SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 17
Conquistando vidas para
   o Reino de Deus
         Lição 7
Textos Bíblicos
Atos 2
Trecho: “E, cumprindo-se o dia de Pentecostes, estavam todos
concordemente no mesmo lugar; E de repente veio do céu um
som, como de um vento veemente e impetuoso, e encheu toda a
casa em que estavam assentados. E foram vistas por eles línguas
repartidas, como que de fogo, as quais pousaram sobre cada um
deles. E todos foram cheios do Espírito Santo, e começaram a falar
noutras línguas, conforme o Espírito Santo lhes concedia que
falassem.” Atos 2:1-4
Textos Bíblicos
Mas o Espírito expressamente diz que nos últimos tempos apostatarão alguns da
fé, dando ouvidos a espíritos enganadores, e a doutrinas de demônios; Pela
hipocrisia de homens que falam mentiras, tendo cauterizada a sua própria
consciência; Proibindo o casamento, e ordenando a abstinência dos alimentos que
Deus criou para os fiéis, e para os que conhecem a verdade, a fim de usarem deles
com ações de graças; Porque toda a criatura de Deus é boa, e não há nada que
rejeitar, sendo recebido com ações de graças. Porque pela palavra de Deus e pela
oração é santificada. Propondo estas coisas aos irmãos, serás bom ministro de Jesus
Cristo, criado com as palavras da fé e da boa doutrina que tens seguido. Mas rejeita
as fábulas profanas e de velhas, e exercita-te a ti mesmo em piedade; 1 Timóteo
4:1-7
Mensagem Valiosa



“E disse-lhes: Ide por todo o mundo, pregai o
evangelho a toda criatura”, Mc 16.15
Verdade Aplicada


A expansão do Reino de Deus depende da
nossa fidelidade ao Senhor e persistência ao
realizar a Sua obra.
Introdução

Os discípulos de Jesus não eram pessoas
perfeitas   ou    dotadas    de    qualidades
excepcionais, mas foram incumbidos de
realizar a mais importante tarefa já atribuída
ao homem: evangelizar o mundo.
O que os moviam era uma fé poderosa e ativa
em Cristo, tirando-os do comodismo, da “zona
de conforto”, colocando-os à frente de
batalhas e confrontos!
A fé autêntica é demonstrada através do amor
e a qualidade do serviço a Deus.
Você se sente confortável?
 Assista ao vídeo abaixo!
1. Missões no dia de Pentecoste

A origem do Pentecostes vem do Antigo
Testamento, uma celebração da colheita (Êxodo
23, 14), dia de alegria e ação de graças, portanto,
uma festa agrária. Nesta, o povo oferecia a Deus
os primeiros frutos que a terra tinha produzido.
Mais tarde, tornou-se também a festa da
renovação da Aliança do Sinai (Ex 19, 1-16).
            Fonte: http://www.comshalom.org/formacao/exibir.php?form_id=1844
No Novo Testamento, o Pentecostes está relatado no livro dos Atos
dos Apóstolos 2, 1-13.
O Patriarca Atenágoras (1948-1972) falou da importância do
Pentecostes: "Sem o Espírito Santo, Deus está distante, o Cristo
permanece no passado, o evangelho uma letra morta, a Igreja uma
simples organização, a autoridade um poder, a missão uma
propaganda, o culto um arcaísmo, e a ação moral uma ação de
escravos". O Espírito traz presente o Ressuscitado à sua Igreja e lhe
garante a vida e a eficácia da missão.
O Pentecostes marca o nascimento
da Igreja e sua vocação para a missão
universal.
Conclusões práticas desse episódio:

   A presença do Espírito Santo impulsiona o
   crente:
1. A levar a mensagem para fora dos templos;
2. A não se contentar tão somente com uma
   experiência simplesmente religiosa;
3. Fazer Cristo conhecido a todos.
2. É preciso ter uma fé prática
A Igreja Primitiva teve seu início dentro de um contexto
de perseguição, discriminação, problemas sociais e
políticos. Não tinham homens e mulheres letrados e
intelectuais, nem grandes conhecimentos humanos.
Era formada de pessoas simples que possuíam a
mesma fé. Eles professavam e viviam a fé em Cristo, na
prática, At 2.46.
3. É tempo de mudar...

A apostasia espiritual tem crescido no meio
evangélico,   sem     que    muitos     tomem
conhecimento de que esse é um dos sinais
mais evidentes da volta de Jesus, ou seja o
arrebatamento da Igreja de Cristo, 2 Ts 2.3.
A Bíblia diz que “não devemos andar em conformidade
com o mundo, mas devemos sim, ser transformados e
experimentar a boa, agradável e perfeita vontade de
Deus.” Rm 12.1-2.
E qual é a vontade de Deus para nós?
Que anunciemos a Salvação em Cristo a todos os
homens. Esta é a nossa Missão.
Conclusão
A   palavra    de      ordem   nesses    últimos
tempos,   prestes   ao   retorno   de   Jesus   é
“Evangelizar”. Todos os que foram resgatados das
mãos de Satanás, e libertos de uma vida de
pecado, têm como dever expressar sua gratidão
ao Senhor, dispondo-se a evangelizar pessoas que
ainda vivem aprisionadas pelo pecado, por não
conhecerem a Cristo.
Somente tornando-se semelhante ao seu
Senhor, a Igreja poderá fazer o seu Nome
conhecido em toda a Terra!




