SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 24
Baixar para ler offline
Recursos Educacionais Abertos
Universidade Aberta de Portugal (UAb) e Fiocruz,
um diálogo institucionalmente provável
Ana Furniel | Ana Paula Mendonça | José Carvalho | Madalena Carvalho | Rosane Mendes
Outubro 2019
Este trabalho constitui-se como uma reflexão crítica sobre a parceria institucional, entre a
Fundação Oswaldo Cruz – FioCruz e a Universidade Aberta de Portugal - UAb, relativa à
interoperabilidade na área dos Recursos Educacionais Abertos
Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
3
A partilha do conhecimento tem assumido uma relevância crescente em diversas regiões e
nos novos cenários relacionados com a economia global do conhecimento
Por todo o mundo se assiste ao desenvolvimento de iniciativas, em prol da democratização
do conhecimento e do seu acesso generalizado
Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
4
Na esfera da educação, o movimento Recursos Educacionais Abertos destaca-se pelo papel
que representa nos contextos relacionados com a educação aberta
Forma colaborativa, participativa e inclusiva de aprender | Desenvolvimento de
competências de forma ampla e irrestrita | Acesso a comunidades que não teriam outras
formas de acesso aos conteúdos
Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
5
A importância dos REA tem sido legitimada no plano teórico mas também pelo
desenvolvimento de repositórios de recursos educacionais
Para ampliar a escala e a esfera de influência de experiências desenvolvidas pelas diversas
instituições, nas suas práticas internas, surgem iniciativas que promovem a troca de
experiência e a partilha efetiva de conteúdos
Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
6
É neste enquadramento conceptual que surge a
parceria institucional estabelecida entre a Universidade
Aberta de Portugal e a Fundação Oswaldo Cruz relativa
à partilha dos recursos educacionais abertos, na área da
saúde
Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
7
Assumindo o conhecimento como um direito do cidadão, tem atuado na implementação
de ações que assegurem o acesso aberto à sua produção científica, cursos e recursos
educacionais
Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
8
Plataforma que pretende garantir a interoperabilidade dos objetos digitais entre as diversas
instituições participantes da rede CVSP/OPAS, que tem no Campus Virtual Fiocruz o seu nó
da rede no Brasil
Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
9
Oferece soluções para armazenar, disponibilizar e garantir o acesso a recursos educacionais
abertos de forma irrestrita
Para além de armazenar e dar acesso aos objetos digitais, é incentivado o papel dos
criadores de conteúdos, a colaboração e a interação
Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
Ecossistema digital para promover a cultura da educação aberta
10
A sustentabilidade da missão e projeto para a educação aberta e em rede na Sociedade
Digital, por parte da Universidade Aberta (UAb), instituição pública de Ensino a Distância e
eLearning, tem na Política Institucional de Acesso Aberto um dos seus principais
instrumentos para a concretização do acesso livre à literatura e produção científica
Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
EDUCAÇÃO
ABERTAMelhoria das práticas e da qualidade da educação
ACESSO ABERTOAcesso universal à informação e ao conhecimento
11Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
Recursos das mais variadas tipologias como MOOCs, percursos livres baseados na oferta
formativa formal, conteúdos de unidades curriculares dos cursos formais ou do Arquivo
Audiovisual
Acesso a recursos educacionais, agregados de Repositórios parceiros da UAb
12Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
Assegurar a interoperabilidade entre os dois sistemas
13Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
14Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
15
1. Planeamento de atividades e estabelecimento de orientações técnicas
2. Análise das políticas e práticas de descrição e validação de conteúdos
3. Identificação e seleção dos recursos
4. Adequação das tipologias de metadados
5. Estabelecimento de equivalência semântica para a recuperação da informação e acesso
aos conteúdos
6. Partilha dos recursos educacionais (Repositórios e redes parceiras da Fiocruz | RCAAP)
Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
16
Serviço de Alojamento de
Repositórios Institucionais (SARI)
Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
17
O SARI pode ser utilizado por qualquer das instituições do sistema científico e do ensino
superior para alojamento do seu repositório com individualização de identidade
corporativa própria
Os repositórios disponibilizados neste regime são automaticamente indexados no portal
RCAAP
O bom funcionamento do RCAAP e a sua credibilidade junto dos utilizadores exige que os
repositórios agregados usem um conjunto de diretrizes e normas comuns, no sentido de
garantir a interoperabilidade e qualidade dos resultados das pesquisas
Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
18
 Autor
 Título
 Data
 Estado da Publicação
 Idioma
 Licença Creative Commons
Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
19
Decorrente da articulação entre os procedimentos definidos na Política Geral de Recursos
Educacionais Abertos da Rede CVSP e as diretrizes aplicáveis aos repositórios da rede
RCAAP, foi identificado como ponto crítico:
 Falta de alinhamento dos metadados utilizados para a descrição dos recursos
educacionais
Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
Resultado da validação dos recursos educativos
(https://validador.rcaap.pt)
Para que os recursos possam integrar o Portal
RCAAP é necessário efetuar alterações na
tipologia de documento, idioma e autores
20Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
Validação dos Recursos
21
As incompatibilidades técnicas decorrentes das diferenças entre as plataformas
demandaram ajustes tanto no processo de criação do arquivo XML conforme o padrão OAI-
PMH, quanto ao processo de Harvesting
Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
22
Do lado dos repositórios não existem ainda ferramentas com funcionalidades intuitivas
para a correta curadoria da informação ou mapeamento automático de valores que
permitam uma correspondência direta
Será necessário desenvolver alterações de parte a parte para a correta integração dos
recursos nos diferentes ecossistemas
Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
23Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
1. A estratégia de cooperação estabelecida entre a UAb e a Fiocruz, comporta um
enorme potencial para o desenvolvimento de reflexão e trabalho prático, conjunto, na
área da Educação Aberta.
2. A tecnologia digital é um fator que pode contribuir para a melhoria do acesso à
educação de qualidade, mas a forma como criamos e compartilhamos o conhecimento
é fundamental nesse processo.
3. Da experiência colhida pelas equipas, fisicamente em três locais diferentes do mundo
(Braga|Lisboa|Rio de Janeiro) destaca-se a importância do desenvolvimento de
metodologias e de processos de trabalho colaborativo e em rede.
24Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
Muito obrigada!
maria.carvalho@uab.pt

