SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 20
Baixar para ler offline
Vá clicando à medida que fores lendo. É mais confortável.
CRISTÃO: “Pai nosso que estais no céu...” DEUS: Sim? Estou aqui. CRISTÃO: Por favor, não me interrompa. Estou rezando! DEUS: Mas você me chamou!
CRISTÃO: Chamei? Eu não chamei ninguém. Estou rezando.  “Pai nosso que estais no céu...” DEUS: Aí, você chamou de novo. CRISTÃO: Fiz o quê? DEUS: Me chamou. Você disse: Pai nosso que estais no céu.  Estou aqui. Como é que posso ajudá-lo?
CRISTÃO: Mas eu não quis dizer isso. É que estou rezando. Rezo  o Pai Nosso todos os dias. Sinto-me bem rezando assim. É como se fosse um dever. E não me sinto bem até cumpri-lo... DEUS: Mas como podes dizer Pai Nosso, sem lembrar que todos são seus irmãos? Como podes dizer que estais no céu, se você não sabe  que o céu é a paz, que o céu é ter amor a todos?
CRISTÃO: É, realmente. Ainda não havia pensado nisso. DEUS: Pois então, você está rezando, e rezar é ler ou falar alguma coisa que decorou, sem ao menos meditar e vivenciar o que está falando, então você deve orar quando for falar de Mim, pois orar é falar, é conversar  Comigo. Mas, prossiga sua oração. CRISTÃO: “Santificado seja o Vosso nome...” DEUS: Espere aí! O que você quer dizer com isso? CRISTÃO: Quero dizer... quer dizer, é... sei lá o que significa!  Como é que vou saber? Faz parte da oração, só isso! DEUS: Santificado significa digno de respeito. Santo. Sagrado.
CRISTÃO: Agora entendi. Mas nunca havia pensado no sentido dessa palavra SANTIFICADO... "Venha a nós o vosso reino, seja feita a vossa vontade, assim na terra como no céu..." DEUS: Está falando sério? CRISTÃO: Claro! Por que não? DEUS: E o que você faz para que isso aconteça?
CRISTÃO: O que faço? Nada! É que faz parte da oração.  Além disso, seria bom que o Senhor tivesse um controle  de tudo o que acontecesse no céu e na terra também. DEUS: Tenho controle sobre você? CRISTÃO: Bem, eu freqüento a igreja! DEUS: Não foi isso que Eu perguntei. Que tal o jeito que você  trata os seus irmãos, a maneira com que você gasta o seu dinheiro,  o muito tempo que você dá à televisão, as propagandas que  você corre atrás, e o pouco tempo que você dedica a Mim?
CRISTÃO: Por favor. Pare de me criticar! DEUS: Desculpe. Pensei que você estava pedindo para que fosse feita a minha vontade. Se isso for acontecer tem que ser com aqueles que rezam, mas que aceitam a minha vontade, o frio, o sol, a chuva, a natureza, a comunidade.
CRISTÃO: Está certo, tem razão. Acho que nunca aceito a sua vontade, pois reclamo de tudo: se manda chuva, peço sol; se manda o sol reclamo do calor;  se manda frio, continuo reclamando; se estou doente peço saúde, mas não cuido  dela, deixo de me alimentar ou como muito... DEUS: Ótimo reconhecer tudo isso. Vamos trabalhar juntos Eu e você, mas olha, vamos ter vitórias e derrotas. Eu estou gostando dessa nova atitude sua.
CRISTÃO: Olha Senhor, preciso terminar agora. Esta oração está demorando muito mais do que costuma ser. Vou continuar:  "o pão nosso de cada dia, nos dai hoje..." DEUS: Pare aí! Você está me pedindo pão material? Não só de pão vive o homem, mas também da minha palavra. Quando me pedires o pão, lembre-se daqueles que nem conhecem pão. Pode pedir-me o que quiser, desde que me veja como um Pai amoroso! Eu estou interessado na próxima parte de sua oração. Continue!
