SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 38
Baixar para ler offline
PROJETO SAVESIM
1
Gerenciamento de Aquisições em
Projetos
Curitiba, 08 de Maio de 2015
Turma: Gerenciamento de Projetos 4/14
PROJETO SAVESIM
AGENDA TELEFÔNICA INTELIGENTE
EQUIPE DO PROJETO
• Dirceu Lara
• Elias Pedroso
• Gabriel Gandara
• Fabia Atala
3
• Marcos Chimentão
• Marcos Faria
• Nayara Cavalcante
• Rolando Neto
JUSTIFICATIVA
• Para muitas pessoas a mudança de número de telefone acarreta
dificuldades na divulgação. Para isso há necessidade de uma
ferramenta para manter os contatos atualizados, independente da
troca de numero e/ou operadora.
4
OBJETIVO
• Atuar em situações em que a portabilidade não abrange a troca de
chip.
• Exemplo: Troca de DDD, ou mudança de estrutura como o acréscimo de um
número a mais como exemplos São Paulo, Rio de Janeiro e Espirito Santo,
facilitando a atualização de contatos.
• Benefícios.
Garantia de que todos seus contatos estarão atualizados
independentes da rotatividade, de forma prática e segura.
5
VISÃO GERAL DO PRODUTO/ESCOPO
• Aplicativo desenvolvido com linguagem de Programação JAVA, capaz de
sincronizar contatos tais como telefone, email, endereço que rodará
multiplataforma tendo como foco inicial a plataforma Android. Interface
amigável, com as funcionalidades de:
• Salvar todos os contatos na nuvem.
• Atualizar todos os contatos autorizados do usuário, quando houver uma mudança
de número.
• O aplicativo funcionará também como a própria agenda, podendo efetuar ligações
telefônicas, através da própria operadora, ou aplicativos como o Skype.
• O aplicativo deverá ser multiplataforma para abranger o maior número de aparelhos
possíveis.
• Interface amigável para todos os públicos.
• Pesquisar o Registro do Aplicativo.
6
COMPARATIVO DE SOLUÇÃO
7
Antes Depois
Falta de controle na atualização de
dados nos momento de trocas de
números telefônicos
Maior controle nas atualizações de
dados para os contatos
Falta de meios para armazenar
informações contatos
Armazenamento de contatos em
nuvem
Dificuldade na difusão dos dados
nas mudanças de números
Atualizações automáticas dos
contatos
ANÁLISE DA SITUAÇÃO
• Atender uma lacuna que a portabilidade das operadoras não abrangem,
além de fornecer uma forma de atualizar os dados de contato do usuário de
forma fácil. Atualmente os usuários possuem dificuldade na realização
desta tarefa e a alteração dos dados de contatos o que ocasiona a perda de
comunicação.
• Como alvo do projeto estão os usuários de telefonia móvel, operadoras de
telefonia, fabricantes atuantes na área, investidores.
• Garantindo sempre a segurança no compartilhamento de seus dados,
agregando valor a seus clientes com um novo serviço e obtendo lucro em
seu desenvolvimento. 8
PREMISSAS E RESTRIÇÕES
• O aplicativo ser aceito pelas 3 maiores lojas de comercialização de
aplicativos virtuais tais como:
• Play Store (Android)
• Apple Store (IOS - iPhone)
• Loja Windows (Windows Phone)
• A fase 1 deverá ser encerrada daqui a seis meses, até o dia 14 de
dezembro de 2015.
9
DELIVERABLES E INDICADORES
• Para atender o escopo é necessário desenvolver um projeto webservices para a
manipulação e armazenamento dos dados dos usuários e seus contatos da
agenda do celular. Um aplicativo de celular pode trazer esta solução.
• Será gerado serviço atualização automática do número de telefone e demais
informações no celular dos contatos do cliente que possuírem o App.
• Os principais indicadores associados, serão o número de downloads realizados
do aplicativo e o ranking de satisfação dos usuários nas lojas virtuais;
• Ao custo de 1 real por anuidade de uso do aplicativo, podendo chegar ter
milhões de usuários, o aplicativo renderá esse montante após um ano; 10
ANÁLISE GERAL DE RISCOS
11
ID Descrição Consequência Mitigação do risco Tipo Impacto Proba. Data Limite
1
Lançar a fase 1
com erros de
programação
Imagem ruim do
produto no
mercado
Testes de Unidade,
Integração e Sistema.
Teste Funcional e
Teste de Regressão.
Técnico Auto Baixa
Durante todo
o projeto
2
Identificar
problemas
técnicos no
sistema de forma
tardia
Atrasos no
lançamento
Lançar atualizador de
Versão Automático,
para suprir defeitos e
falhas de forma
simples.
Gerencial Auto Baixa
No ato do
lançamento
3
Recursos
limitados
Atrasos no
lançamento
Planejamento de
carga de trabalho
Gerencial Médio Baixa
Durante todo
o projeto
ANÁLISE DE RISCOS
PROJETO SAVESIM 12
ID Descrição Consequência Mitigação do risco Tipo Impacto Proba. Data Limite
4
Baixa
Aceitação
pelos
Clientes
Existem no mercado
ferramentas de
sincronização de contatos
via email. Mais nenhum
atende a todos os
requisitos de sincronização
como o SaveSim
Criar mídia informativa que
mostra claramente a
diferença do SaveSim para as
ferramentas atuais. Criando a
necessidade de utilização nas
pessoas.
Gerencial Auto Média
No
lançamento
do Projeto
5
Expansão
mais veloz
que a
planejada
A disseminação do
aplicativo de forma mais
veloz que a planejada
pode gerar riscos as
funcionalidades do
produto.
Dentro dos custos do Projeto
escolher o melhor provedor
custo x beneficio x
capacidade
Gerencial Médio Média
Fase Final
do Projeto
6
Ouvir o
Feedback
do Usuário
Não estar atento as
necessidades do usuário
pode tornar o produto
obsoleto.
Criar formulário para receber
feedback do usuário.
Possibilitaria corrigir bugs, e
atender a novas
necessidades, mantendo o
aplicativo sempre atualizado e
moderno.
Gerencial Baixo Baixa
Fase Final
do Projeto
ESTRUTURA ANALÍTICA COMPLETA - EAP
13
APP SAVE SIM
Gerenciamento do
Projeto
Inicialização
Projeto
Termo
Abertura
Projeto
Reunião
Kickoff
Controle e
Monitor.
Relatório
de
Desemp.
Reuniões de
Acomp.
Plano de
Projeto
Declar.
de
Escopo
EAP
Dic.
Cronograma
Matriz de
responsabilidade
Plano de
comunicação
Análise
de custo
Design de
Software
Especificaçã
o Funcional
Especificaç
ão Técnica
Desenvolvime
nto de
Software
Codificação
Identidade
Visual
Teste
unitário
Deploy
Infraestrutur
a (servidor)
Testes
Plano
de
testes
Testes
integrados
Ajustes e
Correção
Teste de
sistema
Documentação
Manual
de
sistema
Manual
do
usuário
Manual
de
operação
Lançamento
Disponibilizar
em lojas
virtuais
Divulgação
e Marketing
Fechamento
Lições
aprendidas
Relatório
final do
projeto
*Em vermelho itens BUY
CRITÉRIOS MAKE OR BUY
14
1. Capacidade (quantidade e qualidade) da equipe
2. Necessidade de fornecimento especializado
3. Necessidade de absorção da tecnologia
4. Restrições de custo
5. Restrições de prazo
6. Restrições de subcontratação
7. Existência de fornecedores confiáveis
8. O core business da empresa
9. Compartilhamentos de riscos
10.Problemas legais ou de segurança da informação
MA – MAPA DE AQUISIÇÕES
PROJETO SAVESIM
15
MA – MAPA DE AQUISIÇÕES
Concorrênc
ia
