SlideShare uma empresa Scribd logo
Tema : Dengue
2014
Nosso trabalho escolar tem como
objetivo, conscientizá-los quanto a
importância de prevenir a dengue, pois
que esta é uma doença grave e que vem
causando muitas mortes. Não só
falando um pouco mais sim mostrando
um pouco dos ambientes em que
encontramos o mosquito da dengue .
A dengue é um dos principais problemas
de saúde pública no mundo. A Organização
Mundial da Saúde (OMS) estima que entre
50 a 100 milhões de pessoas se infectam
anualmente, em mais de 100 países, de todos
os continentes, exceto a Europa. Cerca de
550 mil doentes necessitam de
hospitalização e 20 mil morrem em
consequência da dengue.
A dengue hemorrágica acontece quando a pessoa
infectada com dengue sofre alterações na coagulação
sanguínea. Se a doença não for tratada com rapidez,
pode levar à morte. No geral, a dengue hemorrágica é
mais comum quando a pessoa está sendo infectada
pela segunda ou terceira vez. Os sintomas iniciais são
parecidos com os da dengue clássica, e somente após o
terceiro ou quarto dia surgem hemorragias causadas
pelo sangramento de pequenos vasos da pele e outros
órgãos. Na dengue hemorrágica, ocorre uma queda na
pressão arterial do paciente, podendo gerar tonturas e
quedas.
Trabalho da dengue michelle
 Tem 0,5 cm de comprimento, è preto com pequenos
riscos brancos no dorso, na cabeça e nas pernas e suas
asas são translúcidas.
 Nome Especifico: Aedes Aegypti
 Seus ovos são muitos resistentes e sobrevivem
vários meses, são depositados em diversos locais e
rapidamente se transformam em larvas que dão
origem ao mosquito adulto ( pupas ).
 A dengue pode ser transmitida por duas espécies
de mosquitos (Aedes aegypti e Aedes
albopictus), que picam tanto durante o dia como
à noite. Os transmissores, principalmente o Aedes
aegypti, se reproduzem dentro ou nas
proximidades de habitações, em recipientes onde
se acumula água limpa (vasos de plantas, pneus
velhos, cisternas, etc.). A transmissão pelo Aedes
albopictus não é comum porque o mosquito não
costuma frequentar o domicílio como o Aedes
aegypti.
Trabalho da dengue michelle
Já Sabemos que este mosquito deposita
os seus ovos em águas limpas e paradas.
Portanto, a única prevenção é eliminar
todos os pontos onde possa ser acumulada
água. Esta prevenção deve ser feita durante o
ano todo, principalmente na época das
chuvas.
Trabalho da dengue michelle
Trabalho da dengue michelle
Trabalho da dengue michelle
 Com a colaboração de todos
conseguimos combater a dengue.
Trabalho da dengue michelle
Trabalho da dengue michelle
 http://pt.slideshare.net/mariadapazgomes/slides-
sobre-dengue-para-eproinfo-atual
 http://pt.slideshare.net/renatasilverio/slides-dengue-
2384237
 http://www.minhavida.com.br/saude/temas/dengue
Trabalho da dengue michelle
Trabalho da dengue michelle
Trabalho da dengue michelle
 Michelle de Paula Cordeiro N:20
 Stephanie de Paula Brito N:29
 Weslley Eduardo Mendes Honorato N:37

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Dengue
DengueDengue
Dengue - Precauções
Dengue - PrecauçõesDengue - Precauções
Dengue - Precauções
Nayara Camila
 
Dengue
DengueDengue
Dengue
rubiaclrt
 
Slaide sobre dengue e saneamento básico
Slaide sobre dengue  e saneamento básicoSlaide sobre dengue  e saneamento básico
Slaide sobre dengue e saneamento básico
Jully Santos
 
O dengue slide
O dengue slideO dengue slide
O dengue slide
ppu2015
 
Pesquisa Sobre Dengue
Pesquisa Sobre DenguePesquisa Sobre Dengue
Pesquisa Sobre Dengue
Lucas Wallace Sousa Alves
 
Slides sobre dengue para eproinfo atual
Slides sobre dengue para eproinfo atualSlides sobre dengue para eproinfo atual
Slides sobre dengue para eproinfo atual
mariadapazgomes
 
