E.E Prof. Luiz Gonzaga Righini
1ºC
Objetivo: Descrever as variedades
de Solos e suas características.
Sumário:
1. Arenoso
2. Agiloso
3. Humífero (Terra Preta...
Introdução
.
Introdução: Na superfície terrestre podemos encontrar
diversos tipos de solo. Cada tipo possui característica...
O Solo Arenoso possui consistência granulosa como a areia. Muito presente na
região nordeste do Brasil, sendo permeável à ...
O solo argiloso Possuí consistência fina e é impermeável a água. Um dos
principais tipos de solo argiloso é a terra roxa, ...
A terra preta, também chamada de terra vegetal, é rica
em húmus. Esse solo, chamado solo humífero, contém
cerca de 10% de ...
É caracterizado
pela sua aparência
vermelho-roxeada
inconfundível,
devida a presença
de minerais,
especialmente
Ferro.
No ...
O solo calcário É um tipo de solo
formado por partículas de rochas. É
um solo seco e esquenta muito ao
receber os raios so...
Em solo orgânico é normalmente encontrado materiais
orgânicos em processo de decomposição, esse tipo de solo tem
grande fa...
Os solos de montanhas são
normalmente considerados um solo
jovem, isso por estarem em
formação ou terem acabado de se
form...
Apresentam cores
vermelhas acentuadas
(Figura 1), devido aos teores
mais altos e à natureza dos
óxidos de ferro presentes ...
Solo corresponde à
decomposição de rochas
que ocorre por meio de
ações ligadas à
temperatura, como o
calor, além de proces...
NOMES:
Ellen Vitoria 8
Kate Silva 26
Rafaela 37
Isabel 18
Marta 33
Rebeca 38
1ºC
Prof.ª Maria
Tereza
Iannaco Grego
Tipos de solo 1 c
Tipos de solo 1 c
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Tipos de solo 1 c

6.853 visualizações

Publicada em

Projeto @ BIO
Profª Maria Teresa Iannaco Grego

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

Tipos de solo 1 c

  1. 1. E.E Prof. Luiz Gonzaga Righini 1ºC
  2. 2. Objetivo: Descrever as variedades de Solos e suas características. Sumário: 1. Arenoso 2. Agiloso 3. Humífero (Terra Preta) 4. Terra Roxa 5. Humoso 6. Calcário 7. Orgânico 8. Latossolo 9. Montanha
  3. 3. Introdução . Introdução: Na superfície terrestre podemos encontrar diversos tipos de solo. Cada tipo possui características próprias, tais como, densidade, formato, cor, consistência e formação química. A ciência que estuda a composição, o desenvolvimento e a formação dos solos é a Pedologia ! OBS: Pedologia é o nome dado ao estudo dos solos no seu ambiente natural
  4. 4. O Solo Arenoso possui consistência granulosa como a areia. Muito presente na região nordeste do Brasil, sendo permeável à água. Eles apresentam grandes espaços (poros) entre os grãos de areia. A água passa, então, com facilidade entre os grãos de areia e chega logo às camadas mais profundas. Os sais minerais, que servem de nutrientes para as plantas, seguem junto com a água. Por isso, os solos arenosos são geralmente pobres em nutrientes utilizados pelas plantas.
  5. 5. O solo argiloso Possuí consistência fina e é impermeável a água. Um dos principais tipos de solo argiloso é a terra roxa, encontrada principalmente nos estados de São Paulo, Paraná e Santa Catarina. Este tipo de solo é bom para a prática da agricultura, principalmente para a cultura de café. Na região litorânea do Nordeste encontramos o massapé, solo de cor escura e também muito fértil. A argila é formada por grãos menores que os da areia. Além disso, esses grãos estão bem ligados entre si, retendo água e sais minerais em quantidade necessária para a fertilidade do solo e o crescimento das plantas. Mas se o solo tiver muita argila, pode ficar encharcado, cheio de poças após a chuva. A água em excesso nos poros do solo compromete a circulação de ar, e o desenvolvimento das plantas fica prejudicado. Quando está seco e compacto, sua porosidade diminui ainda mais, tornando-o duro e ainda menos arejado.
  6. 6. A terra preta, também chamada de terra vegetal, é rica em húmus. Esse solo, chamado solo humífero, contém cerca de 10% de húmus e é bastante fértil. O húmus ajuda a reter água no solo, torna-se poroso e com boa aeração e, através do processo de decomposição dos organismos, produz os sais minerais necessários às plantas. Os solos mais adequados para a agricultura possuem uma certa proporção de areia, argila e sais minerais utilizados pelas plantas, além do húmus. Essa composição facilita a penetração da água e do oxigênio utilizado pelos microrganismos. São solos que retêm água sem ficar muito encharcados e que não são muito ácidos.
  7. 7. É caracterizado pela sua aparência vermelho-roxeada inconfundível, devida a presença de minerais, especialmente Ferro. No Brasil, esse tipo de solo aparece nas porções ocidentais dos estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo e sudeste do Mato Grosso do Sul, destacando-se sobretudo nestes três últimos estados por sua qualidade. Terra roxa é um tipo de solo bastante fértil, caracterizado por ser o resultado de milhões de anos de decomposição de rochas de arenito- basáltico originadas do maior derrame vulcânico que este planeta já presenciou, causado pela separação da Gondwana - América da Sul e África - datada do período Mezozóico.
  8. 8. O solo calcário É um tipo de solo formado por partículas de rochas. É um solo seco e esquenta muito ao receber os raios solares. Inadequado para a agricultura. Este tipo de solo é muito comum em regiões de deserto.
  9. 9. Em solo orgânico é normalmente encontrado materiais orgânicos em processo de decomposição, esse tipo de solo tem grande facilidade com o plantio considerando a existência de húmus que é um dos principais resíduos da decomposição que contribui na produção de nitrogênio. Solos orgânicos são corpos naturais que ocorrem nas turfeiras, como resultado do acúmulo de restos vegetais em ambientes de saturação contínua de água e da insuficiente circulação de oxigênio. Encontram-se em equilíbrio de relativa fragilidade com seu ambiente, sendo dessa forma susceptíveis a qualquer alteração que porventura venha a ocorrer, como o rebaixamento do lençol freático, que provoca mudanças que afetam consideravelmente suas características físicas, químicas e morfológicas e, consequentemente, seu comportamento à utilização agrícola.
  10. 10. Os solos de montanhas são normalmente considerados um solo jovem, isso por estarem em formação ou terem acabado de se formarem.
  11. 11. Apresentam cores vermelhas acentuadas (Figura 1), devido aos teores mais altos e à natureza dos óxidos de ferro presentes no material originário em ambientes bem drenados, e características de cor, textura e estrutura uniformes em profundidade. São identificados em extensas áreas nas regiões Centro-Oeste, Sul (Figura 2) e Sudeste do país, sendo responsáveis por grande parte da produção de grãos do país, pois ocorrem predominantemente em áreas de relevo plano e suave ondulado, propiciando a mecanização agrícola. Em menor expressão, podem ocorrer em áreas de relevo ondulado.
  12. 12. Solo corresponde à decomposição de rochas que ocorre por meio de ações ligadas à temperatura, como o calor, além de processos erosivos provenientes da ação dos ventos, chuva e seres vivos, tais como bactérias e fungos !
  13. 13. NOMES: Ellen Vitoria 8 Kate Silva 26 Rafaela 37 Isabel 18 Marta 33 Rebeca 38 1ºC Prof.ª Maria Tereza Iannaco Grego

×