Item a ser
contratado
Ref na
WBS
Vendor List Cronograma Orçamento Critério Make
or Buy
RFP - 01 Identidade Visual 3.2 - Cleber Silva
- Rol Designer
01/07/2015 R$2000,00 1, 2, 7, 8
RFP - 02 Infraestrutura 6.1 - Amazon Server 02/01/2015 R$500,00 2, 3, 5, 7, 8, 9,
10
RFP - 03 Disponibili. em Lojas 6.2 - Apple Store
- Play Store
- Windows P.
Store
01/09/2015 30% das
vendas
2, 3, 7, 8, 9,
10
RFP - 04 Divulgação
/Marketing
6.3 - Divulgação On
line
- Divulgação em
massa (Cleber
S.)
30/09/2015 R$2000,00 1, 2, 5, 7, 8
WBS – GERÊNCIA DE AQUISIÇÕES
16
AQUISIÇÕES
Plano de
Gerenciamento
Aquisições
Documentos
de Aquisição
Mapas
Aquisições
Controle e
Monitor.
Identidade
Visual
Requisitos
de produto
Requisitos
de
forneciment
o
Contratação
do
fornecedor
Infraestrutura
Especificação
de servidor
Contratação
do fornecedor
Disponibilização
em lojas Virtuais
Termos de
adesão as
lojas virtuais
Levantament
o de custos
Upload do
App na rede
Divulgação
e Marketing
Requisitos da
estratégia de
marketing
Requisitos de
fornecimento
Contratação
do fornecedor
Teste de
sistema
Especificação
de requisitos
Disponibilizaçã
o versão de
teste
REGISTRO DE RISCOS - AQUISIÇÕES
22/09/2014PROJETO SAVESIM - PLANO SUMÁRIO 17
Pacote Buy Ref
WBS
Evento de risco Resposta Momento
Identidade
visual
3.2  Atraso na Entrega
 Qualidade
 Estipular entregas parciais
 Critérios de aceitação
 Planejamento
 Especificações
 Contrato
 Adm contrato
Infraestrutur
a
6.1  Capacidade do
servidor não
suportar o numero
de usuários
 Aumentar os recursos da
máquina.
 Planejamento
 Especificações
 Contrato
 Adm contrato
Lojas
Virtuais
6.2  Não aceitarem o
aplicativo.
 Entender todos os termos e
desenvolver nos padrões
aceitos.
 Planejamento
 Especificações
 Contrato
Divulgação/
Marketing
6.3  Não atingir o
público alvo do
aplicativo.
 Estabelecer o público alvo
mediante pesquisa e
levantamento de requisitos.
 Planejamento
 Especificações
 Contrato
DT – DECLARAÇÃO DE TRABALHO
PROJETO SAVESIM 18
IDENTIDADE
VISUAL
Especificação Entrega
Área de Atuação O design deve ser associado a aplicativos de celular, agenda
telefônica, salvar contatos e integrado ao Nome do Projeto:
SAVE SIM.
Entregas
parciais
semanalmente
apresentada
para aprovação
do Design,
contendo todos
os requisitos
listados, com
prazo de
aprovação final
em 01/07/2015
Objetivo do Design Ser amigável; Visualmente atrativo
Auto explicativo; Intuitivo
Interface Os botões devem ser do tipo lateral ou fixo na tela, de acordo
com a funcionalidade de cada tela
As cores devem ser foscas para evitar irritação nos olhos
Garantia O design deve garantir funcionalidade e interface com a
programação.
O design deve manter a velocidade de resposta do programa
Qualidade As letras devem ser possuir fonte adequada e tamanho
legível.
DT – DECLARAÇÃO DE TRABALHO
PROJETO SAVESIM 19
IDENTIDADE
VISUAL
Especificação Entrega
Publicidade Deve estar reservado em parte inferior da tela espaço
para propagandas.
Entregas parciais
semanalmente
apresentada para
aprovação do Design,
contendo todos os
requisitos listados,
com prazo de
aprovação final em
01/07/2015
Teclas de atalho O menu principal deve oferecer botões de atalho para
as principais funcionalidades como chamadas e
mensagens.
Tela principal A tela de login deve apresentar campos de telefone,
nome e senha. Uma vez inseridos, esses dados
devem ficar salvos.
Tela de cadastro Deve oferecer apenas um cadastro por vez
Logomarca Deve aparecer em diversos formatos e tamanhos de
acordo com sua tela.
Layout Disposição dos itens da tela devem obedecer
sequencia pré-estabelecida
WBS DE CONTRATO
20
FASES CRITÉRIO DE ACEITAÇÃO %
Critério
% PESO
Briefing
Apresentação de Escopo 10%
20%
Apresentar contrato 10%
Apresentar Protótipo
Logomarca e Telas
3 modelos de logomarca 5%
10%
3 modelos de Tela 5%
Construção da logomarca
e Telas
Modelo final de logomarca aprovado 30%
60%
Modelo final de tela aprovador 30%
Encerramento e registro
Fechamento do contrato 5%
10%
Documento descritivo de entregas
realizadas
5%
CRITÉRIOS ELIMINATÓRIOS
21
• Atender o prazo de entrega
• Situação Fiscal
• Certificação
• Não atender o custo estipulado
• Proposta visual não agradar
• Proposta com erro de grafia
• Atender as leis trabalhistas
CRITÉRIOS CLASSIFICATÓRIO
22
• Entregar no prazo
• Oferecer condições de pagamento
• Portfólio de Projetos na área
• Apresentar qualificação técnica da equipe
• Possuir premiações de inovação em Design
• Posicionamento no mercado
• Garantias acima do nível especificado
• Oferta de opcionais e serviço personalizado
CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO NA DT
23
Os critérios classificatórios em sua maioria não serão divulgados
para estimular a concorrência e evitar a possível manipulação de
dados por parte dos fornecedores
Porém, alguns critérios são básicos para caracterizar o tipo
fornecimento e necessários para filtrar o numero de empresas aptas
a concorrência do projeto.
CLASSIFICAÇÃO DO FORNECEDOR
22/09/2014PROJETO SAVESIM - PLANO SUMÁRIO 24
CRITÉRIO PESO
Cleber Silva Designer Rolando Designer
Nota Média Nota Média
Atendimento do
Prazo
20% 10 200 10 200
Condições de
Pagamento
20% 8 160 6 120
Portfolio 15% 9 135 7 105
Qualificação da
equipe
15% 10 150 8 120
Premiação na área 3% 5 15 5 15
Posicionamento no
mercado
10% 8 80 6 60
Garantia acima do
nível
10% 8 80 6 60
Oferta de opcionais 7% 9 63 10 70
Total 100% 883 750
DOCUMENTOS DE AQUISIÇÃO
25
Documentos utilizados: Carta Convite
Request For Proposal: Definição não somente por preço
Justificativa: O designer gráfico é chave de sucesso para o aplicativo.
Decidimos trabalhar apenas com fornecedores conhecidos cujo experiências
anteriores os credenciam para trabalhar conosco. Entre os escolhidos
avaliaremos as melhores propostas em nível de qualidade, que apresente o
melhor layout e design amigável, bem como os valores orçados, para que
permaneça dentro do orçamento possível.
ENVIO DO CONVITE
26
A pré seleção de fornecedores ocorrerá através de pesquisa de
mercado. Serão enviadas correspondências diretas a fornecedores para
participarem do processo de Apresentação do projeto, para que possam
emitir suas propostas de realização do trabalho.
O resultado da seleção do fornecedor será comunicado via email.
TIPO DE CONTRATO
27
Tipo escolhido: Preço Fixo
Justificativa: Não ocorre variâncias de valor fora do orçamento
programado. Não temos como mensurar qualidade estética.
PROCESSO SELETIVO
28
O processo de seleção do fornecedor se dará por CONCORRÊNCIA PRIVADA.
Os potenciais fornecedores serão convidados a conhecer nossa necessidade e terão liberdade,
com seu know-How e técnica para propor soluções e ideias de design.
O escolhido será aquele que apresentar o melhor custo-benefício dentre os requisitos de critério de
