SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 1
Baixar para ler offline
Moderna PLUS                             GEOGRAFIA                                                 LYGIA TERRA
                                                                                                                                      REGINA ARAUJO
                                                                                                                             RAUL BORGES GUIMARÃES
                                                                               CONEXÕES
                         Parte I Sociedade e espaço
                         Unidade A O mundo contemporâneo                       Volume único




                              CAPÍTULO 1 - UM MUNDO EM REDE
                              Abertura do capítulo                                13              de sistemas financeiros em interação, sendo útil
                                                                                                  às corporações e empresas transnacionais, que
                               a) Sim. Porque a internet é uma rede mundial que
                                                                                                  distribuem diferentes partes de seu processo
                                  conecta computadores, processos produtivos e
                                  pessoas em todo o mundo.                                        produtivo pelo mundo. Nesse contexto, os países
                                                                                                  ricos ocupam posições de destaque.
                               b) Não. A participação dos países e regiões do globo
                                  é, por essência, desigual. A África, por exemplo,         2   a) Espera-se que os alunos façam referência às
                                  participa apenas marginalmente dessa rede                        profundas disparidades representadas no mapa.
                                  mundial de computadores.                                      b) Os alunos devem apontar as profundas
                                                                                                   transformações geradas pelas novas tecnologias
                              Conexões visuais                                    14               em todos os campos da atividade humana, da
                               a) Resposta pessoal. É importante observar que                      agricultura às comunicações.
                                  a verticalização concretizou-se, ao longo das             3 a) As estações ferroviárias facilitam o acesso dos
                                  últimas décadas, em grandes e médias cidades                    bens aos mercados consumidores, reduzindo
                                  em todas as regiões do mundo. Já existem                        os custos de transferência. Em torno delas,
                                  edifícios cujo número de habitantes é superior                  estabelecem-se empresas e estruturas de
                                  ao de pequenas cidades.                                         comercialização, gerando demanda por força
                               b) Resposta pessoal. Caso seja conveniente, sugerir                de trabalho e serviços. Esse processo estimula a
                                  aos alunos a elaboração de imagens (desenhos                    formação de centros urbanos.
                                  ou fotomontagens) nas quais expressem sua                     b) O meio técnico é formado por concentrações
                                  visão do mundo daqui a cem anos.                                 industriais, campos agrícolas, cidades e
                              Conexões visuais                                    15               infraestruturas de circulação estabelecidas ao
                                                                                                   longo da era industrial. As redes ferroviárias são
                              A iluminação das cidades, principalmente.                            um elemento característico do meio técnico.
                                                                                                   As estradas de ferro, implantadas na prairie
                              Conexões visuais                                    18               canadense nas últimas décadas do século XIX,
                                                                                                   deflagraram processos de expansão das culturas
                            No modelo apresentado, os pontos D e G são os lugares                  comerciais e a formação de centros urbanos,
                         mais estratégicos, ou o núcleo da rede, enquanto os pontos                incorporando toda a vasta área aos fluxos da
                         A, C, E e F são os lugares menos estratégicos, ou localizados             economia internacional.
                         na periferia externa da rede.                                      4 Assim como a instalação de novas redes de
                                                                                                transporte, as novas redes de comunicação
                              Conexões visuais                                    19            deflagram processos de “valorização espacial”. Os
                                                                                                locais servidos por infraestruturas de internet em
                           O continente africano apresenta os índices mais baixos de            banda larga oferecem acesso privilegiado à rede
                         acesso à internet, no total regional e mundial. A Ásia participa       mundial da “era da informação”, atraindo empresas
                         com grande número de usuários no mundo, porém enfrenta                 e negócios. Os produtos e serviços comercializados
                         o desafio de inclusão digital se considerada a dimensão de             pelas empresas instaladas nesses locais
                         sua população.                                                         beneficiam-se de maior visibilidade em todos os
                                                                                                mercados influenciados pela rede.
                                                                                            5   Espera-se que os alunos apontem as
                         Eixos transversais Valores éticos                                      transformações ocorridas na última década em
                                                                                                relação à difusão das produções culturais, como
                              Novos rumos                                         19
                                                                                                música e audiovisual, e suas repercussões na
                            Espera-se que o aluno conclua que a ideia de futuro                 democratização do acesso a essa produção. A
                         libertador das redes está relacionada ao seu potencial de              internet pode ser um instrumento importante para
                                                                                                produção e difusão de elementos culturais.
                         aproximar pessoas para satisfazer suas necessidades afe-
                                                                                            6 a) Os elementos constitutivos da paisagem
                         tivas e econômicas e ampliar o acesso aos bens culturais.
                                                                                                  surgiram em tempos diferentes e modificam-se
                              Mãos à obra                                         20              em lapsos de tempo diferentes. Assim, a
                                                                                                  paisagem materializa diversos momentos da
www.modernaplus.com.br