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Recursos educacionais abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável

Inovação pedagógica na Universidade Aberta: um ecossistema de recursos e prát...
Inovação pedagógica na Universidade Aberta: um ecossistema de recursos e prát...Inovação pedagógica na Universidade Aberta: um ecossistema de recursos e prát...
Inovação pedagógica na Universidade Aberta: um ecossistema de recursos e prát...Projeto RCAAP
 
Repositórios de Recursos Educativos Digitais em Portugal no Ensino Básico e S...
Repositórios de Recursos Educativos Digitais em Portugal no Ensino Básico e S...Repositórios de Recursos Educativos Digitais em Portugal no Ensino Básico e S...
Repositórios de Recursos Educativos Digitais em Portugal no Ensino Básico e S...Cornélia Castro
 
Política Pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educação
Política Pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educaçãoPolítica Pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educação
Política Pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educaçãoREA Brasil
 
Biblioteca escolar projeto mobilizador crb
Biblioteca escolar   projeto mobilizador crbBiblioteca escolar   projeto mobilizador crb
Biblioteca escolar projeto mobilizador crbBiblio 2010
 
O desenvolvimento de práticas educativas suportadas por Recursos Educativos A...
O desenvolvimento de práticas educativas suportadas por Recursos Educativos A...O desenvolvimento de práticas educativas suportadas por Recursos Educativos A...
O desenvolvimento de práticas educativas suportadas por Recursos Educativos A...Hugo Domingos
 
RECURSOS EDUCACIONAIS ABERTOS: SEUS BENEFÍCIOS PARA A EDUCAÇÃO
RECURSOS EDUCACIONAIS ABERTOS: SEUS BENEFÍCIOS PARA A EDUCAÇÃORECURSOS EDUCACIONAIS ABERTOS: SEUS BENEFÍCIOS PARA A EDUCAÇÃO
RECURSOS EDUCACIONAIS ABERTOS: SEUS BENEFÍCIOS PARA A EDUCAÇÃOREA Brasil
 
Recursos Educacionais Abertos
Recursos Educacionais AbertosRecursos Educacionais Abertos
Recursos Educacionais AbertosREA Brasil
 
REA no mundo / OER in the World
REA no mundo / OER in the World REA no mundo / OER in the World
REA no mundo / OER in the World Carolina Rossini
 
Recursos Educacionais Abertos em Materiais e Recursos Para Elearning
Recursos Educacionais Abertos em Materiais e Recursos Para ElearningRecursos Educacionais Abertos em Materiais e Recursos Para Elearning
Recursos Educacionais Abertos em Materiais e Recursos Para ElearningRui Páscoa
 
Encontro 4 exclusão digital e recursos que facilitam a apropriação das tecno...
Encontro 4  exclusão digital e recursos que facilitam a apropriação das tecno...Encontro 4  exclusão digital e recursos que facilitam a apropriação das tecno...
Encontro 4 exclusão digital e recursos que facilitam a apropriação das tecno...Bianca Santana
 
RECURSOS EDUCACIONAIS ABERTOS PARA O ENSINO SUPERIOR: UM PANORAMA A PARTIR DA...
RECURSOS EDUCACIONAIS ABERTOS PARA O ENSINO SUPERIOR: UM PANORAMA A PARTIR DA...RECURSOS EDUCACIONAIS ABERTOS PARA O ENSINO SUPERIOR: UM PANORAMA A PARTIR DA...
RECURSOS EDUCACIONAIS ABERTOS PARA O ENSINO SUPERIOR: UM PANORAMA A PARTIR DA...Joyce Fettermann
 