avaliação.
Pesquisa
de
Mercado
Seleção de
Potenciais
Fornecedores
Envio da
RFP
PGP
Aprovado
Especificação
da
necessidade
Análise
de
Propostas
Esclarecimento
de dúvidas
Eliminação
dos
fornecedores
Seleção
Aprovaçã
o
Negociaçã
o
Feedba
ck
Assinatur
a de
contrato
Execução
da WBS
Controle
da
qualidade
Entreg
a Beta
Testes
Funcionai
s
Aprovaçã
o de
Layout
Sim
Não
Encerramento
de contrato e
pagamento
Solicitação
de
Mudanças
Replanejamento
ATITUDES NO CONTROLE DAS AQUISIÇÕES
29
1. Respeito ao contrato pela Contratante
Agir com boa conduta ao contratar e aguardar a conclusão do contrato agindo sempre com
princípios de probidade e boa-fé, como valores éticos de honestidade, lealdade e veracidade.
2. Cobrança de respeito ao contrato por parte da Contratada
Assim como a iremos agir com boa conduta e boa-fé, temos o direito de cobrar isso da
contratada, informalmente e em contrato, estipulando o que esperamos dela.
FISCALIZAÇÃO NO CONTROLE DAS
AQUISIÇÕES
30
1. Planejar e administra contratos com cláusulas bem definidas
Conhecer a descrição dos serviços a serem executados (prazos, locais, material a ser
empregado), realizar reunião inicial (ki ck-off), antes da execução dos trabalhos; ler e analisar o
contrato verificar se as entregas serão cumpridas conforme contratado, acompanhar o
cumprimento do cronograma físico-financeiro, avaliar constantemente a qualidade da execução
contratual, aplicar penalidades a contratada no descumprimento do contrato, observar e respeitar
os termos e condições do contrato, controlar mudanças e manter cópias atualizadas do contrato
2. Delegar responsável para gestão dos contrato
Esse responsável deverá ter segurança em sua atuação, cordialidade e bom relacionamento com
a empresa, a equipe de projetos e o contratado, integridade, honestidade e responsabilidade,
disposição em prestar contas de seu encargo e ser avaliado, capacidade de liderança, ética; ter
raciocínio ágil e manter postura isenta e equilibrada, saber lidar com críticas, etc.
FISCALIZAÇÃO NO CONTROLE DAS
AQUISIÇÕES
31
3. Buscar a otimização dos recursos e manter a qualidade nos serviços prestados
Acompanhar a execução dos serviços, verificando a correta utilização dos materiais,
equipamentos, contingente em quantidades suficientes para que seja mantida a qualidade dos
mesmos, solicitar, quando for o caso, que os serviços sejam refeitos por inadequação ou vícios que
apresentem, realizar a medição dos serviços efetivamente realizados, de acordo com a descrição
dos serviços definida na especificação técnica do contrato.
4. Monitoramento e Controle de Riscos
Identificar e assegurar o controle do risco monitorando riscos residuais e identificando novos riscos,
assegurando a execução dos planos do risco e avaliando sua eficiência na redução dos riscos.
Registro das métricas que estão associadas com planos de contingência. Processo contínuo para
o ciclo de vida do projeto.
FISCALIZAÇÃO NO CONTROLE DAS
AQUISIÇÕES
32
5. Medição / Controle de qualidade
Medir, acompanhar e controlar as variações de performance, custos e prazos, elaborar relatórios
de progresso, planejar e executar ações corretivas.
6. Avaliação do fornecedor
Antes e durante todo o período de vigência do contrato avaliar a performance dos prestadores de
serviços nos quesitos qualidade dos produtos e serviço, agilidade e flexibilidade, cumprimento dos
prazos, preço, estabilidade financeira, especificações técnicas e normas administrativas,
sustentabilidade, etc.
7. Documentar as lições aprendidas e promover a sua difusão na empresa.
Visando melhorar os resultados para os projetos seguintes será documentado e difundido as lições
aprendidas no projeto finalizado para evitar os erros do passado, prevenir riscos diagnosticados em
outras situações, fazer a gestão do conhecimento a partir da construção de um consenso sobre
práticas gerais, aumentar a competência dos gerentes de projeto e equipe, repensar
estratégias,etc.
CONTROLE DAS AQUISIÇÕES
33
Os relatórios para controlar as aquisições serão através de Boletins de Medição.
Como o boletim abaixo para a aquisição da identidade visual:
Item Descrição Orçamento Quantidade
Planejada
Quantidade
Realizada
Critério
[%]
Avanço
Físico
Planejado
Avanço
Físico
Realizado
[%]
3.2 Identidade Visual 2000.00
3.2.1 Briefing 2 20% 400.00
3.2.2
Apresentar Protótipo
Logomarca e Telas 6 10% 200.00
3.2.3
Construção da
logomarca e Telas 2 60% 1200.00
3.2.4 Encerramento e registro 2 10% 200.00
CONTROLE DAS AQUISIÇÕES
34
• Item: representa o código do item entregável da EAP;
• Descrição: uma breve descrição do item;
• Orçamento: o orçamento total destinado para a identidade visual;
• Quantidade Planejada: numero de subitens planejados para entrega, que compõem o item;
• Quantidade Realizada: numero de subitens realmente entregues;
• Critério [%]: Peso de cada item na composição da identidade visual;
• Avanço Físico Planejado: valor em reais planejado para ser gasto em cada item;
• Avanço Físico Realizado: valor em reais gasto em cada item;
• [%]: Percentagem de conclusão do item;
CONTROLE DO CONTRATO
O processo de controle do contrato envolve o acompanhamento e monitoramento de desempenhos,
através de documentações e análises. Onde torna-se necessário gerir pagamentos e reuniões de
alinhamento, para garantir que todas as cláusulas do contrato foram atendidas e posteriormente
encerrá-lo.
Indicação
do Gestor
de
Contrato
Revisão de
Atividades
Revisão do
Controle
das
Cláusulas
Reunião
Kick-off
Ler e
analisar o
contrato
Decisão
Acompanhame
nto da
execução dos
serviços
Qualidade
Controle
Integrado
de
Mudanças
Identificaç
ão de
novos
riscos
Controle
de
Riscos
Check:
Cronograma,
Orçamento
e Qualidade Avaliação
do
Forneced
or
Gestão de
Pagamentos
Sim
Não
Encerrament
o do contrato
Continuar
Revisar
Documentar
Atividades/
Comunicaç
ão
36
FLUXOGRAMA ENCERRAMENTO CONTRATO
37
SUMÁRIO PGA
1. Método de Gerenciamento das Aquisições
(Processos aprovados a qual serão base do gerenciamento profissional das aquisições)
1.1 Documentos de Aquisição
(WBS Completa, Mapa Aquisições, Termo de Aceite da Entrega, Registro de Riso, Declaração de Trabalho , RFP e RFQ)
2. Início Aquisições
2.1 Tipo Contrato
(Detalhes sobre contratos de Preço Fixo, Tempo e Material e Custo Reembolsável)
2.2 Critérios Classificatórios e Eliminatórios
(Descreva os critérios de avaliação usados)
2.3 Definição Convite
(Adoção do modelo e envio da carta convite)
3. Controle Aquisições
(Define métodos de avaliação)
3.1 Modo Fiscalização
(Descreve atividades a serem executadas)
3.2 Tipo Relatórios
(Definição de relatórios obrigatórios)
4. Encerramento Aquisições
(Descreve como se deve encerrar as atividades)
22/09/2014PROJETO SAVESIM - PLANO SUMÁRIO 38
www.savesim.com.br
@savesim

