Curitiba - PMO - GP-19

305 visualizações

Publicada em

Titulo: Curitiba - PMO - GP-19
Alunos:Daniel,Marcos Paulo B. S. Rezende,Bruno Dugatto,Diego Dallagranna,
Cidade: Curitiba
Disciplina: PMO
Turma: GP22
Data:09-08-2012
Hora:21:06
Comentarios:Daniel Covatti
Marcos Rezende
Buno Dugatto
Ralph Sautchuk
Diego Dallagranna
Publico até ápos a correção

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
305
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Curitiba - PMO - GP-19

  1. 1. PMO & Nível de MaturidadeCuritibaGP-19 Daniel Covatti Marcos Rezende Buno Dugatto Ralph Sautchuk Diego Dallagranna
  2. 2. PMO – Planejamento Estratégico ABITIRU SOLUÇÕES CA ABITIRUC Soluções é uma empresa de consultoria especializada emgerenciamento de projetos, portfólios e implantação de PMO (Escritórios deProjetos).A empresa conta com profissionais altamente capacitados em gerenciamento deprojetos e portfólios, e tem histórico de 10 anos de experiência prestando serviçospara empresas públicas, privadas e órgãos governamentais, nos mais diversossegmentos e níveis de complexidade.
  3. 3. 5. ObjetivoApresentar ao presidente do país LISARB uma proposta de implantaçãode PMO para gestão de projetos, bem como sugerir um portfólio deprojetos adequados aos objetivos do planejamento estratégico dopaís, conforme abaixo: •Aliança por um Lisarb mais justo •Política cidadã baseada em princípios e valores •Educação para a sociedade do conhecimento •Economia para uma sociedade sustentável •Proteção Social •Qualidade de vida e segurança para todos os Lisarbeanos •Cultura e fortalecimento da diversidade •Política externa para o século 21 •Combate à corrupção
  4. 4. 6. IdentificaçãoForam identificados inicialmente 31 projetos potenciais, relacionados aosobjetivos estratégicos de LISARB, conforme apresentado abaixo: 1.1 RJ 1.2 EK 6.1 Água Limps 1.3 Ajustaki 6.2 Good Drink 6.3 All Free 2.1 Sims 6.4 Good Food 2.2 First 2.3 Family City 7.1 Faustão 7.2 Pine Apple 3.1 Futurama 7.3 Divx 3.2 OP 7.4 Apple 3.3 Ed. Soc. 8.1 World Peace 4.1 Abitiruc +27 8.2 Brow 4.2 Brown 8.3 Dude 4.3 Green 4.4 Blue 9.1 UFC 9.2 Street Fighter 5.1 Drug No 9.3 Cnorris 5.2 Protex 9.4 Spider 5.3 Scabin
  5. 5. 7. CategorizaçãoForam definidas 4 categorias, e os projetos agrupados conformesemelhanças e benefícios comuns:Segurança: projetos relacionados à segurança pública e combate àcorrupção.Saúde: projetos relacionados à proteção social, saúde pública, eprevidência.Educação: projetos relacionados à educação pública de qualidade,cultura, princípios e valores.Sustentabilidade: projetos relacionados à justiça social, economiasustentável, política externa e relações internacionais.
  6. 6. 8. Avaliação CRITÉRIO PESO MÉTODO Número de pessoas 25% 10% do país = nota 10 beneficiadas Popularidade do 10% 10% de aumento = nota 10 presidente Crédito de carbono 15% Aumento de 15% = nota 10 PIB 20% 0,1% de aumento no PIB = nota 10 IDH 30% 0,1 pontos no IDH = nota 10 Para avaliar os projetos, elegemos critérios, que visam a melhora de vida do povo e do país e também aquilo que mais favorecia ao presidente. As notas para cada projeto varia de 0 a 10 conforme o método descrito acima, alcançando a nota 10 para os valores iguais ou superiores e notas proporcionais para valores menores.
  7. 7. 9. Seleção Através dos pesos e critérios foram selecionados os projetos: SIMS, ED. SOC., GREEN, DRUGS NO e STREET FIGHTER
  8. 8. 9. Seleção - DescriçãoSIMS:Projeto de abrangência nacional, principalmente onde o custo da moradia é alto, impossibilitandovárias famílias de ter a casa própria. Contará com um sistema de financiamento especial, depriorização para famílias de baixa renda.ED SOC.:Projeto de educação social focado nas crianças e adolescentes. Proverá o desenvolvimento desdea base de formação das pessoas para que no futuro reflita em todo o país.GREEN.:Projeto de preservação de todas as matas verdes do país, com fiscalização intensiva. Evitar que odesmatamento continue preservando a fauna e a flora.STREET FIGHTER.:Projeto para a diminuição da violência nas cidades do oeste. Será reforçada toda a equipe depoliciais civis e militares, com aumento no número de policiais e equipamentos adequados. DRUGS NO.: Projeto com objetivo de barrar a entrada e fabricação de drogas no país.
  9. 9. 10.Priorização Definiu como prioridades: 1) Drugs no 2) Green 3) Sims 4) Street Fighter 5) Ed. Soc.
