IAP001

268 visualizações

Publicada em

Titulo: IAP001
Alunos:André Roenick,carolina,Daniel Presman,Juliane Rosolen,Vinicius Abella,Vinícius Razia da Rocha,
Cidade: Porto Alegre
Disciplina: Aquisições
Turma: GP32
Data:14-04-2015
Hora:18:46
Comentarios:Boa noite professor.

Segue o trabalho.

Obrigado.
Publico até ápos a correção

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
268
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

IAP001

  1. 1. TAP - Termo de Abertura do Projeto Projeto IAP-001 Descrição O projeto consiste em criar a fábrica do loader IAP-001, o projeto de engenharia e montar a linha de produção. O projeto se trata de uma empilhadeira para ser acoplada em tratores como um loader frontal. Justificativa Criar um projeto de produto que permita ser implantado em tratores agrícolas onde será acoplado um loader frontal com o objetivo carregar e descarregar mercadorias em paletes, visando alcançar a redução de custos para os agricultores e aumento considerável na capacidade de armazenagem e estocagem em pavilhões. Será possível instalar este produto para operar em condições de terrenos diversos permitindo assim aumentar a capacidade, autonomia e adequação a trabalhos específicos. Atender os pequenos e grandes agricultores que possuem tratores agrícolas permitindo versatilidade no carregamento/descarregamento de mercadorias como (grãos, rações e etc.) em terrenos lamacentos e/ou irregulares, aumentando assim a capacidade, autonomia e adequação a trabalhos específicos. Objetivo S.M.A.R.T. Implantação de uma fábrica de Loaders Frontais com capacidade de produção de 400 loaders por mês. Criar um projeto de engenharia de um loader frontal versátil e capaz de ser acoplado na maior parte dos tratores nacionais. Requisitos Iniciar o projeto em Abril/2016; Concluir o desenvolvimento do projeto no prazo de 20 meses, considerando o fim do projeto com a aprovação do lote de try-out; Fabricar lote de try-out, considerando 10 máquinas montadas; 100% dos itens modelados em software 3D/2D no final do projeto; Custo final de fabricação do produto não deve ultrapassar R$ 8.000,00; Ser desenvolvido com mais de 70% dos itens com fornecedores brasileiros. Fábrica deverá ter a capacidade de produção de 400 máquinas por mês. Designação O Gerente do Projeto será Vinicius Razia da Rocha, o qual terá controle e responsabilidade total sobre o projeto, devendo se reportar ao patrocinador com o status do andamento. Milestones O projeto será finalizado no prazo de 8 meses, iniciando em Abril de 2016, e finalizando em novembro de 2017. Abaixo os principais marcos (milestones) do projeto: Anteprojeto do produto aprovado; Anteprojeto da fábrica aprovado; Projeto 3D do produto; Projeto Aceito; Obras civis concluídas; Lote tryout concluído; Projeto Encerrado. Orçamento O orçamento inicial para o projeto é de R$ 4.000.000,00 Riscos
  2. 2. Não ter mão de obra suficientemente qualificada para execução do projeto; Não ser possível encontrar mais de 60% dos itens com fornecedores nacionais; Custo do projeto ultrapassar as estimativas; Tempo para conclusão do projeto ultrapassar as estimativas. Data, Assinatura do Sponsor 30/11/-0001 - Aprovado
