A dor

542 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
542
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A dor

  1. 1. A DOR. TOMÉ ASCENDIA NOS CONHECIMENTOS A CADA DIA. PORÉM, A SUA FÉ NAS COISAS TRANSCENDENTAIS NÃO CONSEGUIA A FIRMESA NECESSÁRIA, SENDO-LHE INDISPENSÁVEL O RACIOCÍNIO.
  2. 2. ELE SE ESFORÇAVA PARA CRER SEM EXAMINAR, MAS ALGO INTERIOR O ADVERTIA DE QUE NASCEMOS COM OS OLHOS PARA VERIFICAR POR ONDE DEVEREMOS PASSAR, APOIANDO OS PÉS NO CHÃO SEM PERIGO. E RACIONAVA: DEUS VERDADEIRAMENTE NOS AJUDA, MAS NOS DÁ MEIOS PARA ANDARMOS POR NÓS MESMOS, PARA QUE NÃO FIQUEMOS INÚTEIS DENTRO DA CRIAÇÃO. A RAZÃO, DE CERTA MANEIRA, EXIGE PROVAS DA FÉ CEGA.
  3. 3. DÍDIMO ESCUTAVA DA BOCA DE MUITOS PROFETAS QUE CONHECIA, DE MUITOS SÁBIOS DA ANTIGUIDADE E INCLUSIVE DO MESTRE JESUS, QUE A DOR DESPERTA O HOMEM PARA A VERDADEIRA FELICIDADE E QUE, SEM ELA, A ALMA HUMANA NÃO IRIA PASSAR DE UM ANIMAL AMBULANTE NA INCONSCIÊNCIA DO TEMPO. TOMÉ DEDUZIA: A DOR É INCOMPATÍVEL COM A PAZ, NÃO PODE EXISTIR ONDE REINA A FELICIDADE, E NOS FAZ TRISTES QUANDO CHEGA. ELA É CERTAMENTE UM AGENTE DAS TREVAS, PORQUE NO LUGAR ONDE ESTA JESUS ELA DESAPARECE. É VERDADEIRAMENTE UMA SOMBRA QUE NÃO SUPORTA A LUZ.
  4. 4. A MENTE DE TOMÉ ERA UM LABORATÓRIO DE ANÁLISE DOS FENÔMENOS, PORÉM SÓ OS ACEITAVA DEPOIS DE PENSAR MUITO SOBRE O ASSUNTO, SUBMETENDO-OS AOS RIGORES DA RAZÃO. QUERIDO MESTRE! PEÇO-TE PERDÃO SE ÀS VEZES FICO INTOLERÁVEL, MAS PRECISO ME ESCLARECER HOJE, TIRANDO A DÚVIDA QUE TENHO SOBRE A DOR. O QUE A DOR REPRESENTA PARA O SENHOR NOS CAMINHOS HUMANOS ? TOMÉ ! CREIO QUE A DOR, MEU FILHO, É UM ANJO EM FAVOR DA HUMANIDADE, QUE AINDA DESCONHECE SEUS BENEFÍCIOS. A DOR NO ESTÁGIO EVOLUTIVO EM QUE SE ENCONTRAS, ABRE UMA VISÃO MAIOR A TODAS AS CRIATURAS, PARA UMA VISA MELHOR.
  5. 5. POIS BEM, A DOR É ESSE FOGO PARA OS ALIMENTOS DA ALMA, QUE VÊM PARA NÓS UM TANTO GROSSEIROS, REVESTIDOS DE MUITAS INDUMENTÁRIAS. E OS SOFRIMENTOS, OS PROBLEMAS E OS INFORTÚNIOS AGUÇARÃO A NOSSA SENSIBILIDADE DE MANEIRA A ENTENDERMOS COM MAIS EFICIÊNCIA O CHAMADO DA VIDA MAIOR. E É NESSE IMPACTO QUE SENTIMOS O SABOR E PASSAMOS A VALORIZAR A SAÚDE. O ESFORÇO PRÓPRIO PASSA A SER UM TRABALHO QUE NOS TRAZ ALEGRIA NA CONQUISTA DOS VALORES ETERNOS. OS QUE SE REVOLTAM COM A DOR DESCONHECEM SEUS VALORES.
  6. 6. JESUS FAZ UMA PEQUENA PAUSA, PARA ARREMATAR: A BOA NOVA NÃO PERCORRERÁ O MUNDO, A NÃO SER PELAS VIAS DOS SACRIFÍCIOS, MAS NA VERDADE VOS DIGO QUE, POR SUA NATUREZA DIVINA, ELA É UMA TERAPIA DE AMOR, QUE CURA TODOS OS MALES DO CORPO. ELA VOS MOSTRA OS CAMINHOS DA VERDADE, QUE VOS LIBERTARÁ. NÃO DEVEIS DUVIDAR DA AÇÃO BENFEITORA DA DOR, DESDE QUE NÃO A BUSQUEMOS POR FANATISMO. NO ENTANTO, QUANDO A DOR VEM PARA NOS DESPERTAR DO SONO DA IGNORÂNCIA, TENHAMOS PACIÊNCIA E FÉ, POIS ELA É TRANSITÓRIA E PRENUNCIA, EM TODAS AS CIRCUNSTÂNCIA, A VERDADEIRA SAÚDE E NOS MOSTRA, COM A SUA ENGENHOSA MAESTRIA, O AMOR DE DEUS.
  7. 7. CRÉDITO. <ul><li>LIVRO. AVE LUZ. </li></ul><ul><li>AUTOR. JOÃO NUNES MAIA. / SHAOLIN. </li></ul><ul><li>EDITORA. FONTE VIVA. </li></ul><ul><li>MÚSICA. ARQUIVO. </li></ul><ul><li>IMAGENS. INTERNET. </li></ul><ul><li>FORMATAÇÃO. PMM. </li></ul>

×