                          1    a) Os maiores fluxos de informação se dão entre                    história social e, também, da história natural.
                                  a América do Norte e a Europa. Há também
                                                                                                b) O objetivo da questão é dirigir a atenção dos alunos
                                  importantes ligações entre a América do Norte e
                                                                                                   para as paisagens relacionadas à sua própria
                                  a Ásia, através do Oceano Pacífico.
                                                                                                   vivência e estimular a observação e a análise dos
                               b) Nos Estados Unidos, as cidades de Nova                           processos de transformação do espaço urbano.
                                  York e Washington; entre os países europeus                      Fenômenos como a verticalização de áreas centrais
                                  destacam-se França, Reino Unido e Dinamarca.                     ou de determinados bairros, a substituição de usos
                               c) O estabelecimento de uma rede mundial de                         residenciais por usos comerciais e a implantação
                                  informações, da qual a rede de cabos submarinos                  de shopping centers ou de condomínios fechados são
                                  faz parte, é uma necessidade ao funcionamento                    exemplos que podem aparecer nas respostas.

Mais conteúdo relacionado

Destaque

Moderna digital - Cadernos de Revisão
Moderna digital - Cadernos de RevisãoModerna digital - Cadernos de Revisão
Moderna digital - Cadernos de RevisãoEditora Moderna
 
Correção das atividades do capítulo 3
Correção das atividades do capítulo 3Correção das atividades do capítulo 3
Correção das atividades do capítulo 3Colégio Parthenon
 
Ditadura releitura
Ditadura   releituraDitadura   releitura
Ditadura releituraPrivada
 
Revoltas da rep velha3
Revoltas da rep velha3Revoltas da rep velha3
Revoltas da rep velha3Privada
 
Historia das cavernas ao terceiro milenio vol1 - slides complementares - pl...
Historia das cavernas ao terceiro milenio   vol1 - slides complementares - pl...Historia das cavernas ao terceiro milenio   vol1 - slides complementares - pl...
Historia das cavernas ao terceiro milenio vol1 - slides complementares - pl...Editora Moderna
 
Revisional
RevisionalRevisional
RevisionalPrivada
 
Historia das cavernas ao terceiro milenio vol3 - slides complementares - pl...
Historia das cavernas ao terceiro milenio   vol3 - slides complementares - pl...Historia das cavernas ao terceiro milenio   vol3 - slides complementares - pl...
Historia das cavernas ao terceiro milenio vol3 - slides complementares - pl...Editora Moderna
 
Gabarito geo-capítulo2
Gabarito geo-capítulo2Gabarito geo-capítulo2
Gabarito geo-capítulo2edudeoliv
 
Brasil império II reinado (1840-1889)
Brasil império II reinado (1840-1889)Brasil império II reinado (1840-1889)
Brasil império II reinado (1840-1889)Privada
 
Conexoes - Estudos de Geografia Geral e do Brasil - vol1 - slides complementa...
Conexoes - Estudos de Geografia Geral e do Brasil - vol1 - slides complementa...Conexoes - Estudos de Geografia Geral e do Brasil - vol1 - slides complementa...
Conexoes - Estudos de Geografia Geral e do Brasil - vol1 - slides complementa...Editora Moderna
 
