Efeitos da Estiagem sobre a
Produção cafeeira
Alysson Vilela Fagundes
Introdução
• O veranico de Janeiro a Março de 2014 afetou as principais regiões
produtoras de café do Brasil (MG-SP-ES);
•...
Fenologia
Frutificação
Tempo de maturação
médio - 220 dias
1ª florada- 17/09/13
2ª florada – 27/09/13
27 de abril
Armazenamento de Água no solo
Período
de maior
Granação
Jan-Mar
Armazenamento
+ 50 .... – 100 mm
Armazenamento
+ 75 .... –...
J
A
N
E
I
R
O
F
E
V
E
R
E
I
R
O
M
A
R
Ç
O
Chuva Média seria: 646 mm
Choveu: 187,6 mm (30%)
ETP: 313,9 mm
Saldo = precipita...
Chuvas acumuladas no Brasil, nos meses de
janeiro e em fevereiro de 2014
Ilustração dos níveis de armazenamento de água no
solo do balanço hídrico
Consequências na
formação do endosperma
Fruto Normal
Fruto com espaço
Fruto Normal com espaço
Fruto Mal formado
Fruto Mal Formado x Normal com espaço
Metade Normal e
Metade Mal formado
Fruto Preto
Fruto Preto
Fruto Chocho
Fruto Chocho
Fruto Chocho
Qual a quebra (%) para cada tipo de grão?
Fruto Preto = 100%
Fruto Chocho = 100%
Fruto Normal com espaço = 10%
Tamanho de ...
Quais as perdas nas lavouras?
Observações
• Sul de Minas severamente afetado
• Presente em todas as lavouras
• De intensid...
TIPO DE GRÃO % DE PERDA
PARA CADA TIPO
% DE INCIDENCIA
NA LAVOURA
Preto 100 10
Chocho 100 20
Normal 0 20
Mal formado 50 20...
Cenários para os próximos meses
Média Histórica
de 1974 a 2013
Ocorrência em
2014
Desvio da média
para o ocorrido
Janeiro ...
Cenários para os próximos meses
Cenários para os próximos meses
Cenários para os próximos meses
Observações
O cenário simulado considera temperaturas e
precipitações normais históricas
Cenários desfavoráveis
• Precipit...
Histórico com déficit elevado - 2007
Situação das Lavouras Atuais
Levantamento da Fundação Procafé
O que tem sido visto até agora:
• lavouras de primeira safra...
Estados/regiões
Safra 2014
prevista pela
Conab, em
dez/13
Perdas
estimadas,
pela seca
Resultado
estimativo
safra 2014
Expe...
Observações importantes:
Cultivar mais afetada: Cultivares tardias...
Idade: Maior idade ... Menor perda
Altitude: Maior a...
Irrigação
Pivô Central sequeirosequeiro
Amostra de 1.000
frutos que afundam
na água = 1.080 g
Amostra de 1.000
frutos que ...
Fazenda em Boa Esperança
Área Total – 120 ha
Área com dano alto – 80 ha
Área com dano médio – 20 ha
Área com dano baixo – ...
Sítio em Vaginha
Área Total – 25 ha
Área com dano alto – 20 ha
Área com dano médio – 5 ha
Área com dano baixo – 0 ha
Lavou...
Sítio em Vaginha
Área Total – 25 ha
Área com dano alto – 20 ha
Área com dano médio – 5 ha
Área com dano baixo – 0 ha
Lavou...
Fazenda em Cordislândia
Área Total – 140 ha
Área com dano alto – 80 ha
Área com dano médio – 20 ha
Área com dano baixo – 2...
Fazenda em Boa Esperança
Área Total – 720 ha
Área com dano alto – 250 ha
Área com dano médio – 200 ha (ano de baixa carga)...
Fazenda em Capitólio
Área Total – 60 ha
Área com dano alto – 20 ha
Área com dano médio – 20 ha
Área com dano baixo – 20 ha
Lavoura de Mundo Novo
25 anos
Bom tratamento nutricional e Fitossanitário
Município de Varginha
40% de perda até 10 de fev...
Lavoura de Mundo Novo
2,5 anos
Bom tratamento nutricional e Fitossanitário
Município de Varginha
80% de perda até 10 de fe...
Lavoura de Catuaí Vermelho 144
5 anos
Bom tratamento nutricional e
Fitossanitário
Município de Boa Esperança
Planta comple...
• Lavoura de Acaiá 474-19
• 12 anos
• Bom tratamento nutricional e
Fitossanitário
• Município de Boa Esperança
• Carga Bai...