  10. 10. 11. Balanceamento do Portfólio  Variáveis:  Eixo x = Categorias - Segurança (9, 6) - Saúde (5) - Educação (3, 2, 7) - Sustentabilidade (1, 4, 8)  Eixo y = Custo  Estrelas = Regiões  Tamanho = Duração  Cor = Risco Norte Menor que 1 anos Baixo RiscoOeste Leste Entre 1 e 3 anos Central Médio Risco Maior que 3 anos Sudoeste Sudeste Alto Risco
  11. 11. Gráfico Bolha (Estrela)Custo 1) Drugs no1bi 2) Green 3 3) Sims 5 4) Street Fighter 5) Ed. Soc.0,5 bi 1 4 21 mi Categoria Segurança Saúde Educação Sustentabilidade O desbalanceamento apresentado é adequado as necessidades de cada segmento e região do país, aliado ao caixa atual do governo.
  12. 12. 12. Interação com os demais processos Os projetos apresentados foram estabelecidos após várias iterações, de forma a obter-se um portfólio balanceado em relação às categorias, regiões, custo e duração dos projetos. A cada iteração o portfólio era reavaliado, procedendo-se a revisão, inclusão e exclusão de projetos até a obtenção do portfólio balanceado e adequado aos objetivos estratégicos de LISARB.
  13. 13. 13. Nível de Maturidade Segundo a pesquisa de maturidade em gerenciamento de projetos realizada, LISARB enquadra-se no nível 2 de maturidade, demonstrando conhecimento básico das práticas mas com baixa padronização, metodologias isoladas e falta de alinhamento ao planejamento estratégico.
  14. 14. 14. BenefíciosCom a implantação de um PMO para gerenciamento do portfólio deprojetos em LISARB, espera-se os seguintes benefícios: Alinhamento dos projetos aos objetivos estratégicos Redução de custos e atrasos na implantação dos projetos de governo Melhoria da imagem do governo frente à população Aumento da popularidade do governo frente aos eleitores Melhoria dos indicadores sociais e de qualidade de vida Evolução do nível de maturidade em gerenciamento de projetos
  15. 15. 15.Nível hierárquico Adotamos um nível hierárquico do PMO = 1. Escolhemos este nível pois no primeiro momento queremos ter um maior controle dos projetos individualmente, no dia-a-dia, pois vimos que Lisarb ainda não possui maturidade necessária e decidimos começar desde o principio e então avançar para outros níveis.
  16. 16. 16. Foco Adotado Adotamos o FOCO Benefits Tracking.  Escolhemos este foco pois com ele podemos ver quanto dinheiro Lisarb esta “jogando fora” por não ter um PMO.  Com isso esperamos ter uma melhor aceitação, perante os Stakeholders, de implantarmos o PMO
  17. 17. 17. Função Adotado Adotado gerência de Infra-estrutura, pois Lisarb possui pouca maturidade em projetos.  Estabelecer métricas, padrões e Análises.  Promover manutenção e conectividade do PMIS (Project Management Information System) com outros sistemas corporativos.  Manutenção da base de conhecimento e suporte ao PMIS.
  18. 18. 18. Modelo Adotado Control Tower  Com este modelo estabelecemos padrões para gerenciar os projetos, como segui-los, reforçá-los e promover a melhoria continua, tudo isso através de auditorias. Pois devemos alimentar e proteger a forma com que os projetos são gerenciados
  19. 19. 19. Profissionais Envolvidos Propomos que o PMO seja composto pelos seguintes profissionais em tempo integral:  01 Diretor Executivo, responsável geral pelo PMO  04 Gerentes de Projeto, cada um responsável pelo gerenciamento dos projetos enquadrados em cada categoria estabelecida (segurança, saúde, educação e sustentabilidade)  01 Auxiliar Administrativo, que prestará o suporte administrativo necessário aos demais profissionais do PMO
  20. 20. 20. Etapas de implementação Inventário – Colher todas informações básicas necessárias para alimentação do banco de dados. Análise – Formas de identificar as relações entre elas e a permitir uma visão estratégica dos projetos. Otimização – Criação de técnicas e táticas estratégicas para otimizar o aproveitamento dos recursos organizacionais. Controle – Verificar a efetividade de todo o processo operacional.
  21. 21. 21. Métricas de sucesso adotadas Será considerado projeto com sucesso se atingir as seguintes métrica de sucesso:  PIB  IDH  Popularidade do presidente  Valor agregado  Custo  Tempo
  22. 22. 22. Fatores críticos de sucessoApoio dentro das organizações em sponsors do maisEquipe composta de executivos de muita experiênciaPapeis e responsabilidades dos stakeholdersProcessos devem ser formalmente documentados e
  23. 23. LISARBUm país de Todos

×