CRISTÃO: "Perdoai as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a  quem nos tem ofendido.”  DEUS: E o seu irmão desprezado? CRISTÃO: Está vendo? Olhe Senhor, ele já me criticou várias vezes e não  era verdade o que dizia. Agora não consigo perdoar. Preciso me vingar.  DEUS: Mas, e sua oração? O que quer dizer sua oração? Você me chamou,  e Eu estou aqui. Quero que saias daqui transfigurado. Estou gostando de você ser honesto. Mas não é bom carregar o peso da ira dentro de você, não acha?
CRISTÃO: Acho que iria me sentir melhor se me vingasse! DEUS: Não vai não! Vai se sentir pior. A vingança não é tão doce quanto parece. Pense na tristeza que me causaria, pense na sua tristeza agora. Eu posso mudar tudo para você. Basta você querer. CRISTÃO: Pode? Mas como? DEUS: Perdoe seu irmão, Eu perdoarei você e te aliviarei.
CRISTÃO: Mas Senhor, eu não posso perdoá-lo. DEUS: Então não me peças perdão também! CRISTÃO: Mais uma vez o Senhor está certo! Mais do que quero vingar-me, quero a paz com o Senhor. Está bem, está bem, eu perdôo a todos, mas ajude-me Senhor. Mostre-me o caminho certo para mim e meus inimigos. DEUS: Isto que você pede é maravilhoso. Estou muito feliz com você.  E você como está se sentindo?
CRISTÃO: Bem, muito bem mesmo! Para falar a verdade, nunca havia me sentido assim! É tão bom falar com Deus. DEUS: Ainda não terminamos a oração. Prossiga... CRISTÃO: "E não nos deixeis cair em tentações, mas livrai-nos do mal..."  DEUS: Ótimo, vou fazer justamente isso, mas não se ponha  em situações onde possa ser tentado.
CRISTÃO: O que quer dizer com isso? DEUS: Deixe de andar na companhia de pessoas que o levam a  participar de coisas sujas, intrigas, fofocas. Abandone a maldade,  o ódio. Isso tudo vai levá-lo para o caminho errado.  Não use tudo isso como saída de emergência! CRISTÃO: Não estou entendendo! DEUS: Claro que entende! Você já fez isso comigo várias vezes.  Entra no erro, depois corre para me pedir socorro.
CRISTÃO: Puxa, como estou envergonhado! DEUS: Você me pede ajuda, mas logo em seguida volta a errar  de novo, para mais uma vez vir fazer negócios comigo! CRISTÃO: Estou com muita vergonha, perdoe-me Senhor! DEUS: Claro que perdôo! Sempre perdôo a quem está disposto  a perdoar também. Mas não esqueça:, quando me chamar,  lembre-se de nossa  conversa , medite cada palavra que fala!  Termine sua oração.
CRISTÃO: Terminar? Ah! Sim: "Amém!”  DEUS: O que quer dizer amém? CRISTÃO: Não sei. É o final da oração. DEUS: Você só deve dizer amém quando aceita dizer tudo o  que Eu quero, quando concorda com minha vontade, quando segue os meus mandamentos, porque AMÉM! Quer dizer: assim seja, concordo com tudo   que  orei .
CRISTÃO: Senhor, obrigado por ensinar-me esta oração e agora  obrigado por fazer-me entendê-la. DEUS: Eu amo cada um dos meus filhos, amo mais ainda  aqueles que querem sair do erro, que querem ser livres do  pecado. Eu te abençôo e fique com minha paz! CRISTÃO: Obrigado, Senhor! Estou muito feliz em saber que és meu amigo e que posso todos os dias conversar com o Senhor e falar dos meus problemas, das minhas dificuldades e necessidades, creio agora que está oração do Pai Nosso será e fará diferença na minha vida. OBRIGADO SENHOR. ( Autor: Desconhecido)
Essa mensagem servirá para nossa reflexão, se realmente estamos  fazendo a oração do Pai Nosso como Jesus nos ensinou.  Para que, assim, possamos estar em perfeita comunhão com  o Pai Maior: que é Justiça, Amor e Misericórdia.
REPASSE ESTA MENSAGEM PARA AS PESSOAS QUE VOCÊ CONHECE, CREIO QUE VAI FAZER DIFERENÇA NA VIDA DELAS. VOCÊ PODE SER UM CANAL DE BENÇÃO NA VIDA DESSAS PESSOAS, LEMBRA-SE DISSO, LEMBRE-SE DA ORAÇÃO QUE ACABOU DE REALIZAR. QUE DEUS CONTINUE TE ABENÇOANDO.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Mais procurados (11)

