ESCOLA SECUNDÁRIA DE SAMPAIO                                  CURSOS EFA – ANO LECTIVO 2009/2010                          ...
Questão 3: Em que circunstâncias é lícita a utilização de meios de vigilância a distância nolocal de trabalho, mediante o ...
Questão 9: Qual a duração obrigatória da licença, por parte da mãe, a seguir ao parto?Resposta: De acordo com o nº2 do art...
Questão 15: De que depende a manutenção do estatuto de trabalhador-estudante?Resposta: Conforme o nº2 do artigo 89º, a man...
Questão 22: Para efeitos de celebração de um contrato de trabalho a termo resolutivo,indique duas circunstâncias considera...
Questão 27: Qual o número máximo de membros de uma comissão de trabalhadores, numaempresa que contenha de 201 a 500 trabal...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Jogo doc.final

483 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia, Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
483
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Jogo doc.final

  1. 1. ESCOLA SECUNDÁRIA DE SAMPAIO CURSOS EFA – ANO LECTIVO 2009/2010 JOGO – MÓDULO 3 Nome____________________________________ Data:____/____/___ Curso___________________________ Ano__________Nº___________ O conjunto de respostas apresentadas foram elaboradas pelos alunos da turma e decorrem da sua prestação no jogo sobre legislação laboral, tendo por base a Lei 7/2009 que aprova o actual Código do trabalho. Foram constituídos três grupos, a saber: Grupo A – Ana Ganga, nº2, Conceição Guilherme, nº6 e Ana Rosa, nº10; Grupo B – Carina Filipe, nº3, Carlos Mata, nº4 e Rui Pedro, nº9; Grupo C – Raquel Silva, nº3, Margarida Brás, nº7 e Mário Duarte. No decorrer do jogo, cada grupo, alternadamente, respondia à questão do professor, localizando na lei, o artigo que servia de solução à questão apresentada. Terminado o tempo atribuído ao grupo, sem este responder, ou em caso de resposta incorrecta, a questão passava para o grupo seguinte, até dar a ronda por todos os grupos. O grupo que respondeu acertadamente, ficou incumbido de elaborar por escrito, posteriormente, a resposta final e completa. Assim se obteve o presente documento. No fim de cada resposta assinala-se o grupo responsável pela sua elaboração. PARABÉNS AOS TRÊS GRUPOS. Professor: Nuno SalgadoQuestão 1-Quantos dias pode uma mãe gozar de licença parental inicial antes do parto?Resposta: Conforme o nº1 do artigo 41º, a mãe pode gozar até 30 dias da licença parental inicialantes do parto. (grupo B)Questão 2 – Qual o objectivo da formação profissional, no caso de trabalhadorpertencente a um grupo com particulares dificuldades de inserção?Resposta: Conforme a alínea e) do artigo 130º, o objectivo da formação profissional, no caso deum trabalhador pertencente a grupo com particulares dificuldades de inserção é a promoção dasua integração socioprofissional. (grupo B)
  2. 2. Questão 3: Em que circunstâncias é lícita a utilização de meios de vigilância a distância nolocal de trabalho, mediante o emprego de equipamento tecnológico, por parte doempregador? Resposta: Segundo o nº2 do art.º 20º, a utilização de meios de vigilância a distância no local detrabalho, mediante o emprego de equipamento tecnológico é lícita, sempre que tenha porfinalidade a protecção e segurança de pessoas e bens ou quando particulares exigênciasinerentes à natureza da actividade o justifiquem. (grupo C)Questão 4: Por quantos anos devem ser mantidos pelas entidades os registos dos processosde recrutamento efectuados?Resposta: Os registos dos processos de recrutamento efectuados pelas entidades, devem sermantidos durante cinco anos, conforme nos indica o nº1 do artigo 32º. (grupo A)Questão 5: Segundo o Código, o que constitui assédio sexual?Resposta: Segundo o nº2 do art.º 29º, constitui assédio sexual o comportamento indesejado decarácter sexual, sob forma verbal, não verbal ou física, com o objectivo ou o efeito de perturbarou constranger a pessoa, afectar a sua dignidade, ou de lhe criar um ambiente intimidativo,hostil, degradante, humilhante ou desestabilizador. (grupo C)Questão 6: Para efeitos de aplicação do actual Código do Trabalho, o que se consideradiscriminação?Resposta: Segundo o nº2 do art.º 23º, constitui discriminação a mera ordem ou instrução quetenha por finalidade prejudicar alguém em razão de um factor de discriminação. (grupo C)Questão 7: Indique três direitos atribuídos que concretizam a protecção da parentalidade.Resposta: De acordo com as alíneas a), b) e c) do nº1 do art.º 35º, a protecção na parentalidadeconcretiza-se, respectivamente, através da atribuição dos seguintes direitos: licença emsituação de risco clínico durante a gravidez; licença por interrupção de gravidez; licençaparental, em qualquer das modalidades; entre outros direitos. (grupo C)Questão 8: Quais os aspectos que abrangem o respeito pelos direitos de personalidade,designadamente o de guardar reserva quanto à intimidade da vida privada quer doempregador quer do trabalhador?Resposta: Conforme refere o nº2 do artigo 16º do Código do Trabalho, os aspectos queabrangem o respeito de personalidade, quer em guardar reserva quanto à intimidade da vidaprivada, quer por parte do empregador, como do trabalhador, são os aspectos relacionados coma vida familiar, afectiva e sexual, o estado de saúde e com as preferências políticas e religiosas.(grupo A)