  3. 3. ISH - Registro de Stakeholder Online Cadastro Stakeholder Posição Papel no Projeto Email Telefone Celular André Membro da Equipe de Projeto andre.roenick@gwtk.com.br Daniel Presman Gerente Membro da Equipe de Projeto daniel.presman@gmail.com Fabiano Membro da Equipe de Projeto fabiano@projeto.com.br Juliane Rosolen Gerente de Escopo Sponsor do Projeto juliane.rosolen@gmail.com Paulo Membro da Equipe de Projeto paulo@projetos.com.br Samantha de Moura Grahl Membro da Equipe de Projeto smgrahl@gmail.com Vinicius Membro da Equipe de Projeto viniciusdba@gmail.com Vinícius Razia da Rocha Gerente de Projeto viniciusraziadarocha@gmail.com carolina Membro da Equipe de Projeto carolinagdearaujo@gmail.com 96839505
  4. 4. WBS - Estrutura de Decomposição do Trabalho Descomposição C.C. Fase / Subfase / Pacote de Trabalho Análise M/B 1 Gerenciamento do Projeto 1.1 Ger. Escopo Make 1.2 Ger. Tempo Make 1.3 Ger. Custos Make 1.4 Ger. Qualidade Make 1.5 Ger. da Integração Make 1.6 Ger. Partes Interessadas Make 1.7 Ger. Riscos Make 1.8 Ger. RH Make 1.9 Ger. Comunicação Make 1.10 Ger. Aquisições Make 2 Engenharia de Produto 2.1 Projeto Computacional 2.1.1 Projeto 3D mecânico Make 2.1.2 Projeto 3D Hidráulico Make 2.1.3 Desenhos Buy 2.1.4 Desenhos de instalação Buy 2.1.5 Testes computacionais Make 2.2 Protótipo 2.2.1 Montagem de Protótipo Make 2.2.2 Itens mecânicos Buy 2.2.3 Itens Hidráulico Buy 2.3 Testes 2.3.1 Testes mecânicos Buy 2.3.2 Testes de operação Make 2.3.3 Testes hidráulicos Buy 2.4 Aprovações do projeto 2.4.1 Patentes Make 2.4.2 BNDES Make 2.4.3 Ministério Agricultura Make 2.5 Protótipo Make 3 Construção Civil 3.1 Projeto 3.1.1 Arquitetonico Buy 3.1.2 Projeto infra Buy 3.1.3 Estudo do Solo Buy 3.1.4 Projeto civil Buy 3.2 Obra Civil 3.2.1 Fundação Buy 3.2.2 Alvenaria Buy 3.2.3 Estrutura Buy 3.2.4 Cobertura Buy 3.2.5 Elétrico Buy 3.2.6 Hidrosanitário Buy 3.2.7 Vidros Buy 3.2.8 Pintura Buy 3.2.9 Acabamentos Buy 3.3 Aprovações da Obra 3.3.1 Prefeitura Buy
  5. 5. 3.3.2 CEEE Buy 3.3.3 DMAE Buy 4 Implantação da Operacao Fabril 4.1 Logistica Make 4.2 Comercial Make 4.3 Produção Make 4.4 Administrativo Make 4.5 Sistemas Operacionais Make 5 Treinamento 5.1 Treinamento Fábrica Make 5.2 Treinamento Comecial Make 5.3 Treinamento Administrativo Make 5.4 Treinamento Engenharia Make 5.5 Treinamento TI Make 6 Inauguração Fábrica 6.1 Lote Piloto Make 6.2 Operação assistida Make 6.3 Festa de Inauguração Make
  6. 6. RR - Registro de Risco Id Categoria na RBS Risco Identificado Tipo Data de Registro Qualitativo Probabilidade P Qualitativo de Impacto I Semáforo 82 8 W>Externos previsíveis>Riscos de mercado Item adquirido de um fornecedor vir com defeito de qualidade. Ameaça 7/4/2015 Média 0.5 Grande 0.4 0.20 82 9 W>Riscos legais>Licenças Não obtenção de liberação do Ministério da Agricultura. Ameaça 7/4/2015 Improvável 0.3 Muito Grande 0.8 0.24 83 0 W>Externos previsíveis>Riscos de mercado Não ser possível encontrar mais de 60% dos itens com fornecedores nacionais. Ameaça 7/4/2015 Provável 0.7 Muito Grande 0.8 0.56 83 1 W>Externos previsíveis>Riscos de mercado Custo dos fornecedores acima do orçado. Ameaça 7/4/2015 Média 0.5 Grande 0.4 0.20 83 2 W>Riscos técnicos>Complexidade do projeto Não ter mão de obra suficientemente qualificada para execução do projeto. Ameaça 7/4/2015 Improvável 0.3 Média 0.2 0.06
  7. 7. RR - Registro de Risco V.M.E. antes da resposta [R$] Resposta V.M.E. depois da resposta [R$] Sinal de alerta Proprietário Ação a tomar 82 8 4.500,00 Mitigar 0,00 Samantha de Moura Grahl FISCALIZAR ETAPAS DA PRODUÇÃO. 82 9 6.750,00 Evitar 0,00 André MANTER CONTATO JUNTO AO ORGÃO DE APROVAÇÃO. 83 0 4.800,00 Mitigar 0,00 carolina ANÁLISE PRÉVIA DE MERCADO. 83 1 10.500,00 Mitigar 0,00 VinÃ-cius Razia da Rocha MULTA CONTRATUAL. 83 2 2.600,00 Aceitar 0,00 Daniel Presman TREINAMENTO EQUIPE INTERNA.
