KVP Consulting - PMO em Lisarb

230 visualizações

Publicada em

Titulo: KVP Consulting - PMO em Lisarb
Alunos:Izadora Sousa Santos,Katia Cristina de Souza,Perpétua Inês Henriques Rocha,Vitor Hugo Valente Gomes Madureira,
Cidade: Paulista
Disciplina: PMO
Turma: GEEP39
Data:16-12-2014
Hora:23:39
Comentarios:
Publico até ápos a correção

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
230
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
23
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

KVP Consulting - PMO em Lisarb

  1. 1. A KVP Consulting é uma empresa de consultoria, fundada em 2001, tendo liderado a implantação de grandes escritórios de gerenciamento de projetos em diversos países ao redor do mundo, conta com profissionais multidisciplinares, tendo como foco a implementaçãode PMOs e gerenciamento de projetos, o foco é atender as necessidades dos clientes, com eficácia e transparência. NossaMissão Atuar na gestãode portfólio, programas e projetos provendo aos nossos clientes base sólida para tomada de decisão e consolidando a cultura de gerenciamento de projetos na administração pública” NossaVisão É ser a maior empresa de consultoria em portfolio de projetos e implantação de PMO no setor publico até 2020. 2
  2. 2. A KVP Consulting atua no mercado corporativo desde 2001, tendo adquirido sólida experiência na implantação de PMO em empresas nacionais e multinacionais líderes nos diversos setores de atividade. 3
  3. 3. 4 O nosso sucesso reside em uma equipe competente, composta inteiramente por profissionais certificados pelo PMI®, com ambição de tornar a KVP - Consulting em uma empresa líder de mercado. Para tal, reunimos uma equipe de profissionais com ampla experiência na área de consultoria na gestão estratégica e econômica de projetos e implantação de PMO. KátiaSouza Bacharel emAdministração de Empresas,comMBA emGestão de Projetos pelaFGV, comextensaexperiência emorçamentos,é especialistaemGestãode Projetos naárea cultural. Perpétua Rocha Graduação emEngenhariaBiotecnológica,comMBA em Gestãode Projetos pelaFGV,comamplavivênciaemgestãode relacionamentos (equipe e clientes).Gerente de projetos na área da saúde Vítor Madureira Graduação emTI, Pós-GraduaçãoemGestãoda Qualidade, Ambiente e Segurança,MBA emGestãode Projetos pelaFGV, é especialistanaGestãode Projetos naárea industrial. IzadoraSantos Graduação emGestãoda Qualidade,MBA emGestãode Projetos pelaFGV, é especialistanaGestãode Projetos naárea da Educação.
  4. 4. Lisarb é um país da América do Sul com média densidade populacional, abundantes recursos naturais e que tem suscitado o interesse de investidores privados - fatores que contribuem para que seja considerado um dos países com maior potencial da região. Lisarb possui um Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) considerado como médio, tendo subido 12 posições de 2005 a 2014, de 124ª para 112ª. Com um passado predominantemente agrícola, Lisarb é um país de subsolo muito rico, que iniciou recentemente a exploração e exportação de manganês, petróleo e gás natural. 5
  5. 5. Objetivos do Planejamento Estratégico: 1. Aliança por um Lisarb mais justo 2. Política cidadã baseada em princípios e valores 3. Educação para a sociedade do conhecimento 4. Economia para uma sociedade sustentável 5. Proteção social 6. Qualidade de vida e segurança para todos os Lisarbeanos 7. Cultura e fortalecimento da diversidade 8. Política externa para o século 21 9. Combate à corrupção 6
  6. 6. MATURIDADE 7
