SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 74
XADREZ
ITINERANTE 2010 Professor Leandro Natalio Coelho da Silva Professor de Educação Física no C.E. Antonio Iglesias e no Centro Educacional João XXIII (APAE) em Ibiporã.  E-mail: leandroncsilva@yahoo.com.br leandrocoelho@seed.pr.gov.br
“É fundamental diminuir a distância entre o que se diz e o que se faz, de tal forma que, num dado momento, a tua fala seja a tua prática. ” Paulo Freire
Qual a importância dos jogos na escola?
Segundo as Diretrizes Curriculares   “...os jogos compõem um conjunto de possibilidades queampliam a percepção e a interpretação da realidade...”
“No caso do jogo, ao respeitarem seus combinados, os alunos aprendem a se mover entre a liberdade e os limites, os próprios e os estabelecidos pelo grupo.”
O QUE É O XADREZ? É um jogo de tabuleiro com 64 casas alternadas entre brancas e pretas. Cada jogador possui 16 peças da mesma cor: 1 rei, 1 rainha, 2 bispos, 2 cavalos, 2 torres e 8 peões.
O que é xadrez? Um jogo de azar? Um esporte? Ou uma brincadeira?  Em diversos países o xadrez é apresentado as crianças deste muito cedo, chegando a ser disciplina escolar no leste europeu, na Guerra Fria foi motivo de uma disputa acirrada entre americanos e soviéticos.
No xadrez o que conta é a habilidade, o controle emocional, o conhecimento e o raciocínio lógico, não um jogo de azar (ou sorte), pois o desenrolar do jogo está nas mãos dos jogadores e não ao acaso.
O jogo começa sempre com o jogador das peças brancas, alternando as jogadas com o jogador das peças pretas. O objetivo do jogo é dar xeque-mate no rei adversário.
CONCEPÇÕES HISTÓRICAS O xadrez é um jogo de tabuleiro, muito popular no mundo inteiro, tendo como precursor um jogo chamado Chaturanga praticado na Índia antiga. Ao chegar na Europa Medieval o xadrez começou a ganhar os contornos que conhecemos hoje.
Há mais de 2 mil anos, provavelmente no século Vl a.C., nos abastados reinos da Índia começou a surgir uma modalidade de jogo destinada a conquistar a imaginação dos nobres e dos mestres da guerra. O nome original do jogo era CHATURANGA, que significava "quatro reis" .
Em cinco séculos o chaturanga já havia chegado à China, a mais de 4 mil quilômetros da Índia. Ali recebeu o nome de “jogo do elefante”.Depois chegou ao Japão, em seguida a Pérsia onde se originou as expressões "xeque" e "xeque-mate"—ameaça ao rei e rei morto.
Da Pérsia o jogo emigrou para a Arábia onde o imperador francês Carlos Magno ganhou um tabuleiro de presente do lendário califa Harum-alRashid e o levou a Europa, onde o jogo se desenvolveu primeiro na Espanha e na França.
Grandes nomes se destacaram na história do xadrez: O francês André Philidor O austríaco WilhelmSteinitz O cubano José Raúl Capablanca O russo Alexander Alekhine O americano Robert Fischer O soviético AnatoliKarpov O russo Garri Kasparov
Partida entre Karpov e Kasparov
A LENDA DE SISSA
A LENDA DE CAÍSSA
O Tabuleiro
O tabuleiro é colocado de modo que cada jogador fique com a sua primeira casa branca à direita.
O tabuleiro é dividido em: colunas,  fileiras  e diagonais.  
Colunas: Seqüência de casas verticais.
Fileiras: Seqüência de casas horizontais.
Diagonais: Seqüência de casas oblíquas sempre da mesma cor.
Todas as casas do tabuleiro possuem uma denominação específica que é dada pelo encontro de uma fila (horizontal) com uma coluna (vertical).
As colunas recebem letras de a até h e as filas são numeradas de 1 até 8.  O encontro de uma coluna com uma fila designa o nome da casa.
AS PEÇAS E SUAS MOVIMENTAÇÕES
Movimento é deslocamento de uma peça de uma casa para outra, que não esteja ocupada. Captura é o movimento de uma peça para uma casa já ocupada pelo adversário. Neste caso, tira-se a peça adversária, colocando a própria peça em seu lugar. A captura é opcional.
Rei
Movimenta-se de 1 em 1 casa para qualquer direção.
Rainha (Dama)
Movimenta-se para qualquer direção quantas casas quiser.
No século XIX, a ascensão das rainhas Isabel II (Espanha) e Victória (Inglaterra) deu força à rainha no xadrez. Hoje a peça se movimenta quantas casas quiser e é a mais ofensiva do jogo. Mas não ameaça a supremacia do rei.
Torre
Movimentam-se nas verticais e horizontais quantas casas quiser.
Bispo
Movimentam-se diagonais quantas casas quiser.
Cavalo
O cavalo anda duas casas na coluna ou fila, e vira para a primeira casa à esquerda ou direita.
É a única peça do xadrez que pode saltar sobre outras peças.
Peão
Movimenta-se sempre uma casa para frente
No primeiro lance de cada peão o jogador poderá mover 2 casas
Diferentemente do movimento que anda, o peão captura na diagonal mais próxima, para a esquerda ou direita.
Outra peça que ganhou poder foi o peão. Quando chega a ultima linha do lado do adversário, pode se trocado por qualquer peça, exceto o rei. A jogada reflete o pensamento liberal dos séculos XVIII e XIX, segundo o qual qualquer pessoa podia subir na vida, embora jamais pudesse se tornar rei.
MOVIMENTOS ESPECIAIS
[object Object]
PROMOÇÃO
EN PASSANT,[object Object]
ROQUE PEQUENO
ROQUE GRANDE
PROMOÇÃO Ocorre quando um peão chega à primeira linha do adversário, devendo ser imediatamente substituído por dama, torre, bispo ou cavalo. A peça escolhida ocupara a casa em que o peão se encontrava quando foi promovido.
EM PASSANT Quando um peão que está na sua casa inicial anda duas casas e fica ao lado de um peão adversário, poderá acontecer um movimento especial de captura enpassant, o peão adversário pode capturá-lo como se houvesse andado apenas uma casa.
PARTIDAS SIMULTÂNEAS
XADREZ VIVO
XADREZ GIGANTE
PEÇAS ALTERNATIVAS