Pai Nosso Meditado
Pai Nosso MeditadoPai Nosso Meditado
Pai Nosso Meditado
 
Pai nosso meditado
Pai nosso meditadoPai nosso meditado
Pai nosso meditado
 
Pai nossomeditado
Pai nossomeditadoPai nossomeditado
Pai nossomeditado
 
Uma Conversa Com Deus Juliana Ramires
Uma Conversa Com Deus   Juliana RamiresUma Conversa Com Deus   Juliana Ramires
Uma Conversa Com Deus Juliana Ramires
 
Pai Nosso Meditado
Pai Nosso MeditadoPai Nosso Meditado
Pai Nosso Meditado
 
Oração pai nosso e a garota
Oração pai nosso e a garotaOração pai nosso e a garota
Oração pai nosso e a garota
 
Lição 3 perdão
Lição 3 perdãoLição 3 perdão
Lição 3 perdão
 
O Homem No Jardim, Dimael Kharrara
O Homem No Jardim, Dimael KharraraO Homem No Jardim, Dimael Kharrara
O Homem No Jardim, Dimael Kharrara
 
Alguem me tocou
Alguem me tocouAlguem me tocou
Alguem me tocou
 
Pai Nosso
Pai NossoPai Nosso
Pai Nosso
 
Missa do xxiii domingo do tempo comum 05 09
Missa do xxiii domingo do tempo comum 05 09Missa do xxiii domingo do tempo comum 05 09
Missa do xxiii domingo do tempo comum 05 09
 

Destaque

"A Petrobras e as medidas adotadas na Bolívia"
"A Petrobras e as medidas adotadas na Bolívia""A Petrobras e as medidas adotadas na Bolívia"
"A Petrobras e as medidas adotadas na Bolívia"Petrobras
 
Rio oil and gas expo conference presidente, josé sergio gabrielli
Rio oil and gas expo conference   presidente, josé sergio gabrielliRio oil and gas expo conference   presidente, josé sergio gabrielli
Rio oil and gas expo conference presidente, josé sergio gabrielliPetrobras
 
Infographic of how to increase your startups chance of success.
Infographic of how to increase your startups chance of success.Infographic of how to increase your startups chance of success.
Infographic of how to increase your startups chance of success.Co-founder Ignitor
 
Actividad #3
Actividad #3Actividad #3
Actividad #3saiidy
 
Score.joplin.maple leafrag
Score.joplin.maple leafragScore.joplin.maple leafrag
Score.joplin.maple leafragrebakim
 
Zauberbrille
ZauberbrilleZauberbrille
ZauberbrilleWolle1
 
Mba de mercadeo informe semana 2
Mba de mercadeo informe semana 2Mba de mercadeo informe semana 2
Mba de mercadeo informe semana 2leonelisc
 
Qué es comunicación oral y escrita
Qué es comunicación oral y escritaQué es comunicación oral y escrita
Qué es comunicación oral y escritaMaiteggutierrez
 
Revista ris 3 anos 3
Revista ris 3 anos   3Revista ris 3 anos   3
Revista ris 3 anos 3ulissesporto
 
Contrato de Cessão Onerosa
Contrato de Cessão OnerosaContrato de Cessão Onerosa
Contrato de Cessão OnerosaPetrobras
 
Okuri Ventures - Menciones en medios Julio 2012
Okuri Ventures - Menciones en medios Julio 2012Okuri Ventures - Menciones en medios Julio 2012
Okuri Ventures - Menciones en medios Julio 2012Luis Rivera
 
Câmera Fotográfica Canon EOS 600D
Câmera Fotográfica Canon EOS 600DCâmera Fotográfica Canon EOS 600D
Câmera Fotográfica Canon EOS 600DSérgio Amaral
 
