SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 4
LISTA DE EXERCÍCIOS
Disciplina: Físico-química–II Curso: Química (licenciatura e bacharelado)
Turma: 5º período
Profª: Renata Leal contato: (62)8114-7620 2ºSEM/07
1. Escreva as equações de equilíbrio de transferência de prótons, em solução aquosa, para os ácidos
apresentados a seguir. Identifique o par ácido-base conjugado, para cada caso: (a) H2S04, (b) HF
(ácido fluorídrico), (c) C6H5NH3
+
(íon anilínio), (d) H2PO4
-
(íon diidrogenofosfato), (e) HCOOH (ácido
fórmico), (f) NH2NH3
+
(íon hidrazínio).
2. Existem diversos compostos ácidos em organismos vivos. Escreva as equações de equilíbrio de
transferência de prótons, em solução aquosa, para os ácidos biologicamente importantes
apresentados a seguir: (a) ácido lático (CH3CHOHCOOH), (b) ácido glutâmico (5), (c) glicina
(NH2CH2COOH), (d) ácido oxálico (HOOCCOOH).
3. Uma solução 0,2 mol/L de HNO2 foi colocada em um recipiente de capacidade volumétrica de 1,0 litro,
mantendo a temperatura constante. Sabendo que Ka= 5,0x10-4
determine a concentração de
todas as espécies depois de estabelecido o equilíbrio.
4. Considere o seguinte sistema em equilíbrio: 2NOBr(g) ↔ 2NO(g) + Br2(g). Proponha uma maneira
de aumentar a pressão do sistema a fim de (a) provocar uma diminuição do número de mols de Br2(g)
no equilíbrio, (b) provocar um aumento do número de mols de Br2(g) no equilíbrio, (c) deixar inalterado
o número de mols de Br2(g) no equilíbrio.
5. 0,1 mol de HC2H3O2 foi colocado em um recipiente de capacidade volumétrica de 0,5 litros, a 100°C.
Sabendo que Ka= 1,8x10-5
determine a concentração de todas as espécies depois de estabelecido o
equilíbrio.
1
(5) ácido glutâmico
1972
6. A 1000K foram adicionados 0,01 mol/L de A e 0,01 mol/L de B a um recipiente, que sofre reação
segundo a equação química: A + B → C + D. Determine as concentrações de todas as substâncias
após o equilíbrio. Onde, K = 1,00 x 10-4
.
7. Considere a reação: 2CI2(g) + 2H20(g) ↔ 4HCI(g) + O2(g) ∆H° = 113 kJ . Admita que o sistema esteja
em equilíbrio. O que ocorrerá ao número de mols de H20 no recipiente se: (a) for adicionado O2, (b) for
retirado HCI, (c) o volume do recipiente for diminuído, (d) a temperatura for diminuída, (e) for
adicionado hélio.
8. A 1400K foram adicionados 0,118 mol de HBr a um recipiente de 1 litro, que sofre decomposição
segundo a equação química: 2 HBr(g) ↔ H2(g) + Br2(g). Determine as concentrações de todas as
substâncias no equilíbrio.
9. 0,2mol/L de uma solução de NH2OH foi colocado em um recipiente de capacidade volumétrica de 1,0
litro, mantendo a temperatura a 25°C. Sabendo que Kb= 9,2x10-9
determine a concentração de todas
as espécies depois de estabelecido o equilíbrio.
10. Estudou-se que MgCO3 ↔MgO + CO2. Num recipiente, foi colocado uma certa quantidade de CaCO3 a
900°C. Depois de estabelecido o equilíbrio, as concentrações paras as três espécies foi: [MgCO3] =
0,0173mol/l e [MgO] = [CO2] = 0,0090 mol/L. Calcule o valor da constante de equilíbrio nesta
temperatura.
11. Uma solução é preparada pela adição de 0,2 mol de NaNO2 e 0,2 mol/L de HNO2, mantendo a
temperatura constante. Sabendo que Ka= 5,0x10-6
, determine a concentração de todas as espécies
depois de estabelecido o equilíbrio.
12. Uma solução é preparada pela adição de 0,1 mol de KC2H3O2 e 0,2 mol/L de HC2H3O2, mantendo a
temperatura constante. Sabendo que Ka= 1,8x10-5
, determine a concentração de todas as espécies
depois de estabelecido o equilíbrio.
13. Durante a aula prática no laboratório realizamos o seguinte experimento:
H2SO4(aq) + Na2S2O3(aq) ↔ Na2SO4(aq) + H2O(L) + SO2(g) + S(s), onde foi possível verificar a
formação do S(s) devido ao aparecimento de uma turvação em cada tubo de ensaio. Qual conclusão
você pode tirar desta aula devido a diminuição gradativa da concentração de Na2S2O3(aq)?
2
14. Uma solução é preparada pela adição de 0,5 mol de NaF e 0,1 mol/L de HF, mantendo a temperatura
constante. Sabendo que Ka= 0,67x10-5
, determine a concentração de todas as espécies depois de
estabelecido o equilíbrio.
15. Quando o volume de um sistema em equilíbrio é diminuído, o número de mols de cada componente