  8. 8. MA - Mapa de Aquisições Concorrência Item(s) a ser contratado Ref.WBS Fornecedores Orçamento Prazo Critérios MAKE OR BUY ultilizados Tipo de contrato 1099 Engenharia de Produto > Projeto Computacional > Desenhos 2.1.3 20.500,00 06/05/2016 Capacidade (quantidade e qualidade) da equipe Restrições de prazo Preço Fixo 1100 Engenharia de Produto > Protótipo > Itens mecânicos 2.2.2 JL Usinagem Torniber Metal Max 5.000,00 12/08/2016 Capacidade (quantidade e qualidade) da equipe Compartilhamentos de riscos O core business da empresa Preço Fixo 1101 Engenharia de Produto > Testes > Testes mecânicos 2.3.1 GWTK GK1 STIHL 7.000,00 01/09/2016 Capacidade (quantidade e qualidade) da equipe Necessidade de fornecimento especializado O core business da empresa Preço Fixo 1102 Construção Civil > Projeto > ArquitetonicoConstrução Civil > Projeto > Projeto infraConstrução Civil > Projeto > Estudo do SoloConstrução Civil > Projeto > Projeto civil 3.1.13.1.23. 1.33.1.4 TRATENGE ODEBRECHT WTORRE 23.000,00 22/04/2016 Capacidade (quantidade e qualidade) da equipe Necessidade de fornecimento especializado O core business da empresa Preço Fixo 1103 Construção Civil > Obra Civil > FundaçãoConstrução Civil > Obra Civil > Estrutura 3.2.13.2.3 ENGEVIX GDK OAS 400.000,00 27/07/2016 Capacidade (quantidade e qualidade) da equipe Compartilhamentos de riscos Existência de fornecedores confiáveis. Restrições de custo Restrições de prazo Tempo e Material
  9. 9. MA - Mapa de Aquisições RFP - 1099 2.1.3 Engenharia de Produto > Projeto Computacional > Desenhos
  10. 10. MA - Mapa de Aquisições RFP - 1100 2.2.2 Engenharia de Produto > Protótipo > Itens mecânicos
  11. 11. DT - Declaração de Trabalho Especificação Quantidade Unidade Chapas Aço 1020 120 kg Parafusos M12 75 pç Usinagem CNC 72 peças Soldagem de itens 12 Itens Dobras de Chapas 42 pç Polias canal duplo 3 2 Correntes 2 pç Prazos Não pode ultrapassar 3 semanas, condição de fornecimento posterior em 10 conjuntos por semana após o lote piloto. Qualidade Requirida Capacidade de carga de 3 toneladas, resistir a cargas de torção de 2 toneladas, pintura de 3/10 a pó, respeitar as normas relativas enviadas nos desenhos técnicos. Será realizada uma inspeção descritas nos desenhos de engenharia. Suporte Técnico A engenharia de produto suportará qualquer dúvida com relação e aos desenhos de engenharia. Será provido ao fornecedor todos os desenhos técnicos e normas para o bom desenvolvimento do protótipo e produtos finais. Treinamento Desejado Não se aplica. Nivel Serviço Não se aplica. Garantia Fornecedor deverá prover a garantia de montagem e funcionamento dentro das especificações técnicas desde o protótipo até o teste piloto para a homologação de try-out. Local Entrega Fábrica.
  12. 12. DT - WBS do Contrato C.C. Fase / Pacote de Trabalho Unidade Quantidade Planejada Orçamento 1 Solda 1.040,00 1.1 Solda Chassi pç 1 430,00 1.2 Solda Mastro pç 1 180,00 1.3 Solda Plataforma pç 1 430,00 2 Usinagem 1.130,00 2.1 Peças Chassi pç 1 350,00 2.2 Peças Mastro pç 2 280,00 2.3 Peças Garfo pç 2 180,00 2.4 Peças plataforma pçs 1 320,00 3 Matérias Primas 1.259,70 3.1 Chapas kg 120 714,00 3.2 Polias pç 4 320,00 3.3 Correntes pç 2 120,00 3.4 Parafusos pç 70 38,50 3.5 Porcas pç 70 50,40 3.6 arruelas pç 140 16,80 4 Montagem 1.540,00 4.1 Montagem Torre pç 1 130,00 4.2 Montagem Garfo pç 2 180,00 4.3 Montagem final pç 1 1.230,00