  7. 7. 8 Ao fazer uma pesquisa de maturidade de LISARB e chegar a um total de pontosde 69 conclui-se que LISARB tem um grau de maturidadede nível 2 - levando-nos por isso a implementarum PMO de hierarquia 2. O PMO de hierarquia2 tem como objetivoestabelecer processos que permitam a otimizaçãode recursos uma vez que LISARB terá váriosprojetosa decorrer em simultâneo.Tendo em conta a heterogeneidadee das áreas de atuaçãoe dos projetosem si: • Saúde e Qualidadede Vida • Inovação • PolíticaInterna e Externa • Educaçãoe Cidadania • Cultura A implementaçãode metodologiasvai permitir a padronização daconduçãodos projetosde forma a ser mais eficiente o monitoramento,avaliaçãoe comparação de KPIs.
  8. 8. HIERARQUIA 9
  9. 9. 10 A hierarquia1 e hierarquia3 não são adequadasa LISARB porque no caso da hierarquia1 seria mais adequadapara entidadescom grau de maturidadebaixo, poucosprojetos e/ou com programasindividuais.A hierarquia3 é adequadaa entidades já bem estruturadase com grau elevado de maturidadee já com uma visão mais global e estratégica. Apesar da implementaçãode um PMO não fazer “milagres” quandose trata de uma entidadeque neste caso é um País que, como qualquer entidadeou sistema tem recursos limitados,a necessidade de priorizara implementaçãodasmedidas mais urgentes e com maiorimpacto é não só premente como mandatória. Para a tomada de decisões é necessário definirparâmetroscomparáveise a aferição desses parâmetrossó é possível se forem extraídosos mesmos pontosde controle aindaque na essência os projetospossam ser completamentediferentes. Os processos a definir em LISARB terão de passar necessariamente por legislar adequadamentedeterminadasmatérias, para em seguida se passar à definiçãode processos e de procedimentosmais técnicosque chegam até a instruções de trabalho.A descrição detalhada denormas, processos e procedimentospermite minimizaro erro na implementaçãode cada projeto e consequentemente aumentara sua probabilidadede êxito.
  10. 10. MODELO PROPOSTO 11
  11. 11. 12 Torre de Controle O modelo de torre de controle permite o estabelecimentode padrões para o gerenciamento dos projetos, dá suporte às equipes sobre a forma de implementarestes padrões reforça, atualizae melhora continuamenteos padrões seguidos. No modelo de torre de controle o papel da auditoria feita por entidadeindependentepermite é primordial porque permite a verificaçãoda implementaçãodas metodologiase padrões e permite ainda um processo contínuode melhoria. No modelo de Torre de controle é possível avaliare dar suporte a váriosprojetosem simultâneomesmo que estes projetos sejam bem diferentes uns dos outros como é o caso de LISARB. Justificativa
  12. 12. IDENTIFICAÇÃO DOS PROJETOS 13
  13. 13. 14 Ler+ Pró- vida Saúde 24 Movida Além- fronteira Operação Tornado Bioesfera I9 Jovem Simplex UniTec Biblioteca jovem ExpoArte Musicando Rede cardume BibliOn Escolhas LisarbXXI Citius ParticipAtiva Securitas Rede+ Bioesfera Brainstorm
  14. 14. CATEGORIZAÇÃO 15
  15. 15. 16 Saúde e Qualidade de Vida Política Interna e Externa Inovação Educação e Cidadania Cultura Ler+Saúde 24 Pró- vida Movida Escolhas Além- fronteira Securitas Operação Tornado Simplex Bioesfera I9 Jovem LisarbXXI ParticipAtiva BibliOn UniTec Biblioteca jovem ExpoArte Musicando
  16. 16. 17 Préviados Projetos SAÚDE E QUALIDADE DE VIDA Pró-vida - Programa de apoio ao planejamentofamiliare fomento da natalidade Saúde 24 - Programa de apoio da saúde da populaçãopormeios de comunicação remotos (telefone, internet), disponíveis24h por dia, no sentido de melhorar a acessibilidadeaosrecursos de saúde Escolhas - Programa destinadoa promover a inclusão social de crianças e jovens de contextossocioeconômicos vulneráveis Movida - Programa dirigidoà melhoria da mobilidadeurbana,numa perspectiva sustentável
