Práticas em Curadoria - Sandra Tucci (Abril - 2015)

752 visualizações

Publicada em

AULA 1 | Curadoria em Artes | origens, modelos, formatos, referencias, formação do curador, saberes e possibilidades, estudo de casos

AULA 2 | Curadoria em Equipamentos Culturais e Curadorias Independentes | etapas do projeto curatorial, pesquisa, referencias, concepção e recortes, acervos, referencias, intervenções urbanas, estudo de casos

AULA 3 | Curadoria e Mediação Cultural | com a participação de Gisa Picosque – a relação do curador com o setor educativo - alinhamento do publico alvo, convergência de agendas e interesses, relações institucionais

AULA 4| Atuação profissional do curador| mercado de trabalho e os novos formatos (feiras), projetos, redes, possibilidades e desdobramentos da pratica curatorial - dinâmica em grupo

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
752
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
14
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Práticas em Curadoria - Sandra Tucci (Abril - 2015)

  1. 1.    PRATICAS  EM  CURADORIA     Sandra  Tucci     Cemec     2015    
  2. 2. 27  de  abril  de  2015   AULA  1  |  Curadoria  em  Artes  |  origens,  modelos,  formatos,  referencias,  formação  do   curador,  saberes  e  possibilidades,  estudo  de  casos               28  de  abril  de  2015   AULA  2  |  Curadoria  em  Equipamentos  Culturais  e  Curadorias  Independentes  |  etapas   do  projeto  curatorial,  pesquisa,  referencias,  concepção  e  recortes,  acervos,   intervenções  urbanas,  estudo  de  casos       29  de  abril  de  2015   AULA  3  |  Curadoria  e  Mediação  Cultural  |  com  a  parNcipação  de  Gisa  Picosque  –  a   relação  do  curador  com  o  setor  educaNvo  -­‐  alinhamento  do  publico  alvo,  convergência   de  agendas  e  interesses,  relações  insNtucionais       30  de  abril  de  2015   AULA  4|    Atuação  profissional  do  curador|  mercado  de  trabalho  e  os  novos  formatos   (feiras),  projetos,  redes,  possibilidades  e  desdobramentos  da  praNca  curatorial    -­‐   dinâmica  em  grupo   Proposta  aos  parNcipantes:  Projeto  curatorial    a  parNr  de  elaboração  coleNva    
  3. 3. UMA  EXPOSIÇÃO  VISA  O  ENCONTRO  ENTRE  A  CRIAÇÃO  ARTÍSTICA  E  O  PÚBLICO   •  Explorar  e  conhecer  profundamente    a  história  da  curadoria,  que  é  relaNvamente  recente,  a   historia  da  arte  e  da  arte  contemporânea   •  Ter  conhecimentos  básicos  de  museologia  e  museografia     •  Conhecer    os  elementos  básicos  de  gestão  e  produção  execuNva   •  Trazer  noções  de  desenho  do  espaço  ou  expografia,  para  a  ambientação  de  sua  proposta  em   linguagens  diversas.   •  Saber  da  importância  da  mediação  cultural  e  educaNva    -­‐    fundamental  para    efeNvação  da   comunicação  com  o  público.   Atuação  profissional     Galerias  de  arte  comerciais  –  independente     Equipamentos    culturais  –  com  ou  sem  vinculo     Coleções  publicas  e  coleções  privadas   Novos  formatos  e  circuitos  exposiNvos  –  web       Curadorias  em  estabelecimentos  coorporaNvos  e  empresariais     Curadorias  que  se  desenvolvem  no  ambiente  urbano   Curadorias  colaboraNvas  e  em  rede  
  4. 4. Projeto  Curatorial       TEXTO  DE  AUTORIA  DO  PROPONENTE  DO  PROJETO     Proposta  conceitual   JusNficaNva   ObjeNvos  específicos   Lista  preliminar  de  obras  de  arte  que  consNtuirão  a  exposição,  que  contenha:     QuanNdade  de  obras  a  serem  expostas.   Informação  sobre  as  obras  de  arte:  autoria,  gtulo,  data,  material/técnica,  dimensões,     procedência  (coleções  de  arNstas,  colecionadores  e  coleções  de  museus)  ou  se  são  inéditas,     incluindo  também  sua  respecNva  imagem.     Informações  sobre  seguro  e  transporte  de  obras     No  caso  de  produção  de  obras  de  arte  (como  site  specific,  instalação,  vídeo,  etc.)  descrevê-­‐la  em  até  15  (quinze)   linhas,  citando  o  nome  do  arNsta  e  a  técnica  a  ser  uNlizada.     Layout  do  espaço  exposiNvo  –  planta  baixa    -­‐  proposta  expográfica     Proposta  de  uma  aNvidade  aberta  ao  público,  a  parNr  das  suas  invesNgações  e  processos     de  trabalho     Cronograma  com  as  aNvidades  da  curadoria  na  exposição  (considerando  que  o  período  da     exposição),  com  as  seguintes  etapas:   Pré-­‐produção   Produção   Período  exposiNvo   ANvidades  desenvolvidas  com  a  equipe  do  museu/equipamento  cultural/galeria  incluindo  mediação  e  ações   educaNvas     Proposta  de  aNvidades  desenvolvidas  com  o  público  –  palestras,  simpósios,  workshops     Impressos  e  ações  de  divulgação    
  5. 5. hkp://www.novoscuradores.com.br   WEB       hkp://www.si.edu/content/opanda/docs/rpts2002/02.10.makingexhibiNons.final.pdf   hkp://unesdoc.unesco.org/images/0000/000028/002870eo.pdf   hkp://mgnsw.org.au/media/uploads/files/Curatorial_Toolkit.pdf   hkp://blog.sympla.com.br/planejamento-­‐estrategico-­‐para-­‐eventos-­‐qual-­‐a-­‐importancia-­‐e-­‐ como-­‐fazer/    
  6. 6. Sandra  Tucci     sandra.tucci@gmail.com   011  -­‐  991  788  860           PraNcas  em  Curadoria  e  Curadoria  em  Artes   Empreendedorismo  Cultural   Historia  da  Arte  Contemporânea   Paradigmas  da  Cultura  Contemporânea     Expressões  Culturais  Contemporâneas     Projetos  e  Consultoria        

×