SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 11
Olfato
Olfato
• O olfato é um dos cinco sentidos. Por meio do olfato o homem,
assim como os demais animais, percebe diferentes odores. Em
comparação com o olfato de outros mamíferos, o olfato do ser
humano é pouco desenvolvido.
Sistema Olfativo
• O principal órgão do sistema olfativo é o nariz. As células olfatórias
localizadas no topo da cavidade nasal captam as moléculas
aromáticas dissolvidas no ar. A sensibilidade das células olfativas é
grande, de modo que poucas partículas são capazes de estimulá-
las e produzir a sensação de odor. Quanto maior o estimulo, maior
a intensidade da sensação de odor.
Cavidade Nasal
• Na parte inferior da cavidade nasal encontra-se a mucosa vermelha,
região que contém muitos vasos sanguíneos e onde está às
glândulas secretoras de muco, substância que mantém a umidade
da região. São essas glândulas que, quando estamos resfriados,
aumentam a secreção de muco, obstruindo o nariz.
Odor
• O sistema olfativo é capaz de detectar um odor de cada vez, sendo
que um odor pode ser a combinação de vários odores diferentes.
Em situações nas quais existem vários odores no ar, o odor mais
intenso será o dominante, ou no caso de odores da mesma
intensidade, a sensação oscilara entre os odores sentidos.
Capacidade Adaptativa
• Outra curiosidade sobre o olfato é sua capacidade adaptativa. Ao
sermos expostos a um forte odor, a sensação olfativa que a
princípio é intensa, após alguns minutos, torna-se imperceptível.
Emoções e Paladar
• Além disso, o olfato está relacionado às emoções e ao paladar.
Pessoas que perdem o olfato, sofrem uma diminuição na
intensidade das sensações antes agradáveis, como comer, ou fazer
sexo. Em algumas a diminuição de intensidade afeta todas as
experiências de cunho emocional.
Paladar e Olfato
• Em relação ao paladar, as moléculas aromáticas liberadas
pelos alimentos que ingerimos atingem as células olfatórias,
fazendo com que o gosto dos alimentos seja uma
combinação entre sabores e aromas.
Quimiossensores
• O olfato depende de receptores sensoriais que respondem à
presença de certas moléculas na atmosfera. Nos humanos, estes
quimiorreceptores estão localizado no epitélio oftactatório . Este
tecido é recoberto de cílios e uma camada de muco. As moléculas
gasosas são dissolvidas no muco e, então, interagem com os
receptores.
Quimioceptor
• Em fisiologia, chama-se quimioceptor a um receptor sensorial
sensível à presença ou concentração de determinadas substâncias
químicas, como os responsáveis pelo paladar e olfato. Seu papel é
o de receber o estímulo e transformá-lo em impulso nervoso. Ele é
estimulado quando moléculas de substâncias específicas se
encaixam em proteínas receptoras presentes na membrana da
célula, num processo chamado de chave-fechadura.
Curiosidades
• As células do paladar e do olfato são as únicas do sistema nervoso
que são substituídas quando velhas ou danificadas.
• Existem várias doenças associadas ao paladar e olfato, tal como a
anosmia, que caracteriza-se pela perda completa do olfato.
• Existem basicamente três sistemas de quimiossensores no nariz e
na boca. O primeiro, do olfato, confere a habilidade de identificar
odores. O segundo, do paladar, detecta o sabor, tal como doce,
amargo e azedo. E, finalmente, existe um tipo especial de células
quimiossenssoras, localizadas na superfície do olho, garanta, boca
e nariz, que detectam a presença de substâncias irritantes, tais
como amônia, mentol e pimenta.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula 08 sistema sensorial - anatomia e fisiologia
Aula 08   sistema sensorial - anatomia e fisiologiaAula 08   sistema sensorial - anatomia e fisiologia
Aula 08 sistema sensorial - anatomia e fisiologiaHamilton Nobrega
 