    Veja mais subsídios em : http://leiturasdaquenia.blogspot.com

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Leituras: 3º domingo do Advento - Ano B
Leituras: 3º domingo do Advento - Ano BLeituras: 3º domingo do Advento - Ano B
Leituras: 3º domingo do Advento - Ano BJosé Lima
 
Lição 12 - Um Amigo Chamado Espírito Santo
Lição 12 - Um Amigo Chamado Espírito SantoLição 12 - Um Amigo Chamado Espírito Santo
Lição 12 - Um Amigo Chamado Espírito SantoÉder Tomé
 
O 'evangelho' do evangelismo
O 'evangelho' do evangelismoO 'evangelho' do evangelismo
O 'evangelho' do evangelismoAllen Porto
 
Santidade e Vida Cristã
Santidade e Vida CristãSantidade e Vida Cristã
Santidade e Vida CristãJUERP
 
6. o batismo no espirito santo
6. o batismo no espirito santo6. o batismo no espirito santo
6. o batismo no espirito santoTalmedin Tedi
 
Santificação o que jesus espera de mim
Santificação o que jesus espera de mimSantificação o que jesus espera de mim
Santificação o que jesus espera de mimRômulo Martins
 
Ellen White e a Bíblia - Quem é o consolador?
Ellen White e a Bíblia - Quem é o consolador?Ellen White e a Bíblia - Quem é o consolador?
Ellen White e a Bíblia - Quem é o consolador?José Silva
 
ASSIM DIZ O SENHOR
ASSIM DIZ O SENHORASSIM DIZ O SENHOR
ASSIM DIZ O SENHORibpd
 
Santificação : Uma nova maneira de viver
Santificação : Uma nova maneira de viverSantificação : Uma nova maneira de viver
Santificação : Uma nova maneira de viverESTUDANTETEOLOGIA
 
Lição 9 - Espírito Santo, o Consolador
Lição 9 - Espírito Santo, o ConsoladorLição 9 - Espírito Santo, o Consolador
Lição 9 - Espírito Santo, o ConsoladorÉder Tomé
 
Sinais da volta de jesus ii terça-feira
Sinais da volta de jesus ii   terça-feiraSinais da volta de jesus ii   terça-feira
Sinais da volta de jesus ii terça-feiramarcelino025
 

Mais procurados (14)

Leituras: 3º domingo do Advento - Ano B
Leituras: 3º domingo do Advento - Ano BLeituras: 3º domingo do Advento - Ano B
Leituras: 3º domingo do Advento - Ano B
 
Lição 12 - Um Amigo Chamado Espírito Santo
Lição 12 - Um Amigo Chamado Espírito SantoLição 12 - Um Amigo Chamado Espírito Santo
Lição 12 - Um Amigo Chamado Espírito Santo
 
O 'evangelho' do evangelismo
O 'evangelho' do evangelismoO 'evangelho' do evangelismo
O 'evangelho' do evangelismo
 
Santidade e Vida Cristã
Santidade e Vida CristãSantidade e Vida Cristã
Santidade e Vida Cristã
 
6. o batismo no espirito santo
6. o batismo no espirito santo6. o batismo no espirito santo
6. o batismo no espirito santo
 
Santificação o que jesus espera de mim
Santificação o que jesus espera de mimSantificação o que jesus espera de mim
Santificação o que jesus espera de mim
 
A Graça de Deus
A Graça de DeusA Graça de Deus
A Graça de Deus
 
Ellen White e a Bíblia - Quem é o consolador?
Ellen White e a Bíblia - Quem é o consolador?Ellen White e a Bíblia - Quem é o consolador?
Ellen White e a Bíblia - Quem é o consolador?
 
ASSIM DIZ O SENHOR
ASSIM DIZ O SENHORASSIM DIZ O SENHOR
ASSIM DIZ O SENHOR
 
Santificação : Uma nova maneira de viver
Santificação : Uma nova maneira de viverSantificação : Uma nova maneira de viver
Santificação : Uma nova maneira de viver
 
Santificação
SantificaçãoSantificação
Santificação
 
Novo nascimento
Novo nascimentoNovo nascimento
Novo nascimento
 
Lição 9 - Espírito Santo, o Consolador
Lição 9 - Espírito Santo, o ConsoladorLição 9 - Espírito Santo, o Consolador
Lição 9 - Espírito Santo, o Consolador
 
Sinais da volta de jesus ii terça-feira
Sinais da volta de jesus ii   terça-feiraSinais da volta de jesus ii   terça-feira
Sinais da volta de jesus ii terça-feira
 

Destaque

Romanos lição 1 - Apresentando o Evangelho
Romanos lição 1  - Apresentando o EvangelhoRomanos lição 1  - Apresentando o Evangelho
Romanos lição 1 - Apresentando o EvangelhoCleide Corrêa
 