  3. 3. Questão 9: Qual a duração obrigatória da licença, por parte da mãe, a seguir ao parto?Resposta: De acordo com o nº2 do art.º 41º, é obrigatório por parte da mãe o gozo de 6 semanasde licença a seguir ao parto. (grupo C)Questão 10: Indique duas das características que se devem verificar para que se presumaa existência de contrato de trabalho, na relação entre a pessoa que presta uma actividadee outra ou outras que dela beneficiem.Resposta: Segundo as alíneas a) e b) do nº1 do art.º 12º, presume-se a existência de contrato detrabalho quando, na relação entre a pessoa que presta uma actividade e outra ou outras que delabeneficiam, se verifiquem algumas das seguintes características: a actividade seja realizada emlocal pertencente ao seu beneficiário ou por ele determinado; os equipamentos e instrumentosde trabalho utilizados pertençam ao beneficiário da actividade; entre outras. (grupo C)Questão 11: Qual o tempo e número de vezes que a trabalhadora grávida tem direito adispensa do trabalho para consultas pré-natais?Resposta: De acordo com o nº1 do artigo 46º, a trabalhadora grávida tem direito a dispensa dotrabalho para consultas pré -natais, pelo tempo e número de vezes necessários. (grupo A)Questão 12: Qual a idade mínima de admissão de um menor para prestar trabalho, regrageral?Resposta: Conforme refere o nº2 do artigo 68º do Código do Trabalho, a idade mínima parapoder prestar trabalho é de 16 anos. (grupo A)Questão 13: Em que circunstâncias pode um menor, com idade inferior à prevista na lei,prestar trabalho?Conforme o nº 3 do artigo 68º, o menor com idade inferior a 16 anos que tenha concluído aescolaridade obrigatória pode prestar trabalhos leves que consistam em tarefas simples edefinidas que, pela sua natureza, pelos esforços físicos ou mentais exigidos ou pelas condiçõesespecíficas em que são realizadas, não sejam susceptíveis de o prejudicar no que respeita àintegridade física, segurança e saúde, assiduidade escolar, participação em programas deorientação ou de formação, capacidade para beneficiar da instrução ministrada, ou ainda ao seudesenvolvimento físico, psíquico, moral, intelectual e cultural. (grupo B)Questão 14: De acordo com o Código, que forma se regula a participação de um menor emanúncio publicitário?Resposta: De acordo com o artigo 81º, a participação de menor em espectáculo ou outraactividade de natureza cultural, artística ou publicitária é regulada em legislação específica.(grupo 14)
  4. 4. Questão 15: De que depende a manutenção do estatuto de trabalhador-estudante?Resposta: Conforme o nº2 do artigo 89º, a manutenção do estatuto de trabalhador-estudantedepende de aproveitamento escolar no ano lectivo anterior. (grupo B)Questão 16: Quantas vezes pode o trabalhador-estudante exercer de novo os seusdireitos, no ano lectivo subsequente àquele em que os mesmos cessaram?Resposta: Conforme o nº4 do artigo 95º, o trabalhador-estudante pode exercer de novo os seusdireitos no ano lectivo subsequente àquele em que os mesmos cessaram, não podendo estasituação ocorrer mais de duas vezes. (grupo B)Questão 17: Para efeitos de classificação do tipo de empresa, como se calcula o númerode trabalhadores existentes na empresa?Resposta: De acordo com o nº2 do artigo 100º, para efeitos de classificação de empresasconstante no nº1 do mesmo artigo, o número de trabalhadores corresponde à média do ano civilantecedente. (grupo A)Questão 18: Distinga microempresa de pequena empresa.Resposta: Conforme alíneas a) e b) do nº1 do artigo 100º, considera-se microempresa a queemprega menos de 10 trabalhadores e pequena empresa a que emprega de 10 a menos de 50trabalhadores, respectivamente. (grupo B)Questão 19: Qual a forma a que obedece, regra geral, um contrato de trabalho?Resposta: De acordo com o artigo 110º o contrato de trabalho não depende da observância deforma especial, salvo quando a lei determina o contrário. (grupo A)Questão 20: Qual a duração do período experimental num contrato de trabalho por tempoindeterminado, para trabalhador que exerça cargo de direcção ou quadro superior?Resposta: Conforme a alínea c) do nº1do artigo 112.º, para um cargo de direcção ou quadrosuperior, a duração do período experimental num contrato de traba lho por tempo indeterminadoé de 240 dias. (grupo A)Questão 21: Indique três deveres do empregador, segundo o Código de Trabalho.Respostas: De acordo com as alíneas a), b) e c) do nº1 do art.º 127, o empregador deve, entreoutros deveres, nomeadamente: respeitar e tratar o trabalhador com urbanidade e probidade;pagar pontualmente a retribuição, que deve ser justa e adequada ao trabalho; proporcionar boascondições de trabalho, do ponto de vista físico e moral. (grupo C)