14 o sistema nervoso
14   o sistema nervoso14   o sistema nervoso
14 o sistema nervosoRebeca Vale
 
Sistema nervoso - anatomia humana
Sistema nervoso - anatomia humanaSistema nervoso - anatomia humana
Sistema nervoso - anatomia humanaMarília Gomes
 
Sistema nervoso
Sistema nervosoSistema nervoso
Sistema nervosoCatir
 
IV.1 Os alimentos
IV.1 Os alimentosIV.1 Os alimentos
IV.1 Os alimentosRebeca Vale
 
Organização celular - tipos de célula
Organização celular - tipos de célulaOrganização celular - tipos de célula
Organização celular - tipos de célulaRoberta Almeida
 
Bactérias e Vírus
Bactérias e VírusBactérias e Vírus
Bactérias e VírusIsabel Lopes
 
Sistema reprodutor (masculino e feminino)
Sistema reprodutor (masculino e feminino)Sistema reprodutor (masculino e feminino)
Sistema reprodutor (masculino e feminino)Lucas Fontes
 
Aula 1 O corpo humano
Aula 1 O corpo humanoAula 1 O corpo humano
Aula 1 O corpo humanoAna Filadelfi
 
Plano de Aula: Olfato e Paladar
Plano de Aula: Olfato e PaladarPlano de Aula: Olfato e Paladar
Plano de Aula: Olfato e PaladarNeia Andreotti
 

Mais procurados (20)

PALADAR - SENTIDOS
PALADAR - SENTIDOSPALADAR - SENTIDOS
PALADAR - SENTIDOS
 
Aula 08 sistema sensorial - anatomia e fisiologia
Aula 08   sistema sensorial - anatomia e fisiologiaAula 08   sistema sensorial - anatomia e fisiologia
Aula 08 sistema sensorial - anatomia e fisiologia
 
14 o sistema nervoso
14   o sistema nervoso14   o sistema nervoso
14 o sistema nervoso
 
Tato
TatoTato
Tato
 
Sistema Reprodutor Masculino e Feminino
Sistema Reprodutor Masculino e Feminino Sistema Reprodutor Masculino e Feminino
Sistema Reprodutor Masculino e Feminino
 
Sistema respiratório
Sistema respiratórioSistema respiratório
Sistema respiratório
 
Sistema nervoso - anatomia humana
Sistema nervoso - anatomia humanaSistema nervoso - anatomia humana
Sistema nervoso - anatomia humana
 
MUCOSA BUCAL
MUCOSA BUCALMUCOSA BUCAL
MUCOSA BUCAL
 
O paladar
O paladarO paladar
O paladar
 
Sistema nervoso
Sistema nervosoSistema nervoso
Sistema nervoso
 
IV.1 Os alimentos
IV.1 Os alimentosIV.1 Os alimentos
IV.1 Os alimentos
 
Organização celular - tipos de célula
Organização celular - tipos de célulaOrganização celular - tipos de célula
Organização celular - tipos de célula
 
Bactérias e Vírus
Bactérias e VírusBactérias e Vírus
Bactérias e Vírus
 
Sistema digestivo
Sistema digestivoSistema digestivo
Sistema digestivo
 
Sistema reprodutor (masculino e feminino)
Sistema reprodutor (masculino e feminino)Sistema reprodutor (masculino e feminino)
Sistema reprodutor (masculino e feminino)
 
Adaptação dos seres vivos
Adaptação dos seres vivosAdaptação dos seres vivos
Adaptação dos seres vivos
 
Aula 1 O corpo humano
Aula 1 O corpo humanoAula 1 O corpo humano
Aula 1 O corpo humano
 
Plano de Aula: Olfato e Paladar
Plano de Aula: Olfato e PaladarPlano de Aula: Olfato e Paladar
Plano de Aula: Olfato e Paladar
 
