Marketing no Twitter

2.318 visualizações

Publicada em

Aprenda a utilizar o Twitter como ferramenta de marketing e descubra quais são as principais estratégias para obter o melhor relacionamento com seus seguidores.

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.318
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
863
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
18
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Marketing no Twitter

  1. 1. Guia de Boas Práticas –Twitter<br />SETEMBRO.2011<br />Veja quais são as regras para o gerenciamento de marcas no Twitter<br />
  2. 2. RafaelComin.com.br<br />Professor, Consultor, Palestrante e Blogueiro em Negócios 2.0, Marketing e Comunicação Digital.<br />@rafaelcomin<br />contato@seen.com.br<br />
  3. 3. Informações Twitter<br /><ul><li>200 milhões de usuários no mundo
  4. 4. 10 milhões de usuário no Brasil
  5. 5. 350 bilhões de tweets diários
  6. 6. Terceira rede social mais popular do Brasil
  7. 7. O Brasil é o terceiro país no mundo onde o Twitter tem a maior penetração: 23,7%</li></li></ul><li>Características Twitter<br /><ul><li>Microblog com mensagens de até 140 caracteres
  8. 8. Imediato
  9. 9. Chamar atenção de forma instantânea
  10. 10. Disseminar conteúdo que está em outro lugar
  11. 11. Catalisador</li></li></ul><li>Twitter como Ferramenta de Marketing<br /><ul><li>Atendimento
  12. 12. Engajamento
  13. 13. Promoções
  14. 14. Vendas
  15. 15. Relacionamento</li></li></ul><li>Estratégias de Ativação<br /><ul><li>BrandedContent
  16. 16. Prática de vincular conteúdos a uma marca
  17. 17. Forma sutil e criativa de cultivar laçosentre uma marca e o consumidor
  18. 18. Entender qual a reputação da marca?
  19. 19. Quais são os atributos naturais de determinada marca?
  20. 20. Precisaestaralinhado com a estratégia da marca</li></li></ul><li>Estratégias de Ativação<br /><ul><li>BrandedContent
  21. 21. Exemplo:
  22. 22. Fiat:inovadora
  23. 23. Nike: ousadia
  24. 24. Santander:falar de sustentabilidade</li></ul>#FicaaDica:Não fale sobre você, mas sim, sobre um atributo seu. <br />
  25. 25. Estratégias de Ativação<br /><ul><li>SAC
  26. 26. Bonsresultados
  27. 27. Indispensávelterestratégiadefinida
  28. 28. Quem responde?
  29. 29. Encaminhaparaqualsetor/depto?
  30. 30. Quemsoluciona o problema?</li></ul>#FicaaDica:Estabeleça um tempo-limite de resposta. <br />
  31. 31. Estratégias de Ativação<br /><ul><li>SAC</li></li></ul><li>Estratégias de Ativação<br /><ul><li>SAC
  32. 32. BestBuy: Rede de lojas americana que vende eletroeletrônicos
  33. 33. Exército de vendedores Geeks
  34. 34. Em 140 caracteres passaram a tirar todas as dúvidas dos consumidores
  35. 35. Prêmio: GrandPrix de Titanium no Festival de Cannes</li></li></ul><li>Estratégias de Ativação<br /><ul><li>Perfil Patrocinado
  36. 36. Uso de celebridadesouformadores de opinião
  37. 37. Atributos da Marca= Personalidade da Celebridade
  38. 38. Exemplo:</li></li></ul><li>Estratégias de Ativação<br /><ul><li>Perfil Patrocinado
  39. 39. Estratégiaquemenosagrega valor àsmarcas, jáque o engajamentocostumaacontecerquando o conteúdorepresentaosvalores da marca, o seuponto de vista e nãoquandoela é o assuntoemsi.
  40. 40. Muitas vezes, o perfil acaba virando um local para a mera divulgação de links frios.
  41. 41. É a escolha que mais envolve riscos, seja alguém que vá falar em nome da marca, seja apenas patrocinador do canal.</li></li></ul><li>Estratégias de Ativação<br /><ul><li>Perfil Patrocinado
  42. 42. O potencial de crise é grande. Seja cauteloso, pois é a imagem da empresas que está em jogo.
  43. 43. Preocupe-se com o amanhã. O que vai acontecer quando o contrato acabar? Os seguidorescontinuarão ali quando mudar a persona por trás do perfil?Ele deixará de existir? O quefazer com osseguidoresórfãos?</li></li></ul><li>Estratégias de Ativação<br /><ul><li>Perfil Patrocinado</li></li></ul><li>Estratégias de Ativação<br /><ul><li>Promoções
  44. 44. Têm dado certo, mas exigem cuidados.
  45. 45. Promoções de RT podem ajudar a dobrar o número de seguidores, mas não garante público engajado.
  46. 46. Para muitos, o jeito mais efetivo de propagar uma campanha é usando uma “hashtag” dela, o que ainda fortalece o perfil oficial.</li></ul>#FicaaDica: Eviteusar o Twitter como simples disparador de releases ou para fazer promoções “bobas”.<br />
  47. 47. Estratégias de Ativação<br /><ul><li>Promoções