Dengue
DengueDengue
Dengue
Néli Freire
 
Todos Contra a Dengue: Ourinhos (SP)
Todos Contra a Dengue: Ourinhos (SP)Todos Contra a Dengue: Ourinhos (SP)
Todos Contra a Dengue: Ourinhos (SP)
Dany Romeira
 
Informações do projeto dengue de simone helen drumond
Informações do projeto dengue de simone helen drumondInformações do projeto dengue de simone helen drumond
Informações do projeto dengue de simone helen drumond
SimoneHelenDrumond
 
Apresentacao Dengue
Apresentacao DengueApresentacao Dengue
Apresentacao Dengue
Claudia Dutra
 
O que-é-dengue
O que-é-dengueO que-é-dengue
O que-é-dengue
Caah Pires
 
Slides sobre a dengue
Slides sobre a dengueSlides sobre a dengue
Slides sobre a dengue
profsilvanavidal
 
Ativ 2 6_eulalia
Ativ 2 6_eulaliaAtiv 2 6_eulalia
Ativ 2 6_eulalia
Eulália Marinho
 
Slides Thaís E Talyta
Slides Thaís E TalytaSlides Thaís E Talyta
Slides Thaís E Talyta
ANA REGINA
 
Aula sobre Dengue e sua profilaxia
Aula sobre Dengue e sua profilaxiaAula sobre Dengue e sua profilaxia
Aula sobre Dengue e sua profilaxia
repolicarpo
 
Dengue 2008
Dengue 2008Dengue 2008
Dengue 2008
J. C.
 
Slides a dengue
Slides a dengueSlides a dengue
Slides a dengue
mariahelenacozzolino25
 
Prevenção do dengue e dengue hemorrágico
Prevenção do dengue e dengue hemorrágicoPrevenção do dengue e dengue hemorrágico
Prevenção do dengue e dengue hemorrágico
adrianomedico
 

Mais procurados (19)

Dengue
DengueDengue
Dengue
 
Dengue - Precauções
Dengue - PrecauçõesDengue - Precauções
Dengue - Precauções
 
Dengue
DengueDengue
Dengue
 
Slaide sobre dengue e saneamento básico
Slaide sobre dengue  e saneamento básicoSlaide sobre dengue  e saneamento básico
Slaide sobre dengue e saneamento básico
 
O dengue slide
O dengue slideO dengue slide
O dengue slide
 
Pesquisa Sobre Dengue
Pesquisa Sobre DenguePesquisa Sobre Dengue
Pesquisa Sobre Dengue
 
Slides sobre dengue para eproinfo atual
Slides sobre dengue para eproinfo atualSlides sobre dengue para eproinfo atual
Slides sobre dengue para eproinfo atual
 
Dengue
DengueDengue
Dengue
 
Todos Contra a Dengue: Ourinhos (SP)
Todos Contra a Dengue: Ourinhos (SP)Todos Contra a Dengue: Ourinhos (SP)
Todos Contra a Dengue: Ourinhos (SP)
 
Informações do projeto dengue de simone helen drumond
Informações do projeto dengue de simone helen drumondInformações do projeto dengue de simone helen drumond
Informações do projeto dengue de simone helen drumond
 
Apresentacao Dengue
Apresentacao DengueApresentacao Dengue
Apresentacao Dengue
 
O que-é-dengue
O que-é-dengueO que-é-dengue
O que-é-dengue
 
Slides sobre a dengue
Slides sobre a dengueSlides sobre a dengue
Slides sobre a dengue
 
Ativ 2 6_eulalia
Ativ 2 6_eulaliaAtiv 2 6_eulalia
Ativ 2 6_eulalia
 
Slides Thaís E Talyta
Slides Thaís E TalytaSlides Thaís E Talyta
Slides Thaís E Talyta
 
Aula sobre Dengue e sua profilaxia
Aula sobre Dengue e sua profilaxiaAula sobre Dengue e sua profilaxia
Aula sobre Dengue e sua profilaxia
 
Dengue 2008
Dengue 2008Dengue 2008
Dengue 2008
 
Slides a dengue
Slides a dengueSlides a dengue
Slides a dengue
 
Prevenção do dengue e dengue hemorrágico
Prevenção do dengue e dengue hemorrágicoPrevenção do dengue e dengue hemorrágico
Prevenção do dengue e dengue hemorrágico
 