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados (20)

Xadrez
XadrezXadrez
Xadrez
 
Ténis de Mesa - Regras de jogo
Ténis de Mesa - Regras de jogoTénis de Mesa - Regras de jogo
Ténis de Mesa - Regras de jogo
 
Lutas.
Lutas.Lutas.
Lutas.
 
Tênis de mesa na escola
Tênis de mesa na escolaTênis de mesa na escola
Tênis de mesa na escola
 
Pequeno tutorial do xadrez
Pequeno tutorial do xadrezPequeno tutorial do xadrez
Pequeno tutorial do xadrez
 
Breve história do xadrez
Breve história do xadrezBreve história do xadrez
Breve história do xadrez
 
A História da Capoeira
A História da CapoeiraA História da Capoeira
A História da Capoeira
 
ESPORTES DE INVASÃO.pptx
ESPORTES DE INVASÃO.pptxESPORTES DE INVASÃO.pptx
ESPORTES DE INVASÃO.pptx
 
Conhecimento geral das diversas lutas
Conhecimento geral das diversas lutasConhecimento geral das diversas lutas
Conhecimento geral das diversas lutas
 
Regras do xadrez
Regras do xadrezRegras do xadrez
Regras do xadrez
 
Xadrez
XadrezXadrez
Xadrez
 
Caratê
CaratêCaratê
Caratê
 
Taekwondo
TaekwondoTaekwondo
Taekwondo
 
Xadrez ppt trabalho final
Xadrez ppt trabalho finalXadrez ppt trabalho final
Xadrez ppt trabalho final
 
