 2 1 05/06/2015 5 2 1 05/06/2015 Total de vendas: 3 Quantidade total de produtos: 3 Entradas Número da entrada Código do produto Quantidade Data Preço de compra1 Preço de custo fiscal2 1 1 10 01/06/2015 0,00 900,00 2 1 5 02/05/2015 0,00 900,00 3 2 10 04/05/2015 500,00 500,00 1 Preço atual que está no cadastro de produtos. 2 Preço atual que está no cadastro de produtos. Total de entradas: 3 Quantidade total de produtos: 25 Na imagem 4 visualizamos 9.500,00 no “Estoque Inicial”. Baseando-se na explicação apresentada até aqui, fica fácil entender como o sistema obteve esse valor. Quantas entradas existem antes de 01/06/2015? Duas, sendo uma no dia 02/05/2015 (entrada número 2) e outra no dia 04/05/2015 (entrada número 3). Somando as quantidades lançadas nessas entradas, obtém-se o total de 15 (cinco na entrada número 2 e dez na entrada número 3). Não existem vendas nem qualquer movimentação de saída antes de 01/06/2015. Então o saldo em estoque é de 15 mesmo. O preço escolhido no campo “PRECO TOTALIZADOR” (imagem 2) foi o custo fiscal. Qual o saldo de estoque do produto código 1 até 31/05/2015? Cinco (entrada número 2). Qual o preço de custo fiscal que está informado no cadastro de produtos? R$ 900,00. Multiplicando o saldo pelo preço de custo obtém-se 4.500,00 (5 X 900,00). O mesmo cálculo é feito para o código 2. Saldo em estoque multiplicado pelo preço de custo fiscal (10 X 500 = 5.000,00). E assim o sistema faz para cada produto com saldo em estoque. Por fim, ele soma esses totais. No exemplo, para chegar ao valor de 9.500,00, o sistema somou 5.000,00 com 4.500,00 (totais dos produtos 1 e 2, respectivamente. Esse é o estoque inicial antes de 01/06/2015, a preço de custo fiscal). Se filtrarmos a listagem preenchendo, no campo “PRECO TOTALIZADOR”, a opção “1 – COMPRA”, o cálculo seria o saldo em estoque pelo preço de compra informado no cadastro de produtos. Vejamos:
  4. 4. 4 Qual o saldo de estoque do produto código 1 até 31/05/2015? Cinco (entrada número 2). Qual o preço de compra que está informado no cadastro de produtos? R$ 0,00. Multiplicando o saldo pelo preço de compra obtém-se 0,00 (5 X 0,00). O mesmo cálculo é feito para o código 2. Saldo em estoque multiplicado pelo preço de compra (10 X 500 = 5.000,00). E assim o sistema faz para cada produto com saldo em estoque, conforme mostrado no exemplo anterior. Por fim, ele soma esses totais. No exemplo agora, o valor do estoque inicial é de R$5.000,00 (totais dos produtos 1 e 2, respectivamente. Esse é o estoque inicial antes de 01/06/2015, a preço de compra). 2 - Compras Entendido como o sistema calcula o estoque inicial, passemos agora para seção do relatório denominada “Compras”. Essa seção, na verdade, é o saldo de estoque do período informado na listagem. Não custa ressaltar que esse saldo é em valor. Como sistema calcula esse saldo? Bem semelhante ao estoque inicial. A diferença é que para o “Estoque Inicial” o sistema considera somente os movimentos com data inferior à data inicial, informada no formulário de filtro da listagem. Já para “Compras”, o sistema considera os movimentos da data final para trás. No exemplo deste tutorial, a listagem considerará os movimentos do dia 08/06/2015 para trás. Por fim, o sistema subtrai esse resultado do estoque inicial. Vamos a uma demonstração para facilitar a assimilação. Visualizemos a listagem novamente, informando como parâmetro, no campo “PRECO TOTALIZADOR”, o preço de custo fiscal. O período é o mesmo: 01/06/2015 a 08/06/2015. Pois bem. Vamos, novamente, visualizar os movimentos no sistema. Ei-los: Imagem 5 – visualização da DRE (cabeçalho). Estoque inicial a preço de compra. Imagem 6 – listagem DRE - cabeçalho. Seção Compras, considerando o preço de custo.
