- Portfólio – Raquel Camargo (contato@raquelcamargo.com)

No Cifra Club, foram mais de 3 mil produções feitas para o site ...
está sua relação com seu time já que ele     Paulo: Satisfeito, não. Derrota
                                             ...
que podem conseguir algo de graça, invés
Entrevista: Tarja Turunen                     de pagar, elas, na maioria, preferi...
claro. Eu amo a maneira como eles         Brasil, ou da Colômbia, ou da Argentina,
colocam todos esses batuques, ritmos e ...
Pesquisadores encontram
flautas pré-históricas
            históricas                     Segundo a Reuters, foram
feitas ...
Guitarristas Jack White e                   Os músicos tocaram na polêmica
                                            dur...
sucesso nacional de forma rápida, e que
"Uma banda, um hit... E                          deixaram os mesmos no esqueciment...
Cobertura de show: Joe Satriani




Sexta-feira, primeiro dia do mês de agosto. A casa de shows Chevrolet Hall estava
    ...
Além do profissionalismo e concentração no palco, toda banda apresentou também
                    lismo
simpatia e entros...
Como analista e gerente de social media, o mais completo trabalho já
feito até o momento foi para o cantor Eduardo Costa. ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Portfolio Raquel

219 visualizações

Publicada em

Portfólio da jornalista Raquel Camargo

Publicada em: Esportes, Diversão e humor
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
219
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Portfolio Raquel

