A câmera fotográfica

1.034 visualizações

Publicada em

aula de fotografia básica - a camera fotográfica

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.034
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
29
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A câmera fotográfica

  1. 1. A Câmera Fotográfica<br />Funcionamento, tipos e usos.<br />
  2. 2. Tipos de Câmera<br />COMPACTAS<br />São as câmeras mais comuns atualmente no mercado, pois possui um ótimo custo/benefício. Apesar de ser uma câmera bem limitada ela é ideal para iniciantes pois é bem simples de ser usada e não possui muitas funções. Todas as marcas populares oferecem câmeras desse tipo. <br />O zoom varia de 3x até 5x e vai de 8 até 12 megapixels. <br />Exemplo: Sony H10. <br />Esta câmera também são conhecidas no mercado como point & shot, ou seja, são máquinas para iniciantes. Basta focar no que quiser e bater a foto,  não há necessidade de utilizar funções personalizadas e complicadas.<br />
  3. 3. SUPER COMPACTAS<br />São câmeras de bolso superfinas. Geralmente elas possuem 3x zoom e variam de oito a 10 megapixels. <br />Exemplo: linha T Sony<br />CELULARES<br />As câmeras embutidas em celulares mais avançados têm uma tecnologia parecida com a das câmeras ultracompactas. Nos celulares mais antigos eram encontradas câmeras VGA (meio megapixel), uma qualidade parecida com a das webcams antigas. Hoje já é possível encontrar celulares com até 12 mp.<br />
  4. 4. BRIDGE OU SEMI-PROFISSIONAIS<br />É uma câmera que faz uma “ponte” entre as compactas e as DSRLs (profissionais). A operação dela é basicamente igual a das compactas porém com com recursos mais avançados, como regulação de obturador, tempo de exposição e a possibilidade de tirar fotos no formato RAW. Além disso essas câmeras possuem um zoom muito mais potente (por isso também são frequentemente conhecidas como Superzooms), e possuem diversos acessórios, como lentes e flash externo. <br />Exemplo: Canon PowerShotG10, POWERSHOT SX30IS, POWERSHOT SX130IS<br />NIKON COOLPIX P100, COOLPIX P7100, COOLPIX P500<br />
  5. 5. DSRL – CÂMERAS PROFISSIONAIS - REFLEX<br />Estas são as câmeras utilizadas por profissionais e por amadores avançados. DSLR significa, em inglês: Digital SingleLensReflex. Nessas câmeras a luz que entra através da lente, é refletida em um espelho e transferida para uma tela de visualização. <br />Esse jogo de vidros e espelhos faz com que, olhando pelo visor (não a tela de LCD), você veja exatamente o que a lente está “vendo”. Nelas também é possível trocar as lentes. Você pode utilizar uma variedade muito grande de lentes afim de obter diferentes efeitos e resultados. Atualmente no mercado existem vários tipos de lentes que variam de preço mais baixos até as mais caras que chegam a custar R$ 20.000,00. Você pode comprar uma espécie de “kit”, onde o corpo da câmera já vem com uma lente, a média de preço varia de R$ 2.500,00 até R$ 15.000,00 e podem ser encontradas de diversas marcas, como Canon, Sony e Nikon. <br />
  6. 6.
  7. 7. CÂMERAS MÉDIO FORMATO<br />Câmera com qualidade elevadíssima e custo idem, equipada com um sensor digital grande (mas não exatamente igual em dimensões aos filmes de médio formato). As fotos que produz são extremamente nítidas e seu principal emprego é em fotografia de publicidade  e ensaios de moda. A empresa sueca Hasselblad é referência. A HasselbladH3DII-50MS.faz fotos de até 50 MP. <br />Além da assustadora quantidade de megapixels, a monstrinha vem com sistema multi-shot, que proporciona à câmera a capacidade de capturar quatro fotos consecutivas. Ela ainda conta com sensor de 36 por 48 milímetros, sensibilidade de ISO que vai de 50 a 400 e tela de LCD com 3 polegadas. A  câmera ainda possui a bacana tecnologia de geo-referenciamento. Preço em torno de 34 mil dólares<br />
  8. 8. CARTÕES DE MEMÓRIA<br />Os cartões de memória são baseados na tecnologia Flash, que foi desenvolvida pela Toshiba em 1980. Esta memória é parecida coma memória RAM (Random Access Memory), que é usada nos computadores, com a diferença que ela retém os dados, ao contrário da memória RAM, que os apaga quando o aparelho é desligado. (UOL Tecnologia)<br />Cada câmera tem um tipo especifico de cartão de memória, o mais comum entre câmeras compactas e até algumas DSLR é Cartão SD. São tantas opções, marcas, tamanhos e tecnologias diferentes que escolher um para comprar é uma tarefa muito difícil.Na hora da compra de um cartão de memória não podemos dar importância somente para o tamanho físico dele (quantidade de Gigabites). Outro aspecto que deve ser levado em consideração é a taxa de transferência ou velocidade. Cartões com uma taxa de transferência alta permitem, além de uma transferência mais rápida de arquivos, tirar fotos numa velocidade muito maior, sem ter que esperar tanto entre um clique e outro.<br />
