Belo horizonte gp39-gerenciamento de escopo-grupo 5

1.608 visualizações

Publicada em

Antônio Noronha Penna Junior, Bruce Amir de Almeida, Gustavo Rezende Dematté, Marconi Alves Pechim, Rafael Urias Fernandes Silva, Viviane dos Santos Silva

1 comentário
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.608
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
195
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
1
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Belo horizonte gp39-gerenciamento de escopo-grupo 5

  1. 1. Gerenciamento de Escopo Belo Horizonte – GP39• ANTÔNIO NORONHA PENNA JUNIOR• BRUCE AMIR DE ALMEIDA• GUSTAVO REZENDE DEMATTÉ• MARCONI ALVES PECHIM• RAFAEL URIAS FERNANDES SILVA• VIVIANE DOS SANTOS SILVA
  2. 2. TAP – Termo de Abertura do Projeto Projeto: Lagoa Viva. Descrição: O Projeto Lagoa viva buscando a despoluição da Lagoa da Pampulha proporcionando uma melhora no ambiente para todos que desfrutam do entorno da Lagoa. Justificativa: A Lagoa da Pampulha é um dos cartões postais de Belo Horizonte, mas há um bom tempo encontra-se em um péssimo estado de conservação. Visando a Copa do Mundo e a grande quantidade de turistas que chegará a cidade, esse projeto visa restaurar umas das belezas da cidade.
  3. 3. TAP – Termo de Abertura do Projeto Objetivo: Implantar o projeto de despoluição da lagoa Pampulha, em dois anos, através de obras de infraestrutura e despoluição da lagoa, visando coletar e tratar os efluentes domésticos de 8.000 residências que lançam o esgoto in natura na lagoa, melhorar a qualidade da água da lagoa para atingir classe 2 e aumentar a arrecadação com turismo e entretenimento em 10%, com o mínimo de impacto nas atividades cotidianas dos moradores da região.. Requisitos: O projeto será concluído em 2 anos com orçamento de R$ 100 milhões; Os profissionais chaves do projeto deverão apresentar experiência em projetos do ramo; Serão feitas reuniões periódicas com os moradores da região;. Designação: Eng. Gustavo Dematté fica designado como GP do projeto Lagoa Viva para:Gerir os recursos financeiros alocados e aprovados no portfolio;Disponibilizar informações necessárias para os stakeholders;Aplicar-se para que o Projeto atenda aos requisitos.
  4. 4. TAP – Termo de Abertura do Projeto Lista de Milestones: Abril/12 - Apresentação do projeto à comunidade; Janeiro/12 - Entrega da Engenharia Detalhada; Outubro/13 - Conclusão das obras; Março/14 - Apresentação final para acionistas. Orçamento: Orçamento total de R$ 90.000.000,00 para o Projeto Lagoa Viva. Riscos: Trabalhar com os moradores para evitar conflitos; Impacto dos períodos chuvosos no andamento da obra; Estouro de orçamento para mão de obra e máquinas pesadas devido à concorrência com outras obras de grande porte em Belo Horizonte; Impactos sociais e ambientais. Data, Assinatura do Sponsor: Belo Horizonte, 03 de Março de 2012. De acordo
  5. 5. ISH – Identificação dos Stakeholders Nome Posição Poder Interesse Influência Requisitos superficiais Prefeitura de Despoluir a Lagoa para melhorar a qualidade de vida Governo Alto Alto Positiva e GrandeBelo Horizonte da população na Aumentar a arrecadação em função da regularização Copasa Baixo Alto Positiva e Grande sociedade dos lançamentos de esgotos Moradores nacontribuintes de Não aumentar custos em função da regularização dos comunidad Baixo Baixo Negativa e Grande esgoto para a lançamentos de esgotos e Lagoa Prefeitura de Não ter gastos com o sanamento para benefício de Governo Alto Baixo Negativa e Grande Contagem outro município Moradores da na Melhorar a qualidade de Vida sem interferir com a Região comunidad Baixo Alto Positiva e Grande rotina durante as obrasNorte/Pampulha e naAmbientalistas Baixo Alto Positiva e Grande Preservar o meio ambiente sociedade