Audição
AudiçãoAudição
Audição
 
Sistema sensorial humano
Sistema sensorial humanoSistema sensorial humano
Sistema sensorial humano
 

Destaque

Olfato trabalho
Olfato trabalhoOlfato trabalho
Olfato trabalhojoyce9224
 
8 ano Tato, olfato e paladar
8 ano Tato, olfato e paladar8 ano Tato, olfato e paladar
8 ano Tato, olfato e paladarSarah Lemes
 
ÓRGÃOS DOS SENTIDOS HUMANOS - OLFATO E PALADAR
ÓRGÃOS DOS SENTIDOS HUMANOS - OLFATO E PALADAR ÓRGÃOS DOS SENTIDOS HUMANOS - OLFATO E PALADAR
ÓRGÃOS DOS SENTIDOS HUMANOS - OLFATO E PALADAR denizecardoso
 
Fisiologia da olfação
Fisiologia da olfaçãoFisiologia da olfação
Fisiologia da olfaçãoLeticia Passos
 
Semiologia nervos cranianos( Olfatório e óptico)
Semiologia nervos cranianos( Olfatório e óptico)Semiologia nervos cranianos( Olfatório e óptico)
Semiologia nervos cranianos( Olfatório e óptico)Rollan Hirano
 
Anatomia olfato
Anatomia olfatoAnatomia olfato
Anatomia olfato24279999
 

Destaque (9)

Olfato 2
Olfato 2Olfato 2
Olfato 2
 
Olfato trabalho
Olfato trabalhoOlfato trabalho
Olfato trabalho
 
8 ano Tato, olfato e paladar
8 ano Tato, olfato e paladar8 ano Tato, olfato e paladar
8 ano Tato, olfato e paladar
 
Olfato 2
Olfato 2Olfato 2
Olfato 2
 
ÓRGÃOS DOS SENTIDOS HUMANOS - OLFATO E PALADAR
ÓRGÃOS DOS SENTIDOS HUMANOS - OLFATO E PALADAR ÓRGÃOS DOS SENTIDOS HUMANOS - OLFATO E PALADAR
ÓRGÃOS DOS SENTIDOS HUMANOS - OLFATO E PALADAR
 
Fisiologia da olfação
Fisiologia da olfaçãoFisiologia da olfação
Fisiologia da olfação
 
Semiologia nervos cranianos( Olfatório e óptico)
Semiologia nervos cranianos( Olfatório e óptico)Semiologia nervos cranianos( Olfatório e óptico)
Semiologia nervos cranianos( Olfatório e óptico)
 
Nervos cranianos
Nervos cranianosNervos cranianos
Nervos cranianos
 
Anatomia olfato
Anatomia olfatoAnatomia olfato
Anatomia olfato
 

Semelhante a Olfato - Ciências - Sentido

Semelhante a Olfato - Ciências - Sentido (20)

Aulasenacbh
AulasenacbhAulasenacbh
Aulasenacbh
 
Apresentação de ciências
Apresentação de ciênciasApresentação de ciências
Apresentação de ciências
 
Sistemas gustatório e olfatório
Sistemas gustatório e olfatórioSistemas gustatório e olfatório
Sistemas gustatório e olfatório
 
Trabalho de fisiologia
Trabalho de  fisiologiaTrabalho de  fisiologia
Trabalho de fisiologia
 
Neurofisiologia - sentidos especiais - Olfato - aula 7 capítulo 5
Neurofisiologia - sentidos especiais - Olfato - aula 7 capítulo 5Neurofisiologia - sentidos especiais - Olfato - aula 7 capítulo 5
Neurofisiologia - sentidos especiais - Olfato - aula 7 capítulo 5
 
Trabalho de Anatomia - Sistema Sensora
Trabalho de Anatomia - Sistema SensoraTrabalho de Anatomia - Sistema Sensora
Trabalho de Anatomia - Sistema Sensora
 