Pré-história
Pré-históriaPré-história
Pré-históriaPrivada
 
Matrículas abertas e com novidades
Matrículas abertas e com novidadesMatrículas abertas e com novidades
Matrículas abertas e com novidadesPrivada
 
Do bandeirantismo à exploração aurífera.
Do bandeirantismo à exploração aurífera.Do bandeirantismo à exploração aurífera.
Do bandeirantismo à exploração aurífera.Privada
 
2 av hist. brasil_2012_demo-p&b-pm-ba(soldado)
2 av hist. brasil_2012_demo-p&b-pm-ba(soldado)2 av hist. brasil_2012_demo-p&b-pm-ba(soldado)
2 av hist. brasil_2012_demo-p&b-pm-ba(soldado)Herbert Machicao
 
Historia das cavernas ao terceiro milenio vol2 - slides complementares - pl...
Historia das cavernas ao terceiro milenio   vol2 - slides complementares - pl...Historia das cavernas ao terceiro milenio   vol2 - slides complementares - pl...
Historia das cavernas ao terceiro milenio vol2 - slides complementares - pl...Editora Moderna
 
Aula revolução russa editora moderna
Aula revolução russa editora modernaAula revolução russa editora moderna
Aula revolução russa editora modernaBruno-machado Bruno
 
Conexoes - Estudos de Geografia Geral e do Brasil - EJA - Planejamento Intera...
Conexoes - Estudos de Geografia Geral e do Brasil - EJA - Planejamento Intera...Conexoes - Estudos de Geografia Geral e do Brasil - EJA - Planejamento Intera...
Conexoes - Estudos de Geografia Geral e do Brasil - EJA - Planejamento Intera...Editora Moderna
 
Historia das Cavernas ao Terceiro Milenio - EJA - Planejamento Interativo
Historia das Cavernas ao Terceiro Milenio - EJA - Planejamento InterativoHistoria das Cavernas ao Terceiro Milenio - EJA - Planejamento Interativo
Historia das Cavernas ao Terceiro Milenio - EJA - Planejamento InterativoEditora Moderna
 

Destaque (20)

Capítulo 15 repostas exercícios
Capítulo 15   repostas exercíciosCapítulo 15   repostas exercícios
Capítulo 15 repostas exercícios
 
Moderna digital - Cadernos de Revisão
Moderna digital - Cadernos de RevisãoModerna digital - Cadernos de Revisão
Moderna digital - Cadernos de Revisão
 
Correção das atividades do capítulo 3
Correção das atividades do capítulo 3Correção das atividades do capítulo 3
Correção das atividades do capítulo 3
 
Ditadura releitura
Ditadura   releituraDitadura   releitura
Ditadura releitura
 
Revoltas da rep velha3
Revoltas da rep velha3Revoltas da rep velha3
Revoltas da rep velha3
 
Historia das cavernas ao terceiro milenio vol1 - slides complementares - pl...
Historia das cavernas ao terceiro milenio   vol1 - slides complementares - pl...Historia das cavernas ao terceiro milenio   vol1 - slides complementares - pl...
Historia das cavernas ao terceiro milenio vol1 - slides complementares - pl...
 
Revisional
RevisionalRevisional
Revisional
 
Historia das cavernas ao terceiro milenio vol3 - slides complementares - pl...
Historia das cavernas ao terceiro milenio   vol3 - slides complementares - pl...Historia das cavernas ao terceiro milenio   vol3 - slides complementares - pl...
Historia das cavernas ao terceiro milenio vol3 - slides complementares - pl...
 