  6. 6. ISH – Identificação dos Stakeholders Nome Papel no projeto Outras características Classificação Estratégia (o que fazer) Fiscalização intensificada para manter o público Prefeitura de Manter Envolver nas reuniões e atender as Sponsor (cliente) satisfeito e alto nívelBelo Horizonte satisfeita solicitações burocrático nas tomadas de decisões Especialista nos projetos Manter Convidar para reuniões para identificar Copasa Facilitador de saneamento básico informado riscos e oportunidades de melhoria Moradores Potencial fonte de conflitos Conscientizar sobre a importância dacontribuintes de Verificador do quanto as funcionalidades Manter existência do serviço de saneamento esgoto para a escopo do produto e durante a informado ambiental básico Lagoa execução do projeto Prefeitura de Parte interessada Alto nível burocrático nas Foco de Manter informado e buscar incentivos ficais Contagem fundamental tomadas de decisões atenção Moradores da Verificador do Alto nível de exigência para Foco de Manter informado e convidar para reuniões Região escopo projetos na região atenção de acompanhamento da obraNorte/Pampulha Identifica um grande Manter Convidar para reuniões para identificarAmbientalistas Dificultador número de riscos informado riscos e oportunidades de melhoria potenciais para o projeto
  7. 7. DReq – Declaração de Requisitos Requisitos do Produto Rastreabilidade do Produto Objetivo Entrega onde se Stakeholder Requisito detalhado Classificação Prioridade OK Relacionado manifesta Prefeitura de Elevar em 30% a receita com turismo Manter 1 S, M ConclusãoBelo Horizonte na região da Pampulha. Satisfeita Aumento de arrecadação proveniente de Contagem em 10% com a Manter Copasa 4 S, M, A Conclusão regulrização das ligações de esgoto Informado clandestinas Moradorescontribuintes de Ter 100% do seu esgoto devidamente Manter 4 M, R Implantação esgoto para a coletado. Informado Lagoa Prefeitura de Obtenção de incentivos fiscais do Foco de Análise de 2 S, A, R Contagem governo estadual e federal. atenção Viabilidade Lagoa despoluída atingindo a classe 2 Moradores da de qualidade (possível a prática de Foco de Região 3 S,M, A Implantação esportes aquáticos) e região limpa apósatençãoNorte/Pampulha as obras. Que todo o esgoto que é lançado hoje na Lagoa seja devidamente tratado ManterAmbientalistas 5 S, M, A Conclusão para que a Lagoa fique poluída Informado novamente no futuro
  8. 8. DReq – Declaração de Requisitos Requisitos do Projeto Rastreabilidade do Projeto Objetivo Entrega onde se Stakeholder Requisito detalhado Classificação Prioridade OK Relacionado manifesta Concluir o projeto dentro do orçamento Prefeitura de Manter estipulado e no tempo de conclusão de 1 M, A, R, T ConclusãoBelo Horizonte Satisfeita 2 anos Utilizar ao máximo as estações de Manter Desenvolvimento Copasa 4 M, A tratamento já existentes Informado de Engenharia Moradorescontribuintes de Não sofrer muitos impactos na rotina Manter Desenvolvimento 6 S, R esgoto para a durante a obra. Informado de Engenharia Lagoa População sem conflitos com o Prefeitura de empreendimento, projeto sem alteração Foco de 2 S, M, A, R Conclusão Contagem para não impactar no custo e no atenção orçamento. Que os profissionais responsáveis pelo Moradores da projeto sejam deviamente qualificados Foco de Apresentação do Região 3 A, R para que a população não sofra com atenção projetoNorte/Pampulha projetos inadequados e retrabalhos. Preservar a fauna e flora local durante Manter DesenvolvimentoAmbientalistas 5 A o projeto. Informado de Engenharia
  9. 9. DE – Declaração de Escopo Premissas:→ Orçamento das prefeituras aprovadas;→ Acesso às informações e dados da Prefeitura;→ Área para canteiro de obras;→ Evitar executar a obra em período de seca;→ Será dada continuidade à atual política de governo. Restrições:→ Prazo final determinado em abril/2014;→ Licenças liberadas;→ Horário de trabalho restrito;→ Quantidade de entulho transportado de acordo com o número de caminhões por hora na área urbana;→ Orçamento final do projeto.
