Eternamente irmãos

272 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
272
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Eternamente irmãos

  1. 1. ETERNAMENTE IRMÃOS. DEUS ÚNICO, PAI DE TODA CRIATURA, DE TODA CRIAÇÃO....
  2. 2. TU, OH ! MAGESTADE SUBLIME, QUE ME PERMITE A VISÃO DOS ASTROS ESTELARES, QUE ME PERMITE A AUDIÇÃO, PARA OUVIR O SOM IMPONENTE DAS ÁGUAS E O SOPRO CANTANTE DO VENTO; TU, CRIADOR DE TODAS AS LEIS QUE ORGANIZAM ATRAVÉS DO ESTATUTO MAIOR DO CÓDIGOS SUBLIMES, DA LEGALIDADE QUE NOS TRANSPORTA ÀS DIRETRIZES DA VERDADE, DO AMOR E DA SABEDORIA;
  3. 3. TU, PAI QUE ME PERMITE OS BRAÇOS PARA QUE EU POSSA ACONCHEGAR CONTRA MEU PEITO OS PÁSSAROS QUE A MIM CONFIASTE NA CONDIÇÃO DE FILHOS, DE AMIGOS, DE ESPOSA, ESPOSO, PAIS E IRMÃOS; TU, QUE ME PERMITE A LIBERDADE PARA QUE MEUS PÉS ACELEREM A CAMINHADA RUMO ÀS PARAGENS FELIZES DA LUZ QUE NOS ESPERA;
  4. 4. TU, SENHOR DOS SENHORES, PAI CRIADOR DAS BORBOLETAS CINTILANTES E DAS SERPENTES VENENOSAS, DOS VERMES OCULTOS NO SOLO E DOS PÁSSAROS QUE FESTEJAM O PRAZER DAS ALTURAS; PAI, PAI NOSSO, NO DIZER DE JESUS, TEU FILHO MAIOR, APRESENTAMOS FORÇADOS PELO TRIBUNAL DE NOSSA CONSCIÊNCIA, A NOSSA DOR, A NOSSA DECEPÇÃO, POIS, ENCONTRAMOS-NOS TAL QUAL A PLANTA QUE PERDE O POTENCIAL MAIOR DE SUAS RAÍZES.
  5. 5. PAI, DÊ-NOS A BONDADE, A TOLERÂNCIA, A HUMILDADE E O AMOR PARA QUE NÃO SENTIMOS TÃO DISTANTES QUANDO, NA VERDADE, ESTAMOS TÃO JUNTOS. ESTAMOS EMPOBRECIDOS DE AMOR E É ESTA MISESÉRIA DA ALMA QUE NOS AFASTA DO CONVÍVIO QUE SABEMOS NOS PERMITIRÁ, UM DIA, SABER RECEBER E DOAR.
  6. 6. NO ENTANTO, PRECISO É, DEUS PODEROSO, QUE DEIXEMOS ESTE CHÃO PARA DESPOJARMOS DE TODO ESTE ORGULHO QUE NOS AFASTA DO CONHECIMENTO DE QUE TU ÉS, PARA TODOS, O MESMO PAI, E QUE SOMOS, PELO TEU AMOR, IRMÃOS, ETERNAMENTE IRMÃOS.
  7. 7. CRÉDITOS. <ul><li>LIVRO. VALORES SEM PREÇO. </li></ul><ul><li>AUTOR. EURÍPIDES BARSANULFO. </li></ul><ul><li>CELSO DE ALMEIDA AFONSO. </li></ul><ul><li>EDITORA. ELCEAA. </li></ul><ul><li>MÚSICA. ARQUIVO. </li></ul><ul><li>IMAGENS. INTERNET. </li></ul><ul><li>FORMATAÇÃO. PMM. </li></ul>

×