Forró

367 visualizações

Publicada em

origem do forró no brasil

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Forró

  1. 1. O forró e o samba, possuem as mesmas raízes, ou seja, ambos se originaram da mistura de influências africanas e européias. A origem do nome forró tem várias versões, porém a mais aceita é a do folclorista e pesquisador da cultura popular Luiz Câmara Cascudo. Segundo ele, a palavra forró deriva da abreviação de forrobodó, que significa arrasta-pé, confusão, farra.
  2. 2. De acordo com pesquisadores, o forró surgiu no século XIX. Nesta época, como as pistas de dança eram de barro batido, era necessário molhá-las antes, para que a poeira não levantasse. As pessoas dançavam arrastando os pés para evitar que a poeira subisse. É comemorado em 13 de dezembro o Dia Nacional do Forró.
  3. 3. Em 1928/1929 o velho LUA (LUIS GONZAGA) começou a tocar sanfona com o seu pai e seu mestre Januário no interior de Pernambuco, quando tinha uma festa de “arraiá”, lá estavam os dois, sempre acompanhado do pai.Em 1930 foi servir o exercito no Ceará e de lá foi para o Rio de Janeiro, e levou a velha sanfona do seu querido pai. Em 1939, LUIS GONZAGA começa a tocar sanfona no Rio de Janeiro, onde criou sua primeira música de forró, com o título: o “vira e mexe”, em 1940 ele criou o “baião”e foi tocar no programa de Ari Barroso na Radio Nacional onde ganhou o primeiro lugar, onde ficou conhecido como o REI DO BAIÃO, uma mistura e transformação do conga e o samba.
  4. 4. •Uma das principais características do forró é o ato de arrastar os pés durante a dança. Esta é realizada por casais, que dançam com os corpos bem colados, transmitindo sensualidade. •Embora seja tipicamente nordestino, o forró espalhou-se pelo Brasil fazendo grande sucesso. Foram os migrantes nordestinos que espalharam o forró, principalmente nas décadas de 1960 e 1970. •Atualmente, existem vários gêneros de forró: forró eletrônico, forró tradicional, forró universitário e o forró pé de serra.
  5. 5. • O forró é dançado em duplas, casais, que executam diversas evoluções, diferentes para o forró nordestino e o forró universitário. • A diferença principal entre esses dois forrós é que o Nordestino tem mais malícia, sensualidade, e exige mais cumplicidade dos parceiros. • O Forró universitário tem mais evoluções, mais “passos”. • O modo de dança no forró universitário é o dois-dois, e os passos principais são: • – a “Dobradiça” (abertura lateral como uma porta), – a “Caminhada” (que ao invés de ir para os lados, caminha pra a frente ou para trás), – a “Comemoração” (estilo de balançada com a perna do cavalheiro no meio da perna da dama), – o giro simples, – o giro do cavalheiro, – o “Oito” (quando o cavalheiro e a dama ficam de costas e passam um pelo outro), • E no forró nordestino o modo de dança é o um-um (para frente e para trás) são: • – a levantada de perna, – a “testada” (o cavalheiro e a dama encostam as testas).

×