permanece inalterado. O que você pode dizer sobre essa reação?
16. Uma solução é preparada pela adição de 0,05 mol de NH4Cl e 0,1 mol/L de NH4OH, mantendo a
temperatura constante. Sabendo que Kb= 9,2x10-9
, determine a concentração de todas as espécies
depois de estabelecido o equilíbrio.
17. Determine a concentração de HNO2 contido em 500mL de uma amostra que possui pH=2,0.
Ka= 1,5x10-5
HNO2 ↔H+
+ NO2
-
18. Estabeleceu-se o seguinte equilíbrio: 2C(s) + O2(g) ↔ 2CO(g) ∆H° = -221 kJ. Explique qual será o
efeito sobre a concentração de O2 no equilíbrio se: (a) for adicionado CO, (b) for adicionado O2, (c) for
aumentado o volume do recipiente, (e) for elevada a temperatura.
19. Determine a concentração de NaOH contido em 200mL de uma amostra que possui pH=2,0. Kb=
1,5x10-7
NaOH ↔Na+
+ OH-
20. 250mL de uma solução de NH4OH, sendo mantida a temperatura constante, apresentou pH=12,5.
Sabendo que Kb= 9,2x10-9
, determine a concentração de NH4OH depois de estabelecido o equilíbrio.
NH4OH ↔ NH4
+
+ OH-
21. Quando a temperatura de certo sistema em equilíbrio é aumentada, o número de mols de cada
componente permanece inalterado. O que você diria a respeito da reação?
22. 500mL de uma solução de KOH, sendo mantida a temperatura constante, apresentou pH=10,5.
Sabendo que Kb= 1,2x10-7
, determine a concentração de KOH depois de estabelecido o equilíbrio.
KOH ↔ K+
+ OH-
23. Para aplicações biológicas e médicas é muitas vezes necessário considerar o equilíbrio de
transferência de prótons na temperatura normal do corpo (37°C). O valor de KW para a água, nessa
temperatura, é 2,5 X 10-14
. (a) Qual é o valor de [H30+] e do pH da água neutra a 37°C? (b) Qual é a
concentração molar dos íons OH- e do pOH da água neutra a 37°C?
24. Suponhamos que alguma coisa tenha saído errada no Big Bang e em vez de termos o hidrogênio
como o isótopo mais abundante, tivéssemos uma grande quantidade de deutério no universo. Esse
3
fato acarretaria uma série de pequenas alterações nos equilíbrios, em especial no equilíbrio de
transferência de deutério de átomos pesados e bases. O valor de KW para a água pesada, a 25°C, é
1,35 x 10-15
. (a) Escreva a equação química que representa a autoprotólise do D20. (b) Determine o
p KW para D20, a 25°C. (c) Calcule as concentrações molares de D30+
e OD-
em água pesada
neutra, a 25°C. (d) Determine o pD e o pOD da água pesada neutra, a 25°C. (e) Encontre a relação
entre o pD, o pOD e o pKW(D20).
25. Foram determinadas as concentrações de íons H30+, a 25°C, nas soluções apresentadas a seguir.
Calcule o pH e o pOH de cada solução: (a) 1,5 X 10-5
moI L-1
(uma amostra de água da chuva), (b)
1,5 X lO-5
mmol.L-1
, (c) 5,1 X 10-14
moI.L-1
,(d)5,01 X 10-5
moI.L-1
.
26. 100mL de uma solução de HBr, mantida a temperatura constante, apresenta pOH=13,0. Sabendo que
Ka= 1,1x10-6
, determine a concentração de HBr depois de estabelecido o equilíbrio. HBr ↔ H+
+ Br-
27. Calcule a concentração molar de íons H3O+
e o pH das seguintes soluções: (a) 25,0 mL de uma
solução de HCI(aq) 0,144 M adicionados a 25,0 mL de uma solução de NaOH(aq) 0,125 M, (b) 25,0
mL de uma solução de HCl(aq) 0,15 M adicionados a 35,0 mL de uma solução de KOH(aq) 0,15 M,
(c) 21,2 mL de uma solução de HNO3(aq) 0,22 M adicionados a 10,0 mL de uma solução de
NaOH(aq) 0,30 M.
28. Responda cada item: (a) Uma amostra de acetato de potássio, KCH3C02, com uma massa de 8,4 g,
é utilizada para preparar 250 mL de solução. Qual é o pH da solução? (b) Qual é o pH de uma
solução quando uma massa de 3,75 g de brometo de amônio, NH4Br, é usada para preparar 100 mL
de solução? (c) Uma solução aquosa de volume igual a 1,0 L contém 10,0 g de brometo de potássio.
Qual a percentagem de íons Br-
que estão protonados?
29. Existem diversos ácidos e bases orgânicos nas células, e a presença desses compostos altera o pH
dos fluidos celulares. É útil saber determinar o pH de soluções de ácido e bases e fazer inferências a
partir de valores experimentais de pH. Uma solução de ácido lático e lactato de sódio, em iguais
concentrações, tem um pH = 3,08. (a) Quais são os valores do Ka e do pKa do ácido lático? (b) Qual
seria o pH se o ácido tivesse o dobro da concentração do sal?
4

