Capítulo 2
Plataforma e
Tecnologia
2
Introdução
Montar um e-commerce costuma ser uma tare-
fa que é muito comparada com um bicho de sete
cabeças. As preocupa...
3
2.1Tiposefuncionalidades
deplataforma
Uma vez planejada a operação e decidido pela
estruturação de uma loja online, esse...
4
Cada uma dessas opções atende a uma determinada situação. Todas têm as suas vantagens e as suas
desvantagens. Sobre isso...
5
b) Quais recursos devo levar em conta ao avaliar uma plataforma de e-commerce?
Bastanavegarumpouconaspáginasinstituciona...
6
c) Como seria uma plataforma de e-commerce ideal?
Simples! Seria uma plataforma que fosse extremamente simples de se ope...
7
Como essa opção não existe, temos que ficar de olho para diminuir as nossas chances de erro. Pense na
plataforma não com...
8
2.2 Instalação da Infraestrutura
Ter uma loja virtual significa pensar virtualmente. Isso
exige do empresário conhecimen...
9
Fique ligado!
O próximo capítulo do Manual de ecommerce será sobre Integrações.
Baixe já em nosso site!
casos de problem...
Sobre o autor
Administrador pela Universidade Federal de Minas
Gerais e especialista em gestão com ênfase em mar-
keting p...
11
Gostou desse E-book?
Então compartilhe!!
Fale diretamente com o autor ou entre em contato
com a Linkia.
Compartilhe
Dúv...
Montar loja virtual - Manual ABSOLUTAMENTE completo para criar sua loja online - cap 2
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Montar loja virtual - Manual ABSOLUTAMENTE completo para criar sua loja online - cap 2

343 visualizações

Publicada em

Capítulo 2 do manual de e-commerce da Linkia (http://www.linkia.com.br). Aprenda a montar sua loja virtual sem ajuda de designers ou programadores! Aprenda tudo o que é necessário para montar seu negócio de sucesso na internet

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
343
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
25
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Montar loja virtual - Manual ABSOLUTAMENTE completo para criar sua loja online - cap 2