  9. 9. TIPOS DE CARTÃO DE MEMÓRIA<br />● Compact Flash: desenvolvido pela Sandiskem 1994, foi o tipo de cartão que se popularizou mais rápido. É robusto e maior que os outros modelos.É muito usado pelos fotógrafos profissionais por ser mais rápida na hora da transferência (e também pela durabilidade). Nikon, Canon, Pentax e Polaroid são algumas das marcas que utilizam este cartão.<br />● Memory Stick: este modelo equipa as câmeras da Sony, que foi a desenvolvedora. Ele é pequeno e fino e tem capacidades que vão de 16 MB a 256 MB. O modelo mais recente, chamado de Memory Stick Pro, tem versões até 4 GB<br />
  10. 10. TIPOS DE CARTÃO DE MEMÓRIA<br />● MultimediaCard (MMC): este tipo de cartão de memória flash é um dos mais usados nos equipamentos eletrônicos, ao lado do SD. Entre as marcas que utilizam o MMC estão Polaroid, Samsung e Casio.● Security Digital Card (SD Card): O SD como foi desenvolvido por Panasonic, Toshiba e Sandiske é o tipo de cartão mais utilizado pelas câmeras e filmadoras digitais. Ele é muito parecido com o MMC — a diferença está em uma trava, como a dos disquetes de computador, que ao ser acionada impossibilita a gravação de novos dados no cartão ou que os dados já armazenados sejam apagados.<br />
  11. 11. TIPOS DE CARTÃO DE MEMÓRIA<br />● SmartMedia(SM): o Smart Media foi desenvolvido pela Toshiba e é bem compacto: mede 4,5 cm de comprimento e menos de 1 mm de espessura. Sua desvantagem em relação aos outros modelos está na posição do circuito eletrônico, que fica exposto e pode ser danificado caso o usuário não tenha cuidados no manuseio.<br />● eXtreme Digital (xD-Picture): O cartão de memória xD-Picture é um dos mais recentes. Ele é o menor de todos os modelos: mede 2 cm de largura por 2,5 de altura e apenas 1,7 mm de espessura. Foi desenvolvido por Fujifilme Olympus em 2002, e equipa somente estas marcas. A capacidade de armazenamento pode chegar até 8 GB.<br />
  12. 12. CUIDADOS COM O CARTÃO DE MEMÓRIA<br />01 – Formate o cartão na câmera – Formate sempre o cartão na câmera e nunca pelo computador. Isso facilita o alinhamento do cartão com a câmera.02 – Preste atenção na quantidade de fotos que cabem em seu cartão – Imagens podem ser corrompidas quando você tenta fotografar com um cartão de memória cheio. Isso se torna mais importante quando estamos usando cartões de baixa capacidade em uma câmera de grande resolução.03 – Use softwares de Recuperação – se formatar um cartão acidentalmente ou apagar uma imagem, a possibilidade de recuperação do trabalho perdido é muito grande. Após a formatação do cartão, retire-o da câmera e use um software de recuperação de imagens.04 – Organize seus cartões – no caso de fotógrafos profissionais que se utilizam de vários cartões de memória em um trabalho, o ideal é que se tenha um sistema para diferenciar os cartões cheios dos vazios. Isso vai de encontro ao indicado no item 02, para não correr o risco de danificar alguma imagem.05 – Utilize um leitor de cartão – É mais prático e mais rápido. Sem falar que você não desperdiça carga de bateria da câmera para transferir as fotos e se a bateria acaba no meio da transferência existe o perigo de corromper os arquivos.<br />
  13. 13. CUIDADOS COM O CARTÃO DE MEMÓRIA<br />06 – Não apague fotos na câmera – prefira cartões de alta capacidade e deixe para apagar fotos no computador, após a transferência dos arquivos. Isso economiza tempo durante a sessão fotográfica.07 – Não retire o cartão da câmera muito cedo – é importante não tirar o cartão da câmera enquanto a luz vermelha de leitura estiver acesa. Espere todos os processos de gravação e leitura estarem terminados.08 – Não entre em pânico – se o seu cartão de memória se molhar, não entre em desespero. As memórias flash são de estado sólido e sem partes móveis. Certifique-se que a memória está bem seca antes de colocar em qualquer aparelho eletrônico.09 – Backup primeiro – se as fotos são importantes para você, ou um trabalho profissional, certifique-se de apagar as imagens do cartão apenas depois de fazer múltiplos backups.10 – Nunca compre o último lançamento de cartão de memória – São muito caros e podem não ser 100% seguros. Espere mais um pouco, enquanto o fabricante ajusta e afina a tecnologia do seu produto.<br />

×