Fisiologia humana

1.238 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.238
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
12
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Fisiologia humana

  1. 1. 01. (UNIOESTE) O relacionamento físico entre a pressão de oxigênio (PO2) e a ligação do oxigênio com a hemoglobina podem ser estudados por pesquisadores in vitro nos laboratórios. O resultado deste estudo e a curva de dissociação do oxigênio da hemoglobina, representada no gráfico abaixo. Sobre esta curva, analise as afirmativas abaixo e assinale a alternativa que corresponda somente a afirmativas incorretas. I. Na PO2 alveolar e arterial normal, cerca de 98% das hemoglobinas estão ligadas ao O2. II. Com a elevação da PO2 (mmHg) ocorre uma diminuição na saturação da hemoglobina. III. Na PO2 da célula em repouso, cerca de 72% do oxigênio ligado as hemoglobinas servem como reservatório para as células, caso seu metabolismo aumente. IV. Redução na PO2 de 60 para 40 mmHg produz menor dissociação do oxigênio da hemoglobina do que a redução da PO2 de 80 para 60 mmHg. a) II e IV. b) II e III. c) III e IV. d) I e III. e) I e IV. 02. (IFTM) Nos túneis da cidade de São Paulo existem placas com os dizeres: “Em caso de congestionamento, desliguem os motores”. A placa avisa para o risco do aumento da emissão do monóxido de carbono (CO) pelos escapamentos dos veículos que permanecem ligados. No homem, a absorção excessiva do monóxido de carbono pode levar à morte por que: a) Inativa as células de defesa. b) Desnatura proteínas. c) Produz carboemoglobina. d) Inutiliza a hemoglobina. e) Forma a oxiemoglobina.
  2. 2. 03. (UNICAMP) A pressão parcial do gás O2 (pO2) e a do gás CO2 (pCO2) foram medidas em duas amostras (I e II) de sangue colhidas simultaneamente de um homem normal. A amostra I teve pO2 = 104 mm Hg e pCO2 = 40 mm Hg, enquanto a amostra II teve pO2 = 40 mm Hg e pCO2 =45 mm Hg. Em relação ao caso em análise, é correto afirmar que: a) A amostra I corresponde a sangue arterial, que pode ter sido obtido de artéria pulmonar, que cede O2 para as células corporais com baixa concentração desse gás. b) A amostra II corresponde a sangue venoso, que pode ter sido obtido de veias pulmonares, que levam sangue do pulmão ao coração. c) A amostra II pode ter sido obtida de uma artéria pulmonar, que leva sangue do coração ao pulmão, onde a pO2 do ar é menor que a do sangue que chega a esse órgão. d) A amostra I pode ter sido obtida de veias pulmonares, que chegam ao coração trazendo sangue oxigenado, que será usado para irrigar o próprio coração e outros órgãos. 04. (PUC-RIO) O fumo é responsável por provocar ou agravar diversos problemas no sistema respiratório, e uma das razões para a redução da eficiência respiratória está relacionada à combinação do monóxido de carbono emitido pelo cigarro com a hemoglobina. Sobre essa associação, é correto afirmar que: a) O monóxido de carbono se liga à hemoglobina formando um composto instável chamado carboemoglobina. b) O monóxido de carbono se liga à hemoglobina formando um composto estável chamado oxiemoglobina. c) O monóxido de carbono se liga à hemoglobina formando um composto estável chamado carboxiemoglobina. d) A ligação entre o monóxido de carbono e a hemoglobina, apesar de estável, é mais fraca do que aquela que ocorre entre a hemoglobina e o oxigênio. e) O monóxido de carbono destrói a molécula de hemoglobina após a combinação. 05. (UECE) O quadro a seguir apresenta a composição do ar inspirado e do ar expirado por uma pessoa. GASES % NO AR INSPIRADO % NO AR EXPIRADO Nitrogênio – N2 79% 79% Oxigênio – O2 20,9% 14% Gás Carbônico – CO2 0,03% 5,6% Assinale a alternativa que apresenta corretamente a estrutura pulmonar onde ocorre a respiração aeróbica e a denominação do processo de difusão de gases que ocorre durante tal respiração.
  3. 3. a) Brônquios – nitrose. b) Traqueia – carbonose. c) Bronquíolos – oxidose. d) Alvéolos – hematose. 06. (PUC-RS) Dos sistemas respiratórios abaixo descritos, qual é o único que não depende do sistema circulatório para fazer o transporte de gases? a) As brânquias de um caranguejo. b) Os pulmões de um réptil. c) A pele de uma minhoca. d) O sistema traqueal de um inseto. e) As brânquias de um peixe. 07. (UFPR) Observe a figura abaixo, que mostra a pressão atmosférica e a pressão de oxigênio inspirado em 4 cidades situadas em diferentes altitudes. Assinale a alternativa cujo gráfico melhor representa a variação percentual esperada do número de eritrócitos encontrado no sangue de pessoas saudáveis, moradoras de cada uma das cidades, comparado aos valores encontrados nos habitantes do Rio de Janeiro.