Conversão e justiça pela fé3
Conversão e justiça pela fé3Conversão e justiça pela fé3
Conversão e justiça pela fé3Hezir Henrique
 
O Espírito Santo no Ato da Conversão
O Espírito Santo no Ato da ConversãoO Espírito Santo no Ato da Conversão
O Espírito Santo no Ato da ConversãoRogério Nunes
 
Conversão e justiça pela fé1
Conversão e justiça pela fé1Conversão e justiça pela fé1
Conversão e justiça pela fé1Hezir Henrique
 
2016 3 TRI LIÇÃO 10 - O MESSIAS DAVÍDICO E SEU REINO
2016 3 TRI LIÇÃO 10 - O MESSIAS DAVÍDICO E SEU REINO2016 3 TRI LIÇÃO 10 - O MESSIAS DAVÍDICO E SEU REINO
2016 3 TRI LIÇÃO 10 - O MESSIAS DAVÍDICO E SEU REINONatalino das Neves Neves
 
Os impérios mundiais e o reino do Messias
Os impérios mundiais e o reino do MessiasOs impérios mundiais e o reino do Messias
Os impérios mundiais e o reino do MessiasMoisés Sampaio
 
Teologia do novo testamento
Teologia do novo testamentoTeologia do novo testamento
Teologia do novo testamentoFilipe Rhuan
 
Aprendendo a cuidar uns dos outros 2
Aprendendo a cuidar uns dos outros 2Aprendendo a cuidar uns dos outros 2
Aprendendo a cuidar uns dos outros 2Pr. Ricardo Rodolfo
 
apostila-manual-discipulado
apostila-manual-discipuladoapostila-manual-discipulado
apostila-manual-discipuladoBruno Borges
 
Lição 2 - A mensagem do reino de Deus
Lição 2 - A mensagem do reino de DeusLição 2 - A mensagem do reino de Deus
Lição 2 - A mensagem do reino de DeusAilton da Silva
 
Família x Escola
Família x EscolaFamília x Escola
Família x Escolaestercotrim
 
A importância da parceria família e escola(chico mendes)
A importância da parceria família e escola(chico mendes)A importância da parceria família e escola(chico mendes)
A importância da parceria família e escola(chico mendes)Isabela Rodrigues
 
Lição 7 - Benignidade - um escudo protetor contra as porfias
Lição 7 - Benignidade - um escudo protetor contra as porfiasLição 7 - Benignidade - um escudo protetor contra as porfias
Lição 7 - Benignidade - um escudo protetor contra as porfiasAilton da Silva
 

Destaque (14)

Romanos lição 1 - Apresentando o Evangelho
Romanos lição 1  - Apresentando o EvangelhoRomanos lição 1  - Apresentando o Evangelho
Romanos lição 1 - Apresentando o Evangelho
 
Conversão e justiça pela fé3
Conversão e justiça pela fé3Conversão e justiça pela fé3
Conversão e justiça pela fé3
 
O Espírito Santo no Ato da Conversão
O Espírito Santo no Ato da ConversãoO Espírito Santo no Ato da Conversão
O Espírito Santo no Ato da Conversão
 
A Conversão
A ConversãoA Conversão
A Conversão
 
Conversão e justiça pela fé1
Conversão e justiça pela fé1Conversão e justiça pela fé1
Conversão e justiça pela fé1
 
2016 3 TRI LIÇÃO 10 - O MESSIAS DAVÍDICO E SEU REINO
2016 3 TRI LIÇÃO 10 - O MESSIAS DAVÍDICO E SEU REINO2016 3 TRI LIÇÃO 10 - O MESSIAS DAVÍDICO E SEU REINO
2016 3 TRI LIÇÃO 10 - O MESSIAS DAVÍDICO E SEU REINO
 
Os impérios mundiais e o reino do Messias
Os impérios mundiais e o reino do MessiasOs impérios mundiais e o reino do Messias
Os impérios mundiais e o reino do Messias
 
Teologia do novo testamento
Teologia do novo testamentoTeologia do novo testamento
Teologia do novo testamento
 
Aprendendo a cuidar uns dos outros 2
Aprendendo a cuidar uns dos outros 2Aprendendo a cuidar uns dos outros 2
Aprendendo a cuidar uns dos outros 2
 
apostila-manual-discipulado
apostila-manual-discipuladoapostila-manual-discipulado
apostila-manual-discipulado
 
Lição 2 - A mensagem do reino de Deus
Lição 2 - A mensagem do reino de DeusLição 2 - A mensagem do reino de Deus
Lição 2 - A mensagem do reino de Deus
 
Família x Escola
Família x EscolaFamília x Escola
Família x Escola
 
A importância da parceria família e escola(chico mendes)
A importância da parceria família e escola(chico mendes)A importância da parceria família e escola(chico mendes)
A importância da parceria família e escola(chico mendes)
 
Lição 7 - Benignidade - um escudo protetor contra as porfias
Lição 7 - Benignidade - um escudo protetor contra as porfiasLição 7 - Benignidade - um escudo protetor contra as porfias
Lição 7 - Benignidade - um escudo protetor contra as porfias
 