  5. 5. 5 Vendas Número da venda Código do produto Quantidade vendida Data 1 1 1 01/06/2015 4 2 1 05/06/2015 5 2 1 05/06/2015 Total de vendas: 3 Quantidade total de produtos: 3 Entradas Número da entrada Código do produto Quantidade Data Preço de compra1 Preço de custo fiscal2 1 1 10 01/06/2015 0,00 900,00 2 1 5 02/05/2015 0,00 900,00 3 2 10 04/05/2015 500,00 500,00 1 Preço atual que está no cadastro de produtos. 2 Preço atual que está no cadastro de produtos. Total de entradas: 3 Quantidade total de produtos: 25 Quantas entradas existem antes de 08/06/2015 (data final agora)? Três, sendo uma no dia 01/06/2015 (entrada número 1), uma no dia 02/05/2015 (entrada número 2) e outra no dia 04/05/2015 (entrada número 4). Somando as quantidades lançadas nessas entradas, obtém-se o total de 25 (dez na entrada número 1, cinco na entrada número 2 e dez na entrada número 3). Há apenas três vendas antes de 08/06/2015. Vendas 1, 4 e 5. Todas com um item e 1 no campo quantidade (3 no total). Não há outras movimentações. Então o saldo em estoque é de 22. O preço escolhido no campo “PRECO TOTALIZADOR” (imagem 2) foi o custo fiscal. Qual o saldo de estoque do produto código 1 até 09/06/2015? Quatorze (10 na entrada número 1 mais 5 na entrada número 2. Houve venda de um produto  venda 1. Então 15 – 1 = 14). Qual o preço de custo fiscal que está informado no cadastro de produtos? R$ 900,00. Multiplicando o saldo pelo preço de custo obtém-se 12.600,00 (14 X 900,00). O mesmo cálculo é feito para o código 2. Saldo multiplicado pelo preço de custo fiscal (8 X 500,00 = 4.000,00). E assim o sistema faz para cada produto com saldo em estoque. Em seguida, ele soma esses totais. No exemplo, o resultado é 16.600,00. Para chegar a esse valor de 16.600,00, o sistema somou 12.600,00 com 4.000,00 (totais dos produtos 1 e 2, respectivamente). Nota: A DRE considera não somente os movimentos com situação baixada, mas também os movimentos cuja situação está pendente.
  6. 6. 6 Como se trata de saldo do período o sistema tem de subtrair o estoque inicial, que é um saldo anterior. Desse modo, 16.600,00 (estoque até o final do período) – 9.500,00 (Estoque Inicial) = 7.100,00. Esse é o saldo do estoque do período antes de (01/06/2015 a 08/06/2015), a preço de custo fiscal. O valor de 16.600,00 é o valor do estoque final, que é o estoque até o fim do período, a saber (mais uma vez), 01/06/2015 a 08/06/2015. Isso a preço de custo fiscal. Suposto problema Por que ao preencher “1 – COMPRA”, no campo “PRECO TOTALIZADOR”, a seção “COMPRAS” aparece com valor zerado (Imagem 7)? Vamos executar os mesmos passos anteriores. Qual o saldo de estoque do produto código 1 até 09/06/2015? Quatorze (10 na entrada número 1 mais 5 na entrada número 2. Houve venda de um produto  venda 1. Então 15 – 1 = 14). Qual o preço de compra (repare bem. Preço de compra) que está informado no cadastro de produtos? R$ 0,00. Multiplicando o saldo pelo preço de compra obtém-se R$ 0,00 (14 X R$ 0,00). O mesmo cálculo é feito para o código 2. Saldo multiplicado pelo preço de custo fiscal (8 X 500,00 = 4.000,00). E assim o sistema faz para cada produto com saldo em estoque. Em seguida, ele soma esses totais. No exemplo, para chegar ao valor de R$ 4.000,00, o sistema somou R$ 0,00 com R$ 4.000,00 (totais dos produtos 1 e 2, respectivamente). Como se trata de saldo do período o sistema tem de subtrair o estoque inicial, que é um saldo anterior. Desse modo, R$ 4.000,00 (estoque até o final do período) – 5.000,00 (Estoque Inicial) = -1.000,00. Esse é o saldo do estoque do período antes de (01/06/2015 a 08/06/2015), a preço de compra. Percebeu que ficou negativo? Quando o cálculo retorna o valor negativo, na listagem é exibido o valor zerado (na seção “Compras”). O valor de R$ 4.000,00 é o valor do estoque final, que é o estoque até o fim do período, a saber (mais uma vez), 01/06/2015 a 08/06/2015. Agora a preço de compra. Imagem 7 – visualização da DRE (cabeçalho). Seção “Compras” a preço de compra.

×