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Lista de exercícios cinética química
Lista de exercícios   cinética químicaLista de exercícios   cinética química
Lista de exercícios cinética química
Daiane Gris
 
Ita2008 4dia
Ita2008 4diaIta2008 4dia
Ita2008 4dia
cavip
 
Equilíbrio Iônico
Equilíbrio IônicoEquilíbrio Iônico
Equilíbrio Iônico
Paulo Filho
 
Avaliacao parcial sobre efeitos coligativos 2018
Avaliacao parcial sobre efeitos coligativos  2018Avaliacao parcial sobre efeitos coligativos  2018
Avaliacao parcial sobre efeitos coligativos 2018
Clebson Ramos
 
Lista de exercícios 26 cálculo da velocidade da reação
Lista de exercícios 26   cálculo da velocidade da reaçãoLista de exercícios 26   cálculo da velocidade da reação
Lista de exercícios 26 cálculo da velocidade da reação
Colegio CMC
 
Lista 43 equilíbrio químico
Lista 43   equilíbrio químicoLista 43   equilíbrio químico
Lista 43 equilíbrio químico
Colegio CMC
 
Exercicios de cinetica_quimica
Exercicios de cinetica_quimicaExercicios de cinetica_quimica
Exercicios de cinetica_quimica
Andre Costa
 