Sentidos
SentidosSentidos
Sentidos
 
Olfato
OlfatoOlfato
Olfato
 
Paladar e Tato
Paladar e TatoPaladar e Tato
Paladar e Tato
 
Aroma gosto sabor
Aroma gosto saborAroma gosto sabor
Aroma gosto sabor
 
Slide Revisão e Sistema sensorial.pptx
Slide Revisão e Sistema sensorial.pptxSlide Revisão e Sistema sensorial.pptx
Slide Revisão e Sistema sensorial.pptx
 
Trabalho sistema sensorial
Trabalho sistema sensorialTrabalho sistema sensorial
Trabalho sistema sensorial
 
Sistema sensorial
Sistema sensorialSistema sensorial
Sistema sensorial
 
Sistemasensorial 130627135240-phpapp01
Sistemasensorial 130627135240-phpapp01Sistemasensorial 130627135240-phpapp01
Sistemasensorial 130627135240-phpapp01
 
sistema sensorial.pdf
sistema sensorial.pdfsistema sensorial.pdf
sistema sensorial.pdf
 
Os 5 sentidos do cão
Os 5 sentidos do cãoOs 5 sentidos do cão
Os 5 sentidos do cão
 
SLIDE OS SENTIDOS.pdf
SLIDE OS SENTIDOS.pdfSLIDE OS SENTIDOS.pdf
SLIDE OS SENTIDOS.pdf
 
Estímulos Nervosos
Estímulos NervososEstímulos Nervosos
Estímulos Nervosos
 
Cien barros 8.4
Cien barros 8.4Cien barros 8.4
Cien barros 8.4
 
Capítulo 9 – Sentidos.pptx
Capítulo 9 – Sentidos.pptxCapítulo 9 – Sentidos.pptx
Capítulo 9 – Sentidos.pptx
 

Mais de Rayra Santos

Tecido Conjuntivo - Ciências
Tecido Conjuntivo - CiênciasTecido Conjuntivo - Ciências
Tecido Conjuntivo - CiênciasRayra Santos
 
Substantivo - Português
Substantivo - PortuguêsSubstantivo - Português
Substantivo - PortuguêsRayra Santos
 
Sistemas (aberto e fechado) - Química
Sistemas (aberto e fechado) - QuímicaSistemas (aberto e fechado) - Química
Sistemas (aberto e fechado) - QuímicaRayra Santos
 
Preconceito - Geografia
Preconceito - GeografiaPreconceito - Geografia
Preconceito - GeografiaRayra Santos
 
Hepatite B e C - Ciências - Biologia
Hepatite B e C - Ciências - Biologia Hepatite B e C - Ciências - Biologia
Hepatite B e C - Ciências - Biologia Rayra Santos
 
Irmãos Lumiére - Artes
Irmãos Lumiére - ArtesIrmãos Lumiére - Artes
Irmãos Lumiére - ArtesRayra Santos
 
Índios Alagoanos - Arte
Índios Alagoanos - Arte Índios Alagoanos - Arte
Índios Alagoanos - Arte Rayra Santos
 
Independência Dos Estados Unidos - História
Independência Dos Estados Unidos - HistóriaIndependência Dos Estados Unidos - História
Independência Dos Estados Unidos - HistóriaRayra Santos
 
Fotorrelatório - Guns n' Roses
Fotorrelatório - Guns n' RosesFotorrelatório - Guns n' Roses
Fotorrelatório - Guns n' RosesRayra Santos
 
Criança - Ciências
Criança - CiênciasCriança - Ciências
Criança - CiênciasRayra Santos
 
Coca Cola - Geografia
Coca Cola - GeografiaCoca Cola - Geografia
Coca Cola - GeografiaRayra Santos
 
Bruno Giorgi - Artes
Bruno Giorgi - Artes Bruno Giorgi - Artes
Bruno Giorgi - Artes Rayra Santos
 

Mais de Rayra Santos (13)

