Prótese parcial removível

34.281 visualizações

Publicada em

Apresentação de slide sobre PPR.

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
44 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
34.281
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
102
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
709
Comentários
0
Gostaram
44
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Prótese parcial removível

  1. 1. “ Aparelhos dentossuportados ou dentomucossuportados destinados a substituir em um ou ambo os maxilares um ou mais dentes ausentes, que pode ser removida da boca.” Todescan R., et al. 2009.
  2. 2. • Espaços edentados x dentes remanescentes; • Critério Topogáfico; • Finalidades; • Outras classificações.
  3. 3. Classe I Classe II Classe III Classe IV
  4. 4. Classe I Modificações
  5. 5. Classe II Modificações
  6. 6. Classe III Modificações
  7. 7. • Sistemas de suporte ou de sustentação; • Sistema de retenção e estabilização; • Sistema de conexão; • Sistema de selas e dentes artificiais.
  8. 8. • Dentes remanescentes; • Tecidos Periodontais; • Fibromucosa; • Tecido Ósseo Alveolar.
  9. 9. • Grampos e/ou encaixes; • Apoios; • Barras ou conectores maiores.
  10. 10. “Impedir o desalojamento da prótese durante os atos musculatórios funcinais.”
  11. 11. • Partes dos grampos; • Princípios fundamentais de um grampo; • Classificação dos grampos; • Tipos de grampos.
  12. 12. 1 2 3 4 1. Corpo: União das partes do grampo; 2. Apoio: Transferência de cargas e fixação; 3. Braço de Oposição: Estabilização e reciprocidade; 4. Braço de Retenção: efeito retentivo.
  13. 13. • Fixação; • Retenção; • Reciprocidade; • Estabilidade; • Abraçamento adequado; • Passividade.
  14. 14. • Função; • Ação retentiva; • Aplicação sobre o dente; • Número de dentes abrangidos; • Segundo a construção.
  15. 15. -Retenção direta; -Retenção indireta; -Oposição. -Por abraçamento; -Por ação de ponta. -Direta; -Indireta.
  16. 16. -Individuais ou simples; -Duplos ou gêmeos; -Múltiplos ou férulas. -Adaptados; -Fundidos.
  17. 17. • Contato íntimo e contínuo por meio de seus braços; • Traçado de oclusal para gengival; • Braço de retenção e de oposição; • Efeito retentivo se dá por flexão; • Remoção x Inserção; • Atendem a 5 dos 6 requisitos básicos funcionais.
  18. 18. • Efeito retentivo; • Partes do grampo; • Localização ideal; • Forma ideal.
  19. 19. • Grampo circunferencial simples ou de Ackers; • Grampo em Anzol ou “Hair- Pin Clasp”; • Grampo circunferencial reverso; • Grampo circunferencial em Anel ou “Ring Clasp”; • Grampo Meio a Meio ou “Half or Half”; • Grampo de ação posterior ou “Black action”;
  20. 20. • Grampo gêmeo ou Duplo ou Grampo Circunferencial Duplo; • Grampo de Jackson; • “Grampo” contínuo de Kennedy ou Barra dentária anterior; • Grampo Mesiodistolingual; • Grampo Quatro-quintos; • Grampo múltiplo ou férula.
  21. 21. • Retentor mais utilizado para próteses dentossuportadas; • Apoio oclusal e corpo voltado para o espaço protético; • Braços partem do corpo  a face oposta do espaço protético; • Molares, pré-molares e caninos* - Classe III de Kennedy.
  22. 22. • Modificação do grampo circunferencial simples; • Braço de retenção – curvatura de 180; • Indicado onde o G.C.S. não pode ser utilizado.
  23. 23. • Difere do circunferencial simples; • Indicados para molares Classe II e III de Kennedy; • Inclinados para espaço protético.
  24. 24. • Apoio oclusal e corpo adjacentes ao espaço protético; • Indicados para Molares posterior ao espaço protético; • Classe III ou modificação Classe II.
  25. 25. • Pré-molares e molares; • Localizados entre 2 espaços protéticos intercalares.
  26. 26. • Ação nas selas posteriores, através do conector menor; • Indicados para P.M. e caninos – Classe I e II; • Maior retenção por MV; • Grampos a barra contra-indicados.
  27. 27. • Apoio oclusal germinado x Extremidades dos braços de oposição germinados; • Indicado para Pré-Molares e Molares – Classe II, III e IV*.
  28. 28. • Contato com o dente somente através de sua ponta; • Efeito retentivo se dá por torção; • Apoio, braço de reciprocidade e braço de retenção; • Traçado de gengival para oclusal; • Tangenciam os tecidos moles sem tocá-los; • Originam-se de uma sela ou conector maior*.
  29. 29. • Grampo T; • Grampo U; • Grampo L; • Grampo I; • Grampo C; • Grampos RPI e RPA .
  30. 30. • Mais frequentemente indicado; • Combinações com braço de oposição ou placa proximal e apoio; • Indicados para Caninos, P.M. e M. Inf. Ou sup.*; • Modificações.
  31. 31. “Componente do grampo cuja função principal é assegurar que as cargas exercidas sobre os dentes artificiais durante a função mastigatória sejam transmitidas aos dente s de suportes de maneira adequada.” Todescan R., et al. 2009.
  32. 32. • Oclusais: Pré-molares e molares; • Incisais: Incisivos e caninos; • Linguais ou palatinos: Incisivos e caninos.
  33. 33. “ É um instrumento usado para determinar o paralelismo relativo de duas ou mais superfícies de dentes ou outras partes de um modelo de uma arcada dentária.” Todescan R., et al. 2009.
  34. 34. Braço horizontal móvel; Haste vertical móvel Plataforma ou base do aparelho Haste vertical fixa Mandril Base Suporte do modelo Junta Universal Parafuso da junta universal
  35. 35. • Dispositivo paralelisador; • Ponta analisadora; • Ponta grafite; • Calibradores de retenção; • Facas e cinzéis.
  36. 36. • Análise preliminar do modelo de estudo; • Determinação da via ou eixo de inserçõa; • Registro do plano de inserção; • Adequação do contorno axial das coroas; • Construção de coroas-guia.
  37. 37. • Técnica dos três pontos ou Técnica de Roach; • Técnica das bissetrizes ou técnica de Roth; • Técnica da Conveniência.
  38. 38. • Marcar três pontos no modelo  Formar triângulo equilátero; • Região posterior S ou I  Mesial dos segundos molares; • Região anterior S  Na altura doscíngulo; • Região anterior I  Incisal
  39. 39. • Apenas dentes anteriores ou inclinações excessivas dos dentes suportes; • Analisadas todas as áreas; • Reposicionamento do modelo; • Haste fixa no modelo.
  40. 40. • Ponta de grafite; • Realizado pela parede lateral; • Maior circunferência do dente; • Linha anatômica x linha protética; • Zona expulsiva x zona retentiva. Área expulsiva Equador
  41. 41. • Planos-guia  Face proximal, paralelos ao longo eixo do dente;

×