Lado do Sol da Tarde
Lado do Sol da Manhã
Frutos enrugados devido ao efeito sanfona
O que deveremos fazer?
Continuar normalmente os tratamentos nutricionais e
fitossanitários das lavouras...
Lavouras bem tr...
Considerações - Nutrição
• A adubação realizada de Nov 2013 a Mar
2014 não teve a eficiência necessária.
• As adubações fu...
Considerações – Praga e donças
• Clima pouco favorável às principais doenças
(Ferrugem, Phoma, Mancha Aureolada).
• Clima ...
Considerações - Poda
• Cuidados especiais com lavouras de média
carga.
• Projeção de bons preços para 2015.
• Não descuida...
Considerações Finais:
• As perdas são significativas
• Cuidado com as podas
• Reduzir os tratos nas lavouras não é solução...
(35)3214 1411
Equipe:
Alysson Fagundes (Fundação Procafé);
alysson@fundacaoprocafe.com.br
Efeitos da estiagem sobre a produção cafeeira   alysson fagundes
Efeitos da estiagem sobre a produção cafeeira   alysson fagundes
Efeitos da estiagem sobre a produção cafeeira   alysson fagundes
Efeitos da estiagem sobre a produção cafeeira   alysson fagundes
Efeitos da estiagem sobre a produção cafeeira   alysson fagundes
Efeitos da estiagem sobre a produção cafeeira   alysson fagundes
Efeitos da estiagem sobre a produção cafeeira   alysson fagundes
Efeitos da estiagem sobre a produção cafeeira   alysson fagundes
Efeitos da estiagem sobre a produção cafeeira   alysson fagundes
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Efeitos da estiagem sobre a produção cafeeira alysson fagundes

345 visualizações

Publicada em

Procafé

Publicada em: Meio ambiente
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
345
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
49
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
18
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Efeitos da estiagem sobre a produção cafeeira alysson fagundes

  1. 1. Efeitos da Estiagem sobre a Produção cafeeira Alysson Vilela Fagundes
  2. 2. Introdução • O veranico de Janeiro a Março de 2014 afetou as principais regiões produtoras de café do Brasil (MG-SP-ES); • O veranico foi agravado por altas temperaturas que desencadearam um forte estresse hídrico; • Esses fatores coincidiram com o período mais intenso de granação; • Essas informações são úteis, na tomada de decisão pelos diversos elos da cadeia produtiva do café.
  3. 3. Fenologia
  4. 4. Frutificação Tempo de maturação médio - 220 dias 1ª florada- 17/09/13 2ª florada – 27/09/13 27 de abril
  5. 5. Armazenamento de Água no solo Período de maior Granação Jan-Mar Armazenamento + 50 .... – 100 mm Armazenamento + 75 .... – 75 mm Armazenamento + 0 .... – 150 mm
  6. 6. J A N E I R O F E V E R E I R O M A R Ç O Chuva Média seria: 646 mm Choveu: 187,6 mm (30%) ETP: 313,9 mm Saldo = precipitação – ETP Saldo = 187,6 – 313,9 Saldo = - 126.3 mm Temperatura Média x 2014: Janeiro: 22,4 x 24,1 = 1,7°C Fevereiro: 22,7 x 24 = 1,3°C Março: 22,2 x 22,3 = 0,1°C Resumindo: Média Jan-Mar = 23,5
  7. 7. Chuvas acumuladas no Brasil, nos meses de janeiro e em fevereiro de 2014
  8. 8. Ilustração dos níveis de armazenamento de água no solo do balanço hídrico
  9. 9. Consequências na formação do endosperma
  10. 10. Fruto Normal
  11. 11. Fruto com espaço
  12. 12. Fruto Normal com espaço
  13. 13. Fruto Mal formado
  14. 14. Fruto Mal Formado x Normal com espaço
  15. 15. Metade Normal e Metade Mal formado
  16. 16. Fruto Preto
  17. 17. Fruto Preto
  18. 18. Fruto Chocho
  19. 19. Fruto Chocho
  20. 20. Fruto Chocho
  21. 21. Qual a quebra (%) para cada tipo de grão? Fruto Preto = 100% Fruto Chocho = 100% Fruto Normal com espaço = 10% Tamanho de peneira, baixo rendimento, etc Fruto Mal formado = 50 % Vai para palha, escolha? Fruto Normal = teoricamente 0% de quebra, porém deve-se considerar a tendência de baixo rendimento e peneira
  22. 22. Quais as perdas nas lavouras? Observações • Sul de Minas severamente afetado • Presente em todas as lavouras • De intensidade variável para cada condição local de solo e precipitação acumulada de janeiro a março (chuvas pontuais) • Lavouras de alta produtividade e bom vigor, a perda está concentrada na saia.