Xadrez apresentação minicurso
Xadrez apresentação minicursoXadrez apresentação minicurso
Xadrez apresentação minicurso
 
Educação física 6 ano
Educação física 6 anoEducação física 6 ano
Educação física 6 ano
 
Ginástica Artística
Ginástica ArtísticaGinástica Artística
Ginástica Artística
 
Apresentação voleibol
Apresentação voleibol Apresentação voleibol
Apresentação voleibol
 
Voleibol regras
Voleibol   regrasVoleibol   regras
Voleibol regras
 
Xadrez
XadrezXadrez
Xadrez
 

Destaque (20)

Jogo De Xadrez Slides
Jogo De Xadrez SlidesJogo De Xadrez Slides
Jogo De Xadrez Slides
 
Oficina de xadrez
Oficina de xadrezOficina de xadrez
Oficina de xadrez
 
Xeque-mate
Xeque-mateXeque-mate
Xeque-mate
 
Projeto xadrez escolar
Projeto xadrez escolarProjeto xadrez escolar
Projeto xadrez escolar
 
Projeto de xadrez
Projeto de xadrezProjeto de xadrez
Projeto de xadrez
 
Lenda do Xadrez
Lenda do XadrezLenda do Xadrez
Lenda do Xadrez
 
Curso instrutor-01
Curso instrutor-01Curso instrutor-01
Curso instrutor-01
 
E.B. Boca do Monte - Torneio de XADREZ
E.B. Boca do Monte - Torneio de XADREZE.B. Boca do Monte - Torneio de XADREZ
E.B. Boca do Monte - Torneio de XADREZ
 
Tics finaispeao001
Tics finaispeao001Tics finaispeao001
Tics finaispeao001
 
Cartilha xadrez
Cartilha xadrezCartilha xadrez
Cartilha xadrez
 
Como jogar Xadrez
Como jogar  XadrezComo jogar  Xadrez
Como jogar Xadrez
 
InvensãO Do Jogo De Xadrez
InvensãO Do Jogo De XadrezInvensãO Do Jogo De Xadrez
InvensãO Do Jogo De Xadrez
 
Regras básicas para iniciantes em xadrez
Regras básicas para iniciantes em xadrezRegras básicas para iniciantes em xadrez
Regras básicas para iniciantes em xadrez
 
OFICINA DE XADREZ NA ESCOLA JOÃO BERALDO
OFICINA DE XADREZ NA ESCOLA JOÃO BERALDOOFICINA DE XADREZ NA ESCOLA JOÃO BERALDO
OFICINA DE XADREZ NA ESCOLA JOÃO BERALDO
 
01 xadrez - introdução e regras
01  xadrez - introdução e regras01  xadrez - introdução e regras
01 xadrez - introdução e regras
 
Workshop transp. res. perigosos no município de sp
Workshop   transp. res. perigosos no município de spWorkshop   transp. res. perigosos no município de sp
Workshop transp. res. perigosos no município de sp
 
04 finais elementares
04   finais elementares04   finais elementares
04 finais elementares
 
Apostila de xadrez avançado
Apostila de xadrez   avançadoApostila de xadrez   avançado
Apostila de xadrez avançado
 
Xadrez
XadrezXadrez
Xadrez
 
Xadrez - O jogo e o Histórico
Xadrez - O jogo e o HistóricoXadrez - O jogo e o Histórico
Xadrez - O jogo e o Histórico
 

Semelhante a Itinerante xadrez 2

Curso de chadrez
Curso de chadrezCurso de chadrez
Curso de chadrezjwfb
 
Curso de chadrez
Curso de chadrezCurso de chadrez
Curso de chadrezjwfb
 
Xadrez na E.M. Norma Sueli Borges
Xadrez na E.M. Norma Sueli BorgesXadrez na E.M. Norma Sueli Borges
Xadrez na E.M. Norma Sueli Borgespdescola
 
Xadrez na E.M. Norma Sueli Borges
Xadrez na E.M. Norma Sueli BorgesXadrez na E.M. Norma Sueli Borges
Xadrez na E.M. Norma Sueli Borgespdescola
 
