Sistema de tratamento ecológico para esgoto doméstico 
Renato Peixoto Brandão Bravo 
Brasília, 2014
As fossas negras são buracos rudimentares com ou sem revestimento das paredes internas onde é despejado o esgoto doméstico...
A fossa negra muitas vezes fica perto do 
Poço caipira ou da cisterna... 
A água da fossa contamina a água do lençol freát...
Água contaminada por fezes pode causar doenças sérias e mortais 
Ascaridíase: 
causada pelo verme Ascaris lumbricoides, a ...
É um sistema de tratamento de esgoto onde os dejetos, as bactérias e outros agentes poluidores e causadores de doenças nun...
Água Cinza e Água Negra 
A água negra contém bactérias e outros microorganismos nocivos que podem causar doenças sérias em...
A água negra cai dentro da câmara no fundo do CANTEIRO BIOSÉPTICO onde sofre a biodigestão anaeróbica. Este processo degra...
Constituído de um tanque impermeável que evita que a água contaminada com urina e fezes entre em contato com o solo e cons...
...a tubulação que traz a água negra para o canteiro deve ser instalada de modo que o efluente caia dentro da câmara, nest...
...o material de preenchimento do CANTEIRO BIOSÉPTICO pode ser entulho, pedras e até fibras de coco. Na parte inferior se ...
...as plantas têm a função de absorver nutrientes e água presentes no tanque e de promover a evapotranspiração do excesso ...
Usuários 
Volume (m³) 
2 
4 m³ 
3 
6 m³ 
4 
8 m³ 
5 
10 m³ 
6 
12 m³ 
7 
14 m³ 
8 
16 m³ 
Passo a Passo - Dimensionamento ...
Prepare uma trincheira com o volume necessário para atender aos usuários do sistema (2m³ por pessoa), considere uma borda ...
...faça o revestimento das paredes de terra nua utilizando uma tela de galinheiro, deixando uma dobra de 20cm no piso do f...
Passo a passo 
...faça o contra-piso de concreto com 5cm de espessura usando traço de massa na proporção de 1 saco de cime...
Passo a passo – Preparação das Paredes 
...após a secagem do “chapisco”, faça o reboco sobre a tela usando massa magra de ...
Passo a passo – Impermeabilização 
...após a secagem das paredes e a cura do cimento é recomendável aplicar uma camada de ...
Passo a passo – “Ladrão” 
...instale o cano de saída de 100mm do “ladrão” 10 cm abaixo da borda do canteiro. O “ladrão” de...
Passo a passo – Câmara e Tubulação 
...instale a câmara de pneus usados no centro do tanque. Com o auxilio de pequenos ped...
Passo a passo - Preenchimento 
...inicie o preenchimento com entulho grosso até a metade da altura dos pneus... 
...preenc...
Passo a passo - Preenchimento 
...forre o leito com manta geotêxtil, a função da manta é não permitir que os materiais mai...
Passo a passo - Preenchimento 
...preencha com uma camada de 15 a 20cm de areia lavada média... 
...complete o tanque com ...
Passo a passo – Detalhes de Acabamento 
...o volume de terra no centro do tanque deve ser maior, dando acabamento de forma...
Passo a passo - Plantas 
...a quantidade de plantas ideal para o canteiro depende do clima da região, da incidência de luz...
Cimento 
Areia lavada média 
Brita 
Tijolos 
Tela de arame galvanizado 
Tubo para Esgoto 100mm 
“T” 100mm 
“Caps” ...
Durante os primeiros meses é necessário regar as plantas do canteiro até que as raízes se desenvolvam e que o nível de efl...
Referências Bibliográficas 
BODENS, F.; OLIVEIRA, B. Fossa ecológica – Tanque de evapotranspiração. Brasília, 2009. Dispon...