"Contrato Petrobras - YPFB” Português
"Contrato Petrobras - YPFB” Português"Contrato Petrobras - YPFB” Português
"Contrato Petrobras - YPFB” PortuguêsPetrobras
 
Manual Noções do Direito
Manual Noções do DireitoManual Noções do Direito
Manual Noções do DireitoSérgio Amaral
 

Destaque (20)

"A Petrobras e as medidas adotadas na Bolívia"
"A Petrobras e as medidas adotadas na Bolívia""A Petrobras e as medidas adotadas na Bolívia"
"A Petrobras e as medidas adotadas na Bolívia"
 
Exoplaneten en hot Jupiters
Exoplaneten en hot JupitersExoplaneten en hot Jupiters
Exoplaneten en hot Jupiters
 
Rio oil and gas expo conference presidente, josé sergio gabrielli
Rio oil and gas expo conference   presidente, josé sergio gabrielliRio oil and gas expo conference   presidente, josé sergio gabrielli
Rio oil and gas expo conference presidente, josé sergio gabrielli
 
China
ChinaChina
China
 
Infographic of how to increase your startups chance of success.
Infographic of how to increase your startups chance of success.Infographic of how to increase your startups chance of success.
Infographic of how to increase your startups chance of success.
 
Actividad #3
Actividad #3Actividad #3
Actividad #3
 
Score.joplin.maple leafrag
Score.joplin.maple leafragScore.joplin.maple leafrag
Score.joplin.maple leafrag
 
Zauberbrille
ZauberbrilleZauberbrille
Zauberbrille
 
Mba de mercadeo informe semana 2
Mba de mercadeo informe semana 2Mba de mercadeo informe semana 2
Mba de mercadeo informe semana 2
 
FON介紹
FON介紹FON介紹
FON介紹
 
Qué es comunicación oral y escrita
Qué es comunicación oral y escritaQué es comunicación oral y escrita
Qué es comunicación oral y escrita
 
Revista ris 3 anos 3
Revista ris 3 anos   3Revista ris 3 anos   3
Revista ris 3 anos 3
 
Contrato de Cessão Onerosa
Contrato de Cessão OnerosaContrato de Cessão Onerosa
Contrato de Cessão Onerosa
 
Crimen Horrendo
Crimen HorrendoCrimen Horrendo
Crimen Horrendo
 
Poema outono
Poema outonoPoema outono
Poema outono
 
Okuri Ventures - Menciones en medios Julio 2012
Okuri Ventures - Menciones en medios Julio 2012Okuri Ventures - Menciones en medios Julio 2012
Okuri Ventures - Menciones en medios Julio 2012
 
Câmera Fotográfica Canon EOS 600D
Câmera Fotográfica Canon EOS 600DCâmera Fotográfica Canon EOS 600D
Câmera Fotográfica Canon EOS 600D
 
"Contrato Petrobras - YPFB” Português
"Contrato Petrobras - YPFB” Português"Contrato Petrobras - YPFB” Português
"Contrato Petrobras - YPFB” Português
 
Manual Noções do Direito
Manual Noções do DireitoManual Noções do Direito
Manual Noções do Direito
 
Alcoholes
AlcoholesAlcoholes
Alcoholes
 

Semelhante a O verdadeiro significado do Pai Nosso

Semelhante a O verdadeiro significado do Pai Nosso (16)

cartas.pptx
cartas.pptxcartas.pptx
cartas.pptx
 
[EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 5 - Orando co...
[EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 5 - Orando co...[EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 5 - Orando co...
[EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 5 - Orando co...
 
Preciso
 Preciso Preciso
Preciso
 
Voce pode compartilhar
Voce pode compartilharVoce pode compartilhar
Voce pode compartilhar
 
éPreciso
éPrecisoéPreciso
éPreciso
 
Preciso
PrecisoPreciso
Preciso
 
Preciso
 Preciso Preciso
Preciso
 
Preciso1
Preciso1Preciso1
Preciso1
 
C9preciso 2
C9preciso 2C9preciso 2
C9preciso 2
 
Preciso
PrecisoPreciso
Preciso
 
Preciso
PrecisoPreciso
Preciso
 
Preciso
PrecisoPreciso
Preciso
 
E Preciso
E PrecisoE Preciso
E Preciso
 
Preciso
PrecisoPreciso
Preciso
 
Devocional para seu casamento
Devocional para seu casamentoDevocional para seu casamento
Devocional para seu casamento
 