Lista de exercícios equilibrio químico regiane
Lista de exercícios equilibrio químico regianeLista de exercícios equilibrio químico regiane
Lista de exercícios equilibrio químico regiane
Caroline Paglia
 

Mais procurados (20)

Lista de exercícios cinética química
Lista de exercícios   cinética químicaLista de exercícios   cinética química
Lista de exercícios cinética química
 
Listadeslocamento
ListadeslocamentoListadeslocamento
Listadeslocamento
 
Ita2008 4dia
Ita2008 4diaIta2008 4dia
Ita2008 4dia
 
11ºano - Quimica Exercícios
11ºano - Quimica Exercícios11ºano - Quimica Exercícios
11ºano - Quimica Exercícios
 
Al13 quimica 11_ano
Al13 quimica 11_anoAl13 quimica 11_ano
Al13 quimica 11_ano
 
135
135135
135
 
Lista de Exercícios: Solucões
Lista de Exercícios: SolucõesLista de Exercícios: Solucões
Lista de Exercícios: Solucões
 
Equilíbrio Iônico
Equilíbrio IônicoEquilíbrio Iônico
Equilíbrio Iônico
 
Avaliacao parcial sobre efeitos coligativos 2018
Avaliacao parcial sobre efeitos coligativos  2018Avaliacao parcial sobre efeitos coligativos  2018
Avaliacao parcial sobre efeitos coligativos 2018
 
Gabarito da Lista de Exercícios: Solucões
Gabarito da Lista de Exercícios: SolucõesGabarito da Lista de Exercícios: Solucões
Gabarito da Lista de Exercícios: Solucões
 
Lista de exercícios 26 cálculo da velocidade da reação
Lista de exercícios 26   cálculo da velocidade da reaçãoLista de exercícios 26   cálculo da velocidade da reação
Lista de exercícios 26 cálculo da velocidade da reação
 
Gabarito módulo 03
Gabarito módulo 03Gabarito módulo 03
Gabarito módulo 03
 
Aula de exercicios eq quimico
Aula de exercicios    eq quimicoAula de exercicios    eq quimico
Aula de exercicios eq quimico
 
Lista 43 equilíbrio químico
Lista 43   equilíbrio químicoLista 43   equilíbrio químico
Lista 43 equilíbrio químico
 
Cineticaquimica
CineticaquimicaCineticaquimica
Cineticaquimica
 
Exercicios de cinetica_quimica
Exercicios de cinetica_quimicaExercicios de cinetica_quimica
Exercicios de cinetica_quimica
 
Equilibrio ionico quimico_2014
Equilibrio ionico quimico_2014Equilibrio ionico quimico_2014
Equilibrio ionico quimico_2014
 
Cinética química questoes
Cinética química questoesCinética química questoes
Cinética química questoes
 
Lista de exercícios equilibrio químico regiane
Lista de exercícios equilibrio químico regianeLista de exercícios equilibrio químico regiane
Lista de exercícios equilibrio químico regiane
 
Calculo
CalculoCalculo
Calculo
 

Semelhante a Exercícios físico- química II-equilíbrio químico

Lista de exercícios equilíbrio químico
Lista de exercícios   equilíbrio químicoLista de exercícios   equilíbrio químico
Lista de exercícios equilíbrio químico
iqscquimica
 
Química exercicios extras
Química   exercicios extrasQuímica   exercicios extras
Química exercicios extras
Isabella Silva
 
Dependência de química 2ª ano do ensino médio
Dependência de química 2ª ano do ensino médioDependência de química 2ª ano do ensino médio
Dependência de química 2ª ano do ensino médio
Escola Pública/Particular
 
Psa 17 cálculos estequimétricos
Psa 17   cálculos estequimétricosPsa 17   cálculos estequimétricos
Psa 17 cálculos estequimétricos
Fisica-Quimica
 
Estequiometria - Prof. Fernando Abreu
Estequiometria - Prof. Fernando AbreuEstequiometria - Prof. Fernando Abreu
Estequiometria - Prof. Fernando Abreu
Fernando Abreu
 