  4. 4. 08. (UNIMONTES) A realização de determinados exercícios físicos pode beneficiar várias funções fisiológicas no organismo humano. As figuras abaixo mostram alguns tipos de exercícios físicos. Observe-as. Considerando as figuras e o assunto abordado, analise as alternativas abaixo e assinale a que corresponde a uma associação direta com o aumento da capacidade pulmonar e a melhora no processo de respiração. a) III. b) II. c) I. d) IV. 09. (UPE) Assinale, na coluna I, as afirmativas verdadeiras e, na coluna II, as falsas. Por que é perigoso deixar o motor de veículos ligado em ambiente fechado? I II 0 0 – A afinidade da hemoglobina com o oxigênio varia com a concentração desse gás, ou seja, quando a concentração de O2 é alta, a hemoglobina se une fortemente a ele, e, quando a concentração do O2 diminui, a afinidade da hemoglobina ao oxigênio também diminui, e ele é liberado. 1 1 – O controle do ritmo involuntário da respiração é exercido, principalmente, pela medula oblonga (bulbo). O aumento da concentração de CO2 no sangue provoca a redução de pH, o que estimula os centros respiratórios do bulbo, que, por sua vez, determinam o aumento na frequência respiratória. 2 2 – A concentração de O2 é percebida pelas células quimiorreceptoras da aorta e das carótidas. Quando ocorre a diminuição da concentração de O2, essas células enviam estímulo ao bulbo, que determina o aumento do ritmo respiratório.
  5. 5. 3 3 – O monóxido de carbono (CO) lançado pelos escapamentos dos automóveis tem pouca afinidade com a hemoglobina, formando um composto instável, a carboxiemoglobina (HbCO) que impede o transporte de oxigênio para as células. 4 4 – Quanto maior a pressão do oxigênio, maior a percentagem de moléculas de hemoglobina combinadas a esse gás, ou seja, maior a saturação da hemoglobina. Nos tecidos onde a pressão de oxigênio é baixa, a hemoglobina libera a maior parte do oxigênio, que a ela estava ligado. 10. (UFAL) Considere os seguintes itens: I. Concentração de CO2 no sangue. II. Ação do bulbo. III. Ritmo respiratório. Nos mamíferos, quando I: a) Diminui, II promove o aumento de III. b) Aumenta, II promove a diminuição de III. c) Aumenta, II promove o aumento de III. d) É estável, II promove a diminuição de III. e) É estável, II promove o aumento de III. 11. (UFRN) O peixe-boi (Ordem dos Sirênios) apresenta como defesa o comportamento de permanecer imerso por até vinte minutos. Isso é viável porque o animal: a) Utiliza um espiráculo que permite a troca de gases, quando submerso. b) Interrompe seu metabolismo e, assim, não há gasto de energia. c) Mantém o equilíbrio hidrostático conferido pela bexiga natatória. d) Otimiza o uso do oxigênio obtido diretamente do ar atmosférico. 12. (UFV) Os animais obtêm energia para as suas atividades vitais por meio da respiração celular, que consiste na realização de trocas gasosas com o ambiente. Com base nesses conhecimentos, correlacione o tipo de respiração (COLUNA I) com o respectivo grupo animal (COLUNA II): COLUNA I I. Respiração cutânea II. Respiração branquial III. Respiração pulmonar
  6. 6. IV. Respiração traqueal COLUNA II ( ) Insetos ( ) Peixes ( ) Répteis ( ) Cnidários ( ) Crustáceos ( ) Poríferos A sequência correta é: a) IV, II, III, I, II e I. b) I, III, IV, II, I e II. c) II, IV, I, III, III e IV. d) III, I, II, IV, I e IV. 13. (UFSM) A história da maioria dos municípios gaúchos coincide com a chegada dos primeiros portugueses, alemães, italianos e de outros povos. No entanto, através dos vestígios materiais encontrados nas pesquisas arqueológicas, sabemos que outros povos, anteriores aos citados, protagonizaram a nossa história. Diante da relevância do contexto e da vontade de valorizar o nosso povo nativo, “o índio”, foi selecionada a área temática CULTURA e as questões foram construídas com base na obra “Os Primeiros Habitantes do Rio Grande do Sul” (Custódio, L. A. B., organizador. Santa Cruz do Sul: EDUNISC; IPHAN, 2004). “Nos últimos 2 mil anos, nosso povo vem-se transformando, evoluindo, integrando-se aos vizinhos, aos colonizadores, ao mundo.” O monóxido de carbono presente na fumaça de cigarro também tem efeitos nocivos, por apresentar maior afinidade com a hemoglobina do que com o oxigênio. Assinale Vna afirmativas verdadeiras ou F nas falsas. ( ) A hemoglobina é uma proteína presente nas células sanguíneas, especialmente nas hemácias e plaquetas. ( ) O oxigênio liga-se à hemoglobina à medida que o sangue percorre os diferentes órgãos. ( ) As moléculas de hemoglobina que estiverem ligadas ao monóxido de carbono poderão transportar oxigênio dos tecidos para os alvéolos, reduzindo, assim, a oxigenação nos diferentes órgãos. A sequência correta é: a) F - V - F.