Destaque

Dengue
DengueDengue
Palestra sobre combate a dengue
Palestra sobre combate a denguePalestra sobre combate a dengue
Palestra sobre combate a dengue
Multimix Air
 
Palestra de Dengue
Palestra de DenguePalestra de Dengue
Palestra de Dengue
Elias Cordeiro
 
Trabalho sobre a dengue marcos A
Trabalho sobre a dengue marcos ATrabalho sobre a dengue marcos A
Trabalho sobre a dengue marcos A
teresakashino
 
Palestra sobre dengue
Palestra sobre  denguePalestra sobre  dengue
Palestra sobre dengue
Eliana Conceiçao
 
Substantivos
SubstantivosSubstantivos
Substantivos
Sueli Menezes
 
Prevenção à Dengue
Prevenção à DenguePrevenção à Dengue
Prevenção à Dengue
Sueli Menezes
 
Vamos combater a dengue!
Vamos combater a dengue!Vamos combater a dengue!
Vamos combater a dengue!
Rafael Nunan
 
DENGUE x MATEMATICA - Interdisciplinarizando as atividades
DENGUE x MATEMATICA - Interdisciplinarizando as atividadesDENGUE x MATEMATICA - Interdisciplinarizando as atividades
DENGUE x MATEMATICA - Interdisciplinarizando as atividades
Walter Cordova
 
Como baixar os estudo no slideshare
Como baixar os estudo no slideshareComo baixar os estudo no slideshare
Como baixar os estudo no slideshare
Moisés Sampaio
 

Destaque (10)

Dengue
DengueDengue
Dengue
 
Palestra sobre combate a dengue
Palestra sobre combate a denguePalestra sobre combate a dengue
Palestra sobre combate a dengue
 
Palestra de Dengue
Palestra de DenguePalestra de Dengue
Palestra de Dengue
 
Trabalho sobre a dengue marcos A
Trabalho sobre a dengue marcos ATrabalho sobre a dengue marcos A
Trabalho sobre a dengue marcos A
 
Palestra sobre dengue
Palestra sobre  denguePalestra sobre  dengue
Palestra sobre dengue
 
Substantivos
SubstantivosSubstantivos
Substantivos
 
Prevenção à Dengue
Prevenção à DenguePrevenção à Dengue
Prevenção à Dengue
 
Vamos combater a dengue!
Vamos combater a dengue!Vamos combater a dengue!
Vamos combater a dengue!
 
DENGUE x MATEMATICA - Interdisciplinarizando as atividades
DENGUE x MATEMATICA - Interdisciplinarizando as atividadesDENGUE x MATEMATICA - Interdisciplinarizando as atividades
DENGUE x MATEMATICA - Interdisciplinarizando as atividades
 
Como baixar os estudo no slideshare
Como baixar os estudo no slideshareComo baixar os estudo no slideshare
Como baixar os estudo no slideshare
 

Semelhante a Trabalho da dengue michelle

6B - Paulo walifer e kaio
6B - Paulo walifer e kaio6B - Paulo walifer e kaio
6B - Paulo walifer e kaio
viannota
 
mosquito da Dengue
mosquito da Denguemosquito da Dengue
mosquito da Dengue
Vanderley Da Silva Acstro
 
TCF sobre Doenças causadas pelo aedes aegpyti
TCF sobre Doenças causadas pelo aedes aegpytiTCF sobre Doenças causadas pelo aedes aegpyti
TCF sobre Doenças causadas pelo aedes aegpyti
Marcia Oliveira
 
Dengue 2008
Dengue 2008Dengue 2008
Dengue 2008
J. C.
 