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Termo de abertura do projeto - beauty
Termo de abertura do projeto - beautyTermo de abertura do projeto - beauty
Termo de abertura do projeto - beauty
MLGV
 
Exemplo De Plano De Gerenciamento De Projeto
Exemplo De Plano De Gerenciamento De ProjetoExemplo De Plano De Gerenciamento De Projeto
Exemplo De Plano De Gerenciamento De Projeto
lhencar
 

Mais procurados (20)

Gerenciamento de tempo em projetos
Gerenciamento de tempo em projetosGerenciamento de tempo em projetos
Gerenciamento de tempo em projetos
 
Apresentacao Pmbok
Apresentacao PmbokApresentacao Pmbok
Apresentacao Pmbok
 
Gerenciamento de projetos apostila completa
Gerenciamento de projetos   apostila completaGerenciamento de projetos   apostila completa
Gerenciamento de projetos apostila completa
 
Gerenciamento de Integracao - Aula 1
Gerenciamento de Integracao - Aula 1Gerenciamento de Integracao - Aula 1
Gerenciamento de Integracao - Aula 1
 
Gestão do escopo e qualidade em Gestão de Projetos
Gestão do escopo e qualidade em Gestão de ProjetosGestão do escopo e qualidade em Gestão de Projetos
Gestão do escopo e qualidade em Gestão de Projetos
 
Gestão de Projetos e Ferramentas
Gestão de Projetos e FerramentasGestão de Projetos e Ferramentas
Gestão de Projetos e Ferramentas
 
Implantação de um sistema ERP
Implantação de um sistema ERPImplantação de um sistema ERP
Implantação de um sistema ERP
 
Introdução a Gerenciamento de Projetos
Introdução a Gerenciamento de ProjetosIntrodução a Gerenciamento de Projetos
Introdução a Gerenciamento de Projetos
 
DMAIC - Ferramentas para projetos Six Sigma - Lean
DMAIC - Ferramentas para projetos Six Sigma - LeanDMAIC - Ferramentas para projetos Six Sigma - Lean
DMAIC - Ferramentas para projetos Six Sigma - Lean
 
Termo de abertura do projeto - beauty
Termo de abertura do projeto - beautyTermo de abertura do projeto - beauty
Termo de abertura do projeto - beauty
 
Workshop Scrum - 8 horas
Workshop Scrum - 8 horasWorkshop Scrum - 8 horas
Workshop Scrum - 8 horas
 
Exemplo De Plano De Gerenciamento De Projeto
Exemplo De Plano De Gerenciamento De ProjetoExemplo De Plano De Gerenciamento De Projeto
Exemplo De Plano De Gerenciamento De Projeto
 
Extreme programming (xp) - Resumo
Extreme programming (xp) - ResumoExtreme programming (xp) - Resumo
Extreme programming (xp) - Resumo
 
Gestao De Projetos
Gestao De ProjetosGestao De Projetos
Gestao De Projetos
 
Gestão de Projetos
Gestão de ProjetosGestão de Projetos
Gestão de Projetos
 
Gerenciamento de Projetos
Gerenciamento de ProjetosGerenciamento de Projetos
Gerenciamento de Projetos
 
Treinamento de Scrum
Treinamento de ScrumTreinamento de Scrum
Treinamento de Scrum
 
Modelo de Declaracao do escopo do projeto
Modelo de Declaracao do escopo do projetoModelo de Declaracao do escopo do projeto
Modelo de Declaracao do escopo do projeto
 
Projeto de implantação de um sistema ERP
Projeto de implantação de um sistema ERPProjeto de implantação de um sistema ERP
Projeto de implantação de um sistema ERP
 
Aula Pronta - Gerenciamento de Projetos
Aula Pronta - Gerenciamento de ProjetosAula Pronta - Gerenciamento de Projetos
Aula Pronta - Gerenciamento de Projetos
 

Semelhante a Projeto SaveSIM

Desenvolvimento ágil e pontos de função: gerenciando o projeto de maneira ági...
Desenvolvimento ágil e pontos de função: gerenciando o projeto de maneira ági...Desenvolvimento ágil e pontos de função: gerenciando o projeto de maneira ági...
Desenvolvimento ágil e pontos de função: gerenciando o projeto de maneira ági...
Vanessa Campos
 

Semelhante a Projeto SaveSIM (20)

Projeto Help
Projeto HelpProjeto Help
Projeto Help
 
HP Mobile Testing
HP Mobile TestingHP Mobile Testing
HP Mobile Testing
 
NOVO E-BOOK: Dicas Dynatrace para o seu e-commerce
NOVO E-BOOK: Dicas Dynatrace para o seu e-commerceNOVO E-BOOK: Dicas Dynatrace para o seu e-commerce
NOVO E-BOOK: Dicas Dynatrace para o seu e-commerce
 
Desenvolvimento ágil e pontos de função: gerenciando o projeto de maneira ági...
Desenvolvimento ágil e pontos de função: gerenciando o projeto de maneira ági...Desenvolvimento ágil e pontos de função: gerenciando o projeto de maneira ági...
Desenvolvimento ágil e pontos de função: gerenciando o projeto de maneira ági...
 