REA desafios para autoria e formação
REA desafios para autoria e formaçãoREA desafios para autoria e formação
REA desafios para autoria e formaçãojoaoppinto
 
Recursos educacionais abertos para licenciaturas: ambiente realptl
Recursos educacionais abertos para licenciaturas: ambiente realptlRecursos educacionais abertos para licenciaturas: ambiente realptl
Recursos educacionais abertos para licenciaturas: ambiente realptlElaine Teixeira
 
Hiperespaços de aprendizagem
Hiperespaços de aprendizagemHiperespaços de aprendizagem
Hiperespaços de aprendizagemMilena Jorge
 
Educação aberta, REA e Redes Sociais
Educação aberta, REA e Redes SociaisEducação aberta, REA e Redes Sociais
Educação aberta, REA e Redes SociaisEducaesemrede
 
Política Pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educação
Política Pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educaçãoPolítica Pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educação
Política Pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educaçãoREA Brasil
 

Semelhante a Recursos educacionais abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável (20)

Inovação pedagógica na Universidade Aberta: um ecossistema de recursos e prát...
Inovação pedagógica na Universidade Aberta: um ecossistema de recursos e prát...Inovação pedagógica na Universidade Aberta: um ecossistema de recursos e prát...
Inovação pedagógica na Universidade Aberta: um ecossistema de recursos e prát...
 
Repositórios de Recursos Educativos Digitais em Portugal no Ensino Básico e S...
Repositórios de Recursos Educativos Digitais em Portugal no Ensino Básico e S...Repositórios de Recursos Educativos Digitais em Portugal no Ensino Básico e S...
Repositórios de Recursos Educativos Digitais em Portugal no Ensino Básico e S...
 
Política Pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educação
Política Pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educaçãoPolítica Pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educação
Política Pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educação
 
Cr4 re anaalespfinal
Cr4 re anaalespfinalCr4 re anaalespfinal
Cr4 re anaalespfinal
 
Biblioteca escolar projeto mobilizador crb
Biblioteca escolar   projeto mobilizador crbBiblioteca escolar   projeto mobilizador crb
Biblioteca escolar projeto mobilizador crb
 
O desenvolvimento de práticas educativas suportadas por Recursos Educativos A...
O desenvolvimento de práticas educativas suportadas por Recursos Educativos A...O desenvolvimento de práticas educativas suportadas por Recursos Educativos A...
O desenvolvimento de práticas educativas suportadas por Recursos Educativos A...
 
RECURSOS EDUCACIONAIS ABERTOS: SEUS BENEFÍCIOS PARA A EDUCAÇÃO
RECURSOS EDUCACIONAIS ABERTOS: SEUS BENEFÍCIOS PARA A EDUCAÇÃORECURSOS EDUCACIONAIS ABERTOS: SEUS BENEFÍCIOS PARA A EDUCAÇÃO
RECURSOS EDUCACIONAIS ABERTOS: SEUS BENEFÍCIOS PARA A EDUCAÇÃO
 
Recursos Educacionais Abertos
Recursos Educacionais AbertosRecursos Educacionais Abertos
Recursos Educacionais Abertos
 
REA no mundo / OER in the World
REA no mundo / OER in the World REA no mundo / OER in the World
REA no mundo / OER in the World
 
Recursos Educacionais Abertos em Materiais e Recursos Para Elearning
Recursos Educacionais Abertos em Materiais e Recursos Para ElearningRecursos Educacionais Abertos em Materiais e Recursos Para Elearning
Recursos Educacionais Abertos em Materiais e Recursos Para Elearning
 
mympel2012_ruipascoa
mympel2012_ruipascoamympel2012_ruipascoa
mympel2012_ruipascoa
 
Encontro 4 exclusão digital e recursos que facilitam a apropriação das tecno...
Encontro 4  exclusão digital e recursos que facilitam a apropriação das tecno...Encontro 4  exclusão digital e recursos que facilitam a apropriação das tecno...
Encontro 4 exclusão digital e recursos que facilitam a apropriação das tecno...
 
Acesso abertoluso
Acesso abertolusoAcesso abertoluso
Acesso abertoluso
 
RECURSOS EDUCACIONAIS ABERTOS PARA O ENSINO SUPERIOR: UM PANORAMA A PARTIR DA...
RECURSOS EDUCACIONAIS ABERTOS PARA O ENSINO SUPERIOR: UM PANORAMA A PARTIR DA...RECURSOS EDUCACIONAIS ABERTOS PARA O ENSINO SUPERIOR: UM PANORAMA A PARTIR DA...
RECURSOS EDUCACIONAIS ABERTOS PARA O ENSINO SUPERIOR: UM PANORAMA A PARTIR DA...
 