Tecido Conjuntivo - Ciências
Tecido Conjuntivo - CiênciasTecido Conjuntivo - Ciências
Tecido Conjuntivo - Ciências
 
Substantivo - Português
Substantivo - PortuguêsSubstantivo - Português
Substantivo - Português
 
Sistemas (aberto e fechado) - Química
Sistemas (aberto e fechado) - QuímicaSistemas (aberto e fechado) - Química
Sistemas (aberto e fechado) - Química
 
Preconceito - Geografia
Preconceito - GeografiaPreconceito - Geografia
Preconceito - Geografia
 
Hepatite B e C - Ciências - Biologia
Hepatite B e C - Ciências - Biologia Hepatite B e C - Ciências - Biologia
Hepatite B e C - Ciências - Biologia
 
Irmãos Lumiére - Artes
Irmãos Lumiére - ArtesIrmãos Lumiére - Artes
Irmãos Lumiére - Artes
 
Índios Alagoanos - Arte
Índios Alagoanos - Arte Índios Alagoanos - Arte
Índios Alagoanos - Arte
 
Independência Dos Estados Unidos - História
Independência Dos Estados Unidos - HistóriaIndependência Dos Estados Unidos - História
Independência Dos Estados Unidos - História
 
Fotorrelatório - Guns n' Roses
Fotorrelatório - Guns n' RosesFotorrelatório - Guns n' Roses
Fotorrelatório - Guns n' Roses
 
Criança - Ciências
Criança - CiênciasCriança - Ciências
Criança - Ciências
 
Escultura e Arte!
Escultura e Arte!Escultura e Arte!
Escultura e Arte!
 
Coca Cola - Geografia
Coca Cola - GeografiaCoca Cola - Geografia
Coca Cola - Geografia
 
Bruno Giorgi - Artes
Bruno Giorgi - Artes Bruno Giorgi - Artes
Bruno Giorgi - Artes
 

Último

O que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaO que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaHenrique Santos
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdfaulasgege
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfAndersonW5
 
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialFUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialDouglasVasconcelosMa
 
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf HitlerAlemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitlerhabiwo1978
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...azulassessoria9
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfKelly Mendes
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptxnelsontobontrujillo
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
livro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensoriallivro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensorialNeuroppIsnayaLciaMar
 
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdfROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdfMarcianaClaudioClaud
 
Insegurança nunca mais tem afeta pessoas
Insegurança nunca mais tem afeta pessoasInsegurança nunca mais tem afeta pessoas
Insegurança nunca mais tem afeta pessoasdiegosouzalira10
 
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigasPeça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigasBibliotecaViatodos
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxIlda Bicacro
 
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptxEBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptxIlda Bicacro
 
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdfAparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdfAbdLuxemBourg
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEblogdoelvis
 
Santa Gemma Galgani, Flor de Lucca, mística italiana 1887-1903 (Portugués).pptx
Santa Gemma Galgani, Flor de Lucca, mística italiana 1887-1903 (Portugués).pptxSanta Gemma Galgani, Flor de Lucca, mística italiana 1887-1903 (Portugués).pptx
Santa Gemma Galgani, Flor de Lucca, mística italiana 1887-1903 (Portugués).pptxMartin M Flynn
 
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteDescrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteLeonel Morgado
 

Último (20)

O que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaO que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de Infância
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
 
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialFUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
 
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf HitlerAlemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
 
livro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensoriallivro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensorial
 
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdfROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
 
Insegurança nunca mais tem afeta pessoas
Insegurança nunca mais tem afeta pessoasInsegurança nunca mais tem afeta pessoas
Insegurança nunca mais tem afeta pessoas
 
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigasPeça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
 
Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
 
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptxEBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
 
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdfAparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
 