Desenvolvimento Ágil e Pontos de Função gerenciando o projeto de maneira ági...
Desenvolvimento Ágil e Pontos de Função  gerenciando o projeto de maneira ági...Desenvolvimento Ágil e Pontos de Função  gerenciando o projeto de maneira ági...
Desenvolvimento Ágil e Pontos de Função gerenciando o projeto de maneira ági...
 
DevOps e App Insights
DevOps e App InsightsDevOps e App Insights
DevOps e App Insights
 
DevOps... O caminho! - Monitoramento de aplicações com App Insights
DevOps... O caminho! - Monitoramento de aplicações com App InsightsDevOps... O caminho! - Monitoramento de aplicações com App Insights
DevOps... O caminho! - Monitoramento de aplicações com App Insights
 
AUFE
AUFEAUFE
AUFE
 
Application Insights
Application Insights Application Insights
Application Insights
 
DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARES PARA TERMINAIS MÓVEIS
DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARES PARA TERMINAIS MÓVEISDESENVOLVIMENTO DE SOFTWARES PARA TERMINAIS MÓVEIS
DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARES PARA TERMINAIS MÓVEIS
 
Essentials - Sessão de Salesforce1 Platform
Essentials - Sessão de Salesforce1 PlatformEssentials - Sessão de Salesforce1 Platform
Essentials - Sessão de Salesforce1 Platform
 
AL QAEDA
AL QAEDAAL QAEDA
AL QAEDA
 
DevOps - Novos Desafios para TI
DevOps - Novos Desafios para TIDevOps - Novos Desafios para TI
DevOps - Novos Desafios para TI
 
Tudo são Dados - PHP Conference 2008
Tudo são Dados - PHP Conference 2008Tudo são Dados - PHP Conference 2008
Tudo são Dados - PHP Conference 2008
 
DevOps - visão geral
DevOps - visão geralDevOps - visão geral
DevOps - visão geral
 
Apresentação - Luby Fábrica de Software
Apresentação - Luby Fábrica de SoftwareApresentação - Luby Fábrica de Software
Apresentação - Luby Fábrica de Software
 
APIX - 2017
APIX - 2017APIX - 2017
APIX - 2017
 
Modelo de Subscrições e Suporte WSO2
Modelo de Subscrições e Suporte WSO2Modelo de Subscrições e Suporte WSO2
Modelo de Subscrições e Suporte WSO2
 
RPA - Portfólio de Serviços iProcess
RPA - Portfólio de Serviços iProcessRPA - Portfólio de Serviços iProcess
RPA - Portfólio de Serviços iProcess
 
Apresentação de minha Monografia do curso de Sistema e Mídias Digitais
Apresentação de minha Monografia do curso de Sistema e Mídias DigitaisApresentação de minha Monografia do curso de Sistema e Mídias Digitais
Apresentação de minha Monografia do curso de Sistema e Mídias Digitais
 

Mais de Marco Coghi

Mais de Marco Coghi (20)

Projeto Caixa Forte
Projeto Caixa ForteProjeto Caixa Forte
Projeto Caixa Forte
 
EZ Pass
EZ PassEZ Pass
EZ Pass
 
Sai Zika
Sai ZikaSai Zika
Sai Zika
 
Acertando suas Contas
Acertando suas ContasAcertando suas Contas
Acertando suas Contas
 
EcoTelhado
EcoTelhadoEcoTelhado
EcoTelhado
 
Volume Morto Nunca Mais
Volume Morto Nunca MaisVolume Morto Nunca Mais
Volume Morto Nunca Mais
 