REA desafios para autoria e formação
REA desafios para autoria e formaçãoREA desafios para autoria e formação
REA desafios para autoria e formação
 
Recursos educacionais abertos para licenciaturas: ambiente realptl
Recursos educacionais abertos para licenciaturas: ambiente realptlRecursos educacionais abertos para licenciaturas: ambiente realptl
Recursos educacionais abertos para licenciaturas: ambiente realptl
 
AnaVialeMoutinho
AnaVialeMoutinhoAnaVialeMoutinho
AnaVialeMoutinho
 
Hiperespaços de aprendizagem
Hiperespaços de aprendizagemHiperespaços de aprendizagem
Hiperespaços de aprendizagem
 
Educação aberta, REA e Redes Sociais
Educação aberta, REA e Redes SociaisEducação aberta, REA e Redes Sociais
Educação aberta, REA e Redes Sociais
 
Política Pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educação
Política Pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educaçãoPolítica Pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educação
Política Pública para REA: colaboração para inovação e acesso a educação
 

Mais de Projeto RCAAP

Perfil dos Autores Brasileiros com Publicações Científicas em Periódicos de A...
Perfil dos Autores Brasileiros com Publicações Científicas em Periódicos de A...Perfil dos Autores Brasileiros com Publicações Científicas em Periódicos de A...
Perfil dos Autores Brasileiros com Publicações Científicas em Periódicos de A...Projeto RCAAP
 
Tendência de Publicação em Periódicos de Acesso Aberto no Brasil: Uma Abordag...
Tendência de Publicação em Periódicos de Acesso Aberto no Brasil: Uma Abordag...Tendência de Publicação em Periódicos de Acesso Aberto no Brasil: Uma Abordag...
Tendência de Publicação em Periódicos de Acesso Aberto no Brasil: Uma Abordag...Projeto RCAAP
 
e-Jornadas FCCN 2020 - Sessão do Projeto RCAAP - Parte 2
e-Jornadas FCCN 2020 - Sessão do Projeto RCAAP - Parte 2e-Jornadas FCCN 2020 - Sessão do Projeto RCAAP - Parte 2
e-Jornadas FCCN 2020 - Sessão do Projeto RCAAP - Parte 2Projeto RCAAP
 
e-Jornadas FCCN 2020 - Sessão do Projeto RCAAP - Parte 1
e-Jornadas FCCN 2020 - Sessão do Projeto RCAAP - Parte 1e-Jornadas FCCN 2020 - Sessão do Projeto RCAAP - Parte 1
e-Jornadas FCCN 2020 - Sessão do Projeto RCAAP - Parte 1Projeto RCAAP
 
VODAN BR – rede de dados de surto de covid-19 no brasil: a gestão de dados no...
VODAN BR – rede de dados de surto de covid-19 no brasil: a gestão de dados no...VODAN BR – rede de dados de surto de covid-19 no brasil: a gestão de dados no...
VODAN BR – rede de dados de surto de covid-19 no brasil: a gestão de dados no...Projeto RCAAP
 
Desenvolvimento da competência em informação em pessoas em situação de rua: f...
Desenvolvimento da competência em informação em pessoas em situação de rua: f...Desenvolvimento da competência em informação em pessoas em situação de rua: f...
Desenvolvimento da competência em informação em pessoas em situação de rua: f...Projeto RCAAP
 
Uma Estratégia para a Identificação de Publicações em Periódicos de Acesso Ab...
Uma Estratégia para a Identificação de Publicações em Periódicos de Acesso Ab...Uma Estratégia para a Identificação de Publicações em Periódicos de Acesso Ab...
Uma Estratégia para a Identificação de Publicações em Periódicos de Acesso Ab...Projeto RCAAP
 
Periódicos de Acesso Aberto: Uma Análise Bibliométrica da Produção Científica...
Periódicos de Acesso Aberto: Uma Análise Bibliométrica da Produção Científica...Periódicos de Acesso Aberto: Uma Análise Bibliométrica da Produção Científica...
Periódicos de Acesso Aberto: Uma Análise Bibliométrica da Produção Científica...Projeto RCAAP
 
Análise da Mobilidade Acadêmica Brasileira Baseada em Dados Curriculares da P...
Análise da Mobilidade Acadêmica Brasileira Baseada em Dados Curriculares da P...Análise da Mobilidade Acadêmica Brasileira Baseada em Dados Curriculares da P...
Análise da Mobilidade Acadêmica Brasileira Baseada em Dados Curriculares da P...Projeto RCAAP
 
Usabilidade em repositório institucional: o caso do Memoria – RI do IFRN
Usabilidade em repositório institucional: o caso do Memoria – RI do IFRNUsabilidade em repositório institucional: o caso do Memoria – RI do IFRN
Usabilidade em repositório institucional: o caso do Memoria – RI do IFRNProjeto RCAAP
 