Semelhante a Conquistando vidas para o Reino de Deus

Declaração doutrinária da CBB
Declaração doutrinária da CBBDeclaração doutrinária da CBB
Declaração doutrinária da CBBmdscs81
 
Declaração Doutrinaria da Convenção Batista Brasileira
Declaração Doutrinaria da Convenção Batista BrasileiraDeclaração Doutrinaria da Convenção Batista Brasileira
Declaração Doutrinaria da Convenção Batista BrasileiraIgreja Batista em Camobi
 
Declaração doutrinária da CBB
Declaração doutrinária da CBBDeclaração doutrinária da CBB
Declaração doutrinária da CBBmdscs81
 
Uma perspectiva Pentecostal de Evangelismo e Missões.pptx
Uma perspectiva Pentecostal de Evangelismo e Missões.pptxUma perspectiva Pentecostal de Evangelismo e Missões.pptx
Uma perspectiva Pentecostal de Evangelismo e Missões.pptxJorgeVieira668836
 
Sexta feira semana de formação
Sexta feira   semana de formaçãoSexta feira   semana de formação
Sexta feira semana de formaçãoLuciano852456
 
TODAS AS LIÇÕES DO TERCEIRO TRIMESTRE DE 2016
TODAS AS LIÇÕES DO TERCEIRO TRIMESTRE DE 2016 TODAS AS LIÇÕES DO TERCEIRO TRIMESTRE DE 2016
TODAS AS LIÇÕES DO TERCEIRO TRIMESTRE DE 2016 Elias Farias
 
Declaração doutrinaria da convenção batista brasileira
Declaração doutrinaria da convenção batista brasileiraDeclaração doutrinaria da convenção batista brasileira
Declaração doutrinaria da convenção batista brasileirapibfsa
 
Aula 6 Discipulado Cristão PDF.pdf-Seminário
Aula 6 Discipulado Cristão PDF.pdf-SeminárioAula 6 Discipulado Cristão PDF.pdf-Seminário
Aula 6 Discipulado Cristão PDF.pdf-Semináriosebastiaoluzemboluz
 
2 - O periodo dos apostolos.pptx
2 - O periodo dos apostolos.pptx2 - O periodo dos apostolos.pptx
2 - O periodo dos apostolos.pptxPIB Penha - SP
 
Oração: a força do reavivamento resumo 232013
Oração: a força do reavivamento resumo 232013Oração: a força do reavivamento resumo 232013
Oração: a força do reavivamento resumo 232013Gerson G. Ramos
 
Lição 5 O Avivamento na vida da Igreja.pptx
Lição 5 O Avivamento na vida da Igreja.pptxLição 5 O Avivamento na vida da Igreja.pptx
Lição 5 O Avivamento na vida da Igreja.pptxCelso Napoleon
 
HISTÓRIA DO MINISTÉRIO PENTECOSTAL ROMPENDO EM FÉ
HISTÓRIA DO MINISTÉRIO PENTECOSTAL ROMPENDO EM FÉHISTÓRIA DO MINISTÉRIO PENTECOSTAL ROMPENDO EM FÉ
HISTÓRIA DO MINISTÉRIO PENTECOSTAL ROMPENDO EM FÉjoaquim2010_2011
 
Declaração doutrinária da convenção-
  Declaração doutrinária da convenção-  Declaração doutrinária da convenção-
Declaração doutrinária da convenção-Souza1509
 
Declaração doutrinária da convenção-
  Declaração doutrinária da convenção-  Declaração doutrinária da convenção-
Declaração doutrinária da convenção-Souza1509
 
Declaração doutrinária da convenção-
  Declaração doutrinária da convenção-  Declaração doutrinária da convenção-
Declaração doutrinária da convenção-Souza1509
 
[EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 7 - A oração ...
[EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 7 - A oração ...[EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 7 - A oração ...
[EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 7 - A oração ...José Carlos Polozi
 
Lição 6 as funções da igreja
Lição  6  as funções da igrejaLição  6  as funções da igreja
Lição 6 as funções da igrejaCésar Aguiar
 
A evangelização integral nesta última hora - Lição 13 - 3º Trimestre 2016
A evangelização integral nesta última hora - Lição 13 - 3º Trimestre 2016A evangelização integral nesta última hora - Lição 13 - 3º Trimestre 2016
A evangelização integral nesta última hora - Lição 13 - 3º Trimestre 2016Pr. Andre Luiz
 

Semelhante a Conquistando vidas para o Reino de Deus (20)

Declaração doutrinária da CBB
Declaração doutrinária da CBBDeclaração doutrinária da CBB
Declaração doutrinária da CBB
 
Declaração Doutrinaria da Convenção Batista Brasileira
Declaração Doutrinaria da Convenção Batista BrasileiraDeclaração Doutrinaria da Convenção Batista Brasileira
Declaração Doutrinaria da Convenção Batista Brasileira
 
Declaração doutrinária da CBB
Declaração doutrinária da CBBDeclaração doutrinária da CBB
Declaração doutrinária da CBB
 
Uma perspectiva Pentecostal de Evangelismo e Missões.pptx
Uma perspectiva Pentecostal de Evangelismo e Missões.pptxUma perspectiva Pentecostal de Evangelismo e Missões.pptx
Uma perspectiva Pentecostal de Evangelismo e Missões.pptx
 