  7. 7. b) V - F - V. c) F - V - V. d) V - V - F. e) F - F – F. 14. (MACK) Um dos poluentes mais perigosos para os habitantes das grandes cidades, como a de São Paulo, é o CO (monóxido de carbono). É um gás incolor, inodoro e muito venenoso. Ele tem a propriedade de se combinar com a hemoglobina das hemácias, inutilizando-as para o transporte de O2pelo corpo. O bloqueio do transporte de O2 ocorre porque o CO: a) Recobre a superfície da hemoglobina. b) Provoca alterações na estrutura espacial da hemoglobina. c) Destrói as ligações entre os polipeptídeos que formam a hemoglobina. d) Retira o átomo de ferro da molécula de hemoglobina. e) Combina-se com o átomo de ferro da hemoglobina, formando um composto estável. 15. (UNIR) Dos animais a seguir, o único que apresenta em seu ciclo de vida respiração branquial, cutânea e pulmonar é: a) O sapo. b) A minhoca. c) A aranha. d) O gafanhoto. e) O polvo. 16. (CEFET-MG) Quando ocorrem campeonatos em cidades localizadas em regiões de grandes altitudes, geralmente os times viajam com antecedência, visando à adaptação fisiológica dos jogadores de futebol. Toma-se esse cuidado porque a: a) Temperatura reduzida beneficia a execução de atividades físicas. b) Quantidade de gás carbônico nessas regiões prejudica a saúde dos atletas. c) Formação de substâncias pelos pulmões neutraliza as toxinas do ar rarefeito. d) Produção de hemácias deve aumentar para transportar o oxigênio menos disponível. e) Saturação de oxigênio no ar favorece as trocas gasosas entre o sangue e os outros tecidos. 17. (UEMS) Em artigo da Revista Pesquisa FAPESP de julho de 2009, pesquisadores discutem a importância das formigas na dispersão e germinação de sementes na Mata Atlântica e no
  8. 8. Cerrado. Formigas são insetos bem sucedidos na colonização dos mais diversos ambientes, devido a várias características. Quanto à fisiologia, elas respiram por meio de: a) Túbulos de Malpighi . b) Traqueias. c) Pulmões foliáceos. d) Brânquias. e) Estômatos. 18. (UFJF) Répteis, aves e mamíferos terrestres que vivem em regiões áridas tendem a perder água através das superfícies respiratórias. Para que ocorram as trocas gasosas nos animais considerados e para que esses consigam sobreviver, torna-se necessário que: a) As superfícies respiratórias estejam permanentemente úmidas, possibilitando a difusão dos gases respiratórios. b) As superfícies corporais estejam permanentemente úmidas, possibilitando a difusão dos gases respiratórios. c) As superfícies respiratórias estejam permanentemente úmidas, sem interferir na difusão dos gases respiratórios. d) As superfícies respiratórias estejam permanentemente úmidas, dificultando a difusão dos gases respiratórios. e) As superfícies corporais estejam permanentemente úmidas, dificultando a difusão dos gases respiratórios. 19. (UFOP) Durante a respiração celular, será produzido gás carbônico, que se difunde para o líquido que banha os tecidos e é reabsorvido pelos capilares. A maior parte do gás carbônico penetra nos (1), onde reage com (2), formando (3), que se dissocia em (4) e (5). Marque a alternativa que contém as palavras que completam corretamente a frase, substituindo os números entre parênteses. a) Leucócitos, água, íon bicarbonato, ácido carbônico, íon hidrogênio. b) Eritrócitos, íon hidrogênio, ácido carbônico, água, íon bicarbonato. c) Eritrócitos, água, ácido carbônico, íon hidrogênio, íon bicarbonato. d) Leucócitos, íon hidrogênio, ácido carbônico, água, íon bicarbonato. 20. (UEFS) A habilidade da hemoglobina para captar ou liberar O2 depende da pressão parcial de O2 (PO2) no seu ambiente. Quando a PO2 do plasma sanguíneo é alta, como habitualmente acontece nos capilares dos pulmões, cada molécula de hemoglobina pode transportar sua carga máxima de quatro moléculas de O2. Assim, o sangue que circula através dos vasos pelo corpo encontra valores mais baixos de PO2. Nesses valores mais baixos de PO2, a hemoglobina
  9. 9. libera algum O2 que estava transportando. [...] Isso significa que, em condições metabólicas normais à medida que o sangue circula ao longo do corpo, somente cerca de uma das quatro moléculas de O2, que a hemoglobina carreia é liberada para os tecidos. Isso parece ineficiente, mas é, na verdade, bastante adaptativo, pois a hemoglobina mantém 75% do seu oxigênio na reserva para satisfazer as necessidades de demandas máximas. A partir do texto e da análise do gráfico apresentado a seguir, é possível concluir: a) A captação da quarta molécula de O2 pela hemoglobina requer um aumento significativo da PO2, se comparado à captação das outras três primeiras moléculas. b) Uma reserva de até 25% de oxigênio é mantida pela hemoglobina durante a demanda comum do corpo e pode ser liberada para os tecidos, se houver uma baixa da PO2. c) A PO2 presente no sangue tende aumentar à medida que o fluido sanguíneo se desloca através dos vasos em direção aos tecidos. d) A hemoglobina que retorna ao coração através do sangue apresenta aproximadamente 50% da capacidade máxima de captação de oxigênio. e) Em situações de demanda máxima de oxigênio, é esperada uma taxa entre 60% a 80% de PO2 presente no sangue. 21. (UFRN) Durante o vôo, os mosquitos necessitam de uma grande quantidade de energia, para realizar movimentos rápidos e exaustivos dos músculos de suas asas. Apesar de apresentarem circulação aberta, os mosquitos conseguem movimentar suas asas com grande velocidade porque: a) Os espiráculos captam oxigênio diretamente da hemolinfa. b) O pigmento respiratório hemocianina transporta o oxigênio. c) O sistema traqueal promove as trocas gasosas. d) Os túbulos de Malpighi realizam o transporte dos gases. 22. (UFOP) Os vertebrados podem apresentar respiração: a) Apenas pulmonar.