Dengue
DengueDengue
Dengue
Néli Freire
 
Dengue
DengueDengue
Dengue
Néli Freire
 
Dengue 1 E
Dengue 1 EDengue 1 E
Dengue -Guilherme grangeia willman n 15 8 b
Dengue -Guilherme grangeia willman n 15  8 bDengue -Guilherme grangeia willman n 15  8 b
Dengue -Guilherme grangeia willman n 15 8 b
Maria Teresa Iannaco Grego
 
Dengue 5º c
Dengue 5º cDengue 5º c
Dengue 5º c
Pathyciane Melo
 
Dengue Cuidado!
Dengue Cuidado!Dengue Cuidado!
Dengue Cuidado!
MBSolange
 
6B - Vinnycius
6B - Vinnycius6B - Vinnycius
6B - Vinnycius
viannota
 
Aedes Aegypti
Aedes AegyptiAedes Aegypti
Aedes Aegypti
Noraldino Lima
 
Poema sobre o mosquito Aedes aegipyti -
Poema sobre o mosquito Aedes aegipyti  -Poema sobre o mosquito Aedes aegipyti  -
Poema sobre o mosquito Aedes aegipyti -
Mary Alvarenga
 
Slides sobre dengue para eproinfo
Slides sobre dengue para eproinfoSlides sobre dengue para eproinfo
Slides sobre dengue para eproinfo
marildacabral
 
Palestra Enfrentamento ao mosquito aedes.pdf
Palestra Enfrentamento ao mosquito aedes.pdfPalestra Enfrentamento ao mosquito aedes.pdf
Palestra Enfrentamento ao mosquito aedes.pdf
sergio França
 
6B - Kauany e aline 6 b
6B - Kauany e aline  6    b6B - Kauany e aline  6    b
6B - Kauany e aline 6 b
viannota
 
Mpdf
MpdfMpdf
Mpdf
catagerio
 
Dengue tipo 4
Dengue tipo 4Dengue tipo 4
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
GleyceMoreiraXWeslle
 
6B - Clarice e ludmila
6B - Clarice e ludmila6B - Clarice e ludmila
6B - Clarice e ludmila
viannota
 

Semelhante a Trabalho da dengue michelle (20)

6B - Paulo walifer e kaio
6B - Paulo walifer e kaio6B - Paulo walifer e kaio
6B - Paulo walifer e kaio
 
mosquito da Dengue
mosquito da Denguemosquito da Dengue
mosquito da Dengue
 
TCF sobre Doenças causadas pelo aedes aegpyti
TCF sobre Doenças causadas pelo aedes aegpytiTCF sobre Doenças causadas pelo aedes aegpyti
TCF sobre Doenças causadas pelo aedes aegpyti
 
Dengue 2008
Dengue 2008Dengue 2008
Dengue 2008
 
Dengue
DengueDengue
Dengue
 
Dengue
DengueDengue
Dengue
 
Dengue 1 E
Dengue 1 EDengue 1 E
Dengue 1 E
 
Dengue -Guilherme grangeia willman n 15 8 b
Dengue -Guilherme grangeia willman n 15  8 bDengue -Guilherme grangeia willman n 15  8 b
Dengue -Guilherme grangeia willman n 15 8 b
 
Dengue 5º c
Dengue 5º cDengue 5º c
Dengue 5º c
 
Dengue Cuidado!
Dengue Cuidado!Dengue Cuidado!
Dengue Cuidado!
 
6B - Vinnycius
6B - Vinnycius6B - Vinnycius
6B - Vinnycius
 
Aedes Aegypti
Aedes AegyptiAedes Aegypti
Aedes Aegypti
 
Poema sobre o mosquito Aedes aegipyti -
Poema sobre o mosquito Aedes aegipyti  -Poema sobre o mosquito Aedes aegipyti  -
Poema sobre o mosquito Aedes aegipyti -
 
Slides sobre dengue para eproinfo
Slides sobre dengue para eproinfoSlides sobre dengue para eproinfo
Slides sobre dengue para eproinfo
 
Palestra Enfrentamento ao mosquito aedes.pdf
Palestra Enfrentamento ao mosquito aedes.pdfPalestra Enfrentamento ao mosquito aedes.pdf
Palestra Enfrentamento ao mosquito aedes.pdf
 
6B - Kauany e aline 6 b
6B - Kauany e aline  6    b6B - Kauany e aline  6    b
6B - Kauany e aline 6 b
 
Mpdf
MpdfMpdf
Mpdf
 
Dengue tipo 4
Dengue tipo 4Dengue tipo 4
Dengue tipo 4
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
 
6B - Clarice e ludmila
6B - Clarice e ludmila6B - Clarice e ludmila
6B - Clarice e ludmila
 

Mais de Maria Teresa Iannaco Grego

Abelha azul 2º A
Abelha azul 2º AAbelha azul 2º A
Abelha azul 2º A
Maria Teresa Iannaco Grego
 