Equilíbrio parte2
Equilíbrio parte2Equilíbrio parte2
Equilíbrio parte2
iqscquimica
 
Exercícios Estequiometria
Exercícios EstequiometriaExercícios Estequiometria
Exercícios Estequiometria
iqscquimica
 
Recuperação 2º ano 1º bim
Recuperação 2º ano 1º bimRecuperação 2º ano 1º bim
Recuperação 2º ano 1º bim
blogprofbento
 

Semelhante a Exercícios físico- química II-equilíbrio químico (20)

Lista de exercícios equilíbrio químico
Lista de exercícios   equilíbrio químicoLista de exercícios   equilíbrio químico
Lista de exercícios equilíbrio químico
 
2°em química rec final_exercícios
2°em química rec final_exercícios2°em química rec final_exercícios
2°em química rec final_exercícios
 
Química exercicios extras
Química   exercicios extrasQuímica   exercicios extras
Química exercicios extras
 
Dependência de química 2ª ano do ensino médio
Dependência de química 2ª ano do ensino médioDependência de química 2ª ano do ensino médio
Dependência de química 2ª ano do ensino médio
 
Equilibrio químico
Equilibrio químicoEquilibrio químico
Equilibrio químico
 
Psa 17 cálculos estequimétricos
Psa 17   cálculos estequimétricosPsa 17   cálculos estequimétricos
Psa 17 cálculos estequimétricos
 
Ferramentas Da Quimica Ii Em
Ferramentas Da Quimica Ii EmFerramentas Da Quimica Ii Em
Ferramentas Da Quimica Ii Em
 
Estequiometria - Prof. Fernando Abreu
Estequiometria - Prof. Fernando AbreuEstequiometria - Prof. Fernando Abreu
Estequiometria - Prof. Fernando Abreu
 
Equilíbrio parte2
Equilíbrio parte2Equilíbrio parte2
Equilíbrio parte2
 
Exercícios 2º ano 1ºb
Exercícios 2º ano 1ºbExercícios 2º ano 1ºb
Exercícios 2º ano 1ºb
 
Lista analitica
Lista analiticaLista analitica
Lista analitica
 
Exercícios equilíbrio ionico
Exercícios equilíbrio ionicoExercícios equilíbrio ionico
Exercícios equilíbrio ionico
 
PROVA FUVEST
PROVA FUVESTPROVA FUVEST
PROVA FUVEST
 
Puc02q
Puc02qPuc02q
Puc02q
 
Ficha de exercicio 12º ano 15 16
Ficha de exercicio 12º ano 15 16Ficha de exercicio 12º ano 15 16
Ficha de exercicio 12º ano 15 16
 
Quiv354a54
Quiv354a54Quiv354a54
Quiv354a54
 
393606447 ficha-fq-8-lavoisier
393606447 ficha-fq-8-lavoisier393606447 ficha-fq-8-lavoisier
393606447 ficha-fq-8-lavoisier
 
Exercícios de R1 - 2ª série
Exercícios de R1 - 2ª sérieExercícios de R1 - 2ª série
Exercícios de R1 - 2ª série
 
Exercícios Estequiometria
Exercícios EstequiometriaExercícios Estequiometria
Exercícios Estequiometria
 
Recuperação 2º ano 1º bim
Recuperação 2º ano 1º bimRecuperação 2º ano 1º bim
Recuperação 2º ano 1º bim
 

Mais de Renata Martins (11)

Lista exerc.pressão de vapor
Lista exerc.pressão de vaporLista exerc.pressão de vapor
Lista exerc.pressão de vapor
 
Lista de exercícios diagrama de fases-todos
Lista  de exercícios diagrama de fases-todosLista  de exercícios diagrama de fases-todos
Lista de exercícios diagrama de fases-todos
 