Projeto Iemanjá
Projeto IemanjáProjeto Iemanjá
Projeto Iemanjá
 
Viva Mariana
Viva MarianaViva Mariana
Viva Mariana
 
Princes Forever
Princes ForeverPrinces Forever
Princes Forever
 
Aquaman
AquamanAquaman
Aquaman
 
Projeto +Cana
Projeto +CanaProjeto +Cana
Projeto +Cana
 
Princess Forever
Princess ForeverPrincess Forever
Princess Forever
 
Ecobuilding
EcobuildingEcobuilding
Ecobuilding
 
Sanca GreenHouse
Sanca GreenHouseSanca GreenHouse
Sanca GreenHouse
 
Teto Amigo
Teto AmigoTeto Amigo
Teto Amigo
 
Projeto Lampião
Projeto LampiãoProjeto Lampião
Projeto Lampião
 
CONSEGS
CONSEGSCONSEGS
CONSEGS
 
Projeto Gestar
Projeto GestarProjeto Gestar
Projeto Gestar
 
Zika
ZikaZika
Zika
 
Fenix
FenixFenix
Fenix
 

Projeto SaveSIM

  • 1. PROJETO SAVESIM 1 Gerenciamento de Aquisições em Projetos Curitiba, 08 de Maio de 2015 Turma: Gerenciamento de Projetos 4/14
  • 3. EQUIPE DO PROJETO • Dirceu Lara • Elias Pedroso • Gabriel Gandara • Fabia Atala 3 • Marcos Chimentão • Marcos Faria • Nayara Cavalcante • Rolando Neto
  • 4. JUSTIFICATIVA • Para muitas pessoas a mudança de número de telefone acarreta dificuldades na divulgação. Para isso há necessidade de uma ferramenta para manter os contatos atualizados, independente da troca de numero e/ou operadora. 4
  • 5. OBJETIVO • Atuar em situações em que a portabilidade não abrange a troca de chip. • Exemplo: Troca de DDD, ou mudança de estrutura como o acréscimo de um número a mais como exemplos São Paulo, Rio de Janeiro e Espirito Santo, facilitando a atualização de contatos. • Benefícios. Garantia de que todos seus contatos estarão atualizados independentes da rotatividade, de forma prática e segura. 5
  • 6. VISÃO GERAL DO PRODUTO/ESCOPO • Aplicativo desenvolvido com linguagem de Programação JAVA, capaz de sincronizar contatos tais como telefone, email, endereço que rodará multiplataforma tendo como foco inicial a plataforma Android. Interface amigável, com as funcionalidades de: • Salvar todos os contatos na nuvem. • Atualizar todos os contatos autorizados do usuário, quando houver uma mudança de número. • O aplicativo funcionará também como a própria agenda, podendo efetuar ligações telefônicas, através da própria operadora, ou aplicativos como o Skype. • O aplicativo deverá ser multiplataforma para abranger o maior número de aparelhos possíveis. • Interface amigável para todos os públicos. • Pesquisar o Registro do Aplicativo. 6
  • 7. COMPARATIVO DE SOLUÇÃO 7 Antes Depois Falta de controle na atualização de dados nos momento de trocas de números telefônicos Maior controle nas atualizações de dados para os contatos Falta de meios para armazenar informações contatos Armazenamento de contatos em nuvem Dificuldade na difusão dos dados nas mudanças de números Atualizações automáticas dos contatos
  • 8. ANÁLISE DA SITUAÇÃO • Atender uma lacuna que a portabilidade das operadoras não abrangem, além de fornecer uma forma de atualizar os dados de contato do usuário de forma fácil. Atualmente os usuários possuem dificuldade na realização desta tarefa e a alteração dos dados de contatos o que ocasiona a perda de comunicação. • Como alvo do projeto estão os usuários de telefonia móvel, operadoras de telefonia, fabricantes atuantes na área, investidores. • Garantindo sempre a segurança no compartilhamento de seus dados, agregando valor a seus clientes com um novo serviço e obtendo lucro em seu desenvolvimento. 8
  • 9. PREMISSAS E RESTRIÇÕES • O aplicativo ser aceito pelas 3 maiores lojas de comercialização de aplicativos virtuais tais como: • Play Store (Android) • Apple Store (IOS - iPhone) • Loja Windows (Windows Phone) • A fase 1 deverá ser encerrada daqui a seis meses, até o dia 14 de dezembro de 2015. 9
  • 10. DELIVERABLES E INDICADORES • Para atender o escopo é necessário desenvolver um projeto webservices para a manipulação e armazenamento dos dados dos usuários e seus contatos da agenda do celular. Um aplicativo de celular pode trazer esta solução. • Será gerado serviço atualização automática do número de telefone e demais informações no celular dos contatos do cliente que possuírem o App. • Os principais indicadores associados, serão o número de downloads realizados do aplicativo e o ranking de satisfação dos usuários nas lojas virtuais; • Ao custo de 1 real por anuidade de uso do aplicativo, podendo chegar ter milhões de usuários, o aplicativo renderá esse montante após um ano; 10
  • 11. ANÁLISE GERAL DE RISCOS 11 ID Descrição Consequência Mitigação do risco Tipo Impacto Proba. Data Limite 1 Lançar a fase 1 com erros de programação Imagem ruim do produto no mercado Testes de Unidade, Integração e Sistema. Teste Funcional e Teste de Regressão. Técnico Auto Baixa Durante todo o projeto 2 Identificar problemas técnicos no sistema de forma tardia Atrasos no lançamento Lançar atualizador de Versão Automático, para suprir defeitos e falhas de forma simples. Gerencial Auto Baixa No ato do lançamento 3 Recursos limitados Atrasos no lançamento Planejamento de carga de trabalho Gerencial Médio Baixa Durante todo o projeto
  • 12. ANÁLISE DE RISCOS PROJETO SAVESIM 12 ID Descrição Consequência Mitigação do risco Tipo Impacto Proba. Data Limite 4 Baixa Aceitação pelos Clientes Existem no mercado ferramentas de sincronização de contatos via email. Mais nenhum atende a todos os requisitos de sincronização como o SaveSim Criar mídia informativa que mostra claramente a diferença do SaveSim para as ferramentas atuais. Criando a necessidade de utilização nas pessoas. Gerencial Auto Média No lançamento do Projeto 5 Expansão mais veloz que a planejada A disseminação do aplicativo de forma mais veloz que a planejada pode gerar riscos as funcionalidades do produto. Dentro dos custos do Projeto escolher o melhor provedor custo x beneficio x capacidade Gerencial Médio Média Fase Final do Projeto 6 Ouvir o Feedback do Usuário Não estar atento as necessidades do usuário pode tornar o produto obsoleto. Criar formulário para receber feedback do usuário. Possibilitaria corrigir bugs, e atender a novas necessidades, mantendo o aplicativo sempre atualizado e moderno. Gerencial Baixo Baixa Fase Final do Projeto
  • 13. ESTRUTURA ANALÍTICA COMPLETA - EAP 13 APP SAVE SIM Gerenciamento do Projeto Inicialização Projeto Termo Abertura Projeto Reunião Kickoff Controle e Monitor. Relatório de Desemp. Reuniões de Acomp. Plano de Projeto Declar. de Escopo EAP Dic. Cronograma Matriz de responsabilidade Plano de comunicação Análise de custo Design de Software Especificaçã o Funcional Especificaç ão Técnica Desenvolvime nto de Software Codificação Identidade Visual Teste unitário Deploy Infraestrutur a (servidor) Testes Plano de testes Testes integrados Ajustes e Correção Teste de sistema Documentação Manual de sistema Manual do usuário Manual de operação Lançamento Disponibilizar em lojas virtuais Divulgação e Marketing Fechamento Lições aprendidas Relatório final do projeto *Em vermelho itens BUY