Sexta feira semana de formação
Sexta feira   semana de formaçãoSexta feira   semana de formação
Sexta feira semana de formação
 
TODAS AS LIÇÕES DO TERCEIRO TRIMESTRE DE 2016
TODAS AS LIÇÕES DO TERCEIRO TRIMESTRE DE 2016 TODAS AS LIÇÕES DO TERCEIRO TRIMESTRE DE 2016
TODAS AS LIÇÕES DO TERCEIRO TRIMESTRE DE 2016
 
Declaração doutrinaria da convenção batista brasileira
Declaração doutrinaria da convenção batista brasileiraDeclaração doutrinaria da convenção batista brasileira
Declaração doutrinaria da convenção batista brasileira
 
Aula 6 Discipulado Cristão PDF.pdf-Seminário
Aula 6 Discipulado Cristão PDF.pdf-SeminárioAula 6 Discipulado Cristão PDF.pdf-Seminário
Aula 6 Discipulado Cristão PDF.pdf-Seminário
 
2 - O periodo dos apostolos.pptx
2 - O periodo dos apostolos.pptx2 - O periodo dos apostolos.pptx
2 - O periodo dos apostolos.pptx
 
Oração: a força do reavivamento resumo 232013
Oração: a força do reavivamento resumo 232013Oração: a força do reavivamento resumo 232013
Oração: a força do reavivamento resumo 232013
 
Lição 5 O Avivamento na vida da Igreja.pptx
Lição 5 O Avivamento na vida da Igreja.pptxLição 5 O Avivamento na vida da Igreja.pptx
Lição 5 O Avivamento na vida da Igreja.pptx
 
HISTÓRIA DO MINISTÉRIO PENTECOSTAL ROMPENDO EM FÉ
HISTÓRIA DO MINISTÉRIO PENTECOSTAL ROMPENDO EM FÉHISTÓRIA DO MINISTÉRIO PENTECOSTAL ROMPENDO EM FÉ
HISTÓRIA DO MINISTÉRIO PENTECOSTAL ROMPENDO EM FÉ
 
AMestreEduardo.pptx
AMestreEduardo.pptxAMestreEduardo.pptx
AMestreEduardo.pptx
 
O ano da fé
O ano da féO ano da fé
O ano da fé
 
Declaração doutrinária da convenção-
  Declaração doutrinária da convenção-  Declaração doutrinária da convenção-
Declaração doutrinária da convenção-
 
Declaração doutrinária da convenção-
  Declaração doutrinária da convenção-  Declaração doutrinária da convenção-
Declaração doutrinária da convenção-
 
Declaração doutrinária da convenção-
  Declaração doutrinária da convenção-  Declaração doutrinária da convenção-
Declaração doutrinária da convenção-
 
[EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 7 - A oração ...
[EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 7 - A oração ...[EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 7 - A oração ...
[EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 7 - A oração ...
 
Lição 6 as funções da igreja
Lição  6  as funções da igrejaLição  6  as funções da igreja
Lição 6 as funções da igreja
 
A evangelização integral nesta última hora - Lição 13 - 3º Trimestre 2016
A evangelização integral nesta última hora - Lição 13 - 3º Trimestre 2016A evangelização integral nesta última hora - Lição 13 - 3º Trimestre 2016
A evangelização integral nesta última hora - Lição 13 - 3º Trimestre 2016
 

Mais de Quenia Damata

Parabéns Pastora Zade
Parabéns Pastora ZadeParabéns Pastora Zade
Parabéns Pastora ZadeQuenia Damata
 
Jônatas, um amigo para todas as horas - Lição 5 - Viver +
Jônatas, um amigo para todas as horas - Lição 5 - Viver +Jônatas, um amigo para todas as horas - Lição 5 - Viver +
Jônatas, um amigo para todas as horas - Lição 5 - Viver +Quenia Damata
 
Dinâmica do Quebra-Cabeça - Incentivar a união e participação
Dinâmica do Quebra-Cabeça - Incentivar a união e participaçãoDinâmica do Quebra-Cabeça - Incentivar a união e participação
Dinâmica do Quebra-Cabeça - Incentivar a união e participaçãoQuenia Damata
 
O Homem e sua origem - lição 7
O Homem e sua origem - lição 7O Homem e sua origem - lição 7
O Homem e sua origem - lição 7Quenia Damata
 
Os seres angelicais - Lição 6 revista Juvenis (CPAD)
Os seres angelicais - Lição 6 revista Juvenis (CPAD)Os seres angelicais - Lição 6 revista Juvenis (CPAD)
Os seres angelicais - Lição 6 revista Juvenis (CPAD)Quenia Damata
 
O Fruto do Espírito Santo
O Fruto do Espírito SantoO Fruto do Espírito Santo
O Fruto do Espírito SantoQuenia Damata
 
Lição10: Ministrando aos galileus
Lição10: Ministrando aos galileusLição10: Ministrando aos galileus
Lição10: Ministrando aos galileusQuenia Damata
 
As parábolas de Jesus
As parábolas de JesusAs parábolas de Jesus
As parábolas de JesusQuenia Damata
 
