O Pensador. prrsoares

716 visualizações

Publicada em

Todos os que estavam ao seu redor percebiam que ELE, era um homem culto, sábio, prudente. Um PENSADOR. Ensinava a todos com muito amor e com muito empenho. Ninguém sabia explicar de onde vinha tanta sabedoria, mas sabiam que era de Deus, apesar de nem todos acreditarem nessa possibilidade tão visível e real. Muitos o observavam e o admiravam, pois ELE pensava antes de falar, orava e meditava antes de agir e acreditava antes de fazer algo notável e sobrenatural. Sua grandeza e nobreza ainda são apreciadas até hoje.

Publicada em: Mídias sociais
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
716
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
279
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O Pensador. prrsoares

  1. 1. O Pensador Todos os que estavam ao seu redor percebiam que ELE, era um homem culto, sábio, prudente. Um PENSADOR. Ensinava a todos com muito amor e com muito empenho. Ninguém sabia explicar de onde vinha tanta sabedoria, mas sabiam que era de Deus, apesar de nem todos acreditarem nessa possibilidade tão visível e real. Muitos o observavam e o admiravam, pois ELE pensava antes de falar, orava e meditava antes de agir e acreditava antes de fazer algo notável e sobrenatural. Sua grandeza e nobreza ainda são apreciadas até hoje. Numa manhã agradável do século I, o mestre da paz estava sentado no chão, meditando e refletindo como um verdadeiro PENSADOR e todos os que se encontravam ao seu redor ouviam atentamente a cada coisa que ele ensinava. Entretanto, certos invejosos faziam de tudo para pô-lo à prova de fogo e tentar humilhá-lo perante aqueles que o seguiam. Eles sabiam que o pensador e mestre do amor, era fiel e muito sábio, assim, tentavam usar seus ensinos para que de alguma forma pudesse se contradizer em suas próprias palavras. Tais homens cruéis que se fingiam de BONS moços, eram cheios de arrogância e orgulho que nem conseguiam ver seus próprios erros. De repente ouviam-se gritos, zombarias e muita desordem. Assim, aos pés do profeta, jogaram uma mulher que havia sido pega em flagrante, adulterando. Um deles, em tom alto e soberbo disse ao mestre da brandura: Esta mulher foi pega adulterando e pela lei do profeta maior dever ser apedrejada. Você que é tão sábio, me diz, o que devemos fazer? –Na verdade, fizeram isso para acusá-lo caso fosse contrário à Lei do profeta Moisés. O homem de Deus, porém, permaneceu quietinho e pensativo e inclinando-se escrevia com o dedo na terra. Insistiram mais uma vez que ele respondesse, pois todos estavam com as pedras nas mãos, prontas para serem jogadas naquela mulher “TÃO” pecadora (será que ela, era a pessoa mais pecadora ali ?). Bom, sabiamente o pregador do bem olhou para aqueles homens e disse: “Hum! Deixa eu ver! Já sei.” Façamos o seguinte: Que tal, se tiver alguém aqui, pelo menos um dentre vocês, que não tenha pecado, jogue a primeira pedra? Houve um silêncio total naquele lugar. Os olhares de todos desceram ao chão. A respiração da mulher foi ouvida com batimentos cardíacos descontrolados como que dizendo: vou morrer agora! Cheia de medo e temor ouvia sons de pedras caindo no chão, pensava que a próxima pedra poderia feri-la e tirar sua vida. Mas, nada aconteceu. O profeta pensador, voltou a escrever no chão novamente e percebeu que os homens que estavam ali para apedrejar a mulher foram saindo um a um, sem falar nada, do mais velho para o mais novo. A mulher, que estava atônita e ainda em prantos, percebeu que não havia mais ninguém ali a não ser ela e o profeta bondoso que a olhou e disse: Mulher, cadê os teus acusadores, àqueles que queriam te apedrejar? A mulher olhou para ELE, o Senhor do perdão e disse: Não tem mais ninguém aqui Senhor, foram todos embora. Então ele, o profeta de Deus, o sábio pensador, o homem bondoso e prudente, chamado JESUS disse-lhe: Nem eu também te condeno; vai e não peques mais. ( João 8, 1-11). A mulher suspirou aliviada e saiu devagar pensando: Quem é este homem, tão sábio e cheio de amor? Não basta apenas alguém pensar em coisas boas ou boas palavras, é preciso vivê-las no dia a dia. É preciso ultrapassar as barreiras do imaginável, do sobrenatural, do pensamento, da meditação, da reflexão. Um pensador verdadeiro vai além das expectativas, ele amplia a sua visão num determinador comum, num alvo a alcançar, num sonho a realizar. Já dizia Salomão, o grande sábio: Se procurares a sabedoria como se procura a prata e se como a tesouros escondidos a busca-la, então entenderás o temor do Senhor, e acharás o conhecimento de Deus. Porque o Senhor dá a sabedoria; da sua boca é que vem o conhecimento e o entendimento. (Pv, 2:4-6). O Pensador, 1880 (em francês: Le Penseur), uma das esculturas mais famosas feita em bronze do escultor francês Auguste Rodin retrata um homem em suposta meditação, como totalmente determinado a transcender seu sofrimento através da poesia. O mesmo se encontra sentado, com a cabeça baixa, apoiada em sua mão direita. Mas, o que é um pensador? Um ser pensante, inteligente, capaz, sábio, prudente, uma mente brilhante, um dramaturgo, um cientista, um músico exímio, um filósofo, um profeta? Segundo o dicionário Global de Língua Portuguesa um pensador é uma pessoa que pensa profundamente; uma pessoa que tem o hábito de meditar. Filósofo.1- Pensar ( Do latin pensare) : Pensamento, opinião, prudência, ideias, raciocinar”. 2 - Meditar (Do latin meditari) : Estudar, considerar, refletir, fazer meditação. 3- Filósofo. (Do latin Phisofophu): Amigo do saber, sábio, sereno, dedicado ao estudo da filosofia, prudente. Acredito que grandes pensadores, fizeram história e deixaram seus legados para as gerações futuras: Aristóteles, 384 a.C. - 322 a.C , Émile Durkheim (1858-1917), Euclides de Alexandria (360 a.C. - 295 a.C.), Friedrich Wilhelm Nietzsche (1844 -1900), Emanuel Kant (1724 - 1804), Jean-Jacques Rousseau (1712 – 1778 ), Karl Heinrich Marx (1818 - 1883) , Platão(428/27 a.C. - 347 a.C.), René Descartes (1596-1650), Santo Agostinho, 354- 430, Sócrates (470 a.C. - 399 a.C.) . Diante de tantos grandes homens pensadores e sábios, eu, ainda considero Jesus Cristo como o maior de todos eles. Em se tratando de grandes homens, será que eu, você, seremos capazes de deixarmos um bom legado as novas e futuras gerações? Todos os pensadores tem sua importância na história, mas, acredito que Jesus, o Pensador dos pensadores vai além, e não é à toa que a história se divide em antes e depois dEle. Raimundo Soares de Andrade, Rondonópolis-MT, 01/05/2015

×