  17. 17. 18 INOVAÇÃO Simplex - programa de simplificaçãoadministrativa elegislativaque pretende facilitara interaçãoentre cidadãos/empresascom a AdministraçãoPública Biosfera - programa de melhoria da qualidadeambiental,proteção de espécies endêmicas, preservação da fauna e flora e implantação deenergias renováveis I9 Jovem - programa de estágios dirigidosà formação de jovens quadrospara a inovaçãono tecido empresarial Lisarbeano
  18. 18. 19 POLÍTICA INTERNA E EXTERNA Além fronteira - programa de controle de fronteirasterrestres, marítimase aéreas contra ameaçasà integridade nacional(tráfico de droga, ataques terroristas) Securitas - programa de recrutamento e treinamentodas forças policiaisnacionais, no sentido de melhorara sua atuaçãoe a interaçãocom a sociedade Operação Tornado - programa destinadoao combate à corrupção nas diversas esferas da sociedade (política,econômica)
  19. 19. 20 EDUCAÇÃOE CIDADANIA Lisarb XXI - programa integradode fomento da participaçãodoscidadãosnas decisões públicas ParticipAtiva - programa de envolvimento doscidadãosna melhoria das condições de mobilidade,experiênciasculturaise segurança urbanas BibliOn - programa destinado à disponibilização onlinee gratuitade conhecimento e cultura às populações UniTec - programa de promoção de formação superior nas áreas técnicas, formando profissionaistreinadospara atuar nos setores prioritáriosde atividadeno país Ler+ - programa de incentivo à leituracom o objetivo de elevaros níveis de literacia dos Lisarbianos
  20. 20. 21 CULTURA Biblioteca Jovem - incentivaro protagonismodo jovem na área do consumo da leitura e da cultura ExpoArte - fomentar a disseminação das diversasformas de arte no país - em Lisarb e no exterior Musicando - programa de apoio à cultura musical nacional,promovendoo seu ensino nas escolas
  21. 21. AVALIAÇÃO 22
  22. 22. Os critérios de avaliação foram definidos considerando questões económico- financeiras, estratégicas e legais que permitem uma avaliação dos projetos que vão ao encontro dos objetivos estratégicos e das necessidades de Lisarb. 23 Critério Descrição Orçamento do Projeto Elemento de decisor no / no go tendo em consideração os objetivosestratégico Aspectos legais Especificidadesda legislaçãodo país que poderãoafetar a implantaçãoe desempenho dos projetos. Risco Avaliaçãode eventos (incertesas) ameaças e oportunidadesque podem influenciara implamntaçãodo projeto Inovação Ponderaçãode mudanças ao nívelde produtos e processos que fomentam e alavancamos objetivospropostos
  23. 23. 24 Saúde e Qualidadede Vida
  24. 24. 25 Inovação
  25. 25. 26 Política Interna e Externa
  26. 26. 27 Educação e Cidadania
  27. 27. 28 Cultura
  28. 28. SELEÇÃO 29
  29. 29. 30 Foram selecionados os projetos que obtiveram nota >= a 5 Classificação
  30. 30. PRIORIZAÇÃO 31
  31. 31. 32 Pool de projetos
  32. 32. 33 Priorização de projetos
  33. 33. BALANCEAMENTO DE PORTFÓLIO 34
  34. 34. 35 Objetivos estratégicos Lisarb Aliançaporum Lisarbmaisjusto Políticacidadãbaseadaemprincípios e valores Educação para a sociedade doconhecimento Economiapara umasociedade sustentável Proteçãosocial Qualidade de vidae segurança Culturae fortalecimentodadiversidade Políticaexternaparao século21 Combate à corrupção Duração: Longa Média Curta Custo: Elevado Médio Baixo

×