E preciso
E precisoE preciso
E preciso
 

Mais de regins

Esmilinguido
EsmilinguidoEsmilinguido
Esmilinguidoregins
 
Apaixone se2
Apaixone se2Apaixone se2
Apaixone se2regins
 
A morte de_jesus
A morte de_jesusA morte de_jesus
A morte de_jesusregins
 
1minutocom deus
1minutocom deus1minutocom deus
1minutocom deusregins
 
A morte de_jesus
A morte de_jesusA morte de_jesus
A morte de_jesusregins
 

Mais de regins (7)

Esmilinguido
EsmilinguidoEsmilinguido
Esmilinguido
 
Apaixone se2
Apaixone se2Apaixone se2
Apaixone se2
 
Deus
DeusDeus
Deus
 
A morte de_jesus
A morte de_jesusA morte de_jesus
A morte de_jesus
 
1minutocom deus
1minutocom deus1minutocom deus
1minutocom deus
 
A morte de_jesus
A morte de_jesusA morte de_jesus
A morte de_jesus
 
Show
ShowShow
Show
 

Último

PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024
PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024
PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024SamiraMiresVieiradeM
 
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptxErivaldoLima15
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullyingMary Alvarenga
 
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parteDança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira partecoletivoddois
 
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terraBiblioteca UCS
 
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveAula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveaulasgege
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas BrasileirosMary Alvarenga
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxacaciocarmo1
 
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxJMTCS
 
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASQUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASEdinardo Aguiar
 
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdf
Geometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdfGeometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdf
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdfDemetrio Ccesa Rayme
 
HABILIDADES ESSENCIAIS - MATEMÁTICA 4º ANO.pdf
HABILIDADES ESSENCIAIS  - MATEMÁTICA 4º ANO.pdfHABILIDADES ESSENCIAIS  - MATEMÁTICA 4º ANO.pdf
HABILIDADES ESSENCIAIS - MATEMÁTICA 4º ANO.pdfdio7ff
 
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdf
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdfSlides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdf
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdfpaulafernandes540558
 
AULA 7 - REFORMA PROTESTANTE SIMPLES E BASICA.pptx
AULA 7 - REFORMA PROTESTANTE SIMPLES E BASICA.pptxAULA 7 - REFORMA PROTESTANTE SIMPLES E BASICA.pptx
AULA 7 - REFORMA PROTESTANTE SIMPLES E BASICA.pptxrenatacolbeich1
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...LuizHenriquedeAlmeid6
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxJMTCS
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxDeyvidBriel
 

Último (20)

PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024
PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024
PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024
 
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
 
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parteDança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
 
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
 
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveAula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
 
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
 
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASQUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
 
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdf
Geometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdfGeometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdf
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdf
 
HABILIDADES ESSENCIAIS - MATEMÁTICA 4º ANO.pdf
HABILIDADES ESSENCIAIS  - MATEMÁTICA 4º ANO.pdfHABILIDADES ESSENCIAIS  - MATEMÁTICA 4º ANO.pdf
HABILIDADES ESSENCIAIS - MATEMÁTICA 4º ANO.pdf
 
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdf
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdfSlides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdf
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdf
 
AULA 7 - REFORMA PROTESTANTE SIMPLES E BASICA.pptx
AULA 7 - REFORMA PROTESTANTE SIMPLES E BASICA.pptxAULA 7 - REFORMA PROTESTANTE SIMPLES E BASICA.pptx
AULA 7 - REFORMA PROTESTANTE SIMPLES E BASICA.pptx
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
 