Lição 10: A necessidade e a urgência do culto doméstico
Lição 10: A necessidade e a urgência do culto domésticoLição 10: A necessidade e a urgência do culto doméstico
Lição 10: A necessidade e a urgência do culto domésticoQuenia Damata
 
Lição 9: Trabalhando na Judeia
Lição 9: Trabalhando na JudeiaLição 9: Trabalhando na Judeia
Lição 9: Trabalhando na JudeiaQuenia Damata
 
A tentação de Jesus
A tentação de Jesus A tentação de Jesus
A tentação de Jesus Quenia Damata
 
A história de João Batista
A história de João BatistaA história de João Batista
A história de João BatistaQuenia Damata
 
Lição 2: Os caminhos de Deus
Lição 2: Os caminhos de DeusLição 2: Os caminhos de Deus
Lição 2: Os caminhos de DeusQuenia Damata
 
Tudo tem o seu tempo - Lição 11 CPAD
Tudo tem o seu tempo - Lição 11 CPADTudo tem o seu tempo - Lição 11 CPAD
Tudo tem o seu tempo - Lição 11 CPADQuenia Damata
 
Dinâmica: Corpo, Alma e Espírito
Dinâmica: Corpo, Alma e EspíritoDinâmica: Corpo, Alma e Espírito
Dinâmica: Corpo, Alma e EspíritoQuenia Damata
 
Adolescentes Vencedores, Lição 08 : Antenados!
Adolescentes Vencedores, Lição 08 : Antenados!Adolescentes Vencedores, Lição 08 : Antenados!
Adolescentes Vencedores, Lição 08 : Antenados!Quenia Damata
 
Você está podendo?
Você está podendo?Você está podendo?
Você está podendo?Quenia Damata
 
Autoridade das Escrituras
Autoridade das EscriturasAutoridade das Escrituras
Autoridade das EscriturasQuenia Damata
 
Licao 04 - Adolescentes Vencedores: Quem manda em você?
Licao 04 - Adolescentes Vencedores: Quem  manda em você?Licao 04 - Adolescentes Vencedores: Quem  manda em você?
Licao 04 - Adolescentes Vencedores: Quem manda em você?Quenia Damata
 

Mais de Quenia Damata (20)

Parabéns Pastora Zade
Parabéns Pastora ZadeParabéns Pastora Zade
Parabéns Pastora Zade
 
Jônatas, um amigo para todas as horas - Lição 5 - Viver +
Jônatas, um amigo para todas as horas - Lição 5 - Viver +Jônatas, um amigo para todas as horas - Lição 5 - Viver +
Jônatas, um amigo para todas as horas - Lição 5 - Viver +
 
Dinâmica do Quebra-Cabeça - Incentivar a união e participação
Dinâmica do Quebra-Cabeça - Incentivar a união e participaçãoDinâmica do Quebra-Cabeça - Incentivar a união e participação
Dinâmica do Quebra-Cabeça - Incentivar a união e participação
 
O Homem e sua origem - lição 7
O Homem e sua origem - lição 7O Homem e sua origem - lição 7
O Homem e sua origem - lição 7
 
Os seres angelicais - Lição 6 revista Juvenis (CPAD)
Os seres angelicais - Lição 6 revista Juvenis (CPAD)Os seres angelicais - Lição 6 revista Juvenis (CPAD)
Os seres angelicais - Lição 6 revista Juvenis (CPAD)
 
O Fruto do Espírito Santo
O Fruto do Espírito SantoO Fruto do Espírito Santo
O Fruto do Espírito Santo
 
Lição10: Ministrando aos galileus
Lição10: Ministrando aos galileusLição10: Ministrando aos galileus
Lição10: Ministrando aos galileus
 
As parábolas de Jesus
As parábolas de JesusAs parábolas de Jesus
As parábolas de Jesus
 
Lição 10: A necessidade e a urgência do culto doméstico
Lição 10: A necessidade e a urgência do culto domésticoLição 10: A necessidade e a urgência do culto doméstico
Lição 10: A necessidade e a urgência do culto doméstico
 
Lição 9: Trabalhando na Judeia
Lição 9: Trabalhando na JudeiaLição 9: Trabalhando na Judeia
Lição 9: Trabalhando na Judeia
 
A tentação de Jesus
A tentação de Jesus A tentação de Jesus
A tentação de Jesus
 
A história de João Batista
A história de João BatistaA história de João Batista
A história de João Batista
 
Lição 2: Os caminhos de Deus
Lição 2: Os caminhos de DeusLição 2: Os caminhos de Deus
Lição 2: Os caminhos de Deus
 
Tudo tem o seu tempo - Lição 11 CPAD
Tudo tem o seu tempo - Lição 11 CPADTudo tem o seu tempo - Lição 11 CPAD
Tudo tem o seu tempo - Lição 11 CPAD
 
Dinâmica: Corpo, Alma e Espírito
Dinâmica: Corpo, Alma e EspíritoDinâmica: Corpo, Alma e Espírito
Dinâmica: Corpo, Alma e Espírito
 
Adolescentes Vencedores, Lição 08 : Antenados!
Adolescentes Vencedores, Lição 08 : Antenados!Adolescentes Vencedores, Lição 08 : Antenados!
Adolescentes Vencedores, Lição 08 : Antenados!
 