Exerc fis-qui-i-n1-2ºs-09
Exerc fis-qui-i-n1-2ºs-09Exerc fis-qui-i-n1-2ºs-09
Exerc fis-qui-i-n1-2ºs-09
 
Exerc fis-qui-i-n1-2ºs-09
Exerc fis-qui-i-n1-2ºs-09Exerc fis-qui-i-n1-2ºs-09
Exerc fis-qui-i-n1-2ºs-09
 
Exerc fis-qui-i-n1
Exerc fis-qui-i-n1Exerc fis-qui-i-n1
Exerc fis-qui-i-n1
 
Exerc n2-tom
Exerc n2-tomExerc n2-tom
Exerc n2-tom
 
Exercícios n2-1°sem-07-lei de hess
Exercícios n2-1°sem-07-lei de hessExercícios n2-1°sem-07-lei de hess
Exercícios n2-1°sem-07-lei de hess
 
Exerc semicondutor
Exerc semicondutorExerc semicondutor
Exerc semicondutor
 
Exerc n3-1ºs-1-elementos químicos
Exerc n3-1ºs-1-elementos químicosExerc n3-1ºs-1-elementos químicos
Exerc n3-1ºs-1-elementos químicos
 
Exerc poliatomicas-n3-2ºs-08
Exerc  poliatomicas-n3-2ºs-08Exerc  poliatomicas-n3-2ºs-08
Exerc poliatomicas-n3-2ºs-08
 
Exerc concursos-ligações
Exerc concursos-ligaçõesExerc concursos-ligações
Exerc concursos-ligações
 