  10. 10. b) Cutânea, traqueal e pulmonar. c) Cutânea, branquial e pulmonar. d) Cutânea, traqueal, branquial e pulmonar. 23. (PUC-CAMPINAS) A respiração é um processo universal dos animais, mas pode variar muito de animal para animal. Sobre a respiração é correto afirmar que: a) No gato e na abelha, o oxigênio chega ao sangue quando atravessa uma superfície respiratória. b) Na planária, a tomada de oxigênio ocorre por difusão simples através da pele, ao passo que no camarão ocorre transporte ativo nas brânquias. c) Na abelha e no camarão, o oxigênio dissolvido na água entra no corpo através de finos filamentos branquiais. d) Na abelha e no camarão, o oxigênio é transportado dos órgãos respiratórios para os tecidos na forma de oxiemoglobina. e) O camarão aproveita o oxigênio dissolvido na água para sua respiração, enquanto o gato utiliza oxigênio atmosférico. 24. (COVEST) No homem, a frequência respiratória é de aproximadamente 15 movimentos por minuto. Durante uma atividade física intensa percebe-se que a frequência respiratória aumenta bastante. Quanto à respiração no homem, pode-se afirmar que: I II 0 0 – A velocidade dos movimentos respiratórios aumenta quando a concentração de CO2 no sangue é alta. 1 1 – A concentração de O2 no sangue tem um papel crucial no controle do pH sanguíneo. 2 2 – No hipotálamo, parte do sistema nervoso central, há um centro controlador da respiração – centro respiratório – que recebe informações sobre os parâmetros respiratórios e os processa. 3 3 – Os sinais transmitidos pelo centro controlador da respiração são conduzidos por nervos que controlam os músculos intercostais e o diafragma, os principais músculos que participam dos movimentos respiratórios. 4 4 – Enquanto praticamente todo o oxigênio é transportado pela hemoglobina, cerca de 70% do total de CO2 no sangue é transportado sob a forma de íons bicarbonato no plasma sanguíneo. 25. (UESPI) Um grande número de atletas que foram a Pequim, participar das Olimpíadas, relataram ter viajado antes da competição a regiões de grande altitude para treinar. Sobre a influência da altitude na capacidade respiratória dos atletas que treinaram nessas condições, é correto afirmar que:
  11. 11. a) A menor concentração de oxigênio em regiões de altitude elevada induz o aumento de hemácias e hemoglobina no sangue dos atletas, aumentando a capacidade respiratória. b) O treino em altitude elevada somente aumenta a capacidade respiratória de atletas que já moram nessas regiões. c) O treino em altitude elevada aumenta a afinidade do oxigênio pela hemoglobina, fazendo o atleta captar mais oxigênio nos pulmões para liberá-lo nos tecidos. d) A capacidade respiratória dos atletas é semelhante à de não atletas que moram em regiões de altitude elevada. e) Atletas que moram em regiões ao nível do mar têm capacidade respiratória menor que atletas que moram em regiões de altitude elevada. 26. (UNIVASF) Durante uma atividade física intensa, a frequência respiratória do homem aumenta bastante. Sabendo que, no bulbo raquidiano, há um centro respiratório (CR) que recebe e processa informações sobre os parâmetros respiratórios, e que a atividade física aumenta a liberação de gás carbônico pelas células musculares, tornando o pH plasmático mais ácido, pode-se concluir que: a) Alta concentração de gás carbônico e pH maior que sete excitam o CR. b) Baixa concentração de gás carbônico e pH menor que sete inibem o CR. c) Alta concentração de gás carbônico e pH menor que sete excitam o CR. d) Baixa concentração de gás carbônico e pH maior que sete excitam o CR. e) Baixa concentração de gás carbônico e pH acima de oito excitam o CR. 27. (UFBA) Nas ilustrações que se seguem, as hachuras representam o revestimento do corpo do animal em contato direto com o ambiente: As ilustrações indicam, respectivamente, os tipos de sistemas respiratórios: a) Traqueal, pulmonar e cutâneo. b) Cutâneo, branquial e traqueal. c) Pulmonar, traqueal e cutâneo. d) Cutâneo, traqueal e branquial.
  12. 12. e) Traqueal, cutâneo e pulmonar. 28. (UNESP) Para voar, os insetos consomem muito oxigênio, em consequência da elevada atividade muscular necessária para o movimento de suas asas. Para suprir a intensa demanda, o oxigênio é levado às células musculares: a) Pelo sangue, através de um sistema cardiovascular fechado, o que favorece um rápido aporte desse gás aos tecidos. b) Pelo sangue, através de um sistema cardiovascular aberto, o que favorece um rápido aporte desse gás aos tecidos. c) Através de um sistema de túbulos denominado traqueia, que leva o sangue rico nesse gás aos tecidos musculares. d) Através de um conjunto de túbulos denominado traqueia, que transporta esse gás desde orifícios externos até os tecidos, sem que o sangue participe desse transporte. e) Através de um coração rudimentar dividido em câmaras, das quais partem túbulos, chamados traqueias, que distribuem o sangue rico nesse gás aos tecidos do corpo. 29. Com relação aos peixes, assinale a(s) alternativa(s) correta(s). I II 0 0 – Estes animais são aeróbios facultativos, pois podem permanecer muito tempo sem contato com o ar atmosférico e, quando estão submersos, não recebem oxigênio livre. 1 1 – A hematose ocorre nestes animais ao nível das brânquias, com utilização do oxigênio dissolvido na água. 2 2 – Quando submersos utilizam para sua respiração, o oxigênio resultante do desdobramento de moléculas de água e o oxigênio resultante da respiração das plantas aquáticas. 3 3 – As brânquias são reservatórios de ar que permitem aos animais manter, durante o período em que estão submersos, reservas de oxigênio obtido na atmosfera. 4 4 – Tem importância a respiração pulmonar na fase larvar. 30. (FGV-SP) Na gincana da escola, os concorrentes deveriam citar 4 animais que realizassem, respectivamente, respiração cutânea, branquial, traqueal e pulmonar. Venceu a prova, o aluno que citou: a) Sapo, sardinha, caranguejo e vaca. b) Lesma, aranha, mosca e sapo. c) Ouriço-do-mar, atum, ácaro e polvo. d) Planária, golfinho, tatuzinho-de-jardim e galinha.