  1. 1. Capítulo 2 Plataforma e Tecnologia
  2. 2. 2 Introdução Montar um e-commerce costuma ser uma tare- fa que é muito comparada com um bicho de sete cabeças. As preocupações parecem ser tantas e as informações são tão vagas que muitas vezes é com esse cenário que nos deparamos. No entanto, a Linkia resolveu trabalhar um pouco nesse tópi- co e compilar uma série de informações úteis que podem ser tomadas como base para qualquer um que queira montar uma loja virtual. Você, lojista, que deseja começar a vender online e não sabia por onde começar... você acabou de encontrar o seu lugar. Esperamos que a partir de hoje, a criação de um e-commerce seja uma tarefa muito mais simples e cientificamente fundamentada, ao invés de ba- seada em opiniões e achismos. Através desse manual vamos passar pelos prin- cipais pontos que amedrontam os empresários quando pensam em lojas virtuais. O que apresen- taremos não é apenas um apanhado de opiniões, mas sim estratégias e metodologias científicas que ajudarão a criar um e-commerce que real- mente é eficaz. Muito do que existe aqui foi aprendido, na práti- ca, por muitas empresas que hoje estão falidas e por muito poucas outras que prosperaram. E não pense que é o contrário. Mas onde está exatamen- te a diferença entre um e-commerce de sucesso e um e-commerce fadado ao fracasso? É isso o que nos propomos a te ensinar até o final desse ma- nual. Pular Introdução
  3. 3. 3 2.1Tiposefuncionalidades deplataforma Uma vez planejada a operação e decidido pela estruturação de uma loja online, esse é passo fundamental: escolha da plataforma de e-com- merce a ser utilizada. Escolheraplataformadee-commercepodeser muitomaissimplesdoqueamaiorpartedaspesso- asimagina.Defatoéumaescolhaextremamente importanteequevaidefinirmuitacoisaemrelação aopresenteefuturodenossoempreendimento. Emprimeirolugar,vamosexplicarexatamenteo queéisso.Plataformadee-commerceéaforma comochamamososistemaresponsávelpelaes- truturaçãodeumalojanainternet.Atravésdesse sistema,alojavirtualécriadaeapartirdaíolojista podefazeroseugerenciamentoerealizarinúmeras outrastarefasquefazempartedodia-a-diadeum e-commerce. ComoumbomusuáriodoGoogle,vocêjádeveterperce- bidoquebastadigitar“comovenderpelainternet?”ou algoparecidoejáapareceminúmeraspossibilidadesque prometemmundosefundosparaissoacontecer.Vamos aquiexplicarumpoucomaissobreessaspossibilidades, praevitarcomprarmosgatoporlebre.Emtodaselas,o divisorcomuméofornecimentodeumsoftwarequeper- mitetodoesseprocesso.Ascondiçõesparaseteracesso aosoftwareecomoutilizá-loéquecostumamvariar. Sepudéssemossimplificar(eresumirbastante),diríamos quesãoessasasprincipaispossibilidades: a)Softwarefornecidocomoserviço(Softwareas aService,ousimplesmenteSaaS)–lojasalugadas depequenoporte b)SaaS–lojasdemédioegrandeporte c)SaaShíbridos–queatendemtantoapequenos quantograndescomerciantes d)Plataformasopensource e) Criação de plataformas próprias
  4. 4. 4 Cada uma dessas opções atende a uma determinada situação. Todas têm as suas vantagens e as suas desvantagens. Sobre isso falaremos a seguir. a) Qual é a melhor plataforma de e-commerce para a minha empresa? Obviamente, não existe uma plataforma padrão-ouro para todos os casos. Cada uma delas se adapta a uma situação. Como forma geral, fica a dica: Se a sua empresa é pequena, comece pequeno e pense médio. Se a sua empresa é média, comece médio e pense grande. Se a sua empresa é grande, comece grande e não se esqueça dos pequenos detalhes. Uma empresa de pequeno porte que tem uma gama limitada de produtos, poucos funcionários capaci- tados em e-commerce / TI e pouco capital para investir não deve procurar soluções de ponta de merca- do, com custo elevado e inúmeros recursos que a princípio nem serão utilizados. Nada como começar enxuto, validar os resultados e aplicar os conhecimentos em próximas etapas. Uma empresa de grande porte, com inúmeros produtos, funcioná- rios disponíveis e capacitados para gerenciamento da loja virtual não deve procurar uma plataforma pequena, sólida, engessada, com poucos recursos e com estrutura padronizada. Nesse caso já pensamos em criar soluções próprias ou adaptação das grandes plataformas open source às realidades dessa empresa.
  5. 5. 5 b) Quais recursos devo levar em conta ao avaliar uma plataforma de e-commerce? Bastanavegarumpouconaspáginasinstitucionaisdasempresasquecomercializamplataformasdee-commer- cequeoclientesesenteemmeioaumaverdadeirabatalhadefeatures.Masseráquetudoissodefatoimporta? Averdadeéqueexistemsimrecursosquedevemsertomadoscomofatoresparadecisão,bemcomoexistem inúmeros outrosque nãotêmgrandeimpactononegócio.Recomentoaquialeituradoe-bookTaxadeconversão, paraentendermaisafundoquaisrecursosdevemospriorizarnaescolhadenossasplataformas. Deformaresumida,seosrecursosoferecidostornamasualojamaisatrativaparaosclienteselestemumaim- portânciamaior. Comoexemplo,temosaexposiçãoadequadadeprodutos, acompanhamentodoclienteemtemporealcomoferecimentodeofertasem momentooportunoedeacordocomosinteressesdele,suporteaatendimento, capacidadedepublicaçãode ofertas,integraçãocomredessociais,SEOrobusto parageraçãode tráfegonãopago,transmissãodesensaçãodesegurançaeboas formas depagamento. Nãosóos recursos,devemosdarumaolhadanosexemplosdelojasfeitoscom aquelaplataforma. Designeusabilidadedevemserosmaisagradáveispossíveis.O maiortesteé: vocêcomprariaumprodutodeumadessaslojas?Afinal,éessaaper- guntaqueoseuclientevaifazerquandoolharasualoja. Amensagemfinal é: nãodê valoràquantidadederecursosoferecidos,massimàefici- ênciadeles emimpulsionarassuasvendas..