Gabarito geo-capítulo2
Gabarito geo-capítulo2Gabarito geo-capítulo2
Gabarito geo-capítulo2
 
Brasil império II reinado (1840-1889)
Brasil império II reinado (1840-1889)Brasil império II reinado (1840-1889)
Brasil império II reinado (1840-1889)
 
Conexoes - Estudos de Geografia Geral e do Brasil - vol1 - slides complementa...
Conexoes - Estudos de Geografia Geral e do Brasil - vol1 - slides complementa...Conexoes - Estudos de Geografia Geral e do Brasil - vol1 - slides complementa...
Conexoes - Estudos de Geografia Geral e do Brasil - vol1 - slides complementa...
 
Pré-história
Pré-históriaPré-história
Pré-história
 
Matrículas abertas e com novidades
Matrículas abertas e com novidadesMatrículas abertas e com novidades
Matrículas abertas e com novidades
 
Do bandeirantismo à exploração aurífera.
Do bandeirantismo à exploração aurífera.Do bandeirantismo à exploração aurífera.
Do bandeirantismo à exploração aurífera.
 
2 av hist. brasil_2012_demo-p&b-pm-ba(soldado)
2 av hist. brasil_2012_demo-p&b-pm-ba(soldado)2 av hist. brasil_2012_demo-p&b-pm-ba(soldado)
2 av hist. brasil_2012_demo-p&b-pm-ba(soldado)
 
Historia das cavernas ao terceiro milenio vol2 - slides complementares - pl...
Historia das cavernas ao terceiro milenio   vol2 - slides complementares - pl...Historia das cavernas ao terceiro milenio   vol2 - slides complementares - pl...
Historia das cavernas ao terceiro milenio vol2 - slides complementares - pl...
 
Aula revolução russa editora moderna
Aula revolução russa editora modernaAula revolução russa editora moderna
Aula revolução russa editora moderna
 
Conexoes - Estudos de Geografia Geral e do Brasil - EJA - Planejamento Intera...
Conexoes - Estudos de Geografia Geral e do Brasil - EJA - Planejamento Intera...Conexoes - Estudos de Geografia Geral e do Brasil - EJA - Planejamento Intera...
Conexoes - Estudos de Geografia Geral e do Brasil - EJA - Planejamento Intera...
 
Historia das Cavernas ao Terceiro Milenio - EJA - Planejamento Interativo
Historia das Cavernas ao Terceiro Milenio - EJA - Planejamento InterativoHistoria das Cavernas ao Terceiro Milenio - EJA - Planejamento Interativo
Historia das Cavernas ao Terceiro Milenio - EJA - Planejamento Interativo
 
007 012 cad_est_p1_v2_cap 01
007 012 cad_est_p1_v2_cap 01007 012 cad_est_p1_v2_cap 01
007 012 cad_est_p1_v2_cap 01
 

Semelhante a Orient coment cap01 (1)

Ciencias contabeis
Ciencias contabeisCiencias contabeis
Ciencias contabeisjorprid
 
Rede urbana nacional
Rede urbana nacionalRede urbana nacional
Rede urbana nacionalCacilda Basto
 
Aula10 - MODA E CRIAÇÃO III
Aula10 - MODA E CRIAÇÃO IIIAula10 - MODA E CRIAÇÃO III
Aula10 - MODA E CRIAÇÃO IIIIzabel Meister
 
Aula 08 de ciências humanas e suas tecnologias
Aula 08 de ciências humanas e suas tecnologiasAula 08 de ciências humanas e suas tecnologias
Aula 08 de ciências humanas e suas tecnologiasHomero Alves de Lima
 
geografia2012.12ºB
geografia2012.12ºBgeografia2012.12ºB
geografia2012.12ºBRui Medeiros
 
Privacidade x Social Networking - Jorilson Rodrigues
Privacidade x Social Networking - Jorilson RodriguesPrivacidade x Social Networking - Jorilson Rodrigues
Privacidade x Social Networking - Jorilson RodriguesFecomercioSP
 
O EspaçO Urbano E O Processo De UrbanizaçãO
O EspaçO Urbano E O Processo De UrbanizaçãOO EspaçO Urbano E O Processo De UrbanizaçãO
O EspaçO Urbano E O Processo De UrbanizaçãOMaria Olandina Machado
 
