02 populacao e_amostra

2.466 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.466
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
97
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

02 populacao e_amostra

  1. 1. POPULAÇÃO EAMOSTRASProf.: Jhonathan Gomesjhonathan.gomes@gmail.com
  2. 2. CONCEITOSPopulaçãoAmostra
  3. 3. CONCEITOSPopulação ou Universo: É o conjunto de unidades sobre o qual desejamos obterinformação.Amostra: É todo subconjunto de unidades retiradas de uma populaçãopara obter a informação desejada sobre o qual desejamosobter informação.
  4. 4. CONCEITOS População ou Universo: Na área da saúde a população pode ser entendidacomo:- Pacientes;- Animais;- Radiografias;- Prontuários, etc.
  5. 5. CONCEITOS População ou Universo: Na área da saúde a população pode ser entendidacomo:- Pacientes;- Animais;- Radiografias;- Prontuários, etc.
  6. 6. CONCEITOSCenso?
  7. 7. CONCEITOS Censo: É o levantamento dos dados de TODA a população.
  8. 8. AMOSTRASPor que se usamamostras??
  9. 9. AMOSTRAS Por que se usam amostras?? Tamanho das populações; Custo e demora dos dados; Impossibilidade de se examinar toda a população; Comprovado valor científico das informações por meiodas amostras.
  10. 10. CENSO OU AMOSTRA Como se obtém uma amostra?? Amostra aleatória, casual, ou probabilística; Amostra semi-probabilística: Amostra não probalilística ou de conveniência.
  11. 11. AMOSTRA Como se obtém uma amostra?? Amostra aleatória, casual, ou probabilística; Constituída por n unidades retiradas ao acaso dapopulação. Pode ser: Simples ou Estratificada. Simples: é obtida por sorteio de uma população constituídapor unidades homogêneas para a variável que se querestudar. Estratificada: é usada quando a população é constituída porunidades heterogêneas para a variável que você querestudar.
  12. 12. AMOSTRA Amostra aleatória Amostra Simples Exemplo: Imagine que você precisa obter uma amostra de 2%dos 500 pacientes de uma clínica de fisioterapia paraquestioná-los sobre a qualidade do atendimento. Solução: SORTEIO. Amostra Estratificada Exemplo: Imagine que você precisa obter uma amostra de 2%dos 500 pacientes de uma clínica de fisioterapia paraquestioná-los sobre a qualidade do atendimento. Vocêsuspeita de que os homens sejam mais bem tratados do quemulheres. Solução: SEPARAÇÃO ou ESTRATIFICAÇÃO seguido deuma amostragem aleatória simples(SORTEIO).
  13. 13. AMOSTRA Amostra Semiprobabilística: Sistemática; Por conglomerados; Por quotas.
  14. 14. AMOSTRA SEMIPROBABILISTICA Sistemática: Considere o exemplo usado anteriormente. É constituída por n unidades retiradas da população porprocedimento parcialmente aleatório. 2% de 500 = 10 amostras Divide-se a amostra inicial por 10 o que resulta em grupos de50; Sorteia-se uma amostra do primeiro grupo, por exemplo opaciente número 23; A partir disso soma-se o número 23 ao número de pacientespor amostras por 9 vezes, por exemplo: 23 + 50 = 73 ; 73 + 50 = 123; ... 423+50 = 473.
  15. 15. CENSO OU AMOSTRA SEMIPROBABILÍSTICA Por conglomerados: É constituída por n unidades retiradas de algunsconglomerados. Exemplo: Um professor de educação física querestudar o efeito da terapia de reposição hormonal emmulheres na menopausa sobre desempenho nosexercícios. Solução: o professor pode sortear duas academias deginástica da cidade e avaliar o desempenho dasmulheres que frequentam a academia e já tiveram amenopausa, tanto as que fazem quanto as que nãofazem o tratamento, para comparação.
  16. 16. AMOSTRA SEMIPROBABILÍSTICA Por quotas: É constituída por n unidades retiradas da populaçãosegundo quotas estabelecidas de acordo com adistribuição desses elementos na população. Considere uma pesquisa sobre a preferência demodelo de carros. Imagine-se que você desejaentrevistas 20 homens com mais de 50 anos com rendaentre seis e dez salários mínimos. Solução: Você deverá julgar, pela aparência da pessoa,se ela se enquadra nos requisitos. Se achar que viu apessoa certa, deve fazer a abordagem e depoisconfirmar as características com perguntas.
  17. 17. AMOSTRA NÃO-PROBABILÍSTICAS Amostra não-probabilística ou de conveniência é constituída por n unidades reunidas em uma amostrasimplesmente porque o pesquisador tem fácil acesso aessas unidades. Se um professor quer entrevistar 50 alunos para saberqual é a matéria de maior dificuldade, procuraráentrevistar os seus próprios alunos.
  18. 18. ESTATÍSTICAS E PARÂMETROS Estatística resume uma característica da amostra; Parâmetro resume uma característica dapopulação.
  19. 19. FONTES BIBLIOGRÁFICAS VIEIRA, Sonia. Introdução à bioestatística. 4. ed.Rio de Janeiro: Elsevier, 2008.
  20. 20. Por hoje é só, pessoal!Muito Obrigado!

×