Curso de Podcast
       Módulo 2
Como funciona um Podcast e
        Formatos

          Bruno Xavier da Silva
      Marcel...
Sumário
 Funcionamento
  RSS
  Etapas
    Criação
    Publicação
    Acesso
 Formatos
RSS
 RSS é um subconjunto de "dialetos" XML que servem para
 agregar conteúdo ou "Web syndication“.

 É acessado mediante ...
RSS
 A abreviatura do RSS é usada para se referir aos
 seguintes padrões:
    Rich Site Summary (RSS 0.91)
    RDF Site Su...
Importância do RSS
Etapas
 Gravação de conteúdo.
 Publicação no RSS do site.
 Usuário que segue o RSS obtém conteúdo
 automaticamente.
 Pode ...
Funcionamento
Formatos
 Não existem formatos definidos.
 Alguns são mais popularmente utilizados:
   MP3
   AAC
   OGG
 Depende da aplic...
MP3
 MPEG-1 Audio Layer 3, mais conhecido por MP3, é um
 formato digital de codificação áudio perceptual muito popular.
 T...
AAC
 O AAC foi criado através da cooperação de várias companhias
 envolvidas no processamento de áudio.
 Possui melhorias ...
OGG
Criado pela fundação Xiph.org.
É um formato de conteúdo para qualquer tipo de informação
multimídia digital, totalment...
FIM
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Curso Podcast - Módulo 2

604 visualizações

Publicada em

Módulo 2 - Como funciona um Podcast e Formatos: Entenda o modelo RSS e aprenda como trabalhar com enclosures, a chave dos documentos XML especialmente dimensionados para podcasts. Entenda a diferença entre os principais formatos de divulgação de podcasts. MP3, OGG ou AAC, nada vai passar em branco e você vai ser capaz de escolher o melhor formato.

Publicada em: Tecnologia, Diversão e humor
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Curso Podcast - Módulo 2

  1. 1. Curso de Podcast Módulo 2 Como funciona um Podcast e Formatos Bruno Xavier da Silva Marcelo dos Santos Guimarães Rafael Avelar Alves Belém
  2. 2. Sumário Funcionamento RSS Etapas Criação Publicação Acesso Formatos
  3. 3. RSS RSS é um subconjunto de "dialetos" XML que servem para agregar conteúdo ou "Web syndication“. É acessado mediante programas ou sites agregadores. É usado principalmente em sites de notícias e blogs. No ano 2000, o uso do RSS difundiu-se para as maiores empresas de notícias como a Reuters, CNN, e a BBC.
  4. 4. RSS A abreviatura do RSS é usada para se referir aos seguintes padrões: Rich Site Summary (RSS 0.91) RDF Site Summary (RSS 0.9 e 1.0) Really Simple Syndication (RSS 2.0) O RSS (Really Simple Syndication) é um descendente do RDF (Resource Description Framework) e segue as definições da W3C para o RDF, que é descendente do XML.
  5. 5. Importância do RSS
  6. 6. Etapas Gravação de conteúdo. Publicação no RSS do site. Usuário que segue o RSS obtém conteúdo automaticamente. Pode ser ouvido em qualquer hora. Praticidade!
  7. 7. Funcionamento
  8. 8. Formatos Não existem formatos definidos. Alguns são mais popularmente utilizados: MP3 AAC OGG Depende da aplicação. Depende da qualidade desejada.
  9. 9. MP3 MPEG-1 Audio Layer 3, mais conhecido por MP3, é um formato digital de codificação áudio perceptual muito popular. Tem como objetivo reduzir, significativamente, a quantidade de informação necessária para representar áudio, mantendo sempre uma qualidade subjetiva elevada. O sistema empregado pelo MP3 também possibilita transmis- sões por streaming, onde o arquivo pode ser interpretado à medida que é feito o download ou em que é baixado (não é necessário que o arquivo chegue inteiro para iniciar a reprodução).
  10. 10. AAC O AAC foi criado através da cooperação de várias companhias envolvidas no processamento de áudio. Possui melhorias em relação ao MP3: Tem uma maior gama de freqüência de amostragem. Eficiência superior e filtros mais simples. Permite uma maior flexibilidade na criação de codecs. Fundamentalmente, a diferença nota-se mais com níveis de frequência de bit mais baixos (abaixo dos 128kps). Para valores superiores, o MP3, apesar de mais antigo, consegue atingir, ainda assim, resultados ao nível do que se faz com o AAC.
  11. 11. OGG Criado pela fundação Xiph.org. É um formato de conteúdo para qualquer tipo de informação multimídia digital, totalmente livre para utilização e sem ser restringido a patentes de software. O objetivo principal do Ogg Vorbis é concorrer com codecs como o MP3 e o AAC atingindo igual ou superior qualidade. Uma desvantagem do Ogg Vorbis em relação ao MP3 é o fato de sua compressão ser quase duas vezes mais lenta. Está longe de possuir a popularização dos demais. Mas espera-se um crescimento no futuro.
  12. 12. FIM

×