  13. 13. e) Minhoca, camarão, gafanhoto e lagartixa. 31. (CESGRANRIO) Associe as estruturas respiratórias a seguir com o respectivo grupo de animais. ESTRUTURAS RESPIRATÓRIAS I. Pulmões saculiformes. II. Pulmões parenquimatosos. III. Sacos aéreos. IV. Traqueias. GRUPO DE ANIMAIS P. Aves. Q. Insetos. R. Anfíbios. S. Répteis. T. Minhocas. Assinale a opção que apresenta a associação correta. a) I – P; II – R; III – T; IV – S. b) I – P; II – T; III – S; IV – Q. c) I – R; II – S; III – P; IV – Q. d) I – R; II – Q; III – T; IV – P. e) I – S; II – R; III – Q; IV – P. 32. (FEPA) O grau de acidez é uma importante propriedade química do sangue. Nosso sangue deve apresentar pH entre 7,3 e 7,5 e mesmo pequenas mudanças de pH podem causar profundas alterações nos processos metabólicos, provocando inclusive a morte. O organismo utiliza três mecanismos para evitar modificações do pH: solução tampão do sangue; estímulo do centro respiratório, modificando-se a taxa de ventilação pulmonar; excreção de urina ácida ou básica feita pelos rins. Um dos equilíbrios ácido-básicos é o seguinte: CO2 + H2O ↔ H+ + HCO3Considere as informações e analise as afirmativas que se seguem. I. Solução-tampão é a solução que praticamente não sofre variação de pH ou de pOH pela adição de pequenas quantidades de ácidos fortes ou de bases fortes.
  14. 14. II. Uma obstrução das vias aéreas que reduza a eliminação do dióxido de carbono nos pulmões faz elevar seu nível no sangue, aumentando o pH e resultando na acidose respiratória. III. Quando o organismo é levado para uma grande altitude, a baixa pressão parcial do gás oxigênio na atmosfera provoca o aumento da ventilação pulmonar e a perda excessiva de CO2, originando uma diminuição de pOH e resultando na alcalose respiratória. IV. A adição de ácidos no organismo por via gastrointestinal ou intravenosa aumenta a concentração de H+, deslocando o equilíbrio para o lado direito e diminuindo o pH. Estão corretas: a) Apenas I e II. b) Apenas I e III. c) Apenas II e III. d) Apenas I e IV. e) I, II, III e IV. 33. (UCPel) Com relação ao sistema respiratório das aves, podemos afirmar que: I. A movimentação de ar está relacionada ao diafragma. II. O pulmão não é alveolar e dele partem os sacos aéreos. III. A traqueia divide-se em dois brônquios principais. IV. O fluxo de ar é unidirecional. V. Não apresentam brônquios. Das afirmativas acima, as consideradas corretas são: a) I, II e III. b) II, III e IV. c) III, IV e V. d) I, III e V. e) I e II. 34. (UniABC-SP) Os habitantes de regiões montanhosas possuem mais eritrócitos do que as pessoas que vivem em regiões planas. Esse fato pode ser relacionado: a) À falta de plantas que realizam fotossíntese nas montanhas. b) Às baixas temperaturas, que aumentam a atividade da medula óssea.
  15. 15. c) Ao baixo teor de oxigênio nas regiões altas. d) À alimentação característica dessas comunidades. e) Ao excesso de CO2 no ar. 35. (PUC-RIO) Examine as afirmativas abaixo, relativas à respiração humana: I. Ela é responsável pela absorção de oxigênio (O2) e liberação de gás carbônico (CO2). II. O feto humano respira através de brânquias enquanto está na bolsa amniótica e, a partir do oitavo mês, as brânquias se transformam em pulmões. III. O sangue se utiliza dos glóbulos brancos para transportar o oxigênio, pois estes aumentam bastante a capacidade do sangue de transportar gases. IV. O ar penetra pelo nariz e passa pela faringe, laringe, traqueia, brônquios, bronquíolos e alvéolos, onde se dá a troca dos gases. Estão corretas somente as afirmativas: a) I e II. b) II e III. c) I e IV. d) I, III e IV. e) II, III e IV. 36. (MACK) HCO3- + H+ → H2CO3→ H2O + CO2 A reação acima indica um processo que ocorre …1…, para que aconteça …2… . Indique a alternativa que preenche, correta e respectivamente, os espaços 1 e 2. a) nos capilares dos tecidos do corpo; absorção de CO2. b) nos capilares dos pulmões; eliminação de CO2. c) no bulbo; controle do pH sanguíneo. d) nos capilares dos pulmões; eliminação de H2O. e) nos capilares dos tecidos do corpo; oxigenação das células. 37. (UNIFOR) Nos vertebrados, para que ocorra respiração cutânea é necessário que a pele seja especialmente rica em: a) Vasos linfáticos. b) Glândulas sebáceas. c) Escamas epidérmicas.