Repositórios digitais brasileiros presentes no registry of open access reposi...
Repositórios digitais brasileiros presentes no registry of open access reposi...Repositórios digitais brasileiros presentes no registry of open access reposi...
Repositórios digitais brasileiros presentes no registry of open access reposi...Projeto RCAAP
 
Autoarquivamento na UFRN: configurações no Dspace para validação do depósito ...
Autoarquivamento na UFRN: configurações no Dspace para validação do depósito ...Autoarquivamento na UFRN: configurações no Dspace para validação do depósito ...
Autoarquivamento na UFRN: configurações no Dspace para validação do depósito ...Projeto RCAAP
 
Boas práticas da ciência aberta: compartilhando iniciativas brasileiras e por...
Boas práticas da ciência aberta: compartilhando iniciativas brasileiras e por...Boas práticas da ciência aberta: compartilhando iniciativas brasileiras e por...
Boas práticas da ciência aberta: compartilhando iniciativas brasileiras e por...Projeto RCAAP
 
Panorama histórico na promoção de acesso aberto: implantação e funcionamento ...
Panorama histórico na promoção de acesso aberto: implantação e funcionamento ...Panorama histórico na promoção de acesso aberto: implantação e funcionamento ...
Panorama histórico na promoção de acesso aberto: implantação e funcionamento ...Projeto RCAAP
 
Ciência Cidadã: coprodução do conhecimento científico
Ciência Cidadã: coprodução do conhecimento científicoCiência Cidadã: coprodução do conhecimento científico
Ciência Cidadã: coprodução do conhecimento científicoProjeto RCAAP
 
A importância da implementação do BRCRIS: desafios em virtude da emergência d...
A importância da implementação do BRCRIS: desafios em virtude da emergência d...A importância da implementação do BRCRIS: desafios em virtude da emergência d...
A importância da implementação do BRCRIS: desafios em virtude da emergência d...Projeto RCAAP
 
O preço da publicação científica: as áreas do conhecimento em foco
O preço da publicação científica: as áreas do conhecimento em focoO preço da publicação científica: as áreas do conhecimento em foco
O preço da publicação científica: as áreas do conhecimento em focoProjeto RCAAP
 
A incidência de APC em áreas científicas
A incidência de APC em áreas científicasA incidência de APC em áreas científicas
A incidência de APC em áreas científicasProjeto RCAAP
 
O desafio da interoperabilidade semântica nas bases de dados: estudo de caso ...
O desafio da interoperabilidade semântica nas bases de dados: estudo de caso ...O desafio da interoperabilidade semântica nas bases de dados: estudo de caso ...
O desafio da interoperabilidade semântica nas bases de dados: estudo de caso ...Projeto RCAAP
 
Implantação e padronização de dados em Repositórios Institucionais
Implantação e padronização de dados em Repositórios InstitucionaisImplantação e padronização de dados em Repositórios Institucionais
Implantação e padronização de dados em Repositórios InstitucionaisProjeto RCAAP
 

Mais de Projeto RCAAP (20)

Perfil dos Autores Brasileiros com Publicações Científicas em Periódicos de A...
Perfil dos Autores Brasileiros com Publicações Científicas em Periódicos de A...Perfil dos Autores Brasileiros com Publicações Científicas em Periódicos de A...
Perfil dos Autores Brasileiros com Publicações Científicas em Periódicos de A...
 
Tendência de Publicação em Periódicos de Acesso Aberto no Brasil: Uma Abordag...
Tendência de Publicação em Periódicos de Acesso Aberto no Brasil: Uma Abordag...Tendência de Publicação em Periódicos de Acesso Aberto no Brasil: Uma Abordag...
Tendência de Publicação em Periódicos de Acesso Aberto no Brasil: Uma Abordag...
 
e-Jornadas FCCN 2020 - Sessão do Projeto RCAAP - Parte 2
e-Jornadas FCCN 2020 - Sessão do Projeto RCAAP - Parte 2e-Jornadas FCCN 2020 - Sessão do Projeto RCAAP - Parte 2
e-Jornadas FCCN 2020 - Sessão do Projeto RCAAP - Parte 2
 
e-Jornadas FCCN 2020 - Sessão do Projeto RCAAP - Parte 1
e-Jornadas FCCN 2020 - Sessão do Projeto RCAAP - Parte 1e-Jornadas FCCN 2020 - Sessão do Projeto RCAAP - Parte 1
e-Jornadas FCCN 2020 - Sessão do Projeto RCAAP - Parte 1
 
VODAN BR – rede de dados de surto de covid-19 no brasil: a gestão de dados no...
VODAN BR – rede de dados de surto de covid-19 no brasil: a gestão de dados no...VODAN BR – rede de dados de surto de covid-19 no brasil: a gestão de dados no...
VODAN BR – rede de dados de surto de covid-19 no brasil: a gestão de dados no...
 