Santa Gemma Galgani, Flor de Lucca, mística italiana 1887-1903 (Portugués).pptx
Santa Gemma Galgani, Flor de Lucca, mística italiana 1887-1903 (Portugués).pptxSanta Gemma Galgani, Flor de Lucca, mística italiana 1887-1903 (Portugués).pptx
Santa Gemma Galgani, Flor de Lucca, mística italiana 1887-1903 (Portugués).pptx
 
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteDescrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
 

Olfato - Ciências - Sentido

  • 2. Olfato • O olfato é um dos cinco sentidos. Por meio do olfato o homem, assim como os demais animais, percebe diferentes odores. Em comparação com o olfato de outros mamíferos, o olfato do ser humano é pouco desenvolvido.
  • 3. Sistema Olfativo • O principal órgão do sistema olfativo é o nariz. As células olfatórias localizadas no topo da cavidade nasal captam as moléculas aromáticas dissolvidas no ar. A sensibilidade das células olfativas é grande, de modo que poucas partículas são capazes de estimulá- las e produzir a sensação de odor. Quanto maior o estimulo, maior a intensidade da sensação de odor.
  • 4. Cavidade Nasal • Na parte inferior da cavidade nasal encontra-se a mucosa vermelha, região que contém muitos vasos sanguíneos e onde está às glândulas secretoras de muco, substância que mantém a umidade da região. São essas glândulas que, quando estamos resfriados, aumentam a secreção de muco, obstruindo o nariz.
  • 5. Odor • O sistema olfativo é capaz de detectar um odor de cada vez, sendo que um odor pode ser a combinação de vários odores diferentes. Em situações nas quais existem vários odores no ar, o odor mais intenso será o dominante, ou no caso de odores da mesma intensidade, a sensação oscilara entre os odores sentidos.
  • 6. Capacidade Adaptativa • Outra curiosidade sobre o olfato é sua capacidade adaptativa. Ao sermos expostos a um forte odor, a sensação olfativa que a princípio é intensa, após alguns minutos, torna-se imperceptível.
  • 7. Emoções e Paladar • Além disso, o olfato está relacionado às emoções e ao paladar. Pessoas que perdem o olfato, sofrem uma diminuição na intensidade das sensações antes agradáveis, como comer, ou fazer sexo. Em algumas a diminuição de intensidade afeta todas as experiências de cunho emocional.
  • 8. Paladar e Olfato • Em relação ao paladar, as moléculas aromáticas liberadas pelos alimentos que ingerimos atingem as células olfatórias, fazendo com que o gosto dos alimentos seja uma combinação entre sabores e aromas.
  • 9. Quimiossensores • O olfato depende de receptores sensoriais que respondem à presença de certas moléculas na atmosfera. Nos humanos, estes quimiorreceptores estão localizado no epitélio oftactatório . Este tecido é recoberto de cílios e uma camada de muco. As moléculas gasosas são dissolvidas no muco e, então, interagem com os receptores.
  • 10. Quimioceptor • Em fisiologia, chama-se quimioceptor a um receptor sensorial sensível à presença ou concentração de determinadas substâncias químicas, como os responsáveis pelo paladar e olfato. Seu papel é o de receber o estímulo e transformá-lo em impulso nervoso. Ele é estimulado quando moléculas de substâncias específicas se encaixam em proteínas receptoras presentes na membrana da célula, num processo chamado de chave-fechadura.
  • 11. Curiosidades • As células do paladar e do olfato são as únicas do sistema nervoso que são substituídas quando velhas ou danificadas. • Existem várias doenças associadas ao paladar e olfato, tal como a anosmia, que caracteriza-se pela perda completa do olfato. • Existem basicamente três sistemas de quimiossensores no nariz e na boca. O primeiro, do olfato, confere a habilidade de identificar odores. O segundo, do paladar, detecta o sabor, tal como doce, amargo e azedo. E, finalmente, existe um tipo especial de células quimiossenssoras, localizadas na superfície do olho, garanta, boca e nariz, que detectam a presença de substâncias irritantes, tais como amônia, mentol e pimenta.