Xadrez parte 1
Xadrez parte 1Xadrez parte 1
Xadrez parte 1lino66jr
 
Projeto Xadrez
Projeto XadrezProjeto Xadrez
Projeto XadrezLukems
 
Xadrez na escola
Xadrez na escolaXadrez na escola
Xadrez na escolagenarui
 
Apostila de Xadrez NÍVEIS INICIANTES E BÁSICO.pdf
Apostila de Xadrez NÍVEIS INICIANTES E BÁSICO.pdfApostila de Xadrez NÍVEIS INICIANTES E BÁSICO.pdf
Apostila de Xadrez NÍVEIS INICIANTES E BÁSICO.pdfxomesix405
 
Xadrez na escola
Xadrez na escolaXadrez na escola
Xadrez na escolaevandrolhp
 
Apostila de Xadrez - Manual básico - Gratuito
Apostila de Xadrez - Manual básico - GratuitoApostila de Xadrez - Manual básico - Gratuito
Apostila de Xadrez - Manual básico - Gratuitoxomesix405
 
Vivenciando o xadrez
Vivenciando o xadrezVivenciando o xadrez
Vivenciando o xadrezcacaurosseto
 
Xadrez ♟️ Apostila Xadrez Básico - Livro
Xadrez ♟️ Apostila Xadrez Básico - LivroXadrez ♟️ Apostila Xadrez Básico - Livro
Xadrez ♟️ Apostila Xadrez Básico - Livroxomesix405
 
Aula introdutória de Xadrez -- Uma contextualização
Aula introdutória de Xadrez -- Uma contextualizaçãoAula introdutória de Xadrez -- Uma contextualização
Aula introdutória de Xadrez -- Uma contextualizaçãoalcmtls7
 

Semelhante a Itinerante xadrez 2 (20)

Curso de chadrez
Curso de chadrezCurso de chadrez
Curso de chadrez
 
Curso de chadrez
Curso de chadrezCurso de chadrez
Curso de chadrez
 
Xadrez na E.M. Norma Sueli Borges
Xadrez na E.M. Norma Sueli BorgesXadrez na E.M. Norma Sueli Borges
Xadrez na E.M. Norma Sueli Borges
 
Xadrez na E.M. Norma Sueli Borges
Xadrez na E.M. Norma Sueli BorgesXadrez na E.M. Norma Sueli Borges
Xadrez na E.M. Norma Sueli Borges
 
Seminário sobre xadrez
Seminário sobre xadrezSeminário sobre xadrez
Seminário sobre xadrez
 
Aprender xadrez
Aprender xadrezAprender xadrez
Aprender xadrez
 
Xadrez parte 1
Xadrez parte 1Xadrez parte 1
Xadrez parte 1
 
Projeto Xadrez
Projeto XadrezProjeto Xadrez
Projeto Xadrez
 
Arquivo para atividade 5
Arquivo para atividade 5Arquivo para atividade 5
Arquivo para atividade 5
 
Conteudo xadrez
Conteudo xadrezConteudo xadrez
Conteudo xadrez
 
Xadrez na escola
Xadrez na escolaXadrez na escola
Xadrez na escola
 
Xadrez3
Xadrez3Xadrez3
Xadrez3
 
Xadrez3
Xadrez3Xadrez3
Xadrez3
 
Apostila de Xadrez NÍVEIS INICIANTES E BÁSICO.pdf
Apostila de Xadrez NÍVEIS INICIANTES E BÁSICO.pdfApostila de Xadrez NÍVEIS INICIANTES E BÁSICO.pdf
Apostila de Xadrez NÍVEIS INICIANTES E BÁSICO.pdf
 
Xadrez na escola
Xadrez na escolaXadrez na escola
Xadrez na escola
 
Apostila de Xadrez - Manual básico - Gratuito
Apostila de Xadrez - Manual básico - GratuitoApostila de Xadrez - Manual básico - Gratuito
Apostila de Xadrez - Manual básico - Gratuito
 
