PLANO PMO LISARB

404 visualizações

Publicada em

Titulo: PLANO PMO LISARB
Alunos:Caroline Maftoum Cavalheiro,Franco Matteelli,Irabel Cordeiro,Marluci Helena de Oliveira,Renato Silva Tavares,Tanuss Vieira Marcondes,
Cidade: Paulista
Disciplina: PMO
Turma: GEEP34
Data:16-05-2014
Hora:01:30
Comentarios:
Publico até ápos a correção

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
404
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
13
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

PLANO PMO LISARB

  1. 1. Equipe: ● Caroline Cavalheiro ● Franco Matteelli ● Irabel Cordeiro ● Marluci Helena de Oliveira ● Renato Silva Tavares ● Tanuss Marcondes GERENCIAMENTO DE PORTFOLIO E PMO Maio - 2014 Paulista/São Paulo – Turma GEEP-T34
  2. 2. PERFORM Projetos e PMO
  3. 3. A PERFORM – PROJETOS E PMO atua no mercado de implantação de projeto e/ou PMO e gerenciamento de portfólio com o intuito de elevar as empresas contratantes à um nível alto de maturidade no planejamento de seus projetos. Sua equipe conta com profissionais altamente experientes no mercado de projetos e vasto conhecimento em todas as areas do conhecimento. PERFORM A EMPRESA
  4. 4. Ser a consultoria referencia no Brasil em gerenciamento de projetos, planejados, executados e controlados com alto nível de maturidade, levando às empresas grandes experiências no gerenciamento de projetos. MISSÃO PERFORM
  5. 5. Instalacao em um periodo de no maximo 10 anos de um escritório na Califórnia – Estados Unidos, buscando a expansao do gerenciamento de projetos em nível alto de maturidade para as empresas do Vale do Silício. VISÃO PERFORM
  6. 6. A EQUIPE Caroline Cavalheiro Marluci Oliveira Franco Mattelli Irabel Cordeiro Renato Tavares Tanuss Marcondes PERFORM
  7. 7. O PROJETO Apresentar uma proposta para o presidente do país Lisarb para a implantação de um PMO – Project Management Office (escritório de projetos), baseado no planejamento estratégico estabelecido pelos governantes do país. Os destaques serao os projetos e programas que o país deverá ter no seu plano de investimentos (portfólio de projetos). PERFORM
  8. 8. PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO Após um levantamento detalhado pelos governantes, Lisarb identificou os seguintes objetivos: 1. Aliança por um Lisarb mais justo. 2. Política cidadã baseada em princípios e valores. 3. Educação para a sociedade do conhecimento. 4. Economia para uma sociedade sustentável. 5. Proteção social. 6. Qualidade de vida e segurança para todos os Lisarbeanos. 7. Cultura e fortalecimento da diversidade. 8. Política externa para o século XXI. 9. Combate a corrupção. PERFORM
  9. 9. IDENTIFICAÇÃO DOS PROJETOS Após um levantamento detalhado, os projetos propostos são: • O dia depois de amanha. • O segredo das aguas. • O inimigo agora outro. • Educacao formando cidadao. • O futuro comeca hoje. • Questao de honra. • Clube da luta. • Minority report. • Externando a paz • Reforma tributaria. • Reforma civil. • Politico justo. • Avante justica. • A vida como ela e. • Smile. • True color. • Argo.
  10. 10. CATEGORIZAÇÃO DOS PROJETOS Levando em consideração o planejamento estratégico e os projetos propostos, abaixo a lista dos itens categorizados: Sustentabilidade: O dia depois de amanha, o segredo das aguas, o inimigo agora e outro. Educacao: Educacao formando cidadao, o futuro comeca hoje, questao de honra. Seguranca: Segredo de estado, clube da luta, minority report, externando a paz. PERFORM
  11. 11. CATEGORIZAÇÃO DOS PROJETOS Reformas gerais: Reforma tributaria, reforma civil, politico justo, avante justica, a vida como ela e. Saude: Smile, true color, argo. PERFORM
