SST Competitividade Digital

353 visualizações

Publicada em

Apoiar empresas na melhoria de sua competitividade através do uso contínuo de tecnologias digitais

Publicada em: Negócios
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
353
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
7
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

SST Competitividade Digital

  1. 1. Para um novo momento, um novo caminho competitividadedigital.com.br2017 Competitividade Digital v2
  2. 2. Capacitar empresas a competir no mundo digital
  3. 3. Competitividade Digital é a capacidade de uma empresa de oferecer produtos e serviços, que atendam os padrões de qualidade dos mercados locais e mundiais a preços competitivos e que proporcionem retornos adequados sobre os recursos empregados ou consumidos na produção deles através do uso das melhores tecnologias digitais disponíveis no mercado e na academia. Definição
  4. 4. Competitividade | Fatores Determinantes Recursos da Natureza (geografia, clima, população, …) Competitividade Microeconômica qualidade do ambiente de negócios nacional estado de desenvolvimento dos arranjos produtivos locais estratégia da empresa e sofisticação das operações Competitividade Macroeconômica políticas macroeconômicas desenvolvimento social e instituições políticas Copyright 2012 © Professor Michael E. Porter
  5. 5. Adapted from Last improvements in manufacturing Ferdows & De Meyers (1990) | The Sand Cone Model qualidade confiabilidade (prazos de entrega) velocidade (ciclo) custo flexibilidade Competitividade | Níveis de Maturidade
  6. 6. Sistemas de Inovação •e-commerce com dispostivos móveis •E-commerce através de redes sociais •Marketing baseado em localização Sistemas de Diferenciação •BI (Business Intelligence) •e-Commerce •SEO (Otimização de Presença Digital) Sistemas Transacionais •ERP’s (Gestão de Recursos Corporativos) •CRM’s (Gestão de Relacionamento com Clientes) •WMS’s (Gestão de Depósitos) Extraído e adaptado do Gartner “Gartner Says Adopting a Pace-Layered Application Strategy Can Accelerate Innovation” + - Governança - +Mudança Competitividade | Camadas Sistêmicas
  7. 7. Digital | Tecnologias Emergentes
  8. 8. Profissional Alpha Esclarecer! Inspirar! Conceituar! Estrategizar! Entregar! Operar! Líder Digital Arquiteto Digital Gestor Digital Direcionar Por quê? Projetar O que? Entregar Como? Competitividade Digital | Fases
  9. 9. Por quê? Direcionar Projetar O que? Entregar Como? Competitividade Digital | Ofertas 1 | conceitos 2 | diagnóstico 3 | desenho 4 | execução 5 | avaliação palestra consultoria consultoria gestão consultoria workshop estudo DCI lista de projetos projetos DC kpi’s 1 a 2 dias 1 a 2 meses 1 a 2 meses 1 a 4 meses 1 a 2 semanas
  10. 10. Oferta 1 | Conceitos Competitividade O que é competitividade? O Brasil é competitivo? Cultura é importante? Como se mede? Como melhorar? Quão competitivo devo ser? Tecnologias Digitais Quais são as tecnologias digitais? O que elas podem fazer por mim? Quando devo implementá-las? Como devo implementá-las? Quão transformadoras elas são? Como os meus concorrentes estão? Competitividade Digital Por que Competitividade Digital? Por que criar um roadmap de CD? Como construir um time de CD? O que é um ecosistema CD? Como lidar com o ecosistema CD? Como avaliar os resultados da CD?
  11. 11. Oferta 2 | Diagnóstico DCI Conhecer a empresa e sua cultura de implementação de projetos Identificar profissionais chave para implementação da CD Apresentar cases que sirvam de inspiração para a empresa Mapear o posicionamento estratégico da empresa no seu segmento e em relação aos seus principais concorrentes. Identificar gaps que impedem a empresa de se tornar mais competitiva
  12. 12. Oferta 3 | Desenho do “roadmap” Qualificar gaps em função de resultados desejados pelo cliente (ROI, sustentabilidade, capacidade de investimento, …) Criar portfolio de projetos e distribuí-los no tempo adequado considerando janela de oportunidade, capacidade de investimento e capacidade de absorção da empresa Planejar implantação do portfolio de projetos com o envolvimento de fornecedores parceiros, clientes e equipes internas para recompor os gaps de perda de competitividade Aprovar o planejamento junto aos tomadores de decisão das empresas Workshop de consolidação e nivelamento com os envolvidos no projeto de competitividade digital
  13. 13. Oferta 4 | Execução de Projetos Definir equipes e metodologias de gestão de projetos Qualificar, alinhar conhecimento e expectativas da equipe Criar e acordar as metas negociadas ao longo do projeto Acompanhar os projetos e as suas gestões
  14. 14. Oferta 5 | Avaliação de Performance Avaliar performance do projeto Avaliar performance das equipes Avaliar mudanças de projeto e recomendações Criar ações de melhoria Avaliar crescimento dos profissionais Avaliar grau de recomposição do gap em relação aos principais concorrentes
  15. 15. Pedro Siena Neto Graduado em Engenharia pela EFEI (1986), e MBA pela FGV (2004), trabalhou na IBM Brasil e IBM US entre 1986 e 1996. Em 1996 criou a SST, onde atua hoje como Chief Executive Officer. Em 2010 passa a colocar seus esforços em inovação disruptiva criando duas outras empresas; a Siena Idea sediada em São Carlos, SP e a sbridg em Neuchâtel, Suiça. Estas duas empresas tem como compromisso fundamental transformar o conhecimento novo, presente nas academias e institutos de pesquisa destas cidades em resultados relevantes para o mercado global. Competitividade Digital | Quem somos? linkedin.com/in/pedrosiena
  16. 16. Luiz Carlos Di Serio Professor da FGV EAESP desde 1992. Como executivo, tem uma vivência de 22 anos em Gestão de Desenvolvimento e Implantação de Produtos, Processos, Qualidade, TI e Automação Industrial, nas empresas FMC e Villares. Como professor e consultor, atuou em diversos projetos e publicou artigos de alcance internacional. É vice-coordenador do Forum de Inovação da FGV, membro do EUROMA, e participante ativo da rede de ensino e pesquisa do Institute of Strategy and Competitivenes, da Harvard Business School. Competitividade Digital | Quem somos? linkedin.com/in/lcdiserio
  17. 17. Jorge Luís Cordenonsi Competitividade Digital | Quem somos? linkedin.com/in/cordenonsi Jorge possui mais de 30 anos de experiência em TI. Foi da CIO First Data, GM América do Sul, Walmart México e da Sodexo. É consultor de TI certificado pela IBM dos Estados Unidos, onde trabalhou durante o período de 1995 à 2009. É especialista em estratégia de TI, processos de TI, outsourcing, implementação de ERP e projetos de transformação organizacional. Executou projetos de consultoria de TI para o Banco do Brasil, Itaú, Bradesco, Sul América, Cargill, entre outros. Atualmente, seu interesse é por soluções digitais que busquem a melhoria da competitividade.
  18. 18. Jorge Cordenonsi digital competitiveness consultant +55 11 94311-6565 Pedro Siena Neto business developer & digital strategist +55 19 98177-2760 Luiz Carlos Di Serio digital competitiveness researcher +55 11 98272-9957 competitividadedigital.com.br contato@sstnet.com.br

×