  16. 16. d) Capilares sanguíneos. e) Terminações nervosas. 38. (UEL) Nosso organismo é frequentemente exposto a agentes poluentes liberados na atmosfera. Para evitar a absorção de tais agentes contaminantes, nosso sistema respiratório apresenta mecanismos de filtração e produção de muco nas vias respiratórias superiores. Sobre o tema, é correto afirmar. a) O muco resulta do acúmulo de líquidos e de partículas inaladas da atmosfera e sua produção depende da umidade relativa do ar. b) A eficácia na remoção das partículas depositadas na parede das vias aéreas depende da atividade do sistema mucociliar. c) A respiração rápida e superficial estimula o acúmulo de partículas estranhas na região alveolar. d) O muco que recobre o epitélio pulmonar tem como função a hidratação das vias aéreas e pouco contribui para a sua limpeza. e) A viscosidade do muco depende da quantidade de partículas inaladas e independe do estado de hidratação do indivíduo. 39. (UMESP) São exemplos de vertebrados pulmonados, que, na fase larvária, respiram por brânquias e, quando adultos, apresentam respiração cutânea e pulmonar: a) Sapos e lagartos. b) Cobras-cegas e lagartos. b) Lagartos e camaleões. d) Camaleões e rãs. e) Sapos e cobras-cegas. 40. (COVEST) A respeito dos pigmentos respiratórios, é correto afirmar. a) Realizam o transporte de todo o CO2. b) Aumentam a capacidade do sangue de transportar O2. c) Nos vertebrados estão dispersos no sangue. d) Nos invertebrados, encontram-se no interior das hemácias. e) Os dos crustáceos chamam-se carboemoglobina. 41. Atualmente, os aviões podem nos levar – em poucos minutos – a grandes altitudes onde o ar é rarefeito, o que significa que, em um mesmo volume de ar, há um número menor de moléculas. No entanto, nossos pulmões continuam comportando, praticamente, o mesmo
  17. 17. volume de ar qualquer que seja a altitude. Então, é possível concluir que, nos pulmões de uma pessoa que muda rapidamente para uma altitude maior: a) A quantidade de moléculas de O2 inspirado é igual à do local de procedência. b) Há menos moléculas de ar, recebidas pela inspiração, do que em baixas altitudes. c) A quantidade de moléculas de ar inspirado aumenta devido ao aumento da altitude. d) O oxigênio ocupa um volume maior do que em baixas altitudes. e) Nada se altera, pois a altitude não interfere no comportamento dos gases respirados. 42. (UERJ) Em um experimento, solicitou-se a uma pessoa que respirasse o ar existente dentro de um saco plástico durante alguns minutos. Foram medidos, antes e durante o período de respiração do ar contido no saco, os seguintes parâmetros: 1. Pressão parcial do O2 no sangue. 2. Concentração de H2CO3 no sangue. 3. pressão parcial do CO2 no saco plástico. Observe os gráficos orientados a seguir, nos quais as ordenadas representam as medidas desses parâmetros e as abscissas, o tempo de duração do experimento. O gráfico que representa adequadamente a variação dos três parâmetros nas condições experimentais é o identificado pela letra: a) W. b) X. c) Y. d) Z. 43. (PUCCAMP) Considere as duas listas a seguir. I. Cavalo–marinho.
  18. 18. II. Tartaruga. III. Sapo. a. Pulmonar. b. Branquial. c. Cutânea. A alternativa que relaciona corretamente cada animal a seu tipo de respiração é: a) I – a; II – b; III – c. b) I – b; II – a; III – c. c) I – b; II – c; III – a. d) I – c; II – a; III – b. e) I – c; II - b; III – a. 44. (UFTPR) Na respiração, a obstrução dos bronquíolos impede que o oxigênio atinja: a) A faringe. b) O esôfago. c) A laringe. d) A traqueia. e) Os alvéolos pulmonares. 45. (UFPI) O autor Kennet Maxwell, ainda descreve que: “Os indígenas dos Andes sobrevivem devido a sua grande capacidade pulmonar, uma elevada taxa de células vermelhas no sangue e um grande volume de mioglobina nos músculos. Essa forte adaptação ao ambiente não ocorria com os estrangeiros, e consequentemente os indígenas (quéchuas e aimarás) não foram deslocados nem se miscigenaram com os invasores”. Essas adaptações ao ambiente, citadas no texto, estão mais diretamente relacionadas a qual função vital? a) Endócrina. b) Respiratória. c) Circulatória. d) Reprodutora.