Cartilha desenvolvida para o Trabalho de Conclusão de Curso do curso de Ciências Biológicas no Centro Universitário de Bra...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Canteiro Bioséptico - Sistema de tratamento ecológico para esgoto doméstico

5.880 visualizações

Publicada em

Sistemas de tratamento e disposição de esgoto ineficientes como as “fossas negras” e as fossas sépticas são amplamente difundidos na região rural e periferias. Constituem um risco à saúde dos usuários, uma vez que a disposição de efluentes contaminados no solo prejudica o lençol freático e, consequentemente, os poços d’água de uso potável. O Saneamento Básico é direito de todos e novas tecnologias vêm sendo desenvolvidas para alcançar as áreas desfalcadas. O Canteiro Bioséptico consiste em um sistema de tratamento de esgoto doméstico impermeável onde os dejetos são tratados e reciclados sem nunca entrar em contato com o meio ambiente. O efluente passa por um biodigestor anaeróbico e por diferentes materiais filtrantes, sofrendo processos biológicos de estabilização da matéria orgânica. Os nutrientes presentes na excreta são utilizados por plantas presentes no sistema que produzem alimento e compõe o paisagismo do ambiente; a água é transpirada pelas folhas, livre de contaminantes. O objetivo deste trabalho foi construir um Canteiro Bioséptico para substituir duas fossas negras localizadas na região rural do Distrito Federal e obter informações e imagens do processo de construção para a confecção de uma cartilha educativa com informações sobre saúde e saneamento e instruções para construção de novas unidades. A unidade para referência foi construída na Chácara Nova Cambuci, na cidade de Sobradinho, DF entre os dias 02 de julho e 16 de agosto de 2014. Durante o processo, as fases foram registradas e foram selecionadas 27 imagens e produzidas 7 ilustrações para compor a cartilha. O material didático foi desenvolvido em forma de slides em linguagem simples, informativa, descritiva e instrutiva, com imagens e ilustrações. A intenção da cartilha é possibilitar o entendimento do processo de funcionamento do sistema e ensinar o passo a passo da construção de uma nova unidade. A construção do sistema reduziu o lançamento de contaminantes no ambiente. A cartilha produzida foi disponibilizada na internet e tem o potencial de disseminar práticas sustentáveis, auxiliando interessados na construção dessa tecnologia.

Publicada em: Meio ambiente
0 comentários
12 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.880
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
274
Comentários
0
Gostaram
12
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Canteiro Bioséptico - Sistema de tratamento ecológico para esgoto doméstico

  1. 1. Sistema de tratamento ecológico para esgoto doméstico Renato Peixoto Brandão Bravo Brasília, 2014
  2. 2. As fossas negras são buracos rudimentares com ou sem revestimento das paredes internas onde é despejado o esgoto doméstico para a infiltração no solo. Esse tipo de instalação é muito comum em áreas rurais e periferias onde não há rede de captação de esgoto. Podem causar prejuízos à saúde das pessoas que moram em locais onde existem esse tipo de sistema e causam impacto ambiental ao lançar água contaminada com fezes e urina sem tratamento no ambiente. 01
  3. 3. A fossa negra muitas vezes fica perto do Poço caipira ou da cisterna... A água da fossa contamina a água do lençol freático, isso pode causar danos à natureza e à saúde de quem usa a água do poço. 02
  4. 4. Água contaminada por fezes pode causar doenças sérias e mortais Ascaridíase: causada pelo verme Ascaris lumbricoides, a famosa lombriga Diarréia: infecções intestinais causadas por bactérias presentes nas fezes, como a Eschericha coli, os coliformes fecais Amebíase: infestações intestinais causadas por protozoários como a Entamoeba histolytica 03
  5. 5. É um sistema de tratamento de esgoto onde os dejetos, as bactérias e outros agentes poluidores e causadores de doenças nunca terão contato com o ambiente, evitando contaminaçõe, com o benefício extra de produzir alimento. conheça o 04 Corte transversal
  6. 6. Água Cinza e Água Negra A água negra contém bactérias e outros microorganismos nocivos que podem causar doenças sérias em seres humanos e precisa de tratamento antes de seu reuso ou disposição no solo, apenas a água negra (proveniente do vaso sanitário) deve ser encaminhada ao CANTEIRO BIOSÉPTICO. 05 Deve-se separar o encanamento das águas de lavagem de pias, chuveiros e lavanderias (água cinza) das águas de descarga do vaso sanitário (água negra). Essa separação é necessária pois os dois tipos de efluente possuem diferentes quantidades de agentes causadores de doenças e portanto devem ser tratadas de maneira diferente. A água cinza pode ser reutilizada diretamente em lavagens de calçadas e veículos, rega de plantas e jardins e geralmente não precisam de tratamento intensivo antes do reuso.