Você está podendo?
Você está podendo?Você está podendo?
Você está podendo?
 
Autoridade das Escrituras
Autoridade das EscriturasAutoridade das Escrituras
Autoridade das Escrituras
 
Licao 04 - Adolescentes Vencedores: Quem manda em você?
Licao 04 - Adolescentes Vencedores: Quem  manda em você?Licao 04 - Adolescentes Vencedores: Quem  manda em você?
Licao 04 - Adolescentes Vencedores: Quem manda em você?
 
O Natal em mangá
O Natal em mangáO Natal em mangá
O Natal em mangá
 

Último

Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptxIgreja Jesus é o Verbo
 
ESQUEMA PARA LECTIO DIVINA PARA LEIGOS 2024
ESQUEMA PARA LECTIO DIVINA PARA LEIGOS 2024ESQUEMA PARA LECTIO DIVINA PARA LEIGOS 2024
ESQUEMA PARA LECTIO DIVINA PARA LEIGOS 2024LeonardoQuintanilha4
 
Especialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptx
Especialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptxEspecialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptx
Especialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptxViniciusPetersen1
 
Livro Atos dos apóstolos estudo 12- Cap 25 e 26.pptx
Livro Atos dos apóstolos  estudo 12- Cap 25 e 26.pptxLivro Atos dos apóstolos  estudo 12- Cap 25 e 26.pptx
Livro Atos dos apóstolos estudo 12- Cap 25 e 26.pptxPIB Penha
 
Ciclos de Aprendizados: “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...
Ciclos de Aprendizados:  “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...Ciclos de Aprendizados:  “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...
Ciclos de Aprendizados: “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...M.R.L
 
Bíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptxIgreja Jesus é o Verbo
 
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdfOrações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdfStelaWilbert
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação Necessária
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação NecessáriaSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação Necessária
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação NecessáriaRicardo Azevedo
 
Folder clube de Desbravadores.............
Folder clube de Desbravadores.............Folder clube de Desbravadores.............
Folder clube de Desbravadores.............MilyFonceca
 
Oração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
Oração Para Os Estudos São Tomás De AquinoOração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
Oração Para Os Estudos São Tomás De AquinoNilson Almeida
 
Curso Básico de Teologia - Bibliologia - Apresentação
Curso Básico de Teologia - Bibliologia - ApresentaçãoCurso Básico de Teologia - Bibliologia - Apresentação
Curso Básico de Teologia - Bibliologia - Apresentaçãoantonio211075
 
Hermann Hesse - Sidarta - Livro para Autoconhecimento
Hermann Hesse - Sidarta - Livro para AutoconhecimentoHermann Hesse - Sidarta - Livro para Autoconhecimento
Hermann Hesse - Sidarta - Livro para AutoconhecimentoFabioLofrano
 
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptxIgreja Jesus é o Verbo
 

Último (13)

Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
 
ESQUEMA PARA LECTIO DIVINA PARA LEIGOS 2024
ESQUEMA PARA LECTIO DIVINA PARA LEIGOS 2024ESQUEMA PARA LECTIO DIVINA PARA LEIGOS 2024
ESQUEMA PARA LECTIO DIVINA PARA LEIGOS 2024
 
Especialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptx
Especialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptxEspecialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptx
Especialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptx
 
Livro Atos dos apóstolos estudo 12- Cap 25 e 26.pptx
Livro Atos dos apóstolos  estudo 12- Cap 25 e 26.pptxLivro Atos dos apóstolos  estudo 12- Cap 25 e 26.pptx
Livro Atos dos apóstolos estudo 12- Cap 25 e 26.pptx
 
Ciclos de Aprendizados: “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...
Ciclos de Aprendizados:  “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...Ciclos de Aprendizados:  “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...
Ciclos de Aprendizados: “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...
 
Bíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptx
 
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdfOrações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação Necessária
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação NecessáriaSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação Necessária
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação Necessária
 
Folder clube de Desbravadores.............
Folder clube de Desbravadores.............Folder clube de Desbravadores.............
Folder clube de Desbravadores.............
 
Oração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
Oração Para Os Estudos São Tomás De AquinoOração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
Oração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
 
Curso Básico de Teologia - Bibliologia - Apresentação
Curso Básico de Teologia - Bibliologia - ApresentaçãoCurso Básico de Teologia - Bibliologia - Apresentação
Curso Básico de Teologia - Bibliologia - Apresentação
 
Hermann Hesse - Sidarta - Livro para Autoconhecimento
Hermann Hesse - Sidarta - Livro para AutoconhecimentoHermann Hesse - Sidarta - Livro para Autoconhecimento
Hermann Hesse - Sidarta - Livro para Autoconhecimento
 