  5. 5. Questão 22: Para efeitos de celebração de um contrato de trabalho a termo resolutivo,indique duas circunstâncias consideradas “necessidade temporária da empresa”.Resposta: Conforme as alíneas a) e b) do nº 2 do Artigo 140º, é válido a celebração de umcontrato de trabalho a termo resolutivo, entre outros, o preenchimento de uma necessidadetemporária da empresa, quando houver a necessidade de substituir um trabalhador ausente, porqualquer motivo e esteja temporariamente impedido de trabalhar (como por exemplo, em licençade parto, ou doente) e/ou em substituição directa ou indirecta de um trabalhador em relação aoqual esteja pendente em juízo acção de ilicitude de despedimento. (grupo A)Questão 23: Quais os limites de duração de licença para a trabalhadora, no caso deinterrupção da gravidez?Resposta: De acordo com o artigo 38º, em caso de interrupção da gravidez, a trabalhadora temdireito a licença com duração entre 14 e 30 dias. (grupo A)Questão 24: Quais as consequências para o empregador que não comunique, com aantecedência prevista na lei, a data de cessação do contrato de trabalho a termo incertoao trabalhador, para efeitos de caducidade do mesmo?Resposta: De acordo com o nº1 do art.º 345º, o contrato de trabalho a termo incerto caducaquando, prevendo-se a ocorrência do termo, o empregador comunique a cessação do mesmo aotrabalhador, com a antecedência mínima de sete, 30 ou 60 dias conforme o contrato tenhadurado até seis meses, de seis meses a dois anos ou por período superior. Na falta destacomunicação e segundo o nº3 do mesmo artigo, o empregador deve pagar ao empregador o valorda retribuição correspondente ao período de aviso prévio em falta. (grupo C)Questão 25: Como classifica, segundo o Código, a infracção de um trabalhador que faltainjustificadamente a um ou meio período normal de trabalho diário, imediatamente anteriorou posterior a dia ou meio-dia de descanso ou a feriado?Resposta: Conforme o nº2 do artigo 256º, a falta injustificada a um ou meio período normal detrabalho diário, imediatamente anterior ou posterior a dia ou meio-dia de descanso ou a feriado,constitui infracção grave. (grupo B)Questão 26: Qual a percentagem mínima do volume anual de negócios de uma empresa detrabalho temporário que deve ser afectada à formação profissional dos seus trabalhadorestemporários?Resposta: Conforme o nº3 do artigo 187.º, uma empresa de trabalho temporário deve afectar àformação dos seus trabalhadores temporários, no mínimo em 1% do seu volume de negócios.(grupo A)
  6. 6. Questão 27: Qual o número máximo de membros de uma comissão de trabalhadores, numaempresa que contenha de 201 a 500 trabalhadores?Resposta: De acordo com a alínea c) do nº1 do art.º 417º, o número de membros de comissão detrabalhadores não pode exceder nas empresas com 201 a 500 trabalhadores, três a cinco.(grupo C)Questão 28: Com quantos dias de antecedência deve a entidade que decida o recurso àgreve, dirigir o aviso prévio de greve ao empregador, ou à associação de empregadores, eao ministério responsável pela área laboral?Resposta: De acordo com o nº1 do art.º 534º, a entidade que decida o recurso à greve devedirigir ao empregador ou à associação de empregadores e ao ministério responsável pela árealaboral, um aviso com a antecedência mínima de cinco dias úteis ou, em situação referida no n.º 1do artigo 537.º, 10 dias úteis. (grupo C)Questão 29: Indique os três motivos que podem determinar o despedimento colectivo porparte do empregador.Resposta: De acordo com as alíneas a, b e c do nº2 do artigo 359º, consideram-se motivos quepodem determinar o despedimento colectivo por parte do empregador: motivos de mercado —redução da actividade da empresa provocada pela diminuição previsível da procura de bens ouserviços ou impossibilidade superveniente, prática ou legal, de colocar esses bens ou serviços nomercado; motivos estruturais — desequilíbrio económico-financeiro, mudança de actividade,reestruturação da organização produtiva ou substituição de produtos dominantes; motivostecnológicos -alterações nas técnicas ou processos de fabrico, automatização de instrumentosde produção, de controlo ou de movimentação de cargas, bem como informatização de serviçosou automatização de meios de comunicação. (grupo A)Questão 30: Regra geral, quais os limites de duração da interrupção do período detrabalho diário para um intervalo de descanso?Resposta: Conforme o nº 1 do artigo 213º, o período de trabalho diário deve ser interrompidopor um intervalo de descanso, de duração não inferior a uma hora nem superior a duas, de modoque o trabalhador não preste mais de cinco horas de trabalho consecutivo. (grupo B) FIM

×