Morsa 3ºB
Morsa 3ºBMorsa 3ºB
Desastres naturais II 2º A
Desastres naturais II 2º ADesastres naturais II 2º A
Desastres naturais II 2º A
Maria Teresa Iannaco Grego
 
Tubarão 2º c II
Tubarão 2º c IITubarão 2º c II
Tubarão 2º c II
Maria Teresa Iannaco Grego
 
Foca 1º C
Foca  1º CFoca  1º C
Aquecimento global 2º A
Aquecimento global 2º AAquecimento global 2º A
Aquecimento global 2º A
Maria Teresa Iannaco Grego
 
Baleias 3º A
Baleias 3º ABaleias 3º A
Efeito da-poluição-nos-corais-1°B
Efeito da-poluição-nos-corais-1°BEfeito da-poluição-nos-corais-1°B
Efeito da-poluição-nos-corais-1°B
Maria Teresa Iannaco Grego
 
Pinguins-2º C
Pinguins-2º CPinguins-2º C
A vila socó 2º c
A vila socó 2º cA vila socó 2º c
A vila socó 2º c
Maria Teresa Iannaco Grego
 
Lixo nas grandes cidades 1º D
Lixo nas grandes cidades  1º DLixo nas grandes cidades  1º D
Lixo nas grandes cidades 1º D
Maria Teresa Iannaco Grego
 
Plantas carnívoras 3 C
Plantas carnívoras 3 CPlantas carnívoras 3 C
Plantas carnívoras 3 C
Maria Teresa Iannaco Grego
 
Desastres naturais 2º A
Desastres naturais 2º ADesastres naturais 2º A
Desastres naturais 2º A
Maria Teresa Iannaco Grego
 
Desastres naturais 2 A
Desastres naturais 2 ADesastres naturais 2 A
Desastres naturais 2 A
Maria Teresa Iannaco Grego
 
Pinguins2ºC
Pinguins2ºCPinguins2ºC
Leão 1 B
Leão 1 BLeão 1 B
Panda 1 C
Panda 1 CPanda 1 C
Girafas 1 C
Girafas  1 CGirafas  1 C
ÁGuia 1 A
ÁGuia 1 AÁGuia 1 A
Agrotoxico e meio ambiente -3ºA
Agrotoxico  e meio ambiente -3ºAAgrotoxico  e meio ambiente -3ºA
Agrotoxico e meio ambiente -3ºA
Maria Teresa Iannaco Grego
 

Mais de Maria Teresa Iannaco Grego (20)

Abelha azul 2º A
Abelha azul 2º AAbelha azul 2º A
Abelha azul 2º A
 
Morsa 3ºB
Morsa 3ºBMorsa 3ºB
Morsa 3ºB
 
Desastres naturais II 2º A
Desastres naturais II 2º ADesastres naturais II 2º A
Desastres naturais II 2º A
 
Tubarão 2º c II
Tubarão 2º c IITubarão 2º c II
Tubarão 2º c II
 
Foca 1º C
Foca  1º CFoca  1º C
Foca 1º C
 
Aquecimento global 2º A
Aquecimento global 2º AAquecimento global 2º A
Aquecimento global 2º A
 
Baleias 3º A
Baleias 3º ABaleias 3º A
Baleias 3º A
 
Efeito da-poluição-nos-corais-1°B
Efeito da-poluição-nos-corais-1°BEfeito da-poluição-nos-corais-1°B
Efeito da-poluição-nos-corais-1°B
 
Pinguins-2º C
Pinguins-2º CPinguins-2º C
Pinguins-2º C
 
A vila socó 2º c
A vila socó 2º cA vila socó 2º c
A vila socó 2º c
 
Lixo nas grandes cidades 1º D
Lixo nas grandes cidades  1º DLixo nas grandes cidades  1º D
Lixo nas grandes cidades 1º D
 
Plantas carnívoras 3 C
Plantas carnívoras 3 CPlantas carnívoras 3 C
Plantas carnívoras 3 C
 
Desastres naturais 2º A
Desastres naturais 2º ADesastres naturais 2º A
Desastres naturais 2º A
 
Desastres naturais 2 A
Desastres naturais 2 ADesastres naturais 2 A
Desastres naturais 2 A
 