Exercícios físico- química II-equilíbrio químico

  • 1. LISTA DE EXERCÍCIOS Disciplina: Físico-química–II Curso: Química (licenciatura e bacharelado) Turma: 5º período Profª: Renata Leal contato: (62)8114-7620 2ºSEM/07 1. Escreva as equações de equilíbrio de transferência de prótons, em solução aquosa, para os ácidos apresentados a seguir. Identifique o par ácido-base conjugado, para cada caso: (a) H2S04, (b) HF (ácido fluorídrico), (c) C6H5NH3 + (íon anilínio), (d) H2PO4 - (íon diidrogenofosfato), (e) HCOOH (ácido fórmico), (f) NH2NH3 + (íon hidrazínio). 2. Existem diversos compostos ácidos em organismos vivos. Escreva as equações de equilíbrio de transferência de prótons, em solução aquosa, para os ácidos biologicamente importantes apresentados a seguir: (a) ácido lático (CH3CHOHCOOH), (b) ácido glutâmico (5), (c) glicina (NH2CH2COOH), (d) ácido oxálico (HOOCCOOH). 3. Uma solução 0,2 mol/L de HNO2 foi colocada em um recipiente de capacidade volumétrica de 1,0 litro, mantendo a temperatura constante. Sabendo que Ka= 5,0x10-4 determine a concentração de todas as espécies depois de estabelecido o equilíbrio. 4. Considere o seguinte sistema em equilíbrio: 2NOBr(g) ↔ 2NO(g) + Br2(g). Proponha uma maneira de aumentar a pressão do sistema a fim de (a) provocar uma diminuição do número de mols de Br2(g) no equilíbrio, (b) provocar um aumento do número de mols de Br2(g) no equilíbrio, (c) deixar inalterado o número de mols de Br2(g) no equilíbrio. 5. 0,1 mol de HC2H3O2 foi colocado em um recipiente de capacidade volumétrica de 0,5 litros, a 100°C. Sabendo que Ka= 1,8x10-5 determine a concentração de todas as espécies depois de estabelecido o equilíbrio. 1 (5) ácido glutâmico 1972
  • 2. 6. A 1000K foram adicionados 0,01 mol/L de A e 0,01 mol/L de B a um recipiente, que sofre reação segundo a equação química: A + B → C + D. Determine as concentrações de todas as substâncias após o equilíbrio. Onde, K = 1,00 x 10-4 . 7. Considere a reação: 2CI2(g) + 2H20(g) ↔ 4HCI(g) + O2(g) ∆H° = 113 kJ . Admita que o sistema esteja em equilíbrio. O que ocorrerá ao número de mols de H20 no recipiente se: (a) for adicionado O2, (b) for retirado HCI, (c) o volume do recipiente for diminuído, (d) a temperatura for diminuída, (e) for adicionado hélio. 8. A 1400K foram adicionados 0,118 mol de HBr a um recipiente de 1 litro, que sofre decomposição segundo a equação química: 2 HBr(g) ↔ H2(g) + Br2(g). Determine as concentrações de todas as substâncias no equilíbrio. 9. 0,2mol/L de uma solução de NH2OH foi colocado em um recipiente de capacidade volumétrica de 1,0 litro, mantendo a temperatura a 25°C. Sabendo que Kb= 9,2x10-9 determine a concentração de todas as espécies depois de estabelecido o equilíbrio. 10. Estudou-se que MgCO3 ↔MgO + CO2. Num recipiente, foi colocado uma certa quantidade de CaCO3 a 900°C. Depois de estabelecido o equilíbrio, as concentrações paras as três espécies foi: [MgCO3] = 0,0173mol/l e [MgO] = [CO2] = 0,0090 mol/L. Calcule o valor da constante de equilíbrio nesta temperatura. 11. Uma solução é preparada pela adição de 0,2 mol de NaNO2 e 0,2 mol/L de HNO2, mantendo a temperatura constante. Sabendo que Ka= 5,0x10-6 , determine a concentração de todas as espécies depois de estabelecido o equilíbrio. 12. Uma solução é preparada pela adição de 0,1 mol de KC2H3O2 e 0,2 mol/L de HC2H3O2, mantendo a temperatura constante. Sabendo que Ka= 1,8x10-5 , determine a concentração de todas as espécies depois de estabelecido o equilíbrio. 13. Durante a aula prática no laboratório realizamos o seguinte experimento: H2SO4(aq) + Na2S2O3(aq) ↔ Na2SO4(aq) + H2O(L) + SO2(g) + S(s), onde foi possível verificar a formação do S(s) devido ao aparecimento de uma turvação em cada tubo de ensaio. Qual conclusão você pode tirar desta aula devido a diminuição gradativa da concentração de Na2S2O3(aq)? 2
