FAMILIA


               L?
             MA
          AZ
       EF
O   QU



                    Tatiana Sueli Back
ATENÇÃO!!
• Preste atenção em
  cada um dos sinais
  mostrados neste livro.
  Eles vão mostrar,
  como às vezes
  agredimo...
AGRESSÕES EMOCIONAIS NA
          FAMÍLIA
Há vários tipos de
comportamento que podem fazer
mal dentro de uma família, que
...
AGIR COMO SE ESTIVESSE EM
       UM TEATRO
Algumas pessoas
                                           ita
chamam a atenção das                 e u mu e!
            ...
Por outras vezes, sua
forma de chamar
atenção pode ser           Aaai. Não tenho
                           nada não. Não
...
Além disso, quando não são o centro das
  atenções podem exagerar utilizando alguns
  comportamentos para manipular as pes...
O comportamento pode piorar quando alguém:

                 - Prepara-se para sair;
                 - Para passear,
    ...
Você não sabe que
         eu não posso me
         incomodar? Você
         quer que eu fique
         doente?




Outra ...
O que este comportamento causa
           aos demais?



• Pode causar
  sentimentos de culpa
  quando o familiar
  acha q...
Coitada da minha
                          mãe, acho que ela
                         está doente, mas ela
               ...
ESTIMULAR SENTIMENTOS DE
INFERIORIDADE E DEPENDÊNCIA
    Mas você não sabe
     fazer nada direito,
    mesmo, né? Vá já
 ...
Geralmente a pessoa que causa sentimento de
inferioridade e/ou dependência faz tudo o que
está ao seu alcance, da melhor f...
Preste atenção e veja
              que fácil que é! Só
              você não consegue
                  fazer isso!




...
A outra pessoa é cobrada a agir com obediência
e solicitude, já que é tratada como se não
soubesse fazer nada direito sozi...
Isto acontece, muitas vezes, quando os filhos
não são exatamente como os pais esperavam
                que fossem.
Frases que inferiorizam sem que a
     pessoa que fala perceba:

                        Na sua idade eu já
    Sabia que ...
COMPORTAMENTO OPOSITOR
      E AVERSIVO
As pessoas agem                 Você está com muita
                             pressa?! Que bom, eu não
contrário ao que...
• Quem tem este tipo
  de comportamento
  geralmente procura
  “desculpar” suas
  atitudes:
  – Ah, eu nem percebi...
  – ...
• A não atitude também
  pode ter propósitos
  agressivos. Podem
  ser agressivos:
  –   Silêncio;
  –   Apatia;
  –   Omi...
Alguns precisam provocar
sentimentos negativos
quando não estão se
sentindo bem. É como se
seu sofrimento fosse
aliviado a...
Geralmente, quando se pergunta às pessoas que têm
comportamento opositor desafiante, para que tentem mudar elas
          ...
Frases que humilham – ainda que
      de forma disfarçada:
                    Acho que seu
                    remédio nã...
Veja como seus irmãos
se comportam e procure
    fazer o mesmo.



         Não posso me dar ao
         luxo de ficar doe...
FAMILIA



               L?
             MA
          AZ
       EF
O   QU

                    Tatiana Sueli Back
       ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Familia Que Faz Mal

3.334 visualizações

Publicada em

Livro feito para ajudar a perceber que as dificuldades na família.