  • 14. CRITÉRIOS MAKE OR BUY 14 1. Capacidade (quantidade e qualidade) da equipe 2. Necessidade de fornecimento especializado 3. Necessidade de absorção da tecnologia 4. Restrições de custo 5. Restrições de prazo 6. Restrições de subcontratação 7. Existência de fornecedores confiáveis 8. O core business da empresa 9. Compartilhamentos de riscos 10.Problemas legais ou de segurança da informação
  • 15. MA – MAPA DE AQUISIÇÕES PROJETO SAVESIM 15 MA – MAPA DE AQUISIÇÕES Concorrênc ia Item a ser contratado Ref na WBS Vendor List Cronograma Orçamento Critério Make or Buy RFP - 01 Identidade Visual 3.2 - Cleber Silva - Rol Designer 01/07/2015 R$2000,00 1, 2, 7, 8 RFP - 02 Infraestrutura 6.1 - Amazon Server 02/01/2015 R$500,00 2, 3, 5, 7, 8, 9, 10 RFP - 03 Disponibili. em Lojas 6.2 - Apple Store - Play Store - Windows P. Store 01/09/2015 30% das vendas 2, 3, 7, 8, 9, 10 RFP - 04 Divulgação /Marketing 6.3 - Divulgação On line - Divulgação em massa (Cleber S.) 30/09/2015 R$2000,00 1, 2, 5, 7, 8
  • 16. WBS – GERÊNCIA DE AQUISIÇÕES 16 AQUISIÇÕES Plano de Gerenciamento Aquisições Documentos de Aquisição Mapas Aquisições Controle e Monitor. Identidade Visual Requisitos de produto Requisitos de forneciment o Contratação do fornecedor Infraestrutura Especificação de servidor Contratação do fornecedor Disponibilização em lojas Virtuais Termos de adesão as lojas virtuais Levantament o de custos Upload do App na rede Divulgação e Marketing Requisitos da estratégia de marketing Requisitos de fornecimento Contratação do fornecedor Teste de sistema Especificação de requisitos Disponibilizaçã o versão de teste
  • 17. REGISTRO DE RISCOS - AQUISIÇÕES 22/09/2014PROJETO SAVESIM - PLANO SUMÁRIO 17 Pacote Buy Ref WBS Evento de risco Resposta Momento Identidade visual 3.2  Atraso na Entrega  Qualidade  Estipular entregas parciais  Critérios de aceitação  Planejamento  Especificações  Contrato  Adm contrato Infraestrutur a 6.1  Capacidade do servidor não suportar o numero de usuários  Aumentar os recursos da máquina.  Planejamento  Especificações  Contrato  Adm contrato Lojas Virtuais 6.2  Não aceitarem o aplicativo.  Entender todos os termos e desenvolver nos padrões aceitos.  Planejamento  Especificações  Contrato Divulgação/ Marketing 6.3  Não atingir o público alvo do aplicativo.  Estabelecer o público alvo mediante pesquisa e levantamento de requisitos.  Planejamento  Especificações  Contrato
  • 18. DT – DECLARAÇÃO DE TRABALHO PROJETO SAVESIM 18 IDENTIDADE VISUAL Especificação Entrega Área de Atuação O design deve ser associado a aplicativos de celular, agenda telefônica, salvar contatos e integrado ao Nome do Projeto: SAVE SIM. Entregas parciais semanalmente apresentada para aprovação do Design, contendo todos os requisitos listados, com prazo de aprovação final em 01/07/2015 Objetivo do Design Ser amigável; Visualmente atrativo Auto explicativo; Intuitivo Interface Os botões devem ser do tipo lateral ou fixo na tela, de acordo com a funcionalidade de cada tela As cores devem ser foscas para evitar irritação nos olhos Garantia O design deve garantir funcionalidade e interface com a programação. O design deve manter a velocidade de resposta do programa Qualidade As letras devem ser possuir fonte adequada e tamanho legível.
  • 19. DT – DECLARAÇÃO DE TRABALHO PROJETO SAVESIM 19 IDENTIDADE VISUAL Especificação Entrega Publicidade Deve estar reservado em parte inferior da tela espaço para propagandas. Entregas parciais semanalmente apresentada para aprovação do Design, contendo todos os requisitos listados, com prazo de aprovação final em 01/07/2015 Teclas de atalho O menu principal deve oferecer botões de atalho para as principais funcionalidades como chamadas e mensagens. Tela principal A tela de login deve apresentar campos de telefone, nome e senha. Uma vez inseridos, esses dados devem ficar salvos. Tela de cadastro Deve oferecer apenas um cadastro por vez Logomarca Deve aparecer em diversos formatos e tamanhos de acordo com sua tela. Layout Disposição dos itens da tela devem obedecer sequencia pré-estabelecida
  • 20. WBS DE CONTRATO 20 FASES CRITÉRIO DE ACEITAÇÃO % Critério % PESO Briefing Apresentação de Escopo 10% 20% Apresentar contrato 10% Apresentar Protótipo Logomarca e Telas 3 modelos de logomarca 5% 10% 3 modelos de Tela 5% Construção da logomarca e Telas Modelo final de logomarca aprovado 30% 60% Modelo final de tela aprovador 30% Encerramento e registro Fechamento do contrato 5% 10% Documento descritivo de entregas realizadas 5%
  • 21. CRITÉRIOS ELIMINATÓRIOS 21 • Atender o prazo de entrega • Situação Fiscal • Certificação • Não atender o custo estipulado • Proposta visual não agradar • Proposta com erro de grafia • Atender as leis trabalhistas
  • 22. CRITÉRIOS CLASSIFICATÓRIO 22 • Entregar no prazo • Oferecer condições de pagamento • Portfólio de Projetos na área • Apresentar qualificação técnica da equipe • Possuir premiações de inovação em Design • Posicionamento no mercado • Garantias acima do nível especificado • Oferta de opcionais e serviço personalizado
  • 23. CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO NA DT 23 Os critérios classificatórios em sua maioria não serão divulgados para estimular a concorrência e evitar a possível manipulação de dados por parte dos fornecedores Porém, alguns critérios são básicos para caracterizar o tipo fornecimento e necessários para filtrar o numero de empresas aptas a concorrência do projeto.
  • 24. CLASSIFICAÇÃO DO FORNECEDOR 22/09/2014PROJETO SAVESIM - PLANO SUMÁRIO 24 CRITÉRIO PESO Cleber Silva Designer Rolando Designer Nota Média Nota Média Atendimento do Prazo 20% 10 200 10 200 Condições de Pagamento 20% 8 160 6 120 Portfolio 15% 9 135 7 105 Qualificação da equipe 15% 10 150 8 120 Premiação na área 3% 5 15 5 15 Posicionamento no mercado 10% 8 80 6 60 Garantia acima do nível 10% 8 80 6 60 Oferta de opcionais 7% 9 63 10 70 Total 100% 883 750
  • 25. DOCUMENTOS DE AQUISIÇÃO 25 Documentos utilizados: Carta Convite Request For Proposal: Definição não somente por preço Justificativa: O designer gráfico é chave de sucesso para o aplicativo. Decidimos trabalhar apenas com fornecedores conhecidos cujo experiências anteriores os credenciam para trabalhar conosco. Entre os escolhidos avaliaremos as melhores propostas em nível de qualidade, que apresente o melhor layout e design amigável, bem como os valores orçados, para que permaneça dentro do orçamento possível.
  • 26. ENVIO DO CONVITE 26 A pré seleção de fornecedores ocorrerá através de pesquisa de mercado. Serão enviadas correspondências diretas a fornecedores para participarem do processo de Apresentação do projeto, para que possam emitir suas propostas de realização do trabalho. O resultado da seleção do fornecedor será comunicado via email.
  • 27. TIPO DE CONTRATO 27 Tipo escolhido: Preço Fixo Justificativa: Não ocorre variâncias de valor fora do orçamento programado. Não temos como mensurar qualidade estética.