  1. 1. - Portfólio – Raquel Camargo (contato@raquelcamargo.com) No Cifra Club, foram mais de 3 mil produções feitas para o site durante o período trabalhado, dentre elas entrevistas, notícias diárias, cobertura fotográfica e crítica de shows. Abaixo, exemplos de conteúdos publicados. mesmo tempo já vamos começar a Em entrevista, Sepultura escrever o projeto novo. Pretendemos fala sobre próximo CD, começar aqui em Belo Horizonte, onde o Jean e futebol Jean está morando e ele tem um estúdio aqui, então vamos começar as primeiras 25/09/2007 - 10:29Da redação por: Raquel idéias em BH. Espero que fique tudo Camargo pronto para lançar em maio, junho, do ano que vem. Cifra Club: E vocês já fazem idéia de qual será a temática das próximas letras? Kisser: Não, ainda não, está muito cedo pro processo. O Dante ainda está muito forte, e a gente está começando a formular as idéias e começando a conversar sobre isso. Cifra Club: Com a entrada do Jean houve uma mudança na sonoridade da banda. Durante a passagem do Sepultura por Belo Quais são as expectativas com relação a Horizonte o Cifra Club esteve com a banda essas mudanças? e bateu um papo com Paulo Júnior, Kisser: Uma expectativa boa, o Jean é um Andreas Kisser e Derrik Green. músico espetacular. Ele sabe tocar guitarra, sabe tocar baixo. Ele tem uma noção de Disco novo, entrada de Jean na formação harmonia, de música, que geralmente os do grupo e até futebol foram comentados bateristas não têm e ele tem uma pegada durante a conversa. Acompanhe: muito forte e está também respeitando o que o Igor gravou nos discos, mas aos Cifra Club: Vocês já têm planos para o poucos está colocando a linguagem dele, novo disco? mas está funcionando muito bem. Ele está Kisser: Planos nós vamos começar a fazer sendo muito bem recebido por todos os fãs agora. A gente está na final da turnê do de qualquer parte do mundo. Dante XXI, que saiu em março do ano passado, a gente fez uma turnê mundial, Cifra Club: Ao Paulo que está ali trajando a ainda vamos fazer alguns shows na Índia, camisa do Clube Atlético Mineiro, como aqui pelo Brasil e América do Sul, mas ao
  2. 2. está sua relação com seu time já que ele Paulo: Satisfeito, não. Derrota rrota sofreu uma derrota do Cruzeiro “enganation”, né? Aquele pênalti não recentemente, de 4 a 3? (risos) existiu, mas quando não joga bola não tem desculpa. Tem que levar ferro mesmo. para qual time torce? Kisser: Nunca vi galo chorar tanto (risos) Derrik: Palmeiras. Verde! Verdão, sempre Paulo: São-paulino chato [se referindo ao paulino Kisser: Derrik Verde (risos) Kisser] Veja fotos exclusivas da passagem de som Cifra Club: E você, Derrik, caladinho a aí, e do show do Sepultura em Be Horizonte. Belo
  3. 3. que podem conseguir algo de graça, invés Entrevista: Tarja Turunen de pagar, elas, na maioria, preferirão o gratuito. E é isso que tem feio nós, artistas, fala sobre pirataria, Brasil sofrermos muito, assim como o mercado e seu novo CD em geral. E como vocês devem ter notado, nós temos um grande trabalho artístico, 08/09/2008 - 10:10Da redação por: Raquel que é pra ter algo mais a oferecer para os Camargo e Diego Marques fãs e que os motivem a comprar o álbum físico. Eu, pessoalmente, amo comprar álbuns. Eu sou uma fã de música e de muitos artistas, compositores, e músicos brilhantes. Então eu fico ansiosa para ir a uma loja e comprar o CD, ou encomendar na internet e esperar pela entrega em casa. Sempre, porque eu amo ver o encarte, sentir que é de verdade, porque aquilo deu muito trabalho. Mas isso está mudando, os negócios da nova geração estão mudando, não é como na minha geração. Cifra Club: Aliás, seu álbum tem um Passando pelo Brasil para lançar seu trabalho fotográfico muito bonito. A primeiro disco solo, My Winter Storm, a "fênix" ficou realmente muito bonita. cantora Tarja Turunen conversou um pouco com o Cifra Club. Tarja: É verdade. Eles me penduraram à altura do telhado para fazer essas fotos, Cifra Club: O que você acha da distribuição com um vestido enorme. de música pela internet, sendo ela feita legalmente ou não? Você considera os Cifra Club: Em cada um dos personagens benefícios indiretos conseguidos através que temos em seu CD, nós temos um tipo da pirataria (como divulgação do de apresentação, roupas e fotos. Como foi trabalho)? essa idéia? Tarja: Bom, primeiramente, como todo Tarja: Eu amo atuar, eu amo filmes, e todo mundo sabe, há muito download de o trabalho artístico do My Winter Storm é músicas ilegalmente na internet, e a sobre essa minha fascinação por filmes. indústria musical, as gravadoras, assim Todas as fotos, a maneira como está como nós artistas, estão sofrendo muito escrito "Universal Music Proudly Presents" por causa disso. Claro que a pirataria tem (Universal Music Orgulhosamente circulado por aí há anos, desde que o Apresenta), é como se fosse para um filme mercado musical existe, mas o download mesmo. É bem isso, foi feito com esse virou uma importante ferramenta para o propósito. mercado musical em si. A internet democratiza a música. A internet é a Cifra Club: Pelo que você conhece do ferramenta mais importante para divulgar Brasil, acha que o país tem uma forte e promover um artista, é uma das maiores influência cultural pelo mundo? Como? ferramentas do mercado hoje, que não pode ser ignorada. Tarja: Se eu escutar uma banda como Angra, o Kiko (Loureiro) tocando, eu Mas, há o ponto que, se as pessoas sabem consigo escutar a sonoridade brasileira,
  4. 4. claro. Eu amo a maneira como eles Brasil, ou da Colômbia, ou da Argentina, colocam todos esses batuques, ritmos e não é muito fácil para nós. Mas é claro, eu toques acústicos durante os shows. particularmente tenho toda a minha Infelizmente, na Europa, até hoje as experiência com dança, com bossa nova e pessoas geralmente não sabem dizer, ao samba. E eu gosto da maneira como essa escutar uma banda, de onde ela veio. A música soa, até hoje, original. gente vê que há uma influência latino latino- americana na música, mas não Veja fotos de uma das apresentações de conseguimos dizer, a não ser que nos Tarja pelo Brasil. contem, que essa banda ou artista é do