Desenvolvimento da competência em informação em pessoas em situação de rua: f...
Desenvolvimento da competência em informação em pessoas em situação de rua: f...Desenvolvimento da competência em informação em pessoas em situação de rua: f...
Desenvolvimento da competência em informação em pessoas em situação de rua: f...
 
Uma Estratégia para a Identificação de Publicações em Periódicos de Acesso Ab...
Uma Estratégia para a Identificação de Publicações em Periódicos de Acesso Ab...Uma Estratégia para a Identificação de Publicações em Periódicos de Acesso Ab...
Uma Estratégia para a Identificação de Publicações em Periódicos de Acesso Ab...
 
Periódicos de Acesso Aberto: Uma Análise Bibliométrica da Produção Científica...
Periódicos de Acesso Aberto: Uma Análise Bibliométrica da Produção Científica...Periódicos de Acesso Aberto: Uma Análise Bibliométrica da Produção Científica...
Periódicos de Acesso Aberto: Uma Análise Bibliométrica da Produção Científica...
 
Análise da Mobilidade Acadêmica Brasileira Baseada em Dados Curriculares da P...
Análise da Mobilidade Acadêmica Brasileira Baseada em Dados Curriculares da P...Análise da Mobilidade Acadêmica Brasileira Baseada em Dados Curriculares da P...
Análise da Mobilidade Acadêmica Brasileira Baseada em Dados Curriculares da P...
 
Usabilidade em repositório institucional: o caso do Memoria – RI do IFRN
Usabilidade em repositório institucional: o caso do Memoria – RI do IFRNUsabilidade em repositório institucional: o caso do Memoria – RI do IFRN
Usabilidade em repositório institucional: o caso do Memoria – RI do IFRN
 
Repositórios digitais brasileiros presentes no registry of open access reposi...
Repositórios digitais brasileiros presentes no registry of open access reposi...Repositórios digitais brasileiros presentes no registry of open access reposi...
Repositórios digitais brasileiros presentes no registry of open access reposi...
 
Autoarquivamento na UFRN: configurações no Dspace para validação do depósito ...
Autoarquivamento na UFRN: configurações no Dspace para validação do depósito ...Autoarquivamento na UFRN: configurações no Dspace para validação do depósito ...
Autoarquivamento na UFRN: configurações no Dspace para validação do depósito ...
 
Boas práticas da ciência aberta: compartilhando iniciativas brasileiras e por...
Boas práticas da ciência aberta: compartilhando iniciativas brasileiras e por...Boas práticas da ciência aberta: compartilhando iniciativas brasileiras e por...
Boas práticas da ciência aberta: compartilhando iniciativas brasileiras e por...
 
Panorama histórico na promoção de acesso aberto: implantação e funcionamento ...
Panorama histórico na promoção de acesso aberto: implantação e funcionamento ...Panorama histórico na promoção de acesso aberto: implantação e funcionamento ...
Panorama histórico na promoção de acesso aberto: implantação e funcionamento ...
 
Ciência Cidadã: coprodução do conhecimento científico
Ciência Cidadã: coprodução do conhecimento científicoCiência Cidadã: coprodução do conhecimento científico
Ciência Cidadã: coprodução do conhecimento científico
 
A importância da implementação do BRCRIS: desafios em virtude da emergência d...
A importância da implementação do BRCRIS: desafios em virtude da emergência d...A importância da implementação do BRCRIS: desafios em virtude da emergência d...
A importância da implementação do BRCRIS: desafios em virtude da emergência d...
 
O preço da publicação científica: as áreas do conhecimento em foco
O preço da publicação científica: as áreas do conhecimento em focoO preço da publicação científica: as áreas do conhecimento em foco
O preço da publicação científica: as áreas do conhecimento em foco
 
A incidência de APC em áreas científicas
A incidência de APC em áreas científicasA incidência de APC em áreas científicas
A incidência de APC em áreas científicas
 
O desafio da interoperabilidade semântica nas bases de dados: estudo de caso ...
O desafio da interoperabilidade semântica nas bases de dados: estudo de caso ...O desafio da interoperabilidade semântica nas bases de dados: estudo de caso ...
O desafio da interoperabilidade semântica nas bases de dados: estudo de caso ...
 
Implantação e padronização de dados em Repositórios Institucionais
Implantação e padronização de dados em Repositórios InstitucionaisImplantação e padronização de dados em Repositórios Institucionais
Implantação e padronização de dados em Repositórios Institucionais
 

Último

Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfaulasgege
 
A experiência amorosa e a reflexão sobre o Amor.pptx
A experiência amorosa e a reflexão sobre o Amor.pptxA experiência amorosa e a reflexão sobre o Amor.pptx
A experiência amorosa e a reflexão sobre o Amor.pptxfabiolalopesmartins1
 
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimirFCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimirIedaGoethe
 
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
A Arte de Escrever Poemas - Dia das Mães
A Arte de Escrever Poemas - Dia das MãesA Arte de Escrever Poemas - Dia das Mães
A Arte de Escrever Poemas - Dia das MãesMary Alvarenga
 
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasPrograma de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasCassio Meira Jr.
 
