Rio+16

1.779 visualizações

Publicada em

Titulo: Rio+16
Alunos:Luiza Muniz Della Coletta,Jamile Drozdowski de Almeida,paulo roberto cucchi,Tatiana Fagundes,Luciana Amaro Rodrigues,Rodolfo Gomes Benevenuto,
Cidade: Campinas
Disciplina: Escopo
Turma: GP32
Data:24-08-2012
Hora:20:00
Comentarios:
Publico até ápos a correção

1 comentário
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Comentários
    Introdução:ok ;
    TAP: sugere-se que o objetivo SMART seja elaborado em uma frase;
    ISH: sugere-se preencher o campo 'Quando' informando a periodicidade de aplicação da estratégia de ação com os SH;
    DReq Produto e Projeto: sugere-se que 'classificação' seja a mesma do documento ISH; 'entrega onde se manifesta' seja o pacote de trabalho ou fase contemplado na WBS que materializará o requisito;
    DE: ok;
    WBS: ok;
    D-WBS: sugere-se que seja adotado exatamente a mesma nomenclatura utilizada na WBS em relação à fase e PT; observar C.C. pois está diferente da WBS,
    LVQ: idem à D-WBS;
    SM: ok.
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.779
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
362
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
21
Comentários
1
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Rio+16

  1. 1. Gerenciamento de Escopo em Projetos Campinas - PROJ32 Empresa Dá Samba Projeto Agosto/2012
  2. 2. Equipe de projeto Jamile Drozdowski Luciana Amaro Luiza M. D. Paulo Cucchi Rodolfo Tatiana de Almeida Rodrigues Coletta Benevenuto Fagundes Descrição da empresaA ONG Dá Samba, é uma empresa sem fins lucrativos, que através da captação de patrocinadores tem comoobjetivo capacitar voluntários residentes no Rio de Janeiro e em localidades próximas para receber turistasnas Olimpíadas de 2016. Os voluntários capacitados deverão estar aptos a se comunicar com os turistas, teralto nível de conhecimento da cultura local, cultura dos jogos, organização do evento e oferta de serviçoscomo transporte, hospedagem, alimentação e turismo.
  3. 3. TAP – Termo de abertura do Projeto TAP - Termo de Abertura do Projeto ProjetoCapacitar voluntários para recepcionar, orientar e acompanhar grupos de turistas de todoo mundo nas Olímpiadas de 2016 no Rio de Janeiro. DescriçãoA ONG Dá Samba, é uma empresa sem fins lucrativos, que através da captação depatrocinadores tem como objetivo capacitar voluntários residentes no Rio de Janeiro e emlocalidades próximas para receber turistas nas Olimpíadas de 2016. Os voluntárioscapacitados deverão estar aptos a se comunicar com os turisticas, ter alto nível deconhecimento na cultura local, cultura dos jogos, organização do evento e oferta deserviços como transporte, hospedagem, alimentação e turismo. JustificativaUma pesquisa publicada em 2010 por um grupo de pesquisadores da instituição FGV deCampinas em São Paulo no Brasil, revelou um estudo realizado através de entrevistas comturistas de mais de 38 países que foram às olímpiadas de 2008 em Pequim, 2004 emAtenas e de 2000 em Sidnei. Os turisticas declaram que apesar de toda infra-estrutura eorganização realizadas para o acontecimento destas olímpiadas, a ausência de monitorespara orientar os turistas foi comum a este evento nestas três diferentes localidades.Cerca de 93% dos turistas entrevistados afirmam que a presença de monitores nos locaisdos jogos, em pontos estratégicos como em aeroportos, hóteis, principais restaurantes epontos turisticos agilizariam a estruturação e da execução do roteiro de passeios destesvisitantes.
  4. 4. TAP – Termo de abertura do Projeto - continuação JustificativaUma pesquisa publicada em 2010 por um grupo de pesquisadores da instituição FGV deCampinas em São Paulo no Brasil, revelou um estudo realizado através de entrevistas comturistas de mais de 38 países que foram às olímpiadas de 2008 em Pequim, 2004 emAtenas e de 2000 em Sidnei. Os turisticas declaram que apesar de toda infra-estrutura eorganização realizadas para o acontecimento destas olímpiadas, a ausência de monitorespara orientar os turistas foi comum a este evento nestas três diferentes localidades.Cerca de 93% dos turistas entrevistados afirmam que a presença de monitores nos locaisdos jogos, em pontos estratégicos como em aeroportos, hóteis, principais restaurantes epontos turisticos agilizariam a estruturação e a execução do roteiro de passeios destesvisitantes. ObjetivoS - Capacitar voluntários para recepcionar e orientar turistas durante as olímpiadas de2016;M - Cerca de 300 voluntários aptos a se comunicar com os turisticas, ter alto nível deconhecimento na cultura local, cultura dos jogos, organização do evento e oferta deserviços como transporte, hospedagem, alimentação e turismo;A - Certificação;R - Desde que o Projeto +16 seja auto-sustentável, obtendo recursos através de parcerias;T - A lista de voluntários aptos selecionados e dos suplentes devem estar disponível atéOutubro de 2015.