  • Seja o primeiro a comentar

Familia Que Faz Mal

  1. 1. FAMILIA L? MA AZ EF O QU Tatiana Sueli Back
  2. 2. ATENÇÃO!! • Preste atenção em cada um dos sinais mostrados neste livro. Eles vão mostrar, como às vezes agredimos as pessoas que mais amamos, mesmo sem perceber. • Portanto, olho vivo!
  3. 3. AGRESSÕES EMOCIONAIS NA FAMÍLIA Há vários tipos de comportamento que podem fazer mal dentro de uma família, que são agressões mas nem sempre parecem ser. Nós vamos dividi- los em: - Agir na família como se estivesse em um teatro; - Estimular sentimentos de inferioridade e dependência; - Agir de forma contrária ao esperado.
  4. 4. AGIR COMO SE ESTIVESSE EM UM TEATRO
  5. 5. Algumas pessoas ita chamam a atenção das e u mu e! me d ça hoj outras comportando-se Você cabe e de ajud me xo. dor vor, li como se fosse um Por fa endo o lh artista de cinema: reco dizendo que têm alguma doença, dor, quando na verdade nem é tanto assim. Fazem isso para obter atenção, cuidado, compreensão e tolerância.
  6. 6. Por outras vezes, sua forma de chamar atenção pode ser Aaai. Não tenho nada não. Não ficando calado, isolado, se incomodem. com ar de “não querer incomodar ninguém”, ou que “não quero que ninguém fique preocupado”, ao mesmo tempo que expressa, com seu corpo, estar sentindo dor ou desconforto.
  7. 7. Além disso, quando não são o centro das atenções podem exagerar utilizando alguns comportamentos para manipular as pessoas como: – Mau humor, – Lágrima e – Acusações,
  8. 8. O comportamento pode piorar quando alguém: - Prepara-se para sair; - Para passear, - Quando está se divertindo.
  9. 9. Você não sabe que eu não posso me incomodar? Você quer que eu fique doente? Outra forma de agir de forma teatralizada é mãe que aparenta ser zelosa e preocupada – que fica doente, passa mal quando contrariada ou ansiosa.
  10. 10. O que este comportamento causa aos demais? • Pode causar sentimentos de culpa quando o familiar acha que é o verdadeiro causador da “doença”.
  11. 11. Coitada da minha mãe, acho que ela está doente, mas ela nunca fala! • Pode também causar insegurança, pois não tem clareza de qual mensagem é a verdadeira. Por exemplo, não sabe se a outra pessoa está sentindo dor e não quer falar para ninguém, ou se realmente não tem nada.
  12. 12. ESTIMULAR SENTIMENTOS DE INFERIORIDADE E DEPENDÊNCIA Mas você não sabe fazer nada direito, mesmo, né? Vá já fazer o que eu mandei!
  13. 13. Geralmente a pessoa que causa sentimento de inferioridade e/ou dependência faz tudo o que está ao seu alcance, da melhor forma possível, não para ensinar, mas para mostrar o quanto a outra pessoa não sabe fazer. Eu já não te disse como fazer direito? Será que você não vê como eu consigo ficar limpa?!
  14. 14. Preste atenção e veja que fácil que é! Só você não consegue fazer isso! Geralmente mostra que o que faz é “fácil demais”, que faz sem esforço, naturalmente.
  15. 15. A outra pessoa é cobrada a agir com obediência e solicitude, já que é tratada como se não soubesse fazer nada direito sozinha. Vá arrumar Corra no sua cama! mercado! Pegue a vassoura pra Ligue já pra mim! vizinha. Vá já se lavar!
  16. 16. Isto acontece, muitas vezes, quando os filhos não são exatamente como os pais esperavam que fossem.
  17. 17. Frases que inferiorizam sem que a pessoa que fala perceba: Na sua idade eu já Sabia que iria era... acontecer isso!! Gostaria que você fizesse só isso para mim, só isso... Você não tem noção sobre isso, mas não é sua culpa...
  18. 18. COMPORTAMENTO OPOSITOR E AVERSIVO
  19. 19. As pessoas agem Você está com muita pressa?! Que bom, eu não contrário ao que se estou! espera delas: –Demoram no banheiro quando se espera que saiam logo, –Deixam as coisas fora do lugar quando sabem que se espera que arrumem, –Não avisam ao sair, ou quando vão se atrasar mesmo sabendo que haverá alguém à sua espera preocupado.
  20. 20. • Quem tem este tipo de comportamento geralmente procura “desculpar” suas atitudes: – Ah, eu nem percebi... – Eu achei que você não ia se importar (torcendo que a pessoa se importasse).
  21. 21. • A não atitude também pode ter propósitos agressivos. Podem ser agressivos: – Silêncio; – Apatia; – Omissão; – Desinteresse; – Não fazer nada.
  22. 22. Alguns precisam provocar sentimentos negativos quando não estão se sentindo bem. É como se seu sofrimento fosse aliviado ao ver que o outro pode sofrer mais que ele. Elas sentem-se muito pior quando as pessoas à sua volta estão bem.
  23. 23. Geralmente, quando se pergunta às pessoas que têm comportamento opositor desafiante, para que tentem mudar elas costumam responder: Acho que deveriam Mas porque sou cuidar de suas vidas e eu quem tem deixar eu cuidar da que mudar? minha. Os incomodados que se mudem. Porque meu irmão pode fazer isso e eu não?
  24. 24. Frases que humilham – ainda que de forma disfarçada: Acho que seu remédio não está fazendo efeito. Já passei por situações piores e nunca fiquei assim, como você. Não te contei porque você não pode ficar nervoso. Sua irmã sim, tem cabeça boa.
  25. 25. Veja como seus irmãos se comportam e procure fazer o mesmo. Não posso me dar ao luxo de ficar doente como você. Mas para sair de casa você está normal, não é? O médico disse pra eu ter muita paciência com você...
  26. 26. FAMILIA L? MA AZ EF O QU Tatiana Sueli Back psitati@gmail.com www.corujinhaesperta.blogspot.com

×