  10. 10. WBS
  11. 11. D-WBS - Dicionário WBS• Fase: Estudo Preliminar• Entrega: Projeto Conceitual C.C. PT Descrição Entrega do PT Critério de Aceitação OK Apresentar ao cliente a proposta do Relatório com Relatório apresentado e 1.1.1 Apresentação do projeto e definir com cliente as datas 1.1.1 dados gerais do discutido com o Gerente Projeto disponíveis e mobilização da equipe do projeto do Projeto projeto 1.1.2 Análise de Orçamento dos materiais, Relatório Revisado pela equipe de 1.1.2 viabilidade equipamentos e serviços necessários orçamentário planejamento
  12. 12. D-WBS - Dicionário WBS• Fase: Área de Influência• Entrega: Mapa de Abrangência C.C. PT Descrição Entrega do PT Critério de Aceitação OK Relatório apresentado e Avaliar impacto do projeto no trânsito e Relatório de 1.2.1 1.2.1 Físico discutido com o Gerente residências do local. impacto na rotina do Projeto e o cliente Avaliar impacto do projeto no nas Relatório de Relatório apresentado e 1.2.2 1.2.2 Sócio-econômico atividades econômicas e atividades impacto discutido com o Gerente rotineiras da população. econômico do Projeto e o cliente Relatório de Relatório apresentado e Avaliar impacto do projeto na fauna e 1.2.3 1.2.3 Biótico impacto discutido com o Gerente flora local ambiental do Projeto e o cliente
  13. 13. D-WBS - Dicionário WBS• Fase: Desenvolvimento de Engenharia• Entrega: Projeto Executivo C.C. PT Descrição Entrega do PT Critério de Aceitação OK Projeto Executivo Projeto revisado pelo 1.3.3 1.3.3 Civil Elaborar os desenhos de projeto civil Civil Gerente do Projeto Elaborar os desenhos de projeto de Projeto Executivo Projeto revisado pelo 1.3.4 1.3.4 Urbanização urbanização do entorno da lagoa Urbanização Gerente do Projeto Elaborar os desenhos de projeto Projeto Executivo Projeto revisado pelo 1.3.5 1.3.5 Esgoto hídrico Hídrico Gerente do Projeto
  14. 14. D-WBS - Dicionário WBS• Fase: Implantação• Entrega: Obra Concluída C.C. PT Descrição Entrega do PT Critério de Aceitação OK Elaborar o plano de execução, impacto Caderno com 1.4.1 Planejamento de da obra na comunidade, plano de detalhamento das Planejamento revisado 1.4.1 Obras utilização dos materiais e definir atividades de pelo Gerente de Projetos possíveis interferências obra 1.4.2 Compra de Efetuar a compra dos materiais Insumos Aprovação dos materiais 1.4.2 Materiais especificados pelo menor custo adquiridos pelo Gerente do Projeto Aplicação dos insumos e mão de obra Termo de aceite Termo de aceite da obra 1.4.3 1.4.3 Execução na realização da obra da obra assinado pelo cliente
  15. 15. D-WBS - Dicionário WBS• Fase: Verificação da Qualidade• Entrega: Relatório de Conformidade C.C. PT Descrição Entrega do PT Critério de Aceitação OK Definir os parâmetros e indicadores a Relatório apresentado e 1.5.1 Definição dos Relatório com 1.5.1 serem usados como referência para discutido com o Gerente parâmetros parâmetros avaliação da qualidade da obra do Projeto Relatório de Relatório apresentado e 1.5.2 Análise físico- Fazer análise da qualidade da água 1.5.2 qualidade da discutido com o Gerente químico lagoa e diagnosticar possível melhorias Lagoa do Projeto e o cliente Relatório que indique que as 1.5.4 Adequações/ Executar as melhorias identificadas a Relatório aprovado pelo 1.5.4 não correções fim de atender os requisitos inciais cliente conformidades foram atendidas
  16. 16. D-WBS - Dicionário WBS• Fase: Conclusão• Entrega: Termo de Aceite Final C.C. PT Descrição Entrega do PT Critério de Aceitação OK Termo de aceite da Entregar todos os desenhos, Termo de aceite 1.6.1 1.6.1 Documentação documentação assinado procedimentos e normas ao cliente da documentação pelo cliente Termo de aceite das Apresentar ao cliente o relatório final Termo de aceite 1.6.2 1.6.2 Aprovação atividades assinado pelo das atividades desempenhadas das atividades cliente
  17. 17. LVQ – Lista de Verificação da Qualidade• Fase: Estudo Preliminar• Entrega: Projeto Conceitual C.C. PT Descrição Entrega do PT Critério de Verificação OK Apresentar ao cliente a proposta do Relatório com 1.1.1 Apresentação do projeto e definir com cliente as datas 1.1.1 dados gerais do Ata de reunião do Kick-off. Projeto disponíveis e mobilização da equipe do projeto projeto 1.1.2 Análise de Orçamento dos materiais, Relatório Documento de acordo 1.1.2 viabilidade equipamentos e serviços necessários orçamentário com a APO.