  • 28. PROCESSO SELETIVO 28 O processo de seleção do fornecedor se dará por CONCORRÊNCIA PRIVADA. Os potenciais fornecedores serão convidados a conhecer nossa necessidade e terão liberdade, com seu know-How e técnica para propor soluções e ideias de design. O escolhido será aquele que apresentar o melhor custo-benefício dentre os requisitos de critério de avaliação. Pesquisa de Mercado Seleção de Potenciais Fornecedores Envio da RFP PGP Aprovado Especificação da necessidade Análise de Propostas Esclarecimento de dúvidas Eliminação dos fornecedores Seleção Aprovaçã o Negociaçã o Feedba ck Assinatur a de contrato Execução da WBS Controle da qualidade Entreg a Beta Testes Funcionai s Aprovaçã o de Layout Sim Não Encerramento de contrato e pagamento Solicitação de Mudanças Replanejamento
  • 29. ATITUDES NO CONTROLE DAS AQUISIÇÕES 29 1. Respeito ao contrato pela Contratante Agir com boa conduta ao contratar e aguardar a conclusão do contrato agindo sempre com princípios de probidade e boa-fé, como valores éticos de honestidade, lealdade e veracidade. 2. Cobrança de respeito ao contrato por parte da Contratada Assim como a iremos agir com boa conduta e boa-fé, temos o direito de cobrar isso da contratada, informalmente e em contrato, estipulando o que esperamos dela.
  • 30. FISCALIZAÇÃO NO CONTROLE DAS AQUISIÇÕES 30 1. Planejar e administra contratos com cláusulas bem definidas Conhecer a descrição dos serviços a serem executados (prazos, locais, material a ser empregado), realizar reunião inicial (ki ck-off), antes da execução dos trabalhos; ler e analisar o contrato verificar se as entregas serão cumpridas conforme contratado, acompanhar o cumprimento do cronograma físico-financeiro, avaliar constantemente a qualidade da execução contratual, aplicar penalidades a contratada no descumprimento do contrato, observar e respeitar os termos e condições do contrato, controlar mudanças e manter cópias atualizadas do contrato 2. Delegar responsável para gestão dos contrato Esse responsável deverá ter segurança em sua atuação, cordialidade e bom relacionamento com a empresa, a equipe de projetos e o contratado, integridade, honestidade e responsabilidade, disposição em prestar contas de seu encargo e ser avaliado, capacidade de liderança, ética; ter raciocínio ágil e manter postura isenta e equilibrada, saber lidar com críticas, etc.
  • 31. FISCALIZAÇÃO NO CONTROLE DAS AQUISIÇÕES 31 3. Buscar a otimização dos recursos e manter a qualidade nos serviços prestados Acompanhar a execução dos serviços, verificando a correta utilização dos materiais, equipamentos, contingente em quantidades suficientes para que seja mantida a qualidade dos mesmos, solicitar, quando for o caso, que os serviços sejam refeitos por inadequação ou vícios que apresentem, realizar a medição dos serviços efetivamente realizados, de acordo com a descrição dos serviços definida na especificação técnica do contrato. 4. Monitoramento e Controle de Riscos Identificar e assegurar o controle do risco monitorando riscos residuais e identificando novos riscos, assegurando a execução dos planos do risco e avaliando sua eficiência na redução dos riscos. Registro das métricas que estão associadas com planos de contingência. Processo contínuo para o ciclo de vida do projeto.
  • 32. FISCALIZAÇÃO NO CONTROLE DAS AQUISIÇÕES 32 5. Medição / Controle de qualidade Medir, acompanhar e controlar as variações de performance, custos e prazos, elaborar relatórios de progresso, planejar e executar ações corretivas. 6. Avaliação do fornecedor Antes e durante todo o período de vigência do contrato avaliar a performance dos prestadores de serviços nos quesitos qualidade dos produtos e serviço, agilidade e flexibilidade, cumprimento dos prazos, preço, estabilidade financeira, especificações técnicas e normas administrativas, sustentabilidade, etc. 7. Documentar as lições aprendidas e promover a sua difusão na empresa. Visando melhorar os resultados para os projetos seguintes será documentado e difundido as lições aprendidas no projeto finalizado para evitar os erros do passado, prevenir riscos diagnosticados em outras situações, fazer a gestão do conhecimento a partir da construção de um consenso sobre práticas gerais, aumentar a competência dos gerentes de projeto e equipe, repensar estratégias,etc.
  • 33. CONTROLE DAS AQUISIÇÕES 33 Os relatórios para controlar as aquisições serão através de Boletins de Medição. Como o boletim abaixo para a aquisição da identidade visual: Item Descrição Orçamento Quantidade Planejada Quantidade Realizada Critério [%] Avanço Físico Planejado Avanço Físico Realizado [%] 3.2 Identidade Visual 2000.00 3.2.1 Briefing 2 20% 400.00 3.2.2 Apresentar Protótipo Logomarca e Telas 6 10% 200.00 3.2.3 Construção da logomarca e Telas 2 60% 1200.00 3.2.4 Encerramento e registro 2 10% 200.00
  • 34. CONTROLE DAS AQUISIÇÕES 34 • Item: representa o código do item entregável da EAP; • Descrição: uma breve descrição do item; • Orçamento: o orçamento total destinado para a identidade visual; • Quantidade Planejada: numero de subitens planejados para entrega, que compõem o item; • Quantidade Realizada: numero de subitens realmente entregues; • Critério [%]: Peso de cada item na composição da identidade visual; • Avanço Físico Planejado: valor em reais planejado para ser gasto em cada item; • Avanço Físico Realizado: valor em reais gasto em cada item; • [%]: Percentagem de conclusão do item;
  • 35. CONTROLE DO CONTRATO O processo de controle do contrato envolve o acompanhamento e monitoramento de desempenhos, através de documentações e análises. Onde torna-se necessário gerir pagamentos e reuniões de alinhamento, para garantir que todas as cláusulas do contrato foram atendidas e posteriormente encerrá-lo. Indicação do Gestor de Contrato Revisão de Atividades Revisão do Controle das Cláusulas Reunião Kick-off Ler e analisar o contrato Decisão Acompanhame nto da execução dos serviços Qualidade Controle Integrado de Mudanças Identificaç ão de novos riscos Controle de Riscos Check: Cronograma, Orçamento e Qualidade Avaliação do Forneced or Gestão de Pagamentos Sim Não Encerrament o do contrato Continuar Revisar Documentar Atividades/ Comunicaç ão
  • 37. 37 SUMÁRIO PGA 1. Método de Gerenciamento das Aquisições (Processos aprovados a qual serão base do gerenciamento profissional das aquisições) 1.1 Documentos de Aquisição (WBS Completa, Mapa Aquisições, Termo de Aceite da Entrega, Registro de Riso, Declaração de Trabalho , RFP e RFQ) 2. Início Aquisições 2.1 Tipo Contrato (Detalhes sobre contratos de Preço Fixo, Tempo e Material e Custo Reembolsável) 2.2 Critérios Classificatórios e Eliminatórios (Descreva os critérios de avaliação usados) 2.3 Definição Convite (Adoção do modelo e envio da carta convite) 3. Controle Aquisições (Define métodos de avaliação) 3.1 Modo Fiscalização (Descreve atividades a serem executadas) 3.2 Tipo Relatórios (Definição de relatórios obrigatórios) 4. Encerramento Aquisições (Descreve como se deve encerrar as atividades)
  • 38. 22/09/2014PROJETO SAVESIM - PLANO SUMÁRIO 38 www.savesim.com.br @savesim