Porto Alegre Palestra Future of the Cities
Porto Alegre Palestra  Future of the CitiesPorto Alegre Palestra  Future of the Cities
Porto Alegre Palestra Future of the CitiesCezar Taurion
 
A Interactividade na TDT Europeia e o Telejornalismo em Portugal
A Interactividade na TDT Europeia e o Telejornalismo em PortugalA Interactividade na TDT Europeia e o Telejornalismo em Portugal
A Interactividade na TDT Europeia e o Telejornalismo em PortugalCarlos Tourinho
 

Semelhante a Orient coment cap01 (1) (20)

Avaliaçao geografia top 11,13 e 14 pip
Avaliaçao geografia top 11,13 e 14 pipAvaliaçao geografia top 11,13 e 14 pip
Avaliaçao geografia top 11,13 e 14 pip
 
Redes
RedesRedes
Redes
 
Tópicos 6 geografia redes e circulaçao
Tópicos 6 geografia redes e circulaçaoTópicos 6 geografia redes e circulaçao
Tópicos 6 geografia redes e circulaçao
 
Lusocom 2018
Lusocom 2018Lusocom 2018
Lusocom 2018
 
Ciencias contabeis
Ciencias contabeisCiencias contabeis
Ciencias contabeis
 
Prova sobre redes
Prova sobre redesProva sobre redes
Prova sobre redes
 
Prova sobre redes
Prova sobre redesProva sobre redes
Prova sobre redes
 
Prova sobre redes
Prova sobre redesProva sobre redes
Prova sobre redes
 
Prova sobre redes
Prova sobre redesProva sobre redes
Prova sobre redes
 
Redes
RedesRedes
Redes
 
Rede urbana nacional
Rede urbana nacionalRede urbana nacional
Rede urbana nacional
 
Aula10 - MODA E CRIAÇÃO III
Aula10 - MODA E CRIAÇÃO IIIAula10 - MODA E CRIAÇÃO III
Aula10 - MODA E CRIAÇÃO III
 
Aula 08 de ciências humanas e suas tecnologias
Aula 08 de ciências humanas e suas tecnologiasAula 08 de ciências humanas e suas tecnologias
Aula 08 de ciências humanas e suas tecnologias
 
geografia2012.12ºB
geografia2012.12ºBgeografia2012.12ºB
geografia2012.12ºB
 
Privacidade x Social Networking - Jorilson Rodrigues
Privacidade x Social Networking - Jorilson RodriguesPrivacidade x Social Networking - Jorilson Rodrigues
Privacidade x Social Networking - Jorilson Rodrigues
 
Sw2012 pdf completo
Sw2012 pdf completoSw2012 pdf completo
Sw2012 pdf completo
 
O EspaçO Urbano E O Processo De UrbanizaçãO
O EspaçO Urbano E O Processo De UrbanizaçãOO EspaçO Urbano E O Processo De UrbanizaçãO
O EspaçO Urbano E O Processo De UrbanizaçãO
 
Porto Alegre Palestra Future of the Cities
Porto Alegre Palestra  Future of the CitiesPorto Alegre Palestra  Future of the Cities
Porto Alegre Palestra Future of the Cities
 
A Interactividade na TDT Europeia e o Telejornalismo em Portugal
A Interactividade na TDT Europeia e o Telejornalismo em PortugalA Interactividade na TDT Europeia e o Telejornalismo em Portugal
A Interactividade na TDT Europeia e o Telejornalismo em Portugal
 
Cidadeciborgue
CidadeciborgueCidadeciborgue
Cidadeciborgue
 

Mais de Antonio Carlos da Silva (20)

Cartografia - revisao - material UNOi
Cartografia - revisao - material UNOiCartografia - revisao - material UNOi
Cartografia - revisao - material UNOi
 