  7. 7. A água negra cai dentro da câmara no fundo do CANTEIRO BIOSÉPTICO onde sofre a biodigestão anaeróbica. Este processo degrada a parte sólida e elimina a maior parte das bactérias e dos agentes causadores de doenças. O efluente é filtrado no leito à medida que o nível do tanque sobe, é absorvido pelas plantas que utilizam os nutrientes para seu crescimento e eliminam a água através da evapotranspiração. A disposição da água na natureza é em forma de vapor, livre de agentes patológicos ou poluidores, evitando a contaminação do lençol freático (água do poço) e a propagação de doenças. As raízes das plantas são seletivas e não absorvem os agentes infecciosos, o alimento produzido é livre de contaminantes e pode ser consumido tranquilamente. Como funciona? 06
  8. 8. Constituído de um tanque impermeável que evita que a água contaminada com urina e fezes entre em contato com o solo e consequentemente, com o lençol freático... ...a câmara no fundo funciona como um reator anaeróbico, onde as bactérias atuam como agente biodigestor da matéria sólida do esgoto. Pode ser construída de alvenaria, pré moldados ou pneus usados... Estrutura do CANTEIRO BIOSÉPTICO 07
  9. 9. ...a tubulação que traz a água negra para o canteiro deve ser instalada de modo que o efluente caia dentro da câmara, neste caso foi instalado um tubo de inspeção e coleta que vai até a superfície... ...deve ser instalado um tubo “ladrão” 10cm abaixo da borda para evitar transbordamentos pela superfície em casos de sobrecargas... Tubulação 08
  10. 10. ...o material de preenchimento do CANTEIRO BIOSÉPTICO pode ser entulho, pedras e até fibras de coco. Na parte inferior se utiliza um material mais grosso que será sobreposto com materiais cada vez mais finos e por último terra. Isso garante que exista espaço vazio no fundo para que bactérias biodigestoras se proliferem e garante sustentação para as plantas na superfície... Material de Preenchimento 09
  11. 11. ...as plantas têm a função de absorver nutrientes e água presentes no tanque e de promover a evapotranspiração do excesso de água. Além disso, produzem alimento próprio para consumo... ...a principal espécie vegetal utilizada é a bananeira (M. paradisiaca) pois tem alta demanda por água e não produz raízes longas e lenhosas. Outras plantas com características semelhantes também podem ser usadas como a Taioba (X. sagittifolium). Plantas 10
  12. 12. Usuários Volume (m³) 2 4 m³ 3 6 m³ 4 8 m³ 5 10 m³ 6 12 m³ 7 14 m³ 8 16 m³ Passo a Passo - Dimensionamento Observações de sistemas construídos ao longo dos anos demonstraram que 2m³ de volume no tanque para cada usuário constante do canteiro é o suficiente para um tratamento eficaz sem transbordamentos. Consequentemente, para uma casa onde moram 3 pessoas o canteiro deverá ter o volume de 6m³, conforme a tabela ao lado... 11
  13. 13. Prepare uma trincheira com o volume necessário para atender aos usuários do sistema (2m³ por pessoa), considere uma borda de 20cm acima do solo ao calcular o volume. O canteiro não precisa ser retangular, pode ter a forma que desejar e que melhor se adaptar ao local, contanto que tenha o volume necessário... ...as paredes e o fundo podem ser revestidos em alvenaria tradicional, ferro-cimento ou lona impermeável. No nosso caso utilizaremos a técnica do ferro-cimento... Passo a passo - Escavação 12