  19. 19. e) Locomotora. 46. (ENC-MEC) O gráfico abaixo mostra as curvas de saturação de duas proteínas que se ligam ao oxigênio (O2). (STRYER, L. Biochemistry. 2 ed., Nova York, W.H. Freeman, 1981.) Esses dados permitem concluir que a: a) Hemoglobina possui maior afinidade pelo O2 do que a mioglobina. b) Hemoglobina atinge o ponto de saturação nas menores pressões parciais de O2. c) Mioglobina somente se liga ao O2nas maiores pressões parciais deste gás. d) Mioglobina possui maior afinidade pelo O2 do que a hemoglobina. e) Mioglobina impede a absorção de O2 pela hemoglobina. 47. (COVEST) Considere as proposições abaixo referentes às trocas gasosas. 1. Hematose é a transformação do sangue venoso em arterial. 2. A oxiemoglobina é formada pela combinação do oxigênio com a hemoglobina. 3. A maior parte do CO2 é transportado pela hemoglobina. 4. A oxiemoglobina é formada nos tecidos; desfaz-se nos pulmões. Está(ão) correta(s) apenas: a) 1 e 2. b) 1 e 4. c) 3. d) 2. e) 1, 2 e 4. 48. (PUC-RIO) Durante a respiração sistêmica no homem, ocorre:
  20. 20. a) Eliminação de O2 e eliminação de CO2 nos tecidos. b) Absorção de CO2 e O2 nos tecidos. c) Eliminação de CO2 e absorção de O2 nos tecidos. d) Eliminação de CO2 e O2 nos tecidos. e) Eliminação de O2 e absorção de CO2 nos pulmões. 49. (CESGRANRIO) Após coleta recente de sangue humano, por centrifugação na presença de um anticoagulante, pode-se separar o plasma, que se apresenta como fluido contendo cerda de 7% de proteínas, sendo as mais importantes a albumina, as globulinas e o fibrinogênio. Sabendo-se que 100 ml de plasma podem transportar até 0,3 ml de oxigênio em solução, e que 100 ml de sangue total podem transportar até 20 ml de oxigênio, podemos afirmar que: I II 0 0 – As hemácias e seu conteúdo de hemoglobina são responsáveis pelo eficiente transporte de oxigênio para as células. 1 1 – A hemoglobina, responsável pela fixação do oxigênio, fica inativa no plasma. 2 2 – Os elementos plasmáticos responsáveis pela fixação e transporte do oxigênio invertem a reação, passando a transportar CO2. 3 3 – Os principais pigmentos respiratórios presentes nos animais são a hemoglobina, a hemocianina, a mioeritrina e a clorocruorina. 4 4 – A hemocianina é uma proteína que contém átomos de cobre em sua composição. É encontrada em muitas espécies de moluscos e de artrópodos, dissolvido na hemolinfa. 50. (UFV) Observe o esquema representado abaixo, de parte do sistema respiratório humano, e assinale a alternativa incorreta.
  21. 21. a) O ar chega aos pulmões pelo esôfago, indicado por I. b) O diafragma, indicado por V, auxilia nos movimentos respiratórios. c) Os pulmões e brônquios estão indicados por III e IV, respectivamente. d) Embora não esteja indicada, a laringe se localiza acima da traqueia. e) Os bronquíolos, indicados por II, conduzem ar aos alvéolos. 51. (A.B.C.) A tabela abaixo apresenta os valores de consumo de oxigênio (em microlitro por grama de peso corpóreo por hora) de seis animais em repouso. ANIMAL CONSUMO 02 Polvo 80 Enguia 128 Homem 200 Lula 320 Camundongo 1500 Truta 226 Baseado nesses dados é correto dizer que nesses animais a taxa metabólica é: a) Geralmente maior nos mais ativos. b) Geralmente maior quanto menos estruturalmente complexos eles forem. c) Geralmente maior nos terrestres do que nos aquáticos.
  22. 22. d) Geralmente maior quanto mais elevada for sua posição taxonômica. e) Diretamente proporcional ao seu tamanho. 52. (UPE) É fato conhecido que alguns peixes (dipnoicos) são capazes de sobreviver em águas cuja concentração de oxigênio é bastante baixa. Tal fato se deve a quê? a) Apresentam respiração cutânea. b) Por não possuírem opérculo, deslocam-se com maior velocidade, aumentando o fluxo d¢água através da boca e, consequentemente, garantem uma maior oxigenação nas suas brânquias. c) Possuem uma respiração celular muito menos intensa que os demais peixes. d) Suas brânquias apresentam uma vascularização muito maior que os demais peixes, bem como um número muito grande lamelas. e) São capazes de respirar o ar atmosférico por meio da bexiga natatória. 53. (UERJ) Exibido na televisão, o filme “Encontros e desencontros” mostra o personagem principal dentro de uma loja, numa crise de ansiedade aguda, queixando-se de falta de ar. É socorrido por seu irmão, que lhe coloca um saco de papel aberto sobre sua boca e seu nariz e manda que ele respire lentamente. Em pouco tempo, o personagem está melhor. O procedimento está correto e pode ser explicado, pois, à medida que ele respira lentamente dentro do saco, varia a concentração de um gás, que estimula diretamente, o bulbo, regulando os movimentos respiratórios. A variação do gás ocorrida dentro do saco de papel, e que permitiu a melhora do personagem, foi: a) Aumento da concentração de N2. b) Aumento da concentração de O2. c) Aumento da concentração de CO2. d) Diminuição da concentração de O2. e) Diminuição da concentração de CO2. 54. (UNITAU-SP) Os aquecedores a gás, quando mal regulados e colocados em lugares não ventilados, tornam-se perigosos, devido ao monóxido de carbono (CO), elemento bastante tóxico ao homem, podendo causar-lhe a morte. Este fato justifica-se: I II 0 0 – Porque o CO não permite que a taxa de O2 nos tecidos se mantenha em nível normal. 1 1 – Pela competição entre o CO e o CO2, não permitindo que a taxa de O2 nos tecidos seja mantida em nível normal.