  48. 48. Uma tendência é a diminuição de novos perfis relacionados a promoções específicas. Muitas marcas já perceberam que eles são um tiro no pé, pois dissipam o público, não têm continuidade e criam um cemitério de perfis abandonados.</li></ul>#FicaaDica: Arrumar 3 mil seguidores com uma promoção irrelevante é um erro. Depois de uma semana, ninguém mais vai dar bola para você. <br />
  49. 49. Estratégias de Ativação<br />
  50. 50. PorOnde Começar?<br /><ul><li>Planejamento– Prepare-se com antecedência
  51. 51. Quemé o público-alvo?
  52. 52. O queestãofalandosobresuamarcana internet?
  53. 53. E sobreseusconcorrrentes?
  54. 54. Quemvai responder aosTweets?
  55. 55. Quais são os assuntos de interesse do seupúblico-alvo?</li></ul>#FicaaDica: Não utilize o Twitter como uma vitrine ou como um canal de divulgação. <br />
  56. 56. Identifiqueos VIP’s<br /><ul><li>Quem são os seguidores mais fiéis?
  57. 57. E aquelesquemaisinteragem, participam e contribuem com a suamarca?
  58. 58. Elesmerecematenção especial
  59. 59. Questione-os sobre lançamentos e produtos
  60. 60. Convide-os para eventos exclusivos
  61. 61. Estimule a dar sugestões e opiniões</li></li></ul><li>ComunicaçãoAtiva e Frequente<br /><ul><li>O Twitter demanda conversas diárias
  62. 62. É preciso ter repertório, ter o que dizer – como na vida real
  63. 63. O perfil deve ser ativo e verdadeiro
  64. 64. Emita opiniões sobre seus mercados, produtos e serviços</li></ul>#FicaaDica: Nunca critique a concorrência.<br />
  65. 65. ComunicaçãoAtiva e Frequente<br /><ul><li>Divulgue informações úteis para aquele </li></ul> momento específico. <br /><ul><li>O Twitter tem um caráter imediatista, se </li></ul> você não engajou o público naquele momento, <br />não vai engajar depois.<br /><ul><li>Chame a atenção de um jeito instantâneo e pense na ferramenta como um gatilho para disseminar conteúdos que estão hospedados em outro lugar.</li></li></ul><li>ComunicaçãoAtiva e Frequente<br /><ul><li>Não fale demais nem desapareça. A cobertura de um evento exige uma sequência de postagem.
  66. 66. Em um dia normal, a empresa que se manifestar 15 vezes vai pedir para perder seguidores.
  67. 67. Um perfil que ficar dias sem postar também será malvisto.
  68. 68. Evite retweets desnecessários, como repetir uma frase sempre que seu nome for elogiado por alguém. </li></li></ul><li>O quesuaempresanãodevefazer no Twitter<br /><ul><li>Evite mensagens automáticaspara qualquer um que cite a sua marca.
  69. 69. Não inflacione seus seguidores com ferramentas de “mass-fallow”, que geram a falsa percepção de que a marca está falando com muita gente. Isso gera pouco engajamento.
  70. 70. Não trave uma disputa. Se alguém discordar de você, mantenha o seu ponto de vista, mas sem brigar. </li></ul>Esse espaço é aberto, não uma arena.<br />
  71. 71. O quesuaempresanãodevefazer no Twitter<br /><ul><li>Não ache que tem o controle – um erro comum a muitas empresas.</li></ul> Nesse ambiente, a marca não controla; ela seduz, inspira.<br /><ul><li>O Twitter é uma ferramenta de diálogo. Se a conversa for</li></ul>unilateral, por mais que você tenha milhares de seguidores <br /> e faça dezenas de promoções, ela não será relevante para ninguém.<br /><ul><li>Um número alto de seguidores não é sinal de relevância.
  72. 72. Cuidado com as promoções na linha “Dê um RT”. Você pode irritar centenas de pessoas da timeline dos outros e criar um bode generalizado em torno da marca.</li></li></ul><li>O quesuaempresanãodevefazer no Twitter<br /><ul><li>Não retalhe o último release da marca, achando que </li></ul> tem o que dizer por um mês. É preciso alimentar a rede <br /> com notícias frescas, que abordem temas que gerem discussão.<br /><ul><li>Tweetspagos, de celebridades ou formadores de opinião são proibidos.
  73. 73. Nunca passe um número de 0800 para o consumidor ligar.
  74. 74. Não se prenda apenas a conteúdo institucionalnem a atendimento com o cliente. </li></li></ul><li>Tendências<br /><ul><li>Ações complementares
  75. 75. Starbucks dissemina informação e usa a audiência para adaptar o cardápio de bebidas
  76. 76. Perfis por segmento/deptos/produtos
  77. 77. Integração com outros ambientes
  78. 78. fourSquare, Twitpic, Twitvid, etc...
  79. 79. Geolocalização
  80. 80. Mobile
  81. 81. Aplicativos
  82. 82. Promovem a experimentação dos consumidores com a marca</li></li></ul><li>Bibliografia<br />Créditos para: André Zimmermann, Denílson Novelli, Eduardo Vieira, <br />Léo Szterenzys, Marcelo Oliveira, Mateus Baraga, <br /> Omar Assaf, Roberto Grosman, Vitor Knijnik e Wagner Martins<br />
  83. 83. Dúvidas?<br />FormSpring.me/rafaelcomin<br />@rafaelcomin<br />contato@seen.com.br<br />

×