  5. 5. TAP – Termo de abertura do Projeto - continuação Requisitos1. Produto- Os voluntários devem ter certificação reconhecida pelo Comitê Organizador das Olimpíadas(COB);- Os certificados devem ser reconhecidos pelo Ministério do Turismo;- Os voluntários devem ter certificado reconhecido pelo SinRio (Sindicato dos Hotéis, Bares eRestaurantes);- Número de voluntários capacitados próximo ao estimado e que estejam disponíveis noperíodo dos jogos;- Os voluntários devem receber capacitação qualificada provida pelos professores;- Os voluntários receberão uniformes contendo o logotipo dos patrocinadores bem como daONG;- Os custos da certificação devem ser equivalentes à verba proporcionada pelospatrocinadores.2. Projeto- Os professores devem ter domínio da língua universal e serem certificados por um órgãointernacional (Toefl);- Os patrocínios devem ser firmados até junho de 2015;- O projeto deve apresentar tempo mínimo de treinamento de 6 meses;- O treinamento deve contemplar em uma das disciplinas as informações necessárias para aindicação dos patrocinadores;- O Projeto +16 deverá extender a todos os participantes os valores da organização Dá Samba;- O treinamento necessita contemplar todas as informações necessárias ao turista para o bomaproveitamento dos jogos olímpicos;- O projeto deverá transmitir a organização de ações voluntárias da sociedade brasileira.
  6. 6. TAP – Termo de abertura do Projeto - continuação DesignaçãoA engenheira Luciana Amaro Rodrigues fica designada por gerir a o projeto + 16 para:Aplicar as boas práticas de gestão de projetos conforme PMBOK Gerir recursosfinanceiros disponibilizados pelos patrocinadores Aplicar-se para que o projeto + 16 sejaencerrado em Outubro de 2015. Lista de MilestonesAté 15/julho/2013 - Recrutamento e seleção dos professores e voluntários;Outubro/2014 - Comercialização do projeto (captação de patrocinadores); Julho/2015 -Treinamento dos voluntários;Outubro/2015 - Avaliação / certificação dos voluntários. OrçamentoDeve ser gerenciado conforme procedimento de gestão de orçamentos PO.553. Osvalores disponibilizados pelos patrocinadores devem ser aplicados em sua totalidade aoprojeto + 16. RiscosLeis trabalhistas;Nível de desistência maior que o estimado (maior que a lista de suplentes) Data, Assinatura do Sponsor
  7. 7. ISH – Identificação de Stakeholder ISH - Identificação de Stakeholder ISH - Identificação de Stakeholder Cadastro Qualificação Requisitos superficiais Plano de Ação do G.P. Influência Interesse Telefone e-mail Poder Outras DDD Stakeholder Posição Papel no projeto Classificação Expectativa, Necessidade, Anseio Estratégia (o que fazer) Quando características positiva baixo Manter Adquirir conhecimento, participar de projeto organizado e interagir com os alto Voluntários Na sociedade Facilitador - oferecer curso de idiomas informado estrangeiros. positiva baixo Manter alto Turistas Na sociedade Beneficiado direto - Desfrutar ao máximo a sede do evento e as Olimpíadas. oferecer capacitação aos voluntários positiva informado Gerenciar com alto altoPresidente da ONG No organograma Sponsor - Fornecer mão-de-obra para preencher a lacuna existente no mercado. fazer pesquisa no sindicato (SinRIO) atenção positiva baixo oferecer treinamento informativo do alto Governo No organograma Facilitador Esforço mínimo - Passar imagem de país organizado; promover o turismo. turismo e cultura local aos voluntários negativa Facilitador/ Gerenciar com conhecer público-alvo e preparar alto altoAgências de Turismo Na comunidade - Fornecer pacotes de turismo aos visitantes do evento olímpico. Beneficiado Direto atenção diferentes pacotes de passeios preparar bom currículo e participar do positiva baixo Manter Participar do processo educacional referente a um programa de grande alto Professores No organograma Beneficiado direto - processo de seleção dos professores do informado visibilidde. Projeto +16 positiva Gerenciar com Apresentar grande visibilidade de sua marca em um programa de ação Monitorar a qualidade dos treinamentos alto alto Patrocinadores No organograma Beneficiado direto - atenção voluntária de qualidade. dos voluntários positiva baixo Manter preparar bons estoques para grande alto Comércio Local Na sociedade Beneficiado direto - Estudar público-alvo e adquirir produtos de qualidade . informado número de vendas