  12. 12. CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO PERFORM Critério Peso 0 5 10 Custo 3 >1bilhão 1bilhão e 100 milhões <100milhões Prazo de Implantação 4 Mais de 4anos Até 4anos Até 2anos Impacto Social 2 Aprovação de menos de 50% da população Entre 50% a 80% de aprovação da população Aprovação de 80% da população Viabilidade Técnica 3 Reprovado ou aprovação de 1 consultoria extena Aprovação de 2 consultorias externas Aprovação de 3 consultorias externas Notas Para a avaliação dos itens categorizados, foram calculados os pesos dos: Critérios x Nota de Avaliação de cada.
  13. 13. CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO Para a avaliação dos itens categorizados, foram desenvolvidos os seguintes critérios, bem como sua justificativa: Custo: Quanto menor o orçamento, melhor pontuação. - Economia na utilizacao dos recursos do pais. Prazo: Quanto menor o prazo, melhor pontuação. - Eficiencia na entrega dos programas. Impacto Social: Quanto maior a quantidade de beneficiados, melhor pontuação. - Satisfacao da populacao como um todo e maior confianca no trabalho desenvolvido pelo governo. PERFORM
  14. 14. SELEÇÃO DOS PROJETOS Os projetos selecionados, serão aqueles que possuírem Notas <= a 50 pontos na somatória das médias dos critérios. Pesos Nota Média Nota Média Nota Média Nota Média O Dia Depois de Amanhã 0 0 0 0 10 20 10 30 50 O Segredo das Águas 0 0 5 20 5 10 10 30 60 O inimigo agora é outro 5 15 5 20 10 20 0 0 55 Educação Formando Cidadão 0 0 0 0 10 20 10 30 50 O Futuro Começa Hoje 5 15 5 20 10 20 5 15 70 Questão de Honra 10 30 10 40 10 20 5 15 105 Segredo de Estado 0 0 0 0 10 20 10 30 50 Clube da Luta 5 15 10 40 10 20 5 15 90 Minority Report 5 15 0 0 10 20 0 0 35 Externando a Paz 0 0 0 0 10 20 0 0 20 Reforma Tributária 0 0 0 0 10 20 5 15 35 Reforma Civil 0 0 0 0 5 10 5 15 25 Politico Justo 0 0 0 0 5 10 5 15 25 Avante Justiça 0 0 5 20 5 10 10 30 60 A vida como ela é 5 15 0 0 10 20 5 15 50 Smile 5 15 10 40 10 20 10 30 105 True Color 10 30 5 20 10 20 0 0 70 Argo 10 30 10 40 5 10 5 15 95 4 2 3 Total Projetos Identificados Custo 3 Prazo de Impacto Viabilidade Categorias Educação Segurança Saúde Sustentabilidade Reformas Gerais
  15. 15. PRIORIZAÇÃO DOS PROJETOS Os projetos priorizados serão os com maiores pontos nas somas das médias dos Critérios. O Segredo das Águas 60 7 O inimigo agora é outro 55 9 O Futuro Começa Hoje 70 5 Questão de Honra 105 1 Clube da Luta 90 4 Reformas Gerais Avante Justiça 60 8 Smile 105 2 True Color 70 6 Argo 95 3 Saúde PrioridadeProjetosCategorias Sustentabilidade Educação Segurança Total
  16. 16. BALANCEAMENTO DOS PROJETOS PERFORM
  17. 17. BALANCEAMENTO DOS PROJETOS Ações realizadas na tentativa de balancear o portfólio: Na tentativa de balancear o portfolio, os componentes foram revisados e os pesos dos tres criterios foram direcionados para estarem em acordo com o planejamento estrategico de Lisarb, a fim de proporcionar um alcance coletivo das metas. Desta maneira, o grafico foi revisto e recalculado conforme o planejamento estrategico de LISARB, aumentano assim o numero de projetos a curto prazo. PERFORM
  18. 18. BALANCEAMENTO DOS PROJETOS Balanceado PERFORM
  19. 19. NÍVEL DE MATURIDADE Após a aplicação da pesquisa e análise, identificamos que o nivel de maturidade do gerenciamento de projetos em Lisarb está no nível 2, com aproximadamente 70 pontos em sua classificacao. Neste nivel de maturidade, geralmente a empresa comeca a perceber a necessidade de se efetuar o planejamento e controle padronizados, pois os erros continuam acontecendo, e percebe-se o inicio do reconhecimento dos beneficios tangiveis do GP. PERFORM