  23. 23. TIPO DE GRÃO % DE PERDA PARA CADA TIPO % DE INCIDENCIA NA LAVOURA Preto 100 10 Chocho 100 20 Normal 0 20 Mal formado 50 20 Normal com espaço 10 30 TOTAL DE PERDA PARA A LAVOURA 43 Exemplo de uma amostragem e perdas em uma lavoura amostrada Consumo de 842 litros para fazer uma saca de 60 kg 14 medidas/saca Medida = R$ 12,00 = R$ 168,00/saca
  24. 24. Cenários para os próximos meses Média Histórica de 1974 a 2013 Ocorrência em 2014 Desvio da média para o ocorrido Janeiro 281,4 46,4 -235 Fevereiro 186,7 38 -148,7 Marco 177,5 101,2 -76,3 Abril 80,4 82,4 2 Maio 51,7 15,4 -36,3 Junho 35,5 6,4 -29,1 Julho 18,6 33 14,4 Agosto 17,4 17,4 0 Setembro 72,1 72,1 0 Outubro 110,8 110,8 0 Novembro 178,1 178,1 0 Dezembro 261,6 261,6 0 Acumulado 1.471,80 962,8 -509 Perda consumada e sacramentada na safra de 2014 Perda em andamento para a safra de 2015 ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ?
  25. 25. Cenários para os próximos meses
  26. 26. Cenários para os próximos meses
  27. 27. Cenários para os próximos meses
  28. 28. Observações O cenário simulado considera temperaturas e precipitações normais históricas Cenários desfavoráveis • Precipitações abaixo da média, • Atraso no retorno das chuvas • Temperaturas altas, Cenário favorável • Precipitações acima da média,
  29. 29. Histórico com déficit elevado - 2007
  30. 30. Situação das Lavouras Atuais Levantamento da Fundação Procafé O que tem sido visto até agora: • lavouras de primeira safra – 15 a 36 medidas/saca •Sacadores de 15.000 L – 15 a 40 sacos (média 45 sacos) •Muito café quebrado na palha • Recomendação – reduzir a ventilação da máquina O que pode acontecer? • A normalização das Chuvas somente paralisarão as perdas
  31. 31. Estados/regiões Safra 2014 prevista pela Conab, em dez/13 Perdas estimadas, pela seca Resultado estimativo safra 2014 Expectativa inicial 2015 1-Minas Gerais 1.1-Zonas Sul e Oeste 13,3 – 14,1 4,00 – 4,20 9,30 – 9,90 10,0 – 11,0 1.2- Zona da Mata 5,5 – 5,8 1,05 - 1,11 4,45 – 4,69 6,0 – 7,0 1.3- Zonas Triângulo, Alto- Paranaiba e Noroeste 6,1 – 6,4 0,61 - 0,64 5,49 – 5,76 4,0 – 4,5 1.4- Z. Jequitinhonha e Norte 0,6 – 0,7 0,07 – 0,08 0, 53 – 0,62 0,5 – 0,6 Sub-Total, MG 25,5 - 27,0 5,73 – 6,03 19,77- 20,97 20,5 – 23,1 2. Espirito Santo 2,8 – 3,1 0,33 – 0,37 2,47 – 2,73 2,7 – 3,0 3. São Paulo 3.1- Região Mogiana 2,3 – 2,4 0,25 – 0,30 2,05 – 2,10 - 3.2- Outras 1,9 – 2,3 - 1,90 – 2,30 - Sub-total, SP 4,2 – 4,7 3,95 – 4,40 2,7 – 3, 5 4- Outros Estados(PR, BA, RJ, GO e outros) 2,5 – 2,6 - 2,5 – 2,6 2,3 – 2,5 Total Brasil, arabica 35,0 – 37,4 6,31 – 6,70 28,69 – 30,70 28,2 – 32,1 Total Brasil, conillon 11,4 -12,6 - 11,40 – 12,60 10,5 – 11,5 Total geral Brasil 46,4 – 50,0 6,31 – 6,70 40,09 – 43,30 38,7 – 43,6 Perda média no Brasil = 18%Perda média no Brasil = 18% 30% 20% 10% 12% 22,5% 12% 11%
  32. 32. Observações importantes: Cultivar mais afetada: Cultivares tardias... Idade: Maior idade ... Menor perda Altitude: Maior altitude ... Menor perda Produtividade: Maior Produtividade ... Maior perda Irrigação: ...........