  8. 8. ISH – Identificação de Stakeholder DReq - Declaração de Requisitos Requisitos do Produto Rastreabilidade do Produto ComponenteStakeholder Requisito detalhado Classificação Prioridade Entrega onde se manifesta OK relacionado Os voluntários devem ter certificação Gerenciar comVoluntários reconhecida pelo Comitê Organizador 4 SART Emitir certificados atenção das Olimpíadas (COB); Os voluntários devem ter certificado Gerenciar comVoluntários reconhecido pelo SinRio (Sindicato dos 2 SART Emitir certificados atenção Hotéis, Bares e Restaurantes); Número de voluntários capacitados Gerenciar com Selecionar melhoresVoluntários próximo ao estimado e que estejam 4 AT atenção professores e candidatos disponíveis no período dos jogos; Os voluntários receberão uniformes ManterPresidente contendo o logotipo dos 4 SAR Providenciar acessórios Satisfeito patrocinadores bem como da ONG;
  9. 9. ISH – Identificação de Stakeholder - continuação Os certificados devem ser Manter Governo reconhecidos pelo ministério do 2 SART Emitir certificados informado turismo Os voluntários devem receber Gerenciar com Professores capacitação qualificada provida pelos 2 ART Executar treinamentos atenção professores; Os custos da certificação devem ser ManterPatrocinadores equivalentes à verba proporcionada 4 AR Fechar contrato de patrocionio informado pelos patrocinadores. Os voluntários receberão uniformes ManterPatrocinadores contendo o logotipo dos 4 SAR Providenciar acessórios Satisfeito patrocinadores bem como da ONG;
  10. 10. DE – Declaração de Escopo DE - Declaração do Escopo Escopo não incluído no projeto- Fornecer recursos financeiros aos parceiros- Impor ações aos parceiros- Executar políticas públicas Premissas- Existir no mercado de patrinadores dispostos a firmar parceria com a ONG Dá Samba;- Voluntários disponíveis para o projeto com perfil para atuação integrada;- Ética e motivação durante a prestação de serviço dos voluntários;- Não haja alterações no calendário olímpico;- Presença expressiva de turistas estrangeiros no evento olímpico; Restrições- Ser auto-sustentável obtendo recursos através de parcerias;- Os treinamentos só serão realizados no Rio de Janeiro;- O projeto deve ter um custo máximo de R$ 150.000,00;- Os treinamentos devem ser finalizados até 1 mês antes do início das Olimpíadas;- Limite de voluntários = 300 pessoas.
  11. 11. WBS - Estrutura de Decomposição do Trabalho
  12. 12. WBS - Estrutura de Decomposição do Trabalho WBS - Estrutura de Decomposição do TrabalhoC.C. Descomposição1. Gerenciamento do Projeto 1.1 Planejamento 1.1.1 Escopo 1.1.2 Comunicação 1.1.3 Tempo 1.1.4 Qualidade 1.1.5 Risco 1.1.6 Comunicação 1.1.7 R.H. 1.1.8 Aquisições 1.2 Monitoramento e Controle 1.2.1. LVQ 1.2.1. Custo Real / Custo Planejado
  13. 13. WBS - Estrutura de Decomposição do Trabalho - continuação2. Público-Alvo 2.1. Identificação do público-alvo 2.2. Mapeamento do perfil do público alvo 2.3. Plano de Metodologia para atingir tal público-alvo3. Recrutamento de Professores e Voluntários 3.1. Divulgar Processo Seletivo 3.2. Executar o processo de recrutamento 3.3. Selecionar os candidatos participantes do processo de recrutamento4. Infra-Estrutura 4.1. Providenciar equipamentos de áudio e vídeo 4.2. Providenciar acessórios 4.3. Providenciar sala de treinamento 4.4. Providenciar materiais didáticos