Pinguins2ºC
Pinguins2ºCPinguins2ºC
Pinguins2ºC
 
Leão 1 B
Leão 1 BLeão 1 B
Leão 1 B
 
Panda 1 C
Panda 1 CPanda 1 C
Panda 1 C
 
Girafas 1 C
Girafas  1 CGirafas  1 C
Girafas 1 C
 
ÁGuia 1 A
ÁGuia 1 AÁGuia 1 A
ÁGuia 1 A
 
Agrotoxico e meio ambiente -3ºA
Agrotoxico  e meio ambiente -3ºAAgrotoxico  e meio ambiente -3ºA
Agrotoxico e meio ambiente -3ºA
 

Último

EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
Sandra Pratas
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Falcão Brasil
 
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdfOs Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Falcão Brasil
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Falcão Brasil
 
quadro de rotina semanal da coord.docx.pdf
quadro de rotina semanal da coord.docx.pdfquadro de rotina semanal da coord.docx.pdf
quadro de rotina semanal da coord.docx.pdf
marcos oliveira
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
felipescherner
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
Mary Alvarenga
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
Falcão Brasil
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
Sandra Pratas
 
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
deboracorrea21
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
principeandregalli
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Falcão Brasil
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Luiz C. da Silva
 
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
AntHropológicas Visual PPGA-UFPE
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
marcos oliveira
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Luzia Gabriele
 

Último (20)

EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
 
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdfOs Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
 
quadro de rotina semanal da coord.docx.pdf
quadro de rotina semanal da coord.docx.pdfquadro de rotina semanal da coord.docx.pdf
quadro de rotina semanal da coord.docx.pdf
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
 
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
 
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
 

Trabalho da dengue michelle

  • 2. Nosso trabalho escolar tem como objetivo, conscientizá-los quanto a importância de prevenir a dengue, pois que esta é uma doença grave e que vem causando muitas mortes. Não só falando um pouco mais sim mostrando um pouco dos ambientes em que encontramos o mosquito da dengue .
  • 3. A dengue é um dos principais problemas de saúde pública no mundo. A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que entre 50 a 100 milhões de pessoas se infectam anualmente, em mais de 100 países, de todos os continentes, exceto a Europa. Cerca de 550 mil doentes necessitam de hospitalização e 20 mil morrem em consequência da dengue.
  • 4. A dengue hemorrágica acontece quando a pessoa infectada com dengue sofre alterações na coagulação sanguínea. Se a doença não for tratada com rapidez, pode levar à morte. No geral, a dengue hemorrágica é mais comum quando a pessoa está sendo infectada pela segunda ou terceira vez. Os sintomas iniciais são parecidos com os da dengue clássica, e somente após o terceiro ou quarto dia surgem hemorragias causadas pelo sangramento de pequenos vasos da pele e outros órgãos. Na dengue hemorrágica, ocorre uma queda na pressão arterial do paciente, podendo gerar tonturas e quedas.
  • 6.  Tem 0,5 cm de comprimento, è preto com pequenos riscos brancos no dorso, na cabeça e nas pernas e suas asas são translúcidas.  Nome Especifico: Aedes Aegypti
  • 7.  Seus ovos são muitos resistentes e sobrevivem vários meses, são depositados em diversos locais e rapidamente se transformam em larvas que dão origem ao mosquito adulto ( pupas ).
  • 8.  A dengue pode ser transmitida por duas espécies de mosquitos (Aedes aegypti e Aedes albopictus), que picam tanto durante o dia como à noite. Os transmissores, principalmente o Aedes aegypti, se reproduzem dentro ou nas proximidades de habitações, em recipientes onde se acumula água limpa (vasos de plantas, pneus velhos, cisternas, etc.). A transmissão pelo Aedes albopictus não é comum porque o mosquito não costuma frequentar o domicílio como o Aedes aegypti.
  • 10. Já Sabemos que este mosquito deposita os seus ovos em águas limpas e paradas. Portanto, a única prevenção é eliminar todos os pontos onde possa ser acumulada água. Esta prevenção deve ser feita durante o ano todo, principalmente na época das chuvas.
  • 14.  Com a colaboração de todos conseguimos combater a dengue.
  • 21.  Michelle de Paula Cordeiro N:20  Stephanie de Paula Brito N:29  Weslley Eduardo Mendes Honorato N:37