Páscoa, um tempo de guerra contra os inimigos do destino.

455 visualizações

Publicada em

Publicada em: Espiritual
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
455
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
75
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Páscoa, um tempo de guerra contra os inimigos do destino.

  1. 1. COMO CONTRIBUIR FINANCEIRAMENTE COM O RAMO ESTENDIDO?1-Contas bancárias para depósitos ou transferências:• Banco Bradesco: Agência: 0560-6 Conta Corrente: 0149787-1•Banco do Brasil: Agência: 3142-9 Conta Corrente: 26092-42-Pagamento Digital com opções de boletos bancários ou cartões decrédito:www.ramoestendido.com.br/loja/doacoes.html
  2. 2. PÁSCOA: UM TEMPO DE GUERRA CONTRAOS INIMIGOS DO DESTINO!
  3. 3. HÁ TEMPO PARA TODAS AS COISAS: “Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempopara todo propósito debaixo do céu... tempo de amar e tempo de aborrecer; tempo de guerra e tempo de paz” – Ec 3:1,8.“Porque, naquela noite, passarei pela terra do Egito eferirei na terra do Egito todos os primogênitos, desde os homens até aos animais; executarei juízo sobre todos os deuses do Egito. Eu sou o SENHOR” – Êx 12:12.
  4. 4. AMPLIANDO O CONCEITO DE GUERRA:A guerra é um conflito concentrado, uma lutaintensa, entre dois ou mais inimigos; uma açãomiliciana; um estado de ativas operações militares;uma competição agressiva; um esforço para sealcançar um determinado objetivo – Ef 6:12;Quando há um ajuntamento para se enfrentar umadeterminada guerra, chama-se isto deconfederação ou coalizão – Js 10:5
  5. 5. OS EGÍPCIOS E OS SEUS DEUSES ERAM OS INIMIGOS DO DESTINO DE ISRAEL! CADA PRAGA ERA UM CONFRONTO CONTRA OS EGÍPCIOS E DETERMINADOS DEUSES DO EGITO!EM NOVE PRAGAS, MOISÉS DEU O COMANDO PARA QUE ELAS OCORRECEM!A ÚLTIMA PRAGA FOI UMA INTERVENÇÃO DIRETA DE YAHWEH! Êx 7:14 – Êx 12:36
  6. 6. VEJAM OS NOSSOS INIMIGOS NA GUERRAÉ extremamente importante saber contra quemestamos lutando e como eles operam:1-A hierarquia satânica – Gn 3:15; 2 Cor 2:11; Tg 4:7;1 Pe 5:8; 1 Jo 3:8; Ap12:17;2-A nossa natureza pecaminosa (carne) – Jo 8:44;Rm7:23; 1 Cor 9:25-27; 2 Cor 12:7; Gl5:17; 1 Pe 2:11;3-As pessoas inimigas – Sl 38:19; Sl 56:2; Sl 59:3; Mt16:23;4-Os sistemas do mundo – Jo 16:33; 1 Jo 2:15-17; 1 Jo5:4-5;5-A morte – 1 Cor 15:26; Hb 2:14-15.
  7. 7. O SANGUE DE JESUS VENCEU OS INIMIGOS DO NOSSO DESTINO! “Os soldados foram e quebraram as pernas ao primeiro e ao outro que com ele tinham sido crucificados; chegando-se, porém, a Jesus, como vissem que já estava morto, não lhe quebraram as pernas. Mas um dos soldados lhe abriu o lado com uma lança, e logo saiu sangue e água” – Jo 19:32.“Quando o vi, caí a seus pés como morto. Porém ele pôs sobremim a mão direita, dizendo: Não temas; eu sou o primeiro e oúltimo e aquele que vive; estive morto, mas eis que estou vivo pelos séculos dos séculos e tenho as chaves da morte e do inferno” – Ap 1:17-18.
  8. 8. FIRMADOS NESTES FATOS DA PÁSCOA, PRECISAMOS ENFRENTRAR A GUERRA DO NOSSO DESTINO! Deus não vai fazer o que você deve fazer! Não fuja dos confrontos deste tempo!Quais são os confrontos necessários neste tempo!
  9. 9. UM CONFRONTO ADEQUADO NA GUERRA :•Temos visto muitas pessoas que estão perdendo, ealguns já perderam totalmente, o seu destino!•A razão mais contundente que temos visto ao longodos anos tem sido a conexão entre as inquidadesfamiliares e os espíritos familiares!•Muitos tem esperneado em relação a esta conexãomaligna, mas não tem guerreado adequadamente!
  10. 10. A DIFERENÇA ENTRE ESPERNEAR ECONFRONTAR ADEQUADAMENTE NA GUERRA:•É simples: espernear estabelece um desgaste com umaparente avanço e o confronto adequado estabelecevitória com avanço significativamente constante!“Assim, os inimigos do homem serão os da sua própriacasa. Quem ama seu pai ou sua mãe mais do que amim não é digno de mim; quem ama seu filho ou suafilha mais do que a mim não é digno de mim; e quemnão toma a sua cruz e vem após mim não é digno demim” – Mt 10:36-38.
  11. 11. A QUESTÃO ESTÁ NA CONCORDÂNCIA:•Infelizmente, muitos entram em concordância com a estruturade iniquidade familiar e com os espíritos familiares no dia-a-dia!•Ao invés de entrar em concordância com o plano de Jesus Cristopelo poder do Seu sangue e pelo poder da Sua ressurreição!•A questão é que a guerra do destino envolve carregar acruz, morrer para si mesmo!•Infelizmente, muitos esperneiam mas não morrem para elesmesmos a fim de que o poder de Deus prevaleça sobre osinimigos do destino na sua própria casa!
  12. 12. COMO ROMPER COM ESTES INIMIGOS:1- Arrependimento: um tempo para remover ofermento das inquidades familiares;2-Libertação: um tempo para renunciar, amarrar eexpulsar os espíritos familiares pelo Sangue deJesus;3-Posicionamento: um tempo para pressionar atéatravessar e avançar rumo ao destino;
  13. 13. PÁSCOA: PREVALEÇA SOBREOS INIMIGOS DO SEU DESTINO!

×