  6. 6. 6 c) Como seria uma plataforma de e-commerce ideal? Simples! Seria uma plataforma que fosse extremamente simples de se operar, fácil de gerenciar, completamente flexível e personalizável, com baixo custo, de implan- tação rápida e com nenhuma necessidade de manutenção técnica especializada. Claro que isso é um sonho de muitos e realidade de muito poucos – o custo dessa brincadeira é um tanto quanto salgado. Obviamente, esse é um assunto para mais de uma leitura. Recomen- damos aqui a leitura específica do e-book “Plataformas de e-commer- ce”, no qual os diferentes tipos de plataformas serão detalhados e as vantagens e desvantagens de cada tipo de modelo serão analisados com mais detalhes. Escolher a plataforma de e-commerce não precisa ser uma tortura. Lembre-se que é sim uma escolha muito importante para a sua empre- sa, afinal, envolve gastos e tempo para construir uma loja virtual. Muito mais fácil seria se tivés- semos uma opção que nos atendesse em todos os momentos de nossa empreitada: uma plataforma alugada, bem baratinha, com recursos básicos que se transformava em uma plataforma mais robus- ta ao longo do tempo e, finalmente, fosse doada para a nossa empresa com o código fonte para a gen- te mexer onde bem a gente entender.
  7. 7. 7 Como essa opção não existe, temos que ficar de olho para diminuir as nossas chances de erro. Pense na plataforma não como um fim, mas como um meio para vender online. Ao escolher, responda a essas perguntas básicas: 1) Essa plataforma é condizente com o porte da minha empresa? 2) Ela atende a minha visão de futuro a curto e médio prazo? 3) Os recursos disponíveis comprovadamente aumentam a taxa de conversão da minha loja? 4) Eu consigo gerar tráfego não pago de alguma maneira utilizando essa plataforma? 5) Na média, as lojas criadas por essa plataforma me agradam? Eu compraria nessas lojas? 6) Essa plataforma me oferece a possibilidade de crescimento, seja com planos mais robustos ou novos recursos? 7) Permite a personalização que eu preciso? 8) Aceita trabalho de designer externo?
  8. 8. 8 2.2 Instalação da Infraestrutura Ter uma loja virtual significa pensar virtualmente. Isso exige do empresário conhecimento e capacidade de gestão dos envolvidos no projeto de e-commerce. Caso a sua em- presa opte por plataformas proprietárias ou open source, deve-se ter em mente também o adequado suporte para operar normalmente em situações críticas, que impactam diretamente no faturamento e também no relacionamen- to com cliente. São questões técnicas que promovem alta disponibilidade da loja virtual e evitam prejuízos aos e- -consumidores. Plataformas disponibilizadas sob o mode- lo SaaS geralmente tem a disponibilidade garantida pelos fornecedores, que chegam a oferecer plataformas presen- tes em até 99% do tempo, mensalmente. Atender à demanda dos negócios on-line é o papel das soluções em e-commerce. Mas nem todas estão preparadas para oferecer tal disponibilidade, um dos principais desa- fios cotidianos dos empresários do comércio ele- trônico. Vender com qualidade nas 24 horas, de cada dia do mês, depende da redundância em infraestrutura, que são três: de link, de energia e de hardware. Não é nosso objetivo entrar em deta- lhes técnicos, mas em outras palavras, o que foi escrito acima quer dizer: nunca deixar as informações de uma loja virtual em um único ponto. Dei- xar várias opções de acesso, de modo que a sobrecarga de um data-center não impeça o acesso à loja. Ainda, duplicidade de har- dware é útil em
  9. 9. 9 Fique ligado! O próximo capítulo do Manual de ecommerce será sobre Integrações. Baixe já em nosso site! casos de problemas técnicos. Problemas com disponibilidade da loja em falhas de energia também de- vem ser pensados por sua equipe de TI. Essas são questões fundamentais a exigir durante a criação de plataformas proprietárias e open-source para administração interna. A solução para esses problemas pode ser dada com a criação de equipes de TI internas ou mesmo com a contratação de serviços terceirizados de manutenção. Tenha sempre em mente que um consumidor que tenta entrar em uma loja virtual e a encontra indisponível, provavel- mente, não retorna mais.
  10. 10. Sobre o autor Administrador pela Universidade Federal de Minas Gerais e especialista em gestão com ênfase em mar- keting pela Fundação Dom Cabral. Leonardo atua com Marketing desde 2001, com experiências na área comercial e de planejamento. Participa ativamente dos projetos de e-commerce e esteve presente, desde a pré-contratação à entrega, em mais de 50 lojas vir- tuais de clientes de diversos segmentos. Empreende- dor por vocação e escolha, atualmente coordena cinco novos negócios na JN2, todos relacionados a comércio eletrônico. leonardo@jn2.com.br www.jn2.com.br +55 31 2555.6662 Leonardo Neves
  11. 11. 11 Gostou desse E-book? Então compartilhe!! Fale diretamente com o autor ou entre em contato com a Linkia. Compartilhe Dúvidas, comentários, críticas, elogios ou sugestões? • Faça uma crítica do nosso conteúdo; • Sugira novos temas; • Esclareça suas dúvidas. Fale com a Linkia

×