  13. 13. Equalização JL Usinagem Torniber Metal Max Especificação Técnica Quant Unid Valor Unit Valor Total Quant Unid Valor Unit Valor Total Quant Unid Valor Unit Valor Total Chapas Aço 1020 123 kg 4,70 578,10 115 kg 5,80 667,00 120 kg 5,20 624,00 Parafusos M12 75 pç 0,51 38,25 75 pç 0,38 28,50 75 pç 0,41 30,75 Usinagem CNC 72 pç 15,80 1.137,60 72 pç 16,30 1.173,60 72 pç 19,20 1.382,40 Soldagem de itens 12 pç 72,15 865,80 12 pç 93,30 1.119,60 12 pç 88,00 1.056,00 Dobras de Chapas 42 pç 14,00 588,00 42 pç 17,00 714,00 42 pç 11,00 462,00 Polias canal duplo 2 pç 65,00 130,00 2 pç 27,00 54,00 2 pç 72,00 144,00 Correntes 2 pç 28,00 56,00 2 pç 22,30 44,60 2 pç 23,00 46,00
  14. 14. SP - Sistema de Pontuação Id Critério Classificatório Comercial Peso JL Usinagem Torniber Metal Max Nota Média Nota Média Nota Média 1231 Condição de pagamento 2 5 10 7 14 8 16 1238 Alinhamento com DT 3 7 21 6 18 8 24 1240 Preço 5 7 35 8 40 6 30 1241 Prazo 3 8 24 6 18 9 27 Id Critério Classificatório Técnico Peso JL Usinagem Torniber Metal Max Nota Média Nota Média Nota Média 1232 Capilaridade no mercado 2 8 16 8 16 10 20 1233 Garantia maior que 5 anos 1 5 5 7 7 8 8 1242 Atestado de capacidade técnica 4 9 36 9 36 9 36
  15. 15. BM - Boletim de Medição Item Descrição Unidade Orçamento da Fase Peso[%] Quant Planejada Quant Realizada Critério [%] Avanço Físico Planejado Avanço Físico Realizado [%] 1 Solda - 1.040,00 20.93 - - - - - - 1.1 Solda Chassi pç - - 1 1 41.35 430,00 430,00 100 1.2 Solda Mastro pç - - 1 1 17.31 180,00 180,00 100 1.3 Solda Plataforma pç - - 1 1 41.35 430,00 430,00 100 2 Usinagem - 1.130,00 22.74 - - - - - - 2.1 Peças Chassi pç - - 1 1 30.97 350,00 350,00 100 2.2 Peças Mastro pç - - 2 1 24.78 280,00 140,00 50 2.3 Peças Garfo pç - - 2 1 15.93 180,00 90,00 50 2.4 Peças plataforma pçs - - 1 1 28.32 320,00 320,00 100 3 Matérias Primas - 1.259,70 25.35 - - - - - - 3.1 Chapas kg - - 120 110 56.68 714,00 654,52 91.67 3.2 Polias pç - - 4 4 25.40 320,00 320,00 100 3.3 Correntes pç - - 2 2 9.53 120,00 120,00 100 3.4 Parafusos pç - - 70 67 3.06 38,50 36,85 95.71 3.5 Porcas pç - - 70 70 4 50,40 50,40 100 3.6 arruelas pç - - 140 124 1.33 16,80 14,88 88.57 4 Montagem - 1.540,00 30.99 - - - - - - 4.1 Montagem Torre pç - - 1 1 8.44 130,00 130,00 100 4.2 Montagem Garfo pç - - 2 1 11.69 180,00 90,00 50 4.3 Montagem final pç - - 1 1 79.87 1.230,00 1.230,00 100 TOTAL - - - 496,970 4.969,70 4.586,65 89.12
  16. 16. TEC - Termo de Encerramento do Contrato Item Contratado Engenharia de Produto > Protótipo > Itens mecânicos Produtos Entregues Os produtos foram entregues conforme solicitado pela engenharia de produto. Os itens mecânicos vieram conforme solicitado e na data pré acordada. Documentos relacionados ao ACEITE Os documentos de aceite final e validação de escopo estão assinados pelo gerente da engenharia de produto e anexados com o encerramento financeiro do contrato. Classificação do ACEITE Produto/serviço considerado conforme Considerações Finais A entregue foi considerada conforme.
  17. 17. MA - Mapa de Aquisições RFP - 1101 2.3.1 Engenharia de Produto > Testes > Testes mecânicos
  18. 18. MA - Mapa de Aquisições RFP - 1102 rução Civil > Projeto > ArquitetonicoConstrução Civil > Projeto > Projeto infraConstrução Civil > Projeto > Estudo do SoloConstrução C
  19. 19. MA - Mapa de Aquisições RFP - 1103 3.2.13.2.3 Construção Civil > Obra Civil > FundaçãoConstrução Civil > Obra Civil > Estrutura
  20. 20. Fluxograma de Execução

×