Gabarito cap.19
Gabarito cap.19Gabarito cap.19
Gabarito cap.19
 
Relevo i
Relevo iRelevo i
Relevo i
 
Desconcentração espacial da indústria
Desconcentração espacial da indústriaDesconcentração espacial da indústria
Desconcentração espacial da indústria
 
O espaço industrial ii
O espaço industrial iiO espaço industrial ii
O espaço industrial ii
 
O espaço industrial
O espaço industrialO espaço industrial
O espaço industrial
 
Correcao 3ª
Correcao 3ªCorrecao 3ª
Correcao 3ª
 
14 3
14 314 3
14 3
 
14 2
14 214 2
14 2
 
14 1
14 114 1
14 1
 
O espaço industrial
O espaço industrialO espaço industrial
O espaço industrial
 
Formigueiros humanos
Formigueiros humanosFormigueiros humanos
Formigueiros humanos
 
Desgualdade e exclusão
Desgualdade e exclusãoDesgualdade e exclusão
Desgualdade e exclusão
 
Aval parc 2ª_2ºtri
Aval parc 2ª_2ºtriAval parc 2ª_2ºtri
Aval parc 2ª_2ºtri
 
Aval parc 1ª_2ºtri
 Aval parc 1ª_2ºtri Aval parc 1ª_2ºtri
Aval parc 1ª_2ºtri
 
Políticas territoriais
Políticas territoriaisPolíticas territoriais
Políticas territoriais
 
União européia
União européiaUnião européia
União européia
 
Formação territorial e povoamento
Formação territorial e povoamentoFormação territorial e povoamento
Formação territorial e povoamento
 
Globalização
GlobalizaçãoGlobalização
Globalização
 
O fim da urss desdobr
O fim da urss desdobrO fim da urss desdobr
O fim da urss desdobr
 

Último

Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...azulassessoria9
 
A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...
A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...
A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...DominiqueFaria2
 
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOMNOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOMHenrique Pontes
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terraBiblioteca UCS
 
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfO Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfQueleLiberato
 
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil  2023.ppsxA área de ciências da religião no brasil  2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsxGilbraz Aragão
 
Modelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesModelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesGilbraz Aragão
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoCelianeOliveira8
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...nexocan937
 
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Mary Alvarenga
 
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoSer Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoJayaneSales1
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas BrasileirosMary Alvarenga
 
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Paula Meyer Piagentini
 
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.azulassessoria9
 
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Paula Meyer Piagentini
 
Modernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e AméricaModernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e Américawilson778875
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxGislaineDuresCruz
 

Último (20)

Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
 
A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...
A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...
A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...
 
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOMNOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
 
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfO Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
 
Os Ratos - Dyonelio Machado FUVEST 2025
Os Ratos  -  Dyonelio Machado  FUVEST 2025Os Ratos  -  Dyonelio Machado  FUVEST 2025
Os Ratos - Dyonelio Machado FUVEST 2025
 
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil  2023.ppsxA área de ciências da religião no brasil  2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
 
Modelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesModelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das Religiões
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
 
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
 
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoSer Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
 
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
 
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
 
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
 
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
 
Modernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e AméricaModernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e América
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
 

Orient coment cap01 (1)