O verdadeiro significado do Pai Nosso

  • 1. Vá clicando à medida que fores lendo. É mais confortável.
  • 2. CRISTÃO: “Pai nosso que estais no céu...” DEUS: Sim? Estou aqui. CRISTÃO: Por favor, não me interrompa. Estou rezando! DEUS: Mas você me chamou!
  • 3. CRISTÃO: Chamei? Eu não chamei ninguém. Estou rezando. “Pai nosso que estais no céu...” DEUS: Aí, você chamou de novo. CRISTÃO: Fiz o quê? DEUS: Me chamou. Você disse: Pai nosso que estais no céu. Estou aqui. Como é que posso ajudá-lo?
  • 4. CRISTÃO: Mas eu não quis dizer isso. É que estou rezando. Rezo o Pai Nosso todos os dias. Sinto-me bem rezando assim. É como se fosse um dever. E não me sinto bem até cumpri-lo... DEUS: Mas como podes dizer Pai Nosso, sem lembrar que todos são seus irmãos? Como podes dizer que estais no céu, se você não sabe que o céu é a paz, que o céu é ter amor a todos?
  • 5. CRISTÃO: É, realmente. Ainda não havia pensado nisso. DEUS: Pois então, você está rezando, e rezar é ler ou falar alguma coisa que decorou, sem ao menos meditar e vivenciar o que está falando, então você deve orar quando for falar de Mim, pois orar é falar, é conversar Comigo. Mas, prossiga sua oração. CRISTÃO: “Santificado seja o Vosso nome...” DEUS: Espere aí! O que você quer dizer com isso? CRISTÃO: Quero dizer... quer dizer, é... sei lá o que significa! Como é que vou saber? Faz parte da oração, só isso! DEUS: Santificado significa digno de respeito. Santo. Sagrado.
  • 6. CRISTÃO: Agora entendi. Mas nunca havia pensado no sentido dessa palavra SANTIFICADO... "Venha a nós o vosso reino, seja feita a vossa vontade, assim na terra como no céu..." DEUS: Está falando sério? CRISTÃO: Claro! Por que não? DEUS: E o que você faz para que isso aconteça?
  • 7. CRISTÃO: O que faço? Nada! É que faz parte da oração. Além disso, seria bom que o Senhor tivesse um controle de tudo o que acontecesse no céu e na terra também. DEUS: Tenho controle sobre você? CRISTÃO: Bem, eu freqüento a igreja! DEUS: Não foi isso que Eu perguntei. Que tal o jeito que você trata os seus irmãos, a maneira com que você gasta o seu dinheiro, o muito tempo que você dá à televisão, as propagandas que você corre atrás, e o pouco tempo que você dedica a Mim?
  • 8. CRISTÃO: Por favor. Pare de me criticar! DEUS: Desculpe. Pensei que você estava pedindo para que fosse feita a minha vontade. Se isso for acontecer tem que ser com aqueles que rezam, mas que aceitam a minha vontade, o frio, o sol, a chuva, a natureza, a comunidade.
  • 9. CRISTÃO: Está certo, tem razão. Acho que nunca aceito a sua vontade, pois reclamo de tudo: se manda chuva, peço sol; se manda o sol reclamo do calor; se manda frio, continuo reclamando; se estou doente peço saúde, mas não cuido dela, deixo de me alimentar ou como muito... DEUS: Ótimo reconhecer tudo isso. Vamos trabalhar juntos Eu e você, mas olha, vamos ter vitórias e derrotas. Eu estou gostando dessa nova atitude sua.
  • 10. CRISTÃO: Olha Senhor, preciso terminar agora. Esta oração está demorando muito mais do que costuma ser. Vou continuar: "o pão nosso de cada dia, nos dai hoje..." DEUS: Pare aí! Você está me pedindo pão material? Não só de pão vive o homem, mas também da minha palavra. Quando me pedires o pão, lembre-se daqueles que nem conhecem pão. Pode pedir-me o que quiser, desde que me veja como um Pai amoroso! Eu estou interessado na próxima parte de sua oração. Continue!
