Aula 8º ano - O sistema endócrino

2.449 visualizações

Publicada em

0 comentários
4 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.449
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
49
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
144
Comentários
0
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula 8º ano - O sistema endócrino

  1. 1. O sistema endócrino ou hormonal
  2. 2.  O sistema endócrino é composto por várias ggllâânndduullaass qquuee ssee ssiittuuaamm eemm ddiiffeerreenntteess ppoonnttooss ddoo ccoorrppoo..  AAss ggllâânndduullaass ssããoo ccoonnjjuunnttooss ddee ccéélluullaass eeppiitteelliiaaiiss qquuee pprroodduuzzeemm ssuubbssttâânncciiaass ee aass llaannççaamm ppaarraa ffoorraa ddaa ccéélluullaa..  AAss ggllâânndduullaass ppooddeemm sseerr ddee ttrrêêss ttiippooss:: eennddóóccrriinnaass,, eexxóóccrriinnaass oouu mmiissttaass..
  3. 3. HHoorrmmôônniiooss  São substâncias químicas produzidas pelas glândulas endócrinas que são lançadas na corrente sanguínea e atuam como mensageiros controlando o funcionamento de outros órgãos ou células do corpo.  Pelo sangue, os hormônios se espalham por todo o corpo, chegando a todas as células, mas só desencadeiam reações nas células sensíveis a eles, as células-alvo.
  4. 4. HHoorrmmôônniiooss Algumas funções: • Controlar o crescimento do corpo; • Controlar a taxa de açúcar no sangue; • Formação dos hormônios sexuais; • Controlar batimento cardíaco, etc.
  5. 5. Glândulas eennddóóccrriinnaass  Produzem e lançam hormônios na corrente sanguínea.  Exemplos: hipófise, hipotálamo, ovários e testículos, tireóide, paratireóides e suprarrenais (ou adrenais)
  6. 6. Glândula endócrina Produz mensageiros químicos (hormônios) Através do sangue Órgãos alvos FUNÇÃO
  7. 7. GLÂNDULAS ENDÓCRINAS Hipófise Tireóide e Paratireóide (atrás da tireóide) Suprarrenais ou adrenais Pâncreas Gônadas: Testículos ou Ovário
  8. 8. GGllâânndduullaass eexxóóccrriinnaass  LLaannççaamm sseeuuss pprroodduuttooss,, aass sseeccrreeççõõeess,, ppaarraa ffoorraa ddoo ccoorrppoo oouu ddeennttrroo ddee ccaavviiddaaddeess ddee óórrggããooss..  EExxeemmppllooss:: ggllâânndduullaass ssuuddoorrííffeerraass,, sseebbáácceeaass,, llaaccrriimmaaiiss ee mmaammáárriiaass.. Glândulas lacrimais Glândulas sudoríparas Glândulas mamárias
  9. 9. Hipófise (ex-ggllâânndduullaa ppiittuuiittáárriiaa))  ÉÉ ccoonnhheecciiddaa ccoommoo ggllâânndduullaa mmeessttrraa,, ppooiiss pprroodduuzz hhoorrmmôônniiooss qquuee aaggeemm eemm óórrggããooss ee eemm oouuttrraass ggllâânndduullaass eennddóóccrriinnaass..  LLooccaalliizzaa--ssee nnoo ccéérreebbrroo,, éé lliiggaaddaa aaoo hhiippoottáállaammoo ee éé ddiivviiddiiddaa eemm dduuaass ppaarrtteess ((nneeuurroohhiippóóffiissee ee aaddeennoohhiippóóffiissee))  AA nneeuurroohhiippóóffiissee pprroodduuzz ooss hhoorrmmôônniiooss AAnnttiiddiiuurrééttiiccoo ((AADDHH)) ee oocciittoocciinnaa..  AA aaddeennoohhiippóóffiissee pprroodduuzz ooss hhoorrmmôônniiooss aaddrreennooccoorrttiiccoottrróóppiiccoo ((AACCTTHH)),, hhoorrmmôônniioo eessttiimmuullaaddoorr ddaa ttiirreeóóiiddee ((TTSSHH)),, hhoorrmmôônniioo ddoo ccrreesscciimmeennttoo ((GGHH)),, aa pprroollaaccttiinnaa ee hhoorrmmôônniiooss ffoollííccuulloo eessttiimmuullaannttee ((FFSSHH)) ee lluutteeiinniizzaannttee ((LLHH))..
  10. 10. ADENO-HIPÓFISE Hormônio prolactina Glândula mamária Funções Desenvolvimento e produção de leite Hormônios Hormônio do crescimento(GH) Crescimento de ossos e músculos Nanismo ou Gigantismo
  11. 11. Hormônios ADENO-HIPÓFISE Funções Hormônios FSH e LH Produção de hormônios sexuais e gametas. Testículos e ovários Hormônio (ACTH) Estimula as suprarrenais a secretar os seus hormônios Suprarrenais Hormônio tireotrófico (TSH) Estimula a tireóide a secretar os seus hormônios
  12. 12. NEURO-HIPÓFISE Hormônios Funções Hormônio anti-diurético (ADH) Rins Diminui a perda de água na urina Hormônio ocitocina útero Contrações do útero no parto
  13. 13. TTiirreeóóiiddee  Glândula com formato ddee bboorrbboolleettaa  LLooccaalliizzaaddaa nnoo ppeessccooççoo,, nnaa ffrreennttee ddaa ttrraaqquueeiiaa  PPrroodduuzz ooss hhoorrmmôônniiooss TT33 ((ttrriiiiooddoottiirroonniinnaa)) ee TT44 ((ttiirrooxxiinnaa))