  14. 14. WBS - Estrutura de Decomposição do Trabalho - continuação5. 4. Patrocinadores 5.1. Definir responsável 5.2. Selecionar empresas alvo 5.3. Divulgar apresentação 5.4. Filtrar e selecionar principais patrocinadores 5.5. Fechar contratos de patrocínio6. Treinamento dos Voluntários 6.1. Definir conteúdo Programático 6.2. Estabelecer nivelamento diante do conhecimento apresentado pelos selecionados 6.3. Montar as turmas 6.5. Dividir materiais conforme nivelamento 6.6. Treinar os voluntários 6.7. Executar aulas7. Encerramento 7.1. Termo de encerramento 7.2. Lições aprendidas
  15. 15. D-WBS Dicionário Work Breakdown Structure D-WBS Dicionário Work Breakdown Structure Fase: Recrutamento Entrega: Professores e voluntáriosC.C PT Descrição Entrega do PT Critério de aceitação OK Publicação em instituições de ensino (cartazes), websites, jornais e revistas a oportunidade para o público: professores2.1 Publicação e alunos, descrevendo os requisitos para candidatura e Anuncios Anúncios publicados endereço de e-mail para envio dos CV´s, e telefone para dúvidas. Recebimento, análise e convocação dos candidatos à vaga de Lista de candidatos2.2 Recrutamento Relatório de recrutamento professores e, se necessário, dos voluntários. recrutados Matricula dos voluntários e Seleção dos candidatos que melhor se encaixam nos perfis Lista de candidatos2.3 Seleção Registro dos Professores para professores e alunos selecionados aprovados
  16. 16. LVQ - LISTA DE VERIFICAÇÃO DA QUALIDADE LVQ - LISTA DE VERIFICAÇÃO DA QUALIDADE FASE: 2 Recrutamento ENTREGA: Recursos do PatrocinadorC.C. PT DESCRIÇÃO ENTREGA DO PT CRITÉRIO DE VALIDAÇÃO OK Publicação em instituições de ensino (cartazes), websites, jornais e revistas a oportunidade para o As publicações devem2.1 Publicação público: professores e alunos, descrevendo os Anúncios conter as informações requisitos para candidatura e endereço de e-mail descritas na Ata-MKT01 para envio dos CV´s, e telefone para dúvidas. Recebimento, análise e convocação dos Os candidatos devem Lista de candidatos2.2 Recrutamento candidatos à vaga de professores e, se necessário, preencher os requisitos recrutados dos voluntários. descritos na Ata-RH01 Seleção dos candidatos que melhor se encaixam Lista de candidatos Entrevista com os2.3 Seleção nos perfis para professores e alunos selecionados professores
  17. 17. SM - Solicitação de Mudança SM - Solicitação de MudançaNúmero da SM Data da abertura Solicitante 1 17/08/2012 Paulo Roberto CucchiEndereço de E-mail DDD Telefonepaulo.cucchi@vale.com 37 88158974Descrição da Mudança SolicitadaO projeto com prazo previsto de 8 meses está atrasado.
  18. 18. SM - Solicitação de MudançaJustificativa da solicitaçãoFoi superestimado a capacidade de absorção de conhecimento dos voluntários.Assinatura do SolicitantePaulo Roberto CucchiParecer do GPImpactos identificados – Escopo do projetoBuscar novas aulas durante a semanae não como previa o objetivo.
  19. 19. SM - Solicitação de MudançaImpactos identificados – Tempo do projetoAlteração no cronograma de aulas.Impactos identificados – Custo do projetoAcréscimo nos custos relacionados a HH e infraestruturaImpactos identificados – Qualidade do projetoPodem ser afetatados os níveis de absorção e memorização do conhecimento transmitido.Impactos identificados – Recursos Humanos do projetoAcréscimo do recrutamento e administraçãodo do quadro de funcionários.
  20. 20. SM - Solicitação de MudançaImpactos identificados – Comunicações do projetoReativação da divulgação do recrutamento.Cadastro de novos logins para comunicação interna.Impactos identificados – Riscos do projetoFalta de mão de obra qualificada disponível no mercado.Falta de disponibilidade de locação da infra em períodos não previsto anteriormente.Impactos identificados – Aquisições do projetoAquisição de materiais internos para os novos professores.Aquisição de materiais de apoio (copo/papel/caneta/outros).
  21. 21. SM - Solicitação de MudançaImpactos identificados – outros projetos correntesEvasão de voluntários.Data, Nome, Assinatura do GPParecer do Sponsor ou CCBData, Nome do Autorizador, Assinatura
  22. 22. Obrigada!

×