TAP - Termo de Abertura do Projeto 
Projeto 
Reforma do Bloco Cirúrgico do Hospital PF 
Descrição 
O hospital PF localizad...
ISH - Registro de Stakeholder Online 
Cadastro 
Stakeholder Posição Papel no Projeto Email Telefone Celular 
Alexander Bor...
ISH - Registro de Stakeholder Online 
Qualificação Requisitos Superficiais Plano de Ação do G.P. 
Classificação Outras Car...
WBS - Estrutura de Decomposição do Trabalho 
Descomposição 
C.C. Fase / Subfase / Pacote de Trabalho Análise M/B 
1 GP 
1....
4.4.4 CERÂMICA Buy 
5 FECHAMENTO 
5.1 DESMOBILIZAÇAO 
5.1.1 TERCEIROS Make 
5.1.2 EQUIPE DE PROJETO Make 
5.2 AQUISIÇÕES 
...
Fluxograma de Iniciação
Fluxograma de Planejamento
Fluxograma de Execução
Fluxograma de Monitoramento & Controle
Fluxograma de Encerramento
Reforma do Bloco Cirúrgico
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Reforma do Bloco Cirúrgico

421 visualizações

Publicada em

Titulo: Reforma do Bloco Cirúrgico
Alunos:Alexander Bortolini,Marcos Antonio Trancoso de Britto,Nórton Mattiello Vanz,
Cidade: Passo Fundo
Disciplina: Integração
Turma: GP06
Data:15-12-2014
Hora:21:21
Comentarios:
Publico até ápos a correção

  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Reforma do Bloco Cirúrgico

  1. 1. TAP - Termo de Abertura do Projeto Projeto Reforma do Bloco Cirúrgico do Hospital PF Descrição O hospital PF localizado na cidade de Passo Fundo é referência na região norte do Rio Grande do Sul, funcionando também como hospital escola. Se identificou a necessidade da realização de reforma e ampliação do bloco cirúrgico, com vista no crescimento da demanda de cirurgias. Serão ampliadas mais três salas cirúrgicas do hospital. Justificativa Atender a demanda do aumento de cirurgias e aumentar a qualidade da prestação de serviços dos profissionais médicos, bem como a satisfação dos mesmos e da população. Objetivo S.M.A.R.T. Atender aos requisitos das portarias da ANVISA, bem como do MEC. Otimizar o uso do espaço físico ocioso. Melhorar as condições de trabalho dos profissionais da saúde. Requisitos O trabalho poderá somente ser realizado no turno da noite, a fim de não interromper a agenda de cirurgias marcadas. Os materiais deverão atender as especificações técnicas das normas e portarias. Deverá ter três cotações a fim do fechamento da contratação do projeto e mão de obra. O prazo máximo para conclusão do projeto é de três meses a partir da aprovação deste documento. Designação A diretoria executiva do hospital PF designou como gerente do projeto o sr. Norton Vanz, devido à sua ampla experiência na gestão de projetos nesta área. Milestones Fim da primeira semana: Conclusão da fase de diagnóstico e aprovação do PGP e projeto arquitetônico. Fim do primeiro mês: Início dos projetos hidro-sanitário, elétrico e estrutural. Fim do segundo mês: Contratação de mão de obra e material, e Inicio das obras. Fim do terceiro mês: Encerramento do projeto. Orçamento O valor para o projeto deve ser R$ 1.500.000,00 Riscos Atraso nas obras. Dificuldade de contratação de mão de obra qualificada. Dificuldade na aquisição de materiais importados devido burocracias. Risco de superfaturamento pela questão cambial. Data, Assinatura do Sponsor 30/11/-0001 - Aprovado
  2. 2. ISH - Registro de Stakeholder Online Cadastro Stakeholder Posição Papel no Projeto Email Telefone Celular Alexander Bortolini Sponsor do Projeto Sponsor do Projeto alexander.bortolini@gmail.com (99) 99999999 Marcos Antonio Trancoso de Britto Membro da Equipe de Projeto Membro da Equipe de Projeto britto_07@hotmail.com (88) 88888888 Nórton Mattiello Vanz Gerente do Projeto Gerente do Projeto nortonmv@yahoo.com.br (77) 77777777
  3. 3. ISH - Registro de Stakeholder Online Qualificação Requisitos Superficiais Plano de Ação do G.P. Classificação Outras Caracteristicas Requisitos Superficiais Estrátegia Gerenciar com atenção Manter Informado, priorizar suas solicitações de mudança Manter informado Delegar tarefas conforme possível Gerenciar com atenção
  4. 4. WBS - Estrutura de Decomposição do Trabalho Descomposição C.C. Fase / Subfase / Pacote de Trabalho Análise M/B 1 GP 1.1 METODOLOGIA 1.1.1 DEFINIÇÃO Make 1.1.2 PLANEJAMENTO Make 1.2 STAKEHOLDERS 1.2.1 IDENTIFICAÇÃO Make 1.2.2 MOBILIZAÇÃO Make 2 DIAGNÓSTICO 2.1 LOCAL 2.1.1 ESPAÇO FÍSICO Make 2.1.2 NECESSIDADES TRABALHO Make 2.2 AQUISIÇÕES 2.2.1 MATERIAIS Make 2.2.2 INSUMOS Make 2.2.3 RECURSOS HUMANOS Make 3 LAYOUT 3.1 ARQUITETÔNICO 3.1.1 PLANTAS BAIXAS Buy 3.1.2 CORTES Buy 3.1.3 PERSPECTIVA ELETRÔNICA Buy 3.1.4 DETALHAMENTO Buy 3.2 ELÉTRICO 3.2.1 PLANTA BAIXA Buy 3.2.2 QUADRO DE COMANDO Buy 3.2.3 LUMINOTÉCNICA Buy 3.3 HIDRO-SANITÁRIO 3.3.1 REDES DE ÁGUA FRIA E QUENTE Buy 3.3.2 REDE DE GASES Buy 3.3.3 REDE DE ESGOTO Buy 3.4 ESTRUTURAL 3.4.1 PLANTA DE FUNDAÇÕES Buy 3.4.2 CÁLCULO ESTRUTURAL Buy 4 OBRA CIVIL 4.1 SUPRA ESTUTURA 4.1.1 LAJES Buy 4.1.2 FUNDAÇÕES Buy 4.1.3 PILARES Buy 4.1.4 VIGAS Buy 4.2 TUBULAÇÕES 4.2.1 ESGOTO Buy 4.2.2 ÁGUA FRIA Buy 4.2.3 ÁGUA QUENTE Buy 4.3 CABEAMENTO E ELETRODUTOS 4.3.1 TELEFONIA Buy 4.3.2 LÓGICO Buy 4.4 ACABAMENTOS 4.4.1 FORRO Buy 4.4.2 PINTURA Buy 4.4.3 LUMINOTÉCNICA Buy
  5. 5. 4.4.4 CERÂMICA Buy 5 FECHAMENTO 5.1 DESMOBILIZAÇAO 5.1.1 TERCEIROS Make 5.1.2 EQUIPE DE PROJETO Make 5.2 AQUISIÇÕES 5.2.1 CONTRATOS Make 5.2.2 LIÇÕES APRENDIDAS Make
  6. 6. Fluxograma de Iniciação
  7. 7. Fluxograma de Planejamento
  8. 8. Fluxograma de Execução
  9. 9. Fluxograma de Monitoramento & Controle
  10. 10. Fluxograma de Encerramento

×