  14. 14. Tireóide Hormônios T3 e T4 = Aceleram o funcionamento das células (células consomem mais oxigênio e fabricam mais energia). Hipotereoidismo - Pouca produção dos hormônios da tireóide. Hipertireoidismo – Alta produção de dos hormônios da tireóide. Bócio
  15. 15. Paratireóides  São 4 pequenas glândulas que ficam atrás da tireóide, e fabricam o paratormônio. paratireóides tireóide
  16. 16. Paratireóides  O paratormônio é responsável pelo aumento do nível de cálcio no sangue. Ele retira cálcio dos ossos, aumentando o nível deste mineral na corrente sanguínea.  O cálcio é importante para o funcionamento dos músculos e dos neurônios. Cálcio Paratormônio
  17. 17. OO mmeeccaanniissmmoo ddee ffeeeeddbbaacckk  AA rreegguullaaççããoo ddooss hhoorrmmôônniiooss oobbeeddeeccee aa uumm eeqquuiillííbbrriioo ddiinnââmmiiccoo qquuee ssee eessttaabbeelleeccee ppoorr mmeeiioo ddaa rreettrrooaalliimmeennttaaççããoo oouu ffeeeeddbbaacckk,, oouu sseejjaa,, ddoo mmeeccaanniissmmoo aattrraavvééss ddoo qquuaall oo eeffeeiittoo ccoonnttrroollaa aa ccaauussaa..  QQuuaannddoo aa qquuaannttiiddaaddee ddee uumm hhoorrmmôônniioo nnoo ssaanngguuee eessttáá aallttaa,, aa ggllâânndduullaa qquuee pprroodduuzz eessssee hhoorrmmôônniioo éé iinniibbiiddaa ee ppaarraa ddee pprroodduuzzii--lloo.. EE qquuaannddoo aa ttaaxxaa ddeessssee hhoorrmmôônniioo nnoo ssaanngguuee eessttáá bbaaiixxaa,, aa ggllâânndduullaa rreecceebbee eessttíímmuulloo ppaarraa pprroodduuzziirr oo hhoorrmmôônniioo..  GGrraaççaass àà rreettrrooaalliimmeennttaaççããoo,, oo ffuunncciioonnaammeennttoo éé aajjuussttaaddoo ààss nneecceessssiiddaaddeess ddoo oorrggaanniissmmoo ee,, aassssiimm,, uumm hhoorrmmôônniioo nnããoo éé pprroodduuzziiddoo eemm qquuaannttiiddaaddee eexxcceessssiivvaa,, nnããoo hhaavveennddoo ddeessppeerrddíícciioo ddee eenneerrggiiaa..
  18. 18. FFeeeeddbbaacckk nneeggaattiivvoo  Mecanismo em que algum elemento produzido pela ação de um hormônio atua sobre a própria glândula produtora do hormônio, inibindo sua atividade de secreção.
  19. 19. FFeeeeddbbaacckk ppoossiittiivvoo  Mecanismo em que algum elemento produzido pela ação de um hormônio atua sobre a própria glândula produtora do hormônio, estimulando sua atividade de secreção. Isso permite que o efeito desse hormônio se intensifique, reforçando o efeito inicial.
  20. 20. Adrenais ou Suprarrenais  Duas glândulas que se localizam sobre os rins  Produzem o hormônio chamado adrenalina. Adrenais
  21. 21. Adrenais  O hormônio adrenalina prepara o corpo para enfrentar situações de perigo e medo.  Em situações de perigo, a adrenalina vai acelerar o batimento cardíaco, aumenta o açúcar no sangue.
  22. 22. Pâncreas  Esta glândula é chamada de mista, pois produz enzimas digestivas e dois hormônios, o glucagon e a insulina.
  23. 23. Pâncreas  Hormônio insulina: ajuda a glicose que está no sangue a entrar nas células onde é utilizada como fonte de energia.
  24. 24. Pâncreas  Hormônio glucagon: quando a glicose está baixa no sangue, ele transforma o açúcar armazenado no fígado em glicose, com isso, a situação se normaliza.
  25. 25. Pâncreas  Diabetes: Quando o pâncreas deixa de produzir ou produz uma quantidade pequena de insulina, a glicose vai se acumular no sangue.
  26. 26. Diabetes
  27. 27. Gônadas (testículos ou ovários)  São glândulas responsáveis pela produção dos hormônios sexuais e gametas. Ovários Testículos
  28. 28. Ovários  Progesterona e estrogênio: hormônios responsáveis pelo aparecimento de pelos no corpo, desenvolvimento dos seios e inicio do ciclo menstrual (prepara o útero para gravidez).
  29. 29. Testículos  Hormônio testosterona = Responsável pela transformação do corpo dos meninos, como o surgimento de pelos, engrossamento da voz e aumento dos músculos.
  30. 30.  Os anabolizantes são hormônios artificiais parecidos com a testosterona. Quando presentes no nosso organismos, levam ao crescimento da massa muscular em poucos meses, mas o seu consumo é muito prejudicial ao organismo.

×