  • 11. CRISTÃO: "Perdoai as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido.” DEUS: E o seu irmão desprezado? CRISTÃO: Está vendo? Olhe Senhor, ele já me criticou várias vezes e não era verdade o que dizia. Agora não consigo perdoar. Preciso me vingar. DEUS: Mas, e sua oração? O que quer dizer sua oração? Você me chamou, e Eu estou aqui. Quero que saias daqui transfigurado. Estou gostando de você ser honesto. Mas não é bom carregar o peso da ira dentro de você, não acha?
  • 12. CRISTÃO: Acho que iria me sentir melhor se me vingasse! DEUS: Não vai não! Vai se sentir pior. A vingança não é tão doce quanto parece. Pense na tristeza que me causaria, pense na sua tristeza agora. Eu posso mudar tudo para você. Basta você querer. CRISTÃO: Pode? Mas como? DEUS: Perdoe seu irmão, Eu perdoarei você e te aliviarei.
  • 13. CRISTÃO: Mas Senhor, eu não posso perdoá-lo. DEUS: Então não me peças perdão também! CRISTÃO: Mais uma vez o Senhor está certo! Mais do que quero vingar-me, quero a paz com o Senhor. Está bem, está bem, eu perdôo a todos, mas ajude-me Senhor. Mostre-me o caminho certo para mim e meus inimigos. DEUS: Isto que você pede é maravilhoso. Estou muito feliz com você. E você como está se sentindo?
  • 14. CRISTÃO: Bem, muito bem mesmo! Para falar a verdade, nunca havia me sentido assim! É tão bom falar com Deus. DEUS: Ainda não terminamos a oração. Prossiga... CRISTÃO: "E não nos deixeis cair em tentações, mas livrai-nos do mal..." DEUS: Ótimo, vou fazer justamente isso, mas não se ponha em situações onde possa ser tentado.
  • 15. CRISTÃO: O que quer dizer com isso? DEUS: Deixe de andar na companhia de pessoas que o levam a participar de coisas sujas, intrigas, fofocas. Abandone a maldade, o ódio. Isso tudo vai levá-lo para o caminho errado. Não use tudo isso como saída de emergência! CRISTÃO: Não estou entendendo! DEUS: Claro que entende! Você já fez isso comigo várias vezes. Entra no erro, depois corre para me pedir socorro.
  • 16. CRISTÃO: Puxa, como estou envergonhado! DEUS: Você me pede ajuda, mas logo em seguida volta a errar de novo, para mais uma vez vir fazer negócios comigo! CRISTÃO: Estou com muita vergonha, perdoe-me Senhor! DEUS: Claro que perdôo! Sempre perdôo a quem está disposto a perdoar também. Mas não esqueça:, quando me chamar, lembre-se de nossa conversa , medite cada palavra que fala! Termine sua oração.
  • 17. CRISTÃO: Terminar? Ah! Sim: "Amém!” DEUS: O que quer dizer amém? CRISTÃO: Não sei. É o final da oração. DEUS: Você só deve dizer amém quando aceita dizer tudo o que Eu quero, quando concorda com minha vontade, quando segue os meus mandamentos, porque AMÉM! Quer dizer: assim seja, concordo com tudo que orei .
  • 18. CRISTÃO: Senhor, obrigado por ensinar-me esta oração e agora obrigado por fazer-me entendê-la. DEUS: Eu amo cada um dos meus filhos, amo mais ainda aqueles que querem sair do erro, que querem ser livres do pecado. Eu te abençôo e fique com minha paz! CRISTÃO: Obrigado, Senhor! Estou muito feliz em saber que és meu amigo e que posso todos os dias conversar com o Senhor e falar dos meus problemas, das minhas dificuldades e necessidades, creio agora que está oração do Pai Nosso será e fará diferença na minha vida. OBRIGADO SENHOR. ( Autor: Desconhecido)
  • 19. Essa mensagem servirá para nossa reflexão, se realmente estamos fazendo a oração do Pai Nosso como Jesus nos ensinou. Para que, assim, possamos estar em perfeita comunhão com o Pai Maior: que é Justiça, Amor e Misericórdia.
  • 20. REPASSE ESTA MENSAGEM PARA AS PESSOAS QUE VOCÊ CONHECE, CREIO QUE VAI FAZER DIFERENÇA NA VIDA DELAS. VOCÊ PODE SER UM CANAL DE BENÇÃO NA VIDA DESSAS PESSOAS, LEMBRA-SE DISSO, LEMBRE-SE DA ORAÇÃO QUE ACABOU DE REALIZAR. QUE DEUS CONTINUE TE ABENÇOANDO.