  14. 14. ...faça o revestimento das paredes de terra nua utilizando uma tela de galinheiro, deixando uma dobra de 20cm no piso do fundo e uma sobra acima do nível do solo... ...para fixar a tela nas paredes utilize grampos de arame grosso como esses na foto ao lado... Passo a passo – Preparação das Paredes 13
  15. 15. Passo a passo ...faça o contra-piso de concreto com 5cm de espessura usando traço de massa na proporção de 1 saco de cimento de 50kg para 12 latas (de tinta 18 litros) de areia e 12 latas de brita... ...prepare o “chapisco” na proporção de 1 saco de cimento para 12 latas de areia lavada e aplique sobre a terra nua. Espere secar antes de aplicar o reboco de revestimento... 14
  16. 16. Passo a passo – Preparação das Paredes ...após a secagem do “chapisco”, faça o reboco sobre a tela usando massa magra de cimento na seguinte proporção: 1 saco de cimento para 12 latas de areia lavada peneirada. Instale a tubulação de chegada do esgoto antes de fazer o reboco... ...dobre o excesso de tela sobre o piso e construa uma borda de alvenaria nivelando o canteiro com no mínimo 20 cm de altura acima do nível do solo para evitar a entrada excessiva de água da chuva em caso de enxurradas... 15
  17. 17. Passo a passo – Impermeabilização ...após a secagem das paredes e a cura do cimento é recomendável aplicar uma camada de impermeabilizante, neste caso foi usada argamassa acrílica impermeabilizante... ...outros materiais vedantes também podem ser utilizados, uma lona resistente deverá evitar a infiltração de efluente através das paredes do tanque... 16
  18. 18. Passo a passo – “Ladrão” ...instale o cano de saída de 100mm do “ladrão” 10 cm abaixo da borda do canteiro. O “ladrão” deve funcionar como um sifão, instale um Tê no cano de saída e nele um cano furado nas laterais e revestido com manta geotêxtil ou algum tecido sintético... ...dessa forma, apenas o excesso do efluente líquido sem sedimentos passará pelo “ladrão” evitando entupimentos. Acima do Tê instale um cano até a superfície que funcionará como tubo de inspeção ... 17
  19. 19. Passo a passo – Câmara e Tubulação ...instale a câmara de pneus usados no centro do tanque. Com o auxilio de pequenos pedaços de entulho, deixe um pequeno espaço entre os pneus para que a água possa escorrer para fora... ...encaminhe a chegada do esgoto para o interior da câmara e instale um cano de 40mm no centro, este funcionará como um suspiro para o alívio da pressão dos gases produzidos durante a biodigestão... 18
  20. 20. Passo a passo - Preenchimento ...inicie o preenchimento com entulho grosso até a metade da altura dos pneus... ...preencha com entulho médio até a altura dos pneus ... 19
  21. 21. Passo a passo - Preenchimento ...forre o leito com manta geotêxtil, a função da manta é não permitir que os materiais mais finos que serão adicionados se acomodem entre os espaços do entulho no fundo do tanque... ...preencha com uma camada 15 a 20cm de pedra britada Nº2 ou seixos rolados... 20
  22. 22. Passo a passo - Preenchimento ...preencha com uma camada de 15 a 20cm de areia lavada média... ...complete o tanque com terra sem pedras e misturada com um pouco de adubo orgânico para suporte inicial das plantas do sistema... 21
  23. 23. Passo a passo – Detalhes de Acabamento ...o volume de terra no centro do tanque deve ser maior, dando acabamento de forma abaulada para evitar que a água da chuva empoce e sobrecarregue o sistema... ...tampe os canos de inspeção da entrada e do ladrão com tampões de 100mm, o cano de suspiro deve ficar alto (1,80m) para evitar o mau cheiro e deve ser tampado com uma tela para evitar a entrada de insetos... 22