  • 3. 14. Uma solução é preparada pela adição de 0,5 mol de NaF e 0,1 mol/L de HF, mantendo a temperatura constante. Sabendo que Ka= 0,67x10-5 , determine a concentração de todas as espécies depois de estabelecido o equilíbrio. 15. Quando o volume de um sistema em equilíbrio é diminuído, o número de mols de cada componente permanece inalterado. O que você pode dizer sobre essa reação? 16. Uma solução é preparada pela adição de 0,05 mol de NH4Cl e 0,1 mol/L de NH4OH, mantendo a temperatura constante. Sabendo que Kb= 9,2x10-9 , determine a concentração de todas as espécies depois de estabelecido o equilíbrio. 17. Determine a concentração de HNO2 contido em 500mL de uma amostra que possui pH=2,0. Ka= 1,5x10-5 HNO2 ↔H+ + NO2 - 18. Estabeleceu-se o seguinte equilíbrio: 2C(s) + O2(g) ↔ 2CO(g) ∆H° = -221 kJ. Explique qual será o efeito sobre a concentração de O2 no equilíbrio se: (a) for adicionado CO, (b) for adicionado O2, (c) for aumentado o volume do recipiente, (e) for elevada a temperatura. 19. Determine a concentração de NaOH contido em 200mL de uma amostra que possui pH=2,0. Kb= 1,5x10-7 NaOH ↔Na+ + OH- 20. 250mL de uma solução de NH4OH, sendo mantida a temperatura constante, apresentou pH=12,5. Sabendo que Kb= 9,2x10-9 , determine a concentração de NH4OH depois de estabelecido o equilíbrio. NH4OH ↔ NH4 + + OH- 21. Quando a temperatura de certo sistema em equilíbrio é aumentada, o número de mols de cada componente permanece inalterado. O que você diria a respeito da reação? 22. 500mL de uma solução de KOH, sendo mantida a temperatura constante, apresentou pH=10,5. Sabendo que Kb= 1,2x10-7 , determine a concentração de KOH depois de estabelecido o equilíbrio. KOH ↔ K+ + OH- 23. Para aplicações biológicas e médicas é muitas vezes necessário considerar o equilíbrio de transferência de prótons na temperatura normal do corpo (37°C). O valor de KW para a água, nessa temperatura, é 2,5 X 10-14 . (a) Qual é o valor de [H30+] e do pH da água neutra a 37°C? (b) Qual é a concentração molar dos íons OH- e do pOH da água neutra a 37°C? 24. Suponhamos que alguma coisa tenha saído errada no Big Bang e em vez de termos o hidrogênio como o isótopo mais abundante, tivéssemos uma grande quantidade de deutério no universo. Esse 3
  • 4. fato acarretaria uma série de pequenas alterações nos equilíbrios, em especial no equilíbrio de transferência de deutério de átomos pesados e bases. O valor de KW para a água pesada, a 25°C, é 1,35 x 10-15 . (a) Escreva a equação química que representa a autoprotólise do D20. (b) Determine o p KW para D20, a 25°C. (c) Calcule as concentrações molares de D30+ e OD- em água pesada neutra, a 25°C. (d) Determine o pD e o pOD da água pesada neutra, a 25°C. (e) Encontre a relação entre o pD, o pOD e o pKW(D20). 25. Foram determinadas as concentrações de íons H30+, a 25°C, nas soluções apresentadas a seguir. Calcule o pH e o pOH de cada solução: (a) 1,5 X 10-5 moI L-1 (uma amostra de água da chuva), (b) 1,5 X lO-5 mmol.L-1 , (c) 5,1 X 10-14 moI.L-1 ,(d)5,01 X 10-5 moI.L-1 . 26. 100mL de uma solução de HBr, mantida a temperatura constante, apresenta pOH=13,0. Sabendo que Ka= 1,1x10-6 , determine a concentração de HBr depois de estabelecido o equilíbrio. HBr ↔ H+ + Br- 27. Calcule a concentração molar de íons H3O+ e o pH das seguintes soluções: (a) 25,0 mL de uma solução de HCI(aq) 0,144 M adicionados a 25,0 mL de uma solução de NaOH(aq) 0,125 M, (b) 25,0 mL de uma solução de HCl(aq) 0,15 M adicionados a 35,0 mL de uma solução de KOH(aq) 0,15 M, (c) 21,2 mL de uma solução de HNO3(aq) 0,22 M adicionados a 10,0 mL de uma solução de NaOH(aq) 0,30 M. 28. Responda cada item: (a) Uma amostra de acetato de potássio, KCH3C02, com uma massa de 8,4 g, é utilizada para preparar 250 mL de solução. Qual é o pH da solução? (b) Qual é o pH de uma solução quando uma massa de 3,75 g de brometo de amônio, NH4Br, é usada para preparar 100 mL de solução? (c) Uma solução aquosa de volume igual a 1,0 L contém 10,0 g de brometo de potássio. Qual a percentagem de íons Br- que estão protonados? 29. Existem diversos ácidos e bases orgânicos nas células, e a presença desses compostos altera o pH dos fluidos celulares. É útil saber determinar o pH de soluções de ácido e bases e fazer inferências a partir de valores experimentais de pH. Uma solução de ácido lático e lactato de sódio, em iguais concentrações, tem um pH = 3,08. (a) Quais são os valores do Ka e do pKa do ácido lático? (b) Qual seria o pH se o ácido tivesse o dobro da concentração do sal? 4