Colesterol 1 D

202 visualizações

Publicada em

Trabalho de biologia
@ BIO 2015

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
202
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
9
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
12
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Colesterol 1 D

  1. 1. Colesterol 2015
  2. 2. * O colesterol pode ser considerado um tipo de lipídio (gordura) produzido em nosso organismo. O colesterol está presente em alimentos de origem animal (carne, leite integral, ovos etc.). Em nosso organismo, o colesterol desempenha funções essenciais, como produção de hormônio e vitamina D. No entanto, o excesso de colesterol no sangue é prejudicial e aumenta o risco de desenvolver doenças cardiovasculares.
  3. 3.  Fontes de Colesterol Fabricado no organismo:  principalmente pelo fígado Alimentar: Alimentos de origemanimal que têmcolesterol: Carnes vermelhas, manteiga, queijos, pele de aves Intestino
  4. 4. LDL X HDL
  5. 5. * LDL colesterol: conhecidocomo "ruim", ele pode se depositar nas artérias e provocar o seuentupimento * HDL colesterol: conhecido como "bom", retira o excesso de colesterol para fora das artérias, impedindo o seu depósito e diminuindo a formação da placa de gordura.
  6. 6.  Muitos fatores podem contribuir para o aumento do colesterol, como tendências genéticas ou hereditárias, obesidade e atividade física reduzida. No entanto, um dos fatores mais comuns é a dieta.  A dieta rica em colesterol inclui grandes quantidades de alimentos de origem animal: óleos, leite não desnatado e ovos. As gorduras, sobretudo as saturadas, contribuem para o problema do colesterol elevado.
  7. 7.  Ela é encontrada nos alimentos de origem animal. Nas carnes vermelhas ela se concentra principalmente na gordura e nas brancas, na pele. O leite e seus derivados (manteiga, creme de leite, iogurte, queijos) também apresentam boas doses desta gordura, sobretudo as versões integrais e os queijos amarelos.  Nutricionista do Dieta Delivery, Brunna Reis explica que em temperatura ambiente, esta gordura se apresenta em estado sólido e, quando é consumida, atua na produção do colesterol ruim (LDL), que sobra na circulação e entope os vasos sanguíneos. Desta forma, quem consome grandes quantidades de alimentos gordurosos, está mais sujeito a desenvolver doenças cardiovasculares.
  8. 8.  Existente nas versões mono e poli-insaturada, esta gordura traz apenas benefícios para a saúde. Encontrada nos alimentos de origem vegetal, ela é líquida em temperatura ambiente e atua no organismo reduzindo os níveis de colesterol ruim, os triglicérides (tipo de gordura que entope as artérias e causa a famosa barriguinha de chope) e a pressão arterial.  O azeite é uma excelente fonte desta gordura do bem, assim como as frutas oleaginosas (castanhas, nozes, macadâmia) e as sementes (linhaça, abóbora, chia). O abacate também é rico em gordura insaturada, além de vitaminas e minerais.
  9. 9.  As gorduras trans são um tipo especial de gordura que, em vez de ser formado por ácidos graxos insaturados na configuração cis, contêm ácidos graxos insaturados na configuração trans . Esse tipo de gordura é pouco comum na natureza, mas é produzido a partir de gorduras vegetais para uso na indústria alimentícia. O consumo de gorduras trans tem sido associado a problemas de saúde, tais como aumento do risco de doença arterial coronariana.
  10. 10.  O colesterol alto não apresenta sintomas, por isso, quem tem aterosclerose e obesidade, possui história de morte na família por infarto, é sedentário e/ou alimenta-se com ingestão exagerada de gorduras saturadas tem mais chances de ter colesterol alto. A aterosclerose não produz qualquer tipo de sintoma até que ocorra a obstrução de uma ou mais artérias.
  11. 11.  Existem remédios para controlar o colesterol alto, mas a aterosclerose só melhora com uma mudança mais significativa no estilo de vida. Reduzir o estresse, praticar exercícios físicos, manter a pressão arterial estável e o peso sob controle, são fundamentais para controlar o colesterol. As pessoas que tem diabetes devem ficar mais atentas.
  12. 12.  Níveis elevados de colesterol estão associados a doenças coronarianas e aterosclerose. As recomendações habituais são para uma ingestão diária de colesterol inferior a 300 mg, quantidade que representa cerca de 50% da quantidade ingerida pelos norte-americanos.  O colesterol, popularmente chamado de gordura do sangue, é uma substância gordurosa, esbranquiçada e sem odor. Não existe nos vegetais, apenas no organismo dos animais. Em pequenas quantidades, é necessário para algumas funções do organismo; em excesso, causa problemas.  Encontrado em todas as células do organismo, o colesterol é utilizado para a produção de muitas substâncias importantes, incluindo alguns hormônios e ácidos biliares.
  13. 13.  É o endurecimento das paredes dos vasos causado pela deposição de gordura e colesterol. Existe uma predisposição genética que, combinada com o fumo, o estresse, a vida sedentária e a pressão alta, pode levar à doença. Na aterosclerose, placas de gordura diminuem o diâmetro dos vasos sanguíneos e podem levar à obstrução total
  14. 14.  Além de uma alimentação equilibrada, há outras maneiras de evitar o aumento do colesterol e, até mesmo, diminuí-lo:  Fazer exercícios físicos: a atividade física pode ajudá-lo a emagrecer e a diminuir as tensões. Controlando o peso, fazendo exercício ou praticando esporte, você se sente melhor e diminui o risco de infarto e os níveis de colesterol no sangue  Não fumar: o cigarro é um fator de risco para doença coronária. Aliado ao colesterol, multiplica os riscos  Evitar o estresse: uma vida menos estressada também diminui o risco de infarto e redução do colesterol. Procure transformar as suas atividades diárias em algo que lhe dê satisfação  Fazer uma dieta com baixos níveis de gordura e colesterol: seja rigoroso no controle da alimentação.
  15. 15.  Bacon  Chantilly  Ovas de peixes  Biscoitos amanteigados  Doces cremosos  Pele de aves  Camarão  Queijos amarelos  Carnes vermelhas "gordas"  Gema de ovos  Sorvetes cremosos  Creme de leite  Lagosta  Vísceras.
  16. 16.  Aipo  Couve-de-bruxelas  Bagaço da laranja  Ameixa preta  Ameixa preta  Couve-flor  Mamão  Amora  Damasco  Mandioca  Azeite de oliva  Ervilha  Pão integral  Aveia  Farelo de aveia  Pêra  Cenoura  Farelo de trigo  Pêssego  Cereais integrais  Feijão  Quiabo  Cevada  Figo  Vegetais folhosos.
  17. 17. Quando somos jovens Os quitutes que apreciamos mastigar Na velhice no coração vão morar ...
  18. 18.  http://www.minhavida.com.br/saude/temas/ colesterol
  19. 19.  Raquel Santos n°28  Jaqueline Aparecida n°14 1D Prof° Maria Teresa

×