  24. 24. Passo a passo - Plantas ...a quantidade de plantas ideal para o canteiro depende do clima da região, da incidência de luz e vento no local e da frequência de uso do vaso sanitário. Contudo, usa-se 1 bananeira para cada 2m² de área da superfície, pois é uma espécie com altíssima taxa de evapotranspiração. Outras plantas podem ser adicionadas ao sistema, contanto que não possuam raízes longas e lenhosas e que sejam adaptadas a ambientes encharcados. Não é recomendável o plantio de hortaliças para consumo. Use a criatividade e transforme a fossa da sua casa em um belo jardim. Ao lado exemplos de plantas que podem ser usadas no CANTEIRO BIOSÉPTICO... Nome Científico Nome Popular Musa sp. Bananeiras Xanthosoma sagittifolium Taioba Helicônia sp. Helicônia Eleocharis sp. Junco Zantedeschia aethiopica Copo de Leite Alpinia sp. Alpínia Cyperus papyrus Papiro 23
  25. 25. Cimento Areia lavada média Brita Tijolos Tela de arame galvanizado Tubo para Esgoto 100mm “T” 100mm “Caps” 100mm Impermeabilizante Entulho Grosso Entulho Médio Manta Geotêxtil Pneus usados Mudas de Bananeira Mudas de outras plantas Passo a passo – Materiais para a construção 24
  26. 26. Durante os primeiros meses é necessário regar as plantas do canteiro até que as raízes se desenvolvam e que o nível de efluente no canteiro se eleve, após esse período não é mais necessário regar as plantas. Deve-se fazer o manejo do canteiro, retirando excesso de mudas e plantas indesejáveis, substituindo-as quando necessário. Existem sistemas em funcionamento há mais de 10 anos sem ter apresentado nenhum defeito ou transbordamento. Contudo, fique atento a qualquer problema para garantir um bom funcionamento do sistema. Manutenção 25
  27. 27. Referências Bibliográficas BODENS, F.; OLIVEIRA, B. Fossa ecológica – Tanque de evapotranspiração. Brasília, 2009. Disponível em: <http://mundogepec.blogspot.com.br/2009/07/fossa-ecologica- tanque-de_13.html> Aceso em 20 jul. 2014. BRASIL. Lei nº 11.445, de 5 de janeiro de 2007. Estabelece diretrizes nacionais para o saneamento básico. Brasília, 2007. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007- 2010/2007/lei/l11445.htm> Acesso em: 5 set. 2014. GALBIATI, A.F. Tratamento domiciliar de águas negras através de tanque de evapotranspiração. 2009. 52 f. Dissertação (Mestrado em Tecnologias Ambientais) – Universidade Federal do Mato Grosso do Sul, Campo Grande, 2009. LEGAN, L. Soluções sustentáveis – Uso da água na permacultura. 1. ed. Pirenópolis: Editora Mais Calango, 2007. PIRES, F.J. Construção participativa de sistemas de tratamento de esgoto doméstico no assentamento rural Olga Benário-MG. 2012. 133 f. Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal de Viçosa, 2012. 26
  28. 28. Cartilha desenvolvida para o Trabalho de Conclusão de Curso do curso de Ciências Biológicas no Centro Universitário de Brasília – UniCEUB AUTOR: Renato Peixoto Brandão Bravo renato.bravo@msn.com ORIENTADOR: Dr. Raphael Igor da Silva Corrêa Dias raphael.dias@uniceub.br FOTOS: Renato Peixoto Brandão Bravo ILUSTRAÇÕES: Rodrigo Alves Castelo Branco Agradecimentos: Agradeço primeiramente a Deus que me trouxe a este caminho, à minha querida mãe Carminha por sua infinita paciência e finalmente aos meus professores que me ensinaram a arte da vida.

×