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
 

Conquistando vidas para o Reino de Deus

  • 1. Conquistando vidas para o Reino de Deus Lição 7
  • 2. Textos Bíblicos Atos 2 Trecho: “E, cumprindo-se o dia de Pentecostes, estavam todos concordemente no mesmo lugar; E de repente veio do céu um som, como de um vento veemente e impetuoso, e encheu toda a casa em que estavam assentados. E foram vistas por eles línguas repartidas, como que de fogo, as quais pousaram sobre cada um deles. E todos foram cheios do Espírito Santo, e começaram a falar noutras línguas, conforme o Espírito Santo lhes concedia que falassem.” Atos 2:1-4
  • 3. Textos Bíblicos Mas o Espírito expressamente diz que nos últimos tempos apostatarão alguns da fé, dando ouvidos a espíritos enganadores, e a doutrinas de demônios; Pela hipocrisia de homens que falam mentiras, tendo cauterizada a sua própria consciência; Proibindo o casamento, e ordenando a abstinência dos alimentos que Deus criou para os fiéis, e para os que conhecem a verdade, a fim de usarem deles com ações de graças; Porque toda a criatura de Deus é boa, e não há nada que rejeitar, sendo recebido com ações de graças. Porque pela palavra de Deus e pela oração é santificada. Propondo estas coisas aos irmãos, serás bom ministro de Jesus Cristo, criado com as palavras da fé e da boa doutrina que tens seguido. Mas rejeita as fábulas profanas e de velhas, e exercita-te a ti mesmo em piedade; 1 Timóteo 4:1-7
  • 4. Mensagem Valiosa “E disse-lhes: Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura”, Mc 16.15
  • 5. Verdade Aplicada A expansão do Reino de Deus depende da nossa fidelidade ao Senhor e persistência ao realizar a Sua obra.
  • 6. Introdução Os discípulos de Jesus não eram pessoas perfeitas ou dotadas de qualidades excepcionais, mas foram incumbidos de realizar a mais importante tarefa já atribuída ao homem: evangelizar o mundo.
  • 7. O que os moviam era uma fé poderosa e ativa em Cristo, tirando-os do comodismo, da “zona de conforto”, colocando-os à frente de batalhas e confrontos! A fé autêntica é demonstrada através do amor e a qualidade do serviço a Deus.
  • 8. Você se sente confortável? Assista ao vídeo abaixo!
  • 9. 1. Missões no dia de Pentecoste A origem do Pentecostes vem do Antigo Testamento, uma celebração da colheita (Êxodo 23, 14), dia de alegria e ação de graças, portanto, uma festa agrária. Nesta, o povo oferecia a Deus os primeiros frutos que a terra tinha produzido. Mais tarde, tornou-se também a festa da renovação da Aliança do Sinai (Ex 19, 1-16). Fonte: http://www.comshalom.org/formacao/exibir.php?form_id=1844
  • 10. No Novo Testamento, o Pentecostes está relatado no livro dos Atos dos Apóstolos 2, 1-13. O Patriarca Atenágoras (1948-1972) falou da importância do Pentecostes: "Sem o Espírito Santo, Deus está distante, o Cristo permanece no passado, o evangelho uma letra morta, a Igreja uma simples organização, a autoridade um poder, a missão uma propaganda, o culto um arcaísmo, e a ação moral uma ação de escravos". O Espírito traz presente o Ressuscitado à sua Igreja e lhe garante a vida e a eficácia da missão.
  • 11. O Pentecostes marca o nascimento da Igreja e sua vocação para a missão universal.
  • 12. Conclusões práticas desse episódio: A presença do Espírito Santo impulsiona o crente: 1. A levar a mensagem para fora dos templos; 2. A não se contentar tão somente com uma experiência simplesmente religiosa; 3. Fazer Cristo conhecido a todos.
  • 13. 2. É preciso ter uma fé prática A Igreja Primitiva teve seu início dentro de um contexto de perseguição, discriminação, problemas sociais e políticos. Não tinham homens e mulheres letrados e intelectuais, nem grandes conhecimentos humanos. Era formada de pessoas simples que possuíam a mesma fé. Eles professavam e viviam a fé em Cristo, na prática, At 2.46.
  • 14. 3. É tempo de mudar... A apostasia espiritual tem crescido no meio evangélico, sem que muitos tomem conhecimento de que esse é um dos sinais mais evidentes da volta de Jesus, ou seja o arrebatamento da Igreja de Cristo, 2 Ts 2.3.
  • 15. A Bíblia diz que “não devemos andar em conformidade com o mundo, mas devemos sim, ser transformados e experimentar a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.” Rm 12.1-2. E qual é a vontade de Deus para nós? Que anunciemos a Salvação em Cristo a todos os homens. Esta é a nossa Missão.
  • 16. Conclusão A palavra de ordem nesses últimos tempos, prestes ao retorno de Jesus é “Evangelizar”. Todos os que foram resgatados das mãos de Satanás, e libertos de uma vida de pecado, têm como dever expressar sua gratidão ao Senhor, dispondo-se a evangelizar pessoas que ainda vivem aprisionadas pelo pecado, por não conhecerem a Cristo.
  • 17. Somente tornando-se semelhante ao seu Senhor, a Igreja poderá fazer o seu Nome conhecido em toda a Terra! Veja mais subsídios em : http://leiturasdaquenia.blogspot.com