  • 1. Moderna PLUS GEOGRAFIA LYGIA TERRA REGINA ARAUJO RAUL BORGES GUIMARÃES CONEXÕES Parte I Sociedade e espaço Unidade A O mundo contemporâneo Volume único CAPÍTULO 1 - UM MUNDO EM REDE Abertura do capítulo 13 de sistemas financeiros em interação, sendo útil às corporações e empresas transnacionais, que a) Sim. Porque a internet é uma rede mundial que distribuem diferentes partes de seu processo conecta computadores, processos produtivos e pessoas em todo o mundo. produtivo pelo mundo. Nesse contexto, os países ricos ocupam posições de destaque. b) Não. A participação dos países e regiões do globo é, por essência, desigual. A África, por exemplo, 2 a) Espera-se que os alunos façam referência às participa apenas marginalmente dessa rede profundas disparidades representadas no mapa. mundial de computadores. b) Os alunos devem apontar as profundas transformações geradas pelas novas tecnologias Conexões visuais 14 em todos os campos da atividade humana, da a) Resposta pessoal. É importante observar que agricultura às comunicações. a verticalização concretizou-se, ao longo das 3 a) As estações ferroviárias facilitam o acesso dos últimas décadas, em grandes e médias cidades bens aos mercados consumidores, reduzindo em todas as regiões do mundo. Já existem os custos de transferência. Em torno delas, edifícios cujo número de habitantes é superior estabelecem-se empresas e estruturas de ao de pequenas cidades. comercialização, gerando demanda por força b) Resposta pessoal. Caso seja conveniente, sugerir de trabalho e serviços. Esse processo estimula a aos alunos a elaboração de imagens (desenhos formação de centros urbanos. ou fotomontagens) nas quais expressem sua b) O meio técnico é formado por concentrações visão do mundo daqui a cem anos. industriais, campos agrícolas, cidades e Conexões visuais 15 infraestruturas de circulação estabelecidas ao longo da era industrial. As redes ferroviárias são A iluminação das cidades, principalmente. um elemento característico do meio técnico. As estradas de ferro, implantadas na prairie Conexões visuais 18 canadense nas últimas décadas do século XIX, deflagraram processos de expansão das culturas No modelo apresentado, os pontos D e G são os lugares comerciais e a formação de centros urbanos, mais estratégicos, ou o núcleo da rede, enquanto os pontos incorporando toda a vasta área aos fluxos da A, C, E e F são os lugares menos estratégicos, ou localizados economia internacional. na periferia externa da rede. 4 Assim como a instalação de novas redes de transporte, as novas redes de comunicação Conexões visuais 19 deflagram processos de “valorização espacial”. Os locais servidos por infraestruturas de internet em O continente africano apresenta os índices mais baixos de banda larga oferecem acesso privilegiado à rede acesso à internet, no total regional e mundial. A Ásia participa mundial da “era da informação”, atraindo empresas com grande número de usuários no mundo, porém enfrenta e negócios. Os produtos e serviços comercializados o desafio de inclusão digital se considerada a dimensão de pelas empresas instaladas nesses locais sua população. beneficiam-se de maior visibilidade em todos os mercados influenciados pela rede. 5 Espera-se que os alunos apontem as Eixos transversais Valores éticos transformações ocorridas na última década em relação à difusão das produções culturais, como Novos rumos 19 música e audiovisual, e suas repercussões na Espera-se que o aluno conclua que a ideia de futuro democratização do acesso a essa produção. A libertador das redes está relacionada ao seu potencial de internet pode ser um instrumento importante para produção e difusão de elementos culturais. aproximar pessoas para satisfazer suas necessidades afe- 6 a) Os elementos constitutivos da paisagem tivas e econômicas e ampliar o acesso aos bens culturais. surgiram em tempos diferentes e modificam-se Mãos à obra 20 em lapsos de tempo diferentes. Assim, a paisagem materializa diversos momentos da www.modernaplus.com.br 1 a) Os maiores fluxos de informação se dão entre história social e, também, da história natural. a América do Norte e a Europa. Há também b) O objetivo da questão é dirigir a atenção dos alunos importantes ligações entre a América do Norte e para as paisagens relacionadas à sua própria a Ásia, através do Oceano Pacífico. vivência e estimular a observação e a análise dos b) Nos Estados Unidos, as cidades de Nova processos de transformação do espaço urbano. York e Washington; entre os países europeus Fenômenos como a verticalização de áreas centrais destacam-se França, Reino Unido e Dinamarca. ou de determinados bairros, a substituição de usos c) O estabelecimento de uma rede mundial de residenciais por usos comerciais e a implantação informações, da qual a rede de cabos submarinos de shopping centers ou de condomínios fechados são faz parte, é uma necessidade ao funcionamento exemplos que podem aparecer nas respostas.