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdfUFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdfManuais Formação
 
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptxAula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptxpamelacastro71
 
Habilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e EspecíficasHabilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e EspecíficasCassio Meira Jr.
 
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfIedaGoethe
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfIedaGoethe
 
trabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduratrabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduraAdryan Luiz
 
Cenários de Aprendizagem - Estratégia para implementação de práticas pedagógicas
Cenários de Aprendizagem - Estratégia para implementação de práticas pedagógicasCenários de Aprendizagem - Estratégia para implementação de práticas pedagógicas
Cenários de Aprendizagem - Estratégia para implementação de práticas pedagógicasRosalina Simão Nunes
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxIsabellaGomes58
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOMarcosViniciusLemesL
 
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptxSlides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfSimulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfEditoraEnovus
 
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e Tani
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e TaniModelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e Tani
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e TaniCassio Meira Jr.
 
Grupo Tribalhista - Música Velha Infância (cruzadinha e caça palavras)
Grupo Tribalhista - Música Velha Infância (cruzadinha e caça palavras)Grupo Tribalhista - Música Velha Infância (cruzadinha e caça palavras)
Grupo Tribalhista - Música Velha Infância (cruzadinha e caça palavras)Mary Alvarenga
 
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdfO Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdfPastor Robson Colaço
 

Último (20)

Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
 
A experiência amorosa e a reflexão sobre o Amor.pptx
A experiência amorosa e a reflexão sobre o Amor.pptxA experiência amorosa e a reflexão sobre o Amor.pptx
A experiência amorosa e a reflexão sobre o Amor.pptx
 
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimirFCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
 
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
A Arte de Escrever Poemas - Dia das Mães
A Arte de Escrever Poemas - Dia das MãesA Arte de Escrever Poemas - Dia das Mães
A Arte de Escrever Poemas - Dia das Mães
 
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasPrograma de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
 
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdfUFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
UFCD_10392_Intervenção em populações de risco_índice .pdf
 
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptxAula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
 
Habilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e EspecíficasHabilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e Específicas
 
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
 
trabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduratrabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditadura
 
Cenários de Aprendizagem - Estratégia para implementação de práticas pedagógicas
Cenários de Aprendizagem - Estratégia para implementação de práticas pedagógicasCenários de Aprendizagem - Estratégia para implementação de práticas pedagógicas
Cenários de Aprendizagem - Estratégia para implementação de práticas pedagógicas
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
 
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptxSlides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
Slides Lição 03, Central Gospel, O Arrebatamento, 1Tr24.pptx
 
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfSimulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
 
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e Tani
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e TaniModelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e Tani
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e Tani
 
Grupo Tribalhista - Música Velha Infância (cruzadinha e caça palavras)
Grupo Tribalhista - Música Velha Infância (cruzadinha e caça palavras)Grupo Tribalhista - Música Velha Infância (cruzadinha e caça palavras)
Grupo Tribalhista - Música Velha Infância (cruzadinha e caça palavras)
 
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdfO Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
 

Recursos educacionais abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável

  • 1. Recursos Educacionais Abertos Universidade Aberta de Portugal (UAb) e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável Ana Furniel | Ana Paula Mendonça | José Carvalho | Madalena Carvalho | Rosane Mendes Outubro 2019
  • 2. Este trabalho constitui-se como uma reflexão crítica sobre a parceria institucional, entre a Fundação Oswaldo Cruz – FioCruz e a Universidade Aberta de Portugal - UAb, relativa à interoperabilidade na área dos Recursos Educacionais Abertos Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
  • 3. 3 A partilha do conhecimento tem assumido uma relevância crescente em diversas regiões e nos novos cenários relacionados com a economia global do conhecimento Por todo o mundo se assiste ao desenvolvimento de iniciativas, em prol da democratização do conhecimento e do seu acesso generalizado Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
  • 4. 4 Na esfera da educação, o movimento Recursos Educacionais Abertos destaca-se pelo papel que representa nos contextos relacionados com a educação aberta Forma colaborativa, participativa e inclusiva de aprender | Desenvolvimento de competências de forma ampla e irrestrita | Acesso a comunidades que não teriam outras formas de acesso aos conteúdos Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
  • 5. 5 A importância dos REA tem sido legitimada no plano teórico mas também pelo desenvolvimento de repositórios de recursos educacionais Para ampliar a escala e a esfera de influência de experiências desenvolvidas pelas diversas instituições, nas suas práticas internas, surgem iniciativas que promovem a troca de experiência e a partilha efetiva de conteúdos Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
  • 6. 6 É neste enquadramento conceptual que surge a parceria institucional estabelecida entre a Universidade Aberta de Portugal e a Fundação Oswaldo Cruz relativa à partilha dos recursos educacionais abertos, na área da saúde Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
  • 7. 7 Assumindo o conhecimento como um direito do cidadão, tem atuado na implementação de ações que assegurem o acesso aberto à sua produção científica, cursos e recursos educacionais Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
  • 8. 8 Plataforma que pretende garantir a interoperabilidade dos objetos digitais entre as diversas instituições participantes da rede CVSP/OPAS, que tem no Campus Virtual Fiocruz o seu nó da rede no Brasil Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
  • 9. 9 Oferece soluções para armazenar, disponibilizar e garantir o acesso a recursos educacionais abertos de forma irrestrita Para além de armazenar e dar acesso aos objetos digitais, é incentivado o papel dos criadores de conteúdos, a colaboração e a interação Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável Ecossistema digital para promover a cultura da educação aberta
  • 10. 10 A sustentabilidade da missão e projeto para a educação aberta e em rede na Sociedade Digital, por parte da Universidade Aberta (UAb), instituição pública de Ensino a Distância e eLearning, tem na Política Institucional de Acesso Aberto um dos seus principais instrumentos para a concretização do acesso livre à literatura e produção científica Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
  • 11. EDUCAÇÃO ABERTAMelhoria das práticas e da qualidade da educação ACESSO ABERTOAcesso universal à informação e ao conhecimento 11Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
  • 12. Recursos das mais variadas tipologias como MOOCs, percursos livres baseados na oferta formativa formal, conteúdos de unidades curriculares dos cursos formais ou do Arquivo Audiovisual Acesso a recursos educacionais, agregados de Repositórios parceiros da UAb 12Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
  • 13. Assegurar a interoperabilidade entre os dois sistemas 13Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
  • 14. 14Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
  • 15. 15 1. Planeamento de atividades e estabelecimento de orientações técnicas 2. Análise das políticas e práticas de descrição e validação de conteúdos 3. Identificação e seleção dos recursos 4. Adequação das tipologias de metadados 5. Estabelecimento de equivalência semântica para a recuperação da informação e acesso aos conteúdos 6. Partilha dos recursos educacionais (Repositórios e redes parceiras da Fiocruz | RCAAP) Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
  • 16. 16 Serviço de Alojamento de Repositórios Institucionais (SARI) Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
  • 17. 17 O SARI pode ser utilizado por qualquer das instituições do sistema científico e do ensino superior para alojamento do seu repositório com individualização de identidade corporativa própria Os repositórios disponibilizados neste regime são automaticamente indexados no portal RCAAP O bom funcionamento do RCAAP e a sua credibilidade junto dos utilizadores exige que os repositórios agregados usem um conjunto de diretrizes e normas comuns, no sentido de garantir a interoperabilidade e qualidade dos resultados das pesquisas Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
  • 18. 18  Autor  Título  Data  Estado da Publicação  Idioma  Licença Creative Commons Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
  • 19. 19 Decorrente da articulação entre os procedimentos definidos na Política Geral de Recursos Educacionais Abertos da Rede CVSP e as diretrizes aplicáveis aos repositórios da rede RCAAP, foi identificado como ponto crítico:  Falta de alinhamento dos metadados utilizados para a descrição dos recursos educacionais Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
  • 20. Resultado da validação dos recursos educativos (https://validador.rcaap.pt) Para que os recursos possam integrar o Portal RCAAP é necessário efetuar alterações na tipologia de documento, idioma e autores 20Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável Validação dos Recursos
  • 21. 21 As incompatibilidades técnicas decorrentes das diferenças entre as plataformas demandaram ajustes tanto no processo de criação do arquivo XML conforme o padrão OAI- PMH, quanto ao processo de Harvesting Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
  • 22. 22 Do lado dos repositórios não existem ainda ferramentas com funcionalidades intuitivas para a correta curadoria da informação ou mapeamento automático de valores que permitam uma correspondência direta Será necessário desenvolver alterações de parte a parte para a correta integração dos recursos nos diferentes ecossistemas Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável
  • 23. 23Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável 1. A estratégia de cooperação estabelecida entre a UAb e a Fiocruz, comporta um enorme potencial para o desenvolvimento de reflexão e trabalho prático, conjunto, na área da Educação Aberta. 2. A tecnologia digital é um fator que pode contribuir para a melhoria do acesso à educação de qualidade, mas a forma como criamos e compartilhamos o conhecimento é fundamental nesse processo. 3. Da experiência colhida pelas equipas, fisicamente em três locais diferentes do mundo (Braga|Lisboa|Rio de Janeiro) destaca-se a importância do desenvolvimento de metodologias e de processos de trabalho colaborativo e em rede.
  • 24. 24Recursos Educacionais Abertos: UAb e Fiocruz, um diálogo institucionalmente provável Muito obrigada! maria.carvalho@uab.pt