  5. 5. Pesquisadores encontram flautas pré-históricas históricas Segundo a Reuters, foram feitas com ossos desenterradas uma flaut com cinco flauta buracos feitos com ossos de um abutre 24/06/2009 - 17:07Da redação por: Raquel Da e mais dois pedaços de flautas de Camargo marfim. O material foi encontrado por pesquisadores em uma caverna nos montes Jura, na Suábia. "Essas descobertas demonstram a presença de uma tradição musical bem implantada na época em que os ada humanos modernos colonizaram a Europa, mais de 35 mil anos atrás", comentaram Nicholas Conard, da Universidade de Tuebingen, e seus companheiros de pesquisa. Flautas eram feitas de ossos Notícia disponível em http://www.cifraclubnews.com.br/noticias/180 Flautas feitas com ossos de pássaros 19-pesquisadores-encontram encontram-flautas-pre- foram encontradas no sudoeste da historicas-feitas-com-ossos.html ossos.html Alemanha, segundo revelaram pesquisadores nesta quarta quarta-feira. Os materiais encontrados foram classificados como os mais antigos instrumentos musicais artesanais já feitos.
  6. 6. Guitarristas Jack White e Os músicos tocaram na polêmica durante uma conferência de imprensa Jimmy Page fazem críticas feita em Los Angeles, na última sexta sexta- aos jogos musicais feira. Os guitarristas disseram que não acreditam que saber jogar tais games 25/06/2009 - 17:32Da redação por: Raquel Da sejam úteis para aqueles que querem Camargo tocar algum instrumento. "É deprimente que uma marca venha e diga para você que [o "Guitar Hero"] é como as crianças estão aprendendo sobre música e experimentando música", comentou White. Jimmy Page completou o descaso dizendo que não consegue imaginar como um jogo desses é capaz de ensinar algo relevante sobre tocar instrumentos. "Pense no solo de Jack White e Jimmy Page não curtem Guitar bateria que John Bonham gravou na Hero e Rock Band primeira faixa do primeiro álbum do Led Zeppelin, 'Good Times Bad Times', Os guitarristas Jack White, do White , falou. "Quantos bateristas no mundo Quantos Stripes, e Jimmy Page, que fez história , conseguem tocar aquele trecho?", no Led Zeppelin, fizeram críticas aos , finalizou o roqueiro. games musicais, como Guitar Hero e Notícia disponível em Rock Band. http://www.cifraclubnews.com.br/noticias/180 clubnews.com.br/noticias/180 35-guitarristas-jack-white-jimmy jimmy-page-fazem- criticas-aos-jogos-musicais.html musicais.html
  7. 7. sucesso nacional de forma rápida, e que "Uma banda, um hit... E deixaram os mesmos no esquecimento na só". Relembre artistas de mesma velocidade nos últimos tempos. apenas um sucesso Saiba um pouco mais dos meteóricos 12/06/2009 - 13:16Da redação por: Raquel Da sucessos e seus autores, e no vídeo abaixo, Camargo Uma banda ou um cantor até relembre-os. então desconhecido nacionalmente, do dia o para a noite, começa a ter uma música Confira a matéria especial completa em onfira tocada em todas as estações de rádio, todo http://www.cifraclubnews.com.br/especiais/17 o tempo. Muito provavelmente a faixa em 832-uma-banda-um-hit-so-relembre relembre-artistas- de-apenas-um-sucesso.html questão é daquelas "chicletes", e se você ouvir 10 segundos dela será o suficiente para sofrer no mínimo 24 horas repetindo o refrão, por mais que se esforce para que isso não aconteça. Essa mesma banda ou cantor, que fez um baita sucesso comparece aos grandes programas de TV e te persegue até em sonhos (ou seriam pesadelos?), de repente desaparece. Dá até um vazio... Essa é a tão á comum e conhecida "banda de um sucesso só", ou "one hit wonder". Nostalgias de um sucesso Seja no ritmo do "Bagulho na Bumba", dos Virgulóides; nas verdades de "Coisa de Maluco", da banda Fincabaut ou até no rock de "Melissa", dos caras do Bidê ou Balde... É fácil listar os sucessos meteóricos dos últimos tempos da música brasileira. Esse papo chega a ser nostálgico. Por enquanto a gente vai até deixar de lado o axé, o funk e o pagode dessa seleção Veja seleção. aí músicas que levaram seus autores ao
  8. 8. Cobertura de show: Joe Satriani Sexta-feira, primeiro dia do mês de agosto. A casa de shows Chevrolet Hall estava feira, relativamente cheia. Palco simples, sem cenário produzido, apenas o que interessava: bateria, baixo, guitarras, pedais e amplificadores. Pontualmente, às 22 horas, o virtuoso Joe Satriani e sua banda entraram em cena. Além da música I Just Wanna Rock, muitos gritos. Faixas de seu novo disco, Professor Satchafunkilus and the Musterion of Rock, e outros hits de sua carreira marcaram a noite. Na ocasião, Overdriver e Satch Boogie trouxeram nostalgia aos fãs, sem deixá deixá-los parados. Entrosamento de dar inveja também marcou presença. Com a impressionante técnica de Stuart Hamm no baixo, o feeling de Jeff Campitelli na batera e a discreta mas Jeff competente base de Galen Henson na guitarra, Joe fez um show fantástico. Ao ver Satriani no palco, dá pra acreditar que tocar guitarra era a coisa mais simples e fácil do mundo. Com toques sutis, mas com som de qualidade, Joe impressionou os qualidade, mineiros principalmente com seus "ligados" (técnica em que o músico toca a corda apenas uma vez com a palheta, enquanto outras notas são feitas com a mão esquerda). Hamm, o baixista, também não deixou barato e tocou violentamen um violentamente longo solo, que teve direito a Aquarela do Brasil. O público simplesmente pirou. Alavancadas seguras e precisas e o comedido uso do wah wah também fizeram toda wah-wah diferença na performance do músico. Com Satriani, a guitarra falava.
  9. 9. Além do profissionalismo e concentração no palco, toda banda apresentou também lismo simpatia e entrosamento com o público. Feedbacks contínuos entre os fãs e o grupo foram diferenciais. A maior prova disso foi quando tocaram Cool #9, que contou com o coro e as palmas de todos os presentes seguindo o ritmo. Musterion, a primeira faixa do álbum mais recente de Joe, deu uma diferenciada no clima do show, já que ela conta com uma introdução "eletrônica" feita com a própria guitarra, e depois segue em um clima de suspense. Com perfeição, Satriani executou a famosa Always With Me, Always With You e deixou ção, os fãs boquiabertos com um final personalizado e triunfal. Após dar uma aula de boa música, Joe e sua banda encerraram a apresentação tocando a empolgante Summer Song, do disco The E Extremist. Cobertura completa (com fotos) disponível em http://www.cifraclubnews.com.br/shows/17119 http://www.cifraclubnews.com.br/shows/17119-joe- satriani.html
  10. 10. Como analista e gerente de social media, o mais completo trabalho já feito até o momento foi para o cantor Eduardo Costa. Após estudos relacionados ao perfil e identificar potenciais, foram criadas (e ainda são mantidas) atividades do cantor em um blog e em redes como Flickr, em Twitter, Orkut, MySpace, Palco MP3, dentre outras.

×