Vivenciando o xadrez
Vivenciando o xadrezVivenciando o xadrez
Vivenciando o xadrez
 
Xadrez
XadrezXadrez
Xadrez
 
Xadrez ♟️ Apostila Xadrez Básico - Livro
Xadrez ♟️ Apostila Xadrez Básico - LivroXadrez ♟️ Apostila Xadrez Básico - Livro
Xadrez ♟️ Apostila Xadrez Básico - Livro
 
Aula introdutória de Xadrez -- Uma contextualização
Aula introdutória de Xadrez -- Uma contextualizaçãoAula introdutória de Xadrez -- Uma contextualização
Aula introdutória de Xadrez -- Uma contextualização
 

Itinerante xadrez 2

  • 2. ITINERANTE 2010 Professor Leandro Natalio Coelho da Silva Professor de Educação Física no C.E. Antonio Iglesias e no Centro Educacional João XXIII (APAE) em Ibiporã. E-mail: leandroncsilva@yahoo.com.br leandrocoelho@seed.pr.gov.br
  • 3. “É fundamental diminuir a distância entre o que se diz e o que se faz, de tal forma que, num dado momento, a tua fala seja a tua prática. ” Paulo Freire
  • 4. Qual a importância dos jogos na escola?
  • 5. Segundo as Diretrizes Curriculares “...os jogos compõem um conjunto de possibilidades queampliam a percepção e a interpretação da realidade...”
  • 6. “No caso do jogo, ao respeitarem seus combinados, os alunos aprendem a se mover entre a liberdade e os limites, os próprios e os estabelecidos pelo grupo.”
  • 7. O QUE É O XADREZ? É um jogo de tabuleiro com 64 casas alternadas entre brancas e pretas. Cada jogador possui 16 peças da mesma cor: 1 rei, 1 rainha, 2 bispos, 2 cavalos, 2 torres e 8 peões.
  • 8. O que é xadrez? Um jogo de azar? Um esporte? Ou uma brincadeira? Em diversos países o xadrez é apresentado as crianças deste muito cedo, chegando a ser disciplina escolar no leste europeu, na Guerra Fria foi motivo de uma disputa acirrada entre americanos e soviéticos.
  • 9. No xadrez o que conta é a habilidade, o controle emocional, o conhecimento e o raciocínio lógico, não um jogo de azar (ou sorte), pois o desenrolar do jogo está nas mãos dos jogadores e não ao acaso.
  • 10. O jogo começa sempre com o jogador das peças brancas, alternando as jogadas com o jogador das peças pretas. O objetivo do jogo é dar xeque-mate no rei adversário.
  • 11. CONCEPÇÕES HISTÓRICAS O xadrez é um jogo de tabuleiro, muito popular no mundo inteiro, tendo como precursor um jogo chamado Chaturanga praticado na Índia antiga. Ao chegar na Europa Medieval o xadrez começou a ganhar os contornos que conhecemos hoje.
  • 12. Há mais de 2 mil anos, provavelmente no século Vl a.C., nos abastados reinos da Índia começou a surgir uma modalidade de jogo destinada a conquistar a imaginação dos nobres e dos mestres da guerra. O nome original do jogo era CHATURANGA, que significava "quatro reis" .
  • 13. Em cinco séculos o chaturanga já havia chegado à China, a mais de 4 mil quilômetros da Índia. Ali recebeu o nome de “jogo do elefante”.Depois chegou ao Japão, em seguida a Pérsia onde se originou as expressões "xeque" e "xeque-mate"—ameaça ao rei e rei morto.
  • 14. Da Pérsia o jogo emigrou para a Arábia onde o imperador francês Carlos Magno ganhou um tabuleiro de presente do lendário califa Harum-alRashid e o levou a Europa, onde o jogo se desenvolveu primeiro na Espanha e na França.
  • 15. Grandes nomes se destacaram na história do xadrez: O francês André Philidor O austríaco WilhelmSteinitz O cubano José Raúl Capablanca O russo Alexander Alekhine O americano Robert Fischer O soviético AnatoliKarpov O russo Garri Kasparov