  33. 33. Irrigação Pivô Central sequeirosequeiro Amostra de 1.000 frutos que afundam na água = 1.080 g Amostra de 1.000 frutos que afundam na água = 820 g Aproximadamente 25% de diferença só no peso
  34. 34. Fazenda em Boa Esperança Área Total – 120 ha Área com dano alto – 80 ha Área com dano médio – 20 ha Área com dano baixo – 20 ha Lavoura da Foto: Catuaí Vermelho 144 Quarta Safra Média histórica 36 sc/ha
  35. 35. Sítio em Vaginha Área Total – 25 ha Área com dano alto – 20 ha Área com dano médio – 5 ha Área com dano baixo – 0 ha Lavoura da Foto: Mundo Novo Lavoura com mais de 20 safras Média histórica de dois anos 41 sc/ha
  36. 36. Sítio em Vaginha Área Total – 25 ha Área com dano alto – 20 ha Área com dano médio – 5 ha Área com dano baixo – 0 ha Lavoura da Foto: Mundo Novo Lavoura indo para a primeira safra Previsão: 35 sc/ha Safra real: 4 sc/ha (frutos para 25 sc/ha)
  37. 37. Fazenda em Cordislândia Área Total – 140 ha Área com dano alto – 80 ha Área com dano médio – 20 ha Área com dano baixo – 20 ha (Esqueletados) Lavoura da Foto: Mundo Novo Lavoura indo para a primeira safra Seriam colhidos aproximadamente 30 sacas/ha. Safra real: 11 sc/ha
  38. 38. Fazenda em Boa Esperança Área Total – 720 ha Área com dano alto – 250 ha Área com dano médio – 200 ha (ano de baixa carga) Área com dano baixo – 270 ha (Esqueletados) Lavoura da Foto: Acaiá IAC 474-19-10 Lavoura indo para a primeira safra Seriam colhidos aproximadamente 50 sacas/ha. Nessa lavoura as perdas são significativas porém menores devido a boa localização (pé da Serra da Boa Esperança) e também devido ao fato de haver chovido 80 mm nessa fazenda.
  39. 39. Fazenda em Capitólio Área Total – 60 ha Área com dano alto – 20 ha Área com dano médio – 20 ha Área com dano baixo – 20 ha
  40. 40. Lavoura de Mundo Novo 25 anos Bom tratamento nutricional e Fitossanitário Município de Varginha 40% de perda até 10 de fevereiro
  41. 41. Lavoura de Mundo Novo 2,5 anos Bom tratamento nutricional e Fitossanitário Município de Varginha 80% de perda até 10 de fevereiro Planta completamente murcha Perda contínua
  42. 42. Lavoura de Catuaí Vermelho 144 5 anos Bom tratamento nutricional e Fitossanitário Município de Boa Esperança Planta completamente murcha Lado do sol da tarde é pior
  43. 43. • Lavoura de Acaiá 474-19 • 12 anos • Bom tratamento nutricional e Fitossanitário • Município de Boa Esperança • Carga Baixa • Perda não avaliada • Planta completamente murcha • Perda de Crescimento para produção de 2015
  44. 44. Lado do Sol da Tarde Lado do Sol da Manhã
  45. 45. Frutos enrugados devido ao efeito sanfona
  46. 46. O que deveremos fazer? Continuar normalmente os tratamentos nutricionais e fitossanitários das lavouras... Lavouras bem tratadas tem maior reserva e aguentam melhor as adversidades climáticas...
  47. 47. Considerações - Nutrição • A adubação realizada de Nov 2013 a Mar 2014 não teve a eficiência necessária. • As adubações futuras terão de ser bem planejadas. • Retirada criteriosa de análise de solo.
  48. 48. Considerações – Praga e donças • Clima pouco favorável às principais doenças (Ferrugem, Phoma, Mancha Aureolada). • Clima muito favorável ao surgimento de pragas (Bicho Mineiro e Ácaros). • Usar os controles corretos para não ser necessário recontrole. ? Surgiu em decorrência dos controles mal feitos: Umidade relativa baixa e altas temperaturas
  49. 49. Considerações - Poda • Cuidados especiais com lavouras de média carga. • Projeção de bons preços para 2015. • Não descuidar da lavoura com a “certeza” de que vai podá-la.
  50. 50. Considerações Finais: • As perdas são significativas • Cuidado com as podas • Reduzir os tratos nas lavouras não é solução • Nunca vimos nada semelhante e por isso ainda temos muito a aprender...
  51. 51. (35)3214 1411 Equipe: Alysson Fagundes (Fundação Procafé); alysson@fundacaoprocafe.com.br

×