  18. 18. LVQ – Lista de Verificação da Qualidade• Fase: Área de Influência• Entrega: Mapa de Abrangência C.C. PT Descrição Entrega do PT Critério de Verificação OK Avaliar impacto do projeto no trânsito e Relatório de Documento de acordo 1.2.1 1.2.1 Físico residências do local. impacto na rotina com a APO. Avaliar impacto do projeto no nas Relatório de Documento de acordo 1.2.2 1.2.2 Sócio-econômico atividades econômicas e atividades impacto com a APO. rotineiras da população. econômico Relatório de Avaliar impacto do projeto na fauna e Documento de acordo 1.2.3 1.2.3 Biótico impacto flora local com a APO. ambiental
  19. 19. LVQ – Lista de Verificação da Qualidade• Fase: Desenvolvimento de Engenharia• Entrega: Projeto Executivo C.C. PT Descrição Entrega do PT Critério de Verificação OK Projeto executivo de Projeto Executivo 1.3.3 1.3.3 Civil Elaborar os desenhos de projeto civil acordo com as normas da Civil Prefeitura de BH. Projeto executivo de Elaborar os desenhos de projeto de Projeto Executivo 1.3.4 1.3.4 Urbanização acordo com as normas da urbanização do entorno da lagoa Urbanização Prefeitura de BH. Projeto executivo de Elaborar os desenhos de projeto Projeto Executivo 1.3.5 1.3.5 Esgoto acordo com as normas da hídrico Hídrico Prefeitura de BH.
  20. 20. LVQ – Lista de Verificação da Qualidade• Fase: Implantação• Entrega: Obra Concluída C.C. PT Descrição Entrega do PT Critério de Verificação OK Elaborar o plano de execução, impacto Caderno com 1.4.1 Planejamento de da obra na comunidade, plano de detalhamento das Planejamento de acordo 1.4.1 Obras utilização dos materiais e definir atividades de com o prazo final. possíveis interferências obra 1.4.2 Compra de Efetuar a compra dos materiais Insumos 1.4.2 Materiais inspecionados. Materiais especificados pelo menor custo adquiridos Relatório de obras Aplicação dos insumos e mão de obra Termo de aceite 1.4.3 1.4.3 Execução elaborado pela na realização da obra da obra fiscalização de obras.
  21. 21. LVQ – Lista de Verificação da Qualidade• Fase: Verificação da Qualidade• Entrega: Relatório de Conformidade C.C. PT Descrição Entrega do PT Critério de Verificação OK Definir os parâmetros e indicadores a 1.5.1 Definição dos Relatório com DN COPAM Nº 01/2008 1.5.1 serem usados como referência para parâmetros parâmetros ABNT NBR 12209/1992 avaliação da qualidade da obra Relatório de 1.5.2 Análise físico- Fazer análise da qualidade da água 1.5.2 qualidade da ABNT NBR Nº 9898/87 químico lagoa e diagnosticar possível melhorias Lagoa Relatório que indique que as 1.5.4 Adequações/ Executar as melhorias identificadas a 1.5.4 não ABNT NBR 12216/1992 correções fim de atender os requisitos inciais conformidades foram atendidas
  22. 22. LVQ – Lista de Verificação da Qualidade• Fase: Conclusão• Entrega: Termo de Aceite Final C.C. PT Descrição Entrega do PT Critério de Verificação OK Entregar todos os desenhos, Termo de aceite Documento de acordo 1.6.1 1.6.1 Documentação procedimentos e normas ao cliente da documentação com a APO. Apresentar ao cliente o relatório final Termo de aceite Documento de acordo 1.6.2 1.6.2 Aprovação das atividades desempenhadas das atividades com a APO.
  23. 23. SM – Solicitação de Mudança Descrição: implantação de melhorias na infraestrutura e ambiente do entorno da Lagoa. As intervenções serão: criação de um trecho de ciclovia; implantação de novos equipamentos de lazer; recuperação das partes assoreadas; reforma e modernização da casa do baile e museu da Pampulha para recebimento de eventos e restaurantes permanentes; criação de cais para a prática de esportes náuticos. Justificativa: melhorar a qualidade de vida da população, aumentar o turismo na região e aproveitar o evento da Copa do Mundo para divulgar melhor a Capital Mineira. Data e Assinatura do Sponsor:Belo Horizonte, 03 de Março de 2012. De acordo.
  24. 24. SM – Solicitação de Mudança

×