  • 16. Partida entre Karpov e Kasparov
  • 17. A LENDA DE SISSA
  • 18. A LENDA DE CAÍSSA
  • 20. O tabuleiro é colocado de modo que cada jogador fique com a sua primeira casa branca à direita.
  • 21. O tabuleiro é dividido em: colunas, fileiras e diagonais.  
  • 22. Colunas: Seqüência de casas verticais.
  • 23. Fileiras: Seqüência de casas horizontais.
  • 24. Diagonais: Seqüência de casas oblíquas sempre da mesma cor.
  • 25. Todas as casas do tabuleiro possuem uma denominação específica que é dada pelo encontro de uma fila (horizontal) com uma coluna (vertical).
  • 26. As colunas recebem letras de a até h e as filas são numeradas de 1 até 8. O encontro de uma coluna com uma fila designa o nome da casa.
  • 27.
  • 28. AS PEÇAS E SUAS MOVIMENTAÇÕES
  • 29. Movimento é deslocamento de uma peça de uma casa para outra, que não esteja ocupada. Captura é o movimento de uma peça para uma casa já ocupada pelo adversário. Neste caso, tira-se a peça adversária, colocando a própria peça em seu lugar. A captura é opcional.
  • 30. Rei
  • 31. Movimenta-se de 1 em 1 casa para qualquer direção.
  • 33. Movimenta-se para qualquer direção quantas casas quiser.
  • 34. No século XIX, a ascensão das rainhas Isabel II (Espanha) e Victória (Inglaterra) deu força à rainha no xadrez. Hoje a peça se movimenta quantas casas quiser e é a mais ofensiva do jogo. Mas não ameaça a supremacia do rei.
  • 35. Torre
  • 36. Movimentam-se nas verticais e horizontais quantas casas quiser.
  • 37. Bispo
  • 40. O cavalo anda duas casas na coluna ou fila, e vira para a primeira casa à esquerda ou direita.
  • 41. É a única peça do xadrez que pode saltar sobre outras peças.
  • 42. Peão
  • 43. Movimenta-se sempre uma casa para frente
  • 44. No primeiro lance de cada peão o jogador poderá mover 2 casas
  • 45. Diferentemente do movimento que anda, o peão captura na diagonal mais próxima, para a esquerda ou direita.
  • 46. Outra peça que ganhou poder foi o peão. Quando chega a ultima linha do lado do adversário, pode se trocado por qualquer peça, exceto o rei. A jogada reflete o pensamento liberal dos séculos XVIII e XIX, segundo o qual qualquer pessoa podia subir na vida, embora jamais pudesse se tornar rei.
  • 48.
  • 50.
  • 53. PROMOÇÃO Ocorre quando um peão chega à primeira linha do adversário, devendo ser imediatamente substituído por dama, torre, bispo ou cavalo. A peça escolhida ocupara a casa em que o peão se encontrava quando foi promovido.
  • 54. EM PASSANT Quando um peão que está na sua casa inicial anda duas casas e fica ao lado de um peão adversário, poderá acontecer um movimento especial de captura enpassant, o peão adversário pode capturá-lo como se houvesse andado apenas uma casa.
  • 56.
  • 58.
  • 59.
  • 61.
  • 63.
  • 64.
  • 65.
  • 66.
  • 67.
  • 68.
  • 69.
  • 70.
  • 71.
  • 72.
  • 73.
  • 74.
  • 75. REFERÊNCIAS http://super.abril.com.br/cotidiano/2-mil-anos-xadrez-438673.shtml http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/xadrez/historia-do-xadrez-3.php http://pt.wikipedia.org/wiki/Xadrez http://www.cex.org.br/ SEED, Secretaria de Estado da Educação do Paraná. Diretrizes Curriculares da Educação Básica – Educação Física. Curitiba: SEED, 2008. HOROWITZ, I. A. Primeiro livro de xadrez. São Paulo: IBRASA, 1999.