  20. 20. POSSIVEIS ACOES ADOTADAS Uma empresa e/ou pais que se encontra neste nivel de maturidade, pode alcancar melhores beneficios buscando o efetivo desenvolvimento da cultura de GP internamente, tanto quantitativo, quanto comportamental, desenvolvendo metodologias e criando programas de treinamento em GP. PERFORM
  21. 21. BENEFÍCIOS ESPERADOS O presidente de Lisarb deve considerar como fatores determinantes para a escolha de um PMO, os seguintes itens: • Informacoes precisas e uteis para uma boa tomada de decisao. • Reducao nos atrasos e custos dos projetos. • Diminuicao significativa dos cancelamentos de projetos por problemas relacionados ao gerenciamento. • Criacao de padroes, processos e metodologias para os projetos futuros. PERFORM
  22. 22. NÍVEL HIERÁRQUICO ADOTADO O nível adotado será – PMO estratégico 3, pois iniciando por este nivel enxergaremos a organizacao como um todo, sendo assim, podemos comecar descartando projetos que não sejam viaveis no momento. Porém, faremos uma atuação integrada entre o nível 2 (tático) e o nível 3 (estratégico). Focando, na implantação de metodologia de gerenciamento de projetos. Para o nível 3 (estratégico), manteremos o foco no gerenciamento de portfólio, mantendo a linha com o planejamento estratégico desenvolvido por Lisarb. PERFORM
  23. 23. FUNÇÃO ADOTADA Função adotada – Integração com o negócio. Por haver diversos projetos em áreas diferentes, que precisam ser gerenciados de forma concreta, isso trará uma visão completa de todo o portfólio. Usando a melhoria continua como aliada, para que os projetos categorizados apresentem sempre um nível de maturidade maior. PERFORM
  24. 24. MODELO ADOTADO Modelo adotado – Torre de controle. Como haverá um grande paralelismo entre os projetos a serem desenvolvidos, com este modelo, conseguiremos estabelecer padrões para melhorar e/ou otimizar a gerencia. Assim, também poderemos usar a torre de controle como um recurso de auditoria, garantindo a eficácia e eficiência dos projetos e o desempenho de cada um. PERFORM
  25. 25. MÉTRICAS DE SUCESSO ADOTADAS Métrica de sucesso adotada – Tempo. No caso do desenvolvimento dos projetos para Lisarb, adotaremos como metrica de sucesso o fator tempo, pois quanto mais rapido forem implantados os projetos, mais rapidamente enxergaremos os beneficios esperados, bem como a populacao sentira maior seguranca nos projetos desenvolvidos pelo governo, aumentando assim a influencia do mesmo sobre seu povo, estreitando a relacao entre os mesmos. PERFORM
  26. 26. ETAPAS DE IMPLEMENTAÇÃO Identificar Sponsor Identificar Vulnerabilidades Definir metas e objetivos Preparar plano comunicação Avaliar Maturidade GP Desenvolver Modelo PMO Validar Modelo PMO Conduzir piloto Início PMO PERFORM
  27. 27. ETAPAS DE IMPLEMENTAÇÃO PERFORM Fase I - Identificar Sponsor, identificar vulnerabilidades, definir metas e objetivos, preparar plano de comunicacao e avaliar maturidade GP. Neste momento analisaremos o cenario como um todo, para estabelecer a melhor maneira de atuar na implantacao do PMO. Fase II – Desenvolver modelo PMO e validar modelo PMO. As metas de curto prazo e elaboracao de modelos, deverao ser desenvolvidas nesta fase.
  28. 28. ETAPAS DE IMPLEMENTAÇÃO PERFORM Fase III – Conduzir piloto. Na penultima fase, desenvolveremos relatorios e metricas detalhadas, bem como havera a implantacao de ferramentas para o gerenciamento durante a conducao do piloto. Fase IV – Inicio do PMO. Escritorio funciona adequadamente dentro dos padroes pre-estabelecidos, visando um processo de melhoria continua, sempre alinhado com as estrategias da empresa.
  29. 29. PERFORM

×