  23. 23. 2 2 – Pela elevada afinidade do CO com a hemoglobina, formando um composto estável, a carboxihemoglobina, que impede a ligação da hemoglobina ao O2. 3 3 – Pela afinidade do CO com a hemoglobina, formando um composto estável, denominado carbohemoglobina. 4 4 – Pela elevada afinidade do CO com o O2, formando um composto estável, conhecido como oxihemoglobina. 55. (CEFET-PI) “Respirar é tão simples e automático que não nos damos conta desse ato!” UZUNIAN, A. & BIRNER, E. Biologia 2.Ed. 3ª. São Paulo: Harbra, 2005, p. 514. Sobre a respiração nos animais é correto afirmar: a) Nas aves os pulmões ficam associados aos sacos aéreos o que garante as trocas gasosas, porém dificulta o vôo por deixar o animal mais pesado. b) Nos anfíbios a pele é impermeabilizada por grossas camadas de queratina o que facilita a troca gasosa com o meio. c) Nos répteis o pulmão é simples apresentando uma reduzida superfície de troca o que favorece a endotermia. d) Nos mamíferos os pulmões alveolares correspondem a uma brilhante adaptação para o aumento de superfície destinada às trocas gasosas. e) Durante uma hiperventilação humana o bulbo é estimulado a aumentar o ritmo respiratório devido à ocorrência de uma acidose. 56. (COVEST) Analise as figuras abaixo referentes às trocas gasosas da respiração. A única constatação incorreta é: a) Ao chegar aos alvéolos pulmonares, o sangue está rico em gás carbônico e pobre em oxigênio (figura A). b) O sangue cede oxigênio para os alvéolos (figura A). c) Moléculas de oxigênio passam para o sangue, porque, no ar alveolar, há mais oxigênio do que no sangue (figura B). d) Moléculas de gás carbônico passam do sangue para o alvéolo, porque, no ar alveolar, há menos CO2 do que no sangue (figura C).
  24. 24. e) O sangue arterial, rico em oxigênio, cede moléculas de oxigênio às células (figura A). 57. (FGV) Suponha a seguinte situação: o preparador físico de um time brasileiro de futebol propôs uma nova estratégia para treinamento de seus atletas. Os jogadores realizariam exercícios físicos respirando através de equipamento que simulava condições de baixa pressão atmosférica. Esse treinamento deveria preceder, em semanas, as viagens para os jogos que iriam se realizar em cidades de alta altitude, comoLa Paz, na Bolívia. Segundo o preparador físico da equipe, este treinamento poderia melhorar a condição física do atleta quando dos jogos. Questionado sobre o por quê desse treinamento, o preparador físico explicou que: I. Para o ar penetrar no tubo respiratório e chegar aos pulmões, é necessário haver uma diferença entre a pressão atmosférica e a pressão existente na cavidade torácica. Quanto menor a diferença, menor a quantidade de ar que chega aos pulmões. II. Em cidades de alta altitude, comoLa Paz, a pressão atmosférica é menor que a pressão existente na cavidade torácica, o que impede a captação de ar pelos pulmões. III. O treinamento fortaleceria a musculatura intercostal e o diafragma dos atletas, permitindo que pudessem inspirar mesmo sob as condições de baixa pressão atmosférica das cidades onde os jogos se realizariam. IV. Para que o oxigênio atmosférico chegue aos tecidos do corpo, é necessário que se ligue às proteínas da superfície da membrana das hemácias, o que ocorre nos alvéolos pulmonares. V. O treinamento estimularia o organismo a aumentar a produção de hemácias. O atleta submetido a esse treinamento, ao chegar a cidades de alta altitude, já teria um aumento na concentração de hemácias, facilitando a captação do pouco oxigênio presente nos alvéolos pulmonares. São corretas as afirmações a) I e V, apenas. b) II e III, apenas. c) I, III e V, apenas. d) I, II, III e IV, apenas. e) I, II, III , IV e V. 58. (UNIFOR) O gráfico abaixo mostra os resultados de uma experiência feita para comparar o papel da pele ao dos pulmões, em certa espécie de sapo do hemisfério norte.
  25. 25. Sobre esses dados fizeram-se as seguintes afirmações: I. Nos meses mais frios, a respiração cutânea predomina sobre a pulmonar. II. Nos meses em que o metabolismo dos animais é mais intenso, predomina a respiração pulmonar. III. A respiração cutânea é praticamente constante ao longo do ano. É correto o que se afirmar em: a) I, somente. b) II, somente. c) III, somente. d) II e III, somente. e) I, II e III. 59. (PUC-RJ) A respiração é a troca de gases do organismo com o ambiente. Nela o ar entre e sai dos pulmões graças à contração do diafragma. Considere as seguintes etapas do processo respiratório no homem: I. Durante a inspiração, o diafragma se contrai e desce aumentando o volume da caixa torácica. II. Quando a pressão interna na caixa torácica diminui e se torna menor que a pressão do ar atmosférico, o ar penetra nos pulmões. III. Durante a expiração, o volume torácico aumenta, e a pressão interna se torna menor que a pressão do ar atmosférico. IV. Quando o diafragma relaxa, ele reduz o volume torácico e empurra o ar usado para fora dos pulmões. Indique as opções corretas: a) I e II.
  26. 26. b) II, III e IV. c) I, II e III. d) I, II e IV. e) Todas. 60. (UERJ) Considere a afirmação abaixo: No homem, todo gás oxigênio que entra no sangue pelos pulmões sai por esse mesmo órgão, porém ligado ao carbono, sob a forma de gás carbônico. Esta frase não deve ser considerada como correta pela seguinte razão: a) O CO2 é excretado sob a forma de bicarbonato pelos rins. b) Os pulmões eliminam pequena parte do CO2 produzido no organismo. c) O O2 na cadeia respiratória mitocondrial, é incorporado na água formada. d) O O2 encontrado no ar expirado pelos pulmões é originário de reações metabólicas. GABARITO 01 02 03 04 05 06 07 08 09 A D D D C D A C 10 VVVFV C 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 D A A A E E 21 22 23 24 C C E D B A C 25 26 27 28 29 VFFVV A C D D 30 FVFFF E 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 C C B B B C B D B E 41 42 43 44 45 46 47 48 49 B B A B E 51 52 53 54 A E C D A C VFFFV A 55 56 57 58 59 VFVFF D B A B 50 D 60 C

×